Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 2 de 2
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. enferm. UFPE on line ; 4(1): 255-263, 20100300.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1032862

RESUMO

Objetivo: analisar os riscos qu¡micos aos quais os profissionais da sa£de est„o expostos, verificando os fatores deexposi‡„o …s substƒncias qu¡micas utilizadas nos processos de lavagem e desinfec‡„o no expurgo, do Centro de Material eEsteriliza‡„o (CME) do Hospital das Cl¡nicas, da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Recife-PE. M‚todos: trata-sede um estudo explorat¢rio e descritivo, de abordagem quantitativa, realizado com profissionais que trabalham no CME,com um question rio aplicado de Setembro a Outubro de 2009, cujos dados foram processados no programa Epi-Infovers„o 3.5.1, apresentados em tabelas e analisados por estat¡stica descritiva. Este estudo foi aprovado pelo Comitˆ detica da UFPE (n£mero de registro 253/09). Resultados: foi observado que 88,0% dos profissionais tinham manipulado de 1a 3 produtos qu¡micos no dia de trabalho, 64,0% ignorou as instru‡ães do fabricante, 88,0% n„o armazenaramcorretamente os produtos de acordo com a NR-32, 100% n„o utilizaram todos os EPI recomendados. Conclus„o: osprofissionais de sa£de que trabalham no expurgo de CME est„o expostos a fatores de risco de produtos qu¡micos diversos.Assim, ‚ necess rio acompanhar e educar continuamente todos os profissionais que lidam com tais produtos,especialmente aqueles que trabalham em um ambiente fechado e cr¡tico.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Desinfecção , Exposição Ocupacional , Riscos Ocupacionais , Assistentes de Enfermagem , Enfermeiros , Epidemiologia Descritiva , Exposição a Produtos Químicos
2.
Rev. latinoam. enferm ; 13(4): 501-508, jul.-ago. 2005. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-416212

RESUMO

Objetivos do estudo: a) identificar a exposição às cargas químicas percebidas pelos trabalhadores de enfermagem da instituição campo de estudo; b) evidenciar os problemas de saúde percebidos por esses trabalhadores, na interação com essas cargas e c) analisar as suas sugestões, no que se refere à redução ou eliminação dos problemas de saúde relacionados à exposição. A instituição campo de estudo foi o Hospital Universitário da Universidade de São Paulo-HU-USP. A amostra foi composta por 430 trabalhadores de enfermagem. Para a coleta de dados, aplicou-lhes um questionário. Os resultados evidenciaram 145 substâncias químicas detectadas por eles. Quanto aos problemas de saúde a maior freqüência foi referente ao de pele 58,14 por cento, e como proposta para minimizar ou eliminar a exposição o uso do equipamento de proteção individual (EPI) foi citado por 23,72 por cento participantes do estudo


Assuntos
Humanos , Riscos Ocupacionais , Equipe de Enfermagem , Exposição a Produtos Químicos , Hospitais Universitários , Medição de Risco , Saúde do Trabalhador
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA