Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 21
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Tipo de estudo
Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. enferm. UFPE on line ; 14: [1-9], 2020. ilus, tab, graf
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1100693

RESUMO

Objetivo: avaliar os marcadores subclínicos de doenças cardiovasculares e os hábitos alimentares em mulheres no período do climatério. Método: trata-se de um estudo quantitativo, descritivo, transversal que avaliou o estado nutricional, exames bioquímicos, espessura da camada íntima média da artéria carótida e os hábitos alimentares de 20 mulheres. Incluíram-se no estudo aquelas que apresentaram espessamento da camada arterial. Analisaram-se os dados no software SPSS versão 18.0. Resultados: observaram-se estado de sobrepeso e risco muito elevado para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares pelo perímetro da cintura. Verificaram-se alterações no colesterol LDL e colesterol total. Conclusão: trata-se de uma população com múltiplos riscos cardiovasculares. Sugere-se que a avaliação integral do estado de saúde de mulheres nesse período seja realizada. Descritores: Climatério; Estado Nutricional; Comportamento Alimentar; Doenças das Artérias Carótida; Riscos Cardiovasculares.(AU)


Objective: to evaluate the subclinical markers of cardiovascular disease and eating habits in women during the climacteric period. Method: this is a quantitative, descriptive, cross-sectional study that assessed nutritional status, biochemical tests, thickness of the middle intima layer of the carotid artery and the eating habits of 20 women. The study included those with thickening of the arterial layer. The data were analyzed using SPSS software version 18.0. Results: there was a state of overweight and an extremely high risk for the development of cardiovascular diseases around the waist. There were changes in LDL cholesterol and total cholesterol. Conclusion: this is a population with multiple cardiovascular risks. It is suggested that the full assessment of the health status of women in this period be carried out.(AU)


Objetivo: evaluar los marcadores subclínicos de enfermedades cardiovasculares y hábitos alimentarios en mujeres durante el período climatérico. Método: se trata de un estudio cuantitativo, descriptivo, transversal que evaluó el estado nutricional, las pruebas bioquímicas, el grosor de la capa íntima media de la arteria carótida y los hábitos alimentarios de 20 mujeres. El estudio incluyó a aquellos con engrosamiento de la capa arterial. Los datos se analizaron con el software SPSS versión 18.0. Resultados: hubo un estado de sobrepeso y un riesgo muy alto de desarrollar enfermedades cardiovasculares alrededor de la cintura. Hubo cambios en el colesterol LDL y el colesterol total. Conclusión: esta es una población con múltiples riesgos cardiovasculares. Se sugiere realizar una evaluación completa del estado de salud de las mujeres en este período.(AU)


Assuntos
Humanos , Feminino , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Mulheres , Perfil de Saúde , Climatério , Biomarcadores , Doenças Cardiovasculares , Doenças das Artérias Carótidas , Estado Nutricional , Fatores de Risco , Saúde da Mulher , Dieta , Epidemiologia Descritiva , Estudos Transversais , Assistência Integral à Saúde
2.
Rev. enferm. UFPE on line ; 13(2): 330-337, fev. 2019. tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1009973

RESUMO

Objetivos: descrever o perfil sociodemográfico de pacientes em hemodiálise e analisar os parâmetros laboratoriais pré/pós-hemodiálise. Método: trata-se de estudo quantitativo, descritivo e transversal realizado com paciente em hemodiálise. Coletaram-se os dados através de formulário sociodemográfico e recorte documental de exames laboratoriais pré/pós-hemodiálise e analisou-os por meio de frequências relativas e absolutas pelo software Statical Package of Social Sciences 21.0, bem como cálculo de desvio padrão e taxa de redução dos metabólitos. Resultados: identificou-se que de 151 participantes, 72,8% eram homens, 52,3% pardos, 74,4% católicos, 37,8% tinham entre 40-59 anos de idade, 33,8% possuíam 4-8 anos de escolaridade, 63,3% possuíam 1-3 anos de hemodiálise e 60,3% foram admitidos pela emergência. Após a hemodiálise, observou-se taxa de redução importante para a ureia, fósforo, alumínio e transaminase glutâmico-pirúvica. Conclusão: compõe-se o perfil de pacientes em hemodiálise homens, pardos, católicos, 40-59 anos, 1-3 anos de hemodiálise e provenientes da emergência. A hemodiálise propiciou taxa de redução significativa das escórias nitrogenadas. Ressalta-se a importância das atividades educativas voltadas para o protagonismo do paciente na prevenção de complicações, a fim de determinar o sucesso do tratamento.(AU)


Objectives: to describe the sociodemographic profile of patients on hemodialysis and analyze the pre/posthemodialysis laboratory parameters. Method: this is a quantitative, descriptive and cross-sectional study with patients on hemodialysis. Data were collected using a sociodemographic form and documentary clipping of pre/post-hemodialysis laboratory examinations, examined by means of relative and absolute frequencies by the software Statistical Package of Social Sciences 21.0, as well as calculation of standard deviation and the reduction rate of metabolites. Results: of the 151 participants, 72.8% were men, 52.3% pardos, 74.4% Catholics, 37.8% were 40-59 years old, 33.8% had 4-8 years of schooling, 63.3% had 1-3 years of hemodialysis and 60.3% were admitted at the emergency. After hemodialysis, there was a reduction rate for urea, phosphorus, aluminum and glutamic-pyruvic transaminase. Conclusion: the profile of patients on hemodialysis consists of men, pardos, Catholics, 40-59 years old, 1-3 years of hemodialysis and from the emergency. The hemodialysis propitiated a significant reduction rate of nitrogenous waste. Educational activities focused on the patient's role in the prevention of complications stand out, in order to determine the treatment success.(AU)


Objetivos: describir el perfil sociodemográfico de los pacientes en hemodiálisis y analizar los parámetros de laboratorio pre/post-hemodiálisis. Método: se trata de un estudio cuantitativo, descriptivo y de corte transversal en pacientes en hemodiálisis. Se recogieron los datos mediante un formulario sociodemográfico y recorte documental de exámenes de laboratorio pre/post-hemodiálisis, examinados por medio de frecuencias absolutas y relativas por el software Statistical Package of Social Sciences 21.0, así como el cálculo de la desviación estándar y el coeficiente de reducción de metabolitos. Resultados: se encontró que de 151 participantes, el 72,8% eran hombres, 52,3% pardos, 74,4% católicos, 37,8% tenían entre 40-59 años de edad, 33,8% tenían 4-8 años de escolaridad, 63,3% tenían 1-3 años de hemodiálisis y 60,3% fueron admitidos por la emergencia. Después de la hemodiálisis, se observó una tasa de reducción significativa de urea, fósforo, aluminio y transaminasa glutámico pirúvica. Conclusión: el perfil de los pacientes en hemodiálises es compuesto por hombres, pardos, católicos, 40-59 años de edad, 1-3 años de hemodiálisis y provenientes de la emergencia. La hemodiálisis propició la tasa de reducción significativa de los residuos nitrogenados. Se destaca la importancia de las actividades educativas centradas en el rol del paciente en la prevención de complicaciones, a fin de determinar el éxito del tratamiento.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Ureia , Perfil de Saúde , Biomarcadores , Diálise Renal , Insuficiência Renal Crônica , Epidemiologia Descritiva , Estudos Transversais
3.
Belo Horizonte; s.n; 2019. 88 p. ilus, tab, mapa.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-998471

RESUMO

A hanseníase é uma doença infectocontagiosa que apresenta longo período de incubação, em média 2 a 7 anos. O diagnóstico é essencialmente clínico e, apesar da redução do número de casos, persiste como um problema de saúde pública. Os testes sorológicos para detecção de anticorpos específicos do Mycobacterium leprae têm se mostrado úteis na identificação dos indivíduos que apresentam maior risco de adoecer e da infecção subclínica, que pode também estar envolvida ativamente na disseminação e propagação do bacilo para indivíduos suscetíveis. Assim, o uso de marcadores sorológicos específicos da hanseníase pode contribuir na estratégia de vigilância epidemiológica da doença e na detecção precoce de novos casos. O estudo tem como objetivo analisar a influência de marcadores sorológicos específicos para predição do adoecimento em hanseníase em uma população de uma região endêmica de Minas Gerais. Trata-se de um estudo de coorte retrospectivo realizado com uma amostra populacional de 2.553 indivíduos em sete municípios da microrregião de Almenara. Foram realizadas visitas domiciliares para aplicação de questionário e coleta de sangue para análise de marcadores sorológicos de infecção em hanseníase, realizada pela técnica Enzyme-linked Immunosorbent Assay. Para análise estatística foi realizada, inicialmente, a análise univariada via teste Qui-quadrado de Pearson, Exato de Fisher e Mann-Whitney e, posteriormente, modelos multivariados de Regressão Logística. Para verificar se os quatro modelos ajustados testados estavam adequados e se possuíam boa capacidade preditiva foram calculadas medidas de qualidade de ajuste. O software utilizado nas análises foi o Stata e o R. O estudo foi aprovado pelo COEP-UFMG, parecer nº ETIC 158/09. Na análise univariada, as variáveis soropositividade, presença de cicatriz BCG, idade, estado civil, escolaridade e renda familiar se associaram significativamente ao adoecimento por hanseníase. Estas compuseram o modelo inicial da análise multivariada, que mostrou uma melhor qualidade na predição do adoecimento quando comparado aos demais modelos testados. O modelo final, o qual foi composto somente pela idade, teve associação significativa na análise multivariada, porém apresentou uma queda na qualidade da predição do adoecimento e menor homogeneidade na sensibilidade e especificidade. O modelo alternativo 1, composto pelas variáveis sorologia e idade, apresentou melhora da qualidade quando comparado ao modelo final. Já o modelo alternativo 2, composto somente pela sorologia, apresentou a pior qualidade em comparação aos demais modelos testados. Assim, o uso de marcadores sorológicos específicos da hanseníase pode melhorar o potencial de predição do adoecimento em uma população de uma região endêmica. Entretanto, faz-se necessário o uso concomitante das ações de vigilância epidemiológica, melhora das condições socioeconômicas da população e vacinação da BCG para alcançar a meta de eliminação da hanseníase.(AU)


Leprosy is a contagious infectious disease that has a long incubation period, 2 to 7 years on average. The diagnosis is essentially clinical and, despite the reduction in the number of cases, it persists as a public health issue. Serological tests for the detection of Mycobacterium leprae's specific antibodies have been shown to be useful in identifying individuals at higher risk of disease and subclinical infection, which may also be actively involved in the dissemination and propagation of bacilli to susceptible individuals. Thus, the use of specific serological markers of leprosy may contribute to the strategy of epidemiological surveillance of the disease and the early detection of new cases. The objective of this study was to analyze the influence of specific serological markers to predict disease in leprosy in a population of an endemic region of Minas Gerais. This is a retrospective cohort study done with a population sample of 2,553 individuals in seven counties in the Almenara microregion. Home visits were done with a questionnaire application and blood collection for the analysis of serological markers of leprosy infection, performed by the Enzyme-linked Immunosorbent Assay technique. For statistical analysis, initially, was performed the univariate analysis using Chi-square test of Pearson, Fisher's exact test and Mann-Whitney test, and later, multivariate Logistic Regression models. In order to verify if the four adjusted models tested were suitable and if they had a good predictive capacity, adjustment quality measures were calculated. The software used in the analyzes was Stata and R. The study was approved by COEP-UFMG, opinion no. ETIC 158/09. In the univariate analysis, the variables seropositivity, the presence of BCG scar, age, marital status, schooling, and family income were significantly associated with leprosy. These variables composed the initial model of the multivariate analysis, which showed better quality in the prediction of illness when compared to the other models tested. The final model, which was composed only by age, had a significant association in the multivariate analysis but showed a decrease in the quality of the prediction of illness and lower homogeneity in sensitivity and specificity. The alternative model 1, composed of the variables serology and age, showed improvement of quality when compared to the final model. The alternative model 2, composed only by the serology, presented the worst quality in comparison to the other models tested. Thus, the use of specific serological markers of leprosy may improve the predictive potential of disease in a population in an endemic region. However, it is necessary to concomitantly use of epidemiological surveillance actions, improve the socioeconomic conditions of the population and vaccinate BCG to reach the goal of eliminating leprosy.(AU)


Assuntos
Humanos , Biomarcadores , Hanseníase/diagnóstico , Hanseníase/epidemiologia , Fatores Socioeconômicos , Testes Sorológicos , Inquéritos e Questionários , Dissertação Acadêmica , Monitoramento Epidemiológico , Hanseníase/prevenção & controle , Mycobacterium leprae
4.
Belo Horizonte; s.n; 2019. 127 p. ilus, tab, graf.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1021993

RESUMO

A hanseníase é uma doença infectocontagiosa, causada pelo bacilo Mycobacterium leprae, com sintomatologia dermatoneurológica. Várias estratégias têm sido adotadas para o controle da hanseníase, porém o diagnóstico da hanseníase é essencialmente clínico. O desafio atual é identificar biomarcadores que possibilitem a identificação de parâmetros imunológicos de infecção subclínica e, em última análise, o diagnóstico precoce da hanseníase em indivíduos infectados e assintomáticos, para realização de imunoprofilaxia de forma oportuna quebrando, assim, a cadeia de transmissão do bacilo. Aprofundar nas diferenças entre casos índice multibacilares e seus contatos domiciliares foi a estratégia deste estudo, através da avaliação conjunta de parâmetros imunológicos gerais e específicos. Objetivo: o objetivo deste trabalho foi avaliar o perfil da resposta imune inata e adaptativa de casos multibacilares de hanseníase e seus contatos domiciliares para a identificação de parâmetros imunológicos de infecção subclínica. Metodologia: Para mensurar a expressão de moléculas de superfície foi realizada imunofenotipagem por citometria de fluxo. Para dosar os níveis de citocinas e quimiocinas séricas as foi utilizada a técnica de Cytometric Bead Array (CBA). Os níveis de IgM anti PGL-1 de foram mensurados pela técnica de ELISA. Resultados: Os níveis de IgM/IgG anti PGL-1, de linfócitos ativados T CD4+ e CD8+ e a frequência de monócitos circulantes estavam mais elevados em casos índice em relação aos seus contatos. A frequência de linfócitos T estava menor em casos índice MB. A distância imunológica entre casos e contatos domiciliares não foi significativa quando se avaliou em conjunto todos os parâmetros imunológicos. Conclusão: Nós inferimos, a partir dos parâmetros diferencialmente expressos em casos índice MB e contatos domiciliares, que a elevação da resposta humoral específica, o maior nível de ativação de linfócitos (com provável proliferação e diferenciação em células T efetoras e/ou de memória), a maior frequência de monócitos em trânsito no sangue periférico, podem ser opções de biomarcadores preditores de infecção subclínica em contatos domiciliares.(AU)


Leprosy is an infectious disease caused by the bacillus Mycobacterium leprae, with dermatoneurological symptoms. Several strategies have been adopted for leprosy control, but the diagnosis of leprosy is essentially clinical. The current challenge is to identify biomarkers that enable the identification of immunological parameters of subclinical infection and, ultimately, the early diagnosis of leprosy in infected and asymptomatic individuals, to perform immunoprophylaxis in a timely manner, thus breaking the bacillus transmission chain. Deepening the differences between multibacillary index cases and their household contacts was the strategy of this study, through the joint evaluation of general and specific immunological parameters. Objective: The aim of this study was to evaluate the profile of the innate and adaptive immune response of multibacillary leprosy cases and their household contacts for the identification of immunological parameters of subclinical infection. Methodology: To measure the expression of surface molecules, immunophenotyping was performed by flow cytometry. To measure serum cytokine and chemokine levels, the Cytometric Bead Array (CBA) technique was used. Anti-PGL-1 IgM/IgG levels were measured by ELISA. Results: Anti-PGL-1 IgM/IgG levels, CD4 + and CD8 + activated T lymphocytes and the frequency of circulating monocytes were higher in index cases compared to their contacts. The frequency of T lymphocytes was lower in MB index cases. The immunological distance between cases and home contacts was not significant when all immunological parameters were evaluated together. Conclusion: We infer from the differentially expressed parameters in MB index cases and household contacts that the elevation of specific humoral response, the highest level of lymphocyte activation (with probable proliferation and differentiation in effector and / or memory T cells), the higher frequency of peripheral blood transit monocytes, may be predictive biomarker options for subclinical infection in household contacts.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Biomarcadores , Hanseníase/diagnóstico , Hanseníase/epidemiologia , Saúde da Família , Inquéritos e Questionários , Imunidade nas Mucosas , Dissertação Acadêmica , Infecções Assintomáticas , Hanseníase/etiologia
5.
Belo Horizonte; s.n; 2019. 149 p. ilus, mapa, tab.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1022041

RESUMO

As medidas hoje estabelecidas para controle da hanseníase no Brasil ainda apresentam vagarosas respostas em termos práticos, o que leva a crer que, mesmo que o país alcance a meta de eliminação como problema de saúde pública, a negligência das ações pode mantê-lo na situação de endemia. Os testes sorológicos podem ser de grande valia para identificar a exposição de uma população à hanseníase. A análise espacial pode trazer muitas informações sobre o padrão de transmissão da doença ou da infecção pelo Mycobacterium leprae. O objetivo deste estudo foi analisar o uso de marcadores sorológicos e de análise espacial para estimar a prevalência de infecção pelo Mycobacterium leprae tendo em vista ampliar o escopo das ações de vigilância epidemiológica da hanseníase. Trata-se de um estudo transversal, descritivo e analítico realizado no município de Diamantina, situado no Vale do Jequitinhonha/MG. Foi composto por 3 populações, sendo: população 1 ­ casos notificados entre 2001 a 2014 e contatos de hanseníase; população 2 - escolares de 7 a 14 anos matriculados em escolas estaduais do município de Diamantina e população 3 - familiares e vizinhos de escolares soropositivos e vizinhos de casos de hanseníase. Foram realizadas entrevistas, exame dermatoneurológico e testes sorológicos. Os endereços foram georreferenciados. Os casos de hanseníase soropositivos residiam na zona rural (p=0,016), com mais pessoas no domicílio (p=0,009) e dormiam com pelo menos mais 1 pessoa (p=0,023). Os contatos de hanseníase soropositivos mostraram significância estatística com a sorologia em relação à faixa etária, sendo a maioria idosos (p=0,038) e 75,0% eram cônjuges dos casos (p=0,035). Entre os escolares soropositivos, houve relevância estatística para o sexo (p=0,032), em que a maioria era meninas (75,0%), cicatriz de BCG (p=0,005), a quase totalidade era vacinada (94,4%) e em relação à convivência, 69,4% residiam com mais de 4 pessoas no domicílio (p=0,027) e 80,6% dividiam o quarto com outra pessoa (p=0,043). Para a população 3, houve mais chance de indício de sorologia positiva entre os mais jovens (p<0,001) e contraditoriamente entre os viúvos desta amostra (p=0,041); entre aqueles que residem em domicílios com menos cômodos (p=0,007), com renda familiar em torno de 1 salário mínimo (p=0,002), que não possuem doença crônica (p=0,012) e não possuem manchas na pele (p=0,034). Na análise espacial verifica-se áreas hiperendêmicas e áreas com associação espacial local positiva (p=0,001) com taxa de detecção altas (alto-alto) e baixas (baixa-baixa). Houve uma relação espaço-tempo entre os casos diagnosticados com 03 anos de diferença e residentes dentro do raio de 100 metros (p=0,01). A concentração de casos e escolares soropositivos ocorreu em áreas de menor renda familiar per capita e as áreas de concentração de sorologia positiva são diferentes dos clusters de adoecimento (p<0,001). Conclusão: A pesquisa tem caráter inovador ao unir duas técnicas para subsidiar a vigilância epidemiológica da hanseníase em um município de média endemicidade. Os testes sorológicos foram capazes de indicar a cadeia de transmissão ativa, e a análise espacial, o padrão de distribuição da endemia no município, contribuindo para o planejamento das ações de prevenção pela gestão. Sugere-se estudos que utilizem amostras longitudinais e amostras de todos os setores censitários do município a fim de acompanhar os participantes soropositivos e monitorar a prevalência oculta da hanseníase.AU)


The measures established today for the control of leprosy in Brazil still offer slow answers in practical terms, which leads one to believe that, even if the country reaches the goal of elimination as a public health problem, neglect of actions can keep it in the situation of endemic. Serological tests may be of great value in identifying population's exposure to leprosy. Spatial analysis may provide a great deal of information on the transmission pattern of the disease or Mycobacterium leprae infection. The objective of this study was to analyze the use of serological markers and spatial analysis to estimate the prevalence of Mycobacterium leprae infection in order to broaden the scope of epidemiological surveillance actions of leprosy. This is a cross-sectional, descriptive and analytical study carried out in the municipality of Diamantina, located in Vale do Jequitinhonha / MG, Brazil. It was composed of 3 populations, being: population 1 - cases reported from 2001 to 2014 and contacts of leprosy; population 2 - schoolchildren aged 7 to 14 enrolled in state schools in the municipality and population 3 - relatives and neighbors of seropositive schoolchildren and neighbors of leprosy cases. Interviews, dermato-neurological examination and serological tests were performed. The addresses were geo-referenced. The cases of seropositive leprosy resided in the rural zone (p = 0.016), with more people at home (p = 0.009) and slept with at least one other person (p = 0.023). Seropositive leprosy contacts were statistically significant with serology in relation to the age group, with the majority of elderly individuals (p = 0.038) and 75.0% being spouses of the cases (p = 0.035). Among the seropositive schoolchildren, there was statistical relevance for gender (p = 0.032), in which the majority were girls (75.0%), BCG scar (p = 0.005) where almost all were vaccinated (94.4%), and 69.4% lived with more than 4 people at home (p = 0.027) and 80.6% shared the room with another person (p = 0.043). For the population 3, there was more chance of having positive serology among the younger (p <0.001) and contradictorily among the widows of this sample (p = 0.041); (p = 0.007), with a family income of around one minimum wage (p =0,002), who did not have chronic disease (p = 0.012) and had no skin blemishes (p = 0.034). In the spatial analysis, hyper endemic areas and areas with positive local spatial association (p = 0.001) with high (high-high) and low (low-low) detection rates are observed. There was a space-time relationship between the cases diagnosed with 03 years of difference and residents within the 100-meter radius (p = 0.01). The concentration of seropositive cases and schoolchildren occurred in areas with lower per capita family income, and the areas of positive serology concentration differed from clusters of illness (p <0.001). Conclusion: The research has an innovative character combining two techniques to subsidize the epidemiological surveillance of leprosy in a medium endemicity municipality. Serological tests were able to indicate the active transmission chain and the spatial analysis of the endemic distribution pattern in the municipality, facilitating the planning of prevention actions by management. Studies using samples from all census tracts in the municipality and longitudinal are suggested in order to follow the seropositive participants and to monitor the hidden prevalence of leprosy.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Criança , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Biomarcadores , Hanseníase/epidemiologia , Fatores Socioeconômicos , Brasil , Características de Residência , Inquéritos e Questionários , Estudos Retrospectivos , Dissertação Acadêmica , Análise Espacial , Mycobacterium leprae
6.
Rev. latinoam. enferm. (Online) ; 26: e3071, 2018. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-978618

RESUMO

ABSTRACT Objective: to compare the biomarkers and the allostatic load levels in a sample of older persons with and without canine companionship. Method: descriptive and comparative study. Data were collected using a sociodemographic questionnaire and a fasting blood sample. The allostatic load comprised 11 biomarkers that are primary and secondary stress mediators, which arise from the following systems: neuroendocrine, immune, metabolic, cardiovascular and anthropometric. Results: a significant difference was found in two biomarkers: cortisol (t= -3.091, df=104, p=0.003) and total cholesterol (t= -2.566, df=104, p=0.012), in the allostatic load levels between older adults with and without a canine companionship (U= 1714.00, Z= 2.01, p=0.044). By associating the allostatic load level with the canine companionship, there was a higher frequency of older adults with low allostatic load among those who have canine companion, compared with those who do not have canine companionship. (χ2= 3.69, df=1, p= 0.043). Conclusion: canine companionship influences health in a positive way, as the allostatic load is lower in older adults who have a dog as companion, in addition to presenting lower levels of cortisol and total cholesterol.


RESUMO Objetivo: comparar os biomarcadores e o nível de carga alostática em uma amostra de idosos com e sem companhia canina. Método: estudo descritivo e comparativo. Os dados foram coletados por meio de uma ficha sociodemográfica e uma amostra de sangue em jejum. A carga alostática incluiu 11 biomarcadores que são mediadores primários e secundários de estresse, os quais são resultantes dos sistemas: neuroendócrino, imune, metabólico, cardiovascular e antropométrico. Resultados: houve diferença significativa em dois biomarcadores: cortisol (t= -3,091; gl=104; p=0,003) e colesterol total (t= -2,566; gl=104; p=0,012), no nível de carga alostática entre os idosos com e sem companhia canina (U= 1714,00; Z= 2,01; p= 0,044). Ao associar o nível de carga alostática com a companhia canina, houve uma maior frequência de idosos com baixa carga alostática naqueles que têm companhia canina, em comparação com aqueles que não têm a companhia canina (χ2= 3,69; gl=1; p=0,043). Conclusão: a companhia canina interfere na saúde de maneira positiva, pois a carga alostática dos idosos que têm um cão como companhia é menor, além de apresentarem uma concentração menor de cortisol e de colesterol total.


RESUMEN Objetivo: comparar los biomarcadores y el nivel de carga alostática en una muestra de adultos mayores con y sin acompañamiento canino. Método: estudio descriptivo, comparativo. Los datos se colectaron mediante una ficha sociodemográfica y una muestra de sangre en ayuno. La carga alostática incluyó 11 biomarcadores que son mediadores primarios y secundarios del estrés, los cuales provienen de los sistemas: neuroendocrino, inmune, metabólico, cardiovascular y antropométrico. Resultados: hubo diferencia significativa en dos biomarcadores: cortisol (t=-3.091, gl=104, p=0.003) y colesterol total (t=-2.566, gl=104, p=0.012), en el nivel de carga alostática entre los adultos mayores con y sin compañía canina (U=1714.00, Z=2.01, p=0.044). Al asociar el nivel de carga alostática con la compañía canina, existió mayor frecuencia de adultos mayores con carga alostática baja en quienes son acompañados por un canino, comparado con aquellos que no tienen acompañamiento canino (χ2=3.69, gl=1, p=0.043). Conclusión: el acompañamiento canino interviene en la salud de forma positiva, ya que es menor la carga alostática de los adultos mayores que tienen un perro como compañía, asimismo, presentan menor concentración de cortisol y colesterol total.


Assuntos
Humanos , Animais , Masculino , Feminino , Pressão Sanguínea/fisiologia , Proteína C-Reativa/análise , Biomarcadores/sangue , Alostase/fisiologia , Hipoglicemia/sangue , LDL-Colesterol/sangue , Estudos Transversais
7.
Rev. enferm. UFPI ; 6(4): 4-8, Out.-Dez.2017. Tabela
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-33134

RESUMO

Objetivo: avaliar a Taxa de Filtração Glomerular através da dosagem dos biomarcadores ureia e creatinina, na qual foi utilizado o Labtest, bem como a aplicação da fórmula de Cockcroft-Gault. Metodologia: a pesquisa foi realizada com base no Arco de Maguerez e submetida ao Comitê de ética em pesquisa, após aprovação foi aplicada a 31 funcionários da Escola Municipal de Ensino Fundamental Professora Tereza Neuma do município de Santarém no período de 20 de outubro a 05 de novembro. Resultados: com base nos formulários aplicados como idade, sexo e o consumo de água diário obteve-se que 6,45% dos funcionários com idade entre 40-49(35,5%) obtiveram disfunção renal moderada. Conclusão: apesar da ingestão adequada de água, foram encontradas alterações nas TFG com indicativo de lesão renal moderada, deixando evidente que o consumo adequado de água nem sempre é totalmente eficiente para a prevenção de problemas renais, pois esses podem ser associados a fatores ambientais, como dietas e patologias. (AU)


Objective: to evaluate the Glomerular Filtration Rate through urea and creatinine biomarkers dosage, inwhich Labtest and Cockcroft-Gault formula was applied. Methodology: the research was performed based onArch of Maguerez and submitted to research ethics committee, which after approval was applied on 31employees from the Elementary Teaching Municipal School Professor Tereza Neuma of Santarém from October 20 to November 5. Results: Based on the applied survey of age, gender and daily water consumption, it wasverified that 6.45% of employees aged 40-49 (35.5%) had moderate renal dysfunction. Conclusion: Despiteadequate water consumption, alterations on GFR with indications of moderate renal injury were observed,suggesting that adequate water consumption is not always totally efficient for kidney. (AU)


Assuntos
Humanos , Doença Crônica , Nefropatias , Biomarcadores
8.
Rev. enferm. UFPE on line ; 11(9): 3338-3345, set.2017. ilus, tab, graf
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-32919

RESUMO

Objetivo: descrever o perfil sociodemográfico e clínico laboratorial de pacientes com Doença Renal Crônica em hemodiálise. Método: estudo descritivo com 102 pacientes que realizam hemodiálise. Os dados foram coletados, mediante entrevista individual, no serviço de hemodiálise. Resultados: a idade mediana foi de 59anos; a maioria eram homens (65,7%); casados (59,8%) e com renda de até um salário (53,9%). A etiologia mais frequente foi HAS (40,6%), seguido de DM (14,9%). O SUS atendia 94,1%, o tempo mediano de hemodiálise foi36 meses e o uso mediano de medicamentos foi cinco. Hematócrito, hemoglobina e HDL encontravam-se diminuídos. Já o fósforo, a ureia e a creatinina, aumentados. Conclusão: alta proporção de homens de baixa renda e escolaridade, hipertensa e a maioria dos exames laboratoriais fora do padrão de normalidade, demonstrando a necessidade de prevenção e avaliação da hemodiálise por vários marcadores. (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Insuficiência Renal Crônica , Insuficiência Renal Crônica/etiologia , Diálise Renal , Perfil de Saúde , Técnicas de Laboratório Clínico , Biomarcadores , Condições Sociais , Epidemiologia Descritiva
9.
Rev. enferm. UFPE on line ; 11(supl.1): 327-333, jan.2017. ilus, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-30580

RESUMO

Objetivo: avaliar o perfil sociodemográfico e nutricional na diferença entre homens e mulheres idosos no programa Universidade Aberta para a Maturidade. Método: estudo descritivo, de abordagem quantitativa, com 67 idosos selecionados por amostragem não probabilística intencional, ingressantes em 2013-2014, por meio de um formulário estruturado. Resultados: verificou-se predominância de mulheres entre 60 a 65 anos; homens casados e mulheres viúvas; escolaridade - ensino fundamental em ambos. Dentre as variáveis antropométricas, os valores de IMC e CC apresentam-se acima das normalidades nos homens; nas variáveis bioquímicas, o aumento da glicemia está mais presente nos homens, já o colesterol e o triglicérides encontra-se com valores alterados nas mulheres. Conclusão: conhecer as características sociodemográficas, concomitante às informações antropométricas e bioquímicas, permite trabalhar o envelhecimento no sentido de prevenir as doenças crônicas não transmissíveis e acrescentar qualidade de vida ao idoso. (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Idoso , Idoso , Inquéritos Nutricionais , Avaliação Geriátrica , Condições Sociais , Dinâmica Populacional , Epidemiologia Descritiva , Antropometria , Biomarcadores , Qualidade de Vida
10.
Belo Horizonte; s.n; 2017. 107 p.
Tese em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-31357

RESUMO

Introdução: sugerem associação entre obesidade, doença hepática gordurosa não alcoólica (DHGNA) e a doença renal, independentemente de outros fatores de risco, tais como hipertensão, diabetes, dislipidemia. Objetivo: Investigar a associação entre os índices antropométricos, DHGNA e os marcadores da doença renal. Metodologia: Estudo transversal, com 14636 participantes no estudo das medidas antropométricas e 10114 no estudo da DHGNA, após exclusões daqueles que relataram consumo excessivo de álcool ou história de cirrose e/ou hepatite. Os participantes tinham de 35 a 74 anos e eram provenientes da linha de base do Estudo Longitudinal da Saúde do Adulto, ELSA – Brasil. As variáveis resposta foram a taxa de filtração glomerular (TFG) estimada pela equação Chronic Kidney Disease Epidemiology Collaboration (CKD-EPI) e a albuminúria, estimada pela razão albumina-creatinina e categorizada em sim (≥30 mg/g) e não (< 30mg/g). As exposições principais foram: obesidade (índice de massa corporal (IMC) ≥30 kg/m2), circunferência da cintura (CC) alterada (≥102 cm em homens e ≥ 88 cm em mulheres), razão cintura-quadril alterada (RCQ) (≥ 0,90 em homens e ≥ 0,85 nas mulheres), razão cintura-estatura alterada (RCE) (≥0,5) e presença de DHGNA, categorizada em ausente, leve, moderada e grave. Para estimar a associação entre as exposições principais e TFG e albuminúria, foram realizadas análises de regressão linear e logística, respectivamente, com modelos ajustados por variáveis sociodemográficas, de estilo de vida, síndrome metabólica ou seus componentes e, no caso da DHGNA, por essas variáveis acrescidas das enzimas hepáticas. Foi considerado um nível de significância estatística de 5%. Resultados: Após ajustes, indivíduos com obesidade, CC alterada, RCQ alterada e RCE alterada apresentaram maior chance de albuminúria, quando comparados aos indivíduos com valores normais para essas medidas (OR: 1,25 IC95% 1,05-1,48; OR: 1,42...(AU)


Backgound: Evidence suggests an association between obesity, non-alcoholic fatty liver disease (NAFLD) and renal disease, regardless of other risk factors, such as hypertension, diabetes, dyslipidemia. Objective: To test the association between anthropometric indices, non-alcoholic fatty liver disease and CKD markers. Methods: Cross-sectional study, with 14636 participants in the study of anthropometric measures and 10114 in the study of NAFLD, after exclusion of individuals reporting excessive alcohol consumption or history of cirrhosis and/or hepatitis. The participants, aged 35 to 74 years old, were from the baseline of the ELSA - Brazil. The response variables were the glomerular filtration rate (GFR) estimated by the Chronic Kidney Disease Epidemiology Collaboration (CKD-EPI) equation, and albuminuria, estimated by the albumin-creatinine ratio, categorized as yes (≥30 mg / g) and no (<30mg / g). The main exposures evaluated were: obesity (BMI) body mass index ≥30 kg / m2), altered waist circumference (WC) (≥102 cm in men and ≥88 cm in women), altered waist to hip ratio (WHR) (≥ 94 cm in men and ≥ 80 cm in women), altered waist to height ratio (WheiR) (≥0.5) and presence of NAFLD defined by hepatic ultrasonography. In order to estimate the association between the main exposures and glomerular filtration rate and albuminuria, linear and logistic regression analyzes were performed, respectively, with univariate and multivariate models adjusted for sociodemographic, behavioral variables, metabolic syndrome or its componentes, history of kidney disease, and in the study of non-alcoholic fatty liver disease, also by liver enzymes variables. A level of statistical significance of 5% was considered. Results: After adjustment, individuals with obesity, altered WC, altered WHR and altered WheiR presented a grea...(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Obesidade , Fatores de Risco , Biomarcadores , Hepatopatia Gordurosa não Alcoólica/epidemiologia , Antropometria , Fatores Socioeconômicos , Albuminúria/epidemiologia , Taxa de Filtração Glomerular
11.
Porto Alegre; s.n; 2017. 58 p.
Tese em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-32450

RESUMO

A congestão sistêmica é o principal fator relacionado à descompensação de pacientes com insuficiência cardíaca (IC), conferindo manifestações clínicas como dispneia, ortopneia, cansaço, distensão da veia jugular e edema. Estes sinais e sintomas, assim denominados características definidoras (CD) na classificação de Diagnósticos de Enfermagem (DE) da NANDA-International, fazem parte do diagnóstico de Volume de líquidos excessivo (VLE) frequentemente estabelecido em pacientes congestos. Estes sinais e sintomas também são frequentemente associados a diagnósticos do sistema respiratório e, por conseguinte, podem comprometer a acurácia diagnóstica. É nessa perspectiva, que se apresenta um marcador bastante estudado nas duas últimas décadas, Peptídeo Natriurético tipo B (BNP), que consegue diferenciar a dispneia de origem cardíaca da dispneia de causa pulmonar. Visando agregar este biomarcador ao conjunto de CD do diagnóstico VLE que este estudo foi desenvolvido. O objetivo do estudo é analisar o comportamento do Peptídeo Natriurético tipo B com a presença das CD do diagnóstico VLE em pacientes com IC descompensada durante a internação. Trata-se de um estudo de coorte conduzido em hospital público universitário, Porto Alegre, RS. Foram incluídos pacientes com diagnóstico de IC, função sistólica reduzida ou preservada, que internaram por descompensação aguda. A coleta foi sistematizada por meio de uma avaliação clínica na admissão e após compensação da IC (até sete dias após a admissão, denominado avaliação final), contendo as CD já validadas clinicamente para este diagnóstico em pacientes com IC como principais e secundárias. Também foram coletadas amostras de sangue para dosagem do BNP nestes dois períodos. (Continua)


(Continuação) Foram incluídos 64 pacientes, com média de idade de 69±13 anos, fração de ejeção do ventrículo esquerdo 50±16%. Da avaliação inicial à final, houve redução significativa das seguintes CD principais: dispneia (97% x 62%), ortopneia (91% x 67%), edema (89% x 62%), refluxo hepatojugular positivo (60% x 32%), dispneia paroxística noturna (95% x 26%), congestão pulmonar (66% x 49%), pressão venosa central elevada (53% x 27%); e secundárias, como ganho de peso (59%x9%), hepatomegalia (14%x11%), crepitação (86%x 50%) e oligúria (3%x1,5%). Em uma análise quantitativa das CD, observa-se uma redução da admissão à avaliação final no estudo, 11,3 ±3 versus 7,5±3, p<0,001; os valores de BNP da admissão no estudo à avaliação final reduziram significativamente 381(202-707) pg/ml versus 309(180- 640) pg/ml, p=0,012. Houve correlação positiva de moderada magnitude e significativa entre o delta do BNP com o número das CD presentes na avaliação clínica inicial do estudo r=0,304 e p=0,018. A área da curva ROC verificada resultou em 0,552, mostrando o nível de sensibilidade de 66,7%, quando o ponto de corte do valor do BNP for 447pg/ml e no teste de especificidade 54%. Os achados deste estudo indicam que o BNP apresentou um comportamento semelhante às CD, diminuindo seus valores de acordo com as manifestações do estado congestivo em pacientes internados por IC descompensada. A inclusão desse marcador como CD pode melhorar a acurácia diagnóstica.


Assuntos
Humanos , Insuficiência Cardíaca , Diagnóstico de Enfermagem , Biomarcadores
12.
Rev. enferm. UERJ ; 24(3): e11143, mai./jun. 2016. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-947362

RESUMO

Objetivos: estimar a prevalência e investigar os fatores de riscos associados à infecção pelo vírus da hepatite B (HBV) em profissionais de enfermagem de um hospital universitário. Método: estudo descritivo, realizado num hospital público, localizado em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brasil. Entre 2011 e 2012, 275 profissionais de enfermagem, incluindo enfermeiros (n=40), técnicos (n=113) e auxiliares de enfermagem (n=122) foram entrevistados e submetidos à coleta de sangue para detecção dos marcadores sorológicos da infecção pelo HBV, pelo Ensaio de Imunoadsorção Enzimática (ELISA). Estudo aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa, protocolo nº 2154/2011. Resultados: a prevalência global para infecção pelo HBV foi de 11,6% (IC: 95%: 0,1-0,6). A presença do marcador anti-HB isolado, que sugere imunidade vacinal, foi detectada em 63,7% dos participantes. Conclusão: percebeu-se a necessidade da implantação de estratégias eficientes para o delineamento de ações diagnósticas, educativas, profiláticas e assistenciais visando à prevenção e controle da infecção pelo HBV nestes profissionais.


Objectives: to estimate the prevalence of infection by Hepatitis B Virus (HBV) among nursing staff at a university hospital and to investigate related occupational risk factors. Method: this descriptive, exploratory study was performed at a large public hospital in Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brazil. From 2011 to 2012, 275 nursing professionals, including nurses (n=40), nursing technicians (n=113) and nursing auxiliaries (n=122), were interviewed and underwent blood sampling for detection of serological markers of HBV infection by Enzyme-Linked Immunosorbent Assay (ELISA). Results: overall prevalence of HBV infection was 11.6% (CI 95%: 0.1-0.6). The isolated anti-HBs marker, suggesting vaccine immunity, was detected in 63.7% of participants. Conclusion: it is necessary to implement effective strategies for designing diagnostic, education, prophylactic and healthcare measures for the prevention and control of HBV infection in these professionals.


Objetivos: estimar la prevalencia e investigar los factores asociados con la infección por el Virus de la Hepatitis B (HBV) en profesionales de enfermería de un hospital universitario. Método: estudio descriptivo-exploratorio se llevó a cabo en un hospital público, ubicado en Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brazil. Entre 2011 y 2012, 275 profesionales de enfermería, incluyendo enfermeros (n=40), técnicos (n=113) y auxiliares de enfermería (n=122), fueron entrevistados y toma de muestras de sangre fueron sometidos para la detección de marcadores serológicos de infección por el VHB por medio de Ensayo de Inmunoadsorción Enzimática (ELISA). Resultados: La prevalencia global de la infección por el HBV fue de 11,6% (IC: 95%: 0,1-0,6). La presencia del marcador anti-HBs aislado, lo que sugiere la inmunidad de la vacuna, se detectó en 63,7% de los participantes. Conclusión: existe la necesidad de implementación de estrategias de diagnóstico, educación, prevención y atención más eficiente para la revención y control de la infección por el VHB en estos profesionales.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Biomarcadores , Fatores de Risco , Saúde do Trabalhador , Enfermagem , Vacinas contra Hepatite B , Hepatite B/prevenção & controle , Estudos de Avaliação como Assunto , Epidemiologia Descritiva , Hospitais Universitários
13.
Rev. bras. enferm ; 68(2): 320-324, Mar-Apr/2015. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-752520

RESUMO

RESUMO Objetivo: investigar a presença de micro-organismos nas narinas dos profissionais de enfermagem de um hospital de ensino brasileiro. Método: estudo transversal, em duas unidades de internação especializadas em HIV/aids. Foram coletadas amostras de secreção nasal de profissionais de enfermagem no período de um mês. As amostras foram processadas no laboratório de microbiologia da instituição e a análise dos dados resultantes por meio do software Statistical Package for the Social Sciences (SPSS) versão 19.0. Os aspectos éticos foram contemplados. Resultados: dos 73 profissionais de enfermagem do serviço, foram coletadas amostras de secreção nasal de 61 (80,2%). Foram isolados seis tipos de micro-organismos em 22 (41,0%) culturas positivas. Destaca-se que o Staphylococcus aureus representou 22,9%, sendo quatro resistentes à oxacilina (MRSA). Conclusão: o Staphylococcus aureus foi o micro-organismo de maior prevalência nos indivíduos deste estudo. .


RESUMEN Objetivo: investigar la presencia de microorganismos en las fosas nasales del personal de enfermería de un hospital universitario brasileño. Método: estudio transversal en dos unidades de hospitalización especializados en VIH/SIDA. Muestras de secreción nasal de enfermeras fueron recolectados durante un mes. Las muestras fueron procesadas en el laboratorio de microbiología de la institución y se analizaron con el paquete estadístico para el software de Ciencias Sociales (SPSS) versión 19.0. Los aspectos éticos fueron cubiertos. Resultados: 73 de los profesionales de enfermería, se recogieron muestras de las secreciones nasales de 61 (80,2%). Se aislaron seis tipos de microorganismos en 22 (41,0%) cultivos positivos. Es de destacar que el Staphylococcus aureus representó el 22,9%, cuatro oxacilina-resistente (MRSA). Conclusión: Staphylococcus aureus fue la prevalencia más microorganismo en los individuos de este estudio. .


ABSTRACT Objective: to investigate the presence of microorganisms in the nostrils of the nursing professionals of a Brazilian teaching hospital. Method: cross-sectional study in two inpatient units specialized in HIV/AIDS. Nasal secretion samples of nursing professionals were collected in one month. The samples were processed at the microbiology laboratory of the institution and analyzed using the Statistical Package for the Social Sciences (SPSS) software, version 19.0. Ethical aspects were abided. Results: from the 73 members of the nursing staff, samples of nasal secretions were collected from 61 (80.2%). Six types of microorganisms were isolated in 22 (41.0%) positive cultures. It is noteworthy that Staphylococcus aureus accounted for 22.9%, four of them oxacillin-resistant (MRSA). Conclusion: Staphylococcus aureus microorganism accounted for the largest prevalence in individuals of this study. .


Assuntos
Humanos , Animais , Camundongos , Biomarcadores/metabolismo , Gonorreia/imunologia , Mediadores da Inflamação/metabolismo , Inflamação/etiologia , Neisseria gonorrhoeae/patogenicidade , Neutrófilos/imunologia , Aderência Bacteriana , Antígeno Carcinoembrionário/genética , Antígeno Carcinoembrionário/metabolismo , Citocinas/metabolismo , Ensaio de Imunoadsorção Enzimática , Perfilação da Expressão Gênica , Gonorreia/metabolismo , Gonorreia/microbiologia , Inflamação/metabolismo , Inflamação/patologia , Peptídeos e Proteínas de Sinalização Intracelular/metabolismo , Camundongos Transgênicos , Neisseria gonorrhoeae/imunologia , Neutrófilos/microbiologia , Análise de Sequência com Séries de Oligonucleotídeos , Estresse Oxidativo , Fagocitose/fisiologia , Proteínas Tirosina Quinases/metabolismo , Transdução de Sinais
14.
Rev. latinoam. enferm ; 23(1): 139-147, Jan-Feb/2015. tab
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-742019

RESUMO

OBJECTIVE: The current study aimed to validate the construct and reliability of an emotional intelligence scale. METHOD: The Trait Meta-Mood Scale-24 was applied to 349 nursing students. The process included content validation, which involved expert reviews, pilot testing, measurements of reliability using Cronbach's alpha, and factor analysis to corroborate the validity of the theoretical model's construct. RESULTS: Adequate Cronbach coefficients were obtained for all three dimensions, and factor analysis confirmed the scale's dimensions (perception, comprehension, and regulation). CONCLUSION: The Trait Meta-Mood Scale is a reliable and valid tool to measure the emotional intelligence of nursing students. Its use allows for accurate determinations of individuals' abilities to interpret and manage emotions. At the same time, this new construct is of potential importance for measurements in nursing leadership; educational, organizational, and personal improvements; and the establishment of effective relationships with patients. .


OBJETIVO: este estudo tem como objetivo validar o construto e a confiabilidade de uma escala de inteligência emocional. MÉTODO: a escala Trait Meta-Mood Scale-24 foi aplicada em 349 estudantes de enfermagem. O processo envolveu a validação do conteúdo, que compreendeu avaliações de especialistas, testes piloto, medição da confiabilidade utilizando o coeficiente alfa de Cronbach e análise fatorial para corroborar a validade do construto do modelo teórico. RESULTADOS: coeficientes de Cronbach adequados foram obtidos nas três dimensões e a análise fatorial confirmou as dimensões da escala (percepção, compreensão e regulação). CONCLUSÃO: a Trait Meta-Mood Scale-24 é um instrumento confiável e válido para medir a inteligência emocional de estudantes de enfermagem. Seu uso permite determinar precisamente a capacidade dos indivíduos de interpretar e gerenciar emoções. Ao mesmo tempo, esse novo construto é de potencial importância para medidas em liderança em enfermagem; para o aperfeiçoamento educacional, organizacional e pessoal e para o estabelecimento de relacionamentos eficazes com os pacientes. .


OBJETIVO: efectuar la validación de constructo y confiabilidad de una escala de inteligencia emocional. MÉTODO: se aplicó la Trait-Meta Mood Scale-24 a 349 estudiantes de enfermería. El proceso comprendió la validación de contenido que consistió en lo siguiente: revisión por expertos; prueba piloto; medición de la confiabilidad por medio del Alfa de Cronbach; y comprobación de la validez de constructo del modelo teórico a través del Análisis Factorial. RESULTADOS: se obtuvieron adecuados coeficientes de Cronbach en las tres dimensiones, y el análisis factorial confirmó las dimensiones de la escala (percepción, comprensión y regulación). CONCLUSIÓN: la Trait-Meta Mood Scale es un instrumento confiable y válido para medir la inteligencia emocional en estudiantes de enfermería. Su uso permite identificar habilidades para interpretar y manejar las emociones. Es a la vez un nuevo constructo de potencial importancia para el liderazgo de enfermería; éste ayudará a mejorar aspectos educacionales, organizacionales y personales; además, favorecerá una relación efectiva con los pacientes. .


Assuntos
Humanos , Redes Reguladoras de Genes , MicroRNAs/metabolismo , Sepse/diagnóstico , Sepse/genética , Biomarcadores/metabolismo , Ontologia Genética , MicroRNAs/genética , Mapas de Interação de Proteínas/genética , Curva ROC , Transdução de Sinais/genética
15.
Rev. latinoam. enferm ; 23(1): 98-105, Jan-Feb/2015. tab
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-742021

RESUMO

OBJECTIVES: to evaluate the Nosocomial Infection Control Programs in hospital institutions regarding structure and process indicators. METHOD: this is a descriptive, exploratory and quantitative study conducted in 2013. The study population comprised 13 Nosocomial Infection Control Programs of health services in a Brazilian city of the state of São Paulo. Public domain instruments available in the Manual of Evaluation Indicators of Nosocomial Infection Control Practices were used. RESULTS: The indicators with the highest average compliance were "Evaluation of the Structure of the Nosocomial Infection Control Programs" (75%) and "Evaluation of the Epidemiological Surveillance System of Nosocomial Infection" (82%) and those with the lowest mean compliance scores were "Evaluation of Operational Guidelines" (58.97%) and "Evaluation of Activities of Control and Prevention of Nosocomial Infection" (60.29%). CONCLUSION: The use of indicators identified that, despite having produced knowledge about prevention and control of nosocomial infections, there is still a large gap between the practice and the recommendations. .


OBJETIVOS: avaliar os Programas de Controle de Infecção Hospitalar nas instituições hospitalares, quanto aos indicadores de estrutura e processo. MÉTODO: trata-se de um estudo descritivo, exploratório e quantitativo, realizado em 2013. A população foi composta por 13 Programas de Controle de Infecção Hospitalar de serviços de saúde, de uma cidade brasileira do interior paulista. Foram utilizados instrumentos de domínio público, disponibilizados no Manual de Indicadores de Avaliação de Práticas de Controle de Infecção Hospitalar. RESULTADOS: os indicadores com maior média de conformidade foram "Avaliação da Estrutura dos Programas de Controle de Infecção Hospitalar" (75%) e "Avaliação do Sistema de Vigilância Epidemiológica de Infecção Hospitalar" (82%) e os com menores médias foram "Avaliação das Diretrizes Operacionais" (58,97%) e "Avaliação das Atividades de Controle e Prevenção de Infecção Hospitalar" (60,29%). CONCLUSÃO: o uso de indicadores identificou que, apesar do conhecimento produzido sobre ações de prevenção e controle de infecções hospitalares, ainda existe um grande hiato entre prática e recomendações. .


OBJETIVOS: evaluar los Programas de Control de Infección Hospitalaria en las instituciones hospitalarias respecto a los indicadores de estructura y proceso. MÉTODO: se trata de un estudio descriptivo, exploratorio y cuantitativo, desarrollado en 2013. La población fue compuesta por 13 Programas de Control de Infección Hospitalaria de servicios de salud de una ciudad brasileña del interior paulista. Fueron utilizados instrumentos de dominio público, disponibles en el Manual de Indicadores de Evaluación de Prácticas de Control de Infección Hospitalaria. RESULTADOS: los indicadores con mayor promedio de conformidad fueron "Evaluación de la Estructura de los Programas de Control de Infección Hospitalaria" (75%) y "Evaluación del Sistema de Vigilancia Epidemiológica de Infección Hospitalaria" (82%) y aquellos con menores promedios "Evaluación de las Directivas Operacionales" (58,97%) y "Evaluación de las Actividades de Control y Prevención de Infección Hospitalaria" (60,29%). CONCLUSIÓN: el uso de indicadores posibilitó identificar que, a pesar del conocimiento producido sobre acciones de prevención y control de infecciones hospitalarias, todavía existe un gran hiato entre la práctica y las recomendaciones. .


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Idoso , Anlodipino/uso terapêutico , Anti-Hipertensivos/uso terapêutico , Pressão Sanguínea , Ácidos Heptanoicos/uso terapêutico , Hipertensão/tratamento farmacológico , Rim/fisiopatologia , Pirróis/uso terapêutico , Insuficiência Renal Crônica/tratamento farmacológico , Anlodipino/farmacologia , Anti-Hipertensivos/farmacologia , Biomarcadores/metabolismo , Pressão Sanguínea/efeitos dos fármacos , Cápsulas , Quimioterapia Combinada , Glucose/metabolismo , Ácidos Heptanoicos/farmacologia , Hipertensão/complicações , Hipertensão/fisiopatologia , Inflamação/patologia , Testes de Função Renal , Rim/efeitos dos fármacos , Metabolismo dos Lipídeos/efeitos dos fármacos , Análise Multivariada , Estresse Oxidativo/efeitos dos fármacos , Pirróis/farmacologia , Análise de Regressão , Insuficiência Renal Crônica/complicações , Insuficiência Renal Crônica/fisiopatologia
16.
Rev. bras. enferm ; 67(5): 794-802, Sep-Oct/2014. graf
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-731220

RESUMO

Realizou-se uma pesquisa de abordagem qualitativa com base no referencial metodológico da hermenêutica dialética, com o objetivo de identificar o atributo acesso da atenção primária para a resolução dos problemas de saúde de crianças menores de um ano a partir dos relatos de pais e cuidadores. Envolveram-se 16 cuidadores de crianças atendidas em unidades de pronto atendimento de Cascavel-PR, em 2010. Foram reconhecidas quatro categorias temáticas: Aconselhamento familiar ao buscar atenção à saúde da criança; Ausência de acolhimento ao primeiro contato; Presença de classificação de risco para atenção à saúde da criança; Barreiras que impedem o acesso à atenção à saúde. Concluiu-se que as famílias exibiram dificuldades para alcançar resolutividade aos problemas de saúde dos filhos, mediante a falta de acesso aos serviços de atenção primária.


It was conducted a qualitative study based on the methodological framework of dialectical hermeneutics, aiming to identify the attribute access from primary care to solve the health problems of children under one year old from the reports of parents and caregivers. Sixteen caregivers of children were involved, all of them seen in the emergency units of Cascavel-PR, in 2010. Four thematic categories were recognized: Family counselling in seeking health care for the child; Absence of reception on the first contact; Presence of risk classification to the child´s health attention; Barriers that block the access to health care. It was conclude that, families showed difficulties to reach the solution for their children´s health, because of the lack of access to primary care services.


Llevó-se a cabo un estudio cualitativo basado en el marco metodológico de la hermenéutica dialéctica, con el objetivo de identificar el atributo de acceso a la atención primaria para resolver los problemas de salud de los niños menores de un año, a partir de los informes de los padres y cuidadores. Se involucró 16 cuidadores de niños atendidos en las unidades de emergencia de Cascavel-PR, en 2010. Cuatro categorías temáticas fueron reconocidas: Asesoramiento de la familia en la búsqueda de atención de salud para el niño; Ausencia de acogimiento al primero contacto; Presencia de clasificación de riesgo para el cuidado de la salud del niño; Barreras que impiden el acceso a la atención sanitaria. Se concluyó que las familias tuvieron dificultades para lograr la solución de los problemas de salud de los niños, mediante la falta de acceso a los servicios de atención primaria.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Colite Ulcerativa/sangue , Produtos de Degradação da Fibrina e do Fibrinogênio/metabolismo , Fator de von Willebrand/metabolismo , Biomarcadores/sangue
17.
Rev. enferm. UERJ ; 20(2): 229-234, abr.-jun. 2012. mapas, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-22790

RESUMO

Objetivou-se levantar a prevalência de marcadores sorológicos da Hepatite B em usuários do Laboratório Central do Piauí-Brasil, no período de 2006 a 2009. Trata-se de um levantamento epidemiológico, descritivo, com coleta retrospectiva, realizado em 2010. Dos 69.377 exames analisados, foram diagnosticados 746 casos de Hepatite B aguda. A prevalência foi de 2,0% para o HBsAg, 55% Anti-HBs, 2,5% Anti-HBc IgM, 10% Anti-HBc Total, 48,5% HBeAg. Observou-se predominância do sexo masculino e da faixa etária de 20 a 39 anos nos resultados positivos. As prevalências dos marcadores sorológicos encontradas foram mais altas que as exibidas nos registros oficiais do Estado e Ministério da Saúde, sugerindo a necessidade de revisão dos bancos de dados para correção das inconsistências.(AU)


The study surveyed the prevalence of serum markers for Hepatitis B in users of Piauí State Central Laboratory between 2006 and 2009. This descriptive epidemiological study, with retrospective data collection, was conducted in 2010. In the 69,377 tests examined 746 cases of acute Hepatitis B infection were diagnosed. The prevalences were: HBsAg, 2.0%; Anti-HBs, 55%; Anti-HBc (IgM), 2.5%: Anti-HBc (Total), 10%; and HBeAg, 48.5%. Males and the 20-39 year age range predominated in the positive results. The prevalences of serum markers found were higher than those shown in official state and Ministry of Health records, suggesting the need to review the databases to correct shortcomings.(AU)


El objetivo fue apurar la prevalencia de marcadores serológicos de Hepatitis B en usuarios del Laboratorio Central del Estado de Piauí-Brasil, en el período 2006 a 2009. Se trata de un estudio epidemiológico, descriptivo, con recogida retrospectiva, realizado en 2010. De los 69 377 exámenes analizados fueron diagnosticados 746 casos de infección de Hepatitis B aguda. La prevalencia fue de 2,0% para el HBsAg, 55% Anti-HBs, 2,5% Anti-HBc IgM, 10% Anti-HBc total, 48,5% HBeAg. Se observó predominancia del sexo masculino y de la franja etaria de 20-39 años en los resultados positivos. La prevalencia de marcadores serológicos obtenidos fueron superiores a los indicados en las actas oficiales del Estado y Ministerio de la Salud, lo que sugiere la necesidad de revisar las bases de datos para corregir las inconsistencias.(AU)


Assuntos
Humanos , Adulto , Hepatite B/epidemiologia , Hepatite B/diagnóstico , Enfermagem em Saúde Pública/métodos , Biomarcadores/análise , Testes Sorológicos/enfermagem , Estudos Soroepidemiológicos , Estudos Transversais , Brasil
18.
CuidArte, Enferm ; 6(1): 15-23, jan.-jun. 2012. tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-23787

RESUMO

Define-se Síndrome Metabólica como um conjunto de fatores de risco cardiovascular. Segundo estudos recentes, é possível intervir nosportadores dessa síndrome com modificações do estilo de vida, melhorando os marcadores bioquímicos e os parâmetros biofísicos. Dada aimportância dos fatores psicológicos e educacionais na dinâmica de desenvolvimento da síndrome e no êxito da terapêutica, é evidente queuma intervenção que inclua o ambiente doméstico pode ter uma influência positiva no processo. Por isto, foi programado um atendimentodomiciliar periódico em um grupo de portadores de Síndrome Metabólica, avaliando os efeitos sobre os fatores de risco cardiovascular. Osobjetivos foram: 1) comparar o quadro bioquímico e biofísico inicial dos pacientes com aquele após o período de homecare; 2) comparar aevolução dos marcadores bioquímicos e dos parâmetros biofísicos dos pacientes com Síndrome Metabólica acompanhados através doprograma de homecare com os sujeitos do grupo controle, compatível por sexo e idade; 3) elaborar um programa de homecare paraportadores de Síndrome Metabólica. Participaram do estudo 50 pacientes, escolhidos entre os portadores de Síndrome Metabólica quefrequentavam os ambulatórios de um hospital-escola do interior de São Paulo. Os pacientes foram divididos aleatoriamente em dois grupos:homecare (GH) e controle (GC), compatíveis por sexo e idade. Aos membros do GH foi oferecido um programa de atendimento domiciliarmensal por um período de seis meses...(AU)


Metabolic Syndrome can be defined as an association of cardiovascular risk factors. Along with recent studies, an intervention can be successful in patients with MS if lifestyle is changed, improving this way biochemical markers and biophysical pattern. Being very importantpsychological and educational factors in MS development as well as in therapy compliance, it's possible that an intervention involvingdomestic environment could positively influence treatment proceedings. This way, a periodic homecare program of 6 months was plannedfor a group of MS patients, studying the intervention effects on cardiovascular risk factors. The aims of this study were: 1) Comparing thebiochemical and biophysical patterns, before and after homecare intervention, in a group of patients affected with Metabolic Syndrome; 2)Comparing the evolution of biochemical markers and biophysical parameters of Homecare Group (HG) with those of a sex and age matchedgroup of MS patients without homecare; 3) Elaborating a homecare program for SM Patients. We studied 50 ambulatory patients affectedwith MS followed at Emilio Carlos Hospital of Catanduva School of Medicine. They were randomly divided in 2 groups: homecare (HG) andcontrol group (CG). The HG patients received a monthly homecare educational program during 6 months. All patients received monthlygroup orientation at the hospital...(AU)


El síndrome metabólico (SM) es definido como un conjunto de factores de riesgo cardiovascular. Según estudios recientes, es posibleintervenir en los pacientes de SM con modificaciones en el estilo de vida, buscando la mejora de los parámetros bioquímicos y biofísicos...(AU)


Assuntos
Humanos , Visita Domiciliar , Síndrome Metabólica , Biomarcadores , Doenças Cardiovasculares , Fatores de Risco
19.
São Paulo; s.n; 2007. 75 p.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1097749

RESUMO

A prevalência de LRA no pós-operatório (PO) de cirurgia cardíaca varia em torno de 5% a 31%, dependendo da população estudada e do critério adotado para sua definição. Os objetivos deste estudo foram classificar a função renal de pacientes em pós-operatório de cirurgia cardíaca, utilizando o sistema classificador RIFLE (R="risk", I="injury", F="failure", L= 'loss" e E="end-stage") e avaliar o desempenho discriminatório de um marcador de taxa de filtração glomerular, a Cistatina C (CC). A amostra compôs-se de 121 pacientes, sem história de lesão renal prévia, acompanhados nas 24 , 48 e 72 horas. Os desfechos considerados foram alta ou óbito no PO. O RIFLE foi utilizado para comparação com demais variáveis, bem como dois de seus componentes, a creatinina plasmática e o clearance de creatinina. As categorias "R", "I" e "F" do RIFLE foram consideradas como LRA. A idade média dos pacientes foi de 50 anos, com 61,2% de sexo masculino, 38,8% de sexo feminino e predomínio da raça branca (92%). A cirurgia valvar foi a mais realizada (48,8%), seguida de 43,8% de revascularização do miocárdio e 7,4% de cirurgias combinadas, sendo que em 78% dos pacientes foi adotada a circulação extracorpórea com duração máxima de 120 minutos. A grande maioria (97,5%) dos pacientes obteve alta hospitalar. A LRA ocorreu em 78,5% pelo critério RIFLE. Quanto à CC, constatou-se relação de seus níveis com a piora da função renal vista pelo RIFLE nos períodos estudados. A CC apresentou maiorsensibilidade e especificidade do que a Creatinina (Cr) para sinalização de piora da função renal com área sob a curva (0,67 vs 0,62). O estudo confirmou melhor desempenho da CC para detecção de LRA do que a Cr em PO da cirurgia cardíaca.


The prevalence of acute kidney injury (AKI) in the postoperative period of cardiac surgery ranges from 5 to 31%, depending on the population studied and the criteria used for its definition. The objectives of this study were to classify the renal function of the patients in the postoperative period of cardiac surgery according to the RIFLE classification (Risk, injury, Failure, Loss and End-stage) and to assess the discriminating power of a glomerular filtration rate marker, the Cystatin C (CC). The sample was composed by 121 patients, with no kidney failure history, who were followed up 24, 48 and 72 hours after surgery. The outcome considered were hospital discharge or death. RIFLE was used as basis to compare the other variables, as well as two of its components: the Serum Creatinine (Cr) and the Creatinine Clearance. Patients classified as "R", "I" and "F" were considered with AKI. The mean age of the patients was 50 years, with 61.2% of males, 38.8% of females and a preponderance of Caucasians (92%). The valve surgery was the most performed surgery (48.8%), followed by 43.8% of myocardial revascularization and 7.4% of combined surgery. In 78% of the cases, a coronary artery bypass grafting was adopted and lasted 120 minutes time or less. The great majority (97.5%) of the patients were discharged from hospital. The AKI occurred in 78.5% of the sample using the RIFLE criteria. Regarding the CC, it was noticed a relationship between its levels and the worseningof the renal function, according to RIFLE, in the studied period. The CC presented a higher sensibility and specificity than Cr to signal the worsening of the renal function (area under the curve 0.67 vs. 0,62). The study confirmed a better performance of the CC than the Cr marker to detect AKI in the postoperative period of cardiac surgery.


Assuntos
Período Pós-Operatório , Biomarcadores , Insuficiência Renal Crônica
20.
Rev. enferm. Inst. Mex. Seguro Soc ; 9(3): 143-146, Septiembre-Dic. 2001. tab
Artigo em Espanhol | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-979739

RESUMO

Introducción: se consideran los indicadores biológicos una forma de aprobación para la validación y monitorización rutinaria de ciclos de esterilización, los indicadores biológicos convencionales utilizan tiras o discos con esporas del B. Stearthermophilus; por otra parte los indicadores biológicos de lectura rápida, están basados en una reacción enzimática flourecente capaz de proporcionar resultados en tres horas. Objetivo: comparar la efectividad de los indicadores biológicos convencionales y de lectura rápida durante procesos de esterilización a 121°C. Material y método: se realizó un estudio descriptivo en un periodo de 12 días, se identificó cada indicador con fecha, turno, número de esterilizador, y tiempo de esterilización. Se empaquetó por separado cada indicador en una bolsa de papel grado médico y se colocó dentro de un paquete de cuatro compresas de vientre envueltas en una compresa de tela doble, se realizó un preacondicionamiento de 10'y se expuso todo el material a 35' de esterilización con temperatura constante de 121°C, la lectura de cambio de color se observó en ambas pruebas; durante 24 hrs los resultados fueron anotados en una bitácora de control para indicadores biológicos. Resultados: los resultados tanto de indicadores biológicos convencionales como de lectura rápida fueron negativos para todas las pruebas después de 24 hrs de incubación. Conclusiones: la confiabilidad y eficiencia de ambos indicadores biológicos es de 100 %.


Introduction: the biologie indicators are consider an approbation way for the validation and routine inspect of sterilization cycles, the biologic conventional indicators, using dise with B spores stearthermophilus. Also the biologic indicators of fast reading to belong are according to enzyme fluorescent reaction to able for give results in three hours. Objective: compare the efficient of the biologic conventional indicators and fast reading during sterilization process at 121 °C. Method and material: it was make a descriptive study. In a period of 12 days it was identificate each indicator with date, turn, number of sterilization, and time of sterilization, they were packing by separate each indicator in a paper bag medical grade and they placed inside of a pack of four compress of a container, envolver in a compress of double cloth, it made a pre-conditioning of 10' and the material was expose to 35' of sterilizing to constant temperature of 121°C, the change reading color, it looked on both proofs during 24 hours the results were write on a logbook control to biologic indicators. Results: the answers of conventional indicators as the fast reading were negatives to all the proofs after 24 hours of incubation. Conclusion: the confidence and efficient of both biologic indicators is 100 %.


Assuntos
Humanos , Biomarcadores , Esterilização , Antissepsia , Epidemiologia Descritiva , Hospitais Pediátricos , México
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA