Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 4 de 4
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados
Tipo de estudo
Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. enferm. UERJ ; 13(1): 68-75, jan.-abr. 2005.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-407334

RESUMO

O presente artigo tem como propósito discutir a expressão da gestualidade dos enfermeiros no cuidado a partir da imagem em movimento. O fundamento teórico provém da Antropologia Visual e dos Estudos Cinematográficos. O delineamento do estudo caracteriza-se como interdisciplinar, de abordagem qualitativa, que, do ponto de vista instrumental, captou informações através de imagens audiovisuais do cuidado e de entrevista com cinco enfermeiros. Foi realizado em um hospital público universitário, situado no município do Rio de Janeiro, em 2002. A partir da análise da própria imagem, os participantes revelaram sensações de descoberta, encantamento, espanto e sentimento de preocupação.


Assuntos
Recursos Audiovisuais , Autoimagem , Gestos , Cuidados de Enfermagem , Brasil
2.
Rio de Janeiro; s.n; jun. 2003. 297 p. ilus.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-364002

RESUMO

No presente estudo, tomamos como objeto os gestos de cuidado em enfermagem, com ênfase em seu movimento e dinamismo cotidiano. Trata-se de estudo interdisciplinar, exploratório, com abordagem qualitativa que, do ponto de vista instrumental, caaptou informações emregistros fotográficos históricos das décadas de 1920 e 1940, em um filme de ficção sobre a vida de Florence Nightingale e em imagens audiovisuais do cuidado hospitalar registradas em unidade de clínica médica de um hospital público, situado no município do Rio de Janeiro. O referncial teórico provém da Antropoligia Visual, dos estudos Cinematográficos e de pesquisas de autores brasileiros que abordam o cuidado em Enfermagem...


Assuntos
Gestos , Cuidados de Enfermagem , Imagem Eidética
3.
Rev. RENE ; 1(1): 41-45, jan.-jun. 2000. ilus
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-428783

RESUMO

As pessoas surdas desenvolvem um sistema próprio de comunicação não oral. Podem se utilizar da Língua Brasileira de Sinais ou de gestos e expressões corporais que têm significados próprios para elas. Os profissionais de saúde, via de regra, não dominam esta comunicação, dificultando a interação com estas pessoas. As autoras procuram interpretar os elementos não verbais utlizados por um grupo de surdos da Associação de Surdos do Ceará, sediada em Fortaleza...


Assuntos
Humanos , Comunicação não Verbal , Pessoas com Deficiência Auditiva , Gestos , Línguas de Sinais
4.
Rev. Esc. Enferm. USP ; 32(2): 134-9, ago. 1998.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-223903

RESUMO

Trata-se de um estudo com caracterizaçäo dos gestos e posturas utilizados pelo enfermeiro durante a orientaçäo sistematizada de familiares dos pacientes internados em UTI. Os dados foram coletados através de filmagem das interaçöes entre enfermeira e o familiar. Na análise foram identificadas as diversas categorias dos gestos propostos por Ekman e Friesen. Entre os resultados destacou-se com maior frequência a presença dos gestos ilustrativos, o que foi positivo, pois eles contribuiram para enfatizar a fala da enfermeira e facilitar a compreensäo do familiar.


Assuntos
Humanos , Postura , Gestos , Unidades de Terapia Intensiva , Relações Profissional-Família , Visitas a Pacientes , Comunicação , Comunicação não Verbal
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA