Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. latinoam. enferm ; 23(2): 200-207, Feb-Apr/2015. tab
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-747175

RESUMO

OBJECTIVE: to compare the effectiveness of two educational interventions used by a healthcare provider in the monitoring of individuals with type 2 diabetes mellitus (T2DM), regarding knowledge of the disease, impact on quality of life and adoption of self-care actions. METHODS: comparative, longitudinal, prospective study performed with 150 subjects with type 2 diabetes, analyzed according to the type of participation in the program (individual and/or group). Participants of the individual intervention (II) received nursing consultations every six months and those of the group intervention (GI) took part in weekly meetings for three months. Data were collected through four questionnaires: Identification questionnaire, Problem Areas in Diabetes Questionnaire (PAID), Summary of Diabetes Self-Care Activities Questionnaire (SDSCA) and the Diabetes Knowledge Scale (DKN-A). Data were analyzed using the Friedman and Mann Whitney tests, considering a statistical significance of p ≤ 0.05. RESULTS: there was an increase in knowledge about the disease in the II (p<0.003) and GI (p<0.007), with reduction of the impact on the quality of life in the II (p<0.007) and improvement in self-care actions in the GI (p<0.001). CONCLUSION: in both intervention models improvements were observed in the indicators, over the six month monitoring period. .


OBJETIVO: comparar a efetividade de duas intervenções educativas, utilizadas por uma operadora de saúde, no acompanhamento ao indivíduo com diabetes mellitus Tipo 2 (DM2), quanto ao conhecimento sobre a doença, impacto na qualidade de vida e adoção de ações de autocuidado. MÉTODOS: estudo comparativo, longitudinal, prospectivo, realizado com 150 indivíduos com diabetes tipo 2, analisados conforme a modalidade de participação no programa (individual e/ou em grupo). Os participantes da intervenção individual (II) realizaram consultas de enfermagem a cada seis meses e os da intervenção em grupo (IG), reuniões semanais por três meses. Os dados foram coletados mediante quatro questionários: Questionário de identificação, Questionário de Impacto na Qualidade de Vida em Diabetes (PAID), Questionário de Autocuidado em Diabetes (QAD) e Questionário de Conhecimento do Diabetes (DKN-A). Os dados foram analisados utilizando-se o Teste de Friedman e o Teste de Mann Whitney, considerando significância estatística para p ≤ 0,05. RESULTADOS: verificou-se aumento do conhecimento sobre a doença na II (p<0,003) e na IG (p<0,007), redução do impacto na qualidade de vida na II (p<0,007) e melhora das ações de autocuidado na IG (p<0,001). CONCLUSÃO: em ambos os modelos de intervenção foram observadas melhoras dos indicadores, ao longo dos seis meses de acompanhamento. .


OBJETIVO: comparar la efectividad de dos intervenciones educativas, utilizadas por una operadora de planes de salud, en el acompañamiento al individuo con diabetes mellitus Tipo 2 (DM2), sobre al conocimiento de la enfermedad, impacto en la calidad de vida y adopción de acciones de autocuidado. MÉTODOS: estudio comparativo, longitudinal, prospectivo, realizado con 150 individuos con diabetes tipo 2, analizados conforme la modalidad de participación en el programa (individual y/o en grupo). Los participantes de la intervención individual (II) realizaron consultas de enfermería a cada seis meses y los de intervención en grupo (IG), reuniones semanales por tres meses. Los datos fueron recolectados mediante cuatro cuestionarios: Cuestionario de identificación, Cuestionario de Impacto en la Calidad de Vida en Diabetes (PAID), Cuestionario de Autocuidado en Diabetes (CAD) y Cuestionario de Conocimiento de la Diabetes (DKN-A). Los datos fueron analizados utilizando el test de Friedman y el test de Mann Whitney, considerando significación estadística para p ≤ 0,05. RESULTADOS: se verificó aumento del conocimiento sobre la enfermedad en la II (p<0,003) y en la IG (p<0,007), reducción del impacto en la calidad de vida en la II (p<0,007) y mejoría de las acciones de autocuidado en la IG (p<0,001). CONCLUSIÓN: en los dos modelos de intervención fueron observadas mejorías de los indicadores, a lo largo de los seis meses de acompañamiento. .


Assuntos
Humanos , Proteínas Amiloidogênicas/metabolismo , Demência , Disfunção Cognitiva/metabolismo , Imagem Molecular/normas , Medicina Nuclear/educação , Guias de Prática Clínica como Assunto , Tomografia por Emissão de Pósitrons/normas , Proteínas Amiloidogênicas/análise , Demência/metabolismo , Disfunção Cognitiva/complicações , Disfunção Cognitiva , Medicina Nuclear/normas , Estados Unidos
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA