Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. enferm. UFPE on line ; 2(1): 36-47, jan.-mar. 2008. ilus
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1032595

RESUMO

Trata-se de um estudo descritivo exploratório, de abordagem quantitativa, com o objetivo de avaliar o uso in natura deAloe sp, em portadores de conjuntivite, usuários de uma Unidade de Saúde da Família, em João Pessoa, Paraíba (PB) ―Brasil, que estavam em uso espontâneo da Aloe sp, conforme a tradição popular local: o sumo in natura gotejado no olhopara esta afecção ocular. Antes da realização desse estudo, o projeto foi aprovado na 17ª reunião Ordinária, em25/04/06, pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Secretaria de Estado da Saúde da Paraíba ― CEP/SES/PB. Fizeram parte daamostra 26 portadores de conjuntive, que responderam um questionário, aplicado entre janeiro/março de 2006, cujosdados foram analisados de acordo com as seguintes variáveis: 1) início do tratamento, em relação ao início da afecção; 2)comprometimento de ambos os olhos; 3) se foram utilizadas outras formas de tratamento além do sumo in natura de Aloesp; 4) quais os sinais e sintomas antes e após o tratamento com a Aloe sp; 5) qual a freqüência das aplicações com a Aloesp, e 6) qual o tempo observado de cura. Como resultados, pudemos avaliar o efeito terapêutico da Aloe in natura,sugerindo que o uso enquanto remédio para a conjuntivite é eficaz, proporcionando alívio e conduzindo a uma rápidacura, além de a literatura consultada indicar a adequação específica de Aloe sp para tratamentos da conjuntiva devido abaixa permeabilidade ocular.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Aloe , Conjuntivite , Plantas Medicinais , Atenção Primária à Saúde , Epidemiologia
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA