Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 11 de 11
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados
Tipo de estudo
Intervalo de ano de publicação
2.
Rev. bras. odontol ; 62(3/4): 193-196, 2005. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-541740

RESUMO

O objetivo deste trabalho foi avaliar a resistência ao cisalhamento com e sem termociclagem das resinas compostas Concise Ortodôntico e Fill Magic Ortodôntico, bem como os efeitos de termociclagem na adesão. Dentes pré-molares foram divididos em quatro grupos, em dois dos quais foi utilizada a Concise e, nos dois restantes, a Fill Magic. Dois grupos, um de cada resina adesiva foram armazenados em temperatura ambiente por 24h antes do ensaio de cisalhamento. Os dentes foram submetidos à termociclagem por três dias. Os resultados indicaram que a Concise apresenta maior resistência ao cisalhamento independentemente das condições de temperatura e umidade.


Assuntos
Umidade , Teste de Materiais , Resinas Compostas/normas , Resistência ao Cisalhamento , Temperatura
3.
JBD, J. Bras. Dent. Estét. ; 2(7): 226-235, jul.-set. 2003. ilus, tab, CD-ROM
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-851661

RESUMO

Foi realizada avaliação comparativa da espessura de camada híbrida proporcionada por sistemas adesivos atuais sobre a influência de diferentes condições de substrato dentinário (úmido, desidratado e reumidificado), utilizando-se para este estudo 180 terceiros molares humanos, hígidos, seccionados na altura do 1/3 médio da coroa dental. As técnicas adesivas foram aplicadas nos respectivos substratos de acordo com as orientações dos fabricantes e duas camadas, de 1mm cada, de resina composta foram aplicadas sobre a área adesivada. Os fragmentos foram seccionados e preparados para observação em microscopia eletrônica de varredura. Os resultados de espessura da camada híbrida obtida mostraram que os sistemas adesivos total-etch tiveram comportamentos semelhantes em função dos substratos, sendo que em dentina úmida a espessura da camada híbrida encontrada foi maior do que em dentina desidratada e reumidificada, porém os sistemas adesivos self-etch apresentaram diferentes performances, quando comparados aos primeiros, apresentando melhores resultados em dentina reumidificada. Entende-se que as condições de substrato dentinário e os sistemas adesivos apresentaram interação e isso determina que as técnicas adesivas realizadas em dentina previnam o colapso das fibras colágenas, que ocorre pela utilização de ar comprimido como meio de secagem da mesma


Assuntos
Humanos , Adesivos Dentinários/química , Dentina , Permeabilidade da Dentina , Umidade , Técnicas In Vitro , Microscopia Eletrônica de Varredura , Dente Serotino , Resinas Compostas/química , Propriedades de Superfície
4.
RPG rev. pos-grad ; 10(2): 148-155, abr.-jun. 2003. ilus, tab, graf
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-405767

RESUMO

Este trabalho teve a finalidade de avaliar o desempenho do torquímetro manual Dyna Torq DTW de 20 Ncm após um número de vezes de uso e na presença de umidade, com saliva artificial. Todos os torquímetros, sem uso, tiveram seus torques verificados. Em seguida, 9 torquímetros passaram por ciclagem a seco, sem presença de umidade, e outros 9 foram umidificados na ciclagem com saliva artificial. Após as ciclagens a seco e na presença de umidade, o torque de cada um dos torquímetros foi verificado. As análises dos resultados mostraram que os 18 torquímetros testados sem uso não foram capazes de fornecer o torque nominal de 20 Ncm, ficando todos abaixo desse valor. As amostras da ciclagem a seco (250 ciclos) tiveram média de 16,82 Ncm, com variação de 0,39 para menos relação ao valor dos torquímetros novos. Os que passaram pela ciclagem com saliva artificial foram até 1.000 ciclos e tiveram média de 15,65 Ncm, com variação de 1,34 para menos


Assuntos
Prótese Dentária , Torque , Umidade , Saliva Artificial
5.
Rev. Fac. Odontol. Bauru ; 6(1): 53-7, jan.-mar. 1998. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-230049

RESUMO

No presente trabalho comparou-se a resistência adesiva ao cisalhamento das interfaces criadas por cinco sistemas adesivos dentinários: All-Bond 2, One-Step, Primer&Bond 2.1, ProBond e Scotchbond Multi-Purpose com a resina composta fotopolimerizável Z-100, em três condiçöes dentinárias, sendo uma delas com a aplicaçäo de um agente de limpeza cavitária - Cavity Cleanser. Utilizaram-se camadas superficiais dentinárias de 150 incisivos bovinos. A resistência adesiva ao cisalhamento foi medida, após a imersäo dos corpos-de-prova em água desionizada a 37ºC por 24 horas, usando-se uma Máquina de Ensaios Universal. Concluiu-se que para todos os adesivos, com exceçäo do ProBond, melhores resultados foram alcançados quando a dentina estava úmida ou tratada com Cavity Cleanser; e que, ainda nestas condiçöes, o Prime&Bond 2.1 apresentou valores de resistência ao cisalhamento significantemente superiores aos demais


Assuntos
Adesivos Dentinários/análise , Dentina/metabolismo , Materiais Dentários/metabolismo , Adesivos Dentinários/metabolismo , Cimentos Dentários/metabolismo , Resinas Compostas/metabolismo , Umidade/efeitos adversos , Materiais Dentários/análise
6.
Rev. bras. odontol ; 54(1): 22-4, jan.-fev. 1997. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-192959

RESUMO

Foi realizado um estudo in vitro com o objetivo de avaliar se a presença da umidade, proveniente do meio oral, influi em características importantes como resistência à hidrólise e ao cisalhamento de uma resina composta híbrida. Os resultados desta pesquisa demonstraram que näo há diferença estatisticamente significante, quando comparando-se um grupo de resina composta polimerizada em condiçöes isentas de umidade com outro realizado em ambiente úmido. Os autores estabelecem uma discussäo ressaltando que, apesar dos resultados desta pesquisa, o uso do dique de borracha para Dentística deve ser estimulado, visando à confecçäo de restauraçöes em melhores condiçöes de trabalho


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Resinas Compostas , Umidade , Hidrólise , Técnicas In Vitro , Diques de Borracha
7.
Rev. odontol. Univ. Säo Paulo ; 11(supl): 21-6, 1997. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-858547

RESUMO

Este estudo analisou, por meio de teste de tração in vitro, a resistência de união à dentina de 2 sistemas adesivos (SBMP-Plus/3M e Prime & Bond 2.0/Dentsply) que foram utilizados de 3 formas diferentes: 1) secamento com ar após a lavagem do condionamento ácido; 2) re-umedecendo com água destilada após a secagem, e 3) contaminando com saliva fresca após a secagem. Sessenta dentes molares humanos extraídos foram incluídos em resina acrílica incolor, desgastados com lixa de papel até exposição de dentina no sentido longitudinal e divididos em 6 grupos. Sobre esses dentes foram confeccionados cones de resina composta Z-100 (3M) aderidos com os 2 diferentes sistemas adesivos nas 3 condições descritas anteriormente. Os corpos-de-prova foram submetidos a testes de tração numa máquina de ensaios Universal Wolpert a uma velocidade de 0,5 mm/min. Os resultados obtidos foram transformados em MPa de acordo com a área de adesão e submetidos a análise estatística pela ANOVA e teste de Tukey. Os resultados mostraram que os 2 sistemas adesivos não apresentaram diferença estatisticamente significante entre si (p>0,05); os dentes que foram secos (7,31 ± 2,91) apresentaram a menor resistência, à tração e aqueles que foram umedecidos com água destilada (12,74 ± 6,59) apresentaram a maior resistência, sendo a diferença entre eles estatisticamente significante no nível de 1 por cento. Os dentes que foram contaminados com saliva fresca (10,62 ± 4,75) apresentaram um valor intermediário entre os dois anteriores, não sendo este estatisticamente diferente de nenhum dos outros dois tratamentos realizados


Assuntos
Poluição Ambiental , Restauração Dentária Permanente , Adesivos Dentinários , Umidade/efeitos adversos , Saliva , Técnicas In Vitro , Análise Estatística
9.
Rev. odontopediatr ; 3(1): 25-34, jan.-mar. 1994. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-135724

RESUMO

Um estudo clínico foi elaborado para avaliar a influência do método de isolamento do campo operatório sobre a retençäo de um selante oclusal. Os autores concluíram que com a utilizaçäo do isolamento relativo pode-se obter um grau de sucesso comparavel ao que é conseguido através do emprego do isolamento com o dique de borracha, desde que se evite a contaminaçäo da superfície dental com umidade durante a aplicaçäo e polimerizaçäo do selante


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Recém-Nascido , Lactente , Pré-Escolar , Criança , Selantes de Fossas e Fissuras/análise , Cavidade Pulpar/cirurgia , Separação Celular , Poluição Ambiental , Umidade/efeitos adversos , Borracha/uso terapêutico , Salivação
10.
RGO (Porto Alegre) ; 41(3): 184-6, maio-jun. 1993. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-854934

RESUMO

Neste trabalho, foi estudado, o pico de temperatura de exotermia de polimerização dos diferentes tipos e marcas comerciais dos restauradores: Alpha Plast (M1), Durafill (M2), Estilux posterior (M3), Miradapt (M4), Prisma Fil (M5) e Alpha Light (M6). Como resultados aqui alcançados, parece lícito concluir que: 1) a reação exotérmica das RC aqui estudadas, é diferente, uma da outra, no que diz respeito, à velocidade, e essa diferença, é sentida também, nas condições, ambiente e no meio bucal, sem isolamento de campo operatório; 2) os picos de calor exotérmico, possivelmente o fim da polimerização, são diferentes, em tempo dispendido, tanto, para as marcas comerciais, como para as condições (ambiente seco e ambiente úmido); 3) o pico de temperatura, de exotermia de polimerização foi maior, nas RC quimicamente polimerizáveis, e quando no meio bucal, sem isolamento de campo operatório


Assuntos
Resinas Compostas/análise , Umidade
11.
Rev. Assoc. Paul. Cir. Dent ; 46(3): 777-80, maio-jun. 1992. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-855482

RESUMO

Os autores, revendo a literatura existente, selecionaram os aspectos de maior importância e atualidade quanto à proteção dos materiais restauradores de contaminação por umidade, sangue e saliva, e analisaram os efeitos deletérios destes agentes contaminantes durante as técnicas restauradores com amálgama de prata e resinas compostas


Assuntos
Resinas Compostas , Cobre , Ligas Dentárias , Amálgama Dentário , Dentística Operatória , Umidade , Zinco
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA