Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 38
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados
Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. Cient. CRO-RJ (Online) ; 3(1): 29-35, Jan.-Apr. 2018.
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1021154

RESUMO

Introduction: It is known that the municipality of Baía da Traição, Brazil, has a system for fluoridation of the water supply. Objective: To evaluate the fluoride concentration (F-) of the public water supply in the city of Baía da Traição-PB. Methods: Public water samples were collected in 13 sites, being one in the urban zone (downtown) and 12 in the rural zone (indigenous villages). In each site, three distinct collection points were selected for convenience between November 2015 and January 2016. The analysis was performed in duplicate using a fluoride ion- specific electrode coupled to a potentiometer, previously calibrated. The samples (750 µL) were added to 750 µL of TISAB II solution, considered on a calibration curve with concentrations of 0.2 to 1 mg/L. Results: In November, December and January, respectively, concentrations of F- in the downtown area were 0.32, 0.11 and 0.09 mg/L, while the average concentrations in the indigenous villages were 0.08 (± 0.02), 0.08 (± 0.03) and 0.07 (± 0.02) mg/L. All samples had concentrations below the recommended levels (<0.60 mg/L) by the Ministry of Health for the anticaries benefit. Conclusion: The public water supply of Baía da Traição presented concentrations of F- insufficient to prevent dental caries at the population level.


Introdução: É sabido que o município de Baía da Traição possuía sistema de fluoretação de águas de abastecimento. Objetivo: Avaliar a concentração de fluoreto (F-) na água de abastecimento público do município de Baía da Traição-PB. Métodos: Amostras de água de abastecimento público foram coletadas em 13 locais, sendo um na zona urbana (Centro) e 12 distribuídas na zona rural (aldeias indígenas). Para cada local, três pontos de coleta distintos foram selecionados por conveniência entre novembro de 2015 e janeiro de 2016. A análise foi realizada em duplicata, utilizando-se um eletrodo íon-específico para fluoreto acoplado a um potenciômetro, previamente calibrados. As amostras (750 µL) foram adicionadas a 750 µL de solução TISAB II, consideradas a uma curva de calibração com concentrações de 0,2 a 1 mg/L. Resultados: Em novembro, dezembro e janeiro, respectivamente, as concentrações de F- no Centro foram 0,32, 0,11 e 0,09 mg/L, e a média das aldeias indígenas, 0,08 (±0,02), 0,08 (±0,03) e 0,07 (±0,02) mg/L. Todas as amostras apresentaram concentrações abaixo do recomendado (<0,60 mg/L) pelo Ministério da Saúde para o benefício anticárie. Conclusão: Portanto, as águas de abastecimento público de Baía da Traição apresentaram concentrações de F- insuficientes para prevenir a cárie dentária em nível populacional.


Assuntos
Abastecimento de Água , Fluoretação , Controle da Qualidade da Água , Grupos Populacionais , Vigilância em Saúde Pública , Fluoretos
2.
Araçatuba; s.n; 2017. 62 p. tab, ilus.
Tese em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-880240

RESUMO

Quanto ao uso do flúor na odontologia, a fluoretação das águas de abastecimento público se constitui o método de maior abrangência, além de possuir um baixo custo e ser seguro, porém a análise periódica dos níveis do íon se faz necessária para que se obtenha o máximo benefício na prevenção de cárie e risco mínimo no desenvolvimento de fluorose dentária. O objetivo deste estudo foi analisar o processo de desenvolvimento e as características de um programa em atividade ininterrupta há mais de 11 anos, que realiza o monitoramento do nível de flúor nas águas de abastecimento público, enfatizando a metodologia utilizada na pesquisa; os serviços prestados para as cidades e as especificidades das redes de distribuição de água; produtos gerados com a implementação do projeto; os principais resultados obtidos em seu curso; e sua importância em favor da saúde pública; analisar e comparar a concentração de flúor nas águas de abastecimento público nos períodos de chuva e seca, em fontes de captação de uma localidade onde o íon é natural, no intervalo de 5 anos (2010-2014). Para o desenvolvimento do primeiro capítulo, foram feitas análises documentais e de relatórios do banco de dados do projeto e os resultados das amostras de água. Foi realizado um levantamento das produções intelectuais que o projeto gerou, a análise dos mapas de redes de distribuição de água das 40 cidades do noroeste do estado de São Paulo incluídas no projeto, e apresentação da metodologia de pesquisa. As atividades desenvolvidas no projeto foram descritas com detalhes quanto aos principais aspectos metodológicos, tais como: a forma de estabelecimento de pontos de coleta das amostras; a metodologia laboratorial utilizada para a análise de amostras de água; a experiência extensionista que o projeto oferece a todas as partes envolvidas; os resultados de 11 anos de análise das amostras; os benefícios gerados para os gestores de saúde e os responsáveis pelo tratamento de água; entre outras considerações sobre as cidades. A metodologia adotada pelo projeto permite a identificação de áreas onde a população pode estar exposta a altas concentrações de flúor. De novembro de 2004 a dezembro de 2015, 50,98% das amostras de água de todas as cidades estavam dentro dos parâmetros ideais. Na metodologia do segundo capítulo, a coleta de água (n=2130 amostras) foi feita em pontos previamente estabelecidos de acordo com o número e localização das fontes de captação de água do município de Birigui-SP. As análises foram executadas com um analisador de íons acoplado a um eletrodo específico para flúor. 81,03% das amostras dos poços profundos estavam acima dos teores de flúor recomendados, não estando então na classificação que ofereça o máximo benefício e risco mínimo. Os valores referentes à média, desvio padrão e valores máximos e mínimos foram semelhantes nos dois poços profundos onde o flúor contido é natural. Não houve diferenças estatisticamente significativas nos teores do íon flúor das águas provenientes de poços profundos na comparação dos períodos de chuva e seca(AU)


Regarding the use of fluoride in dentistry, the fluoridation of public water supply is the most comprehensive method, besides having a low cost and being safe, however, the periodic analysis of the ion levels is necessary in order to obtain the maximum Benefit in the prevention of caries and minimal risk in the development of dental fluorosis. The objective of this study was to analyze the development process and the characteristics of a program in uninterrupted activity for more than 11 years, which performs the monitoring of the fluoride level in the public water supply, emphasizing the methodology used in the research; The services provided to cities and the specificities of water distribution networks; Products generated with the implementation of the project; The main results obtained in its course; And its importance in favor of public health; To analyze and compare the concentration of fluoride in the public water supply in the rainy and dry periods, in sources of capture of a locality where the ion is natural, in the interval of 5 years (2010-2014). For the development of the first chapter, documentary and report analyzes of the project database and the results of the water samples were made. It was carried out a survey of the intellectual productions that the project generated, the analysis of the maps of water distribution networks of the 40 cities of the northwest of the state of São Paulo included in the project, and presentation of the research methodology. The activities developed in the project were described in detail with regard to the main methodological aspects, such as: the way of establishing sampling points; The laboratory methodology used for the analysis of water samples; The extensionist experience that the project offers to all parties involved; The results of 11 years of sample analysis; The benefits generated for health managers and those responsible for water treatment; Among other considerations on the cities. The methodology adopted by the project allows the identification of areas where the population may be exposed to high concentrations of fluoride. From November 2004 to December 2015, 50.98% of the water samples from all cities were within the ideal parameters. In the methodology of the second chapter, the water collection (n = 2130 samples) was done in points previously established according to the number and location of the sources of water abstraction of the municipality of Birigui-SP. The analyzes were performed with an ion analyzer coupled to a fluorine-specific electrode. 81.03% of the samples from the deep wells were above the recommended fluorine levels, and were not in the classification that offered the maximum benefit and minimum risk. Values for mean, standard deviation and maximum and minimum values were similar in the two deep wells where the contained fluorine is natural. There were no statistically significant differences in the fluorine ion contents of the water coming from deep wells in the comparison of rainy and dry periods(AU)


Assuntos
Fluoretação , Abastecimento de Água , Flúor , Saúde Bucal , Vigilância em Saúde Pública
3.
Rev. Ciênc. Plur ; 2(2): 3-13, 2016. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-848961

RESUMO

Introdução: Quanto ao uso do flúor na odontologia, a fluoretação das águas de abastecimento público se constitui o método de maior abrangência, além de possuir um baixo custo e ser seguro, porém a análise periódica dos níveis do íon se faz necessária para que se obtenha o máximo benefício na prevenção de cárie e risco mínimo no desenvolvimento de fluorose dentária. Objetivo: analisar e comparar a concentração de flúor nas águas de abastecimento público nos períodos de chuva e seca, em fontes de captação onde o íon é natural, no intervalo de 5 anos (2010-2014). Métodos: a coleta de água (n=2130 amostras) foi feita em pontos previamente estabelecidos de acordo com o número e localização das fontes de captação de água do município de Birigui-SP. As análises foram executadas com um analisador de íons acoplado a um eletrodo específico para flúor. A análise dos dados foi feita por estatística descritiva e utilizando-se o teste de Wilcoxon para a comparação entre os períodos de chuva e seca. Resultados: 81,03% das amostras dos poços profundos estavam acima dos teores de flúor recomendados, não estando então na classificação que ofereça o máximo benefício e risco mínimo. Os valores referentes à média, desvio padrão e valores máximos e mínimos foram semelhantes nos dois poços profundos onde o flúor contido é natural. Conclusões: Não houve diferenças estatisticamente significativas nos teores do íon flúor das águas provenientes de poços profundos na comparação dos períodos de chuva e seca (AU).


Introduction: Regarding the use of fluoride in dentistry, the water fluoridation is the method more comprehensive, have a low cost and safe, but the periodic analysis of the ion levels is necessary in order to obtain the maximum benefit in the prevention of caries and minimum risk in the development of fluorosis. Objective: To analyze and compare the concentration of fluoride in public water supplies in periods of rain and drought in funding sources where the ion is natural, in the range of 5 years (2010-2014). Methods: the water collection (n=2130) was made in pre-established points according to the number and location of water sources of Birigui city. The analyzes were performed with an ion analyzer coupled to a specific electrode for fluoride. Data analysis was done by descriptive statistics and using the Wilcoxon test for the comparison between the periods of rain and drought. Results: 81.03% of samples from deep wells were above the recommended fluoride levels, then not being in the classification that provides maximum benefit and minimum risk. The values for the mean, standard deviation and maximum and minimum values were similar in both deep wells where the fluoride contained is natural. Conclusions: There were no statistically significant differences in the fluoride content of water from deep wells in the comparison of periods of rain and drought (AU).


Assuntos
Cárie Dentária/prevenção & controle , Flúor/uso terapêutico , Abastecimento de Água , Brasil , Saúde Pública
5.
Rev. Odontol. Araçatuba (Online) ; 33(1): 54-60, jan.-jun. 2012. map, tab, graf
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-856932

RESUMO

A Fluoretaçãodas águas de abastecimento público é um dos mais importantes avanços para a saúde pública do século XX, tratando-se de um método preventivo de amplo alcance populacional e eficaz no controle da cárie dentária. O município de Araçatuba iniciou a fluoretação das águas em 1972 e, de acordo com a média das temperaturas máximas diárias do ar, para alcançar a melhor combinação risco-benefício deve manter o teor de fluoreto entre 0,55 a 0,84 mgF/L. O objetivo deste estudo foi analisar, mensalmente, os teores de fluoreto nas águas de abastecimento público, no município de Araçatuba, SP, durante 90 meses. As amostras foram coletadas mensalmente, no período de novembro de 2004 a abril de 2012, em pontos previamente estabelecidos e analisadas, em duplicata, no laboratório do Núcleo de Pesquisa em Saúde de Coletiva do Programa de Pós-Graduação em Odontologia Preventiva e Social (NEPESCO) da Faculdade de Odontologia de Araçatuba - Unesp, utilizando-se um analisador de íons acoplado a um eletrodo específico para flúor. Do total das amostras (n=754), verificou-se que 67,2% apresentaram teores de fluoreto que oferecem a melhor combinação risco-benefício; 10,7% benefício mínimo e risco baixo; 17,6% benefício máximo e risco moderado; 3,8% com benefício e risco insignificantes; e somente 0,5% com risco muito alto. Observou-se que todos os pontos de coleta apresentaram a maioria das amostras com teores de flúor que oferecem o benefício máximo, demonstrando a importância da vigilância e monitoramento constantes para garantir o controle dos teores de flúor presentes na água de abastecimento público


Fluoridation of public water supplies is one of the most important public health advances on Public Health in the twentieth century, because is a measure of wide populational coverage, effective in control of dental caries. Araçatuba city started the water fluoridation in 1972 and according to the average of the annual highest temperature had to keep the fluoride levels between 0.55 to 0.84 mgF/L. The purpose of this study was to analyze, monthly, the fluoride concentration on public water supply in the city of Araçatuba, São Paulo, Brazil, during 90 months. The water samples were collected monthly, between November 2004 and April 2012, on pre-established sites and analyzed, in duplicate, at the Laboratory of Research Nucleus for Public Health (NEPESCO) of the Public Health Graduate Program from, Araçatuba School of Dentistry - UNESP, using an ion analyzer attached to an electrode specific to fluoride. Of the total sample (n = 754), it was found that 67.2% had fluoride levels that offer the best combination of risk benefit, 10.7% minimum benefit and low risk, 17.6% moderate risk and maximum benefit , 3.8% with insignificant benefit and risk, and only 0.5% with very high risk. It was observed that all collection sites showed most samples with fluoride levels that provide the maximum benefit, demonstrating the importance of vigilance and constant monitoring to ensure control of fluoride levels present in public water supplies


Assuntos
Cárie Dentária/prevenção & controle , Fluoretação , Flúor , Abastecimento de Água
6.
Perionews ; 5(5): 546-552, set. 2011. ilus, graf
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-686345

RESUMO

A fluoretação da água de abastecimento público foi reconhecida pela Organização Mundial da Saúde como uma das dez mais relevantes medidas de saúde pública no século passado. O acesso à água tratada e fluoretada é fundamental para as condições de saúde da população. Para se assegurar a manutenção dos níveis adequados de flúor na água, além do controle operacional, deve-se realizar o heterocontrole. O presente trabalho teve como objetivo realizar uma revisão da literatura dos estudos de heterocontrole e demonstrar resultados de experiências municipais no exercício desta prática de vigilância


Assuntos
Cárie Dentária/prevenção & controle , Fluoretação , Halogenação , Vigilância Sanitária , Microbiologia da Água , Monitoramento da Água , Abastecimento de Água
7.
São Paulo; s.n; 2011. 131 p. ilus, tab, graf. (BR).
Tese em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-865995

RESUMO

A fluoretação da água de abastecimento público tem-se mostrado como uma das medidas de saúde pública de maior alcance social, atingindo todas as idades, todas as classes sociais indistintamente e com a melhor relação custo-benefício. O objetivo deste trabalho foi o de verificar os teores de flúor da água de abastecimento público do município de Cananéia-SP, no período de um ano (2010-2011). Estabeleceu-se um protocolo de coletas mensais de amostras de água. As amostras foram coletadas em nove setores da zona urbana abrangendo três bairros e três setores da zona rural. A análise das amostras foi realizada em duplicata para cada amostra, utilizando-se o método do eletrodo específico para o íon flúor combinado (Orion 96-09) acoplado ao potenciômetro analisador de íons (EA-940), onde acusa a diferença de potencial entre as soluções de dentro do eletrodo e a solução que está sendo analisada.


Foram realizadas 90 coletas de amostras de água, da zona urbana e zona rural. Nas 62 amostras da zona urbana identificou-se em 69,4% (43) a concentração de fluoretos estava em níveis aceitáveis (0,60 a 0,80 mgF/L), das 19 amostras consideradas inaceitáveis 17,0% (10) estavam com os teores acima do máximo permitido (> 0,80 mgF/L) e 15,2% (9), abaixo do recomendado (< 0,60 mgF/L). A zona rural considerando-se somente regiões onde o consumo de água tratada, das 14 amostras coletadas 57,1% (8) apresentou teores aceitáveis, 35,7% (5) apresentou resultados dos teores abaixo do estabelecido e 7,2% (1), o teor ficou acima. Na zona rural parte da população consome água proveniente da cachoeira sem tratamento e os teores de flúor presente nestas águas são inferiores a 0,05 mgF/L; como ficou demonstrado no resultado das análises das 14 amostras coletadas. Tendo em vista os resultados encontrados faz-se necessário o controle contínuo dos teores de flúor presente nestas águas garantindo assim a qualidade da água fornecida para a população com teores adequados de flúor, visando à prevenção da cárie dentária de maneira efetiva sem riscos de fluorose dentária.


Fluoridation of public water supplies has been shown as one of public health measures for greater social impact, reaching all ages, all social classes indiscriminately and with the best cost-effective relation. The objective of this study was to determine the levels of fluoride in public water supplies in the city Cananéia (State of Sao Paulo, Brazil) in one year (2010-2011). A protocol for collecting monthly water samples was established. Samples were collected in nine sectors of the urban area covering three districts and three rural sectors. Sample analysis was performed in duplicate for each sample, using the method of ion-selective electrode for combined fluoride (Orion 96-09) linked to a potentiometer ion analyzer (EA-940), which accuses the potential difference between solutions within the electrode and the solution being analyzed. Ninety (90) samples of water were collected from urban and rural areas.


From 62 samples of the urban area, the concentration of fluoride at acceptable levels (0.60 to 0.80 mgF / L), was identified in 69.4% (43) ; from 19 samples at level considered unacceptable, 17.0% (10) presented levels above the maximum allowed (> 0.80 mgF / L) and 15.2% (9) present levels at a level lower than recommended (< 0.60 mgF / L). In the rural zone and only considering regions where treated water was consumed, from 14 samples collected, eight (8) 57.1% had acceptable levels, five (5) 35.7% had results below the levels established and one (1) 7.2 % was above the content. In rural areas most people get water without treatment and that this region of the 14 samples collected values of fluoride were found below 0.05 mgF / L. Given the findings it is necessary to keep continuous control of adequate fluoride levels in order to ensure the quality of water supplied to the population aiming the prevention of dental caries in an effective manner without risk of dental fluorosis.


Assuntos
Cárie Dentária/diagnóstico , Flúor/uso terapêutico , Fluorose Dentária/diagnóstico , Halogenação , Abastecimento de Água , Odontologia Preventiva/educação
8.
Rev. flum. odontol ; 16(33): 34-39, jan.-jun. 2010. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-589637

RESUMO

O objetivo do estudo foi realizar o heterocontrole da fluoretação da água de abastecimento público em Niterói, no período de novembro de 2008 a março de 2009. Foram definidos 11 locais para a coleta das amostras de água de acordo com a divisão administrativa de Niterói, incluindo Unidades Básicas de Saúde, Policlínicas e Programas Médicos de Família da Rede Física de Saúde. As coletas mensais foram triplicadas totalizando 165 análises, coletadas diretamente das torneiras e analisadas no Laboratório de Química Analítica da UFF, pelo método eletrométrico, com um eletrodo íon-seletivo para fluoreto. A média do teor de flúor encontrado foi considerado ótimo ( 0,8 mg/L F-) com oscilações de 0,48 e 0,95 mg/ F-. Observou-se variabilidade e descontinuidade na concentração de flúor aplicada na Estação de Tratamento e que chega às torneiras dos bairros em que é disponibilizada para a população. Reitera-se a importância da inclusão do monitoramento da fluoretação nas águas de abastecimento público de Niterói na política de vigilância sanitária, que não dispõe atualmente desse processo.


The aim of the study was to perform an external control over the fluoridation of the public water supply in Niterói, from the period of November 2008 to March 2009. Eleven locations were defined for the collection of the water samples, according to the administrative division of Niterói, including Basic Health Units, Policlinics and Family Doctor Programs. The monthly collections were tripled giving a total of 165 analyses, collected right from the taps and analyzed in the Laboratory of Analytical Chemistry of UFF, by means of the electrometer method, using an ion-selective electrode for fluoride. The average content of fluorine found was considered as optimum (0,8 mg/L F-) with oscillations of 0,48 and 0,95 mg/L F-. It was observed variability and discontinuity in the fluoride concentration applied in the water supply that arrives at the taps, where it is available for the population. This study reiterates the importance of the inclusion of an external control over the fluoridation of the public water supply in Niterói in the health policy, which not currently has this process.


Assuntos
Fluoretação , Microbiologia da Água , Abastecimento de Água
9.
Belo Horizonte; s.n; 2010. 29 p. ilus.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-715946

RESUMO

A incorporação do flúor na água de abastecimento de muitas cidades brasileiras tem se mostrado um método realmente eficaz para controle da cárie dentária. O custo é baixo e é um método seguro, apresentando risco previsível e controlável, em relação à fluorose dental ou qualquer intoxicação, quando utilizada a dose adequada...


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Criança , Cárie Dentária/epidemiologia , Flúor/administração & dosagem , Fluoretação/efeitos adversos , Fluorose Dentária/epidemiologia , Abastecimento de Água/análise
11.
RFO UPF ; 12(3): 24-28, set.-dez. 2007. graf, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-873356

RESUMO

A fluoretação da água de abastecimento público é a medida de maior abrangência na prevenção da cárie, devendo estar em níveis constantes e dentro de padrões ótimos, de acordo com a temperatura do locaç analisado. O objetivo deste estudo foi realizar o heterocontrole do flúor nas águas de abastecimento público de Piracicaba - SP, bem como verificar a possível correlação entre a concentração de flúor e a temperatura local do município. Agentes de saúde treinados coletaram amostras mensais de água (5 ml) durante dois anos (abr./4 a fev./6), em 35 pré-escolas representativas do município. As dosagens de fluoreto foram feitas no laboratório de Bioquímica da FOP/Unicamp, com um analisador de íons acoplado a um eletrodo de flúor previamente treinado. Piracicaba tem temperatura máxima de 37,5 °C e mínima de 18 ºC (Ciagri - usp) e, para análise comparativa, consideraram-se as concentrações de fluoreto dos meses mais quentes (dez./fev.) e dos meses mais frios (jun./jul.), por meio do teste de Mann Whitney, ao nível de dignificância de 5 por cento. Do total de 630 amostras, 77 (12,2 por cento) estavam acima de 0,8 ppmf E 18 (2,86 por cento), abaixo de 0,6 ppmF; a maioria das amostras estava dentro dos padrões considerados ótimos (6,6-0,8 ppmF). A média em ppmF nos meses mais frios foi de 0,73 ppmF e, nos meses mais quentes, de 0,71 ppmF, sem diferença estatística significativa (p = 0,3544). As amostras analisadas estavam dentro das faixas adequadas de fluoreto pela temperatura local, pois, entre 17,8 e 21,4 °C, os teores aceitáveis de fluoreto são 0,7 a 1,2 ppmF e, nas temperaturas acima de 32,5 ºC, os níveis adequados de fluoreto são de 0,6 a 0,8 ppmF. As águas de abastecimento público de Piracicaba estão fluoretadas dentro dos padrões ótimos, não apresentando variação de concentração em função da temperatura.


Assuntos
Abastecimento de Água , Halogenação , Flúor , Temperatura
12.
J. appl. oral sci ; 14(5): 365-370, Sept.-Oct. 2006. tab
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-873299

RESUMO

OBJETIVO: Analisar a concentração de fluoreto da água de abastecimento público do setor abastecido pela Estação de Tratamento de Agua de Bauru e classificar as amostras em aceitáveis ou inaceitáveis de acordo com a concentração de flúor. MATERIAL E MÉTODOS: Foram coletadas 238 amostras de 30 bairros em duas etapas, Outubro de 2002 e Março de 2003. A concentração de fluoreto presente nas amostras foi determinada em duplicata, utilizando-se o eletrodo íon sensível (Orion 9609), acoplado ao potenciômetro (Procyon, modelo 720). As amostras com concentração de flúor variando entre 0,55 e 0,84 mg F/L foram consideradas como aceitáveis e aquelas cuja concentração estava fora do intervalo, como inaceitáveis. Os dados foram analisados por meio de estatística descritiva. RESULTADOS: A concentração de fluoreto das amostras de água variou entre 0,31 e 2,01 mg F/L, sendo que cerca de 56 por cento das amostras foram classificadas como aceitáveis. CONCLUSÃO: A variação na concentração de fluoreto do setor abastecido pela ETA reforça a importância de um monitoramento constante da fluoretação para a manutenção dos níveis adequados de fluoreto na água de abastecimento.


Assuntos
Flúor/análise , Halogenação , Saúde Bucal , Abastecimento de Água , Cárie Dentária/prevenção & controle
13.
J. appl. oral sci ; 14(5): 346-350, Sept.-Oct. 2006. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-873302

RESUMO

Municípios de pequeno e médio porte podem ter dificuldades em realizar o controle da adição de flúor nas águas de abastecimento público em função da falta de infra-estrutura laboratorial e técnica. Este estudo realizou análises do teor de flúor das águas de abastecimento de 40 municípios situados na região noroeste do estado de São Paulo, durante 6 meses, para verificar se a adição ocorre de forma contínua e se os teores adicionados encontram-se dentro dos parâmetros recomendados. Mapas com a rede de distribuição de água dos municípios foram solicitados e utilizados para definir as regiões de coleta e sortear os endereços dos pontos, de forma que abrangessem todas as fontes de água tratada. Uma amostra de água de cada ponto foi coletada por mês e analisada em duplicata pelo método íon-eletrodo específico. Amostras com 0,6 a 0,8 mg F/L foram consideradas aceitáveis. Nos 38 municípios que enviaram as amostras regularmente nos 6 meses de estudo, a água de 144 pontos foi coletada, perfazendo um total de 864 amostras analisadas, das quais 61,81 por cento foram classificadas como inaceitáveis. Constatou-se que 33 destes municípios realizavam a fluoretação, sendo que em 78,79 por cento deles as concentrações de flúor variavam entre os pontos e no mesmo ponto ao longo do período. Pode-se concluir que a maioria destes municípios não mantém controle adequado sobre os níveis de flúor em sua água, pois a adição de flúor ocorre de forma descontínua e na maioria das vezes em teores fora dos parâmetros recomendados.


Assuntos
Flúor/análise , Halogenação , Saúde Bucal , Abastecimento de Água , Cárie Dentária/prevenção & controle
14.
J. appl. oral sci ; 14(5): 346-350, Sept.-Oct. 2006. graf, tab
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-447816

RESUMO

It may be difficult for small and medium cities to obtain information about the fluoride content of public water, because of the lack of equipments and technicians. This study aimed to analyze the fluoride levels of the water supplied by the public treatment stations of 40 cities situated in the northwest region of São Paulo State, during a period of 6 months, to verify if fluoridation occurs in a continuous manner and if the fluoride levels are within the recommended. Maps of the water distribution system were obtained from the water treatment companies and utilized to randomize the addresses of the collection sites, so that they included all regions with treated water sources. One water sample by month was collected and analyzed in duplicate using an ion-specific-electrode. Samples with 0.6 to 0.8 mgF/L were considered acceptable. In the 38 cities that regularly provided the samples in the 6 months of the study, water from 144 collection sites was collected and a total of 864 samples were analyzed, of which 61.81 percent were classified as unacceptable. It was observed that 33 cities performed fluoridation but in 78.79 percent of these cities there were variations in the fluoride level among the sites and in the same site during the period of study. One can conclude that most of these cities do not control the fluoride levels in the public water, since fluoridation occurs in a discontinuous manner and in most of the situations not within the recommended concentrations.


Municípios de pequeno e médio porte podem ter dificuldades em realizar o controle da adição de flúor nas águas de abastecimento público em função da falta de infra-estrutura laboratorial e técnica. Este estudo realizou análises do teor de flúor das águas de abastecimento de 40 municípios situados na região noroeste do estado de São Paulo, durante 6 meses, para verificar se a adição ocorre de forma contínua e se os teores adicionados encontram-se dentro dos parâmetros recomendados. Mapas com a rede de distribuição de água dos municípios foram solicitados e utilizados para definir as regiões de coleta e sortear os endereços dos pontos, de forma que abrangessem todas as fontes de água tratada. Uma amostra de água de cada ponto foi coletada por mês e analisada em duplicata pelo método íon-eletrodo específico. Amostras com 0,6 a 0,8 mg F/L foram consideradas aceitáveis. Nos 38 municípios que enviaram as amostras regularmente nos 6 meses de estudo, a água de 144 pontos foi coletada, perfazendo um total de 864 amostras analisadas, das quais 61,81 por cento foram classificadas como inaceitáveis. Constatou-se que 33 destes municípios realizavam a fluoretação, sendo que em 78,79 por cento deles as concentrações de flúor variavam entre os pontos e no mesmo ponto ao longo do período. Pode-se concluir que a maioria destes municípios não mantém controle adequado sobre os níveis de flúor em sua água, pois a adição de flúor ocorre de forma descontínua e na maioria das vezes em teores fora dos parâmetros recomendados.


Assuntos
Flúor/análise , Halogenação , Saúde Bucal , Abastecimento de Água , Cárie Dentária/prevenção & controle
15.
J. appl. oral sci ; 14(5): 365-370, Sept.-Oct. 2006. tab
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-447819

RESUMO

OBJECTIVE: to analyze the fluoride concentration in the public water supply at the area supplied by the Water Treatment Station of Bauru and classify the samples as acceptable or unacceptable according to the fluoride concentration. MATERIAL AND METHODS: samples were collected from 30 areas at two periods, October 2002 and March 2003. The fluoride concentration in the samples was determined in duplicate, using an ion sensitive electrode (Orion 9609) connected to a potentiometer (Procyon, model 720). Samples with fluoride concentration ranging from 0.55 to 0.84 mg F/L were considered acceptable, and those whose concentration was outside this range as unacceptable. Data were analyzed by descriptive statistics. RESULTS: the fluoride concentration of the water samples varied between 0.31 and 2.01 mg F/L. Nearly 56 percent of the samples were classified as acceptable. CONCLUSION: the variations in fluoride concentration at the area supplied by the Water Treatment Station reinforce the need of constant monitoring for maintenance of adequate fluoride levels in the public water supply.


OBJETIVO: Analisar a concentração de fluoreto da água de abastecimento público do setor abastecido pela Estação de Tratamento de Agua de Bauru e classificar as amostras em aceitáveis ou inaceitáveis de acordo com a concentração de flúor. MATERIAL E MÉTODOS: Foram coletadas 238 amostras de 30 bairros em duas etapas, Outubro de 2002 e Março de 2003. A concentração de fluoreto presente nas amostras foi determinada em duplicata, utilizando-se o eletrodo íon sensível (Orion 9609), acoplado ao potenciômetro (Procyon, modelo 720). As amostras com concentração de flúor variando entre 0,55 e 0,84 mg F/L foram consideradas como aceitáveis e aquelas cuja concentração estava fora do intervalo, como inaceitáveis. Os dados foram analisados por meio de estatística descritiva. RESULTADOS: A concentração de fluoreto das amostras de água variou entre 0,31 e 2,01 mg F/L, sendo que cerca de 56 por cento das amostras foram classificadas como aceitáveis. CONCLUSÃO: A variação na concentração de fluoreto do setor abastecido pela ETA reforça a importância de um monitoramento constante da fluoretação para a manutenção dos níveis adequados de fluoreto na água de abastecimento.


Assuntos
Flúor/análise , Halogenação , Saúde Bucal , Abastecimento de Água , Cárie Dentária/prevenção & controle
16.
Stomatos ; 12(22): 5-9, jan.-jun. 2006.
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-542139

RESUMO

O objetivo do presente estudo foi avaliar a concentração de flúor presente na água de abastecimentodo município de Torres/RS por um período de 7 meses. As amostras foram coletadas mensalmente em 8diferentes pontos da cidade, os quais representavam a população abastecida, e também na estação detratamento (ETA). O método utilizado na análise das amostras foi o Eletrométrico, eletrodo íon-específico, sendo que a cada avaliação o aparelho foi calibrado. Os resultados demonstraram que houveuma oscilação na concentração de flúor que variou de 0,29 a 0,91 ppmF/L durante o período avaliado.A média da concentração de flúor entre todas as amostras foi 0,61 ppmF/L, e a mediana foi 0,62 ppmF/L. Na ETA foi observado que em 71,4% dos meses coletados o nível da concentração de flúor foiconsiderado inadequado, sendo que o menor valor encontrado foi 0,33 ppmF/L, e o maior foi de 0,91ppmF/L. Das 60 amostras coletadas, 26 (43,3%) apresentaram a concentração de flúor adequada (entre0,6 e 0,9 ppmF/L) e 34 (56,7%) apresentaram níveis inadequados. Neste estudo, podemos concluir quehouve uma oscilação do teor de fluoretos na água de abastecimento do município de Torres, o que podeinterferir nos benefícios esperados pela fluoretação na população estudada.


This study it had as objective to evaluate the present fluoride concentration in the water of supplyfluoridation in Torres – RS, for a period of 7 months. The samples had been collected monthly in 8different points of the city, which also represented the population supplied and in the treatment station(ETA). The method used in the analysis of the samples was the ion-specific electrode, being that to eachevaluation the device was calibrated. The results had demonstrated that it had an oscillation in thefluorine concentration that varied of 0,29 the 0,91 ppmF/L during the evaluated period. The medium ofthe fluoride concentration between all the samples was 0,61 ppmF/L and the mediana was 0,62 ppmF/L.In the ETA it was observed that in 71,4% of the collected months the level of the fluoride concentrationwas considered inadequate, being that the lesser joined value was 0,33 ppmF/L and the greater was of0,91 ppmF/L. Of the 60 collected samples, 26 (43,3%) had presented the adequate fluoride concentration(between 0,6 and 0,9 ppmF/L) and 34 (56,7%) had presented inadequate levels. In this study we canconclude that it had an oscillation of the fluoridation in the water of supplying of the Torres, what it canintervene with the benefits waited for the fluoridation in the studied population.


Assuntos
Fluoretação , Flúor , Fluorose Dentária , Água , Abastecimento de Água
17.
J. appl. oral sci ; 14(2): 136-141, Apr. 2006. tab
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-873191

RESUMO

OBJETIVOS: Avaliar a concentração de flúor na água de abastecimento público e a prevalência de fluorose dentária de escolares entre 7 e 15 anos de idade, residentes em um bairro da periferia de Bauru. MATÉRIAL E MÉTODOS: Foram coletadas 52 amostras de água durante três dias de uma semana e analisadas utilizando-se o eletrodo íon sensível (Orion 9609), acoplado a um potenciômetro (Procyon, modelo 720), com 1,0 mL da amostra à qual foi adicionado 1,0 mL de TISAB II (Orion). Para o levantamento epidemiológico de fluorose foram examinados 52 escolares entre 7 e 15 anos de idade, de ambos os gêneros, mediante a obtenção de autorização prévia dos responsáveis. Somente um examinador realizou os exames após escovação supervisionada e secagem dos dentes com rolos de algodão. O índice utilizado foi o TF, estabelecido a partir do grau máximo verificado em cada indivíduo. RESULTADOS: A concentração de flúor na água variou entre 0,62 e 1,15 mg/L, mantendo uma média de 0,9 mg/L. A prevalência de fluorose dentária verificada foi de 33 por cento, com severidade variando entre TF1 e TF4 (Kappa=0,73 e concordância de 83,33 por cento). CONCLUSÕES: Os resultados da análise das amostras de água indicam uma concentração média de flúor acima do recomendado para Bauru. O índice de fluorose dentária verificado foi maior que o esperado para um bairro da periferia, onde a água é uma das poucas fontes de ingestão de flúor


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Criança , Adolescente , Flúor , Halogenação , Fluorose Dentária/epidemiologia , Fluorose Dentária/prevenção & controle , Abastecimento de Água
18.
J. appl. oral sci ; 14(2): 136-141, Apr. 2006. tab
Artigo em Inglês | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-448151

RESUMO

OBJECTIVES: The objectives of this study were to assess the fluoride concentration in the public water supply and the prevalence of dental fluorosis in schoolchildren between 7 and 15 years old, living in a peripheral district of the municipality of Bauru. MATERIAL AND METHODS: For this, fifty two water samples were collected on three different days of one week. These samples were analyzed for fluoride by means of the ion-sensitive electrode method (Orion 9609) coupled to a potentiometer (Procyon, model 720). In this method, 1.0 mL of TISAB II (Orion) was added to 1.0 mL of the sample. For the epidemiological survey of fluorosis, 52 schoolchildren of both genders, aged between 7 and 15 were assessed, with prior authorization from their caretakers. Only one person examined the children, after supervised toothbrushing and drying with cotton wool rolls. The TF index was used. RESULTS: The fluoride concentrations in the water samples ranged from 0.62 to 1.20 mg/L, with a mean of 0.9 mg/L. The prevalence of dental fluorosis was 33 percent, with severity ranging from TF1 to TF4 (Kappa of 0.73 and concordance of 83.33 percent). CONCLUSIONS: The results from the analysis of water samples indicated a fluoride concentration greater than recommended for Bauru. The fluorosis levels found were higher than expected for a peripheral district, in which water is one of the few sources of fluoride.


OBJETIVOS: Avaliar a concentração de flúor na água de abastecimento público e a prevalência de fluorose dentária de escolares entre 7 e 15 anos de idade, residentes em um bairro da periferia de Bauru. MATÉRIAL E MÉTODOS: Foram coletadas 52 amostras de água durante três dias de uma semana e analisadas utilizando-se o eletrodo íon sensível (Orion 9609), acoplado a um potenciômetro (Procyon, modelo 720), com 1,0 mL da amostra à qual foi adicionado 1,0 mL de TISAB II (Orion). Para o levantamento epidemiológico de fluorose foram examinados 52 escolares entre 7 e 15 anos de idade, de ambos os gêneros, mediante a obtenção de autorização prévia dos responsáveis. Somente um examinador realizou os exames após escovação supervisionada e secagem dos dentes com rolos de algodão. O índice utilizado foi o TF, estabelecido a partir do grau máximo verificado em cada indivíduo. RESULTADOS: A concentração de flúor na água variou entre 0,62 e 1,15 mg/L, mantendo uma média de 0,9 mg/L. A prevalência de fluorose dentária verificada foi de 33 por cento, com severidade variando entre TF1 e TF4 (Kappa=0,73 e concordância de 83,33 por cento). CONCLUSÕES: Os resultados da análise das amostras de água indicam uma concentração média de flúor acima do recomendado para Bauru. O índice de fluorose dentária verificado foi maior que o esperado para um bairro da periferia, onde a água é uma das poucas fontes de ingestão de flúor.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Criança , Adolescente , Flúor , Halogenação , Fluorose Dentária/epidemiologia , Fluorose Dentária/prevenção & controle , Vigilância Sanitária , Abastecimento de Água
19.
JBP rev. Ibero-am. odontopediatr. odontol. bebê ; 8(44): 400-406, jul.-ago. 2005. tab, graf
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-502314

RESUMO

Como medida preventiva à cárie dental, o método de maior eficácia em saúde coletiva ainda é a fluoretação da água de abastecimento público. Porém, há um incremento cada vez maior de marcas comerciais de águas engarrafadas devido à maior preocupação com a qualidade da água a ser ingerida. No entanto, poucos trabalhos têm avaliado a qualidade destas águas com relação ao flúor existente. O objetivo desse estudo foi avaliar o conteúdo de flúor em 14 águas engarrafadas adquiridas no comércio de Pelotas -RS. As amostras foram analisadas em triplicata, cada uma com 9mL da água e 1mL de TISAB III. Para a mensuração do flúor foi utilizado o método eletrométrico, por um Potenciômetro Microprocessado ( AN 2000), com eletrodo seletivo para fluoreto. Os dados foram avaliados pelo software analisador de íons ANALION do Departamento de Bioquímica da UFPel. Observou-se que a concentração de flúor indicada nos diferentes rótulos não é expressa na forma iônica do elemento, os valores encontrados não coincidiram com os rotulados na água, e em oito marcas a quantidade de flúor não estava presente no rótulo das garrafas. Algumas marcas apresentaram valores que oferecem risco à fluorose dental se ingeridas constantemente.


Assuntos
Criança , Água Potável/análise , Halogenação , Fluorose Dentária/prevenção & controle , Microbiologia da Água , Abastecimento de Água
20.
Rev. bras. odontol ; 62(1/2): 68-71, 2005. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-427967

RESUMO

O presente trabalho se propôs a investigar a prevalência de fluorose em escolares entre 6 a 9 anos, da rede pública de ensino do município de Niterói (RJ), detectando a que possíveis fontes de fluorose estes foram expostos. Foi selecionada um amostra representativa por região de Niterói, perfazendo um total de 1036 crianças. A coleta dos dados foi realizada através de questionário e exame clínico. Foi encontrada baixa prevalência de fluorose dentária na faixa etária estudada e que a concentração de fluoreto na água de consumo de Niterói é irregular, estando algumas localidades com níveis ótimos e outras com deficência


Assuntos
Criança , Humanos , Masculino , Feminino , Abastecimento de Água/normas , Água Potável/efeitos adversos , Água Potável/normas , Flúor/efeitos adversos , Fluorose Dentária/epidemiologia , Fluorose Dentária/etiologia , Inquéritos e Questionários
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA