Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 32
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados
Tipo de estudo
Intervalo de ano de publicação
1.
Fortaleza; s.n; 2016. 62 p. ilus, tab.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-971973

RESUMO

A banda anterior do ligamento glenoumeral inferior(LGUI), possui uma importante função na estabilidade mecânica do ombro, sendo onsiderado o principal estabilizador estático do ombro, quando o braço encontra-se em abdução e rotação externa. Seis bandas anteriores do LGUI foram cuidadosamente dissecadas para avaliaçãoda morfologiados mecanorreceptorese terminações nervosas livres, buscando compreender a interação do sistema proprioceptivo e mecânico do ombro. Para imunihistoquimica foi utilizado um marcador tipo PGP9.5 (protein gene product)como anticorpo primário e Alexa Fluor 488 como anticorpo secundário, seguido de análise daslâminas pormicroscopia confocal de varredura a laser. Observou-se em todos os ligamentos corpúsculos de Meissnercom diâmetros queentre 30 e 65 μme comprimentos entre 80 e 400 μm,sendo estes descritos pela primeira vez no ligamento glenoumeral inferior;o corpúsculo dePacini, com diâmetro entre 40 e 80 μm e comprimento entre 100 e 180 μme terminações nervosas livres, onde as fibras apresentavam espessura entre 3 e 7 μm e comprimento entre 300 e 700 μm, além de terminações nervosas não classificadas, com formas irregulares, fusiformes e retangulares. Observamos que na banda anterior do ligamento glenoumeral inferior opredomínio de mecanorreceptores de adaptação rápida, tipo Meissner e Pacini. A densidade dos mecanorreceptores foi de aproximadamente 1,1026% ,sendo a densidadede 1,6102% quando a analise foi com profundidade entre 400 e 500 μme de 0,6018%...


The anterior band of the inferior glenohumeral ligament (IGHL) has an important role in the mechanical stability of the shoulder and is considered the main static stabilizer of the shoulder when the arm is in abduction and external rotation. Six anterior bands of IGHL were carefully dissected from the bone attachments to describe the morphology of the mechanoreceptors and free nerve endings and to elucidate the interaction between the proprioceptive system and shoulder mechanics. For immunostaining, a protein gene product 9.5 marker was used as the primary antibody and Alexa Fluor 488 was used as the secondary antibody, followed by image examination using confocal laser scanning microscopy. All the ligament samples contained Meissner corpuscles with a diameter between 30 and 65 μm and length between 80 and 400 μm. This is the first report of these corpuscles in IGHL. Furthermore, these ligaments contained Pacinian corpuscles, with a diameter between 40 and 80 μm and length between 100 and 180 μm, free nerve endings with fiber thickness between 3 and 7 μm and length between 300 and 700 μm, and unclassified nerve endings with irregular, spindle, and rectangular shapes. The mechanoreceptors were approximately 1.2% of the area of the ligament. There was a predominance of Meissner-and Pacini-type rapidly adapting mechanoreceptors.The density ofmechanoreceptorswas approximately 1.1026%, and the densitywhen the analysis was with a depthbetween 400 and 500μmwas 1.6102% and greaterdepthbetween 1500and 1850μm, was 0.6018%...


Assuntos
Humanos , Mecanorreceptores , Terminações Nervosas , Ligamentos
2.
Acta ortop. bras ; 23(5): 259-262, Sep.-Oct. 2015. tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-762865

RESUMO

Objetivo: Avaliar a distribuição de substância P (SP) e imunorreatividadedo peptídeo S-100, bem como o suprimento vascular de tecidoscomumente usados como enxertos na reconstrução do ligamentocruzado anterior (LCA). Um segundo objetivo foi comparar a distribuiçãoacima mencionada nos tendões do músculo semitendíneo depacientes com paralisia cerebral (PC) com os tendões do músculosemitendíneo e tendões patelares de pacientes sem PC. Métodos:O primeiro grupo era composto por 14 crianças com paralisia cerebral,com média de idade de 11,7 anos. No momento da operaçãode alongamento dos isquiotibiais, uma amostra de músculo semitendíneofoi retirada para análise. O segundo grupo era composto por20 pacientes tratados por ruptura isolada do LCA do joelho (idademédia de 32 anos). O grupo três era composto por dez pacientescom idade média de 14,3 anos tratado de recorrente luxação dapatela lateral, e de quem foi obtida uma amostra de tendão patelar.Resultado: Não houve diferenças estatisticamente significativas noque diz respeito à quantidade de fibras nervosas imunopositivas queexpressam SP ou S-100 em todos os três grupos de pacientes. Umadiferença significativa foi observada no número de vasos sanguíneosentre músculos semitendíneo do adulto e da criança, mas não entreo músculo semitendíneo e o tendão patelar das crianças. Conclusão:O número de nociceptores, bem como de fibras proprioceptivas, ésemelhante em pacientes com PC e pacientes de uma populaçãoneurologicamente saudável. Nível de Evidência IV, Série de Casos.


Objective: To evaluate the distribution of SP (substance P) andS-100 peptide immunoreactivity, as well as the vascular supplyof tissues commonly used as grafts for anterior cruciate ligament(ACL) reconstruction. A second aim was to compare the abovementioned distribution in the semitendinosus muscle tendonsof cerebral palsy (CP) patients with the semitendinosus muscletendons and patellar tendons of patients without CP. Methods:The first group consisted of 14 children with cerebral palsy witha mean age of 11.7 years old. At the time of hamstring lengtheningoperation, a sample of semitendinosus muscle was takenfor analysis. The second group comprised 20 patients treated forisolated ACL rupture of the knee (mean age 32 years old). Groupthree comprised ten patients in the mean age of 14.3 years oldtreated for recurrent lateral patellar dislocation, and from whoma sample of patellar tendon was obtained. Results: No statisticallysignificant differences were demonstrated with regard to theamount of immunopositive nerve fibers expressing SP or S-100 inall 3 groups of patients. A significant difference was noted in thenumber of blood vessels between the adult and child semitendinosusmuscles, but not between the semitendinosus musclesand patellar tendon of children. Conclusion: The number of nociceptorsas well as proprioceptive fibers is similar in patients withCP and patients from a neurologically healthy population. Levelof Evidence IV, Cases Series.


Assuntos
Humanos , Criança , Adolescente , Adulto , Paralisia Cerebral , Luxação Patelar/cirurgia , Terminações Nervosas , Reconstrução do Ligamento Cruzado Anterior/métodos , Transplantes
3.
Pesqui. vet. bras ; 32(12): 1351-1354, Dec. 2012. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-662571

RESUMO

Os autores descreveram a origem e composição do plexo braquial de quatro Saimiri sciureus, pertencentes ao Centro Nacional de Primatas (Cenp), Ananindeua/PA, os quais foram fixados com formaldeído e dissecados. Os achados revelaram que o plexo braquial desta espécie é constituído por fibras neurais provenientes da união das raízes dorsais e ventrais das vértebras cervicais C4 a C8 e torácica T1, e organizado em quatro troncos. Cada tronco formou um nervo ou um grupo de nervos, cuja origem variou entre os animais; na maioria, foi encontrado o tronco cranial originando o nervo subclávio, o tronco médio-cranial dando origem aos nervos supraescapular, subescapular, parte do radial, e em alguns casos ao nervo axilar, nervo musculocutâneo e ao nervo mediano; o tronco médio-caudal formou parte do nervo radial, e em alguns casos os nervos axilar, nervo musculocutâneo, nervo mediano, nervo toracodorsal, nervo ulnar e nervo cutâneo medial do antebraço, sendo os dois últimos também originados no tronco caudal.


The authors described the origin and composition of the brachial plexus of four Saimiri sciureus, from the National Primate Center (Cenp), Ananindeua/PA, which were fixed with formaldehyde and dissected. Findings revealed that the brachial plexus of this species is composed by nervous fibers from the roots of cervical vertebrae C4 to C8 and thoracic vertebrae T1, and organized into four branchs. Each branch has formed a nerve or a group of nerves, the origin was varied between animals, mostly were found the cranial trunk originate the subclavian nerve; the medium-cranial originate the suprascapular, subscapular, part of radial and in some cases the axillary, musculocutaneous and median nerves; the medium-caudal trunk originate part of radial nerve and in some cases the axillary, musculocutaneous, median, thoracodorsal, ulnar and medial cutaneous of forearm nerves, the last two nerves also originate from the caudal trunk.


Assuntos
Animais , Biometria , Coração , Nervos Espinhais/anatomia & histologia , Plexo Braquial/anatomia & histologia , Saimiri/anatomia & histologia , Dissecação/veterinária , Terminações Nervosas , Fibras Nervosas , Sistema Nervoso/anatomia & histologia
4.
Acta cir. bras ; 27(4): 325-332, Apr. 2012. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-622358

RESUMO

PURPOSE: To determine the effects of end-to-side nerve repair performed only with fibrin glue containing nerve growth in rats. METHODS: Seventy two Wistar rats were divided into six equal groups: group A was not submitted to nerve section; group B was submitted to nerve fibular section only. The others groups had the nerve fibular sectioned and then repaired in the lateral surface of an intact tibial nerve, with different procedures: group C: ETS with sutures; group D: ETS with sutures and NGF; group E: ETS with FG only; group F: ETS with FG containing NGF. The motor function was accompanied and the tibial muscle mass, the number and diameter of muscular fibers and regenerated axons were measured. RESULTS: All the analyzed variables did not show any differences among the four operated groups (p>0.05), which were statistically superior to group B (p<0.05), but inferior to group A (p>0.05). CONCLUSION: The end-to-side nerve repair presented the same recovery pattern, independent from the repair used, showing that the addition of nerve growth factor in fibrin glue was not enough for the results potentiating.


OBJETIVO: Determinar os efeitos do reparo nervoso término-lateral realizado apenas com cola de fibrina contendo fator de crescimento nervoso em ratos. MÉTODOS: Setenta e dois ratos Wistar foram distribuídos em seis grupos: A - não submetido à secção nervosa; B - secção do nervo fibular (sem reparo); Os outros grupos tiveram o nervo fibular seccionado e então reparado na superfície lateral do nervo tibial intacto, com diferentes procedimentos: C - RNTL com suturas; D - RNTL com suturas e FCN; E - RNTL apenas com CF; F - RNTL com CF contendo FCN. A função motora foi acompanhada e a massa do músculo tibial, o número e o diâmetro das fibras musculares e axônios regenerados foram medidos. RESULTADOS: Não houve diferença entre as variáveis avaliadas nos quatro grupos operados (p>0,05), os quais foram superiores ao grupo B (p<0,05), mas inferiores ao grupo A (p>0,05). CONCLUSÕES: O reparo nervoso término-lateral mostrou o mesmo padrão de recuperação, independente do tipo de reparo utilizado, evidenciando que a adição de fator de crescimento nervoso na cola de fibrina não foi suficiente para a potencialização dos resultados.


Assuntos
Animais , Masculino , Ratos , Adesivo Tecidual de Fibrina/uso terapêutico , Fator de Crescimento Neural/uso terapêutico , Regeneração Nervosa/efeitos dos fármacos , Nervo Fibular/efeitos dos fármacos , Adesivos Teciduais/uso terapêutico , Anastomose Cirúrgica/métodos , Terminações Nervosas/efeitos dos fármacos , Terminações Nervosas/fisiologia , Regeneração Nervosa/fisiologia , Nervo Fibular/lesões , Ratos Wistar
5.
Aquichan ; 8(2): 146-158, oct. 2008.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-550327

RESUMO

El dolor es un síntoma frecuente, manifestado por los pacientes en diferentes situaciones, entre las cuales se encuentra la persona hospitalizada en la unidad de cuidado intensivo (UCI). En estas áreas, en ocasiones, el dolor es subvalorado y, por tanto, apenas tratado. Las respuestas psicológicas, hemodinámicas, metabólicas y neuroendocrinas provocadas por un control inadecuado del dolor pueden producir mayor morbilidad e incluso mortalidad. Es por esto que la evaluación del dolor se ha convertido en un reto para los profesionales de la salud, en especial para los enfermeros y las enfermeras ya que son quienes proporcionan cuidado directo y permanente; además, poseen la capacidad de detectar y controlar el dolor y el sufrimiento de los pacientes, como un principio fundamental para su valoración. Con frecuencia se pasa por alto la importancia de un conocimiento integral que permita comprender no solo los cambios fisiológicos sino la influencia del dolor en la vida del paciente y su entorno. Este artículo tiene como objetivo analizar la necesidad de aplicar en la práctica diaria la teoría de los síntomas desagradables, como una herramienta para evaluar el dolor y entender el significado integral de éste, conocer las características que son propias de cada individuo al igual que sus factores fisiológicos, psicológicos y ambientales. Para este fin se revisarán conceptos generales sobre dolor, teorías de mediano rango, y la aplicación de la teoría de síntomas desagradables que permite evaluar de una forma adecuada y oportuna el dolor en los pacientes en situación crítica.


Assuntos
Humanos , Terminações Nervosas , Dor , Sinais e Sintomas , Estresse Psicológico
6.
São Paulo; s.n; 2008. [122] p. ilus, tab, graf.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-586848

RESUMO

INTRODUÇÃO: A síndrome de prune belly (PBS) é caracterizada por uma tríade com flacidez da parede abdominal, criptorquidia bilateral e malformações do trato urinário que compreende bexiga de capacidade aumentada, com complacência elevada, hipossensibilidade, hipocontratilidade, com divertículo ou fístula uracal e resíduo pós-miccional elevado. Alguns autores recomendam tratamento clínico, porém outros propõe correção cirúrgica, com reconstrução da via urinária incluindo ureteroplastia e cistoplastia redutoras, orquidopexia e abdominoplastia. Mesmo após a cirurgia, alguns doentes necessitam de cateterismo limpo intermitente. A inervação vesical determina seu funcionamento, mediado por neuroreceptores na junção neuromuscular. Os adrenoreceptores a1 estão relacionados à contratilidade detrusora e o b3 ao seu relaxamento, e certas condições como obstrução infravesical levam à hiperexpressão de receptores a1. O objetivo da presente pesquisa é verificar se no detrusor de doentes com PBS há alteração na densidade de terminações nervosas, hiper ou hipoexpressão de receptores adrenérgicos a1a, a1b, a1d e b3 e proporção anormal dos tecidos muscular e conectivo. MÉTODO Trata-se de estudo retrospectivo de caso-controle que envolveu 14 espécimes de detrusor de doentes com PBS operados entre 1985 a 2005 no Hospital das Clínicas da FMUSP. Dois grupos foram constituídos como controle: 13 fragmentos de bexiga de doentes submetidos à prostatectomia radical no Departamento de Urologia da Universidade de Mainz, com urodinâmica pré-operatória normal (GC1), e cinco fragmentos de bexiga de crianças submetidas à necrópsia no SVOC-USP, sem anomalias neurológicas e de trato urinário. A coloração de van Gieson foi realizada para análise da proporção músculo/tecido conectivo, e a reação imunohistoquímica para os anticorpos policlonais anti-proteína S100 e antiadrenoreceptores a1a, a1b, a1d e b3. A coloração castanho foi considerada evidência da expressão do adrenoreceptor...


INTRODUCTION: Prune belly syndrome (PBS) is charactherized by a triad of abdominal wall flaccidity, bilateral criptorchidism and urinary tract malformation, that includes a large-capacity bladder, with high detrusor compliance, low sensibility and contractility, associated to urachal diverticulum or fistula and elevated post void residual volumes. Some autors recommend clinical treatment, but others propose surgery correction, with urinary tract reconstruction, including reductive ureteroplasty and cystoplasty, orchidopexy and abdominoplasty. Even after surgery, some patients need intermittent catheterism. The detrusor innervation determines its function, mediated by neuroceptors at the neuromuscular junction. The a1 adrenoceptors are related to detrusor contractility and b3 to relaxation, and some conditions, like infravesical obstruction, lead to a1 adrenoceptor up-regulation. The objective of this work is to verify whether, in the detrusor from patients with PBS, there is altered nerve density, up or down-regulation of a1a, a1b, a1d and b3 adrenergic receptors and if there is an abnormal proportion between muscle and connective tissue. MATERIALS AND METHODS A retrospective case-control study was performed involving 14 detrusor specimens from patients with PBS, who underwent surgical treatment between 1985 an 2005 at University of São Paulo, Medical School Hospital. Two groups were taken as control: 13 bladder fragments from patients who underwent radical prostatectomy at Department of Urology of Mainz University, with normal urodynamic study prior to the surgery (GC1) and 5 bladder fragments from children submitted to autopsy at SVOC-USP, with no neurological or urinary tract malformation (GC2). Staining was performed using the van Gieson dye to analyse the proportion between muscle and connective tissue, and immunohistochemical reaction was employed, with polyclonal antibodies against S100 protein, as well as a1a, a1b, a1d and b3 adrenoceptors. Brown...


Assuntos
Humanos , Masculino , Bexiga Urinária/anatomia & histologia , Interpretação de Imagem Assistida por Computador , Imuno-Histoquímica , Terminações Nervosas , Síndrome do Abdome em Ameixa Seca , Receptores Adrenérgicos
7.
São Paulo; s.n; 2007. 204 p. ilus, tab, mapas.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-461231

RESUMO

Os objetivos deste estudo foram orientados no sentido de descreverem-se os tipos de degranulação na urticária, e se analisarem as interações entre dendrócitos da derme e mastócitos. Sete doentes com urticária aguda associada a medicamentos foram incluídos. Foram biopsiadas lesões urticadas e a pele normal, sendo uma das partes processada pela coloração de hematoxilina-eosina, pela coloração de Azul de Toluidina e imunoistoquímica com anti-CD34, antifator XIIIa e antitriptase e a outra para a microscopia imunoeletrônica. Este estudo é inédito pela demonstração da expressão do FXIIIa nos grânulos intracitoplasmáticos e nos grânulos extruídos dos mastócitos, dispersos no extracelular, nos doentes com urticária. Outro fato inédito foi a fagocitose dos grânulos extruídos dos mastócitos pelos dendrócitos.


Background: The knowledge about the cell types involved in urticaria is an essential element for understanding the pathophysiology of this disease. Few authors have been attempting on interactions among mast cells and dermal dendrocytes in urticaria...


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Erupção por Droga , Fator XIIIa , Urticária , Células Endoteliais , Exocitose , Imuno-Histoquímica , Inflamação , Macrófagos , Mastócitos , Microscopia Imunoeletrônica , Fagocitose , Terminações Nervosas/ultraestrutura
8.
Braz. j. med. biol. res ; 38(11): 1677-1682, Nov. 2005. ilus
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-414721

RESUMO

The thalamus is an important modulator of seizures and is severely affected in cholinergic models of epilepsy. In the present study, chronically epileptic rats had their brains processed for neo-Timm and acetylcholinesterase two months after the induction of status epilepticus with pilocarpine. Both controls and pilocarpine-treated animals presented neo-Timm staining in the anterodorsal nucleus, laterodorsal nucleus, reticular nucleus, most intralaminar nuclei, nucleus reuniens, and rhomboid nucleus of the thalamus, as well as in the zona incerta. The intensity of neo-Timm staining was similar in control and pilocarpine-treated rats, except for the nucleus reuniens and the rhomboid nucleus, which had a lower intensity of staining in the epileptic group. In animal models of temporal lobe epilepsy, zinc seems to modulate glutamate release and to decrease seizure activity. In this context, a reduction of neo-Timm-stained terminals in the midline thalamus could ultimately result in an increased excitatory activity, not only within its related nuclei, but also in anatomical structures that receive their efferent connections. This might contribute to the pathological substrate observed in chronic pilocarpine-treated epileptic animals.


Assuntos
Animais , Masculino , Ratos , Mapeamento Encefálico , Coloração e Rotulagem/métodos , Estado Epiléptico/metabolismo , Núcleos Talâmicos/metabolismo , Terminações Nervosas/metabolismo , Zinco/metabolismo , Acetilcolinesterase , Doença Crônica , Estado Epiléptico/induzido quimicamente , Estado Epiléptico/patologia , Pilocarpina , Ratos Wistar , Terminações Nervosas/patologia
9.
Rev. odontol. Univ. Cid. Sao Paulo ; 16(1): 63-71, jan.-abr. 2004. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-873099

RESUMO

A hipersensibilidade dentinária é uma manifestação dolorosa aguda, súbita, localizada e de curta duração, resultante de estímulos provocados sobre a dentina exposta da região cervical do dente. Sua etiologia é multifatorial. Resulta da resposta aos estímulos térmicos, tácteis, evaporativos, químicos ou osmóticos, aplicados à superficie dentinária exposta devido à recessão gengival, associada à perda óssea patológica ou não patológica, ou ainda, resultante da perda de estrutura dentária decorrente de lesões não cariosas, como a abrasão, abfração ou erosão. Este trabalho teve como objetivo apresentar as possíveis etiologias e mecanismos de ação da hipersensibilidade dentinária, assim como possibilitar o diagnóstico dessas manifestações. Dentre os tratamentos atualmente disponíveis destacam-se as terapias que agem pela obstrução dos túbulos dentinários reduzindo a condutibilidade hidráulica da dentina, assim como produtos que promovem a despolarização das terminações nervosas, bloqueando a condução do estímulo doloroso


Assuntos
Sensibilidade da Dentina/diagnóstico , Sensibilidade da Dentina/etiologia , Sensibilidade da Dentina/terapia , Terminações Nervosas , Efeito Placebo
10.
Rev. odontol. Univ. Cid. Sao Paulo ; 16(1): 63-71, jan.-abr. 2004. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-466434

RESUMO

A hipersensibilidade dentinária é uma manifestação dolorosa aguda, súbita, localizada e de curta duração, resultante de estímulos provocados sobre a dentina exposta da região cervical do dente. Sua etiologia é multifatorial. Resulta da resposta aos estímulos térmicos, tácteis, evaporativos, químicos ou osmóticos, aplicados à superficie dentinária exposta devido à recessão gengival, associada à perda óssea patológica ou não patológica, ou ainda, resultante da perda de estrutura dentária decorrente de lesões não cariosas, como a abrasão, abfração ou erosão. Este trabalho teve como objetivo apresentar as possíveis etiologias e mecanismos de ação da hipersensibilidade dentinária, assim como possibilitar o diagnóstico dessas manifestações. Dentre os tratamentos atualmente disponíveis destacam-se as terapias que agem pela obstrução dos túbulos dentinários reduzindo a condutibilidade hidráulica da dentina, assim como produtos que promovem a despolarização das terminações nervosas, bloqueando a condução do estímulo doloroso


Assuntos
Sensibilidade da Dentina/diagnóstico , Sensibilidade da Dentina/etiologia , Sensibilidade da Dentina/terapia , Terminações Nervosas , Efeito Placebo
11.
Braz. j. morphol. sci ; 20(3): 157-164, sept.-dec. 2003. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-413790

RESUMO

FMRFamide-like immunoreactive cells have been identified in almost all insect species studied. However, the functions of this peptide are still unknown, although several studies have suggested that FMRFamide may play a role in controlling peristalsis, digestion, development and reproduction in insects. Differences in the number, morphology, and distribution of FMRFamide-like cells have been observed among insects. Social bees are characterized by the presence of well-defined castes, each with a different behavior, energy demand and nutrient consumption. In this work, we used immunofluorescence to assess the number, morphology,and distribution of FMRFamide-like immunoreactive cells in different castes of the bee Melipona quadrifasciata anthidioides. These immunoreactive cells were observed only in the posterior region of the midgut, whereas FMRFamide-immunoreactive nerve fibers were more abundant in the fore-and hind-midgut boudary . However, htere were no differences in the number and distribution of FMRFamide-like cells among the castes. This localization of immunoreactivity may indicate that the nervous system controls the passage of food through the cardiac and pyloric valves, while the passge of food through the midgut is controlled by midgut endocrine cells. The number, morphology and distribution of midgut FMRFamide-like cells were not influencend by behavior, feeding habits, cast, or sex in this species.


Assuntos
Abelhas , FMRFamida , Terminações Nervosas/ultraestrutura , Imunofluorescência , Insetos
12.
Rev. bras. ortop ; 37(5): 195-200, maio 2002. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-334667

RESUMO

Os autores estudaram a terminação nervosa existente na coluna lombar de humanos, utilizando cinco colunas de cad veres de adultos jovens. Foram retirados os discos intervertebrais de L1 até L5, num total de 25 discos. O material colhido foi fixado em formalina a 10 por cento. Os discos assim tratados foram a seguir divididos no plano transverso e subdivididos em quatro partes no plano sagital, sendo identificada cada parte como: anterior, posterior e laterais. Foram a seguir feitos cortes finos de 4μm corados pelo metodo imunohistoqu¡mico estrepto-avidina-biotina-peroxidase para o anticorpo policlonal antiproteina S100. Foi avaliada de maneira interativa toda a circunferencia do disco intervertebral, com aumento de 400 vezes, com auxilio de um sistema de an lise digital de imagem. Os autores encontraram terminaçäes nervosas em toda a superficie externa e camada superficial do ânulo fibroso. Não foram encontradas terminações nervosas na camada interna do unulo fibroso e no n£cleo pulposo. Houve diferença estatisticamente significante entre o numero de terminações nervosas nas regiões laterais e posterior do disco intervertebral


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Disco Intervertebral , Terminações Nervosas , Coluna Vertebral , Cadáver
13.
Rev. Fac. Cienc. Méd. (Córdoba) ; 58(1): 49-55, 2001. ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-303029

RESUMO

En trabajos previos hemos demostrado la relación entre las fibras y terminaciones nerviosas y las células intersticiales (células productoras de estrógenos) en el ovario derecho atrófico y la médula del ovario izquierdo funcionante, in ovo. Además la producción local de neurotrofinas por la células esteroidogénicas está probablemente comprometida en el control de la inervación ovárica. El objetivo del presente estudio fue analizar ultraestructuralmente la inervación durante la diferenciación del ovario del embrión de pollo cultivado con 17- ß- estradiol. Explantos de ovarios derechos e izquierdos de 7 a 19 días de desarrollo in ovo fueron cultivados separadamente por cuatro días en MEM (controles) o en presencia de 17- ß- estradiol (problemas) . En los controles,con microscopía electrónica, el examen de la inervación de los explantos de los ovarios de embrión de pollo reveló que las células intersticiales están bien inervadas. Fibras y terminaciones nerviosas fueron observadas en íntimo contacto con las células productoras de esteroides, una estructura similar a la encontrada en la inervación de aquellos ovarios de quince días del desarrollo in ovo. Los cultivos problemas de 7 días cultivados por cuatro días mostraron fibras y terminaciones nerviosas a diferencias del control. Estos resultados in vitro sugieren que la inervación de los ovarios es controlada por mecanismos indirectos por vía del sistema hipotálamo-hipofisario y de la producción de factores locales. Más experimentos son necesarios para confirmar estos resultados.


Assuntos
Animais , Feminino , Embrião de Galinha , Estradiol , Terminações Nervosas , Fibras Nervosas , Ovário , Diferenciação Sexual , Células Tecais , Terminações Nervosas , Fibras Nervosas , Diferenciação Sexual , Células Tecais
14.
Prensa méd. argent ; 87(4): 382-387, jun. 2000.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-299091

RESUMO

Preservatiion of urogenital autonomic innervation in rectal cancer surgery devolped in these recent years, in a matter of great interest and attention of the most experienced centers in the world. The development of different techniques for urogenital nervous preservation was parallel to the increasing importance given to the total mesorectal excision...The most important aim of future studies, will be the consideration if this surgical tecnique, can be generalized to non-specialized centers and surgeons, without an adequate knowledge of total mesorectal excision, without provoking the risk of a rapid increase on the rates of locoregional recurrences. Further prospective multicentric, randomized controlled studies are required to clear up this question


Assuntos
Humanos , Adulto , Terminações Nervosas , Fibras Nervosas , Neoplasias Retais , Disfunções Sexuais Fisiológicas , Anormalidades Urogenitais , Cirurgia Geral , Oncologia , Reto
15.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-281933

RESUMO

Five sub-areas were taken into consideration: Adrenoceptor subclassification: Presently, 10 different adrenoceptor subtypes have been characterized by pharmacological and molecular biology studies: Ó1A-, Ó1B-, Ó1D-, Ó2A/D, Ó2B-, Ó2C-, ß1-, ß2-, ß3- and ß4-adrenoceptors. Intracellular signaling: the adrenoceptors are members of a large superfamily of receptors linked to guanine-nucleotide proteins (G proteins), Ó1-adrenoceptors are coupled to Gq proteins and activate phospholipases, especially phospholipase Cß, Ó2-adrenoceptors are coupled to G1 proteins and inhibit adenylyl cyclase and in some tissues regulate potassium and calcium channels. Both ß1 and ß2-adrenoceptors are preferentially coupled to adenylyl cyclase through GS proteins and ß3-adrenoceptors appear to be coupled to K+ channel through a pertussis toxin-sensitive G1 protein. ß4-Adrenoceptors appear to be coupled positively to a cyclic AMP-dependent cascade and can undergo desensitization. Influence of maturation and ageing: From birth to old age important changes occur in animal models as in humans at the receptor level, neurotransmitter process and catecholamine disposition. In general terms, one can say that maturation is associated with a gradual increase of adrenergic influence, while ageing is associated with a reduction in the role of the adrenergic system on the regulation of physiologic processes. Cotransmission: ATP and the neuropeptide Y are cotransmitters with noradrenaline. While noradrenaline is the main transmitter in vascular tissues, ATP has functional relevance in some vessels and neuropeptide Y is mainly a modulator of noradrenaline release; it seems that it has an increased role under pathophysiological conditions like ischemia. Role of endothelium on noradrenaline release: Many substances produced by the endotelium or acting through the endothelium are able to influence noradrenaline release from sympathetic nerve varicosities of the blood vessel wall: some of them, like bradykinin and angiotensin II, exert a facilitatory, while others like NO and endothelin have an inhibitory effect on noradrenaline release evoked electrical nerve stimulation.


Assuntos
Humanos , Envelhecimento/fisiologia , Sistema Cardiovascular/efeitos dos fármacos , Receptores Adrenérgicos , Receptores Adrenérgicos/fisiologia , Catecolaminas/fisiologia , Endotélio/fisiologia , Norepinefrina/fisiologia , Receptores Adrenérgicos alfa 1/fisiologia , /fisiologia , Terminações Nervosas/fisiologia , Transdução de Sinais/fisiologia , Transmissão Sináptica/fisiologia , Vasos Sanguíneos/fisiologia
16.
Braz. j. med. biol. res ; 31(11): 1491-500, Nov. 1998. graf, ilus
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-224483

RESUMO

Optical tracers in conjunction with fluorescence microscopy have become widely used to follow the movement of synaptic vesicles in nerve terminals. The present review discusses the use of these optical methods to understand the regulation of exocytosis and endocytosis of synaptic vesicles. The maintenance of neurotransmission depends on the constant recycling of synaptic vesicles and important insights have been gained by visualization of vesicles with the vital dye FM1-43. A number of questions related to the control of recycling of synaptic vesicles by prolonged stimulation and the role of calcium to control membrane internalization are now being addressed. It is expected that optical monitoring of presynaptic activity coupled to appropriate genetic models will contribute to the understanding of membrane traffic in synaptic terminals.


Assuntos
Movimento Celular , Endocitose , Exocitose , Corantes Fluorescentes , Terminações Nervosas , Vesículas Sinápticas/fisiologia , Membrana Celular , Compostos de Piridínio , Vesículas Sinápticas/ultraestrutura
17.
Folha méd ; 110(1): 115-8, jan.-fev. 1995. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-154035

RESUMO

Os efeitos da administraçäo crônica do mazindol (5 e 10 mg/kg i.p. e 60 mg/kg s.c) sobre a evoluçäo ponderal e a atividade da tirosina hidroxilase cerebral foram determinados em ratos machos jovens e idosos. O potencial anorético da droga foi observado através da avaliaçäo comparativa do peso corporal dos animais. A atividade da tirosina hidroxilase no estriato foi utilizada como parâmetro indireto da possível neurotoxicidade do mazindol. Nos ratos jovens notou-se uma perda significativa de peso aos 15 dias de tratamento, com recuperaçäo ascendente deste ao longo do tempo. Nos ratos idosos houve também perda de peso significativa; no entanto, tal recuperaçäo näo foi observada. Näo foram detectadas alteraçöes significativas da atividade enzimática em relaçäo aos grupos controles para ambas as idades. Estes resultados säo analisados a partir de dados encontrados na literatura


Assuntos
Animais , Masculino , Ratos , Corpo Estriado/efeitos dos fármacos , Mazindol/toxicidade , Cérebro/efeitos dos fármacos , Metanfetamina/toxicidade , Ratos Endogâmicos , Terminações Nervosas , Tirosina 3-Mono-Oxigenase/análise , Perda de Peso/efeitos dos fármacos
18.
Gac. méd. boliv ; 19(1): 11-4, 1995. ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-202090

RESUMO

Se presenta el caso de un paciente masculino de 62 anos, diagnosticado de estenosis degenerativa del canal lumbar, tratado quirurgicamente mediante la tecnica del recalibrado con buen resultado del tratamiento.


Assuntos
Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Laminectomia , Região Lombossacral/inervação , Estenose Espinal/cirurgia , Compressão Nervosa/efeitos adversos , Compressão Nervosa/reabilitação , Terminações Nervosas/anormalidades , Radiografia , Nervos Espinhais/anormalidades
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA