Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 7 de 7
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados
Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. Enferm. Atual In Derme ; 87(Suplemento)2019.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1025348

RESUMO

Objetivo:identificar evidências científicas acerca das atividades biológicas da J. gossypiifolia (pião roxo).Métodos:revisão integrativa nas bases de dados Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde,Medical Literature Analysis and Retrieval System Online, SCOPUS, Biblioteca Virtual de Saúde e Scientific Electronic Library Online.Foram selecionados 16 artigos, após a aplicação dos critérios de inclusão e exclusão. Resultados:a maioria dos estudosé de origem nacional, publicadoem português e oriundo do nordeste. Quanto ao período de publicação, mais de 30% foram publicados em 2006. Nas atividades biológicas, referem-se àtóxica (43,7%), cicatrizante (31,2%), anti-inflamatória (12,5%), cicatrizante/anti-inflamatória, cicatrizante/tóxica e anticoagulante, antioxidante e tóxica (6,2%) para cada uma, respectivamente. Conclusão:Os estudosassinalam para a continuação de pesquisas referentes ao uso popular do pião roxo, principalmente para tratar feridas, dor e inflamação, visando a promoção da saúde na Atenção Básica, conforme a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no SUS


Objective: to identify the scientific evidence about the biological activities of J. gossypiifolia (purple top). Methods: Integrative review in Latin American and Caribbean Literature in Health Sciences, Medical Literature Analysis and Retrieval System Online, SCOPUS, Virtual Health Library and Scientific Electronic Library Online. We selected 16 articles, after applying the inclusion and exclusion criteria. Results: most of the studies are of national origin, published in Portuguese and coming from the northeast of Brazil. As for the publication period, more than 30% were published in 2006. In biological activities, they refer to the toxic (43.7%), healing (31.2%), anti-inflammatory (12.5%), healing / anti-inflammatory, healing / toxic and anticoagulant, antioxidant and toxic (6.2%) for each, respectively. Conclusion: The studies indicate the continuation of researches related to the popular use of the purple top, mainly to treat wounds, pain and inflammation, aiming at health promotion in Primary Care, according to the National Policy of Integrative and Complementary Practices in SUS


Assuntos
Humanos , Cicatrização , Toxicidade , Medicina Tradicional
2.
Rev. enferm. UFPI ; 6(1): 9-13, jan.-mar.2017. ilus
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1033907

RESUMO

Objetivo: detectar possíveis alterações em órgãos de ratos Wistar (Rattus norvegicus) após a administraçãopor via oral de prata coloidal para posterior análise histológica. Metodologia: este estudo experimental comabordagem quanti-qualitativa, consistiu em 24 ratas não-isogênicas, nulíparas, com massa corpórea entre de190 a 260 gramas, divididas aleatoriamente em dois grupos, controle e experimento. Os ratos receberamdoses diárias de 5 mL/kg de prata coloidal. Resultados: no grupo controle não se detectou quaisqueralterações orgânicas. O grupo experimento, porém, apresentou alterações renais e hepáticas após o 14oeentre o 7oe 14odia de exposição, respectivamente. Discussão: a análise histopatológica dos rins dos animaisevidenciou que todos os 12 animais do grupo tratado com prata coloidal apresentaram nefrite, congestão,tumefação turva e espessamento de alças glomerulares. As alterações hepáticas foram congestão e tumefaçãoturva, núcleo aumentado e vacuolizado. Conclusão: os achados apontam potencial toxicidade da pratacoloidal aos rins e fígados de ratas Wistar.


Objective: to detect possible alterations in Wistar rats’ (Rattus norvegicus) organs after oral administrationof colloidal silver for subsequent histological analysis. Methodology: this experimental study with quantitativeand qualitative approach consisted of 24 non-isogenic, nulliparous rats, with body mass between 190-260grams, randomly divided into two groups, control and experiment. The rats received daily doses of 10 mL/kgof colloidal silver. Results: in the control group, no organic alterations were detected. The experimentalgroup, however, presented kidney and liver alterations after the 14th and between the 7th and 14th day ofexposure, respectively. Discussion: the histopathological analysis of the kidneys of these animals showed thatall twelve treated with colloidal silver showed nephritis, congestion, cloudy swelling, and thickening ofglomerular loops. Hepatic lesions were congestion and cloudy swelling, and increased and vacuolated nucleus.Conclusion: the findings indicated potential toxicity of colloidal silver to the kidneys and liver of Wistar rats.


Assuntos
Humanos , Fígado , Ratos Wistar , Rim , Toxicidade
3.
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1029970

RESUMO

Objective: we present the findings of a grounded theory study designed to gain a critical understanding of theexperience of side effects of treatment for HIV. Method: this study was undertaken in Canada’s capital region with50 participants through a questionnaire. Data analysis began with the initial line-by-line coding of key interviews.After it were categorized. Results: three main categories emerged from the data: the side effects, the experience, andthe connections. Conclusion: the first category suggests that we need to change how we think about side effects inorder to take into account the context in which they are experienced as well as the types and nature of side effects.The second category puts forward the idea that the experience of side effects is composed of three interrelatedprocesses: becoming with, living with, and dealing with. Finally, the third category points to new connections thatare formed with people, things and systems in the presence of side effects.


Objetivo: apresentar os resultados de um estudo da teoria fundamentada destinado a obter uma compreensão críticada experiência de efeitos colaterais do tratamento para HIV. Método: foi realizado no Canadá com 50 participantespor um questionário. Os dados foram analizados por codificação linha-a-linha de entrevistas chave e categorizados.Resultados: três categorias emergiram dos dados: efeitos colaterais, experiência e conexões. Conclusão: a primeiracategoria sugere que é preciso mudar a forma como pensamos sobre os efeitos colaterais, a fim de ter em conta ocontexto em que eles são experenciados, bem como os tipos e natureza dos efeitos secundários. A segunda categoriaavança a ideia de que a experiência de efeitos colaterais é composta por três processos inter-relacionados: tornarsecom, viver com e lidar com. Finalmente, a terceira categoria aponta para novas ligações que se formam com aspessoas, as coisas e sistemas, na presença de efeitos colaterais.


Assuntos
Humanos , HIV , Efeitos Colaterais e Reações Adversas Relacionados a Medicamentos , Toxicidade
4.
Rev. enferm. UFPE on line ; 9(1,supl): 391-398, jan. 2015. ilustrado
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1009589

RESUMO

Objetivo: identificar as reações adversas relacionadas à infusão de células tronco hematopoéticas. Método: descritivo exploratório, nível II, retrospectivo e com abordagem quantitativa, realizado na Unidade de TMO do Hospital Universitário Walter Cantídio (HUWC) entre agosto de 2008 a julho de 2012. O projeto de pesquisa foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa, protocolo 049.07.12. Resultados: a idade média foi de 42 anos sendo a maioria (73,3%) homens. 83,3% dos pacientes apresentaram algum sinal ou sintoma durante a infusão de CTH. Nas correlações entre reações adversas e gênero (p=0,705), idade (p=0,830), tempo de estocagem (p=0,299), regime de condicionamento (p=616) não houve correlação estatisticamente significativa. As reações mais comuns foram as respiratórias (26,4%) e cardiovasculares (29,5). Conclusão: a maioria dos pacientes apresentou pelo menos um efeito adverso, com igual percentual de ocorrência de reação adversa no grupo de DMSO a 5% e a 10%.(AU)


Objective: to identify adverse reactions related to hematopoietic stem cell infusion. Method: a descriptive exploratory, level II, retrospective study with a quantitative approach, carried out in the BMT unit of the Walter Cantídio University Hospital (HUWC) from August 2008 to July 2012. The research project has been approved by the Research Ethics Committee under Protocol 049.07.12. Results the average age was 42 years and the majority (73.3%) were men. 83.3% of the patient had some sign or symptom during infusion of CTH. On the correlations between adverse reactions and gender (p=0.705), age (p=0.830), storage time (p=0.299), conditioning regimen (p=616) there was no statistically significant correlation. The most common reactions were respiratory (26.4%) and cardiovascular problems (29.5). Conclusion: most patients presented at least one adverse effect, with an equal percentage of occurrence of adverse reaction in the DMSO group at 5% and 10%.(AU)


Objetivo: identificar reacciones adversas relacionadas con la infusión de células madre hematopoyéticas. Método: descriptivo exploratorio, nivel II, enfoque retrospectivo y cuantitativo, realizado en la Unidad TMO Hospital Universitario Walter Cantídio (HUWC) entre agosto de 2008 y julio de 2012. El proyecto de investigación fue aprobado por el Comité de Ética de la Investigación, protocolo 049.07.12. Resultados: la edad promedio fue de 42 años y la mayoría (73,3%) hombres. 83,3% de los pacientes mostró signos o síntomas durante la infusión de HMC. Las correlaciones entre las reacciones adversas y de género (p = 0,705), la edad (p = 0,830), el tiempo de almacenamiento (p = 0,299), régimen de acondicionamiento (p = 616) no hubo correlación estadísticamente significativa. Las reacciones más frecuentes fueron las respiratorias (26,4%) y cardiovascular (29,5). Conclusão: la mayoría los pacientes tenían al menos un efecto adverso, con igual porcentaje de aparición de reacciones adversas en 5% grupo DMSO y 10%.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Transplante de Células-Tronco Hematopoéticas/efeitos adversos , Epidemiologia , Estudos Retrospectivos , Toxicidade
5.
Cogitare enferm ; 19(3): 465-474, jul.-set. 2014. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem, Sec. Est. Saúde SP | ID: lil-748033

RESUMO

Endoscópios flexíveis são fundamentais em diversas especialidades médicas; em geral são termossensíveis, semicríticos e submetidos à desinfecção de alto nível. O glutaraldeído é largamente utilizado para este fim, devido à alta compatibilidade e baixo custo, porém, a tolerância de micobactérias e a toxicidade ocupacional pressionam por adoção de germicidas alternativos. Foi realizada revisão sistemática com objetivo de buscar evidências sobre a efetividade, toxicidade e potenciais danos causados aos endoscópios pelos germicidas, alternativos ao glutaraldeído, disponíveis no mercado brasileiro. Foram identificadas, em 13 bases eletrônicas, 822 publicações, entre 2008 e 2013. Destas, foram selecionados 23 estudos, considerando a melhor qualidade de evidência disponível. As publicações apontaram para a superioridade do ácido peracético e do ortoftalaldeído quanto à eficácia na desinfecção de alto nível. Somente o ortoftalaldeído apresentou evento adverso claramente relacionado à sua utilização. Não há evidências suficientes para afirmar que algum destes germicidas possui maior potencial de danos aos equipamentos.


Flexible endoscopes are fundamental in various medical specialities; in general they are heat-sensitive, semi-critical, and subject to high level disinfection. Glutaraldehyde is largely used for this purpose, due to its high compatibility and low-cost. However, its tolerance of mycobacteria and occupational toxicity lead to pressure being applied for the adoption of alternative germicides. A systematic review was undertaken aiming to seek evidence regarding the effectiveness, toxicity and potential harm caused to the endoscopes by those germicides which are alternative to glutaraldehyde and which are available on the market in Brazil. A total of 822 publications was identified in 13 electronic databases, between 2008 and 2013. Of these, 23 studies were selected, considering the best quality of evidence available. The publications point to the superiority of peracetic acid and of orthophthaldehyde regarding efficacy in high level disinfection. Only orthophthaldehyde presented an adverse event clearly related to its use. There is insufficient evidence to assert that any of these germicides has greater potential for harm to the equipment.


Fundamentales en diversas especialidades médicas, los endoscopios flexibles son, normalmente, termosensibles, semicríticos y sometidos a la desinfección de alto nivel. El glutaraldehído es muy utilizado para esa finalidad, en razón de la gran compatibilidad y bajo custo, pero la tolerancia de microbacterias y el hecho de ser o no tóxico de modo ocupacional presionan por la adopción de germicidas alternativos. Fue realizada revisión sistemática con el objetivo de buscar evidencias sobre la efectividad, toxicidad y potenciales daños causados a los endoscopios por los germicidas alternativos al glutaraldehído, disponibles en el mercado brasileño. Fueron identificadas, en 13 bases electrónicas, 822 publicaciones, entre 2008 y 2013. De estas, fueron seleccionados 23 estudios, considerando la mejor cualidad de evidencia disponible. Las publicaciones apuntaron para la superioridad del ácido peracético y del ortoftalaldehído cuanto a la eficacia en la desinfección de alto nivel. Solamente el ortoftalaldehído presentó evento adverso claramente relacionado a su utilización. No hay evidencias suficientes para afirmar que algun de estes germicidas presenta mayor potencial de daños a los equipos.


Assuntos
Humanos , Desinfecção , Glutaral , Endoscópios , Toxicidade
6.
Rev. enferm. UERJ ; 20(4): 470-475, out.-dez. 2012. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-688950

RESUMO

Estudo transversal, descritivo, realizado em 20 serviços de endoscopia digestiva alta da cidade de Goiânia-GO, em 2007, cujo objetivo foi avaliar as condições do glutaraldeído em uso para o reprocessamento de endoscópios. Os dados foram obtidos por meio de um roteiro sobre as condições sanitárias, pela aferição do pH e concentração do glutaraldeído em uso. A maioria dos serviços não realizava o controle de concentração e pH do glutaraldeído e, quando aferidos pelos pesquisadores, metade estava de acordo com as recomendações para um dos parâmetros e apenas 3(15%) estavam adequados simultaneamente. Quanto aos rótulos, foram encontrados 7(35%) no frasco de ativação do produto e 13(65%) no recipiente do produto em uso. Em 17(85%) serviços, o glutaraldeído era inadequadamente desprezado diretamente na pia. Os parâmetros de qualidade do reprocessamento químico utilizando o glutaraldeído para a desinfecção de alto nível em endoscópios, nos serviços investigados, podem representar risco para os usuários.


Cross sectional, descriptive study, conducted in 20 services of High Digestive Endoscopy in the city of Goiânia, GO, Brazil, in 2007, whose objective was to evaluate the conditions of glutaraldehyde in use for reprocessing of endoscopes. Datawere collected through a script about sanitary conditions, by pH assessment, and concentration of glutaraldehyde in use. Most services performed neither concentration control nor pH of glutaraldehyde. When assessed by researchers, half of them follow recommendations to only one of the parameters, and only 3(15%) were adequate simultaneously. As for labels, there were 7(35%) in the bottle of activation of the product and 13(65%) in the container of the product in use. In 17(85%) services, the glutaraldehyde was discarded directly and inadequately into the sink. Quality parameters of chemical reprocessing using glutaraldehyde for highlevel disinfection of endoscopes, in the investigated services can bring risk to users.


Estudio transversal, descriptivo, realizado en 20 servicios de endoscopia digestiva alta en la ciudad de Goiânia-GO-Brasil, en 2007, cuyo objetivo fue evaluar las condiciones del glutaraldehído en uso para el reprocesamiento de endoscopios. Los datos fueron recolectados a través de un guión sobre las condiciones sanitarias, por la aferición del pH y concentración del glutaraldehído en uso. La mayoría de los servicios no realizaba el control de concentración y pH del glutaraldehído y, cuando aferidos por los investigadores, la mitad se encontraba de acuerdo con recomendaciones para uno de los parámetros y solo 3(15%) estaban adecuados simultáneamente. Cuanto a los rótulos, fueron encontrados 7(35%) en el frasco de activación delproducto y 13(65%) en el recipiente del producto en uso. En 17(85%) servicios, el glutaraldehído era descartado directamente en el fregadero. Los parámetros de calidad del reprocesamiento químico utilizando el glutaraldehído para la desinfección de alto nivel en endoscopios, en los servicios investigados, pueden representar peligro para los usuarios.


Assuntos
Humanos , Controle de Qualidade , Endoscopia , Enfermagem , Glutaral/efeitos adversos , Toxicidade
7.
Rio de Janeiro; INCA; 2010. 39 p.
Monografia em Português | BDENF - Enfermagem, Coleciona SUS, Inca | ID: biblio-936430

RESUMO

O osteossarcoma é o mais frequente tumor sólido de osso e o metotrexato está entre os primeiros agentes a mostrar eficácia no seu tratamento. O regime ambulatorial de metotrexato em altas doses (HDMTX) tem como vantagens a redução de atrasos por falta de vagas para internação, redução de custos com o tratamento e permite que os pacientes e suas famílias tenham uma rotina mais próxima do cotidiano; entretanto, exige um grande número de cuidados a serem realizados em domicílio, com um significativos risco de toxicidades caso não haja a adequada implementação dessa prática.Objetivo: descrever as orientações de enfermagem para o autocuidado em domicílio, em pacientes pediátricos submetidos ao tratamento ambulatorial de metotrexato em altas doses, no Tratamento ambulatorial com metotrexato em altas doses: impacto das orientações prestadas pelo enfermeiro: uma experiência do serviço de pediatria do Instituto Nacional de Câncer, sob a ótica do perfil da clientela, toxicidades e falhas na implementação do tratamento. Métodos: estudo retrospectivo e decritivo realizado no Tratamento ambulatorial com metotrexato em altas doses: impacto das orientações prestadas pelo enfermeiro: uma experiência do serviço de pediatria do Instituto Nacional de Câncer com 27 crianças/adolescentes, incluídos no "Protocolo do Grupo Cooperativo Brasileiro de Tratamento de Osteossarcoma (GBTO 2006): para pacientes metásticos e não metásticos"; no período de junho de 2008 a setembro de 2010. Resultados: Foram incluídos 26 pacientes, com um total de 212 ciclos de metotrexato em altas doses, maioria do sexo masculino (59,3%), com uma média de idade de 14 anos, e predomínio do primeiro grau incompleto (81,5%), como escolaridade. Foi percebido um maior percentual de indivíduos na faixa normal do nível sérico do metotrexato para cada um dos horários, no regime ambulatorial. Além disso, o número de toxicidades grau III e IV foi maior no regime de internação (23%) do que no ambulatorial (17%). No contexto e complexidade das ações a serem desenvolvidas em domicílio e que permitem a infusão do metotrexato em altas doses em regime ambulatorial, se enfatiza a função do enfermeiro como educador. Seguimentos das orientações de enfermagem: ingesta hídrica, verificação do pH urinário, verificação do volume urinário, manipulação segura da urina, administração das cápsulas de bicarbonato de sódio, administração dos comprimidos de ácido folínico e orientações gerais. No total, 16 crianças e adolescentes foram submetidas ao regime ambulatorial de metotrexato em altas doses no INCA, no período de coleta de dados desse estudo, correspondendo a 109 infusões ambulatoriais. Quanto ao sexo, a maioria era do sexo masculino (56,3%), com idade variando entre 6 a 16 anos e 1º grau incompleto (75%) como escolaridade. A maioria (62,5%) mostrou-se capaz de reproduzir as orientações fornecidas pelo enfermeiro durante as consultas de enfermagem. Dos que apresentaram dificuldades, a mais citada foi a ingesta hídrica, que deve ser de 3000ml/m²/24h. Em todos os casos, a mãe foi a principal cuidadora, com idade variando entre 29 a 48 anos tendo como escolaridade, primeiro grau incompleto (62,5%). Em 37,5% dos casos, as cuidadoras contaram com o apoio da rede familiar para dividir parte das ações de controle em domicílio. Conclusão: Com uma rotina bem estruturada pautada em orientações de enfermagem para o autocuidado, tem sido possível administrar o HDMTX ambulatorial com segurança, diminuir os custos gerados pela internação hospitalar para o controle e oferecer uma rotina diária mais próxima da normalidade para as crianças/adolescentes portadores de osteossarcoma e seus familiares.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Criança , Adolescente , Dissertações Acadêmicas como Assunto , Neoplasias Ósseas , Tratamento Farmacológico , Metotrexato , Cuidados de Enfermagem , Osteossarcoma , Toxicidade
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA