Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 182
Filtrar
1.
Rev. enferm. UERJ ; 28: e45920, jan.-dez. 2020.
Artigo em Inglês, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1097273

RESUMO

Objetivo: analisar a associação entre os riscos ocupacionais e os danos relacionados ao trabalho de enfermagem em sala de vacinação. Método: estudo transversal analítico realizado em salas de vacinação de unidades de atenção primária à saúde entre junho e julho de 2017, com 171 trabalhadores de enfermagem. Utilizou-se um instrumento com informações sobre dados sociodemográficos, laborais e riscos ocupacionais e a Escala de Avaliação dos Danos Relacionados ao Trabalho. Estudo aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa. Resultados: a exposição ocupacional aos riscos físico e ergonômico esteve associada a todas as formas de adoecimento investigadas, enquanto que a exposição ao risco mecânico às formas de adoecimento relacionadas aos danos físicos e psicológicos. A exposição ao risco químico associou-se ao adoecimento físico. Conclusão: as condições de trabalho a que os profissionais da enfermagem são expostos nas salas de vacinação, expressadas em riscos ocupacionais, são associadas a danos à sua saúde.


Objective: to analyze the association between occupational risks and damages related to nursing work in the vaccination room. Method: analytical cross-sectional study conducted in the vaccination rooms of primary health care units in the city of Rio de Janeiro between June and July 2017, with 171 nursing workers. An instrument was used with information on sociodemographic, occupational and occupational risk data and the Work-Related Damage Assessment Scale. The study was approved by the research ethics committee. Results: occupational exposure to physical and ergonomic risk were associated with all forms of illness investigated, while exposure to mechanical risk to forms of illness related to Physical and Psychological Damage Exposure to chemical risk was associated to physical illness. Conclusion: the working conditions to which nursing professionals are exposed in vaccination room, expressed in occupational risks, negatively affect their health.


Objetivo: analizar la asociación entre riesgos laborales y daños relacionados con el trabajo de enfermería en la sala de vacunación. Método: estudio transversal analítico realizado en las salas de vacunación de las unidades de atención primaria de salud de la ciudad de Río de Janeiro entre junio y julio de 2017, con 171 trabajadores de enfermería. Se utilizó un instrumento con información sobre datos sociodemográficos, laborales y de riesgos laborales y la Escala de evaluación de daños relacionados con el trabajo. El estudio fue aprobado por el comité de ética de investigación. Resultados: la exposición ocupacional al riesgo físico y ergonómico se asoció con todas las formas de enfermedad investigadas, mientras que la exposición al riesgo mecánico a las formas de enfermedad relacionadas con el daño físico y psicológico La exposición al riesgo químico se asoció a la enfermedad física. Conclusión: las condiciones de trabajo a las que están expuestos los profesionales de enfermería en la sala de vacunación, expresados en riesgos laborales, afectan negativamente su salud.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Atenção Primária à Saúde , Exposição Ocupacional , Vacinação , Recursos Humanos de Enfermagem , Doenças Profissionais , Condições de Trabalho , Brasil , Estudos Transversais , Técnicos de Enfermagem , Enfermeiras e Enfermeiros , Assistentes de Enfermagem
2.
Rev. enferm. UFPE on line ; 14: [1-7], 2020. ilus, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1116293

RESUMO

Objetivo: verificar a prevalência de dor e adoecimento relacionados à atividade laboral e referidos pela equipe de enfermagem. Método: trata-se de um estudo quantitativo, analítico, de corte transversal realizado com 202 técnicos de enfermagem e enfermeiros assistenciais. Coletaram-se os dados por meio de questionário semiestruturado auto aplicado. Realizou-se a análise bivariada dos dados. Avaliou-se a significância estatística por meio do IC 95% e do teste Qui-quadrado. Resultados: identificou-se prevalência de 69,3% de relato de dor e de 34,2% de adoecimento relacionado à atividade laboral, destacando-se a lombalgia crônica e as varizes; houve prevalência de 19,3% de ansiedade entre os entrevistados e estes apresentaram 20 vezes mais chances de relatar dores. Conclusão: conclui-se que dor e adoecimento são muito prevalentes nos profissionais de enfermagem e parecem ser inerentes às características da atividade exercida e do processo de trabalho, e a discussão desses problemas é de grande relevância para a Enfermagem e para os gestores de serviços de saúde.(AU)


Objective: to verify the prevalence of pain and illness related to work activity and referred by the nursing team. Method: this is a quantitative, analytical, cross-sectional study conducted with 202 nursing technicians and nursing assistants. Data was collected using a self-administered semi-structured questionnaire. Bivariate data analysis was performed. Statistical significance was assessed using the 95% CI and the chi-square test. Results: a prevalence of 69.3% of reports of pain and 34.2% of illness related to work activity was identified, with emphasis on chronic low back pain and varicose veins; there was a 19.3% prevalence of anxiety among the interviewees and they were 20 times more likely to report pain. Conclusion: it is concluded that pain and illness are very prevalent in Nursing professionals and seem to be inherent to the characteristics of the activity performed and the work process, and the discussion of these problems is of great relevance for Nursing and healthcare service managers.(AU)


Objetivo: verificar la prevalencia de dolor y enfermedad relacionados con la actividad laboral y referidos por el equipo de enfermería. Método: se trata de un estudio cuantitativo, analítico, transversal realizado con 202 técnicos de enfermería y auxiliares de enfermería. Los datos fueron recolectados usando un cuestionario semiestructurado autoadministrado. Se realizó un análisis de datos bivariados. La significación estadística se evaluó utilizando el IC del 95% y la prueba de chi-cuadrado. Resultados: se identificó una prevalencia del 69,3% de los informes de dolor y del 34,2% de enfermedades relacionadas con la actividad laboral, con énfasis en el dolor lumbar crónico y las venas varicosas; hubo una prevalencia de ansiedad del 19,3% entre los entrevistados y tenían 20 veces más probabilidades de informar el dolor. Conclusión: se concluye que el dolor y la enfermedad son muy frecuentes en los profesionales de enfermería y parecen ser inherentes a las características de la actividad realizada y el proceso de trabajo, y la discusión de estos problemas es de gran relevancia para la enfermería y los gerentes de servicios de salud.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Ansiedade , Dor , Varizes , Condições de Trabalho , Saúde do Trabalhador , Dor Lombar , Equipe de Enfermagem , Doenças Profissionais , Estudos Transversais
3.
Rev. enferm. atenção saúde ; 9(1): 78-89, jan./jul. 2020. tab.
Artigo em Inglês, Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1118000

RESUMO

Objetivo: Analisaro perfil epidemiológico demulherestrabalhadorasenvolvidas em acidentes e/ou doenças relacionadasao trabalhono Oeste de Santa Catarina.Método: Estudo epidemiológico transversal descritivo de caráter observacional, com coleta de dados retrospectiva. Os dados foram coletados no período de 2012 a 2016.Resultados: Os resultados mostraram que a faixa etária predominante de mulheres acidentadas são dos20 aos 39 anos; os tipos de lesão mais prevalentes são a lesão cortante e traumatismo; quanto aos acidentes destacam-seos com material biológico, LER/DORT, intoxicações exógenas e os acidentes de trabalho não especificados. As profissões mais notificadassão:alimentador da linha de produção, faxineiro etécnico de enfermagem.Conclusão: Anotificação dos agravos à saúde do trabalhadoré necessáriapensando no planejamento e replanejamento das ações, programas e políticas voltadas para a saúde da mulher trabalhadora que auxiliem na prevenção de acidentes e agravos e sobretudo na redução de desfechos desfavoráveis (AU).


Objective: To analyze the epidemiological profile of worker women involved in work -related accidents and / or diseases in the West of Santa Catarina.Methods:This is a descriptive cross-sectional epidemiological study of an observational nature, with retrospective data collection. Data were collectedbetween 2012 and 2016. Results:The results showed that the predominant age group of injured women are between 20 and 39 years of age; the most prevalent types of injury are cuttingand trauma; As for accidents, the most notable are those with biological material, RSI/WMSD, exogenous intoxications and unspecified work-related accidents, and the most frequently reported professions include the production line feeder, the occupation of Cleaner and the Technician of nursing. Conclusion: Notification of injuries to workers' health is necessary, and there is a need to plan and re-plan actions, programs and policies aimed at the health of working women that help in the prevention of accidents and injuries and especially in reducing unfavorable outcomes (AU).


Objetivo:analizar el perfil epidemiológico de mujeres trabajadoras involucradas en accidentes y/o enfermedades relacionadas al trabajo en el Oeste de Santa Catarina, Brasil.Método:se trata de una investigación epidemiológica transversal descriptiva de carácter observacional, con colecta de datos retrospectiva. Los datos fueron colectados en el período de 2012 a 2016 y obtuvieron una totalidad de 3.084 notificaciones relativas a los accidentes del trabajo y enfermedades relacionadas al trabajo de la mujer.Resultados:los resultados mostraron que las edades predominantes de mujeres accidentadas son de los 20 a los 39 años, los tipos de lesiones más comunes son la lesión cortante y el traumatismo; cuanto a los accidentes se destacan con material biológico, las LER/DORT, las intoxicaciones exógenas y los accidentes de trabajo no especificado y cuanto las profesiones más notificadasse evidencia el alimentador de la línea de producción, la ocupación de limpiador y la del técnico en enfermería.Conclusión:Por lo tanto,la notificación de los agravios a la salud del trabajador es necesaria, ocurriendo la necesidad en planear y replantear acciones, programas y políticas enfocadas a la salud de la mujer trabajadora que ayuden en la prevención de accidentes y agravios y sobre todo de desenlaces desfavorables (AU).


Assuntos
Humanos , Feminino , Criança , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Mulheres Trabalhadoras , Acidentes de Trabalho , Doenças Profissionais , Brasil/epidemiologia , Estudos Epidemiológicos
4.
Referência ; serIV(23): 21-30, dez. 2019.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1098628

RESUMO

Enquadramento: O quotidiano do motorista de autocarros é dinâmico. Muitas variáveis o cercam: a habilidade na condução e de controlar os seus medos e o cumprimento correto do seu itinerário. As limitações e desafios vivenciados podem desencadear um processo de sofrimento psíquico. Objetivo: Descrever as perceções dos motoristas de autocarros acerca da vivência no trânsito e os possíveis efeitos do quotidiano da mobilidade urbana nos motoristas. Metodologia: Estudo descritivo fenomenológico, pautado no pensamento de Maurice Merleau-Ponty, realizado num terminal rodoviário de autocarros, no período de julho a dezembro de 2017. Entrevistaram-se 24 motoristas de autocarros através de perguntas abertas. Resultados: Emergiram duas categorias: O trânsito é uma caixa de surpresas e O equilíbrio psicológico é necessário. Conclusão: Dar voz a estes profissionais, trazendo à luz o que acarreta o seu sofrimento, e reconhecer as suas necessidades, contribuirá para a prevenção de doenças físicas e psicológicas, bem como de acidentes de trânsito. Os motoristas rodoviários carecem de melhores condições para poderem colocar a cidade em movimento diariamente.


Background: The daily life of bus drivers is dynamic and influenced by many variables: their driving skills, their ability to overcome their fears, and their ability to follow an established itinerary. Bus drivers experience limitations and challenges that can trigger a process of psychological distress. Objective: To describe the perceptions of bus drivers about their experience in traffic and the possible effects of daily urban mobility on these drivers. Methodology: Descriptive, phenomenological study based on the work of Maurice Merleau-Ponty. It was conducted at a bus station between July and December 2017. Twenty-four bus drivers were interviewed using open-ended questions. Results: Two categories emerged: Traffic is a box full of surprises and Psychological balance is necessary. Conclusion: Giving a voice to these professionals, bringing to light what causes their suffering, and recognizing their needs will contribute to the prevention of physical and psychological disorders, as well as traffic accidents. Bus drivers need better conditions to set the city in motion on a daily basis.


Marco contextual: La vida diaria del conductor de autobús es dinámica. Existen muchas variables a su alrededor: su capacidad para conducir y controlar sus miedos y el correcto cumplimiento de su itinerario. Las limitaciones y los desafíos experimentados pueden desencadenar un proceso de sufrimiento psicológico. Objetivo: Describir las percepciones de los conductores de autobuses sobre la experiencia en el tránsito y los posibles efectos de la movilidad urbana diaria en los conductores. Metodología: Estudio descriptivo fenomenológico, basado en el pensamiento de Maurice Merleau-Ponty, realizado en una terminal de autobuses, de julio a diciembre de 2017. Se entrevistó a 24 conductores de autobús mediante preguntas abiertas. Resultados: Surgieron dos categorías: el tránsito es una caja de sorpresas y el equilibrio psicológico es necesario. Conclusión: Dar voz a estos profesionales, sacar a la luz las causas de sus sufrimientos y reconocer sus necesidades contribuirá a la prevención de las enfermedades físicas y psicológicas, así como de los accidentes de tráfico. Los conductores necesitan mejores condiciones para poder poner en marcha la ciudad a diario.


Assuntos
Estresse Ocupacional , Doenças Profissionais
5.
Rev. enferm. UFPE on line ; 13(5): 1503-1512, maio 2019. ilus, tab, graf
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1024772

RESUMO

Objetivo: identificar as produções científicas que demonstram como as condições de trabalho influenciam a saúde dos agentes comunitários de saúde do Brasil. Método: trata-se de um estudo bibliográfico, tipo revisão integrativa, de artigos publicados no período de 2002 a 2016, nos idiomas inglês, espanhol e português, inseridos na base de dados da Biblioteca Virtual em Saúde. Realizou-se a leitura dos títulos, resumos e artigos completos que atendessem ao objetivo proposto. Apresentaram-se os resultados em forma de figura. Resultados: selecionaram-se 20 artigos que se evidenciaram, a partir da análise dos artigos, diversas formas de adoecimento, tanto de ordem física, como psíquica. Relacionaram-se intimamente as condições de trabalho ao comprometimento da qualidade de vida desses trabalhadores e à exposição aos agravos e doenças. Conclusão: aponta-se a necessidade de intervenções imediatas nas condições de trabalho do agente comunitário de saúde, por parte dos gestores, visando à redução da morbimortalidade desses profissionais de saúde.(AU)


Objective: to identify scientific productions that demonstrate how working conditions influence the health of community health agents in Brazil. Method: it is a bibliographical study, integrative type review of articles published from 2002 to 2016, in English, Spanish and Portuguese languages, entered in the Virtual Health Library database was performed reading the titles, abstracts and complete articles that met the proposed objective. The results were presented in figure form. Results: we selected 20 articles that were evidenced, from the analysis of the articles, various forms of illness, both physical and psychic. Work conditions were intimately related to the impairment of the quality of life of these workers and to exposure to illnesses and diseases. Conclusion: it is pointed out the need for immediate interventions in the working conditions of the community health agent, by the managers, aiming at reducing the morbidity and mortality of these health professionals.(AU)


Objetivo: identificar las producciones científicas que demuestran cómo las condiciones de trabajo influencian la salud de los agentes comunitarios de salud de Brasil. Método: se trata de un estudio bibliográfico, tipo revisión integrativa, de artículos publicados en el período de 2002 a 2016, en inglés, español y portugués, insertados en la base de datos de la Biblioteca Virtual de Salud. Se realizó la lectura de los títulos, resúmenes y artículos completos que atendieran al objetivo propuesto. Se presentaron los resultados en forma de figura. Resultados: se seleccionaron 20 artículos que se evidenciaron, a partir del análisis de los artículos, diversas formas de enfermedad, tanto de orden físico, como psíquico. Se relacionaron íntimamente las condiciones de trabajo al comprometimiento de la calidad de vida de esos trabajadores y a la exposición a los agravios y enfermedades. Conclusión: se señala la necesidad de intervenciones inmediatas en las condiciones de trabajo del agente comunitario de salud, por parte de los gestores, objetivando a la reducción de la morbimortalidad de esos profesionales de salud.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Qualidade de Vida , Condições de Trabalho , Riscos Ocupacionais , Nível de Saúde , Saúde do Trabalhador , Agentes Comunitários de Saúde , Doenças Profissionais , Processo Saúde-Doença , Estratégia Saúde da Família , Bibliotecas Digitais
6.
Rev. enferm. UFPE on line ; 13(2): 438-448, fev. 2019.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1010214

RESUMO

Objetivo: analisar características sociodemográficas, laborais e de saúde dos docentes. Método: trata-se de um estudo quantitativa, observacional e transversal, realizada com 65 docentes de Enfermagem, utilizando-se um questionário. Realizou-se o tratamento dos dados pela estatística simples. Resultados: constatou-se elevada prevalência feminina, na faixa etária mais incidente acima dos 50 anos. Declarou-se a maioria (75,35%) da raça branca, cumprindo regime semanal de 40 horas semanais. Percebeu-se, com o início da atividade docente, que houve aumento no número de casos de doenças crônicas em cerca de 40%, contudo, nem toda a população associou estas doenças às atividades laborais. Alimentavam-se adequadamente 89,2% dos docentes, e a prática de atividade física não foi comum, mas quase toda a população (93,8) dedicava tempo ao lazer. Conclusão: encontra-se o trabalho do docente fortemente influenciado pela forma de produção pautada no modelo neoliberal, que eleva o ritmo laboral e promove a polivalência do trabalhador. Descritores: Docentes; Enfermagem; Saúde do Trabalhador; Educação em Enfermagem; Desempenho.(AU)


Objective: to analyze the sociodemographic, labor and health characteristics of teachers. Method: This is a quantitative, observational and cross-sectional study carried out with 65 Nursing teachers, using a questionnaire. Data were processed by simple statistics. Results: high female prevalence was observed in the most incident age group over 50 years old. It was declared the majority (75.35%) of the white race, fulfilling weekly regime of 40 hours weekly. It was noticed, with the beginning of the teaching activity, that there was an increase in the number of cases of chronic diseases in about 40%, however, not all the population associated these diseases with the work activities. 89.2% of the teachers were adequately fed, and the practice of physical activity was not common, but almost all the population (93.8) spent leisure time. Conclusion: the work of the teacher is strongly influenced by the form of production based on the neoliberal model, which raises the work rhythm and promotes the polyvalence of the worker.(AU)


Objetivo: analizar las características sociodemográficas, laborales y de salud de los docentes. Método: se trata de un estudio cuantitativo, observacional y transversal, realizado con 65 docentes de Enfermería, utilizando un cuestionario. Se realizó el tratamiento de los datos por la estadística simple. Resultados: se constató elevada prevalencia femenina, en el grupo de edad más incidente por encima de los 50 años. Se declaró la mayoría (75,35%) de la raza blanca, cumpliendo régimen semanal de 40 horas semanales. Se percibió, con el inicio de la actividad docente, que hubo aumento en el número de casos de enfermedades crónicas en cerca del 40%, sin embargo, no toda la población asoció estas enfermedades a las actividades laborales. Se alimentaban adecuadamente el 89,2% de los docentes, y la práctica de actividad física no fue común, pero casi toda la población (93,8) dedicaba su tiempo al ocio. Conclusión: se encuentra el trabajo del docente fuertemente influenciado por la forma de producción pautada en el modelo neoliberal, que eleva el ritmo laboral y promueve la polivalencia del trabajador.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Condições Sociais , Condições de Trabalho , Perfil de Saúde , Saúde do Trabalhador , Educação Superior , Educação em Enfermagem , Docentes de Enfermagem , Desempenho Profissional , Doença Crônica , Estudos Transversais , Inquéritos e Questionários , Doenças Profissionais
7.
Cogitare enferm ; 24: e65058, 2019. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1055963

RESUMO

RESUMO Objetivo: determinar a intensidade da dor e a incapacidade funcional em portadores de dor lombar crônica inespecífica. Método: estudo transversal com 90 trabalhadores da enfermagem de um hospital público entre agosto e outubro de 2017. Empregou-se Questionário de Roland Morris e Escala Visual Numérica. Procederam-se análises bivariadas, correlações de Pearson ou Spearman e teste Anova para comparação de médias. Resultado: a intensidade da dor foi moderada e associada com Índice de Massa Corpórea e limitação em atividades de vida diária e trabalho. A incapacidade funcional mostrou-se baixa e relacionada ao duplo emprego na enfermagem e faixa etária de 41 a 50 anos. A relação entre intensidade da dor e incapacidade foi significativa, positiva e moderada. Conclusão: a intensidade da dor lombar e incapacidade funcional associaram-se a fatores laborais e individuais. A identificação desses fatores pode favorecer a implementação de medidas preventivas e guiar intervenções reabilitativas mais elaboradas e específicas.


RESUMEN Objetivo: determinar la intensidad del dolor y la incapacidad funcional en portadores de dolor lumbar crónica inespecífica. Método: estudio trasversal con 90 trabajadores de enfermería de un hospital público, hecho entre agosto y octubre de 2017. Se utilizó cuestionario de Roland Morris y Escala Visual Numérica. Se hicieron análisis bivariados, correlaciones de Pearson o Spearman y test Anova para comparación de promedios. Resultado: la intensidad del dolor fue moderada y se la asoció al Índice de Masa Corpórea y limitación en actividades de vida diaria y trabajo. La incapacidad funcional se reveló baja y relacionada a la doble jornada en la enfermería, además de franja etaria de 41 a 50 años. La relación entre intensidad del dolor e incapacidad fue significativa, positiva y moderada. Conclusión: la intensidad del dolor lumbar así como la incapacidad funcional se asociaron a factores laborales e individuales. La identificación de esos factores puede favorecer la implementación de medidas preventivas y orientar intervenciones de rehabilitación más apropiadas y específicas.


ABSTRACT Objective: To determine pain intensity and functional disability in patients with non-specific chronic low back pain. Method: Cross-sectional study with 90 nursing workers of a public hospital conducted between August and October 2017. The Roland Morris Questionnaire and Visual Numerical Scale were used. Bivariate analyzes, Pearson or Spearman correlations and Anova test for comparison of means were performed. Result: Pain intensity was moderate and associated with Body Mass Index and limitation in activities of daily living and reduction of work productivity. Functional disability was low and related to having more than one nursing job and aged 41- 50 years. Conclusion: Low back pain intensity and functional disability were associated with work and individual factors. The identification of these factors may favor the implementation of preventive measures and guide more accurate and specific rehabilitation interventions. The relationship between the intensity of pain and disability was significant, positive and moderate.


Assuntos
Saúde do Trabalhador , Dor Lombar/complicações , Profissionais de Enfermagem , Doenças Profissionais , Doença Crônica
8.
Notas enferm. (Córdoba) ; 18(32): 22-26, dic. 2018. tab
Artigo em Espanhol | LILACS, BDENF - Enfermagem, BINACIS, UNISALUD | ID: biblio-1005479

RESUMO

Se realizó el estudio, para determinar lascaracterísticas del personal de Enfermería que presenta Várices en los servicios Emergencia,Terapia Intensiva y Clínica Médica de los hospitales "José Francisco de San Martin"y "Juan Pablo II" . El diseño metodológico utilizadofue de tipo cuantitativo, descriptivo,transversal y observacional.Del total de 150 profesionales que reunieron los criterios de inclusión, exclusión y eliminación,se selecionó a 54 enfermeros;por un muestreo probabilistico sistemático, la recolección de los datos se realizó durante los meses de agosto y septiembre del 2017, a travez de unaencuesta.Se analizaron las variables frecuencia de aparcición de Várices, edad, sexo, tipo de varices, antigüedad en el servicio, tiempo de bipedestacion...


The study was carried out to determine the characteristics of the nursing staff that presents varicose veins in the Emergency, Intensive Care and Medical Clinic services of the "José Francisco de San Martin" and "Juan Pablo II" hospitals. The methodological design used was quantitative, descriptive, prospective, crosssectional and observational. Out of the total of 150 professionals who met the inclusion, exclusion and elimination criteria, 54 nurses were selected, and by a systematic probabilistic sampling, the data collection was carried out during the months of August and September of 2017, through a survey. The variables of varices frequency, age, sex, type of varicose veins, length of service, and standing time were analyzed...


Assuntos
Humanos , Masculino , Adulto , Varizes/epidemiologia , Extremidade Inferior/irrigação sanguínea , Recursos Humanos de Enfermagem , Doenças Profissionais , Estudos Transversais
9.
Rev. enferm. UERJ ; 26: e31170, jan.-dez. 2018. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1004065

RESUMO

Objetivo: determinar as questões de saúde que levam os profissionais de enfermagem a licenciarem-se do trabalho por mais de 15 dias ou sofrerem readaptação funcional. Métodos: pesquisa documental, retrospectiva com abordagem quantitativa. Foram analisados 886 registros de afastamentos da equipe de enfermagem de um hospital universitário. Os dados foram apresentados por meio de estatística descritiva. Resultados: os afastamentos dos trabalhadores foram atribuídos, principalmente, transtornos mentais e comportamentais (22,6%), seguidos das doenças do sistema osteomuscular e do tecido conjuntivo (24,4%) dos casos. Em relação aos motivos que levaram os profissionais a sofrerem readaptação funcional, captou-se como principal causa as doenças osteomusculares (56,3%), registrando-se em seguida os transtornos mentais (18,8%). Conclusão: os trabalhadores possuem elevado índice de adoecimento por doenças osteomusculares, no entanto, preocupa o crescente adoecimento mental. Portanto, é necessário intensificar medidas protetoras para prevenção do adoecimento e melhoradas condições laborais.


Objective: to determine the health problems that lead nursing professionals to leave work for more than 15 days or to undergo functional readjustment. Methods: in this quantitative, retrospective, documentary study, 886 records of absence of the nursing staff at an university hospital were examined. Data were presented using descriptive statistics. Results: workers' absences were attributed mainly to mental and behavioral disorders (22.6%), followed by musculoskeletal system and connective tissue diseases (24.4%). The main causes that led nursing staff to undergo functional rehabilitation, were musculoskeletal diseases (56.3%), followed by mental disorders (18.8%). Conclusion:nursing workers display high rates of illness from musculoskeletal diseases; however, growing mental illness is worrisome. Therefore, it is necessary to intensify protective measures to prevent illness and improve working conditions.


Objetivo: determinar los problemas de salud que llevan a los profesionales de enfermería al alejamiento del trabajo por más de 15 días o a una readaptación funcional. Métodos: investigación documental, retrospectiva con enfoque cuantitativo. Se analizaron 886 registros de alejamientos del equipo de enfermería en un hospital universitario. Los datos se presentaron a través de estadística descriptiva. Resultados: los alejamientos de los trabajadores se atribuyeron principalmente a trastornos mentales y comportamentales (22,6%), y a las enfermedades del sistema músculo esquelético y del tejido conjuntivo (24,4%). Respecto a los motivos que llevaron a los profesionales a pasar por readaptación funcional, las principales causas fueron las enfermedades músculo esqueléticas (56,3%) y, después, trastornos mentales (18,8%). Conclusión: los trabajadores tienen una elevada tasa de enfermedades musculo esqueléticas, sin embargo, es preocupante el creciente número de enfermedades mentales. Por lo tanto, es necesario intensificar las medidas de protección para prevenir enfermedades y mejorar las condiciones de trabajo.


Assuntos
Animais , Masculino , Feminino , Saúde do Trabalhador , Enfermagem , Readaptação ao Emprego , Licença Médica , Estresse Ocupacional , Doenças Profissionais , Riscos Ocupacionais , Serviço Hospitalar de Enfermagem
10.
Rev. enferm. UFPE on line ; 12(7): 1957-1961, jul. 2018.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-986716

RESUMO

Objetivo: analisar a utilização do equipamento de esfigmomanômetro aneroide pelos técnicos de Enfermagem. Método: estudo qualitativo, do tipo descritivo, com nove técnicos de Enfermagem. Utilizou-se um questionário semiestruturado, com dados transcritos e analisados pela técnica de Análise de Conteúdo. Resultados: após a análise das falas, emergiram as categorias "A rotina adoece o trabalhador"; "Em casa de ferreiro, o espeto é de madeira" e "Santo de casa não faz milagre". Percebe-se um trabalhador adoecido pela falta do cumprimento de política à saúde do trabalhador em que se faz necessária uma intervenção ergonômica. Conclusão: o trabalhador entende dos seus direitos, mas, ainda sim, de alguma forma, não os requer em relação às melhorias nas condições de trabalho. Quanto à instituição gestora, cabe adotar medidas de melhorias e absorver a participação dos trabalhadores para que aconteçam as devidas mudanças no seu cenário de trabalho. E se torna necessária a substituição do aparelho aneroide pelo digital em benefício à saúde do trabalhador.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Condições de Trabalho , Riscos Ocupacionais , Saúde do Trabalhador , Esfigmomanômetros , Política de Saúde do Trabalhador , Técnicos de Enfermagem , Doenças Profissionais , Enfermagem do Trabalho , Qualidade de Vida , Pesquisa Qualitativa , Pressão Arterial
11.
Cogitare enferm ; 23(1): 1-11, jan - mar. 2018.
Artigo em Inglês, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-883484

RESUMO

objetivos: descrever características sociodemográficas e de trabalho e identificar os agravos relacionados com a atividade laboral, notificados no Sistema de Informação em Saúde do Trabalhador do estado do Rio Grande do Sul. Método: estudo descritivo documental, com acesso aos registros de notificação do Relatório Individual de Notificação de Agravo, ano 2015, no Sistema de Análise de Negócio dos 26 municípios de abrangência da 19ª Coordenadoria Regional de Saúde do Rio Grande do Sul. Análise dos dados por meio de cálculo de frequência simples e relativa. Resultado: notificados 1.016 agravos, predomínio de homens 760 (74,8%), na faixa etária dos 18 aos 29 anos, 273 (26,8%). Tipo de agravo mais notificado foi outros acidentes de trabalho, 787 (77,5%); aconteceram no local de trabalho 809 (79,6%) e na zona urbana 398 (39,2%). Conclusão: percebe-se que a maioria dos agravos (acidentes e doenças) ocorridos foi com jovens, em plena idade produtiva, cujas marcas, físicas e psíquicas, muitas vezes, irão segui-los para toda a vida (AU).


objectives: describe the sociodemographic and work-related characteristics and identify the work-related injuries, reported in the Worker Health Information System of the State of Rio Grande do Sul. Method: a descriptive documentary study that gathered information by examining the records of the Individual Disease Notification Report, year 2015, at the Sistema de Análise de Negócios (SAN) of the 26 municipalities comprised by the 19th Regional Health Department of Rio Grande do Sul. Data analysis used simple and relative frequency calculation. Result: in total, 1,016 injuries were reported, mostly in men: 760 (74.8%); aged 18-29 years: 273 (26.8%). The most commonly reported injury was other occupational accidents, 787 (77.5%); 809 (79.6%) occurred in the workplace and 398 (39.2%) in the urban area. Conclusion: most injuries (accidents and illnesses) involved young individuals, at working age, often resulting in permanent physical and mental disabilities (AU).


Objetivos: describir características sociales, demográficas y de trabajo e identificar los agravios asociados con la actividad laboral, apuntados en el Sistema de Información en Salud del Trabajador del estado de Rio Grande do Sul. Método: estudio descriptivo documental, con acceso a los registros de notificación del Informe Individual de Notificación de Agravio, año 2015, en el Sistema de Análisis de Negocio de los 26 municipios que abarca la 19ª Coordinación Regional de Salud de Rio Grande do Sul. Análisis de los datos hecha por medio de cálculo de frecuencia simple y relativa. Resultado: notificados 1.016 agravios, predominio de hombres 760 (74,8%), con media de edad de 18 a 29 años, 273 (26,8%). El tipo de agravio más apuntado fue otros accidentes de trabajo, 787 ( 77,5%); ocurrieron el local de trabajo 809 (79,6%) y en el área urbana 398 (39,2%). Conclusión: se percibe que la mayoría de los agravios (accidentes y enfermedades) ocurrió con jóvenes, en edad productiva, cuyas señales, físicas y psíquicas, muchas veces, los seguirán por toda la vida (AU).


Assuntos
Humanos , Acidentes de Trabalho , Saúde do Trabalhador , Notificação , Sistemas de Informação em Saúde , Doenças Profissionais
12.
Rev. latinoam. enferm. (Online) ; 26: e3006, 2018. tab
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-901955

RESUMO

ABSTRACT Objective: to identify the prevalence of musculoskeletal symptoms in two stages (before and after six months of the first stage) and its association with presenteeism among nursing professionals. Method: longitudinal study with quantitative data conducted in a Brazilian teaching hospital with 211 nursing professionals. The instruments used for data collection were: Cultural and Psychosocial Influences on Disability - CUPID Questionnaire, used to identify the musculoskeletal symptoms and the Stanford Presenteeism Scale, used to verify presenteeism. The instruments were validated for Brazilian Portuguese. The study was approved by the Human Research Ethics Committee. Descriptive statistics, Mann Whitney test and regression analysis were used to analyze the data. Results: 158 (74.9%) professionals experienced presenteeism and 151 (71.6%) reported low back pain as musculoskeletal symptom. Professionals with low back pain had lower scores on the presenteeism scale and shoulder pain was related to loss of concentration during work. Conclusion: presenteeism lead to a reduction in work performance and was manifested in the presence of musculoskeletal symptoms. In addition, shoulder pain caused loss of concentration at work.


RESUMO Objetivo: identificar as prevalências de sintomas musculoesqueléticos em duas etapas (antes e após seis meses da primeira etapa) e sua associação com o presenteísmo entre trabalhadores de enfermagem. Método: estudo longitudinal com abordagem quantitativa dos dados desenvolvido em um hospital de ensino brasileiro com 211 trabalhadores de enfermagem. Os instrumentos utilizados para a coleta de dados foram o Cultural and Psychosocial Influences on Disability - CUPID Questionnaire, para identificar os sintomas musculoesqueléticos e a Stanford Presenteeism Scale, para verificar o presenteísmo. Os respectivos instrumentos foram validados para a língua portuguesa falada no Brasil. O estudo foi aprovado pelo comitê de ética em pesquisa com seres humanos. Para a análise dos dados, foi utilizada a estatística descritiva, teste Mann Whitney e análise de regressão. Resultados: 158 (74,9%) trabalhadores apresentaram presenteísmo e 151 (71,6%) referiram como sintoma musculoesquelético a dor lombar. Os trabalhadores com dor lombar apresentaram menor pontuação na escala do presenteísmo. A dor no ombro estava relacionada à perda de concentração durante o trabalho. Conclusão: o presenteísmo ocasionou redução no desempenho do trabalho, manifestou-se na presença dos sintomas musculoesqueléticos e a dor no ombro causou perda de concentração no trabalho.


RESUMEN Objetivo: identificar la prevalencia de síntomas musculoesqueléticos en dos etapas (antes y después de seis meses de la primera etapa) y su asociación con el presentismo entre trabajadores de enfermería. Método: estudio longitudinal con abordaje cuantitativo de los datos, realizado en un hospital brasileño de enseñanza, entre 211 trabajadores de enfermería. Los instrumentos utilizados para la colecta de datos fueron: el cuestionario Cultural and Psychosocial Influences on Disability - CUPID, para identificar los síntomas musculoesqueléticos y la Escala Stanford Presenteeism, para comprobar el presentismo. Los respectivos instrumentos se validaron al portugués brasileño. El comité de ética de investigación científica con seres humanos aprobó el estudio. Se utilizó la estadística descriptiva para el análisis de los datos, la prueba de Mann Whitney y el análisis de regresión. Resultados: 158 (74,9%) trabajadores demostraban presentismo y 151 (71,6%) se refirieron al dolor lumbar como síntoma musculoesquelético. Los trabajadores con dolor lumbar presentaban puntuación menor en la escala del presentismo y el dolor en el hombro estaba relacionado con la pérdida de concentración durante el trabajo. Conclusión: el presentismo ocasionó reducción en el desempeño del trabajo, se manifestó en la presencia de los síntomas musculoesqueléticos y el dolor en el hombro causó pérdida de concentración en el trabajo.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Enfermagem , Doenças Musculoesqueléticas/epidemiologia , Presenteísmo , Doenças Profissionais/epidemiologia , Estudos Longitudinais
13.
Rev. enferm. UFPE on line ; 11(supl.10): 4191-4198, out.2017.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1032302

RESUMO

Objetivo: analisar como o trabalho influencia no surgimento dos transtornos mentais relacionados ao trabalho, no tratamento e na recuperação de pacientes. Método: estudo qualitativo, descritivo, exploratório, desenvolvido no Ambulatório Integrado de Saúde Mental de um Hospital Psiquiátrico, com pacientes de ambos os sexos, de 21 a 78 anos de idade. Após a leitura e análise das informações foi possível caracterizar as falas em três categorias semânticas, agrupando-as com base na semelhança de seus contextos, expressando deforma significativa e objetiva as ideias dos entrevistados acerca do assunto em questão. Resultados: foram construídas três categorias caracterizadas pelas semelhanças de seus contextos: O trabalho como meio propulsor para o adoecimento; O trabalho como recurso terapêutico; O trabalho como pressuposto social, importante e necessário. A análise permitiu identificar que, conforme o ambiente e a forma como é realizado, o trabalho pode gerar prazer, satisfação, sofrimento psíquico ou até transtorno mental. Conclusão: o trabalho ao tempo em que pode gerar danos a nível psíquico pode também constituir-se em gerador de experiências positivas e reabilitadoras, no sentido em que potencializa e dignifica o homem.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Ambiente de Trabalho , Condições de Trabalho , Doenças Profissionais , Satisfação no Emprego , Saúde Mental , Saúde do Trabalhador , Trabalho , Transtornos Mentais , Epidemiologia Descritiva , Pesquisa Qualitativa , Processo Saúde-Doença
14.
Rev. enferm. UFPE on line ; 11(3): 1179-1188, mar.2017. ilus
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1032043

RESUMO

Objetivo: identificar os fatores de interferência e as estratégias pessoais estreitadas por profissionais de um a equipe de enfermagem para o estímulo do seu autocuidado. Método: estudo descritivo-exploratório, com abordagem qualitativa, realizado com 10 profissionais de enfermagem. A coleta de dados foi realizada a partir de entrevistas semiestruturadas e as análises pela técnica de Análise de Conteúdo na modalidade Análise Temática. Resultados: observou-se a existência de déficits relativos ao exercício do cuidado individual associados a processos pessoais e de trabalho, tais como a falta de tempo, automedicação, relaxamento, acúmulo de jornadas, sobrecarga de trabalho. Conclusão: há a necessidade de sensibilização dos profissionais e gestores sobre ações que estimulem no grupo a cultura de autocuidado, uma vez que a falta de cuidado, impacta negativamente na qualidade na assistência prestada à clientela.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Autocuidado , Doenças Profissionais , Equipe de Enfermagem , Promoção da Saúde , Saúde do Trabalhador , Automedicação , Educação Continuada , Epidemiologia Descritiva , Gerenciamento do Tempo
15.
Rev. enferm. UFPE on line ; 11(supl.3): 1481-1488, mar.2017. ilus, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1032431

RESUMO

Objetivo: identificar o bem-estar no trabalho e as alterações de saúde dos docentes de uma instituição de ensino superior. Método: estudo descritivo, correlacional, transversal, de abordagem quantitativa, realizado numa instituição de ensino pública. A amostra foi de 82 docentes de Bioquímica, Enfermagem, Farmácia e Medicina. Para avaliar o bem-estar, foram utilizadas Escala de Faces de Andrews, Índice de Bem-estar (WHO-5) e Escala de Bem-estar Psicológico (EBEP). Resultados: na escala de Faces de Andrews, a face predominante foi 2 “felicidade”, com 39%. No bem-estar, 64,59% dos docentes apresentaram bem-estar satisfatório. 24,7%dos professores disseram ter se afastado do trabalho devido à depressão, síndrome do pânico, síndrome de Burnout; 1,2% relatou afastamento devido à AT com material perfuro cortante. Conclusão: o bem-estar, bom relacionamento interpessoal e sua estreita relação com o crescimento pessoal e objetivos de vida são fundamentais para a promoção da saúde no trabalho dos docentes.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Condições de Trabalho , Docentes , Doenças Profissionais , Emoções , Satisfação no Emprego , Saúde do Trabalhador , Universidades , Epidemiologia Descritiva , Estudos Transversais , Promoção da Saúde , Relações Interpessoais
16.
Rev. enferm. UFPE on line ; 11(supl.1): 383-392, jan.2017. ilus
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1032264

RESUMO

Objetivo: verificar a ocorrência de problemas musculoesqueléticos e os principais fatores associados entre aprimorandos e aperfeiçoandos de diferentes profissões da área da saúde. Método: estudo transversal, descritivo, de base populacional, entre 104 profissionais de diferentes áreas da saúde, de ambos os sexos, ligados ao Programa de Aperfeiçoamento e Aprimoramento de uma Faculdade de Medicina do interior paulista. Os dados foram obtidos pelo Questionário Nórdico de Sintomas Osteomusculares QNSO. Resultados:41,4% tinham problemas na região lombar; 33,9% problemas no quadril e nos membros inferiores e 30,1%problemas na região dorsal. As associações mostraram que a maioria dos enfermeiros (63,6%) e fisioterapeutas(65,38%) costuma carregar peso e sentir dor lombar. Houve significância estatística entre queixas de sintomas e horas de trabalho. 90,9% relataram alguma queixa psíquica. Conclusão: a prática profissional exercida nos moldes de aperfeiçoamento e aprimoramento apresenta fatores de risco para agravos ósteo-músculoarticulares, em especial, entre enfermeiros e fisioterapeutas.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Adulto , Doenças Profissionais , Educação de Pós-Graduação , Ergonomia , Pessoal de Saúde , Saúde do Trabalhador , Transtornos Traumáticos Cumulativos , Enfermeiras e Enfermeiros , Estudos Transversais , Fisioterapeutas , Hospitais de Ensino
17.
Rev. latinoam. enferm. (Online) ; 25: e2843, 2017. tab, graf
Artigo em Inglês | BDENF - Enfermagem, LILACS | ID: biblio-845331

RESUMO

RESUMEN Objectives: to evaluate the effectiveness of the auricular protocol (APPA) in reducing pain and anxiety and improving the quality of life of the nursing staff of a hospital. Method: randomized clinical trial with an initial sample of 180 professionals divided into 4 groups Control (G1), Seed (G2), Needle (G3) and Tape (G4). The evaluation instruments were the State-Trait Anxiety Inventory, Pain Visual Analog Scale and Quality of Life instrument, applied at the start and after five and 10 sessions (five weeks). Descriptive statistics, analysis of variance (ANOVA) and Cohen's d Index were used in the analysis. Results: there was a statistical difference (p < 0.05) for anxiety according to the repeated measures ANOVA, with better results for the G3 in the final assessment (Cohen's d index 1.08/17% reduction). There was a reduction of pain of 36% in G3 and 24% in G2 and a 13% increase in the mental aspect of quality of life for the G3, although without statistical significance. Conclusion: the APPA protocol reduced the anxiety levels of nursing staff after 10 sessions. Further studies are, however, suggested with new populations and in different contexts so that the results can be confirmed. RBR-5pc43m.


RESUMO Objetivos: avaliar a efetividade do protocolo auricular para redução de ansiedade, dor (APPA) e melhoria de qualidade de vida em equipe de Enfermagem de um hospital. Método: ensaio clínico randomizado com amostra inicial de 180 profissionais divididos em 4 grupos Controle (G1), Semente (G2), Agulha (G3) e Fita Adesiva (G4). Os instrumentos de avaliação foram o Inventário de Ansiedade Traço-Estado, Escala Visual Analógica de dor e instrumento de Qualidade de Vida, aplicados no início, depois de cinco e 10 sessões (cinco semanas). Na análise utilizou-se a estatística descritiva, a análise de variância (ANOVA) e o Índice d de Cohen. Resultados: houve diferença estatística (p < 0,05) para a ansiedade segundo ANOVA de medidas repetidas, com melhores resultados para o G3 na última avaliação (índice d de Cohen 1,08/17% de redução). Houve redução de 36% no G3, 24% no G2 para a dor e 13% de aumento no nível mental de qualidade de vida para o G3, embora sem diferenças estatísticas. Conclusão: o protocolo APPA reduziu os níveis de ansiedade em equipe de enfermagem depois de 10 sessões. Mas, sugerem-se mais estudos com novas populações e em diferentes contextos para que os resultados se confirmem. RBR-5pc43m.


RESUMEN Objetivos: evaluar la efectividad del protocolo auricular para reducción de ansiedad, dolor (APPA) y mejoría de calidad de vida, en equipo de enfermería de un hospital. Método: ensayo clínico aleatorizado con muestra inicial de 180 profesionales divididos en 4 grupos: Control (G1), Semilla (G2), Aguja (G3) y Cinta Adhesiva (G4). Los instrumentos de evaluación fueron el Inventario de Ansiedad Rasgo-Estado, la Escala Visual Analógica de Dolor y el instrumento de Calidad de Vida, aplicados en el inicio, y después de cinco y 10 sesiones (cinco semanas). En el análisis se utilizó la estadística descriptiva, la análisis de variancia (ANOVA) y el Índice d de Cohen. Resultados: hubo diferencia estadística (p < 0,05) para la ansiedad según ANOVA de medidas repetidas, con mejores resultados para el G3 en la última evaluación (índice d de Cohen 1,08/17% de reducción). Hubo reducción de 36% en el G3, 24% en el G2 para el dolor y 13% de aumento en el nivel mental de calidad de vida para el G3, a pesar de que sin diferencias estadísticas. Conclusión: el protocolo APPA redujo los niveles de ansiedad en el equipo de enfermería después de 10 sesiones. Se sugiere realizar más estudios con nuevas poblaciones y en diferentes contextos para que los resultados puedan ser confirmados. RBR-5pc43m.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Ansiedade/terapia , Qualidade de Vida , Enfermagem , Auriculoterapia , Manejo da Dor/métodos , Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital , Doenças Profissionais/terapia
18.
REME rev. min. enferm ; 21: [1-8], 2017. tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-907930

RESUMO

O estudo objetivou analisar a relação entre o absenteísmo-doença, o perfil sociodemográfico e laboral, os hábitos e a saúde dos trabalhadores do serviço hospitalar de limpeza. Estudo transversal envolvendo 157 trabalhadores do Serviço de Limpeza Hospitalar de um hospital universitário público do Rio Grande do Sul, Brasil. Predominou trabalhadores do sexo feminino, com ensino médio completo, casados/com companheiro, até três filhos. As faltas ao trabalho prevaleceram até nove dias. Os trabalhadores que mais faltaram foram os que tinham até três filhos (53,5%), com renda per capita familiar < 01 salário mínimo (52,4%), que não possuíam outro emprego (43,9%) e estavam acima do peso normal (71,4%). Evidenciou-se associação estatística entre absenteísmo-doença e ter filhos, sofrer acidente de trabalho, não ter tempo para lazer, necessidade de atendimento médico no último ano, suspeição para o alcoolismo, baixa capacidade para o trabalho e dor musculoesquelética.


The study aimed to analyze the relationship between sickness absenteeism and the sociodemographic and labor market profiles, the habits, andthe health of hospital cleaning staff. Cross-sectional study, involving 157 Hospital cleaning service workers of a public university hospital of RioGrande do Sul, Brazil. Female workers predominated, with complete high school, married/with partner, up to three children. Absenteeism wasregistered for up to nine days for the same worker. The workers who were absent the most were those who had up to 03 children (53.5%), a percapita family income of 01 minimum wage (52.4%), did not have another job (43.9%) and were overweight (71.4%). A statistical association wasfound between sickness absenteeism and having children, suffering an accident at work, not having time for leisure, needing medical attention inthe past year, being suspected for alcoholism, having low capacity for work and feeling musculoskeletal pain.


El estudio tuvo como objetivo analizar la relación absentismo – enfermedad, el perfil sociodemográfico y laboral, los hábitos y la salud de lostrabajadores del servicio hospitalario de limpieza. Estudio transversal con 157 trabajadores del servicio de limpieza de un hospital universitariopúblico de Rio Grande do Sul, Brasil. Predominaron las mujeres, las personas con secundario completo, casadas o en pareja, con hasta tres hijos. Prevalecieron las faltas al trabajo de hasta nueve días. Las personas que más faltaron fueron las que tenían hasta 3 hijos (53.5%), ingreso per cápitafamiliar < 01 salario mínimo (52.4 < %), las que no tenían ningún otro trabajo (43,9%) y las que estaban por encima del peso normal (71,4%). Seevidenció asociación estadística entre el absentismo-enfermedad y tener hijos, los accidentes laborales, la falta de tiempo para el ocio, la necesidadde atención médica el último año, la sospecha de alcoholismo, la baja capacidad para el trabajo y el dolor musculoesquelético.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Absenteísmo , Serviço Hospitalar de Limpeza , Doenças Profissionais/prevenção & controle , Saúde do Trabalhador , Riscos Ocupacionais , Condições de Trabalho , Condições Sociais , Fatores Socioeconômicos
19.
Rev. gaúch. enferm ; 38(4): e2016-3, 2017. tab, graf
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-901686

RESUMO

Resumo OBJETIVO Avaliar o conhecimento e as práticas de biossegurança adotadas por profissionais do segmento da beleza. MÉTODOS Pesquisa descritiva do tipo survey. Foram entrevistados 238 profissionais de serviços de embelezamento entre agosto de 2014 e 2015. As variáveis foram apresentadas por meio de frequências absolutas e relativas, bem como média e desvio padrão. RESULTADOS 62,6% dos profissionais tiveram contato com sangue de clientes sem uso de luvas; instrumentais para o atendimento e 32,8% dos entrevistados não utilizaram equipamentos de proteção individual durante suas atividades laborais. CONCLUSÕES As doenças mais citadas quanto ao risco de contágio e de transmissão na prática laboral foram as hepatites virais, HIV e fungos. Quanto aos procedimentos de biossegurança adotados, o autoclave é o equipamento menos usado na esterilização dos instrumentos.


Resumen OBJETIVO Evaluar el conocimiento y las prácticas de bioseguridad adoptadas por profesionales del segmento del embellecimiento. MÉTODOS Evaluar el conocimiento y las prácticas de bioseguridad adoptadas por profesionales del segmento del embellecimiento. RESULTADOS: 62,6% de los profesionales tuvieron contacto con sangre de clientes sin el uso de guantes; el 74,4% higienizaban las manos entre los atendimientos, el 16,8% reutilizaban materiales desechables. Ningún profesional informó la cantidad adecuada de instrumentos y el 32,8% de los entrevistados no utilizaban equipos de protección individual durante sus actividades laborales. CONCLUSIONES Las enfermedades más citadas con respecto al riesgo de contagio y de transmisión en la práctica laboral fueron las hepatitis virales, el VIH y los hongos. Acerca de los procedimientos de bioseguridad adoptados, el autoclave fue el aparato menos utilizado en la esterilización de los instrumentos.


Abstract OBJECTIVE To evaluate the knowledge and biosafety practices adopted by professionals of the beauty segment. METHODS Descriptive study, of survey type. 238 professionals of the beauty segment were interviewed between August 2014 and 2015. The variables were expressed by means of absolute and relative frequencies, as well as average and standard deviation. RESULTS 62.6% of the interviwed professionals reported having had contact with blood from customers when they were not wearing gloves; 74.4% said they washed their hands before and after each service, and only 16.8% of the respondents reported reusing nonsterilizable materials. None of them was able to inform the correct number of sets of tools needed , and 32.8% of the respondents did not use Personal Protective Equipment during their work activities. CONCLUSIONS The most frequently reported diseases associated with the risk of infection and transmission in the work activities were viral hepatitis, HIV and fungi. Regarding the biosafety procedures adopted, autoclave is the least used method for sterilizing devices. Keywords: Beauty and aesthetics centers. Exposure to biological agents. Prevention of diseases.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde , Saúde do Trabalhador , Contenção de Riscos Biológicos , Modificação Corporal não Terapêutica , Fatores Socioeconômicos , Indústria da Beleza/instrumentação , Indústria da Beleza/métodos , Líquidos Corporais , Brasil , Esterilização/instrumentação , Esterilização/métodos , Desinfecção/métodos , Contaminação de Equipamentos/prevenção & controle , Inquéritos e Questionários , Controle de Infecções/métodos , Controle de Infecções/estatística & dados numéricos , Luvas Protetoras/estatística & dados numéricos , Equipamentos Descartáveis/estatística & dados numéricos , Higiene das Mãos/estatística & dados numéricos , Doenças Profissionais/prevenção & controle
20.
Rev. enferm. atenção saúde ; 6(2): 2-11, jul.-dez. 2017. tab
Artigo em Inglês, Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1034665

RESUMO

Os Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho são uns dos mais comuns entre profissionais da saúde, caracterizando-se como um dos mais importantes e graves problemas de saúde pública e um dos principais agravos à saúde que resultam no afastamento do trabalho. Objetivo: Avaliar a presença de distúrbios osteomusculares em enfermeiros de duas Unidades de Pronto Atendimento do Brasil. Foram convidados a participar da pesquisa todos os enfermeiros das UPA norte e sul (n= 44, através do Questionário Nórdico de Sintomas Osteomusculares e questionário sociodemográfico. Método: Participaram voluntariamente 35 enfermeiros. Resultados: Todos tiveram pelo menos um sintoma de dor ou desconforto musculoesquelético nos últimos 12 meses. A região pescoço/região cervical apresentou maior incidência (60,0%), seguida da dor lombar (54,3%). Conclusão: devem ser direcionadas ações de prevenção e intervenção por parte dos serviços de saúde, objetivando a redução de DORT e, consequentemente, uma melhora na qualidade de vida destes profissionais .


Work-related Musculoskeletal Disorders are very common among health professionals. It is characterized as one of the most important and serious public health problems leading to absence from work. Objective: To assess the presence of musculoskeletal disorders among nurses working in two Emergency Care Units (ECU) at Brazil. All nurses working in the north and south ECU were invited to participate (n = 44) through the Nordic Musculoskeletal Questionnaire and sociodemographic questionnaire. Method: 35 nurses voluntarily joined and all of them referred at least one symptom of pain or musculoskeletal discomfort in the past 12 months. Results: The neck/cervical region presented the highest incidence (60.0%) followed by low back pain (54.3%). Conclusion: Health facilities should conduct actions on prevention and intervention in order to reduce WMSDs and consequently improve the quality of life of these professionals .


Los trastornos musculoesqueléticos relacionados con el trabajo son uno de los más comunes entre los profesionales de la salud, y se caracteriza como uno de los más importantes y graves problemas de salud pública y uno de los principales daños para la salud que resultan de la ausencia del trabajo. Objetivo: evaluar la presencia de trastornos musculoesqueléticos en enfermeras de dos unidades de atención de urgencia en Brasil. Fueron invitados a participar en la investigación todas las enfermeras de la UPA al norte y al sur (n= 44, mediante el cuestionario de síntomas musculoesqueléticos, nórdicos y cuestionario sociodemográfico. Han participado voluntariamente en 35 enfermeras, entre los resultados obtenidos, Resultados: Todos tenían por lo menos un síntoma de malestar o dolor musculoesquelético en los últimos 12 meses. El cuello/región cervical mostró mayor incidencia (60,0%), seguido por dolor en la parte baja de la espalda (54,3%). Conclusión: deben dirigirse las acciones de prevención y de intervención por parte de los servicios de salud, encaminadas a la reducción de Dort y, por consiguiente, una mejora en la calidad de vida de estos profesionales .


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Adulto , Doenças Profissionais , Enfermeiras e Enfermeiros , Riscos Ocupacionais , Saúde do Trabalhador , Transtornos Traumáticos Cumulativos
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA