Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 165
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. Esc. Enferm. USP ; 54: e03543, 2020. tab
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1091973

RESUMO

Abstract Objective: To describe the frequency of suspicion of minor psychic disorders and their symptoms in nursing workers at a psychiatric hospital. Method: Cross-sectional study carried out in 2018 with nursing workers at a psychiatric hospital in the city of Rio de Janeiro, Brazil. Data were collected by using an instrument with sociodemographic, work, and health variables. The Self-Reporting Questionnaire-20 was used to verify minor psychic disorders. Results: Ninety workers participated in the study. The frequency of minor psychic disorders in the sample was equal to 32.2%. The questions that showed the highest frequencies of affirmative answers were: "Do you feel nervous, tense, or worried?" (51.1%), "Dou you often have headaches?" (41.1%), "Is your daily working suffering?" (37.8%), "Do you have uncomfortable feelings in your stomach?" (36.7%), "Do you find it difficult to enjoy your daily activities?" (27.8%), and "Are you unable to play a useful part in life?" (22.2%). Conclusion: The predominance of symptoms of reduced vital energy and somatization suggest stress and risk of mental disorders.


Resumen Objetivo: Describir la frecuencia de suspección de trastornos psíquicos menores y los síntomas en trabajadores de Enfermería de un hospital psiquiátrico. Método: Estudio transversal, realizado en 2018 con trabajadores de Enfermería de un hospital psiquiátrico en la ciudad de Río de Janeiro. Los datos fueron recogidos mediante un instrumento con variables sociodemográficas, laborales y de salud. Para la verificación de los trastornos psíquicos menores se utilizó el Self-Reporting Questionnaire-20. Resultados: Participaron 90 trabajadores. La frecuencia de trastornos psíquicos menores en la muestra fue del 32,2%. Las preguntas con mayores frecuencias de respuestas afirmativas fueron: "Se siente nervioso/a, tenso/a o preocupado/a" (51,1%), "Tiene dolores de cabeza frecuentes" (41,1%), "Le causa sufrimiento su trabajo" (37,8%), "Siente usted incomodidad estomacal" (36,7%), "Tiene dificultades de tener satisfacción en sus tareas" (27,8%) y "Es incapaz de desempeñar un papel útil en su vida" (22,2%). Conclusión: La predominancia de síntomas de disminución de la energía vital y somatización sugieren estrés y riesgo de trastorno mental.


Resumo Objetivo: Descrever a frequência de suspeição de distúrbios psíquicos menores e os sintomas em trabalhadores de Enfermagem de um hospital psiquiátrico. Método: Estudo transversal realizado em 2018 com trabalhadores de Enfermagem de um hospital psiquiátrico na cidade do Rio de Janeiro. Os dados foram coletados por meio de um instrumento com variáveis sociodemográficas, laborais e de saúde. Para a verificação dos distúrbios psíquicos menores utilizou-se o Self Report Questionnaire-20. Resultados: Participaram 90 trabalhadores. A frequência de distúrbios psíquicos menores na amostra foi de 32,2%. As questões com maiores frequências de respostas afirmativas foram: "Sente-se nervoso(a), tenso(a) ou preocupado(a)" (51,1%), "Tem dores de cabeça frequentes" (41,1%), "Seu trabalho lhe causa sofrimento" (37,8%), "Você sente desconforto estomacal" (36,7%), "Tem dificuldades de ter satisfação em suas tarefas" (27,8%) e "É incapaz de desempenhar um papel útil em sua vida" (22,2%). Conclusão: A predominância de sintomas de diminuição da energia vital e somatização sugerem estresse e risco de transtorno mental.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Saúde do Trabalhador , Transtornos Mentais , Profissionais de Enfermagem/psicologia , Enfermagem Psiquiátrica , Estresse Psicológico , Saúde Mental , Estudos Transversais , Hospitais Psiquiátricos
2.
Rev. enferm. UFPE on line ; 13: [1-9], 2019. ilus, tab, graf
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1049698

RESUMO

Objetivo: avaliar o risco de Síndrome de Burnout em enfermeiros que atuam na saúde mental. Método: trata-se de um estudo quantitativo, descritivo, transversal e analítico, com 23 enfermeiros que atuam em um hospital psiquiátrico e em Centros de Atenção Psicossociais. Coletaram-se os dados por meio de um questionário validado e do instrumento Maslach Burnout Inventory. Utilizou-se o teste qui-quadrado de Pearson para se associar as variáveis. Apresentaram-se os resultados em forma de tabelas e figura. Resultados: constatou-se que 60,9% dos profissionais apresentaram baixa exaustão emocional; 65,2%, baixa despersonalização e 47,8%, alta realização profissional. Destaca-se que, apesar de os profissionais não apresentarem a Síndrome de Burnout, 47,8% demonstraram um alto risco para o seu desenvolvimento. Conclusão: evidenciou-se que os enfermeiros da saúde mental apresentaram um elevado risco para a Síndrome de Burnout e demonstraram associações significativas a alguns fatores preditores e sintomas desse agravo.(AU)


Objective: to evaluate the risk of Burnout Syndrome in nurses working in mental health. Method: this is a quantitative, descriptive, cross-sectional and analytical study with 23 nurses who work in a psychiatric hospital and in Psychosocial Care Centers. Data were collected through a validated questionnaire and the Maslach Burnout Inventory instrument. Pearson's chi-square test was used to associate the variables. Results were presented in tables and figures. Results: it was found that 60.9% of professionals had low emotional exhaustion; 65.2%, low depersonalization and 47.8%, high professional achievement. It is noteworthy that, although professionals do not have Burnout Syndrome, 47.8% demonstrated a high risk for its development. Conclusion: it was evidenced that mental health nurses had a high risk for Burnout Syndrome and showed significant associations with some predictors and symptoms of this condition.(AU)


Objetivo: evaluar el riesgo de síndrome de Burnout en enfermeros que trabajan en salud mental. Método: estudio cuantitativo, descriptivo, transversal y analítico con 23 enfermeros que trabajan en un hospital psiquiátrico y en Centros de Atención Psicosocial. Los datos fueron recolectados a través de un cuestionario validado y el instrumento Maslach Burnout Inventory. La prueba de chi-cuadrado de Pearson se utilizó para asociar las variables. Los resultados se presentaron en tablas y figuras. Resultados: se encontró que el 60.9% de los profesionales tenían bajo agotamiento emocional; 65,2%, baja despersonalización y 47,8%, alto rendimiento profesional. Es de destacar que, aun que los profesionales no tienen síndrome de Burnout, el 47.8% demostró un alto riesgo para su desarrollo. Conclusión: se evidenció que los enfermeros de salud mental tenían un alto riesgo de síndrome de Burnout y mostraron asociaciones significativas con algunos predictores y síntomas de este agravio.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Enfermagem Psiquiátrica , Riscos Ocupacionais , Esgotamento Profissional , Saúde Mental , Saúde do Trabalhador , Hospitais Psiquiátricos , Serviços de Saúde Mental , Enfermeiras e Enfermeiros , Epidemiologia Descritiva , Estudos Transversais
3.
Cogitare enferm ; 24: e59756, 2019. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1019766

RESUMO

RESUMO Objetivo: caracterizar o perfil dos usuários do Hospital Psiquiátrico Extensão Trindade, em Cabo Verde, África, e caracterizar o perfil das famílias destes usuários. Método: estudo descritivo, realizado em 2016, com 100 pessoas que estiveram internadas no serviço de psiquiatria, no período de 2010 a 2015, e 30 famílias selecionadas aleatoriamente. Dados coletados no hospital psiquiátrico (prontuários) e no domicílio (entrevista), analisados de forma descritiva. Resultados: 67% de usuários do sexo masculino, 82% solteiros e 87% tiveram de uma a dez reinternações hospitalares; 90% de familiares do sexo feminino, 43,3% mães e 73,3% não sabiam qual era o transtorno mental do familiar. Conclusão: o estudo permitiu identificar o perfil das famílias e dos usuários do serviço de psiquiatria em Cabo Verde, Ilha de Santiago, contribuindo para o direcionamento de estratégias no cuidado de enfermagem às famílias e à pessoa portadora de transtorno mental, após a alta hospitalar.


RESUMEN: Objetivo: caracterizar el perfil de los usuarios del Hospital Psiquiátrico "Extensão Trindade", en Cabo Verde, África, así como el perfil de las familias de estos usuarios. Método: estudio descriptivo, que se realizó en 2016, con 100 personas que estuvieron internadas en el servicio de psiquiatría, en el periodo de 2010 a 2015, y 30 familias seleccionadas de modo aleatorio. La obtención de datos ocurrió en el hospital psiquiátrico (prontuarios) y en el domicilio (entrevista), y se los analizaron de forma descriptiva. Resultados: 67% de usuarios del sexo masculino, 82% solteros y 87% tuvieron de una a diez re-internaciones hospitalarias; 90% de familiares del sexo femenino, 43,3% madres y 73,3% no sabían cuál era el trastorno mental del familiar. Conclusión: el estudio permitió identificar el perfil de las familias y de los usuarios del servicio de psiquiatría en Cabo Verde, Isla de Santiago, contribuyendo para el direccionamiento de estrategias en el cuidado de enfermería a las familias y a la persona portadora de trastorno mental, tras el alta hospitalaria.


ABSTRACT Objective: to characterize the profile of users of the Extensão Trindade Psychiatric Hospital in Cape Verde, Africa, and to characterize the profile of the family members of these users. Method: a descriptive study was conducted in 2016 with 100 people who were hospitalized in the psychiatry service, between 2010 and 2015, and 30 randomly selected family members. Data collected in the psychiatric hospital (medical records) and in the home (interview) were analyzed in a descriptive way. Results: 67.0% of the users were male, 82.0% single and 87.0% had one to ten hospital readmissions; 90.0% of the family members were female, 43.3% mothers and 73.3% did not know the mental disorder of the family member. Conclusion: the study allowed the identification of the profile of users of the psychiatry service in Cape Verde, Santiago Island and that of their family members, contributing to the strategy of nursing care for families and people with mental disorder after hospital discharge.


Assuntos
Humanos , Perfil de Saúde , Família , Hospitais Psiquiátricos , Saúde Mental , Transtornos Mentais
4.
Rio de Janeiro; s.n; jun. 2018. 103 f p. graf, tab.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-987547

RESUMO

Pesquisa sócio-histórica, de natureza qualitativa, tendo como objeto os cuidados de enfermagem prestados aos portadores de transtornos mentais submetidos à eletroconvulsoterapia (ECT) no Instituto Municipal Nise da Silveira (IMNS), no período de 1978 até 1990. O recorte temporal corresponde, respectivamente, ao ano de consolidação do Movimento dos Trabalhadores de Saúde Mental (MTSM) e ao ano da criação do Sistema Único de Saúde (SUS), a partir da promulgação da Lei nº 8080/90, fatos que marcam rupturas importantes no curso das políticas de saúde mental. Oriundo do primeiro hospício do Brasil, o IMNS representa o berço da construção e desenvolvimento de saberes e práticas de saúde mental, sendo uma instituição relevante para a memória da trajetória da psiquiatria no país. A ECT foi introduzida no tratamento em psiquiatria por oferecer maior segurança para o paciente, quando comparada às demais terapias convulsivas. Sua aplicação contava com a equipe de enfermagem para prestar cuidados pré, trans e pós terapia. Objetivos: Descrever a aplicação da ECT no IMNS na década de 1980 e analisar os cuidados de enfermagem prestados às pessoas submetidas à ECT. Metodologia: As fontes escritas foram documentos escritos do Acervo de História e Memória do IMNS, como livros de ordem e ocorrências do período do estudo, e as fontes orais foram produzidas na perspectiva da História Oral Temática, a partir de entrevista com nove colaboradores, sendo 1 auxiliar de enfermagem, 4 técnicos de enfermagem e 4 enfermeiros que prestaram cuidados às pessoas submetidas à ECT no cenário estudado. Foi aplicada a crítica interna e externa aos documentos e os dados foram triangulados e organizados de forma cronológica e temática. Como embasamento teórico utilizou-se os conceitos de desinstitucionalização, pelos autores que escrevem na lógica do movimento de Reforma Psiquiátrica e de saber e poder disciplinar, estes de Michel Foucault. A pesquisa foi aprovada em Comitê de Ética em Pesquisa das instituições proponente e coparticipante. Resultados: Os resultados do estudo demonstram a aplicação da ECT era formalmente indicada e realizada pelo médico, sem que o paciente passasse por uma avaliação clínica minuciosa; Informalmente ocorria o uso da ECT, aplicada pelos profissionais da enfermagem e "guardas" como forma punitiva, em caso de desobediência das normas institucionais pelos pacientes, contribuindo para estigmatização da técnica e mantendo as relações de poder disciplinar no hospício. A equipe de enfermagem demonstrou dificuldade em reconhecer um saber próprio em psiquiatria relacionando-a com a ausência de ensino sobre a temática durante a formação profissional. Evidenciou-se também que a equipe de enfermagem realizava cuidados historicamente específicos da categoria, como higiene e alimentação do paciente, administração de medicamentos e contenções. Tais atividades se relacionam com a manutenção da ordem asilar, também de responsabilidade da enfermagem. Os resultados também apontaram cuidados de enfermagem relacionados a ECT nos momentos pré, trans e pós aplicação da técnica, realizados empiricamente, aprendidos através da observação e repetição no acompanhamento dos pacientes. Os cuidados de enfermagem ao paciente submetido à ECT tinham a função de preparo e proteção para que a técnica fosse realizada com menos risco possível, no entanto, não era registrada a participação da enfermagem nessa terapêutica. A técnica da história oral permitiu registrar que a atuação da equipe de enfermagem no IMNS em sua prática cotidiana na ECT era responsável pelo jejum do paciente e pela proteção na cavidade oral na fase pré-ECT; pela observação do paciente e contenção física na fase trans-ECT e pela verificação de sinais vitais, alimentação, higiene e observação na fase pós-ECT. Considerações finais: Este estudo apresenta resultados que descrevem como era na visão da equipe de enfermagem e aplicação da ECT no IMNS e quais os cuidados de enfermagem realizados pelos colaboradores da pesquisa nas fases aqui denominadas de pré, trans e pós ECT. Destacou-se no período estudado o modelo manicomial, no qual o poder-saber médico era preponderante no espaço asilar, e a ECT era usada como tratamento e como exercício do poder disciplinar, sendo o médico e a equipe de enfermagem profissionais indispensáveis para a realização essa técnica. Houve, pela prática, a construção de saberes específicos de enfermagem psiquiátrica em ECT. (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Enfermagem Psiquiátrica , Convulsoterapia/enfermagem , Assistência à Saúde Mental , Hospitais Psiquiátricos , Transtornos Mentais , Cuidados de Enfermagem , História da Enfermagem
5.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online) ; 10(3, n. esp): 62-65, jun. 2018.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-905353

RESUMO

As práticas acolhedoras e sensíveis ao sofrimento psíquico são instrumentos potentes para assegurar um cuidado ampliado e subjetivo capaz de melhorar o relacionamento entre cuidador-cuidado e ainda produz práticas de empoderamento para as pessoas com transtornos psíquicos. MUNIZ (2014) sinaliza que "é extremamente valioso para a enfermagem, para os pacientes e para a pesquisa que se desenvolvam estudos a respeito da prática de enfermagem em saúde mental, buscando aumentar o conhecimento neste campo do cuidado". Este estudo sugere que haja espaços contínuos de discussão com a equipe de enfermagem acerca desses cuidados


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Hospitais Psiquiátricos/tendências , Relações Enfermeiro-Paciente , Enfermagem Psiquiátrica/métodos
6.
Esc. Anna Nery Rev. Enferm ; 22(2): e20170288, 2018. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-953445

RESUMO

Objective: To investigate the risk of illness and to the human cost at work from the point of view of the nursing team of a psychiatric hospital. Method: A cross-sectional study performed in a psychiatric hospital with 74 nursing workers. The Human Cost of Labor Scale was applied. Results: In the evaluation of the human cost at work, the cognitive cost factor was evaluated as a critical risk for the sickness of the nursing worker, while the factors affective cost and physical cost demonstrated a satisfactory evaluation. The items considered critical for illness referred to: having control of emotions, dealing with the aggressiveness of others, use of vision and memory, and repeated and repeated use of the legs and hands. Conclusion: The evaluated items reveal conditions critical to the health of the nursing worker in mental health, revealing risk of illness.


Objetivo: Investigar los riesgo de enfermedad y el costo humano en el trabajo desde el punto de vista del equipo de enfermería de un hospital psiquiátrico. Método: Estúdio transversal, realizado en un hospital psiquiátrico, con 74 trabajadores de enfermería. Se aplicó la Escala de Costo Humano en el Trabajo. Resultados: En la evaluación del costo humano en el trabajo, el factor costo cognitivo fue evaluado como riesgo crítico para la enfermedad del trabajador de enfermería, mientras que los factores costo afectivo y costo físico demostraron una evaluación satisfactoria. Los elementos considerados críticos para la enfermedad se refirieron a: tener control de las emociones, tratar con la agresividad de los demás, el uso de la visión y la memoria y el uso continuo y repetido de las piernas y las manos. Conclusión: Los ítems evaluados revelan condiciones críticas para la salud del trabajador de enfermería en salud mental, revelando riesgo de enfermedad.


Objetivo: Investigar o risco de adoecimento e o custo humano no trabalho sob o ponto de vista da equipe de enfermagem de um hospital psiquiátrico. Método: Estudo transversal, realizado em um hospital psiquiátrico, com 74 trabalhadores de enfermagem. Foi aplicada a Escala de Custo Humano no Trabalho. Resultados: Na avaliação do custo humano no trabalho, o fator custo cognitivo foi avaliado como risco crítico para adoecimento do trabalhador de enfermagem, enquanto os fatores custo afetivo e custo físico demonstraram avaliação satisfatória. Os itens considerados críticos para adoecimento referiram-se a: ter controle das emoções, lidar com a agressividade dos outros, uso da visão e memória, uso contínuo e repetido das pernas e mãos. Conclusão: Os itens avaliados indicaram condições críticas para a saúde mental do trabalhador de enfermagem, revelando risco de adoecimento.


Assuntos
Humanos , Saúde Mental , Saúde do Trabalhador , Hospitais Psiquiátricos , Profissionais de Enfermagem
7.
REME rev. min. enferm ; 22: e-1104, 2018.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-907145

RESUMO

Objetivo: discutir as implicações do perfil sociodemográfico e laboral, as condições de saúde e hábitos de vida para a saúde do trabalhador de enfermagem de um hospital psiquiátrico. Método: estudo transversal realizado com 74 participantes. Foi utilizado questionário para caracterização sociodemográfica, laboral e de condições de saúde e hábitos de vida. Resultados: verificou-se associação entre a categoria auxiliar/técnico de enfermagem da raça/cor preta (p<0,001), nível médio de escolaridade (p<0,001), carga horária semanal superior a 30 horas (p=0,007), mais de um vínculo empregatício (p=0,034), trabalho noturno (p=0,018) e transtorno mental comum (p=0,015). Observou-se associação significativa entre a categoria enfermeiro e o tempo de atuação no setor (p=0,028). Conclusão: os resultados sugerem que a natureza do trabalho executado exerce forte influência sobre a saúde do trabalhador, em especial sobre os auxiliares/técnicos de enfermagem.(AU)


Assuntos
Humanos , Hospitais Psiquiátricos , Saúde Mental , Equipe de Enfermagem , Saúde do Trabalhador , Fatores de Risco , Condições de Trabalho , Fatores Socioeconômicos
8.
Rev. enferm. UFPE on line ; 11(supl.11): 4778-4780, nov.2017.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1032341

RESUMO

Objetivo: analisar os processos de desinstitucionalização a partir da Rede de Atenção Psicossocial num município da região Metropolitana 2 do Estado do Rio de Janeiro. Método: pesquisa qualitativa, descritiva, com os profissionais da gestão pública municipal e estadual, com coleta de dados por meio de pesquisa em documentos. Posteriormente, serão realizadas entrevistas semiestruturadas, analisadas pela técnica de Análise de Conteúdo, na modalidade Análise Temática. Os princípios éticos estão em conformidade com a Resolução 466/2012 e o projeto de pesquisa foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa sob o CAAE:69914416.4.0000.5243. Resultados esperados: o fechamento de um macro-hospital psiquiátrico atinge não somente a referida região de saúde, mas os municípios vizinhos. O recurso financeiro destinado aos municípios que recebem esses usuários de volta auxilia na estruturação da rede para acolhê-los. As Comissões Intergestores Regionais possuem papel essencial na discussão da gestão dos processos de desinstitucionalização. Espera-se, ao término deste estudo, conhecer como esse processo impulsiona a implantação da RAPS nos diferentes municípios do Estado do Rio de Janeiro, Brasil.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Desinstitucionalização , Gestão em Saúde , Hospitais Psiquiátricos , Regionalização , Saúde Mental , Serviços de Saúde Mental , Epidemiologia Descritiva , Pesquisa Qualitativa , Sistema Único de Saúde
9.
Rev. enferm. UFPE on line ; 11(9): 3471-3481, set.2017. ilus, tab, graf
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1032242

RESUMO

Objetivo: caracterizar o perfil dos usuários de crack atendidos em um hospital psiquiátrico. Método: estudo quantitativo, retrospectivo e prospectivo, em 57 prontuários de indivíduos internados, usuários de Substâncias Psicoativas (SPA), com idade entre os 18 aos 60 anos, entrevistados pelo instrumento Drug Use ScreeningInventory (DUSI). Utilizou-se a estatística descritiva para caracterizar os pacientes hospitalizados e identificar possíveis situações de risco aos mesmos, com o auxílio do software SPSS Statistics 21. Resultados: apesar do uso de crack ser o motivo da internação, todos os pacientes utilizaram outras SPA, incluindo etanol, tabaco, maconha e cocaína intranasal ou intravenosa, além de apresentarem relevantes densidades gerais de problemas decorrentes do uso de SPA e graves fraturas em suas redes sociais. Conclusão: o sucesso do tratamento de indivíduos com TRS deve incluir abordagens multidisciplinares, desde a triagem, técnicas de diagnósticos, perpassando por cuidados clínicos e psicossociais.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Cocaína Crack , Hospitais Psiquiátricos , Pacientes Internados , Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias , Usuários de Drogas , Estudos Prospectivos , Estudos Retrospectivos , Registros Médicos
10.
Rev. enferm. UFPE on line ; 11(3): 1315-1319, mar.2017.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1032058

RESUMO

Objetivo: relatar os resultados da proposta da aplicação de psicoterapia de grupo em um Centro de Atenção Psicossocial (CAPS III) e hospital psiquiátrico. Método: estudo descritivo, tipo relato de experiência, de caráter exploratório e descritivo, realizado por um grupo de alunos do estágio da disciplina Saúde Mental do Curso de Graduação em Enfermagem de uma universidade pública do Estado do Piauí (PI), Brasil. Resultados: foi possível relatar a assistência do enfermeiro na utilização de grupos terapêuticos, além das respostas comportamentais dos pacientes e a integração grupal entre eles, percebe-se que a reunião é o momento em que os pacientes se sentem à vontade para se expressar e até discutir temas abordados. Por outro lado, identificou-se que o CAPS III possui um ambiente mais apropriado que o hospital psiquiátrico para a realização de grupos terapêuticos. Conclusão: a terapia grupal contribui significativamente para o tratamento do indivíduo no atendimento de suas necessidades psicossociais.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Hospitais Psiquiátricos , Pessoas Mentalmente Doentes , Psicoterapia de Grupo , Reabilitação , Saúde Mental , Serviços de Saúde Mental , Epidemiologia Descritiva , Equipe de Assistência ao Paciente
11.
Esc. Anna Nery Rev. Enferm ; 21(3): e20160325, 2017. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-840485

RESUMO

Pesquisa qualitativa, exploratória e descritiva, com o objetivo de analisar a comunicação do estudante de enfermagem na escuta de pacientes em sofrimento psíquico internados em um hospital psiquiátrico. Foi realizada entre abril e maio de 2013, com 23 estudantes de enfermagem regularmente matriculados em instituição pública de Ensino Superior da Região Sudeste do Brasil. Os dados foram coletados a partir de produção artística e entrevista, e analisados e categorizados segundo conteúdo temático. A comunicação não verbal proxêmica foi unanimemente apontada pelos estudantes a partir da posição pessoal-corporal do rosto, pescoço e ombros, adotada na escuta dos pacientes em sofrimento psíquico. O uso consciente da proxemia favoreceu o raciocínio clínico, melhorando a interação e a escuta nas desordens da fala e do pensamento. Uma escuta atenta, efetiva e afetiva demanda disponibilidade, controle do medo, da tensão, da ansiedade e da insegurança.


Assuntos
Humanos , Adulto , Comunicação , Saúde Mental/educação , Enfermagem Psiquiátrica/educação , Estudantes de Enfermagem , Hospitais Psiquiátricos
12.
Rev. enferm. UFPE on line ; 10(6): 4885-4893, dez.2016. ilus
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1031741

RESUMO

Objetivo: investigar os motivos de internação prolongada em hospital psiquiátrico. Método: estudotransversal analítico com 51 prontuários de pacientes internados por mais de 45 dias. Foi realizada a relaçãoentre a média do tempo de permanência com as variáveis Faixa etária, Suporte familiar e Grupos da CID-10.Foi utilizado o ANOVA (teste de variância) e, quando recomendado, o teste de Kruskal-Wallis. Resultados: amédia do tempo de permanência nos pacientes com e sem suporte familiar é 161,3 e 2623 respectivamente(p=0,00). Já nos pacientes dos grupos de esquizofrenia, transtornos esquizotípicos e transtornos delirantes foi1469 dias e, de Retardo mental, de 3217 dias (p=0,02). Conclusão: o suporte familiar é fator determinantepara o internamento prolongado e é possível encontrar relação entre o tempo de permanência e o grupodiagnóstico.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Condições Sociais , Família , Hospitais Psiquiátricos , Hospitalização , Nível de Saúde , Pessoas Mentalmente Doentes , Tempo de Internação , Transtornos Mentais , Estudos Transversais , Registros Médicos , Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias
13.
Acta paul. enferm ; 29(4): 476-481, ago. 2016.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-827735

RESUMO

Resumo Objetivo Desvelar a história não oficial da assistência psiquiátrica na época da ditadura cívico-militar. Métodos Estudo exploratório-descritivo-investigativo, qualitativo, por meio da análise de conteúdo. Foram realizadas entrevistas com ex-funcionários do Hospício do Juquery. Duas entrevistas foram registradas e as demais gravadas e transcritas. Resultados Processos que envolviam o cuidar estavam acompanhados do uso da violência, incentivadas pela dinâmica da Instituição. Assim como a política vigente, a assistência psiquiátrica desvelada aponta para normas rígidas, autoritárias e da aniquilação das formas de subjetividade, verdadeiro processo de reificação dos indivíduos. Notou-se forte relação entre a violência praticada e a terapêutica que envolvia o saber/poder científico. Conclusão O Estado deve ser responsabilizado por ter propagado repressão desenfreada por meio de seus aparelhos ideológicos e repressivos, como o Hospício. Analisar os fatos reais ocultados pela história oficial favorece a compreensão na tentativa de se evitar a repetição das práticas violentas e desumanização apresentadas.


Abstract Objective To unveil the unofficial history of psychiatric care at the time of the civic-military dictatorship. Methods This is a descriptive, exploratory, investigative, qualitative study that uses content analysis. Interviews were conducted with former employees of the psychiatric hospital Hospicío do Juquery. Two interviews were registered, and the others recorded and transcribed. Results Processes involving care were accompanied by the use of violence, encouraged by the dynamics of the institution. Like the policy at the time, the unveiled psychiatric care points to rigid, authoritarian rules, and to the annihilation of forms of subjectivity, a true process of reification of individuals. A strong relationship between the violence practiced and the therapy involving knowledge/scientific power was noted. Conclusion The state should be responsible for having spread rampant repression through its ideological and repressive apparatus, such as the Hospício. Analyzing the real facts that were concealed by the official history promotes understanding in an attempt to avoid the repetition of the violent practices and the dehumanization presented there.


Assuntos
Humanos , Hospitais Psiquiátricos/história , Política , Violência , Epidemiologia Descritiva , Entrevista , Pesquisa Qualitativa
14.
Rev. enferm. UFPE on line ; 10(2): 669-674, fev. 2016.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1031556

RESUMO

Objetivo:relatar a vivência de acadêmicos de enfermagem com o cuidar ao portador de transtorno bipolar, episódio atual maníaco com sintomas psicóticos. Método: estudo descritivo, tiporelato de experiência desenvolvido nos meses de outubro e novembro de 2012 em um hospital de ensino, localizado no município de Teresina/PI, Brasil.Resultados:foi possível observar os aspectos gerais da patologia apresentados pela paciente e estabelecer uma associação com as características referidas pela literatura científica. Foramtambém executados os cuidados de enfermagem englobando os aspectos físicos e mentais. Conclusão: os acadêmicos puderam aplicar na prática a assistência de enfermagem a esta clientela específica e por meio do desenvolvimento de um laço de confiança prestaram o cuidar de forma efetiva e humanizada


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Cuidados de Enfermagem , Serviços de Saúde Mental , Transtorno Bipolar , Anamnese , Enfermagem Psiquiátrica , Hospitais Psiquiátricos , Transtornos Psicóticos , Transtornos Psicóticos Afetivos
15.
Rev. enferm. UERJ ; 24(1): e8164, jan.-fev. 2016. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-947060

RESUMO

Objetivo: identificar a satisfação e o impacto do trabalho entre profissionais da equipe multiprofissional de um hospital psiquiátrico. Método: estudo exploratório descritivo, quantitativo, do tipo transversal, realizado em 2013, numa cidade do interior de São Paulo, junto à equipe multiprofissional de um hospital psiquiátrico. A população foi constituída pelos 138 membros da equipe multiprofissional, sendo a amostra de 116 participantes. Foram utilizados para a coleta dos dados: Roteiro para entrevista com os sujeitos, Escala de Avaliação da Satisfação da Equipe em Serviços de Saúde Mental abreviada e Escala de Avaliação do Impacto do Trabalho em Serviços de Saúde Mental. Resultados: o escore médio de satisfação foi 3,4, situado na indiferença, indicando níveis baixos de satisfação; entretanto, o índice de sobrecarga foi 1,9, apontando grau médio de sobrecarga. Conclusão: baixos níveis de satisfação mostram a necessidade de revisão dos projetos institucionais.


Objective: to identify job satisfaction and impact of work among members of a multidisciplinary team at a psychiatric hospital. Method: an exploratory, quantitative, cross-sectional descriptive study was conducted in 2013, with the multidisciplinary team of a psychiatric hospital in São Paulo city. The population comprised 138 members of the multidisciplinary team, of whom 116 formed the sample. Data were collected by: interview script, a Mental Health Service Team Satisfaction Assessment Scale and a Mental Health Service Work Impact Assessment Scale. Results: average satisfaction score was 3.4, indicating indifference, i.e., low levels of satisfaction. Also, the overwork index was 1.9, indicating a medium degree of overwork. Conclusion: it was concluded that low levels of satisfaction show the need to review institutional projects.


Objetivo: identificar la satisfacción y el impacto en el trabajo y entre profesionales del equipo multidisciplinario de un hospital psiquiátrico. Método: estudio exploratorio descriptivo, de abordaje cuantitativo, de tipo transversal, realizado en 2013, en una ciudad del interior del Estado de São Paulo, junto al equipo multidisciplinario de un hospital psiquiátrico. La población se compone de 138 miembros del equipo multidisciplinario; la muestra fue de 116 personas. Se utilizaron, para la recolección de los datos: guión para la entrevista, Escala de Evaluación de la Satisfacción del Equipo en Servicios de Salud Mental de forma abreviada y Escala de Evaluación del Impacto del Trabajo en Servicios de Salud Mental. Resultados: la puntuación media de satisfacción fue de 3,4, lo que significa indiferencia e indica bajos niveles de satisfacción; sin embargo, el índice de sobrecarga fue de 1,9, lo que indica grado medio de sobrecarga. Conclusión: se concluye que los bajos niveles de satisfacción muestran la necesidad de revisión de los proyectos institucionales.


Assuntos
Humanos , Enfermagem Psiquiátrica , Saúde Mental , Saúde do Trabalhador , Satisfação no Emprego , Equipe de Assistência ao Paciente , Condições de Trabalho , Epidemiologia Descritiva , Estudos Transversais , Hospitais Psiquiátricos
16.
Rev. gaúch. enferm ; 37(3): e53289, 2016. tab, graf
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-792876

RESUMO

RESUMO Objetivo Analisar a tendência dos gastos com internações hospitalares psiquiátricas por drogas no município de Maringá-PR, no período de 1999 a 2012. Método Estudo ecológico, de séries temporais, com dados secundários do Sistema de Informações Hospitalares do Sistema Único de Saúde (SIH-SUS). Foram calculados os gastos médios mais frequentes por diagnóstico principal de internação por drogas do Capítulo Cinco da CID-10: álcool; maconha; cocaína e substâncias psicoativas. Utilizou-se o modelo de tendência de regressão polinomial. Resultados Houve tendência de aumento no gasto médio por cocaína e de outras substâncias psicoativas e tendência decrescente nos gastos médios por maconha. Os gastos médios apresentaram aumento significativo por drogas ilícitas. Conclusões Estudos econômicos apresentam-se incipientes, sendo oportunas pesquisas nacionais que abordem os gastos com internações por drogas com a finalidade de promover subsídios para a implantação e implementação da rede de atenção psicossocial, ambulatorial e hospitalar em consonância com o gasto público em saúde.


RESUMEN Objetivo Analizar la tendencia del gasto en los ingresos hospitalarios psiquiátricos para las drogas en Maringá-PR, 1999-2012. Método Estudio ecológico de series temporales con datos secundarios del Sistema Información Hospitalaria del Sistema Único de Salud (SIH-SUS). Calculado el gasto promedio por diagnóstico de ingreso primario de drogas en Capítulo Cinco de CID-10 fueron frecuentes: alcohol; marihuana; cocaína y sustancias psicoactivas. Se utilizó modelo de tendencia de regresión polinómica. Resultados El aumento de la tendencia en el gasto promedio de la cocaína y otras sustancias psicoactivas y la tendencia a la baja en el gasto por marihuana. El gasto mostró aumento significativo de las drogas ilícitas. Conclusión Los estudios económicos se presentan incipientes siendo la investigación nacional oportuna sobre gastos de hospitalización de drogas con propósito de promover subsidios para el establecimiento y la aplicación de la atención psicosocial, ambulatorial y hospital de la red, en línea con el gasto público en salud.


ABSTRACT Objective To analyse the trend of expenditure on drug-related psychiatric hospital admissions in Maringá, Paraná, Brazil, from 1999 to 2012. Method Ecological time series research with secondary data from the hospital information system of the unified health system (“SIH-SUS”). The records of admissions with a main diagnosis of drug abuse were used to calculate average expenditure. Chapter V of the ICD-10 was used to classify the most frequent diagnoses, namely abuse of alcohol, cannabis, cocaine, and psychoactive substances. The trend was expressed using a polynomial regression model. Results Average expenditure showed an increasing trend for cocaine and other psychoactive substances, and a decreasing trend for cannabis. Average expenditure for illicit drugs increased significantly. Conclusion The scarcity of economic studies on this subject calls for national studies that address expenditure with drug-related hospital admission to promote the implementation of a psychosocial, outpatient and hospital care network in accord with public healthcare expenditure.


Assuntos
Humanos , Admissão do Paciente/economia , Custos Hospitalares/tendências , Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias/economia , Hospitais Psiquiátricos/economia , Fatores de Tempo , Brasil
17.
Rev. Pesqui. (Univ. Fed. Estado Rio J., Online) ; 7(4): 3479-3486, out.-dez. 2015. tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1029885

RESUMO

Objective: To bring to light some care practices carried out drug user and a military institution; broaden discussions about the importance of introducing harm reduction strategy that institution. Method: The methodological approach is a qualitative research. The study site was one Unit Military Hospital located in the South region of the State of Rio de Janeiro. Results: The difficulty of maintaining abstinence for longer periods is one of abandonment causes of treatment, reported by drug users in treatment in a military institution. Conclusion: The study demonstrated that the hegemony of models focused solely on maintaining abstinence, is still a reality in the military will assist drug users, due to the need of military preserving.


Objetivo: Descrever a implantação de práticas de redução de danos numa Organização militar e suas implicações na produção do cuidado de saúde nessa Instituição. Método: A abordagem metodológica é a de uma pesquisa qualitativa. O local de estudo foi uma Unidade Hospitalar Militar localizada na região Sul Fluminense do Estado do Rio de Janeiro. Resultados: A dificuldade da manutenção da abstinência por longos períodos é uma das causas de abandono do tratamento, referida por usuários de drogas em tratamento em uma Instituição militar. Conclusão: A pesquisa demonstrou que a hegemonia de modelos focados unicamente na manutenção da abstinência, ainda é uma realidade na assistência á militares usuários de drogas, devido à necessidade da preservação da carreira militar.


Objetivo: sacar a la luz algunas de las prácticas de atención realizadas consumidor de drogas y una institución militar; ampliar las discusiones acerca de la importancia de la introducción de la estrategia de reducción de daños que institución. Método: El enfoque metodológico es una investigación cualitativa. El sitio de estudio fue el Hospital Militar una Unidad ubicada en la región sur del Estado de Río de Janeiro. Resultados: La dificultad de mantener la abstinencia durante más tiempo es una de las causas de abandono del tratamiento, publicados por usuarios de drogas en tratamiento en una institución militar. Conclusión: El estudio demostró que la hegemonía de los modelos centrados únicamente en el mantenimiento de la abstinencia, es todavía una realidad en el ejército ayudará a los usuarios de drogas, debido a la necesidad de preservar militar.


Assuntos
Humanos , Hospitais Militares , Hospitais Psiquiátricos , Redução do Dano , Síndrome de Abstinência a Substâncias , Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias , Usuários de Drogas , Brasil
18.
Belo Horizonte; s.n; 2015. 169 p.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1037690

RESUMO

A realidade de um Hospital de Custódia e Tratamento (HCT), anteriormente denominado manicômio judiciário, ao qual a sociedade lançou mão para dar conta da loucura ligada à criminalidade, foi o alvo deste estudo. A construção e manutenção desta instituição, compreendida em seu aspecto histórico e organizacional, incluindo ações de profissionais de saúde e segurança, foram abordadas por meio da relação entre os meios e instrumentos estabelecidos e utilizados. O HCT é uma instituição encarregada de fazer cumprir o tratamento e de privar a liberdade dos portadores de sofrimento mental submetidos à medida de segurança. Este estudo teve como objetivo analisar as contradições existentes em um Hospital de Custódia e Tratamento, focalizando sua função de assistência à saúde e de segurança publica. A opção pelo materialismo histórico dialético (MHD) teve como fundamento a possibilidade de utilizá-lo como instrumento para a interpretação da realidade. Com sua inerente essencialidade lógica, a dialética apontou um caminho para a compreensão e consequente possibilidade de transformação da realidade do HCT. O cenário de estudo foi o HCT Jorge Vaz (HCTJV), localizado na cidade de Barbacena, MG, Brasil. Trata-se do único manicômio judiciário do Estado, criado em 1927. A coleta de dados foi conduzida por meio de três diferentes técnicas, visando ao cruzamento das informações, ou seja, Análise de Documentação, Entrevistas e Observação. A amostra foi por conveniência e os sujeitos profissionais do HCT e magistrados das Varas Criminais e Execução Criminal de Minas Gerais. As entrevistas foram submetidas à análise de conteúdo e os documentos e observações utilizados para complementação das informações como forma de apreensão das conexões internas, buscando a visão global e as contradições existentes. Os resultados mostram que prevalece a vigilância feita pelos agentes de segurança, em detrimento da atenção à saúde, apesar de contar com equipe multiprofissional; há...


The reality of a Hospital of Custody and Treatment (HCT), previously called as judiciary asylum, as a structured whole of which society used to handle with the madness related to criminality was the target of this study. The construction and maintenance of this institution, comprehended in its historical and organizational aspect, including actions of health and security professionals, were approached by the relation between means and instruments established and used. The HCT is an institution in charge of enforcing the treatment and charged with deprivation of freedom the mental suffering ones under security measure. This study had the objective to analyze the contradictions in a Hospital of Custody and Treatment, focusing on its health care function and public security. The option by the dialectic historical materialism had as fundament the theoretical possibility of being used as an instrument for the interpretation of the reality. With its inherent logical essentiality, the dialectic showed a path to the comprehension and consequent possibility of transformation of HCT’s reality. The study scenario HCT Jorge Vaz, located at Barbacena city, MG, Brazil. This is the only state’s judiciary asylum, built in 1927. The collect of data was conducted using three different techniques, aiming the information crossing, that is, Documental Analysis, Interviews and Observation. The sample was for convenience and the professionals of HCT and judges of Criminal Courts and Criminal Execution of Minas Gerais. The interviews were subjected to content analysis and documents and observations used to complement the information as a way of apprehension the internal connections, seeking for a global vision and the contradictions that exists. The results show that prevails the vigilance by the security agents, at the expense of the healthcare attention, despite having a multi-professional team; there is few or no action toward the social reinsertion of the interns and has lack of...


Assuntos
Humanos , Controle Social Formal , Equipe de Assistência ao Paciente , Hospitais Psiquiátricos , Internação Compulsória de Doente Mental , Hospitais Psiquiátricos/história , Inquéritos e Questionários , Pessoas Mentalmente Doentes
19.
REME rev. min. enferm ; 18(3): 644-651, jul.-set. 2014. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-766033

RESUMO

Pesquisa descritiva, transversal que teve por objetivo descrever o perfil das internações em unidade psiquiátrica de um hospital geral do estadodo Paraná. Os dados foram coletados de janeiro a junho de 2011, por meio de um questionário estruturado com informações de 240 internações.Foram analisados os dados sociodemográficos e da internação, expressos em frequências e percentuais. Os resultados revelam perfil de internaçõesvoluntárias de indivíduos com problemas de utilização abusiva de substâncias psicoativas, advindos da atenção primária de saúde, sendo umfamiliar o responsável pela internação. Evidenciou-se em 47,5% do total o diagnóstico de transtornos relacionados ao uso/abuso de álcool e drogase em 75,5% foi observada a melhora do quadro na alta. O tempo médio de internação foi de 26,2 dias. Para o enfermeiro, estes resultados podemcontribuir para planejar o cuidado de enfermagem e ações assistenciais que visem ao tratamento eficaz, com desfecho positivo.


This is a cross-sectional, descriptive study aimed at describing the hospitalization profile in the psychiatric unit of a general hospital in the state ofParaná. Data was collected from January to July, 2011 using a structured questionnaire with information on 240 hospitalizations. Demographicand hospitalization data were analyzed and expressed as frequencies and percentages. The results show a profile of voluntary admissions byindividuals struggling with psychoactive substance abuse and who come from primary healthcare. A family member was usually responsible forhospitalization. We found that in 47.5% of cases the diagnosis was related substance abuse and clinical improvement at discharge was observedin 75.5% of admissions. Average length of hospitalization was 26.2 days. These results can help nurses in planning care and assistance actionsthat seek effective treatments with more positive outcomes.


Se trata de una investigación descriptiva transversal que tuvo como objetivo describir el perfil de las internaciones en la unidad psiquiátrica deun hospital general del Estado de Paraná. Los datos fueron recogidos entre enero y julio de 2011, a través de un cuestionario estructurado coninformación de 240 internaciones. Fueron analizados los datos sociodemográficos y de internación, expresados como frecuencias y porcentajes. Losresultados muestran un perfil de internación voluntaria de personas con problemas de abuso de sustancias psicoactivas, derivadas de la atenciónprimaria de salud y que un familiar es responsable de la hospitalización. Es evidente que en el 47,5% del total el diagnóstico fue de trastornosrelacionados con abuso de alcohol y drogas y que hubo mejoría clínica en el alta en el 75,5% de los casos. El promedio de estadía hospitalaria fuede 26,2 días. Para las enfermeras, estos resultados pueden ayudar a planificar los cuidados de enfermería y las medidas de asistencia con miras aun tratamiento eficaz con resultados positivos.


Assuntos
Humanos , Desinstitucionalização , Enfermagem Psiquiátrica , Hospitais Psiquiátricos , Hospitalização , Perfil de Saúde , Saúde Mental , Serviços de Saúde Mental
20.
Rev. RENE ; 15(2): 282-290, mar.-abr. 2014.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-721862

RESUMO

O presente estudo teve como objetivo descrever a percepção da equipe de enfermagem acerca do cuidado no hospital psiquiátrico. A pesquisa teve abordagem qualitativa, do tipo exploratória, com uso do grupo focal, com cinco participantes, em agosto de 2011, no município de Niterói, RJ, Brasil. A partir da análise dos dados, emergiram cinco categorias: escuta sensível; disponibilidade pessoal; projetos terapêuticos; fator humano da equipe; tensão “psiquiatria tradicional x paradigma psicossocial”. Concluiu-se que, apesar dos sujeitos da pesquisa atuarem ainda no modelo hospitalar, foi possível que trouxessem percepção do cuidado de forma humana e integral. Mas, esta percepção sobre o cuidado possuía fragilidade, pois não se evidenciaram as bases científicas da enfermagem. Recomenda-se que o profissional da equipe de enfermagem invista em seu papel no processo de cuidar no contexto da Reforma Psiquiátrica, em busca de uma abordagem centrada no sujeito e no seu modo de existir.


The present study is aimed at describing the perception of the nursing team concerning the care in a psychiatric hospital. The research used a qualitative approach, exploratory type, using focus group technique, with five participants, in August 2011, in Niteroi, RJ, Brazil. From the data analysis five categories emerged, covering: sensitive listening; personal availability; therapeutic projects; human issues of the team; Traditional Psychiatry vs. Psychosocial Paradigm tension. It was concluded that despite the research, the subjects were still working at the hospital model. It was possible to bring awareness in a human, comprehensive and complete manner. But this perception of care has frailties once it does not bring any evidence of scientific basis of nursing. It is recommended that the professional nursing team invest in their role of caring in the context of the Psychiatric Reform, in the pursuit of an approach centered on the subject and in his way of living.


El objetivo del presente estudio fue describir la percepción del personal de enfermería acerca de la atención en hospital psiquiátrico. Investigación con enfoque cualitativo, exploratorio, utilizando instrumentos de Análisis Institucional y de los grupos de enfoque con cinco participantes, en agosto de 2011, en Niterói, RJ, Brasil. A partir del análisis de datos, surgieroncinco categorías: escucha sensible; disponibilidad de personal; proyectos terapéuticos; factor humano de equipo; tensión “psiquiatría tradicional x paradigma psicosocial”. En conclusión, a pesar de los sujetos de investigación actuaren en el modelo hospitalario, fue posible traer percepción de cuidado humano e integral. Pero esta percepción poseía debilidad, porque no había evidencias de bases científicas de la enfermería. Se recomienda que el personal de enfermería invierta en su papel de cuidar en el contexto de la reforma psiquiátrica, en la búsqueda de enfoque centrado en el sujeto y su modo de existir.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Autoanálise , Cuidados de Enfermagem , Enfermagem Psiquiátrica , Hospitais Psiquiátricos , Saúde Mental
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA