Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 5 de 5
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Tipo de estudo
Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. Pesqui. (Univ. Fed. Estado Rio J., Online) ; 12: 252-256, jan.-dez. 2020. tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1047924

RESUMO

Objetivo: avaliar a influência das orientações em saúde nas complicações no pós-operatório de cirurgias torácicas e abdominais altas. Método: estudo quantitativo transversal realizado com 266 indivíduos. Os dados foram coletados por um questionário sociodemográfico, clínico e assistencial. Foram incluídos sujeitos de ambos os sexos, com faixa etária de 18 a 80 anos, que estivessem na enfermaria em pós-operatório de cirurgias torácicas e ou abdominais altas. Resultados: 82 (30%) dos indivíduos receberam orientações no período de pós-operatório e 184 (70%) não receberam nenhum tipo de orientação. Quatro dos sujeitos que receberam orientações desenvolveram algum tipo de complicação e 16 dos que não receberam tiveram complicações; não apresentando resultados estatisticamente significativos quanto aos pesquisados que tiveram orientação e os que não tiveram orientações (p=0,4). Conclusão: em relação ao número de complicações, ao comparar os indivíduos que receberam orientações com os que não receberam não houve resultado estatisticamente significativo


Objective: to evaluate correlation between health guidelines and complications in the postoperative period after thoracic and upper abdominal surgeries. Method: a cross-sectional quantitative study with 266 individuals. Data were collected by a sociodemographic, clinical and care questionnaire. We included subjects of both sexes, with ages ranging from 18 to 80 years, who were in the postoperative ward after thoracic and/ or upper abdominal surgeries. Results: 82 (30%) of the subjects received guidance in the postoperative period and 184 (70%) received no guidance. Four of the subjects who received guidelines developed some type of complication while 16 of those who did not receive guidance developed complications; therefore, the results were not statistically significant (p=0,4). Conclusion: in relation to the number of complications, when comparing individuals who received guidelines with those who did not receive, there was no statistically significant result


Objetivo: evaluar la influencia de las orientaciones en salud en las complicaciones en el postoperatorio de cirugías torácicas y abdominales altas. Metodo: estudio cuantitativo transversal realizado con 266 individuos. Los datos fueron recolectados por un cuestionario sociodemográfico, clínico y asistencial. Se incluyeron sujetos de ambos sexos, con rango de edad de 18 a 80 años, que estuvieran en la enfermería en postoperatorio de cirugías torácicas y / o abdominales alta. Resultados: 82 (30%) de los individuos recibieron orientaciones en el período de postoperatorio y 184 (70%) no recibieron ningún tipo de orientación. Cuatro de los sujetos que recibieron orientaciones, desarrollaron algún tipo de complicación y 16 de los que no recibieron tuvieron complicaciones; no presentando resultados estadísticamente significativos en cuanto a los encuestados que tuvieron orientación y los que no tuvieron orientaciones (p=0,4). Conclusión: en relación al número de complicaciones, al comparar a los individuos que recibieron orientaciones con los que no recibieron no hubo resultado estadísticamente significativo


Assuntos
Humanos , Animais , Masculino , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Cuidados Pós-Operatórios/educação , Cuidados Pós-Operatórios/estatística & dados numéricos , Cirurgia Torácica/estatística & dados numéricos , Abdome/cirurgia , Cuidados Pós-Operatórios/efeitos adversos , Cuidados Pós-Operatórios/enfermagem , Enfermagem Perioperatória , Estudos Transversais
2.
Rev. enferm. UFPE on line ; 13: [1-8], 2019. ilus, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1046366

RESUMO

Objetivo: construir um instrumento para a coleta de dados de pacientes com sepse de foco abdominal em Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Método: trata-se de um estudo metodológico, de construção e validação de conteúdo, realizado em três etapas: revisão integrativa da literatura; construção do instrumento e validação de conteúdo do instrumento. Apresentaram-se os resultados em forma de figuras. Resultados: validou-se o instrumento por 23 juízes, sendo 18 (78,3%) enfermeiros e cinco (21,7%) médicos. Aponta-se que o instrumento resultou em 84 variáveis divididas em seis domínios. Constata-se que, após as contribuições, todos os avaliadores julgaram que os itens são suficientes. Conclusão: conclui-se que o instrumento construído é válido, segundo os especialistas, para a coleta de dados de forma sistematizada dos pacientes sépticos de foco abdominal em Unidades de Terapia Intensiva.(AU)


Objective: to construct an instrument for the collection of data from patients with sepsis of abdominal focus in Intensive Care Units (ICU). Method: this is a methodological study, construction and validation of content, carried out in three stages: integrative literature review; instrument construction and validation of instrument content. The results were presented in the form of figures. Results: the instrument was validated by 23 judges, of which 18 (78.3%) were nurses and five (21.7%) were physicians. It is pointed out that the instrument resulted in 84 variables divided into six domains. It is noted that, after the contributions, all the evaluators judged that the items are sufficient. Conclusion: it is concluded that the instrument constructed is valid, according to experts, for systematic data collection of septic patients with abdominal focus in Intensive Care Units.


Objetivo: construir un instrumento para la recolección de datos de pacientes con sepsis de foco abdominal en Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Método: se trata de un estudio metodológico, de construcción y validación de contenido, realizado en tres etapas: revisión integrativa de la literatura; construcción del instrumento y validación de contenido del instrumento. Se presentaron los resultados en forma de figuras. Resultados: se validó el instrumento por 23 jueces, siendo 18 (78,3%) enfermeros y cinco (21,7%) médicos. Se señala que el instrumento resultó en 84 variables divididas en seis dominios. Se constata que, después de las contribuciones, todos los evaluadores juzgaron que los ítems son suficientes. Conclusión: se concluye que el instrumento construido es válido, según los especialistas, para la recolección de datos de forma sistematizada de los pacientes sépticos de foco abdominal en Unidades de Terapia Intensiva.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Coleta de Dados , Fatores de Risco , Sepse , Abdome , Unidades de Terapia Intensiva , Equipe de Assistência ao Paciente
3.
Rev. enferm. UFPE on line ; 13: [1-6], 2019. ilus, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1049349

RESUMO

Objetivo: identificar o perfil epidemiológico, os fatores associados ao óbito e nortear as intervenções de enfermagem frente aos pacientes com sepse de foco abdominal. Método: trata-se de um estudo quantitativo, descritivo, transversal, realizado com 40 pacientes internados em uma em uma Unidade de Terapia Intensiva. Realizou-se a associação com o óbito por meio dos testes de qui-quadrado de Pearson e exato de Fisher. Apresentaram-se os resultados em forma de tabelas. Resultados: registra-se que, dos 40 (100%) pacientes, 57,5% eram do sexo masculino, 67,5% tinham um diagnóstico inicial pertencente ao sistema gastrointestinal. Elencam-se as variáveis que apresentaram a associação com o óbito nesta UTI: idade maior a 60 anos, que, embora representasse apenas 22,5% da amostra, respondeu por, aproximadamente, 90% das mortes (p-valor 0,005) e pacientes que foram classificados com choque séptico, já que 56,7% dos 75% foram a óbito (p-valor 0,04). Conclusão: entende-se que os fatores de risco associados ao óbito nos pacientes com sepse de foco abdominal na UTI estão relacionados com idade maior a 60 anos e com choque séptico.(AU)


Objective: to identify the epidemiological profile, the factors associated with death, and to guide nursing interventions in patients with sepsis of abdominal focus. Method: this is a quantitative, descriptive, cross-sectional study of 40 patients hospitalized in one in an Intensive Care Unit. The association with death was performed using Pearson's chi-square test and Fisher's exact test. Results were presented in the form of tables. Results: it was recorded that of the 40 (100%) patients, 57.5% were male, 67.5% had an initial diagnosis belonging to the gastrointestinal system. The variables that showed association with death in this ICU were: age greater than 60 years, which, although representing only 22.5% of the sample, accounted for approximately 90% of the deaths (p-value 0.005) and patients which were classified as septic shock, since 56.7% of the 75% died (p-value 0.04). Conclusion: it is understood that the risk factors associated with death in patients with sepsis of abdominal focus in the ICU are related to age greater than 60 years and with septic shock.(AU)


Objetivo: identificar el perfil epidemiológico, los factores asociados al óbito y orientar las intervenciones de enfermería frente a los pacientes con sepsis de foco abdominal. Método: se trata de un estudio cuantitativo, descriptivo, transversal, realizado con 40 pacientes internados en una Unidad de Terapia Intensiva. Se realizó la asociación con el óbito por medio de las pruebas de chi-cuadrado de Pearson y exacto de Fisher. Se presentaron los resultados en forma de tablas. Resultados: se registra que, de los 40 (100%) pacientes, el 57,5% eran del sexo masculino, el 67,5% tenían un diagnóstico inicial perteneciente al sistema gastrointestinal. Se identifican las variables que presentaron la asociación con el óbito en esta UTI: edad mayor a 60 años, que, aunque representaba apenas el 22,5% de la muestra, respondió por aproximadamente el 90% de las muertes (p-valor 0,005) y pacientes que fueron clasificados con shock séptico, ya que el 56,7% del 75% fue la muerte (p-valor 0,04). Conclusión: se entiende que los factores de riesgo asociados al óbito en los pacientes con sepsis de foco abdominal en la UTI están relacionados con edad mayor a 60 años y con shock séptico.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Choque Séptico , Perfil de Saúde , Fatores de Risco , Sepse , Sepse/mortalidade , Abdome , Unidades de Terapia Intensiva , Cuidados de Enfermagem , Epidemiologia Descritiva , Estudos Transversais
4.
Rev. SOBECC ; 20(3): 143-149, jul.-set. 2015. tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-32577

RESUMO

Identificar a taxa de cicatrização de ferida cirúrgica complexa e caracterizar esses pacientes. Método: Estudo tipo descritivo exploratório e retrospectivo, realizado em um serviço ambulatorial de um hospital de grande porte de 2003 a 2013, com amostra de 138 pacientes com idade igual ou superior a 18 anos e ferida localizada na região da mama e abdome. Resultados: A taxa de cicatrização foi de 71,745, com tempo médio de tratamento de 3 meses. A maioria era do sexo feminino, de cor parda, casada, com média de idade 47,4 anos e baixa escolaridade. O câncer foi o principal motivo para a cirurgia. Coclusão: A maioria dos pacientes recebeu alto com com a ferida cicatrizada. O conhecimento produzido com o estudo poderá contribuir para o fortalecimento da prática clínica dos enfermeiros quanto à importância da avaliação os pacientes com ferida cirúrgica e tempo esperado para a cicatrização das mesmas...


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Deiscência da Ferida Operatória/enfermagem , Deiscência da Ferida Operatória/prevenção & controle , Cicatrização , Mama , Abdome , Assistência Ambulatorial
5.
Acta paul. enferm ; 15(3): 97-106, jul.-set. 2002. ilus
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-11799

RESUMO

Os autores descrevem as características físicas dos drenos laminares e tubulares usados em cirurgia abdominal e destacam os fundamentos básicos da drenagem da cavidade peritoneal, dando ênfase ao mecanismo, princípios e indicações da drenagem, bem como às complicações associadas ao uso desses drenos. Propõem, ainda, a assistência ao operado portador do dreno, englobando quatro medidas de cuidados: manutenção, tempo de permanência, mobilização e remoção do dreno, operacionalizando-as em ações, e enfatizando a importância do trabalho em equipe na assistência ao operado. (AU)


Assuntos
Drenagem , Drenagem/instrumentação , Abdome , Cavidade Peritoneal , Cuidados Pós-Operatórios , Cuidados de Enfermagem
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA