Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
1.
Rio de Janeiro; s.n; dez. 2000. 110f p.
Tese em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-17793

RESUMO

O objeto de estudo -de bruxa a enfermeira: uma herança do gênero feminino -foi construído a partir de afirmações de atuais estudiosos da enfermagem, que consideram haver uma ancestralidade entre bruxas e enfermeiras. Este estudo tem por objetivos investigar sob a luz do gênero como categoria de análise histórica, as mulheres consideradas bruxas e sua prática social entre os séculos XV e XVIII -período da caça às bruxas; analisar a construção histórica da prática social da enfermeira com ênfase no período nightingaleano e discutir as relações entre a história das mulheres denominadas bruxas e sua prática social, com a construção da prática social das enfermeiras nos respectivos períodos históricos, construindo um pressuposto teórico que explique uma aproximação entre a prática social destas, considerando a escassez de estudo que embasem as afirmações dos estudiosos da enfermagem a respeito desta ancestralidade. Acreditamos que a experiência histórica do tempo da caça às bruxas, tenha contribuído para colocar as mulheres em seus "devidos" lugares, bem como para configurar a prática social das enfermeiras no período moderno. Conhecendo a história das bruxas e sua prática social, descobrimos que eram consideradas pelos homens como eróticas, malignas e incompetentes; possuíam poderes e saberes adquiridos através do demônio em função de sua sexualidade, que ameaçavam os interesses masculinos, o que motivou sua perseguição....(AU)


Assuntos
Humanos , Bruxaria/história , Enfermagem
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA