Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 19 de 19
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Tipo de estudo
Intervalo de ano de publicação
1.
Cogitare enferm ; 24: e66874, 2019.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1055964

RESUMO

RESUMO Objetivo: compreender as motivações, importância, desafios e perspectivas para atuação como conselheiros locais de saúde no Sistema Único de Saúde. Método: estudo qualitativo-descritivo, do tipo exploratório, realizado com 15 conselheiros locais de saúde, de uma capital do sul do Brasil, de janeiro a março de 2017, por meio de entrevistas semiestruturadas sustentadas no método do Discurso do Sujeito Coletivo. Resultados: as motivações se vincularam à possibilidade de contribuição social para a comunidade; à importância, a identificação do conselho local de saúde como espaço coletivo e fiscalizador; aos desafios - pouca participação das reuniões e influência da política partidária; às perspectivas - centraram-se na necessidade de uma maior participação, interesse comunitário e gestão em saúde mais eficiente. Conclusão: o conhecimento, a conscientização e o empoderamento são fundamentais para que se consiga ampliar a atuação e a participação para um melhor exercício do controle social em saúde.


RESUMEN: Objetivo: comprender las motivaciones, la importancia, los desafíos y las perspectivas para desempeñarse como consejeros locales en el Sistema Único de Salud. Método: estudio cualitativo-descriptivo, del tipo exploratorio, realizado con 15 consejeros locales de salud de una capital del sur de Brasil, de enero a marzo de 2017, por medio de entrevistas semiestructuradas sustentadas en el método del Discurso del Sujeto Colectivo. Resultados: las motivaciones se vincularon con la posibilidad de aporte social para la comunidad; con la importancia y la identificación del consejo local de salud como un espacio colectivo y fiscalizador; con los desafíos (escasa participación en las reuniones y la influencia de la política partidaria; con las perspectivas: se centraron en la necesidad de mayor participación, interés comunitario y gestión más eficiente en materia de salud. Conclusión: el conocimiento, la concientización y el empoderamiento son fundamentales para que se logre ampliar el desempeño y la participación a fin de mejorar la ejecución del control social en materia de salud.


ABSTRACT Purpose: To understand the motivations, importance, challenges and perspectives for acting as local health counselors in the Unified Health System. Method: A qualitative and descriptive study of the exploratory type conducted with 15 local health counselors, from a southern Brazilian capital, from January to March 2017, through semi-structured interviews based on the Collective Subject Discourse method. Results: The motivations were linked to the possibility of social contribution to the community; the importance of identifying the local health council as a collective and supervisory space; the challenges (poor attendance at meetings and influence of party politics; perspectives) focused on the need for greater participation, community interest and more efficient health management. Conclusion: Knowledge, awareness and empowerment are fundamental to increase the performance and participation for a better exercise of social control in health.


Assuntos
Humanos , Conselhos de Saúde , Políticas Públicas de Saúde , Participação Social , Controle Social Formal , Sistema Único de Saúde
2.
Nursing (São Paulo) ; 20(230): 1772-1774, jul.-2017.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-31669

RESUMO

Conselho Regional de Enfermagemde São Paulo (Coren-SP)constitui uma Autarquia Federalsui generis e conta com 470 mil profissionaisinscritos e um quadro de 380 funcionários,gerir um órgão da administraçãopública “não é tarefa simples”, conta adrª Fabíola Mattozinho, presidente daautarquia, logo acrescentando que o cargoque ocupa é gratificante e honroso.Na entrevista você pode conferir umpouco mais da rotina da atual presidentedo Coren-SP, as atividades preparadaspela instituição para o segundo semestre,dentre outras informações...(AU)


Assuntos
Humanos , Conselhos de Saúde , Controle Social Formal
3.
São Paulo; s.n; 2017. 190 p.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-982203

RESUMO

O Sistema Único de Saúde, por meio da Lei Orgânica da Saúde e da lei 8.142/90, destaca a importância do Conselho Gestor de Saúde como instância participativa e representativa dos membros da sociedade, para o exercício do controle social das políticas públicas de saúde. A participação social, nos vários espaços da sociedade, apresenta contradições, podendo se apresentar tanto de maneira legítima como manipulada, ainda que por dentro das instituições do Estado. A dimensão política da participação é compreendida pela Saúde Coletiva, como mecanismo de aprendizado e de organização para o enfrentamento das desigualdades em saúde. O objetivo desse trabalho foi analisar cartilhas educativas sobre conselho gestor, elaboradas pelas instâncias governamentais, nos âmbitos federal, estadual e municipal e sugerir os elementos essenciais referentes à dimensão política da participação, que devem constituir caderno educativo sobre conselhos gestores, a partir da Saúde Coletiva. Trata-se de análise documental qualitativa, cujas fontes foram o site da prefeitura do município de São Paulo, da Secretaria Estadual de Saúde do Estado de São Paulo, e do Ministério da Saúde. Selecionou-se três materiais educativos: 1. Cartilha Estadual de Saúde de São Paulo, (2013); 2. Cartilha do Conselho Nacional de Saúde/Ministério da Saúde (2013) e 3. Informe eletrônico do Conselho Municipal de Saúde da Cidade de São Paulo. A análise dos textos das cartilhas foi realizada através de categorias de participação social, definidas a partir do contexto de atuação dentro do Estado. A análise dos conteúdos das cartilhas mostrou inconsistência. A participação social foi considerada democrática-radical e coletiva em diversos temas abordados pelas cartilhas, mostrando-se, no entanto, autoritária e de cooptação no que se refere à escolha dos representantes vinculados à organização governamental, que acontece diretamente relacionada à indicação dos governantes e dos prestadores de serviço. O incentivo à mobilização social, à luta política, à participação dos indivíduos e grupos mostraram-se os grandes conteúdos ausentes quando comparados ao que está normatizado como a sociedade civil organizada em grupos de interesse. Ausentaram-se também os ensinamentos sobre a política no sentido amplo, capazes de expor as contradições sociais fundamentais da sociedade de classes. Ausentou-se ainda a perspectiva de participação que contesta a ordem instituída e que denuncia as contradições na destinação de recursos. Como produto final foi elaborado um caderno educativo para os conselhos de saúde, sobre temas que não são abordados por cartilhas desenvolvidas pelas instâncias governamentais. Sua finalidade é apoiar os usuários, a desenvolverem a participação crítica necessária ao enfrentamento coletivo das contradições sociais e da área da saúde. Os temas são: Estado, Democracia, Participação social e Conselho Gestor. Espera-se que este caderno possa instrumentalizar participantes dos conselhos gestores de saúde a compreender os limites da participação por dentro do Estado e a promover superações nessas formas de participação.


The Lei Orgânica da Saúde (Law 8.080 / 90) and Law 8.142 / 90, that legitimates the Unified Health System, highlight the importance of the Consumer Participation as a participatory and representative body of the members of the society, for the exercise of social control of public health policies. Social participation, in the various spaces of society, presents contradictions, being able to present itself in a legitimate way as well as manipulated, although within the statement´s institutions. The political dimension of participation is understood by Public Health as the mechanism of learning and organization to copying health inequalities. The aim of this study was to analyze educational guides on consumer participation, elaborated by the governmental instances, at the federal, state and municipal levels, and to suggest the essential elements regarding the political dimension of participation, which should be an educational book on consumer participation, based on Public Health. It is a documentary qualitative analisis, whose source were whose sources of search were disposable at the website of São Paulo city, the Health´s Department of the State of São Paulo, and the National Health Department. Three educational materials were selected: 1. State of São Paulo Health Book, (2013); 2. Book of the National Health Council / National Health Department (2013) and 3. Electronic report of the Municipal Health Council of São Paulo´s City. The analysis of the texts from the booklets was done through categories of social participation, defined from the context of acting within the State, showed an inconsistency. Social participation was considered democratic-radical and collective in several themes approached by the booklets, however, it was authoritarian and co-optative in the choice of representatives linked to the governmental organization, which happens directly related to the nomination of the rulers and of service providers. The great absentees were the contents of incentive to the social mobilization, to the political fight, to the participation of the individuals and groups outside the one that is normalized, like the organized civil society in groups of interest. There were also perceived the absence of the political knowledge´s in the broad sense being able to expose the fundamental social contradictions of class society. The final product of this work was an educative material to the Consumer, including themes not pointed out by the government. Its purpose is to support the users, to develop the necessary critical participation in the collective challenge of social and health contradictions. The themes are: State, Democracy, Social Participation and Management Council. It is hoped that this booklet may afford these actors in the consumer participation to understand the limits of participation within the State and to promote overcomings in these forms of participation.


Assuntos
Humanos , Organização e Administração , Controle Social Formal , Sistema Único de Saúde , Participação Social , Enfermagem
4.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-29911

RESUMO

A expansão do curso de enfermagem na Bahia refletiu em aumento na procura de vagas de prática de ensino/ estágio supervisionado na Rede Estadual da Saúde. Este artigo descreve o panorama do processo regulatório de vagas de prática/estágio realizado pela Escola Estadual de Saúde Pública da Bahia (EESP) da Secretaria de Saúde da Bahia para os cursos de saúde, entre 2011-2014, dando destaque para a formação em enfermagem. Trata-se de análise descritivo-exploratória, com abordagem quantitativa. No período estimado, foram reguladas 16.241 vagas para diversos cursos da saúde. Para enfermagem, contabilizaram-se 8.417 vagas, correspondendo a 51% do total. O expressivo e desordenado aumento dos cursos da saúde dificulta a capacidade de acolhimento das demandas de campos de prática ou estágio obrigatório pela EESP, responsável por esta regulação. No entanto, registra-se avanço no processo regulatório de vagas para estágio obrigatório na Rede Estadual de Saúde, contribuindo positivamente na formação em saúde no estado e ampliando a integração ensino-serviço.(AU)


The expansion of the nursing program in the Bahia reflected in increased demand for teaching practice vacancies/ supervised training in the State Health Network. This article describes the panorama of the regulatory process of teaching practice/supervised training performed by the Escola Estadual de Saúde Pública da Bahia (EESP), Secretaria de Saúde da Bahia, for the nursing courses between 2011-2014, with emphasis to nursing training. This is a descriptive and exploratory study with a quantitative approach. During the period under study, 16241 vacancies were regulated for various health courses. In relation to nursing, 8417 vacancies were opened, corresponding to 51% of the total amount. The significant and uncontrolled increase of health courses hinders the carrying capacity of the mandatory demands in the s of teaching practice and supervised training by the EESP, responsible party for this regulation. Nevertheless, an advance has been registered in the regulatory process of vacancies for mandatory supervised training in the State Health Network, contributing positively towards studies in health in the state and expanding the integration between teaching and working.(AU)


La expansión del curso de enfermería en el estado de Bahía reflejó en el aumento de la demanda de práctica de enseñanza/práctica supervisada en la Red de Salud del Estado. Este artículo describe el panorama del proceso de regulación de vacancias para la práctica de enseñanza/práctica supervisada realizado por la Escola Estadual de Saúde Pública da Bahia (EESP), Secretaria de Saúde da Bahia, para los cursos de salud, entre 2011 y 2014, con énfasis para la formación en enfermería. Se trata de un análisis descriptivo-exploratorio, con enfoque cuantitativo. En el período estimado, se reguló 16. 241 vacantes para diversos cursos de salud. Para la enfermería fueron 8.417 vacantes, lo que corresponde a un 51%. El significativo aumento y sin control de los cursos de salud dificulta la capacidad de acogida de las demandas de prácticas de enseñanza o prácticas supervisadas obligatorias por la EESP, responsable por la regulación. Sin embargo, se registra un avanzo en el proceso regulatorio de vacantes para la práctica obligatoria en la Red Estadual de Salud, contribuyendo positivamente en la formación en salud en el estado y ampliando la integración enseñanza-servicio.(AU)


Assuntos
Humanos , Enfermagem , Apoio ao Desenvolvimento de Recursos Humanos , Controle Social Formal , Prática Profissional
5.
Belo Horizonte; s.n; 2015. 169 p.
Tese em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-30476

RESUMO

A realidade de um Hospital de Custódia e Tratamento (HCT), anteriormente denominado manicômio judiciário, ao qual a sociedade lançou mão para dar conta da loucura ligada à criminalidade, foi o alvo deste estudo. A construção e manutenção desta instituição, compreendida em seu aspecto histórico e organizacional, incluindo ações de profissionais de saúde e segurança, foram abordadas por meio da relação entre os meios e instrumentos estabelecidos e utilizados. O HCT é uma instituição encarregada de fazer cumprir o tratamento e de privar a liberdade dos portadores de sofrimento mental submetidos à medida de segurança. Este estudo teve como objetivo analisar as contradições existentes em um Hospital de Custódia e Tratamento, focalizando sua função de assistência à saúde e de segurança publica. A opção pelo materialismo histórico dialético (MHD) teve como fundamento a possibilidade de utilizá-lo como instrumento para a interpretação da realidade. Com sua inerente essencialidade lógica, a dialética apontou um caminho para a compreensão e consequente possibilidade de transformação da realidade do HCT. O cenário de estudo foi o HCT Jorge Vaz (HCTJV), localizado na cidade de Barbacena, MG, Brasil. Trata-se do único manicômio judiciário do Estado, criado em 1927. A coleta de dados foi conduzida por meio de três diferentes técnicas, visando ao cruzamento das informações, ou seja, Análise de Documentação, Entrevistas e Observação. A amostra foi por conveniência e os sujeitos profissionais do HCT e magistrados das Varas Criminais e Execução Criminal de Minas Gerais. As entrevistas foram submetidas à análise de conteúdo e os documentos e observações utilizados para complementação das informações como forma de apreensão das conexões internas, buscando a visão global e as contradições existentes. Os resultados mostram que prevalece a vigilância feita pelos agentes de segurança, em detrimento da atenção à saúde, apesar de contar com equipe multiprofissional; há...(AU)


The reality of a Hospital of Custody and Treatment (HCT), previously called as judiciary asylum, as a structured whole of which society used to handle with the madness related to criminality was the target of this study. The construction and maintenance of this institution, comprehended in its historical and organizational aspect, including actions of health and security professionals, were approached by the relation between means and instruments established and used. The HCT is an institution in charge of enforcing the treatment and charged with deprivation of freedom the mental suffering ones under security measure. This study had the objective to analyze the contradictions in a Hospital of Custody and Treatment, focusing on its health care function and public security. The option by the dialectic historical materialism had as fundament the theoretical possibility of being used as an instrument for the interpretation of the reality. With its inherent logical essentiality, the dialectic showed a path to the comprehension and consequent possibility of transformation of HCT’s reality. The study scenario HCT Jorge Vaz, located at Barbacena city, MG, Brazil. This is the only state’s judiciary asylum, built in 1927. The collect of data was conducted using three different techniques, aiming the information crossing, that is, Documental Analysis, Interviews and Observation. The sample was for convenience and the professionals of HCT and judges of Criminal Courts and Criminal Execution of Minas Gerais. The interviews were subjected to content analysis and documents and observations used to complement the information as a way of apprehension the internal connections, seeking for a global vision and the contradictions that exists. The results show that prevails the vigilance by the security agents, at the expense of the healthcare attention, despite having a multi-professional team; there is few or no action toward the social reinsertion of the interns and has lack of...(AU)


Assuntos
Humanos , Hospitais Psiquiátricos , Internação Compulsória de Doente Mental , Equipe de Assistência ao Paciente , Controle Social Formal , Pessoas Mentalmente Doentes , Hospitais Psiquiátricos/história , Inquéritos e Questionários
6.
Rev. latinoam. enferm ; 22(1): 85-92, Jan-Feb/2014. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-702047

RESUMO

OBJECTIVE: to analyze the reports and factors associated with violence against women. METHOD: this was a cross-sectional, exploratory and analytical study with information about the cases of reported violence, extracted from the Civil Police Report Bulletin, in a mid-sized city in Minas Gerais, Brazil. RESULTS: out of the 7,487 reports of violence against women, it was found that 44.6% of the cases were threats, 28.5% aggression, 25.1% bodily injury, 1.1% rape, and 0.7% some other type of injury. In the bivariate analysis, a higher number of cases (p=0.000) committed by partners was evidenced, for all kinds of violence except for rape. Children, adolescents and adults experienced violence by partners, followed by family members. Regarding older women, violence was committed by family members. CONCLUSION: there is the need for programs to be established to prevent violence against women in various sectors of society, permeating the life cycle. .


OBJETIVO: analisar as ocorrências e fatores associados à violência contra a mulher. MÉTODO: trata-se de estudo transversal, exploratório e analítico com informações dos casos registrados de violência, extraídos dos Boletins de Ocorrências da Polícia Civil, em uma cidade de médio porte de Minas Gerais, Brasil. RESULTADOS: das 7.487 ocorrências de violência contra a mulher, identificou-se que 44,6% dos casos foram de ameaça, 28,5% de agressão, 25,1% de lesão corporal, 1,1% de estupro e 0,7% de algum tipo de injúria. Na análise bivariada, observou-se maior número de casos (p=0,000) cometidos pelo companheiro para todos os tipos de violência, com exceção de estupro. As crianças, adolescentes e adultas foram violentadas por companheiro, seguido de familiar. Com as mulheres idosas, os casos de violência foram cometidos por familiares. CONCLUSÃO: há necessidade de que programas de prevenção da violência contra a mulher sejam instituídos nos diversos setores da sociedade, permeando o ciclo de vida. .


OBJETIVO: analizar las ocurrencias y factores asociados a la violencia contra la mujer. MÉTODO: se trata de estudio transversal, exploratorio y analítico con informaciones de los casos registrados de violencia, extraídos de los Boletines de Ocurrencias de la Policía Civil, en una ciudad de porte medio de Minas Gerais, Brasil. RESULTADOS: de las 7.487 ocurrencias de violencia contra la mujer, se identificó que 44,6% de los casos fueron de amenaza, 28,5% de agresión, 25,1% de lesión corporal, 1,1% de estupro y 0,7% de algún tipo de injuria. En el análisis bivariado, se observó un mayor número de casos (p=0.000) cometidos por el compañero, para todos los tipos de violencia, con excepción del estupro. Las niñas, adolescentes y adultas fueron violentadas por el compañero, seguido de familiar. En las mujeres ancianas, los casos de violencia fueron cometidos por familiares. CONCLUSIÓN: existe necesidad de que sean instituidos programas de prevención de la violencia contra la mujer, en todo su ciclo de vida, en los diversos sectores de la sociedad. .


Assuntos
Humanos , Feminino , Criança , Adolescente , Adulto , Idoso , Violência/estatística & dados numéricos , Distribuição por Idade , Brasil , Estudos Transversais , Controle Social Formal , População Urbana
7.
Rev. gaúch. enferm ; 34(1): 140-146, mar. 2013.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-25176

RESUMO

O objetivo foi conhecer a percepção dos usuários de crack em relação ao uso e ao tratamento, em hospital geral, de médio porte, localizado no Rio Grande do Sul. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, descritiva e exploratória, que utilizou a entrevista semiestruturada, com oito usuários de crack, de setembro a outubro de 2010. Para analisar os dados, utilizou-se a análise de conteúdo da qual emergiram duas categorias temáticas: uso de drogas e busca por tratamento. Evidenciou-se que o início do uso das drogas, na adolescência, relaciona-se ao acesso social ou econômico fácil, à carga excessiva no estudo e trabalho, ao estresse e ao desconhecimento da possibilidade de dependência quími­ca, influências de amigos e de familiares, sendo que estes também influenciam na busca pelo tratamento. Concluiu-se que é necessário conhecer melhor o problema do crack e apoiar as ações voltadas à redução do consumo, da prevenção e da educação aos usuários.(AU)


El objetivo fue conocer la percepción de los consumidores de crack sobre el uso y tratamiento en un hospital general de tamaño mediano, que se encuentra en Río Grande do Sul. Se trata de una investigación cualitativa, descriptiva y exploratoria que utilizó la entrevista semiestructurada con ocho usuarios de crack, de septiembre a octubre de 2010. Para analizar los datos, se utilizó el análisis de contenido a partir de la cual emergieron dos temas: el uso de drogas y la búsqueda de tratamiento. Se evidenció que el inicio del consumo de drogas en la adolescencia se relaciona con acceso social o económico fácil, la carga excesiva de los estudios y trabajo, estrés y no saber acerca de la posibilidad de la dependencia química, amigos y miembros de la familia influye tanto que estos influyen también en la búsqueda de tratamiento. Llegamos a la conclusión de que es necesario conocer mejor el problema del crack y apoyar las acciones de reducción de consumo, prevención y educación a los usuarios.(AU)


The aim was to know the perception of crack/cocaine users about the use and treatment in a midsize general hospital, located in Rio Grande do Sul. It is a qualitative, descriptive and exploratory research that used semi-structured interviews with eight crack users, from September to October 2010. To analyze the data, we used content analysis from which two semantic categories emerged: drug use and seeking treatment. It was evidenced that drug use initiation in adolescence is related to social access or easy economic access, excessive load on studies and work, stress and not knowing about the possibility of chemical dependency, friends and family members influences, who also influence them on seeking treatment. We conclude that it is necessary to investigate the issue of crack users better and support actions on consume reduction, prevention and education to users.(AU)


Assuntos
Adulto , Humanos , Masculino , Adulto Jovem , Transtornos Relacionados ao Uso de Cocaína/psicologia , Cocaína Crack , Usuários de Drogas/psicologia , Pacientes Internados/psicologia , Centros de Tratamento de Abuso de Substâncias , Adaptação Psicológica , Brasil , Transtornos Relacionados ao Uso de Cocaína/enfermagem , Transtornos Relacionados ao Uso de Cocaína/prevenção & controle , Transtornos Relacionados ao Uso de Cocaína/reabilitação , Transtornos Relacionados ao Uso de Cocaína/terapia , Usuários de Drogas/legislação & jurisprudência , Comportamento Exploratório , Relações Familiares , Hospitais Gerais , Relações Interpessoais , Motivação , Narração , Aceitação pelo Paciente de Cuidados de Saúde , Grupo Associado , Controle Social Formal , Estresse Psicológico/psicologia
8.
Rev. bras. enferm ; 65(2): 215-221, mar.-abr. 2012. tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-26010

RESUMO

Objetivou-se analisar o perfil dos Conselheiros de Saúde do Município de Jequié-BA e identificar seu conhecimento acerca da função. Pesquisa descritiva, exploratória e qualitativa, realizada com dez Conselheiros de Saúde, atuantes em 2008. A análise dos dados foi feita segundo a técnica do Discurso do Sujeito Coletivo, emergindo as seguintes categorias: importância de atuar como Conselheiro de Saúde; função do Conselheiro e falta de capacitação para a função. Os resultados mostram que eles compreendem a relevância do controle social. Entretanto, reconhecem que alguns Conselheiros possuem ainda um conceito equivocado quanto ao seu papel; revelam a carência de capacitação e apontam a falta de paridade como um grave problema que deve ser revisto, a fim de que haja a legitimação deste Conselho. Concluiu-se que há necessidade de rever as ações e redefinir os representantes dos segmentos, governo e trabalhadores em saúde.(AU)


The study aimed to analyze the profile of Health Counselors in the Municipality of Jequié-BA, and identify their knowledge about the function. A descriptive, exploratory and qualitative research was carried out with ten active Health Counselors, in 2008. Data analysis was performed according to the technique of Collective Subject Discourse, and the following categories emerged: the importance of acting as Health Counselor; counselor's function; and lack of training for the role. The results showed that they understand the relevance of social control. However, recognized that some Counselors still have a misconception about their role; showed a lack of training; and indicated the lack of parity as a serious problem that must be reviewed in order to make this board authentic. It was concluded that there is a need to review the actions and reset the representatives of the segments, government and health worker.(AU)


Objetivó-se analizar el perfil de los Consejeros de Salud del municipio de Jequié-BA e identificar el conocimiento de ellos acerca de su función. Realizó-se un estudio descriptivo, exploratorio y cualitativo, con dieces Consejeros de Salud, activos en 2008. El análisis de datos se realizó de acuerdo a la técnica del Discurso del Sujeto Colectivo, y surgieron las siguientes categorías: la importancia de actuar como Consejero de Salud; la función de Consejero; y falta de capacitación para la función. Los resultados muestran que ellos entienden la importancia del control social. Sin embargo, reconocen que algunos Consejeros todavía tienen una idea errónea acerca de su papel y muestran una falta de formación; e indican la falta de paridad como un problema grave que debe ser revisado, a fin de que haga legitimación de este Consejo. Se concluyó que existe una necesidad de revisar las acciones y restablecer los representantes de los segmentos, gobierno y trabajadores de salud.(AU)


Assuntos
Humanos , Aconselhamento , Saúde Pública , Controle Social Formal , Participação da Comunidade
9.
Acta paul. enferm ; 25(6): 859-866, 2012. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-657982

RESUMO

OBJETIVO: Identificar os acidentes de trabalho com exposição à material biológico ocorridos em um hospital universitário, discutindo os resultados com o processo de implementação das medidas de segurança e saúde dos trabalhadores, exigidas pela Norma Regulamentadora NR-32. MÉTODOS: Estudo exploratório de abordagem quantitativa dos dados. Foram realizados levantamento dos acidentes de trabalho, as entrevistas com o coordenador do Serviço de Segurança e Medicina do Trabalho e a análise de dados documentais do Programa de Prevenção de Riscos Ambientais e do Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional. RESULTADOS: O percentual de acidentes de trabalho reduziu ao longo do período, no qual várias exigências dessa norma foram sendo adotadas. Acidentes com material perfurocortante foram os mais frequentes, não havendo em todos os setores do hospital o oferecimento dos dispositivos de segurança exigidos pela NR-32. CONCLUSÃO: Houve redução de acidentes de trabalho com material biológico no hospital estudado entre 2007 e 2009. Contudo, não é quantitativamente significativa, apesar da implantação de várias diretrizes da NR-32 ao longo dos anos. É necessária a colaboração entre gestores, serviços de segurança e trabalhadores na promoção da saúde no trabalho.


OBJECTIVE: To identify work-related accidents with exposure to biological material that occurred in a university hospital, discussing the results with the process of implementation of safety measures and health of workers required under Standard NR-32. METHODS: This was an exploratory study with a quantitative data approach. A survey was conducted of workplace accidents, the interviews with the coordinator of the Office of Safety and Occupational Medicine, and analysis of documents of the Program of Environmental Risk Prevention and the Program of Control Occupational Health Medicine. RESULTS: The percentage of accidents at work decreased over the period, in which various requirements of this standard were being adopted. Needlestick accidents were the most frequent, there being in all sectors of the hospital the offering of safety devices required by NR-32. CONCLUSION: There was a reduction of accidents with biological material in the hospital between 2007 and 2009. However, it is not quantitatively significant, despite the implementation of several guidelines of NR-32 over the years. It requires the collaboration between managers, and safety services and employees in occupational health promotion.


OBJETIVO: Identificar los accidentes de trabajo con exposición a material biológico ocurridos en un hospital universitario, discutiendo los resultados con el proceso de implementación de las medidas de seguridad y salud de los trabajadores, exigidas por la Norma Reglamentadora NR-32. MÉTODOS: Estudio exploratorio de abordaje cuantitativo de los datos. Fue realizado un levantamiento de los accidentes de trabajo, las entrevistas con el coordinador del Servicio de Seguridad y Medicina del Trabajo y el análisis de datos documentales del Programa de Prevención de Riesgos Ambientales y del Programa de Control Médico de Salud Ocupacional. RESULTADOS: El porcentaje de accidentes de trabajo se redujo a lo largo del período, en el cual varias exigencias de esa norma fueron siendo adoptadas. Los accidentes con material punzocortante fueron los más frecuentes, no habiendo en todos los sectores del hospital el ofrecimiento de los dispositivos de seguridad exigidos por la NR-32. CONCLUSIÓN: Hubo reducción de accidentes de trabajo con material biológico en el hospital estudiado entre 2007 y 2009. Con todo, no es cuantitativamente significativa, a pesar de la implantación de varias directrices de la NR-32 a lo largo de los años. Es necesaria la colaboración entre gestores, servicios de seguridad y trabajadores en la promoción de la salud en el trabajo.


Assuntos
Acidentes de Trabalho/prevenção & controle , Hospitais Universitários , Medidas de Segurança/legislação & jurisprudência , Controle Social Formal/legislação & jurisprudência , Saúde do Trabalhador/legislação & jurisprudência , Riscos Ambientais , Estudos de Avaliação como Assunto
10.
Texto & contexto enferm ; 16(3)jul.-set. 2007. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem, Repositório RHS | ID: lil-464421

RESUMO

Partimos do pressuposto de que a enfermeira da atenção básica pode desempenhar um papel importante na construção do controle social no Sistema Unico de Saúde. Tivemos como objetivos analisar as concepções e identificar as ações de controle social de enfermeiras de unidades de atenção básica à saúde de um município do interior paulista. Os dados foram coletados por meio de entrevistas semi-estruturadas e analisados qualitativa e quantitativamente. As concepções foram analisadas em quatro categorias temáticas: usuários avaliando e construindo um serviço de saúde melhor; o conselho gestor é importante, mas precisa funcionar; é preciso aprender a participar; e trabalho de formiguinha: orientando a população na construção do controle social. As enfermeiras relataram realizar várias ações visando à participação social, porém, outras ações ainda precisam ser implementadas na atenção básica para o fortalecimento do controle social na saúde.


This study is based on the supposition that the primary health care nurse can perform an important role in the construction of effective social control in the Brazilian Public Heatlh Care System (Sistema Unico de Saúde). The objectives of this research are to analyze nurses' who work in primary public health care institutions in the city of São Paulo, Brazil conceptions and identify their activities of social control. The data was collected using semi-structured interviews and analyzed through qualitative and quantitative methods. The principle conceptions were placed into four thematic categories: the users evaluating and constructing better health care; management is important but needs efficiency; it is necessary for people to learn to take part; and ant work: orienting the population in the construction of social control. The nurses related that they achieve many activities which seek social participation, but other actions must be implemented within basic care for the strengheening of social control in health care.


Partimos del presupuesto de que la enfermera de la atención básica puede desempeñar un importante papel en la construcción del control social en el Sistema Unico de Salud. Los objetivos de este estudio fueron los de analizar las concepciones e identificar las acciones de control social de enfermeras que trabajan en las unidades de atención básica de salud de un municipio del interior del estado de Sao Paulo. Los datos fueron recolectados mediante entrevistas parcialmente estructuradas, y analisados cuanti-cualitativamente. Las concepciones fueron analisadas a partir de cuatro categorias temáticas: usuarios evaluando y construyendo un servicio de salud mejor; el consejo gestor es importante, pero debe funcionar; para ello, es necesario aprender a participar; y, el trabajo de hormiguita: orientando la población en la construcción del control social. Las enfermeras relataron que realizan varias acciones teniendo en vista la participación social, sin embargo, otras acciones necesitan ser implementadas en la atención básica para el fortalecimiento del control social en la salud.


Assuntos
Enfermeiras e Enfermeiros , Conselhos de Saúde , Controle Social Formal , Participação da Comunidade , Política de Saúde , Sistema Único de Saúde
11.
Rev. Enferm. UERJ ; 10(3): 215-221, set.-dez. 2002.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-14589

RESUMO

O objetivo deste estudo é investigar questões relativas à relação interpessoal entre profissionais de Enfermagem, acompanhadas e pacientes de um hospital militar, visando o aprimoramento assistencial. Baseando-se em Goffman (1992), foi realizada pesquisa qualitativa através de estudo de caso. Foram analisados os depoimentos de três acompanhantes de pacientes, de um técnico e de um auxiliar de Enfermagem, os quais vivenciaram a prática assistencial e a problemática de um setor de Enfermagem de hospital militar do Rio de Janeiro, em 2001. Foram identificadas as categorias capacitação profissional, precariedade das condições de trabalho, cultura militar, poder médico, relação interpessoal e papel do acompanhante que sugerem especificidades organizacionais e estruturais interferindo na assistência de Enfermagem. As relações interpessoais ocorridas em ambiente de internação, quando submetidas à hierarquia formal da instituição militar, parecem compor um eixo funcional/profissional, um eixo social e um de aquartelamento, lastrados sob causas infra-estruturais, estruturais, sociais e emocionais


Assuntos
Humanos , Relações Interpessoais , Acompanhantes Formais em Exames Físicos , Hospitais Militares , Predomínio Social , Enfermagem Militar , Controle Social Formal , Características Culturais , Valores Sociais
12.
Rev. Esc. Enferm. USP ; 36(4): 309-316, dez. 2002.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-15924

RESUMO

O artigo versa sobre relatos de crianças de/na rua quanto à experiência de viver em abrigos. Compreende parte de uma investigação, cujo objetivo consistiu em apreender como crianças em situação de rua, na cidade de São Paulo, representam sua trajetória de vida. Os dados, coletados em entrevistas individuais, foram organizados segundo o método de Análise de Conteúdo e preceitos da teoria da Representação Social. As categorias destacadas do discurso transcrito foram agrupadas em experiências significativas para as crianças, entre as quais "os abrigos". A análise dessa categoria evidenciou que a falta de um atendimento mais personalizado e afetuoso nos abrigos contribui para que as crianças optem por se manterem nas ruas.(AU)


The paper focuses reports of homeless children about their experience of living in shelters. It's a part of one research of which purpose was to allow the street children themselves, on São Paulo city, to express their representation about their life's trajectory. The data, gathered by individual interviews, were organise according to the method of the Analysis of Contents and principles of the theory of the Social Representation. The categories detached from the speech transcript, were grouped into meaningful experiences for the children, among which "the shelters". The analyse of this category showed clearly that the lack of a personal and affectionate attendance in the shelters contributes to the children choosing to stay in the streets.(AU)


El artículo enfoca relatos de niños sin hogar sobre su experiencia de vivir en asilos. Comprende parte de una investigación, cuyo objetivo fue captar como los niños sin hogar, viviendo en las caller de la ciudad de São Paulo, representan su trayectoria de vida. Los datos, recolectados en entrevistas individuales, fueron analizados según el método del Análisis de Contenido y principios de la teoria de la Representación Social. Las categorias, destacadas de las entrevistas transcriptas, fueron reunidas en experiencias significativas a los niños, entre ellas, "los asilos". El análisis de esa categoria evidenció que la falta de una atención más personalizada y más afectiva en los asilos resulta en la decisión de los niños de permanecer en las calles.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Criança , Atitude , Jovens em Situação de Rua/psicologia , Instituições Residenciais , Entrevistas como Assunto , Instituições Residenciais/organização & administração , Instituições Residenciais/normas , Comportamento de Esquiva , Controle Social Formal
13.
Rev. Enferm. UERJ ; 10(1): 41-43, jan.-abr. 2002.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-10861

RESUMO

Esta pesquisa objetiva analisar a questäo do desempenho dos profissionais de saúde em um hospital militar. Baseando-se em Goffman (1992), pretende-se evidenciar os achados resultantes de pesquisa qualitativa a partir de uma perspectiva crítica e dialógica, através de estudo descritivo, observaçäo participativa e dos relatos de quatro militares, profissionais de saúde (sujeitos) que vivenciam a prática assistencial em um hospital militar, situado no município do Rio de Janeiro, em 2001. Foram encontradas, a partir da análise dos dados, seis categorias: capacitaçäo profissional, status social, cultura militar, a questäo ética, a exploraçäo do trabalho e saber/poder. Através deste trabalho, espera-se contribuir com o estudo dos fenômenos relacionados à cultura do hospital militar que influenciam a assistência e a Enfermagem


Assuntos
Humanos , Enfermagem Militar/normas , Especialidades de Enfermagem/tendências , Relações Interprofissionais , Pessoal de Saúde/psicologia , Fatores Culturais , Hospitais Militares/normas , Controle Social Formal
15.
Cogitare enferm ; 2(1): 9-14, jan.-jun. 1997.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-1567

RESUMO

Trata-se do resgate histórico da participaçäo social no Setor da Saúde do Município de Curitiba. Apresenta um breve histórico do Fórum Popular de Saúde, organizaçäo que agrega movimentos sociais comprometidos com o projeto de transformaçäo social na saúde, preparando lideranças para ocupar os espaços conquistados pela sociedade nos Conselhos de Saúde. Salienta os aspectos legais que regem o Sistema Unico de Saúde, resultantes das lutas empreendidas pelo Movimento Sanitário Nacional, a partir da década de setenta, asseguradas entre outras, na Constituiçäo Federal e na Lei Orgânica de Saúde. Discute o conceito de Controle Social em Saúde e a forma como o Modelo de Saúde do Município de Curitiba esta organizado atualmente. (AU)


Assuntos
Humanos , Política de Saúde , Controle Social Formal , Sistema Único de Saúde , Brasil
16.
In. Associaçäo Brasileira de Enfermagem. Congresso Brasileiro de Enfermagem, 47: o poder (in)visivel da enfermagem. Goiânia, ABEn, 1995. p.8.
Monografia em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-1674
17.
Rev. Esc. Enferm. USP ; 25(1): 103-11, abr. 1991.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-5757

RESUMO

O texto identifica aspectos de papéis sociais específicos, desempenhados no hospital, ou seja, numa instituiçäo total cujas características condicionam a existência de padröes peculiares de comportamento, socialmente determinados, a serem desempenhados por funcionários e doentes na tentativa de perpetuaçäo do esquema institucional. (AU)


Assuntos
Desempenho de Papéis , Controle Social Formal , Enfermagem , Relações Hospital-Paciente , Ambiente de Instituições de Saúde , Comportamento
18.
Säo Paulo; s.n; 1988. 182 p.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-150403

RESUMO

O trabalho em questäo tem por objetivo compreender a relaçäo entre a concepçäo que o pessoal de enfermagem e os doentes mentais têm da loucura e do ser louco, e a assistência cotidiana na instituiçäo manicomial. Para captar a concepçäo da loucura e do ser louco, tornou-se necessário rever os conceitos que a acompanham, tanto os provenientes do saber científico, como os do senso comum. O estudo empírico em dois hospitais psiquiátricos estatais foi realizado procurando-se as representaçöes nos discursos e nas açöes dos agentes da enfermagem e pacientes, através de entrevistas individuais e observaçäo participante. Nas representaçöes dos enfermeiros, evidenciou-se a dicotomizaçäo entre o saber e o fazer cotidiano que estäo centrados em dois eixos: a loucura como problema de relacionamento e a loucura como resultado de problemas sociais. Os auxiliares do trabalho da enfermagem denunciam o saber popular em que o ser louco aparece como "possesso", "abandonado", "que tem foco" e "vagabundo". As representaçöes no discurso dos pacientes vêm num esforço de justificar que näo säo loucos, porém que säo doentes. Este estudo evidenciou que a concepçäo de loucura e do ser louco encontrada direciona a relaçäo com o doente mental, todavia a questäo da qualidade da assistência de enfermagem nos manicômios reflete näo só os conceitos que se tem de loucura e do ser louco, mas também o fato do ser louco pertencer à classe pobre. Diante disso, faz-se necessário que a enfermagem re / tome sua prática como categoria profissional envolvida num processo histórico para poder, como força de trabalho, imprimir uma nova intencionalidade às suas açöes, colocando-se, conscientemente, ao lado da clientela oprimida.


Assuntos
Demência , Transtornos Mentais , Ambiente de Instituições de Saúde , Enfermagem Psiquiátrica , Hospitais Psiquiátricos/organização & administração , Preconceito , Transtornos Psicóticos , Controle Social Formal , Transtornos Psicóticos Afetivos , Condições Sociais , Dissertação Acadêmica
19.
Säo Paulo; s.n; 1988. 182 p.
Tese em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-5794

RESUMO

O trabalho em questäo tem por objetivo compreender a relaçäo entre a concepçäo que o pessoal de enfermagem e os doentes mentais têm da loucura e do ser louco, e a assistência cotidiana na instituiçäo manicomial. Para captar a concepçäo da loucura e do ser louco, tornou-se necessário rever os conceitos que a acompanham, tanto os provenientes do saber científico, como os do senso comum. O estudo empírico em dois hospitais psiquiátricos estatais foi realizado procurando-se as representaçöes nos discursos e nas açöes dos agentes da enfermagem e pacientes, através de entrevistas individuais e observaçäo participante. Nas representaçöes dos enfermeiros, evidenciou-se a dicotomizaçäo entre o saber e o fazer cotidiano que estäo centrados em dois eixos: a loucura como problema de relacionamento e a loucura como resultado de problemas sociais. Os auxiliares do trabalho da enfermagem denunciam o saber popular em que o ser louco aparece como "possesso", "abandonado", "que tem foco" e "vagabundo". As representaçöes no discurso dos pacientes vêm num esforço de justificar que näo säo loucos, porém que säo doentes. Este estudo evidenciou que a concepçäo de loucura e do ser louco encontrada direciona a relaçäo com o doente mental, todavia a questäo da qualidade da assistência de enfermagem nos manicômios reflete näo só os conceitos que se tem de loucura e do ser louco, mas também o fato do ser louco pertencer à classe pobre. Diante disso, faz-se necessário que a enfermagem re / tome sua prática como categoria profissional envolvida num processo histórico para poder, como força de trabalho, imprimir uma nova intencionalidade às suas açöes, colocando-se, conscientemente, ao lado da clientela oprimida. (AU)


Assuntos
Enfermagem Psiquiátrica , Transtornos Mentais , Demência , Hospitais Psiquiátricos , Ambiente de Instituições de Saúde , Dissertação Acadêmica , Condições Sociais , Preconceito , Controle Social Formal , Transtornos Psicóticos , Transtornos Psicóticos Afetivos
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA