Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 13 de 13
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Tipo de estudo
Intervalo de ano de publicação
1.
São José dos Campos; s.n; 2018. 65 p. il., tab., graf..
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-905285

RESUMO

A papilomatose laríngea (PL) é uma doença rara e grave, dividida em dois grupos: juvenil (PLJ) e adulta (PLA), ambas causadas pelo papilomavírus humano (HPV). Seu curso pode ser agressivo, com inúmeras recidivas, risco de malignização, disseminação pulmonar e obstrução das vias aéreas. Para identificar os casos mais agressivos e nortear os tratamentos foram desenvolvidas escalas laringoscópicas, dentre elas; a escala desenvolvida por Derkay et al. (1998). O objetivo deste projeto foi caracterizar a PL e correlacionar suas características clínico-patológicas com com a escala laringoscópica de Derkay. Os dados e biópsias de 36 pacientes com PLJ e 56 com PLA foram coletados e analisados por meio da microscopia de luz. Os pacientes foram separados em grupos de acordo com os índíces de Derkay: ≥20 para os mais agressivos e <20 para os casos menos agressivos. Foram realizadas reações de imuno-histoquímicas anti- Fator XIIIa, CD3, CD4, CD8, CD15, CD20, CD68, FoxP3 e MUM-1. As células inflamatórias foram quantificadas. Todas as características clínico-patológicas e os resultados da reação imuno-histoquímica encontrados foram comparados entre os grupos propostos através do teste estatístico de Qui-Quadradro e correlacionados através do teste de correlação de Spearman. O nível de significância considerado foi de 5%. Ao comprar a severidade entre os grupos PLJ e PLA, o grupo PLJ foi considerado mais agressivo (P=0,02). Os pacientes entre as amostras com score ≥20 apresentaram maior incidência de traqueostomia e dificuldade respiratória grave. As displasias de alto grau foram associadas à presença de células FatorXIII+ e CD68+ (P<0,05) e tanto para PLJ quanto para PLA não houve associação destas displasias com a severidade (P=0,55 e P=0,87, respectivamente). A média do índice de Derkay para as amostras com mitoses acima da camada basal e atípicas foi 10,65 (± 5,93), maior do que a média das amostras que não apresentavam esta característica (8,02 ± 4,64), sendo estatisticamente significante (P=0,03). Amostras de PLA apresentaram maior quantidade de células CD3+. CD8+ e MUM1+ (P<0,05). A presença de CD15+ é diretamente proporcional ao índice de Derkay (P<0,05), enquanto MUM-1 é inversamente proporcional (P=0,01). Baseados nestes resultados, conclui-se que a PL é mais severa no pacientes jovens; mitoses atípicas e nas camadas mais superiores do epitélio foram mais frequentes na PLJ e estas foram correlacionadas com a maior severidade. As células inflamatórias também foram relacionadas a severidade e diferiram entre os grupos PLJ e PLA (AU)


Laryngeal papillomatosis (LP) is a rare and serious disease, divided into two groups: juvenile (JLP) and adult (ALP), both caused by the human papillomavirus (HPV). Its course can be aggressive, with numerous relapses, risk of malignancy, pulmonary dissemination and airway obstruction. To identify the most aggressive cases and guide the treatments, laryngoscopic scales were developed, among them; the scale developed by Derkay et al. (1998). The objective of this project was to characterize LP and to correlate its clinical-pathological characteristics with Derkay's laryngoscopic scale. The data and biopsies of 36 patients with JLP and 56 patients with ALP were collected and analyzed by light microscopy. The patients were separated into groups according to the Derkay indices: ≥20 for the most aggressive and <20 for the less aggressive cases. Anti-Factor XIIIa, CD3, CD4, CD8, CD15, CD20, CD68, FoxP3 and MUM-1 immunohistochemical reactions were performed and the inflammatory cells were quantified. All the clinical-pathological characteristics and the results of the immunohistochemical reaction were compared between the groups proposed using the Chi-Square test and correlated through the Spearman correlation test. The significance level considered was 5%. When comparing aggressivity between the JLP and ALP groups, the JLP group was considered more aggressive (P = 0.02). Patients among the samples with score ≥20 had a higher incidence of tracheostomy and severe respiratory distress. High-grade dysplasias were associated with the presence of Factor XIII+ and CD68+ cells (P <0.05), and for both JLP and ALP there was no association of these dysplasias with aggressivity (P = 0.55 and P = 0.87, respectively). The mean of the Derkay index for the samples with mitoses above the basal and atypical layer was 10.65 (± 5.93), higher than the mean of the samples that did not show this characteristic (8.02 ± 4.64), (P = 0.03) being statistically significant. The ALP samples showed higher quantities of CD3+ cells, CD8+ and MUM1+ (P <0.05). The presence of CD15+ is directly proportional to the Derkay index (P <0.05), while MUM-1 is inversely proportional (P = 0.01). Based on these results, it is concluded that LP is more aggressive in young patients; atypical mitoses and in the uppermost layers of the epithelium were more frequent in JLP and these were correlated with aggressivity. Inflammatory cells were also related to aggressiveness and differed between the groups PLJ e PLA (AU)


Assuntos
Humanos , Papillomaviridae , Alergia e Imunologia , Alergia e Imunologia/classificação , Epidemiologia/classificação , Papiloma/complicações
2.
São Paulo; s.n; 2014. 93 p. ilus, tab. (BR).
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-763787

RESUMO

Indivíduos com Deficiência Isolada do Hormônio do Crescimento (IGHD), homozigotos para a mutação c.57+1G>A no gene do receptor do hormônio liberador do hormônio de crescimento (GHRH), apresentam maior chance de apresentarem perda de inserção periodontal devido a possível efeito direto da IGHD sobre os tecidos periodontais e/ou a repercussões locais ou sistêmicas da IGHD sobre a resposta imune. Este estudo teve como objetivos avaliar as repercussões locais e sistêmicas da IGHD sobre a resposta imune e comparar os níveis dos patógenos periodontais. Material e Métodos: Foi composto por uma amostra de 19 indivíduos com IGHD e 19 indivíduos no grupo controle, pareados por idade, gênero, condição sócio-econômica, tabagismo e diabetes. Todos foram submetidos a exame periodontal completo, em 6 sítios por dente, e entrevistados por meio de um questionário estruturado. Foi realizada coleta de biofilme subgengival (em sítios rasos e profundos, pareados pela PCS) para verificar os níveis dos microorganismos. Além disso, foram realizadas coletas do fluido gengival (dos mesmos sítios) e do sangue, de ambos os grupos, com a finalidade de analisar o perfil das citocinas inflamatórias. Resultados: Indivíduos com IGHD apresentaram maior quantidade de MMP-8 e CRP (p=0,026 e 0,002) no fluido gengival coletado dos sítios profundos, maior quantidade de IL-17 (p=0,02) no soro e mesmos níveis dos patógenos periodontais, em comparação com os controles (p>0,05). Conclusões: Mesmo com um perfil microbiológico semelhante, indivíduos com a IGHD apresentam alterações imunológicas moderadas (aumento de Interleucina 17 no soro e de metaloproteinase-8 e Proteína C-Reativa no fluido gengival coletado de sítios profundos), comparados aos controles.


Isolated Growth Hormone Deficiency (IGHD) subjects, homozygous to a mutation c.57+1G>A in the growth hormone releasing hormone receptor (GHRHR) gene, have a greater chance of having periodontal attachment loss (PAL) due to a possible direct effect of IGHD on the periodontal tissues and/or locals and systemic effects of IGHD on immune response. This aims of this study was evaluate local and systemic effects of IGHD on immune response and compare periodontal pathogens levels. Material and Methods: The sample was composed of 19 IGHD individuals and 19 controls, matched by age, gender, socio-economic condition, smoking and diabetes. Participants were submitted to a clinical full-mouth periodontal examination of six sites per tooth and were interviewed using a structured questionnaire. Subgingival biofilm was collected (in shallow and deep sites matched by probing clinical depth) to check the periodontal pathogens levels. Futhermore, gingival crevicular fluid (same sites) and blood samples were also collected from both groups to analyze inflammatory cytokines profile. Results: IGHD subjects had significantly higher amounts of MMP-8 and CRP (p= 0.026 e 0.002) in the gingival crevicular fluid collected from deep sites, higher amounts of IL-17 (p=0.02) in serum, and same levels of periodontal pathogens, compairing to the control group (p>0.05). Conclusions: Despite the same microorganism profile, IGHD subjects had moderate immunological alterations (increased serum Interleukin 17 and metalloproteinase 8 and C - reactive protein in deep sites gingival fluid), comparing to controls.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Alergia e Imunologia , Hormônio do Crescimento/uso terapêutico , Microbiologia , Nanismo/diagnóstico , Periodontite/classificação , Periodontite/complicações , Periodontite/diagnóstico
3.
Rev. Fac. Odontol. Porto Alegre ; 51(1): 39-41, jan.-abr. 2010. tab, ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-719570

RESUMO

O líquen plano oral (LPO) é uma doença mucocutânea inflamatória crônica relacionada com alterações na imunidade mediada por células T. Diversos medicamentos têm sido utilizados no tratamento desta doença, especialmente nas formas erosivas e ulcerativas, com resultados variados. O objetivo deste trabalho é descrever e discutir um caso clínico de líquen plano oral erosivo tratado com corticóide sistêmico que resultou em Síndrome de Cushing, que se manteve com o uso de corticóide tópico.


Oral lichen planus (OLP) is a chronic mucocutaneous inflammatory disease involving T cells-mediated immunity. Several drugs have been used to treat OLP, specially the erosive and ulcerative forms, with varying results. The aim of this paper was to describe and discuss one clinical case of erosive oral lichen planus treated with systemic corticosteroids that resulted in Cushing´s syndrome that maintained with topical corticosteroid.


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Corticosteroides , Alergia e Imunologia , Líquen Plano Bucal/complicações , Síndrome de Cushing/etiologia
4.
Periodontia ; 19(3): 73-79, 2009.
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-587914

RESUMO

As doenças periodontais resultam da resposta inflamatória às bactérias do biofilme dental que ativam o sistema imunológico do paciente, determinando o resultado final da doença. O presente trabalho se propõe a realizar uma retrospectiva da literatura científica sobre a população celular e os mediadores químicos endógenos que participam no desenvolvimento das gengivites e periodontites associadas ao biofilme dental. Em todas as fases da doença periodontal encontram-se neutrófilos, macrófagos, linfócitosT, linfócitos B e plasmócitos compondo o infiltrado inflamatório, com produção e liberação de mediadores como IL-1,IL-6, IL-8 e TNF-α. Na gengivite estabelecida não se encontra destruição óssea, enquanto na lesão periodontal, além de reabsorção óssea, há tecido conjuntivo com características inflamatórias semelhantes à lesão estabelecida, porém com intensa população de plasmócitos. IL-1 eTNF-α são mediadores de efeito sinérgico e estão envolvidos no processo de reabsorção óssea da periodontite. Sugere-se que nas lesões periodontais estáveis predominamos linfócitos T e nas lesões em progressão os linfócitos B e plasmócitos maduros. O conhecimento das células e mediadores que participam da patogênese da doença periodontal se faz importante para que possamos chegar a métodos terapêuticos mais específicos.


The periodontal diseases results from the inflammatory response to bacteria in the dental biofilm, who active de immunology system, establishing the final result of the disease. This presents review propose to realize a etrospection of the scientific literature about the cellular population and the chemical mediating endogenous that participate to the development of the gingivitis and riodontits associated with the dental biofilm. In all phasesof the periodontal disease are met neutrophils, macrophages, cells-T, cells-B and plasma cells in the inflammatory infiltrate with production and release of IL-1, IL-6, IL-8 and TNF-α. In the established gingivitis have not bone destruction, while in the periodontal lesion shows resorption bone and connective tissue with inflammation characteristics analogous of the established lesion, but there are a intense population of plasma cells. IL-1 and TNF-α are mediating that produced synergistic effects involved in the periodontal bone resorption in the periodontitis. It is suggested that in the stable periodontal lesions predominate the lymphocytes T and in the lesions in progression predominate the lymphocytes B and mature plasma cells. The knowledge of the cells and mediating that participated in the pathogenesis of the periodontal disease is very important. So that we can arriveto the therapy methods more specific.


Assuntos
Alergia e Imunologia , Gengivite , Inflamação , Periodontite
5.
RPG rev. pos-grad ; 14(3): 267-270, jul.-set. 2007. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-529461

RESUMO

A tuberculose é uma doença infecto-contagiosa que atinge primariamente os pulmões. Uma das principais manifestações extrapulmonares da tuberculose é a escrófula. O presente trabalho relata o caso de uma paciente portadora de uma infecção causada pelo Mycobacterium tuberculosis, cuja maniufestação ocorreu sob a forma de escrófula. Na anamnese, constatou-se contato intenso e prolongado com outra paciente que foi a óbito por tuberculose. Clinicamente, observava-se um nódulo de 3 cm liso, móvel, endurecido, bem delimitado, indolor e localizado na região submandibular esquerda com seis meses de evolução. O hemograma apresentou valores normais e a sorologia para o HIV foi negativa. O nódulo foi biopsiado e os achados histopatológicos determinaram o diagnóstico de linfadenite crônica granulomatosa tuberculosa. A história psicossocial da paciente foi relevante no diagnóstico diferencial, mas o diagnóstico definitivo dependeu do teste de Mantoux e da biópsia excisional do nódulo cervical.


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Alergia e Imunologia , Diagnóstico Clínico , Tuberculose dos Linfonodos , Linfadenite , Anamnese
8.
RPG, Rev. Pós-Grad ; 9(4): 364-368, out.-dez. 2002. graf, CD-ROM
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-855293

RESUMO

O objetivo deste estudo foi analisar anticorpos IgG para colágenos tipos I, II, IV e laminina, presentes em indivíduos clinicamente saudáveis e em pacientes com periodontite crônica. Detectaram-se os anticorpos por ELISA, em amostras do fluido gengival, coletados com cones de papel absorvente, comumente usados em endodontia. Os resultados mostraram níveis significativamente maiores desses anticorpos em sítios doentes do que em sítios saudáveis (p < 0,01 por cento). As maiores reatividades foram observadas para laminina e colágeno tipo IV, que poderiam ser sugeridos como marcadores de doença periodontal


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Alergia e Imunologia , Química
10.
Pediatr. dent ; 20(3): 169-72, May-Jun. 1998. tab
Artigo em Inglês | BBO - Odontologia | ID: biblio-853343

RESUMO

The aim of this study was to determine gingival health and caries levels in HIV-infected children. The modified gingival index (GI) of 43 HIV+ children of both sexes, aged between 2 and 12 years, was measured and correlated with the DMFT/dmf. The children's immunodeficiency level was also established by means of the CD4:CD8 ratio. Pearson's product-moment correlation coefficient and the Mann-Whitney U test were used...


Assuntos
Masculino , Feminino , Pré-Escolar , Criança , Cárie Dentária/epidemiologia , Gengiva/patologia , Soropositividade para HIV , Alergia e Imunologia , Incidência
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA