Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 22
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados
Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. dent. press ortodon. ortop. maxilar ; 5(6): 57-62, nov.-dez. 2000. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-298110

RESUMO

Os métodos cefalométricos manual e computadorizado foram comparados utilizando-se a análise de Steiner. Näo ocorreram diferenças significantes entre os dois métodos, a exeçäo dos fatores que envolveram os incisivos superiores. Do ponto de vista clínico, o método computadorizado pode ser utilizado para diagnóstico e plano de tratamento täo bem quanto o manual


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Cefalometria , Computadores , Radiografia Dentária , Intensificação de Imagem Radiográfica
3.
Rev. reg. Aracatuba assoc. paul. cir. Dent ; (19/20): 42-51, 1998-1999. ilus
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-858845

RESUMO

Este trabalho, é o resultado de um levantamento que procurou avaliar o uso, opiniões, percepções, conhecimentos e comportamentos atuais dos estudantes de Odontologia do 1º ao 4º ano da Faculdade de Odontologia de Araçatuba-UNESP, com relação à tecnologia da informática. Procurou-se verificar a demanda existente por uma aplicação sistemática dos métodos de processamento de informação e uso de computadores visando identificar habilidades e deficiências em áreas críticas de aplicação desta tecnologia


Assuntos
Atitude Frente aos Computadores , Computadores , Educação em Odontologia , Tecnologia Odontológica
4.
Ortodon. gaúch ; 2(2): 143-52, jul.-dez. 1998.
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-852928

RESUMO

A ortodontia vem tentando acompanhar o desenvolvimento acelerado da informática. Pela quantidade de informações, já não é fácil acompanhar a evolução científica e tecnológica da ortodontia e ultimamente a informática quase que impõe a sua presença e uso. Apesar de serem profissionais já acostumados a lidar com máquinas desde a sua formação, tais como o compressor, a alta rotação, equipo, aparelhos de raio X, typodont, máquina de soldar, aparelhos de esterilização e outros, os ortodontistas apresentam diversos graus de dificuldade ao lidarem com computadores e seus programas. Este artigo sugere uma maneira básica e abrangente sobre o que saber e fazer para a utilização de máquinas e programas oferecidos pela informática, para a estruturação de um consultório de ortodontia, abordando aspectos de gerenciamento e administração, diagnóstico cefalométrico, gerenciamento de imagens, comunicação e Internet


Assuntos
Computadores , Ortodontia , Software
7.
Ortodontia ; 30(1): 31-8, jan.-abr. 1997. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-197529

RESUMO

O presente estudo teve como objetivo verificar se o índice proposto por Eklöf e Ringertz para a estimativa da idade óssea, utilizando radiografias de mäo e punho, poderia ser executado utilizando os recursos da informática. Para isto foi desenvolvido um software para o cálculo da idade óssea. A idade óssea foi calculada por três métodos diferentes. Um método manual em que as medidas dos ossos e os cálculos eram feitos manualmente. Um misto, denominado por nós de computador em que as medidas eram feitas manualmente e os cálculos pelo computador, e um terceiro método, denominado mesa em que as medidas dos centros de ossificaçäo e os cálculos eram feitos apenas pelo computador. A amostra estudada era composta de 190 indivíduos pré-escolares e escolares brasileiros, residentes na cidade de Bauru, dos sexos masculinos e feminino, divididos em 19 faixas etárias de acordo com a idade cronológica. Os resultados obtidos permitiram-nos concluir, assim, que houve uma alta correlaçäo, tanto para o sexo masculino (0,93) quanto para o feminino (0,94) entre a idade cronológica e a idade óssea obtida. Para cada método e para cada sexo foram estabelecidos fatores de correçäo, através da equaçäo da reta de regressäo, que devem ser aplicados a fim de que se possa torná-los aplicáveis à populaçäo estudada. Pôde-se, também, observar uma correlaçäo alta (0,99) entre as 3 maneiras diferentes pelas quais foram obtidas as idades ósseas, mostrando que qualquer um dos métodos pode ser usado. Finalmente, foi possível verificar a aplicabilidade do software desenvolvido, mostrando ser altamente confiável seu uso


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Desenvolvimento Ósseo , Computadores
8.
Ortodontia ; 29(2): 16-26, maio-ago. 1996. tab, ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-203134

RESUMO

As diferenças interindividuais de resposta ao tratamento ortodôntico constituem-se no grande desafio que o ortodontista enfrenta diariamente na sua prática clínica. Baseando-se em estudos sobre a taxa de renovaçäo do osso alveolar e sobre a taxa de ossificaçäo subperiostal da mandíbula, Petrovic descobriu seis categorias de crescimento, que correspondem a resposta de um dado paciente ao tratamento ortodôntico e ao seu potencial de crescimento. Essas categorias biológicas correspondem a 11 tipos rotacionais de crescimento, e estes, por sua vez, a 33 grupos rotacionais, que acabam levando a 70 situaçöes clínicas. Através da cefalometria, é possível detectar indiretamente as 6 categorias de crescimento e, consequentemente, a capacidade de resposta ao tratamento, de uma criança em crescimento, por diversos tipos de aparelhos. Com o objetivo de tornar mais acurada, rápida e simples a obtençäo das 6 categorias de crescimento de Petrovic, permitindo, assim, o seu uso diário na clínica ortodontica, foi elaborado um programa computadorizado, que vem a ser mais um instrumento a contribuir na elucidaçäo do diagnóstico ortodôntico. Este trabalho tem por objetivo divulgar o uso da análise de Petrovic/Lavergne e mostrar a realidade atual com o recurso da informática para a obtençäo das 6 categorias de crescimento


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Computadores , Mandíbula/crescimento & desenvolvimento , Ortodontia
9.
ROBRAC ; 6(17): 10-3, mar. 1996. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-168339

RESUMO

A radiografia digital contém uma maior gama de informaçöes do que se poderia obter por técnicas radiográficas convencionais. Esta técnica vem em resposta às limitaçöes encontradas no diagnóstico da perda ou ganho de tecido ósseo/dentário pós tratamento. Este artigo visa abordar aspectos relativos à situaçäo atual da técnica digital no contexto da odontologia, suas vantagens e desvantagens. Finalmente, apesar do grande número de publicaçöes na área, o assunto ainda é pouco conhecido da maioria dos profissionais no que tange a sua utilizaçäo em odontologia


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Articulação Temporomandibular , Computadores , Radiografia Dentária/instrumentação , Radiografia Dentária/métodos , Radiologia
11.
13.
Säo Paulo; s.n; 1994. 58 p. ilus, tab.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-143379

RESUMO

O autor estuda o incremento na área do seio esfenoidal, em 392 (trezentas e noventa e duas) imagens radiográficas de telerradiografias em norma lateral de cem indivíduos, cinqüenta do sexo masculino e cinqüenta do sexo feminino na faixa etária entre nove à vinte anos, divididos em quatro grupos trienais. Por meio de medidas obtidas por um programa computadorizado de cálculo de área de polígonos, sobre os desenhos do perímetro da imagem observável do seio esfenoidal, foi realizado um tratamento estatístico para avaliar-se o grau de crescimento deste acidente anatômico nos indivíduos, nesta faixa etária considerada como sendo de grandes transformaçöes de tamanho e morfologia das estruturas ósseas. O estudo em tela, demonstrou os índices de crescimento do seio esfenoidal nos indivíduos e nos dois sexos, mas concordando com a literatura, näo foi possível estabelecer-se a existência de dimorfismo sexual neste segmento anatômico desta amostra analisada


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Criança , Adolescente , Adulto , Caracteres Sexuais , Radiografia/normas , Seio Esfenoidal , Seio Esfenoidal/crescimento & desenvolvimento , Computadores , Grupo com Ancestrais do Continente Europeu
14.
Rev. Assoc. Paul. Cir. Dent ; 46(6): 925-7, nov.-dez. 1992. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-855504

RESUMO

Os autores apresentam um método quantitativo para a análise morfológica do canal radicular anatômico cirúrgico a partir de secções histológicas transversais da raiz. A presença de remanescentes pulpares ou as modificações provocadas nas paredes dentinárias pela instrumentação endodôntica podem também ser avaliadas por esse método. O computador permite, de maneira prática, medir a área das secções, possibilitando uma montagem tridimensional do canal


Assuntos
Cavidade Pulpar/anatomia & histologia , Computadores , Raiz Dentária/anatomia & histologia
15.
Porto Alegre; s.n; 1992. 112 p. ilus.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-120275

RESUMO

A pesquisa se propöe a estabelecer uma relaçäo entre dimensöes padronizadas para análise cefalométrica computadorizada e os dados obtidos de uma amostragem de 50 adultos leucodermas, de ambos os sexos, na faixa etária de 21 a 40 anos, dentados e clinicamente simétricos em vista frontal, bem como realizar um estudo comparativo entre os sexos. Para o alcance do objetivo proposto, foram realizados 100 telerradiografias, em normas lateral e frontal, e estudadas as dimensöes esqueléticas lineares e angulares previamente selecionadas. Os resultados obtidos indicam que há diferenças estatisticamente significantes (p = 0,01) no que diz respeito ao dimorfismo sexual, para todas as dimensöes cefalométricas lineares, em norma lateral, e para as dimensöes cefalométricas lineares, em norma frontal, DVN, DTMX, DTMA e DTF, havendo, também, diferenças estatisticamente significativas (p = 0,01) em relaçäo aos padröes de normalidade, para dimensöes lineares e angulares, em normas lateral e frontal, selecionadas para a pesquisa. Cabe ressaltar que nenhuma das médias das dimensöes cefalométricas angulares obtidas, em normas lateral e frontal, apresenta diferença estatisticamente significativa (p = 0,01) na comparaçäo entre os sexos


Assuntos
Cefalometria , Computadores , Desenvolvimento Maxilofacial
17.
RGO (Porto Alegre) ; 39(3): 177-80, maio-jun. 1991.
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-854751

RESUMO

No momento, a informática está começando a tomar corpo dentro da área da saúde e o profissional desta área, como qualquer outro profissional leigo em informática, apesar de querer se informatizar, está encontrando grandes dificuldades, isto por não dominá-la suficientemente. Por este motivo elaboramos um roteiro para que ele possa ter algo em que se pautar, na hora de se informatizar


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Computadores , Consultórios Odontológicos , Orientação
20.
Rev. odontol. clin ; 1(4): 15-9, out.-dez. 1987. ilus
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-858692

RESUMO

Os autores realizaram uma análise de alguns dos sistemas estabelecidos para a notação dental, concluíndo que o proposto pela FDI era o mais adequado para a transferência de dados ao computador


Assuntos
Computadores , Registros Odontológicos
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA