Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 3 de 3
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Tipo de estudo
Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. enferm. UFPE on line ; 11(supl.10): 4165-4170, out.2017. ilus, tab, graf
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-33209

RESUMO

Objetivo: descrever aspectos de saúde crônico-degenerativos dos servidores públicos do IFRN, como, também, inferir as variáveis sociodemográficas com as variáveis mais expressivas: ter varizes e colesterol alto. Método: estudo quantitativo, descritivo, empregando, como instrumento, o questionário fechado. A amostra observada foi de 774 participantes. Foram realizadas análises estatísticas descritivas e inferenciais, considerando-se o quantitativo de respostas que afirmam ter varizes ou colesterol alto. Resultados: os problemas crônicos degenerativos mais expressivos, apontados pelos servidores, são varizes, colesterol e triglicérides elevados, hipertensão e diabetes. As mulheres acima de 35 anos, que têm pós-graduação e companheiro, são as com maiores problemas de varizes. Os servidores acima de 35 anos, que trabalham nos campi da Grande Natal e têm companheiro, apresentam colesterol elevado. Conclusão: sugere-se que os projetos de atenção à saúde dos servidores considerem esses parâmetros como referência para implementar suas ações. (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Saúde do Trabalhador , Empregados do Governo , Doença Crônica , Varizes , Colesterol , Hipercolesterolemia , Promoção da Saúde , Epidemiologia Descritiva , Inquéritos e Questionários , Hipertensão , Diabetes Mellitus , Hipertrigliceridemia
2.
Rev. enferm. Cent.-Oeste Min ; 4(3): 1349-1358, set.-dez.2014.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-26862

RESUMO

Avaliar prevalência da síndrome metabólica (SM) em mulheres comparando critérios internacionais. Métodos: Estudo descritivo transversal envolvendo 93 mulheres, com idade entre 40 a 59 anos, acompanhadas em Unidades Básicas eProgramas de Saúde da Família de Divinópolis-MG. Foram realizadas avaliações clínicas, antropométricas e bioquímicas. Para o diagnóstico de SM foram empregados critérios internacionais: Adult Treatment Panel IIIof the National Cholesterol Education Program (NCEP/ATP III) e International Diabetes Federation (IDF), que utilizam a presença de três ou mais dos seguintes parâmetros alterados: circunferência da cintura (CC), triglicerídeos (TG), HDL,pressão arterial e glicemia. Resultados: 54 mulheres entre 40 a 49 anos (58,7%) e 39 entre 50 a 59 anos (41,3%). Parâmetro individual mais alterado foi CC para ambos os critérios. De acordo com NCEP/ATP III, 40,8% das participantes foram diagnosticadas com SM e 53,7% pelo IDF. Faixa etária de 50-59 apresentou maior prevalência de SM para ambos critérios. Demonstrou-se aumento de risco para SM com tabagismo, diabetes e hipertensão em ambos os critérios. Boa concordância entre os critérios da NCEP ATP III e IDF (k=0,74). Conclusão: IDF foi o critério com maior prevalência para SM e a faixa etária de 50-59 foi a mais crítica


To evaluate the prevalence of metabolic syndrome (MS) in women compared to international criteria. Methods: Crosssectional descriptive study involving 93 women, aged 40 to 59 years, accompanied in Basic Units and Family HealthPrograms in Divinópolis-MG. Clinical, anthropometric and biochemical assessments were performed. Two International criteria were employedfor the diagnosis of MS: Adult Treatment Panel III of the National Cholesterol Education Program(NCEP/ATP III) and International Diabetes Federation (IDF), which use the presence of three or more of the following altered parameters: waist circumference (WC), triglycerides (TG), HDL, blood pressure and blood glucose. Results: 54women aged 40-49 years (58.7%) and 39 aged 50-59 (41.3%). The most altered individual parameter was the WC for both criteria. According to NCEP/ATP III, 40.8% of participants were diagnosed with MS and 53.7% by IDF. The age group 50-59 showed a higher prevalence of MS for both criteria. Increased risk for MS was demonstrated with smoking, diabetes and hypertension in both criteria. There was agreement between the criteria of NCEP/ATP III and IDF (k = 0.74). Conclusion: IDF criteria was most prevalent for SM and the age group of 50-59 was the most critical.


Evaluar la prevalencia de síndrome metabólico (SM) en las mujeres en comparación con los criterios internacionales. Métodos: estudio descriptivo transversal que involucró a 93 mujeres, entre 40 a 59 años, acompañadas por las UnidadesBásicas y Programas de Salud de la Familia de Divinópolis-MG. Se realizaron evaluaciones clínicas, antropométricas ybioquímicas. Para el diagnóstico de SM criterios internacionales se emplearon: del Programa National de Education porCholesterol - Panel de Tratamiento de Adultos III (NCEP/ATP III) y Federación Internacional de Diabetes (IDF), que utilizan la presencia de tres o más de los siguientes parámetros cambiados: circunferencia de la cintura (CC), triglicéridos (TG), HDL, presión arterial y glucosa enla sangre. Resultados: 54 mujeres de 40-49 años (58,7%) y 39 entre los 50 a 59 años (41,3%). Parámetroindividual más alterado fue CC en ambos criterios. Según NCEP/ATP III, el 40,8% de las participantes fueron diagnosticadas con SM y el 53,7% por IDF. Grupo de edadde 50-59 mostraronmayor prevalencia de SM por ambos criterios. Se demostrómayor riesgo de SM con el tabaquismo, la diabetes y la hipertensión arterial en ambos criterios.Hubo bastante concordancia entre los criterios del NCEP/ATP III y IDF (k = 0,74). Conclusión: criterios de IDF fueron más frecuentes para SM y el grupo de edad de 50 a 59 fue el más crítico


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Saúde da Mulher/estatística & dados numéricos , Diabetes Mellitus/diagnóstico , Diabetes Mellitus/prevenção & controle , Colesterol , Obesidade , Hipertensão
3.
Ribeirão Preto; s.n; dez. 2003. 105f p.
Tese em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-16811

RESUMO

A obesidade na adolescência é uma doença universal de prevalência crescente assumindo caráter epidemiológico, como problema de saúde pública na sociedade moderna. Este trabalho teve como objetivo comparar, por meio de pesquisa de campo, o efeito do exercício físico aeróbio contínuo e anaeróbio intermitente associado à orientação alimentar na redução do peso e na composição corporal, em medidas bioquímicas e na capacidade física de adolescentes obesos. Foram investigados 28 adolescentes de 12 a 15 anos, de ambos os sexos, estudantes de escolas públicas, com Índice de Massa Corporal (IMC) acima do percentil 95 para a idade e sexo. Os voluntários foram distribuídos em 2 grupos de forma aleatória: exercício contínuo (GEC; n = 13) e exercício intermitente (GEI; n = 15) e submetidos a um programa de treinamento físico, 3 vezes por semana durante 16 semanas, composto por caminhada (GEC) ou corrida (GEI) com sessões crescentes de 20 a 40 minutos. A atividade de orientação nutricional ocorreu uma vez por semana, em grupo, por 60 minutos, durante todo o experimento. Foram realizadas, no período inicial e final, medidas de peso e altura para cálculo do IMC, pregas subcutâneas, circunferências do braço (CB) e muscular do braço (CMB), composição corporal por bioimpedância elétrica, análises bioquímicas séricas (glicemia e lipídeos), além da determinação direta de consumo máximo de oxigênio (VO2max) e limiar anaeróbio (LAn) para a interpretação das respostas fisiológicas determinadas pelo treinamento aeróbio e anaeróbio....(AU)


Assuntos
Adolescente , Humanos , Obesidade/epidemiologia , Obesidade/prevenção & controle , Saúde do Adolescente , Exercício Físico , Colesterol
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA