Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 4 de 4
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados
  • Base de dados
Intervalo de ano de publicação
1.
Int. j. high dilution res ; 14(3): 10-19, 2015.
Artigo em Inglês | HomeoIndex - Homeopatia | ID: hom-11144

RESUMO

Although several diseases are treated by toxic drugs, their side effects may hamper adherence to the therapy. The aim of this study is to evaluate the effect of the association of ponderal benznidazole (BZ) with its ultra-high diluted (UHD) formula on clinical and parasitological parameters of mice infected by Trypanosoma cruzi (T. cruzi). 24 non-isogenic Swiss mice were divided into groups: CI – infected animals treated with 7% alcohol; BZp – infected animals treated with BZ (500 mg/ kg) from the beginning of infection; BZp+d – infected animals treated with ponderal BZ and with UHD BZ, which started to be administered four days after the beginning of treatment with ponderal BZ; CNI - group of non-treated and non-infected animals. The UHD medicine was prepared according to Phamacopoeia until 30x. The different treatment schedules were statistically compared through parasitological and clinical parameters. The group BZp+d displayed more favorable clinical evolution than the group BZp, with improvement of mass gain, feed conversion and water intake, presenting data approximated to CNI group. The significant increase of the body temperature of BZp+d group indicates an activation of the immune system which was not observed in the other groups. Moreover, the anti-parasitic effect of the ponderal drug was maintained in all parasitological parameters of this group. By reducing the side effects and maintaining the action of the ponderal drug, the combination of toxic drugs with their UHD formula could be considered a way of improving efficacy of the treatment. (AU)


A infecção por Trypanossoma cruzi é um problema de saúde pública e o único medicamento disponível no Brasil é o benznidazol (BZ), com efeitos limitados e tóxicos. Estudos anteriores com BZ na dose de 200 mg/kg indicaram que a administração de BZ diluído (30d) controla os efeitos tóxicos da droga em dose ponderal, sem alterar a sua ação terapêutica. Sob essa perspectiva e considerando a ação do BZ dose dependente, aumentar a quantidade de droga administrada significaria uma melhora na eficácia do tratamento. Portanto, este trabalho teve como objetivo avaliar o efeito do BZ ponderal (BZP), na dose de 500 mg/kg associado com BZ diluído (BZD) nos parâmetros clínicos de camundongos infectados por T. cruzi. Em estudo cego, controlado e randomizado, foram utilizados 23 camundongos suíços, machos, com 8 semanas divididos em grupos: CNI - Não infectados e não tratados; CI - Infectados e tratados com álcool 7 %; BZP - Infectados tratados com BZ (500 mg/kg de peso/ animal) a partir do início da infecção; BZP + BZD - Infectados e tratados com a associação de BZP e BZD. Os medicamentos foram administrados por gavagem (0,2 mL/ dia/ animal). O BZP foi administrado a partir da constatação da infecção. O BZ diluído foi preparado de acordo com a Farmacopeia Homeopática Brasileira e administrado 4 dias após o início do tratamento com BZP. Os parâmetros clínicos, avaliados diariamente, incluíram: peso, consumo de ração e água, temperatura e quantidade de excretas. A análise clínica apontou melhores resultados nos grupos BZP e BZP + BZD, mostrando melhor evolução de peso, consumo de ração, água e excretas quando comparado aos grupos não tratados (p< 0.05). A associação BZP + BZDobteve melhor evolução de peso, consumo de água e produção de excretas (p< 0.05) quando comparada com o grupo tratado BZP, revelando-se uma alternativa para diminuir os efeitos indesejados do medicamento convencional, permitindo o aumento da dose administrada e maior eficácia do tratamento. A associação destes medicamentos deve ser explorada em outras condições clínicas onde existem poucos medicamentos disponíveis e efeitos colaterais que comprometem a terapêutica


Assuntos
Animais , Ratos , Trypanosoma cruzi/parasitologia , Homeopatia , Nitroimidazóis/administração & dosagem , Tripanossomicidas/uso terapêutico , Altas Potências , Toxicidade/efeitos adversos
2.
Int. j. high dilution res ; 9(30): 16-29, 2010. graf, ilus, tab
Artigo em Português | LILACS-Express | HomeoIndex - Homeopatia | ID: hom-10394

RESUMO

Cadmium is an important toxic environmental heavy metal. Several studies have demonstrated that a major site of cadmium toxicity in humans and in other animals is the proximal tubule of the kidney. A well established model for nefrotoxicity is the use of in vitro technique with proximal tubule epithelial cell lines, as LLC-PK1. Herein, we have the intention to study the possible protective effect of high diluted CdCl2 solutions. In a blinding way, LLC-PK1 cells were pre-treated with high diluted cadmium chloride in the potencies 10 cH, 15 cH and 20cH. After 4 days, these cells have received CdCl2 in a pre-determined toxic concentration. The cell viability was assessed by MTT assay. We have identified a protective effect of two CdCl2 high diluted solutions, 10 cH and 20 cH, when cells were intoxicated by sublethal CdCl2 concentration. The results indicate that probably the high dilutions have an expressive action on cells in sublethal intoxication. (AU)


O Cádmio é um contaminante ambiental relevante. Muitos estudos demonstram que o sítio de toxicidade em humanos e outros animais é o túbulo proximal do rim. Um modelo bem estabelecido para nefrotoxicidade é o uso de técnicas in vitro com linhagens de células epiteliais do túbulo proximal, conhecidas por LLC-PK1. Assim, nossa proposta foi a de estudar os eventuais efeitos protetores de uma alta diluição de CdCl2. Em um ensaio cego, células LLC_PK1 foram pré-tratadas com altas diluições de cloreto de cádmio nas diluições 10 cH, 15 cH e 20 cH. Após 4 dias, estas células receberam CdCl2 em uma concentração tóxica, previamente deteminada. A viabilidade cellular foi estudada por ensaios MTT. Observamos um efeito protetor para duas altas diluições de CdCl2, 10 cH e 20 cH, quando as células foram intoxicadas por concentrações subletais de CdCl2. Estes resultados indicam a possibilidade de que altas diluições tenham ação expressiva em células, em intoxicações subletais.(AU)


El Cádmio es un metal pesado com relevante acción tóxica en el medio ambiente. Varios estudios han demostrado que un sitio importante de la toxicidad del cadmio en los humanos y en otros animales es el túbulo proximal del riñón. Un modelo bien establecido de nefrotoxicidad es el uso de la técnica in vitro con células epiteliales del túbulo proximal, como las LLC-PK1. Estudiamos el posible efecto protector de soluciones altamente diluidas de CdCl2. Com uma metodologia em ciego, las células LLC-PK1 fueron pre-tratados con cloruro de cadmio altamente diluídos en las potencias 10 cH, 15 cH y 20 cH. Después de 4 días, estas células han recibido CdCl2 en una concentración tóxica predeterminado. La viabilidad celular se evaluó por el ensayo MTT. Hemos identificado un efecto protector de dos soluciones de altamente diluída de CdCl2, 10 cH y 20 cH, cuando las células se intoxicaron por concentración CdCl2 subletales. Los resultados indican que probablemente las altas diluciones tienen una acción expresiva en las células, en la intoxicación subletal.(AU)


Assuntos
Toxicidade , Cádmio , Altas Potências , Isoterapia , Células LLC-PK1 , Cloreto de Cádmio
3.
Int. j. high dilution res ; 8(29): 146-154, 2009. graf
Artigo em Inglês, Português | HomeoIndex - Homeopatia | ID: hom-9816

RESUMO

Recently, the use of homeopathy in veterinary medicine has grown significantly, mainly for farm animal practice, because of its usefulness in organic production and low cost. There is a wide range of veterinary products available in the marketoften used in females. However, the effect of these products in the litter and derived products for human consummation is completely unknown. Aims: this study sought to develop an experimental model to study the putative effects of high diluted substances in newborns after chronic exposure of females. Methods: based on previous studies, the chosen test substance was dexamethasone 15cH; adult female Balb/c mice were divided into 4 groups: a) treated with PBS (control); b) treated with dexamethasone 15 cH; c) treated with dexamethasone 15cH + dexamethasone 4 mg/kg and d) treated with dexamethasone 4 mg/kg. All medicines were administered subcutaneously, 3 times a week, in females from the first day of pregnancy up to the 20th day after parturition (end of lactation period). TDevelopment of the offspring was evaluated daily for 15 days after birth. Parameters evaluated were: female and offspring viability, number of newborns, time for eye opening, pinna opening, fur growth and postural reflex. Results: the group treated with dexamethasone 15cH showed 39% increase in mortality rate 39 days after the beginning of treatment and 35% increase in fetal mortality at the end of gestation (p=0.0049). Females treated with dexamethasone 4mg/kg + dexamethasone 15cH showed 100% of fetal mortality. After parturition newborn survival in animals exposed to dexamethasone 4 mg/kg was higher than the control (p=0.0002). All other parameters of neonatal development were unchanged among groups. Conclusions: these data point to adverse effect when using high diluted dexamethasone during gestation detectable by this experimental model in Balb/c mice.(AU)


Atualmente há uma grande oferta de medicamentos homeopáticos para animais de criação, sobretudo em fase de gestação e lactação, mas pouco se sabe sobre as consequências desta exposição para a cria ou nos produtos derivados para consumo humano. Objetivos: este trabalho visa o desenvolvimento de um modelo experimental para estudar os efeitos da exposição crônica das fêmeas a substâncias altamente diluídas nos recém-nascidos. Métodos: com base em estudos anteriores, a substância escolhida foi dexametasona 15cH; camundongas adultas Balb/c foram divididas em 4 grupos: a) tratado com PBS (controle), b) tratado com dexametasona 15 cH; c) tratado com dexametasona 15cH + dexametasona 4 mg / kg; e d) tratado com dexametasona 4 mg/kg. Todos os medicamentos foram administrados por via subcutânea, 3 vezes por semana, nas fêmeas, a partir do primeiro dia de gravidez até o dia 20 após o parto (final do período de lactação). O desenvolvimento da prole foi avaliado diariamente durante 15 dias após o nascimento. Os parâmetros avaliados foram: viabilidade das fêmeas e crias, número de recém-nascidos, tempo para a abertura dos olhos, descolamento de orelha, crescimento do pelame e reflexo postural. Resultados: faz fêmeas tratadas com dexametasona 15cH apresentaram 39% de aumento no índice de mortalidade após 39 dias do início do tratamento e um aumento de 35% na mortalidade fetal no final da gestação (p = 0,0049). Fêmeas tratadas com dexametasona 4mg/kg + dexametasona 15cH apresentaram 100% de mortalidade fetal. Após o parto, a sobrevivência dos animais recém-nascidos expostos a dexametasona 4 mg/kg foi melhor do que o controle (p = 0,0002). Todos os outros parâmetros de desenvolvimento neonatal não foram alterados, entre os grupos. Conclusões: os dados apontam para a existência de efeitos adversos da dexametasona altamente diluída durante a gestação, detectáveis por este modelo experimental em camundongos Balb/c.(AU)


Assuntos
Animais , Feminino , Camundongos , Altas Potências , Dexametasona/efeitos adversos , Toxicidade/efeitos adversos , Animais Recém-Nascidos
4.
Homeopatia Méx ; 75(640): 15-28, ene.-feb. 2006. ilus
Artigo em Espanhol | HomeoIndex - Homeopatia | ID: hom-8621

RESUMO

Con el actual trabajo se pretende evaluar los efectos del preparado homeopático BENCENO 6c. en conejos variedad "California" para prevenir y revertir algunos de los efectos tóxicos de los metabolitos del Benceno a dosis tóxicas. Para lo cual se utilizaron los conejos antes descritos, los cuales fueron divididos en varios grupos e inoculados a dosis tóxicas del Benceno, por varias semanas, monitorizando la biometría hemática y peso. Encontrándose, primeiro que el BENCENO 6c, minimiza la presentación de algunas de las alteraciones hematológicas ue se evaluaron por intoxicación aguda por Benceno y en segundo lugar revierte en un alto porcentaje estas misma alteraciones. Por lo que se pone de manifiesto que algunas de las alteraciones patológicas inducidas con dosis ponderables de una substancia pueden ser prevenidas o revertidas con el uso de dosis mínimas de la misma. (AU)


Assuntos
Animais , Coelhos , Benzeno , Envenenamento/prevenção & controle , Terapêutica Homeopática , Toxicidade
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA