Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 2 de 2
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados
Base de dados
Intervalo de ano de publicação
1.
Braz. dent. j ; 25(5): 391-398, Sep-Oct/2014. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-731052

RESUMO

The aim of the present study was to assess the effect of a denture adhesive (DA) on patient satisfaction and kinesiographic parameters of complete denture wearers by a cross-over study. Fifty edentulous patients received a set of new complete dentures. After an adaptation period, the participants were enrolled in the trial and randomized to receive a sequence of treatment protocols: Protocol 1- DA use during the first 15 days, followed by no DA for the next 15 days; Protocol 2- no DA during the first 15 days, followed by use of DA for the next 15 days. Outcomes were assessed after 15 days of each sequence of treatment. A questionnaire was used to assess the patients´ satisfaction. A kinesiograph was used to record mandible movements and patterns of maxillary complete denture movement during chewing. The Wilcoxon test (α=0.05) and a paired sample t-test (α=0.05) were used to compare satisfaction levels and kinesiographic data, respectively. Use of DA improved the overall level of patient satisfaction (p<0.001). The kinesiographic recordings revealed a significant increase (1.7 mm) in vertical mandible movements (p<0.001) during chewing and a lower (0.3 mm) vertical intrusion of the maxillary complete dentures (p=0.002) during chewing after using the DA. Use of DA in complete denture wearers improved the patients´ satisfaction and altered mandible movements, with increases in vertical movements during chewing and less intrusion of maxillary complete dentures.


O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito da utilização de um adesivo para prótese na satisfação e nos parâmetros cinesiográficos em usuários de próteses totais por meio de um estudo "cross-over". Cinquenta pacientes desdentados receberam novas próteses totais bimaxilares. Após um período de adaptação, os participantes incluídos no estudo receberam uma sequência de tratamento: Protocolo 1- utilização do adesivo para prótese durante os primeiros 15 dias, seguida por não utilização do adesivo os próximos 15 dias; Protocolo 2- não utilização do adesivo durante os primeiros 15 dias; seguida por utilização do adesivo nos próximos 15 dias. Os resultados foram avaliados após 15 dias de cada sequência de tratamento. Um questionário para avaliar a satisfação dos pacientes e um cinesiógrafo para registrar os movimentos mandibulares e o padrão de movimento da prótese total maxilar durante mastigação foram utilizados. O teste de "Wilcoxon" (α=0,05) e o "t-test" de Student para amostras pareadas (α=0,05) foram utilizados para comparar o grau de satisfação dos pacientes e os dados cinesiográficos, respectivamente. O adesivo para prótese melhorou significativamente a satisfação geral dos participantes (p<0,001). Os registros cinesiográficos mostraram um aumento significativo (1,7 mm) no movimento mandibular vertical (p<0,001) e uma menor intrusão (0,3 mm) da prótese total superior (p=0,002) durante a mastigação após o uso de adesivo. O uso de adesivo para prótese melhorou a satisfação dos usuários de próteses totais e gerou um aumento no movimento mandibular vertical e uma menor intrusão da prótese total maxilar durante a mastigação.


Assuntos
Animais , Masculino , Ratos , Células Secretoras de Gastrina/metabolismo , Gastrinas/metabolismo , Células Secretoras de Somatostatina/metabolismo , Somatostatina/metabolismo , Úlcera Gástrica/fisiopatologia , Modelos Animais de Doenças , Mucosa Gástrica/citologia , Mucosa Gástrica/metabolismo , Ratos Wistar , Úlcera Gástrica/induzido quimicamente
2.
Med. interna Méx ; 16(3): 139-144, mayo-jun. 2000. ilus, CD-ROM
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-302974

RESUMO

La secreción gástrica, como cada una de las funciones de nuestro organismo, requiere de una compleja integración de mecanismos neurales y endocrinológicos. El nervio vago y el sistema nervioso entérico, así como tres diferentes tipos de células (G, D, ECL) participan en la regulación de la función gástrica. La histamina es el principal secretagogo y tanto la vía nerviosa como la gástrica controlan la secreción de la misma. Esta sustancia actúa en receptores H2 que están unidos a proteína Gs, la cual activa a la adenilciclasa para que produzca AMPc y excite a la proteincinasa-C, que a su vez fosforila a la H+/K+ ATPasa. En esta revisión analizamos estos mecanismos.


Assuntos
Células Parietais Gástricas/fisiologia , Estômago/fisiologia , Mucosa Gástrica/fisiologia , Células Secretoras de Gastrina/fisiologia , Células Secretoras de Somatostatina
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA