Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 9 de 9
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
1.
Nursing (Säo Paulo) ; 22(259): 3389-3394, dez.2019.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1087257

RESUMO

Considerando a importância da atualização profissional para a qualidade da atenção prestada ao paciente internado na dimensão do cuidado nutricional, o estudo objetivou caracterizar os nutricionistas dos hospitais de Sobral-CE. Trata-se de uma pesquisa metodológica do tipo descritiva com abordagem quantitativa. Sendo realizada na área do município de Sobral-CE, onde a amostra da pesquisa foram os Nutricionistas Clínicos Hospitalares que compõem o Serviço de Nutrição, no período de janeiro de 2019, CAAE: 90500318.4.0000.8109. Participação de 23 nutricionistas, em sua maioria, 73,91% do sexo feminino e 26,09% do sexo masculino. Quanto à titulação acadêmica, a maioria apresentava no mínimo uma pós-graduação de caráter de especialização lato sensu (69,57%), graduação (21,74%) e mestrado (8,69%). Os resultados demonstraram um perfil jovem, com tempo de formação inferior a 5 anos, com a continuação de pós-graduação em virtude de proporcionar e contribuir com a assistência nutricional aos pacientes no âmbito hospitalar.(AU)


Considering the importance of professional updating for the quality of care provided to hospitalized patients in the nutritional care dimension, the study aimed to characterize the nutritionists of Sobral-CE hospitals. This is a descriptive methodological research with a quantitative approach. Being held in the area of the municipality of Sobral-CE, where the research sample were the Hospital Clinical Nutritionists who make up the Nutrition Service, in January 2019, CAAE: 90500318.4.0000.8109. Participation of 23 nutritionists, mostly, 73.91% female and 26.09% male. Regarding academic qualifications, most had at least one postgraduate degree of specialization lato sensu (69.57%), undergraduate (21.74%) and master (8.69%). The results showed a young profile, with a training time of less than 5 years, with the continuation of postgraduate studies as it provides and contributes nutritional support to patients in the hospital environment.(AU)


Teniendo en cuenta la importancia de la actualización profesional para la calidad de la atención brindada a los pacientes hospitalizados en la dimensión de atención nutricional, el estudio tuvo como objetivo caracterizar a los nutricionistas de los hospitales Sobral-CE. Esta es una investigación metodológica descriptiva con un enfoque cuantitativo. Celebrada en el área del municipio de Sobral-CE, donde la muestra de investigación fueron los Nutricionistas Clínicos del Hospital que conforman el Servicio de Nutrición, en enero de 2019, CAAE: 90500318.4.0000.8109. Participación de 23 nutricionistas, en su mayoría, 73.91% mujeres y 26.09% hombres. En cuanto a las calificaciones académicas, la mayoría tenía al menos un título de especialización de posgrado lato sensu (69.57%), licenciatura (21.74%) y maestría (8.69%). Los resultados mostraron un perfil joven, con un tiempo de capacitación de menos de 5 años, con la continuación de los estudios de posgrado, ya que proporciona y aporta apoyo nutricional a los pacientes en el entorno hospitalario.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Prática Profissional , Recursos Humanos em Nutrição , Nutricionistas , Serviço Hospitalar de Nutrição
2.
Belo Horizonte; s.n; 2019. 92 p. tab, mapa.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1007606

RESUMO

Entre as ações de promoção à saúde desenvolvidas na Atenção Primária à Saúde (APS) no Brasil estão aquelas relacionadas à educação alimentar e nutricional (EAN), realizadas por nutricionistas do Núcleo Ampliado de Saúde da Família e Atenção Básica (NASF-AB). Com o objetivo de unificar o conceito de EAN, promover reflexão e orientação da prática, e direcionar as ações para as áreas da saúde, educação e assistência, para o emprego de recursos e abordagens educacionais ativas e problematizadoras, promovendo um campo comum de reflexão e orientação da prática de EAN, propôs-se em 2012 o Marco de Referência de Educação Alimentar e Nutricional para as Políticas Públicas, porém, não obstante o Marco, estudos mostram que as práticas de EAN apresentam raízes biomédicas e operam com a transmissão de conhecimento, indicando que o modo de realizar a EAN não modificou-se. A prática dos profissionais, o modo como pensam e agem, influencia-se por experiências psicossociais e culturais. Compreender os conhecimentos, atitudes e comportamentos dos profissionais implica conhecer as representações que possuem dos objetos e fins aos quais almejam atingir, e indica a importância de estudar-se mais detalhadamente as representações sociais de quem as realiza, incluindo as atitudes, comportamentos e escolhas em diferentes domínios. A análise das representações dos nutricionistas do NASF-AB sobre EAN poderá auxiliar na compreensão da execução de suas práticas educativas, e permitirá encontrar indícios que expliquem as razões das práticas ainda não terem se adequado às diretrizes do Marco de Referência. Objetivo: analisar as representações sociais de nutricionistas do NASF-AB sobre a EAN. Metodologia: tratou-se de estudo descritivo, com base na Teoria das Representações Sociais (TRS), delineado com método qualitativo de pesquisa, realizado com 31 nutricionistas lotadas no NASF-AB da prefeitura de Belo Horizonte, a partir de entrevistas e questionário semiestruturado. Para determinar o tamanho amostral, utilizou-se amostragem probabilística aleatória estratificada com intervalo de confiança de 90%. Analisaram-se as variáveis dos questionários com distribuição de frequência, e os dados das entrevistas a partir da análise de conteúdo. Resultados: recolheram-se representações sociais das entrevistas realizadas, agrupando-as em quatro 8 categorias: EAN é ensinar, educar e orientar para alimentação saudável; EAN é mudar hábitos, práticas e comportamento; EAN é gerar autonomia; EAN é experimentar e trocar experiências. As duas primeiras categorias possuem representações sociais ancoradas no paradigma biomédico de saúde, com representações sociais de EAN normativas por privilegiarem a transmissão de informações sobre características nutricionais dos alimentos e por relacionarem a modificação de comportamentos e hábitos alimentares à reeducação nutricional. As representações sociais das demais categorias ancoram-se no paradigma biopsicossocial, por levarem em consideração as características sociais, culturais e subjetivas dos participantes dos processos educativos, porém, a abordagem a determinados temas na perspectiva do profissional em detrimento da do participante, remete também ao paradigma biomédico em saúde. Em ambas as representações sociais com caráter biopsicossocial, observa-se a convivência na prática destes profissionais de duas racionalidades que se pautam em matrizes epistemológicas distintas e, muitas vezes, antagônicas, o que pode revelar uma tentativa de ruptura com os modelos hegemônicos da educação em saúde, contrapondo-se à tendência dominante de desenvolver práticas educativas que constituam modos específicos de subjetivação baseados na normatividade e na homogeneização dos participantes. Deste modo, interpreta-se que o investimento em uma educação pela via do sensível e da experimentação, decorre neste estudo muito mais da intenção de romper com um modelo dominante reconhecidamente frágil em termos da produção de respostas, do que propriamente de uma compreensão da educação dentro de um outro enquadramento teórico segundo o qual a aprendizagem acontece pela decifração de signos. Considerações finais: espera-se que esta pesquisa contribua para reflexões sobre como a EAN é realizada no NASF-AB, e propicie discussões de práticas de EAN que privilegiem experimentações, despertando e aguçando sentidos. A experimentação convoca à invenção de novos modos de subjetivação e, consequentemente, à produção de conhecimento.(AU)


Among the health promotion actions developed in PHC in Brazil are those related to food and nutritional education (EAN) carried out by nutritionists from the Expanded Nucleus of Family Health and Basic Care (NASF-AB). In order to unify the concept of EAN, promote reflection and orientation of the practice, and direct actions in the areas of health, education and assistance, for the use of active and problematizing educational resources and approaches, promoting a common field of reflection and orientation of the EAN practice, the Food and Nutrition Education Reference Framework for Public Policies was proposed in 2012, but despite the Framework, studies show that EAN practices have biomedical roots and operate with the transmission of knowledge, indicating that the mode of performing the EAN did not change. The practice of professionals, the way they think and act, is influenced by psychosocial and cultural experiences. Understanding the professionals' knowledge, attitudes and behaviors implies knowing the representations they have of the objects and ends that they aim to achieve, and indicates the importance of studying in more detail the social representations of those who perform them, including attitudes, behaviors and choices in different domains. Analysis of NASF-AB nutritionists' representations of EAN may help in understanding the implementation of their educational practices, and will allow us to find evidence to explain why the practices have not yet adapted to the Framework of Reference guidelines. Objective: To analyze the social representations of nutritionists of the NASF-AB on EAN. Methodology: This was a descriptive study, based on the Social Representations Theory (TRS), delineated with a qualitative method of research, carried out with 31 nutritionists at NASF-AB, Belo Horizonte City Hall, based on interviews and semi-structured questionnaire. To determine the sample size, we used stratified random probabilistic sampling with a 90% confidence interval. We analyzed the variables of the questionnaires with frequency distribution, and the interview data from the content analysis. Results: social representations of the interviews were collected, grouping them into four categories: EAN is to teach, educate and guide to healthy eating; EAN is to change habits, practices and behavior; EAN is to generate autonomy; EAN is to experiment and exchange experiences. The first two categories 10 have social representations anchored in the biomedical health paradigm, with social representations of normative NANs for privileging the transmission of information about nutritional characteristics of foods and for relating the modification of behaviors and eating habits to nutritional reeducation. The social representations of the other categories are anchored in the biopsychosocial paradigm, taking into account the social, cultural and subjective characteristics of the participants in the educational processes. However, the approach to certain subjects from the perspective of the professional to the detriment of the participant also refers to the biomedical paradigm in health. In both social representations with a biopsychosocial character, it is observed the coexistence in the practice of these professionals of two rationalities that are based on distinct and often antagonistic epistemological matrices, which may reveal an attempt to break with the hegemonic models of education in health, opposing the dominant tendency to develop educational practices that constitute specific modes of subjectivation based on the normativity and the homogenization of the participants. In this way, it is interpreted that the investment in an education through the way of the sensible and the experimentation, stems in this study much more of the intention to break with a dominant model admittedly fragile in terms of the production of answers, than of an understanding of education within another theoretical framework according to which learning takes place by the decipherment of signs. Final considerations: this research is expected to contribute to reflections on how EAN is performed in NASF-AB, and to allow discussions of EAN practices that privilege experimentation, awakening and sharpening senses. Experimentation calls for the invention of new modes of subjectivation and, consequently, the production of knowledge.(AU)


Assuntos
Humanos , Educação Alimentar e Nutricional , Atitude do Pessoal de Saúde , Estratégia Saúde da Família , Nutricionistas , Inquéritos e Questionários , Dissertação Acadêmica
3.
Belo Horizonte; s.n; 2016. 136 p. ilus, tab.
Tese em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-28920

RESUMO

Este trabalho trata-se de uma Pesquisa Histórica, com abordagem da História Oral, apoiada em documentos orais e escritos, coletados em diversos acervos e por meio de entrevistas semi-estruturadas com os depoentes, previamente selecionados, dentro da Comissão de Elaboração do Projeto Político-Pedagógico de criação do Curso de Nutrição da UFMG. Diante da importância dos aspectos relacionados à memória em um projeto de História Oral, o referencial teórico adotado foi a Teoria da Memória Coletiva de Halbwachs (2006). A análise dos documentos foi feita mediante a Análise Critica do Discurso, proposta por Fairclough (2001). Objetiva analisar o processo de criação do Curso de nutrição da Universidade Federal de Minas Gerais (1999-2004). No ano de 1999 inicia-se o processo de criação do Curso de Nutrição da UFMG. Tal processo foi motivado por uma série de fatores externos e internos à UFMG que ocorreram durante a década de 1990. Dentre esses fatores convém citar a criação do Sistema Único de Saúde em 1990, a publicação da Lei 8234 em 1991 que regulamenta a profissão, a expansão da graduação em nutrição após a Lei de Diretrizes e Bases da Educação em 1996 e a aprovação da Política Nacional de Alimentação e Nutrição em 1999. Todos esses eventos marcam um período em que as questões sobre a alimentação ganham um novo olhar, indissociável dos aspectos relacionados à saúde da população o que levou a grande expansão do ensino de nutrição no país, principalmente na rede privada de ensino. Como motivador interno, tem-se a inauguração da reforma do Serviço de Nutrição e Dietética do Hospital das Clínicas da UFMG em junho de 1999. A partir daí, formou-se uma comissão composta por pessoas de diversas unidades acadêmicas da UFMG, experientes tanto na docência quanto na pesquisa, o que deu legitimidade ao grupo. Interessados em criar um curso que fosse diferente e inovador, e que também estivesse em sintonia com a necessidade social de formação do nutricionista...(AU)


This work is a historical research, with approach of Oral History, underpinned by oral and written documents collected in several collections and using semi-structured interviews with deponents, previously selected, within the Development of Political-Pedagogical Project Committee to create the Nutrition Course of Federal University of Minas Gerais (UFMG). Given the importance of the aspects related to memory in an Oral History project, the theoretical framework adopted was the Theory of Collective Memory by Halbwachs (2006). The analysis of the documents was made by Critical Discourse Analysis, proposed by Fairclough (2001). Intends to analyze the creation process of the Nutrition Course of UFMG (1999-2004). In 1999, the creation process of the Nutrition Course of UFMG was started. This process was motivated by a series of external and internal factors to UFMG that took place during the 1990s. Among these factors, we should mention the creation of the Brazilian Unified Health System, in 1990, the publication of Law 8234, in 1991, which regulates the profession, the expansion of the graduation in nutrition after the Law of Directives and Bases of Education, in 1996, and the approval of the National Policy on Food and Nutrition, in 1999. All these events mark a period in which the questions about food gain a new approach, inseparable of the aspects related to the population‟s health, which led to a large expansion of the teaching on nutrition across the country, especially in the private education network. As an internal motivator, there was the inauguration of the reform of the kitchen at the Nutrition and Dietetic Service of the Clinical Hospital of UFMG in June 1999. Thenceforth, a commission composed by people from several academic units of UFMG was formed, and these people were experienced both in teaching and in research, which gave legitimacy to the group. Interested in creating a course that was different...(AU)


Assuntos
Humanos , Educação Superior , Nutricionistas/educação , Ciências da Nutrição/história , Capacitação de Recursos Humanos em Saúde , Ciências da Nutrição/educação , Estudos Retrospectivos , Universidades
4.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online) ; 6(4): 1361-1371, out.- nov. 2014. ilus, tab, graf
Artigo em Inglês, Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-25835

RESUMO

Object: To analyze the process of implementation regarding Nutritionist technical and professional courses and previous professional skills created by Food Service Social Security- SAPS, through the collection of its Bulletins. Method: It embodies bibliographical research of its Bulletins which were published between November of 1944 and November of 1946, having as target the workers of the SAPS Restaurants. Results: The analysis suggests that these Bulletin sources recorded the development of these courses as well as several researches developed in the Nutrition area, with extensive written documentation and imagery, through facsimile captioned within these publications. Conclusion: The bulletins bring coverage of major importance and significance for the history of the profession, consisting of 118 articles and 173 facsimiles. It shows the importance of these documents not only to the history of the Nutritionists as previous professional skills.(AU)


Objetivo: Analisar o processo de surgimento dos cursos técnicos e de profissionais Nutricionistas e antecedentes, criados pelo Serviço de Alimentação da Previdência Social-SAPS, através da Coletânea de seus Boletins. Método: Realizado pesquisa bibliográfica dos Boletins, Revista Institucional que circulou no período de novembro de 1944 a novembro de 1946, tendo como público alvo os trabalhadores dos Restaurantes do SAPS. Resultados: A análise dessas fontes sugere que esse Boletim registrou a evolução desses cursos como também várias pesquisas desenvolvidas na área da nutrição, com farta documentação escrita e imagética, através de fac-símiles legendados no interior dessas publicações. Conclusão: Os Boletins trouxeram cobertura jornalística de grande importância e significado para a história da profissão, composta de 118 artigos e 173 fac-símiles com riqueza de detalhes. Aponta-se para a relevância desses documentos não só para a história da profissão de Nutricionista como de seus antecedentes.(AU)


Objetivo: Analizar el proceso de creación de cursos técnicos y profesionales de los nutricionistas y los antecedentes creado por el Servicio de Alimentos de la Seguridad Social -SAPS a través de la colección de sus boletines. Método: La investigación realizada se basa en la literatura de estos boletines, Revista Institucional que circuló en el período noviembre 1944 a noviembre 1946 que tienen como objetivo a los empleados de los restaurantes SAPS. Resultados: El análisis de estas fuentes sugiere que el Boletín informó que la evolución de estos cursos, así como la investigación de varios desarrollado en el campo de la nutrición con una amplia documentación escrita y imágenes, através de facsímiles subtitulados dentro de estas publicaciones. Conclusión: Los Boletines llevan la cobertura de la mayor importancia y trascendencia para la historia de la profesión, que consiste en 118 artículos y 173 facsímiles en gran detalle. Apuntando la importancia de estos documentos no sólo para la historia de la profesión de nutricionista como sus antecedentes.(AU)


Assuntos
Humanos , História , Nutricionistas/educação , Nutricionistas/história , Publicações Periódicas como Assunto/história , Brasil
5.
Rev. enferm. UERJ ; 16(3): 351-356, jul.-set. 2008.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-15140

RESUMO

Este estudo teve como objetivo analisar a percepção dos graduandos de enfermagem e nutrição sobre a interdisciplinaridade na educação em diabetes. Trata-se de uma pesquisa descritiva, realizada com 18 alunos de graduação em enfermagem e nutrição da Escola de Enfermagem da Universidade Federal de Minas Gerais, em 2007. Foi aplicado um instrumento contendo quatro questões norteadoras. A análise de conteúdo das respostas indicou que a disciplina possibilitou um aprendizado significativo, principalmente quanto ao conhecimento teórico-prático em Diabetes Mellitus, à importância do atendimento ao paciente pela equipe multidisciplinar, além de proporcionar a experiência de trabalhar em equipe e a respeitar os limites de atuação de cada profissional. A disciplina revelouûse uma estratégia valiosa para a vivência da interdisciplinaridade pelos alunos e promoveu maior interação entre as áreas de nutrição e enfermagem.(AU)


The aim of this study is to analyze how nursing and nutrition students perceive interdisciplinary education on diabetes. This descriptive study was conducted in 2007 with 18 undergraduate nursing and nutrition students at the School of Nursing, Minas Gerais Federal University. An instrument containing four guiding questions was applied and the responses submitted to thematic content analysis, following Bardin. The analysis indicated that the discipline has allowed significant learning, mainly in terms of theoretical and practical knowledge of diabetes mellitus and the importance of the multidisciplinary team in providing patient care, besides offering the experience of working in teams and respecting the limits of performance of each professional. The discipline has proved a valuable strategy for students to experience interdisciplinarity and has fostered greater interaction between the fields of nutrition and nursing.(AU)


El objetivo del estudio fue analizar las percepciones de los estudiantes de enfermería y la nutrición en la educación interdisciplinaria sobre la diabetes. Se trata de una investigación descriptiva, realizada con 18 estudiantes de pregrado de enfermería y de nutrición de la Escuela de Enfermería de la Universidad Federal de Minas Gerais û Brasil, en 2007. Se aplicó un instrumento rector que contiene cuatro preguntas. El análisis de contenido de las respuestas indicó que la disciplina ha permitido un aprendizaje significativo, principalmente en los conocimientos teóricos y prácticos sobre la Diabetes Mellitus, la importancia del equipo multidisciplinario de atención al paciente, así como ofrecer la experiencia de trabajar en equipo y el respeto de los límites de actuación de cada profesional. La disciplina ha demostrado ser una valiosa estrategia para el alcance de la cuestión del concepto de interdisciplinariedad por los estudiantes y de promover una mayor interacción entre las áreas de nutrición y de enfermería.(AU)


Assuntos
Humanos , Diabetes Mellitus , Estudantes de Enfermagem , Nutricionistas/educação , Ciências da Nutrição/educação , Bacharelado em Enfermagem , Pesquisa Interdisciplinar , Pesquisa Qualitativa , Brasil
6.
Cogitare enferm ; 13(1): 88-95, jan.-mar. 2008. tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-19112

RESUMO

O objetivo foi analisar a Qualidade de Vida (QV) de 89 enfermeiros, 14 fisioterapeutas e o6 nutricionistas de um hospital universitário. A coleta dos dados ocorreu entre agosto e outubro de 2005, por meio do WHOQOL - bref. Os dados foram submetidos a testes estatísticos comtemplando: características da amostra e QV, agrupados em domínios: físico, psicológico, relação social e de meio ambiente. Dentre os resultados destacam-se: sexo feminino (94,50 por cento); faixa etária entre 20 e 35 anos (85,32 por cento); 80,74 por cento com pós-graduação; 44,03 por cento com dupla ou tripla jornada de trabalho. Os escores totais das características de QV, mas tres categorias profissionais, apresentaram médias acima da faixa de neutralidade ou indiferença com tendência à valorização positiva. Os fisioterapeutas obtiveram os maiores escores e os enfermeiros os menores. Os achados oferecem subsídios para outras análises que possam manter e/ou melhorar a QV de profissionais.(AU)


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Qualidade de Vida , Pessoal de Saúde , Hospitais Universitários , Enfermeiros , Nutricionistas , Fisioterapia
7.
Rev. latinoam. enferm ; 15(1): 106-112, jan.-fev. 2007.
Artigo em Inglês | BDENF - Enfermagem | ID: bde-13569

RESUMO

Based on the Theory of Roles, this study aimed to examine health team professionals' views on the role played by their colleagues. We interviewed 39 health professionals: 01 nutritionist, 02 psychologists, 02 nurses, 03 physiotherapists, 04 pharmacists, 10 dentists and 17 physicians. The results showed that the participants considered that teamwork shares responsibility, which relieves stress and is a way of learning; they also indicate that expectations regarding the professionals' role are not very clear and that most participants have little knowledge about their colleagues' professional role. The most clearly described professional roles are those of physicians, nurses and pharmacists. The most obscure is the psychologist's role.(AU)


Este estudio, basado en la Teoría de Roles, tuvo como objetivo estudiar la visión que los profesionales de un equipo de salud tienen con relación al rol de sus compañeros de equipo. Entrevistamos a 39 profesionales de salud: 01 nutricionista, 02 psicólogos, 02 enfermeras, 03 fisioterapeutas, 04 farmacéuticos, 10 dentistas y 17 médicos. Los resultados mostraron que, al compartir el trabajo, los participantes dividen responsabilidad, disminuyen el stress; así como lo consideran una forma de aprendizaje; las expectativas en relación a los roles profesionales no son claras y la mayoría conoce muy poco el rol profesional del equipo. Los roles profesionales descritos más claramente son los de médico, enfermero y farmacéutico. El menos especificado es el del psicólogo.(AU)


Fundamentado na teoria de papéis, este estudo buscou investigar a visão que os profissionais de uma equipe de saúde têm a respeito do papel desempenhado por seus companheiros de equipe. Entrevistou-se 39 profissionais de saúde: 1 nutricionista, 2 psicólogos, 2 enfermeiros, 3 fisioterapeutas, 4 farmacêuticos, 10 dentistas, e 17 médicos. Os resultados indicaram que os informantes consideram que o trabalho em equipe divide a responsabilidade, aliviando o estresse; é uma forma de aprendizado; indicam também que as expectativas quanto aos papéis profissionais não são claras e que a maioria dos informantes tem pouco conhecimento a respeito do papel profissional dos companheiros de equipe. Os papéis profissionais descritos com mais clareza foram os de médico, enfermeiro e farmacêutico. O mais obscuro é o do psicólogo.(AU)


Assuntos
Humanos , Equipe de Assistência ao Paciente , Papel Profissional , Prática Profissional , Nutricionistas , Psicologia , Enfermeiros , Farmacêuticos , Odontólogos , Médicos
8.
Campinas; s.n; dez. 2004. 207f p.
Tese em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-16725

RESUMO

Este trabalho consistiu em uma pesquisa realizada na Rede Básica de Saúde (RBS) dos municípios pertencentes à Região Metropolitana de Campinas (RMC) com o objetivo de descrever e avaliar as ações desenvolvidas por nutricionistas. O método de pesquisa utilizado foi o quanti-qualitativo com a realização de 12 entrevistas com nutricionistas da RBS de 8 municípios da RMC. O instrumento utilizado foi um questionário semi-estruturado com questões abertas e fechadas. Em seguida às entrevistas individuais, foi aplicada a técnica de grupo focal com 5 nutricionistas de diferentes municípios. As entrevistas e discussões foram gravadas, transcritas e analisadas qualitativamente por intermédio da análise hermenêutica dialética. Dos 19 municípios apenas 8 contam com nutricionista na RBS. As formas de contratação são variadas: um profissional foi contratado para atuar na Secretaria de Educação e atualmente trabalha somente na RBS, cinco exclusivamente para a RBS, três foram contratados para atuar em outra área e acumularam funções na RBS e três foram contratados para serviços específicos. Com relação às funções exercidas pelo profissional, destacam-se: prescrições e orientações dietéticas individuais, palestras para grupo, campanhas, participação em programas de suplementação, vigilância sanitária e visitas domiciliares. Conclui-se que menos da metade dos municípios conta com nutricionista na RBS: o número de nutricionistas é insuficiente, o nutricionista tende a acumular funções em diferentes setores e há predomínio das atividades assistenciais em detrimento de atividades de promoção à saúde.(AU)


Assuntos
Humanos , Saúde Pública , Nutricionistas , Ciências da Nutrição
9.
Rev. baiana enferm ; 6(2): 110-6, out. 1993.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-9134

RESUMO

O estudo discute a complexidade da educaçäo nutricional na sociedade brasileira, e sugere uma reavaliaçäo da relaçäo do nutricionista versus paciente versus comunidade (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Educação Alimentar e Nutricional , Condições Sociais/economia , Dieta/economia , Nutricionistas , Fatores Socioeconômicos , Brasil , Cultura , Transtornos Nutricionais/etiologia
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA