Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 356
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
2.
Biosci. j. (Online) ; 36(1): 78-86, jan./feb. 2020. graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1049198

RESUMO

The root-knot nematode (Meloidogyne spp.) is the most important plant-parasitic nematode genus, they are the most common and destructive pathogens in this group. They produce some of the most drastic symptoms in plants and can significantly reduce the yield of crops. In order to achieve deploy an efficient method of plant-parasitic nematode management, is necessary an identification and quantification accurate and reliable of plant-parasitic nematodes. The aim of this study was to analyze samples in qPCR to detect and quantify M. incognita, in the field samples, comparing different methods of extraction of DNA and its efficacy in establishing the number of individuals. For this purpose the effectiveness of different DNA methods of extraction was compared through the values of CT intervals. For standard curve and method comparisons, we used nematodes multiplied in a greenhouse and carefully separated in the specific quantities of the experiments. For the number of individuals experiment field samples previously counted under an optical microscope were used. The DNA extraction was made from 100 nematodes by the methods: CTAB, Phenol: Chloroform and commercial kit (PureLink® Genomic DNA Kit, Invitrogen). In the comparative analysis using the three methods of DNA extracting from 100 nematodes, it was observed that commercial kit and CTAB methods obtained CT values similar. The CTAB method of extraction, showed less variation in the repeats and greater linearity of standard curve in comparison with other methods tested. So, it was possible to quantify the samples through the CT value intervals, established from different numbers of individuals (1, 10, 25, 100, 250, 500 and 750), in field samples. This study demonstrated that qPCR technique is an alternative sensitive and reliable for the quantification of M. incognita to support laboratories of diagnose and field survey.


Os nematoides-das-galhas (Meloidogyne spp.) é o gênero de fitonematoide mais importante, são os patógenos mais comuns e destrutivos deste grupo. Eles produzem alguns dos sintomas mais drásticos nas plantas e podem reduzir significativamente o rendimento das culturas. Para conseguir implantar um método eficiente de manejo de nematoides parasitas de plantas, é necessária a identificação e quantificação precisa e confiável dos fitonematoides. O objetivo deste estudo foi analisar amostras em qPCR para detectar e quantificar M. incognita, em amostras de campo, comparando diferentes métodos de extração do DNA e sua eficácia no estabelecimento do número de indivíduos. Para este propósito, a eficácia de diferentes métodos de extração de DNA foi comparada através dos valores dos intervalos de Ct. Para comparações padrão de curvas e métodos, usamos nematoides multiplicados em casa de vegetação e cuidadosamente separados nas quantidades específicas dos experimentos. Para o número de indivíduos, foram utilizadas amostras de campo previamente contadas sob um microscópio óptico. A extração de DNA foi realizada a partir de 100 nematoides, pelos métodos: CTAB, Phenol: Clorofórmio e kit comercial (PureLink® Genomic DNA Kit, Invitrogen). Na análise comparativa utilizando os três métodos de extração de DNA a partir de 100 nematoides, observou-se que o kit comercial e os métodos de CTAB obtiveram valores de CT semelhantes. O método de extração CTAB apresentou menor variação nas repetições e maior linearidade da curva padrão em comparação com os demais métodos testados. O coeficiente de correlação (R2) da curva padrão foi de 0,98 indicando uma relação linear entre o valor de Ct e a quantidade de padrões de DNA variando de 90 a 0,00009 ng.µL-1. Assim, foi possível quantificar as amostras através dos intervalos de valores de CT, estabelecidos a partir de diferentes números de indivíduos (1, 10, 25, 100, 250, 500 e 750), em amostras de campo. Este estudo demonstrou que a técnica de qPCR é uma alternativa sensível e confiável para a quantificação de M. incognita, para apoiar laboratórios de diagnóstico e levantamentos de campo.


Assuntos
Tylenchoidea , Monitoramento , Diagnóstico , Nematoides , Tumores de Planta
3.
Biosci. j. (Online) ; 35(6): 1650-1658, nov./dec. 2019. tab, ilus
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1049083

RESUMO

Entomopathogenic nematodes are natural enemies of insect pests present in the soil; however, the intensive use of agricultural inputs can affect the action of these organisms. The objective of this study was to evaluate the effects of exposure of the nematode Heterorhabditis amazonensis MC01 to soil fertilizers containing different active ingredient, verifying their influence in the viability, infectivity and nematode production in Tenebrio molitor L. larvae. Nine products were tested, including fertilizers and soil conditioners, using the adapted IOBC/WPRS protocol. The infective juveniles were exposed to the highest concentration recommended by the manufacturer of each product for a period of 48 h. After this period, the viability, infectivity and production were evaluated and the values of mortality, infectivity reduction, production reduction and insecticide effect were obtained in order to classify the products according to IOBC criteria. In this way, the nematode H. amazonensisMC01 was compatible with most of the products under the tested conditions, so could be present in the soil at the same time. However, the product Nutriterge® Formula 3 was considered slightly harmful and Nem out® considered harmful. However, further field tests should be performed with these products to prove the deleterious effect on the nematode tested.


Nematoides entomopatogênicos são inimigos naturais de insetos-praga presentes no solo; no entanto, o uso de insumos agrícolas pode afetar a ação desses organismos. O objetivo deste estudo foi avaliar os efeitos da exposição de Heterorhabditis amazonensis MC01 com fertilizantes de solo contendo diferentes ingredientes ativos, a fim de verificar a influência na viabilidade, infectividade e produção do nematoide em larvas de Tenebrio molitor L. Foram testados nove produtos, incluindo fertilizantes e condicionadores de solo, utilizando o protocolo adaptado da IOBC/WPRS. Os juvenis infectantes foram expostos à maior concentração recomendada de cada produto por período de 48 h. Após, esse período os valores de viabilidade, infectividade, redução da produção e efeito inseticida foram obtidos e os produtos foram classificados de acordo com os critérios da IOBC. Dessa forma, o nematoide H. amazonensis MC01 foi compatível com a maioria dos produtos nas condições testadas, podendo estar presente no solo ao mesmo tempo. No entanto, o produto Nutriterge® Fórmula 3 foi considerado ligeiramente prejudicial e Nem out® foi considerado prejudicial. Outros testes de campo devem ser realizados com esses produtos para comprovar o efeito deletério sobre o nematoide testado.


Assuntos
Controle Biológico de Vetores , Fertilizantes , Agricultura Orgânica , Nematoides
4.
Arq. Inst. Biol ; 86: e0262019, 2019. tab
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1007014

RESUMO

Nowadays, the root-lesion nematode Pratylenchus brachyurus (Godfrey) is a major pest of soybean in Brazil, mainly in areas using double cropping with maize or cotton, which are suitable hosts for P. brachyurus. A great effort has been made to find cash crops for P. brachyurus management. Grain sorghum [Sorghum bicolor (L.)] was classified as a non-host for P. brachyurus but based on a single trial. It would be a valuable option as a culture for double cropping with soybean, as it is profitable and can be used in root-lesion nematode management. Sudangrass (S. bicolor var. sudanense) is not directly profitable, but Brazilian farmers favor it because it can produce pasture, green chop, silage, or hay under unfavorable hydric conditions. However, no information is available regarding the suitability of sudangrass for P. brachyurus. Thus, the current study aimed to assess the suitability of grain sorghum and sudangrass for P. brachyurus in two glasshouse trials. The first trial tested sudangrass and grain sorghum 'DKB 510', 'Dow 740', 'Dow 822', 'DKB 599', and 'AG 1040'. The second trial retested sudangrass and grain sorghum 'Dow 740' and 'DKB 599'. The results demonstrated that sudangrass and grain sorghum were suitable hosts for P. brachyurus. These results, in addition to those obtained for other types of sorghum, emphasize that S. bicolor and sudangrass should be avoided in fields infested with P. brachyurus, as they increase the nematode population.(AU)


Atualmente, o nematoide das lesões radiculares Pratylenchus brachyurus Godfrey é um dos principais patógenos para a soja no Brasil, principalmente em áreas com sucessão de milho ou algodão, que também são suscetíveis a P. brachyurus. Grandes esforços têm sido feitos a fim de encontrar uma cultura rentável que possa ser utilizada no manejo de P. brachyurus. O sorgo granífero (Sorghum bicolor L.) é relatado como resistente a P. ­brachyurus, porém com base em apenas um ensaio. Adicionalmente, o capim-sudão (S. ­bicolor var. sudanense) não é diretamente rentável, mas é apreciado pelos agricultores brasileiros por produzir pasto, material verde picado, silagem ou feno, mesmo sob condições hídricas desfavoráveis. Entretanto, não há nenhuma informação sobre a suscetibilidade dessa cultura a P. brachyurus. Dentro desse contexto, o objetivo do presente trabalho foi avaliar a suscetibilidade de cultivares de sorgo granífero e capim-sudão a P. brachyurus em dois ensaios em casa de vegetação. No primeiro experimento, foram testados o capim-sudão e os sorgos graníferos DKB 510, Dow 740, Dow 822, DKB 599 e AG 1040. No segundo experimento, capim-sudão e os cultivares de sorgo granífero Dow 740 e DKB 599 foram testados novamente. Os resultados de ambos os ensaios demonstraram que o capim-sudão e o sorgo granífero são suscetíveis a P. ­brachyurus. Esses resultados, mais os obtidos para outros tipos de sorgo, demonstram que S. ­bicolor e o capim-sudão devem ser evitados em áreas infestadas com P. ­brachyurus, já que essas culturas aumentam dramaticamente as densidades populacionais do nematoide das lesões no solo.(AU)


Assuntos
Sorghum , Nematoides/patogenicidade , Soja
5.
Arq. Inst. Biol ; 86: e0672018, 2019. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1045990

RESUMO

Control of phytonematodes is very hard and requires a combination of techniques to succeed. Alternative control through plant extracts may result in the discovery of nematicide substances. Research aimed at evaluating the effect of 33 plants submitted to aqueous extraction against Panagrellus redivivus in vitro. Concentrations were prepared at 1.25, 2.5, 5, 10, and 20%. Monitoring happened at 0, 6, 12, 24 and 30 hours after preparation. Counting considered dead nematodes subtracted from alive ones. Juveniles were also counted, and extract efficiency was expressed in percentage of control or stimuli. Data were submitted to variance analysis. Significant results got with the Scott-Knott test (5%), and multiple linear regression analysis. Extracts were observed acting as controllers, but also as stimulators to nematode reproduction. The best controlling performance was set by Carica papaya (-66% at 20%; -33.7% at 10%), Euphorbia milii (-37% at 20%), Psychotria carthagenensis (-25.5% at 2.5%), Clusia variegate (-22% at 20%), and Zamioculcas zamiifolia (-21.5% at 20%). Stimulator extracts were Mentha villosa at 10% (+148%) and 2.5% (+131.5%), followed by Aloe vera (+123% at 5%), Schinus molle (+112.5% at 10%), Schefflera arboricola (+93.5% at 5%), C. variegate (+89% at 5%), and S. molle (+88% at 5%). Some extracts kept population stable throughout the experiment, presenting lower control indexes. Besides an additive effect, there was an individual influence of concentration or time on control.(AU)


O controle de fitonematoides é muito difícil e requer uma combinação de técnicas para ter sucesso. O controle alternativo via extrato vegetal pode resultar na descoberta de substâncias nematicidas. Esta pesquisa objetivou avaliar o efeito de 33 plantas submetidas à extração aquosa contra Panagrellus redivivus in vitro. As concentrações foram preparadas a 1,25; 2,5; 5; 10; e 20%. O monitoramento ocorreu em 0, 6, 12, 24 e 30 horas após a preparação. Para a contagem, foram considerados nematoides mortos subtraídos dos vivos. Nematoides jovens também foram contados, e a eficiência dos extratos foi expressa em porcentagem de controle ou de estímulo. Os dados foram submetidos à análise de variância. Resultados significativos foram analisados pelos testes de Scott-Knott (5%) e análise de regressão múltipla. Foram observados extratos agindo como controladores, bem como estimuladores da reprodução de nematoides. A melhor performance de controle foi obtida por Carica papaya (-66% a 20%; -33,7% a 10%), Euphorbia milii (-37% a 20%), Psychotria carthagenensis (-25,5% a 2,5%), Clusia variegate (-22 a 20%) e Zamioculcas zamiifolia (-21,5% a 20%). Os extratos estimuladores foram Mentha villosa a 10% (+148%) e 2,5% (+131,5%), seguido por Aloe vera (+123% a 5%), Schinus molle (+112.5% a 10%), Schefflera arboricola (+93.5% a 5%), C. variegate (+89% a 5%) e S. molle (+88% a 5%). Alguns extratos mantiveram a população estável durante todo o experimento, apresentando menores índices de controle. Além do efeito aditivo houve uma influência individual da concentração e do tempo no controle.(AU)


Assuntos
Nematoides , Antinematódeos , Análise de Regressão
6.
Rev. patol. trop ; 47(4): 255-260, dez. 2018. ilus
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-996647

RESUMO

Mammomonogamus laryngeus (sin.: Syngamus laryngeus) is a nematode which parasites the respiratory tract of some animals. It is occasionally seen in humans, who present symptoms similar to other diseases with respiratory manifestations, such as a chronic dry cough and chest pain, in addition to a "foreign body" sensation in the throat. It can be diagnosed through rhinolaryngoscopy or bronchoscopy examinations, but this often occurs only after spontaneous expectoration of the worms, a long period of symptomatology and the use of several types of medication. In this report, we describe a case of syngamosis in Florianópolis (Santa Catarina, Brazil). The patient consulted several health professionals during the course of the disease and was prescribed numerous drugs. Diagnosis was eventually reached after the spontaneous expectoration of a nematode couple


Assuntos
Humanos , Doenças Respiratórias , Doenças da Laringe , Técnicas de Diagnóstico do Sistema Respiratório , Nematoides
7.
Biosci. j. (Online) ; 34(5): 1319-1325, sept./oct. 2018.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-967321

RESUMO

Lettuce is the main leafy vegetable grown in the world, being the crispy-leaf lettuce type predominant. With consecutive cultivation in the same area, several factors may impair yield, highlighting the damage caused by root-knot nematodes, Meloidogyne spp. This study aimed at evaluating the reaction of twenty crispy-leaf lettuce cultivars to Meloidogyne incognita race 3, M. javanica and M. enterolobii. Three experiments were conducted, one for each nematode species. The experiments were carried out in a greenhouse, in pots with sterilized substrate. The design was completely randomized with five replications. Seedlings were inoculated with 1.000 eggs and second-stage juveniles of nematode per pot, on the day of transplantation of seedlings. The tomato 'Rutgers' was used as inoculum viability control for each specie tested. The variables evaluated were: reproduction factor (FR), total number of eggs and second-stage juveniles (NTOJ) and number of eggs and second-stage juveniles per gram of root (NOJGR), 60 days after inoculation. The results showed that the cultivars Veronica, Grand Rapids and Crespa para Verão are resistant to the three nematode species. The cultivars Thaís, SRV 2005 and Marisa are resistant to M. incognita race 3 and M. javanica. The cultivar Black Seed Simpson is resistant to M. enterolobii. The cultivars Vanda and Mônica SF 31 are resistant to M. incognita race 3. The cultivars Crespa, Rubia, Cinderela and Veneranda are resistant to M. javanica.


A alface é a principal hortaliça folhosa cultivada no mundo, sendo o tipo crespa mais comercializada. Com o cultivo consecutivo na mesma área, vários fatores podem prejudicar a produtividade, se destacando os danos causados pelos nematoides de galha, Meloidogyne spp. Este trabalho teve como objetivo avaliar vinte cultivares de alface, do grupo crespa, quanto a reação à Meloidogyne incognita, Meloidogyne javanica e Meloidogyne enterolobii. Foram realizados três ensaios, um para cada espécie de nematoide. Os experimentos foram conduzidos em casa de vegetação, em vaso com substrato autoclavado. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, com cinco repetições. As plantas foram inoculadas com 1.000 ovos e eventuais juvenis de segundo estágio do nematoide, no dia do transplantio das cultivares. O tomateiro 'Rutgers' foi utilizado como padrão de viabilidade do inóculo de cada espécie de nematoide. As variáveis avaliadas foram: número total de ovos e juvenis do segundo estádio (NTOJ), fator de reprodução (FR) e número de ovos e juvenis de segundo estádio por grama de raízes (NOJGR) avaliadas 60 dias após a inoculação. Os resultados obtidos mostraram que as cultivares Verônica, Grand Rapids e Crespa para Verão foram resistentes as espécies M. enterolobii, M. incognita, M. javanica. As cultivares Thaís, SRV 2005 e Marisa foram resistentes as espécies M. incognita e M. javanica. A cultivar Black Seed Simpson foi resistente à M. enterolobii. Vanda e Mônica SF 31 foram resistentes à M. incognita. As cultivares Crespa, Rubia, Cinderela e Veneranda foram resistentes à M. javanica.


Assuntos
Tumores de Planta , Plantas , Tylenchoidea , Alface , Nematoides
8.
Biomédica (Bogotá) ; 38(supl.2): 24-29, ago. 2018. tab, graf
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-974003

RESUMO

Introducción. Más de 170 municipios colombianos están invadidos por Lissachatina fulica, caracol africano que puede portar larvas de nematodos de interés en salud humana y veterinaria. Los parásitos entran al caracol huésped intermediario en el estadio de larva L1, y allí cambian a L2 y L3, formas estas capaces de infectar a vertebrados. Objetivo. Estandarizar el cultivo in vitro de las L3 portadas por especímenes de L. fulica recolectados en Santa Fe de Antioquia. Materiales y métodos. Entre julio y noviembre de 2014 se recolectaron 10 caracoles, se sacrificaron y se digirieron con ácido clorhídrico al 0,7 %. Las larvas se recuperaron mediante la técnica de Baermann; se cultivaron 36 días en los medios Schneider, mínimo esencial de Eagle modificado por Dulbecco (Dulbecco's Modified Eagles Minimal Essential Medium, DMEM), y Roswell Park Memorial Institute (RPMI), con suero fetal bovino (SFB) al 20 % y sin este, y agua destilada con SFB al 20 %. Los medios de cultivo se cambiaron cada 36 horas. Las larvas se midieron con el microscopio utilizando reglilla ocular, y se evaluaron la supervivencia, la longitud y el ancho. Se calcularon datos estadísticos de resumen y se hicieron gráficos de cajas y bigotes, así como la prueba t de Student. El nivel de significación (p) se estableció como menor de 0,05. Resultados. El 50 % de las larvas sobrevivió, 85 % en DMEM con SFB al 20 %, el 70 % con RPMI más SFB al 20 %, el 60 % en RPMI, el 50 % en Schneider más SFB al 20 %, el 45 % en Schneider y el 40 % en DMEM. El control sobrevivió diez días. Hubo diferencias significativas entre la longitud inicial promedio de las larvas y la longitud final promedio en los medios con suplementos: inicial, 645,83 µm; final en DMEM más SFB al 20 %, 732,65 µm (p<0,001); en RPMI más SFB al 20 %, 718,79 µm (p<0,001), y en Schneider más SFB al 20 %, 696,12 µm (p<0,01). No hubo diferencias significativas entre la anchura inicial promedio, de 24,99 µm, y la final. Conclusiones. El mejor medio para cultivar las L3 de L. fulica fue el DMEM más SFB al 20 %. En la evaluación del crecimiento larval, la longitud fue más informativa que la anchura. Las larvas estudiadas no correspondieron a Angiostrongylus cantonensis, A. costaricensis ni Aelurostrongylus abstrusus.


Introduction: Over 170 municipalities in Colombia have been invaded by Lissachatina fulica, an African snail that can carry larvae of nematodes of interest in human and veterinary health. Nematodes enter the host snail as larvae L1 and then change to L2 and L3, the infectious form for vertebrates. Objective: To standardize culture in vitro of L3 carried by L. fulica from Santa Fe de Antioquia. Materials and methods: Between July and November, 2014, 10 snails were collected, killed, and conserved with HCl 0.7%. Larvae were recovered using the Baermann technique and cultured for 36 days in Schneider, DMEM and RPMI media, with and without SFB 20% and distilled water with SFB 20%. Replacements were made every 36 hours; larvae were measured with an ocular micrometer on a microscope. Summary statistics were estimated; box and whisker plots were made; the t Student test was performed in SPSS 18™. A p-value below 0.05 was assumed as significant. Results: Fifty per cent of the larvae survived. The highest survival and growth was 85% in supplemented DMEM. The final average length of larvae in supplemented media exceeded the initial one. There were significant differences between the average length of larvae cultured in supplemented media and the initial length. The initial width of larvae did not change. Conclusions: The best medium for the culture of L3 larvae was supplemented DMEM. The length provided more information than the width for the larval growth evaluation. The larvae studied did not correspond to Angiostrongylus cantonensis, A. costaricensis or Aelurostrongylus abstrusus.


Assuntos
Caramujos , Nematoides , Técnicas In Vitro , Colômbia , Meios de Cultura
9.
Pesqui. vet. bras ; 38(7): 1286-1292, July 2018. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-976438

RESUMO

This study aimed to determine the occurrence of gastrointestinal and pulmonary parasites in calves and to evaluate seasonal and age patterns in parasitism. For this, we used 140 clinically healthy crossbreed calves (two to 12 months old) that belonged to two private farms in the municipalities of Botucatu (n=53) and Manduri (n=87), São Paulo state, Brazil. The calves were monitored for 12 months (from September 2014 to August 2015). Fecal samples were collected directly from the rectum every three months. Fecal egg counts were determined using the modified McMaster technique with a sensitivity of 50 eggs per gram of feces (EPG). Coproculture was performed on pooled samples to identify Strongylida infective larvae. First-stage larvae of Dictyocaulus viviparus were extracted by a modified Baermann method. The data showed non-normal distribution (Shapiro-Wilk) and the nonparametric Kruskall-Wallis test was employed to evaluate the EPG data by seasons and age groups. Dunn's post-test was used for multiple comparisons (P<0.05). The calves from Manduri farm showed significantly higher fecal egg counts (P<0.0001) in the winter when compared to other seasons. At Botucatu farm, young calves (2-3 months old) showed significantly higher EPG than old calves (8-12 months) (P=0.01). The prevalence and overall mean of animals positive for Strongylida type-eggs were 81.1% and 340 in Botucatu, respectively, versus 83.9% and 854 in Manduri, respectively. Furthermore, we found Strongyloides spp., Moniezia spp., and Trichuris spp. eggs and Eimeria spp. oocysts. The prevalent genera in all coprocultures in decreasing order were: Cooperia spp., Haemonchus spp., Oesophagostomum spp., and Trichostrongylus spp. First-stage larvae of Dictyocaulus viviparus were found only in Botucatu farm samples throughout the year, except in spring.(AU)


O objetivo deste estudo foi investigar os parasitas gastrintestinais e pulmonares que acometem bezerros bem como a possível influência de fatores climáticos e da idade no parasitismo. Para isso, durante um período de 12 meses (setembro de 2014 a agosto de 2015), amostras de fezes foram coletadas a cada três meses diretamente da ampola retal de 140 bezerros mestiços (dois a 12 meses de idade), clinicamente saudáveis, pertencentes a duas propriedades leiteiras localizadas nos municípios de Botucatu (n=53) e Manduri (n=87), estado de São Paulo. Realizou-se a contagem de ovos por grama de fezes pela técnica de McMaster modificada com sensibilidade de 50 ovos por grama de fezes (OPG). Coproculturas foram realizadas em pool de amostras para a obtenção das larvas infectantes (L3). Larvas de primeiro estágio de Dictyocaulus viviparus foram recuperadas pela modificação da técnica de Baermann. Os dados não se apresentaram normalmente distribuídos (Shapiro-Wilk), e o teste não paramétrico de Kruskal-Wallis foi utilizado para avaliar os dados de OPG em relação às estações do ano e faixa etária. Para comparações múltiplas, empregou-se o pós-teste de Dunn. Foi verificado que em Manduri, no inverno, houve um aumento significativo (P<0,0001) na contagem de OPG em comparação as demais estações do ano. Em Botucatu, os animais com dois a três meses de idade apresentaram maiores contagens de OPG quando comparados aos animais de oito a 12 meses de idade (P=0,01). A prevalência e a média global de animais positivos para ovos do tipo Strongylida, em Botucatu, foi de 81,1% e 340, respectivamente, e em Manduri foi de 83,9% e 854, respectivamente. Em adição, de maneira geral, foram encontrados ovos de Strongyloides spp., Moniezia spp., Trichuris spp. e oocistos de Eimeria spp. Foram recuperadas, em ordem de prevalência, larvas infectantes de Cooperia spp., Haemonchus spp., Oesophagostomum spp. e Trichostrongylus spp. Larvas de D. viviparus foram recuperadas somente na propriedade de Botucatu durante todo o ano, com exceção da primavera.(AU)


Assuntos
Animais , Bovinos , Bovinos/parasitologia , Gastroenteropatias/parasitologia , Pneumopatias Parasitárias/diagnóstico , Nematoides/patogenicidade
10.
Biosci. j. (Online) ; 34(2): 312-325, mar./apr. 2018.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-966641

RESUMO

The present study aimed to evaluate Capsicum accessions for resistance to Meloidogyne incognita race 3, Meloidogyne javanica and Meloidogyne enterolobii. Two experiments with different genotypes of hot and sweet peppers were carried out in a completely randomized design. The first experiment was conducted in a 31 x 3 factorial scheme with 27 genotypes of Capsicum annuum, two cultivars of hot pepper, one line of Capsicum frutescens and tomato 'Santa Cruz Kada', and three species of nematodes (M. incognita race 3, M. javanica and M. enterolobii). In the second experiment, we used a factorial scheme 39 x 3 with 36 accessions of C. annuum, two hot pepper cultivars and the 'Santa Cruz Kada' tomato and three nematodes species mentioned earlier. The total number of eggs and second-stage juveniles (TNEJ), number of eggs and second-stage juveniles per gram of root (NEJGR), reproduction index (RI) and reproduction factor (RF) were evaluated. Based on RI and RF, the genotypes CNPH 185, CNPH 187 and CNPH 680 were resistant and very resistant to M. incognita race 3 and M. javanica, simultaneously. The C. frutescens line presented resistance to the three root-knot nematode species.


O presente trabalho teve por objetivo avaliar acessos de Capsicum quanto à resistência a Meloidogyne incognita raça 3, Meloidogyne javanica e Meloidogyne enterolobii. Foram realizados dois experimentos, com diferentes genótipos de pimentas e pimentões, em delineamento inteiramente casualizado sendo o primeiro em esquema fatorial 31 x 3 com 27 genótipos de Capsicum annuum, duas cultivares de pimenta, uma linhagem de Capsicum frutescens, o tomateiro 'Santa Cruz Kada' e três espécies de nematoides (M. incognita raça 3, M. javanica e M. enterolobii). No segundo experimento foi utilizado esquema fatorial 39 x 3 com 36 acessos de C. annuum, duas cultivares de pimenta, o tomateiro 'Santa Cruz Kada' e três espécies de nematoides mencionadas anteriormente. Avaliou-se o número total de ovos e juvenis de segundo estádio (NTOJ), número de ovos e juvenis de segundo estádio por grama de raízes (NOJGR), índice de reprodução (IR) e fator de reprodução (FR). Com base no FR e IR os genótipos CNPH 185, CNPH 187 e CNPH 680 foram resistentes e muito resistentes a M. incognita raça 3 e M. javanica, simultaneamente. A linhagem de C. frutescens apresentou resistência às três espécies de nematoides de galha.


Assuntos
Tylenchoidea , Capsicum , Pimenta , Nematoides
11.
Pesqui. vet. bras ; 38(1): 48-52, Jan. 2018. tab
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-895558

RESUMO

Given the numerous reports of anthelminthic resistance of sheep nematodes to different anthelmintic compounds, this study aimed to evaluate the resistance status of gastrointestinal nematodes from naturally infected sheep to monepantel in the state of Rio Grande do Sul. Four farms that present extensive raising system and absence of anthelmintic treatment for 60 days were selected for the study. Lambs that present counts of eggs per gram of feces (EPG) ≥200 (sensitivity of 50 EPG) one day (D-1) before the treatment were select for the study and randomly separated into two groups, a control group and an experimental group treated with monepantel. Feces were collected 9 days after the treatment (D+9) for EPG counts and fecal culture. The monepantel was 100% effective only on 2. The efficacy found on farm 1, 3, and 4 were 2.82%, 25.8%, and 78.4%, respectably. There were no viable larvae post-treatment at farm 2, but the genera Haemonchus, Trichostrongylus, Cooperia, and Strongyloides were resistant to it at the other farms. This study shows the presence of parasites resistant to the treatment with monepantel, pointing to the importance of monitoring its efficacy in sheep flocks of Rio Grande do Sul, Brazil.(AU)


Devido aos numerosos relatos de resistência anti-helmíntica de nematódeos gastrintestinais de ovinos a diferentes compostos, este estudo objetivou avaliar o status da resistência de nematódeos gastrintestinais de ovinos naturalmente infectados ao monepantel no estado do Rio Grande do Sul. Quatro fazendas que apresentam sistema extensivo de criação e ausência de tratamento anti-helmíntico por 60 dias foram selecionados para o estudo. Animais que apresentassem as contagens de ovos por grama de fezes (OPG) ≥200 (sensibilidade de 50 OPG) um dia (D-1) antes do tratamento foram selecionados para o estudo e separados em dois grupos, um grupo controle e um grupo experimental tratado com monepantel. Fezes foram coletadas nove dias após o tratamento (D + 9) para realização do OPG e cultura fecal. O monepantel foi 100% eficaz apenas na propriedade 2. A eficácia encontrada nas propriedades 1, 3 e 4 foi 2,82%, 25,8% e 78,4%, respectivamente. Não houveram larvas viáveis após o tratamento nas propriedades 2, porém os gêneros Haemonchus, Trichostrongylus, Cooperia e Strongyloides demonstraram resistência a este nas demais propriedades. Este estudo mostra a presença de parasitas resistentes ao tratamento com monepantel, apontando para a importância de monitorar a sua eficácia em rebanhos de ovinos do Rio Grande do Sul, Brasil.(AU)


Assuntos
Animais , Aminoacetonitrila/administração & dosagem , Anti-Helmínticos/administração & dosagem , Resistência a Medicamentos , Nematoides , Ovinos/parasitologia , Brasil , Contagem de Ovos de Parasitas/veterinária
12.
Arq. Inst. Biol ; 85: e0442017, 2018. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-996741

RESUMO

Entomopathogenic nematodes are effective in controlling soil insects and they are used in agricultural systems. The virulence of entomopathogenic nematodes on crickets (Gryllus L.) (Orthoptera: Gryllidae) was evaluated under different conditions in order to select populations for application in the field. Virulence tests with Heterorhabditis amazonensis RSC05, H. amazonensis MC01, Steinernema carpocapsae All (Weiser) and H. amazonensis GL were performed. Evaluations were then made of the concentrations of infective juveniles (100, 200, 400 and 600 infective juveniles per insect); feeding preference with or without choice; and field tests using traps to evaluate insect sampling. All isolates were found to cause mortality in Gryllus sp., and H. amazonensis MC01 and S. carpocapsae All were selected; an increase in concentration resulted in increased insect mortality. Regarding the feeding preference tests, after 16 h there was no feeding in any of the treatments. In treatments with a chance of choice, it was verified that the crickets fed, independently of the presence of the nematodes. In the field tests, 19 live crickets were found in the traps, and, after application of entomopathogenic nematodes in aqueous suspension, 2 live crickets were found. Results suggested that H. amazonensis MC01 was promising in the control of Gryllus sp. under the tested conditions.(AU)


Os nematoides entomopatogênicos (NEPs) são eficazes contra insetos de solo e têm sido usados em sistemas agrícolas. A ação de NEPs sobre grilos (Gryllus L.) (Orthoptera: Gryllidae) foi avaliada em condições de laboratório e campo, a fim de selecionar populações para aplicação em área de cultivo. Foram realizados testes de virulência com Heterorhabditis amazonensis RSC05, H. amazonensis MC01, Steinernema carpocapsae All (Weiser) e H. amazonensis GL, assim como verificadas a adequação da concentração de juvenis infectantes (100, 200, 400 e 600 juvenis infectantes por inseto) e a preferência alimentar sem chance de escolha e com chance de escolha, além do teste de campo utilizando armadilhas para amostragem dos insetos. Verificou-se que todos os isolados causaram mortalidade em Gryllus sp. selecionando-se H. amazonensis MC01 e S. carpocapsae All e que o aumento na concentração de juvenis infectantes resultou em mortalidade crescente dos insetos. Com relação aos testes de preferência alimentar, observou-se que, após 16 horas, não houve alimentação em nenhum dos tratamentos. Nos tratamentos com chance de escolha, constatou-se que houve alimentação dos grilos, independentemente da presença ou não de nematoides. Nos testes de campo, antes da aplicação de juvenis infectantes, foram encontrados 19 grilos vivos nas armadilhas, e após a aplicação dos NEPs em suspensão aquosa foram encontrados 2 grilos vivos. Dessa forma, concluiu-se que H. amazonensis MC01 foi promissor no controle de Gryllus sp. nas condições testadas.(AU)


Assuntos
Virulência , Gryllidae , Controle Biológico de Vetores/métodos , Nematoides , Jardinagem , Insetos
13.
Rio de Janeiro; s.n; 2018. xv, 92 p. ilus.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-1025731

RESUMO

Apesar da ampla ocorrência de endoparasitos em animais silvestres, ainda há uma carência de informações sobre a helmintofauna destes animais em condições naturais, principalmente de estudos que abordam aspectos ecológicos. O objetivo geral deste trabalho foi descrever a composição de espécies e a estrutura das comunidades de helmintos dos roedores sigmodontíneos Oligoryzomys nigripes, Akodon montensis e Euryoryzomys russatus nas escalas de infracomunidade e comunidades componentes no Parque Estadual da Serra do Tabuleiro, Município de Santo Amaro da Imperatriz, Estado de Santa Catarina, Brasil. Este estudo é o primeiro relato de helmintofauna de roedores em nível específico para esta região, onde foi encontrada e descrita uma nova espécie do gênero Stilestrongylus. Além disso, é o primeiro estudo a analisar a estrutura da metacomunidade de helmintos de A. montensis. Os helmintos foram coletados nas vísceras e nas cavidades torácica e abdominal. Todos os helmintos foram contados e identificados. Em O. nigripes foram encontradas as espécies Guerrerostrongylus zetta e Stilestrongylus lanfrediae (Nematoda, Heligmonellidae)


A helmintofauna de A. montensis incluiu as espécies G. zetta, Trichofreitasia lenti (Nematoda, Heligmonellidae), Trichuris navonae (Nematoda, Trichuridae), Angiostrongylus sp. (Nematoda, Angiostrongylidae), Litomosoides chagasfilhoi (Nematoda, Onchocercidae) e Rodentolepis akodontis (Plathyhelmintes, Cestoda). No roedor E. russatus, três espécies foram encontradas, G. zetta, uma espécie nova denominada de Stilestrongylus rolandoi (Nematoda, Heligmonellidae) e Raillietina guaricanae (Plathyhelmintes, Cestoda). Stilestrongylus rolandoi é distinto de outras espécies do gênero Stilestrongylus pelo seu raio 6 ser curto em relação aos raios 4 e 5, que são longos e robustos, e pelo padrão de bolsa caudal do tipo 1-4 em ambos os lobos. Esta nova espécie tem 27 cristas no meio do corpo em machos e 24 nas fêmeas, e tem uma das maiores razões comprimento do espículo / comprimento do corpo (21-33%) deste gênero. A. montensis apresentou maior riqueza total de helmintos, porém, a riqueza média foi maior em O. nigripes. A espécie de helminto mais abundante e única espécie comum entre os hospedeiros foi G. zetta, que apresentou maiores valores de abundância e prevalência em O. nigripes e maior valor de intensidade em E. russatus. A estrutura da metacomunidade de helmintos de A. montensis na escala de infracomunidade apresentou um padrão aleatório de distribuição das espécies, sendo caracterizado por uma estrutura não coerente ao longo do gradiente ambiental. (AU)


Assuntos
Animais , Doenças Parasitárias , Roedores , Ecologia , Nematoides
14.
Arq. Inst. Biol ; 85: e0172018, 2018. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-987451

RESUMO

Leaf-cutter ants (Hymenoptera: Formicidae) have evolved as dominant herbivores on the American continent. These social insects remove the leaves of economically important plant species to maintain their colony's food reserves, the symbiotic fungus Leucocoprinus gongylophorus, a basidiomycete. Such fungus can be used for applications of fungicide molecules from metabolites generated by symbiont bacteria (Xenorhabdus and Photorhabdus) from entomopathogenic nematodes (Steinernema and Heterorhabditis). Through isolation and multiplication in tryptic soy broth (TSB) medium of the bacteria Xenorhabdus szentirmaii isolated PAM 25, we conducted laboratorial tests using treatments with 10, 25, and 50% of the metabolites obtained in the sixth day of cultivation. The treatments were centrifuged and filtered to generate a supernatant, which was diluted in potato + dextrose + agar (PDA), to verify the consequences of exposure to the fungus L. gongylophorus in Petri dishes. To confirm metabolite efficiency, the control treatments in PDA only and mixed (PDA+TSB) media were conducted simultaneously for 14 days. We observed total inhibition of the symbiont fungus in both the 25 and 50% dilutions during the first days of the tests. Our results support that these metabolites have inhibitory effect on the development of symbiont fungus of leaf-cutter ants.(AU)


As formigas-cortadeiras (Hymenoptera: Formicidae) evoluíram estabelecendo-se no continente americano como herbívoros dominantes. Esses insetos sociais praticam a desfolha de espécies vegetais de interesse econômico, com a finalidade de manter a reserva alimentar da colônia, o fungo simbionte Leucocoprinus gongylophorus, um basidiomiceto. Tal fungo pode ser alvo de aplicações de moléculas fungicidas encontradas em metabólitos gerados por bactérias simbiontes (Xenorhabdus e Photorhabdus) de nematoides entomopatogênicos (Steinernema e Heterorhabditis). Por meio do isolamento e da multiplicação em meio caldo triptona de soja (TSB) da bactéria Xenorhabdus szentirmaii (isolado PAM 25), foram realizados testes laboratoriais com tratamentos contendo 10, 25 e 50% do metabólito obtido no sexto dia de cultivo. Para tanto, o metabólito foi centrifugado e filtrado, gerando um sobrenadante, o qual foi diluído em batata + dextrose + ágar (BDA), para verificar as consequências da exposição do fungo L. gongylophorus em placas de Petri. Os tratamentos de controle apenas com meio BDA e misto (BDA + TSB) também foram conduzidos simultaneamente por 14 dias, a fim de confirmar a eficiência dos metabólitos. Tanto na diluição de 25 e 50% houve total inibição do fungo simbionte já nos primeiros dias da condução dos testes. Diante dos resultados obtidos, pode-se afirmar que os metabólitos são a causa do efeito inibitório do desenvolvimento do fungo simbionte das formigas-cortadeiras.(AU)


Assuntos
Controle Biológico de Vetores , Xenorhabdus , Photorhabdus/virologia , Himenópteros , Nematoides , Fungos/patogenicidade
15.
INSPILIP ; 1(1): 1-10, ene.-jun 2017.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-987818

RESUMO

Strongyloides stercoralis es un nematodo común causante de parasitosis intestinal en la población ecuatoriana, pero no se han documentado casos de infección pulmonar por este helminto en el Ecuador. El primer caso de estrongiloidiasis pulmonar causada por larvas filariformes de S. stercoralis en un paciente de sexo masculino de la provincia de Manabí (Ecuador) y con síntomas clínicos de síndrome pulmonar terminal es reportado en este estudio. Previo al deceso del paciente, las larvas fueron identificadas por el método de frotis directo en fresco de una muestra de aspirado bronquial obtenida del paciente. En el análisis microscópico se observó hiperinfección por larvas filariformes (L3) con una abundancia de hasta cuatro larvas por campo microscópico.Sugerimos que un tratamiento anticipado del paciente con un antihelmíntico de amplio espectro podría haberle salvado la vida. La estrongiloidiasis pulmonar puede ser infradiagnosticada, si no se lleva a cabo el análisis parasitológico de muestras húmedas de aspiración bronquial de pacientes mostrando síntomas de bronquitis crónica y síndrome pulmonar para investigar la posible presencia de S. stercoralis. El entrenamiento para diagnóstico microbiológico por métodos directos clásicos, así como la constante investigación de esta parasitosis y otras helmintiasis son aún vitales y relevantes para el personal técnico de salud pública y microbiólogos en países en vías de desarrollo, con el fin de proveer un tratamiento temprano de las parasitosis infradiagnosticadas.


Strongyloides stercoralis is a common nematode causing intestinal parasitosis in the Ecuadorian population, but cases of lung infection by this helminth have not been documented in Ecuador. We document the first case of pulmonary strongyloidiasis caused by S. stercoralis filariform larvae in a male patient from Manabí Province (Ecuador), showing clinical symptoms of terminal pulmonary syndrome. Previous to the decease of the patient, the larvae were identified by the direct smear method of a fresh bronchial aspirate sample collected from the patient. Hyperinfection by filariform larvae (L3) was observed, exhibiting an abundance of up to four larvae per microscopic field. We suggest that an earlier treatment of the patient with a high spectrum anthelmintic could have saved his life. Strongiloidiasis pulmonar can be underdiagnosed, if the parasitological analysis of wet mounts of bronchial aspirate from patients suffering of chronic bronchitis and pulmonary syndrome to investigate the possible presence of S. stercoralis is not conducted. The training for microbiological screening using classic direct methods, as well as the constant investigation of this parasitosis and other helminthiasis are still vital and relevant for public health personnel and microbiologists in developing countries in order to provide an early diagnosis of underdiagnosed parasitosis.


Assuntos
Humanos , Masculino , Strongyloides stercoralis , Síndrome Pulmonar por Hantavirus , Helmintos , Nematoides , Sinais e Sintomas , Artérias Brônquicas , Infecções
16.
Arq. bras. med. vet. zootec ; 69(2): 364-370, mar.-abr. 2017. graf
Artigo em Português | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-833832

RESUMO

O objetivo deste estudo foi avaliar a atividade predatória do fungo Duddingtonia flagrans contra larvas infectantes (L3) de nematoides gastrintestinais na pastagem e no bolo fecal de equinos, em um período de 21 dias. O delineamento experimental foi inteiramente ao acaso, com três grupos tratados (G1, G2 e G3) e um controle (C), com oito animais/grupo. Os tratados receberam 1,5x105; 3x105 e 6x105 clamidósporos de D. flagrans/kg-1peso vivo animal, G1, G2 e G3, respectivamente, durante 21 dias, com administração a cada três dias. Foram delimitadas 36 áreas de 1m2 cada, equivalendo a repetições em triplicata para cada grupo. As fezes foram coletadas dos animais nos dias 0 (D0), 15 (D15) e 30 (D30 = sete dias após a última administração dos tratamentos) e depositadas nessas áreas de pastagem. O número de larvas presentes nos bolos fecais e na pastagem foi avaliado após 14 e 21 dias de cada etapa de deposição. A avaliação da atividade predatória de D. flagrans na pastagem e nos bolos fecais demonstrou que a redução do número de L3 nos bolos fecais foi acompanhada pelo aumento da variável na pastagem. Não se constatou diferença significativa entre os grupos avaliados em decorrência da temperatura média registrada durante o período. As avaliações realizadas em um curto período podem ser insuficientes para a avaliação do efeito do fungo.(AU)


The aim of this study was to evaluate the predatory activity of the fungus Duddingtonia flagrans against infective larvae (L3 ) of gastrointestinal nematodes of horses in the pasture and dung patch during a period of 21 days. The experimental design was completely randomized, with three groups treated (G1, G2 and G3) and a control (C), with eight animals/group. The treated animals received G1: 1.5x105; G2: 3x105 and G3: 6x105 chlamydospores of D. flagrans/kg body weight during 21 days. The experiment ran in the environment using 36 areas of 1 m2 delimited on pasture, where stool samples were distributed for each group, in triplicates. Feces were collected from the animals at days 0 (D0), 15 (D15) and 30 (D30) and deposited on the pasture areas. After 14 and 21 days of each deposition step , the number of L 3 present in dung and pasture was evaluated. The number of L3 in the dung was accompanied by increase of the same variable in the pasture. The evaluation recorded in a short period may be insufficient to evaluate fungus development.(AU)


Assuntos
Animais , Duddingtonia , Larva/parasitologia , Nematoides , Controle Biológico de Vetores/métodos , Fungos , Cavalos/parasitologia , Doenças Parasitárias em Animais/prevenção & controle
17.
Arq. bras. med. vet. zootec ; 69(2): 415-421, mar.-abr. 2017. ilus
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-833946

RESUMO

The tropical rattlesnake (Crotalus durissus) is a snake of great importance for biomedical industry since its poison is used for the production of antiophidic serum and researches. Several conditions related to animal health, such as diseases and parasites, which can promote the reduction of poison production by these snakes should be investigated. Accordingly, the aim of this study was to characterize the gross and microscopic lesions related to the presence of Ophidascaris arndti in stomachs of tropical rattlesnakes. The gastrointestinal tract of thirty-five South American rattlesnakes captured in Southeastern region of Brazil were analyzed and nineteen animals showed infestation by the parasites, found in the small intestine and, especially, in the stomach of the hosts. Grossly, lesions were characterized by mucosal ulcers occasionally associated with hemorrhage. Microscopic alterations included histiocytic granulomas, fibrosis, necrosis, and hemorrhage. Based on these findings, the diagnosis of a parasitic granulomatous disease was made. The lesions may be related to the cause of death in captivity snakes, since the lesions can promote secondary infections by opportunistic bacteria. Moreover, the intense inflammatory response accompanied by fibrosis may be related to poor functioning of the gastric snakes, which it may exhibit frequent regurgitation of the food.(AU)


A cascavel (Crotalus durissus) é uma serpente de grande importância para a indústria biomédica, uma vez que seu veneno é utilizado para a produção de soro antiofídico e para pesquisas. Condições diversas relacionadas ao estado de saúde do animal, como doenças e parasitoses, que possam promover a diminuição da produção de veneno por essas serpentes, devem ser investigadas. O objetivo deste estudo foi caracterizar os achados macro e microscópicos relacionados à presença de nematódeos Ophidascaris arndti nos estômagos de cascavéis. O trato gastrointestinal de 35 cascavéis capturadas na região Sudeste do Brasil foi avaliado Dessas, 19 apresentavam infestação pelo parasito, que foi encontrado predominantemente no estômago e no intestino delgado dos hospedeiros. Macroscopicamente, as lesões foram caracterizadas por úlceras nas camadas mucosas, ocasionalmente associadas com hemorragia. As alterações microscópicas apresentaram granulomas histiocíticos, fibrose, necrose e hemorragia. Baseado em tais achados, o diagnóstico de doença granulomatosa parasitária foi realizado. As lesões encontradas podem estar relacionadas à causa das mortes das serpentes em cativeiro, uma vez que podem favorecer infecções secundárias por bactérias oportunistas. Além disso, a intensa resposta inflamatória e a fibrose podem estar relacionadas ao mau funcionamento gástrico das serpentes, que podem apresentar frequente regurgitação do alimento.(AU)


Assuntos
Animais , Crotalus , Gastrite/veterinária , Granuloma/veterinária , Nematoides , Fibrose/veterinária
18.
Arq. bras. med. vet. zootec ; 69(1): 85-88, jan.-fev. 2017. ilus
Artigo em Português | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-834111

RESUMO

O objetivo do presente estudo foi registrar a ocorrência de larva de nematoide da família Raphidascarididae, Hysterothylacium deardorffoverstreetorum, em bijupirá Rachycentron canadum (Linnaeus, 1766), criado e alimentado com ração e "trashfish" em fazendas marinhas localizadas no Rio de Janeiro, Brasil, alertando para possíveis riscos zoonóticos ao se usar esse tipo de alimentação para criação de peixes. Foram necropsiados 15 animais. Os parasitas encontrados foram coletados, fixados e, posteriormente, conservados em álcool a 70°GL, clarificados e identificados. Em todos os animais necropsiados, apenas um espécime estava parasitado com uma larva de Hysterothylacium deardorffoverstreetorum na serosa do fígado do peixe e conclui-se que a presença desse parasita em bijupirá de criação alimentado por "trashfish pode estar associada à alimentação, indicando, assim, um potencial risco zoonótico.(AU)


The aim of this study was to record the occurrence of nematode larvae of the Raphidascarididae family, Hysterothylacium deardorffoverstreetorum in cobia Rachycentron canadum (Linnaeus, 1766) grown and fed with trashfish in marine farms located in Rio de Janeiro, Brazil, warning regarding possible zoonotic risk using this type of food for fish. Fifteen animals were necropsied. Parasites found were collected, fixed and later preserved in alcohol 70°GL, clarified and identified. In all animals necropsied, only one specimen was infested with a Hysterothylacium deardorffoverstreetorum larvae in the serosa of fish liver. It is concluded that the presence of the parasite in cobia culture fed with trashfish may be associated with a potential zoonotic risk.(AU)


Assuntos
Animais , Ração Animal/análise , Ascaridoidea/parasitologia , Nematoides/parasitologia , Perciformes/parasitologia , Larva/parasitologia , Zoonoses
19.
Arq. bras. med. vet. zootec ; 69(1): 264-268, jan.-fev. 2017. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-836719

RESUMO

The aim of this study was to verify the parasitologycal aspects of fish (Hoplias malabaricus), coming from São Bento city, Maranhão state. For this, 70 fish were used, verifying the parasitism indexes and coefficients. For the parasitological results nematodeos were identified, with zoonotical potential of the Contracaecum spp, Pseudoterranova spp, Eustrongylides spp; monogenetics Gyrodactirus spp, Dactylogirus spp and larva Acanthella of Acanthocephalo. Of the 70 (100%) fishes, 64 (91.4%) were sponged, with prevalence of 82.8% (58) for the nematodeo Contracaecum spp, 65.7% (46), Pseudoterranova spp, 7.1% (5), Eustrongylides spp, 71.4% (50), monogenetics and larva Acanthella of Acantocephalo, respectively. A maior amplitude de intensidade (1-30), coeficiente de variação foi verificado para o nematódeo Pseudoterranova spp., a intensidade média (7,3), índice de abundância (6,7), coeficiente de dominância (36,4) foi ao Contacaecum spp., todos os parasitos estavam no mesentério da cavidade abdominal, encistados em forma larval.The largest intensity width (1-30), variation coefficient was verified for the nematodeo Pseudoterranova spp, the medium intensity (7,3), abundance index (6,7), dominance coefficient (36,4) it went to the Contacaecum spp, all of the parasites were in the mesenterio of the abdominal cavity, encysted in larval form. The results show that fish from this region presented unsatisfactory sanitary conditions in parasitological aspect and can expose consumers to the risks of foodborne illnesses.(AU)


Assuntos
Animais , Caraciformes/parasitologia , Nematoides , Carga Parasitária/veterinária
20.
Arq. Inst. Biol ; 84: e0142015, 2017.
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-887870

RESUMO

Nematodes can be associated with the soil ecological condition, thus being associated with this sustainability condition of agricultural production. Studies of their diversity can be applied with the purpose of using them as bioindicators of environmental changes and the productive impacts. However, these organisms have been neglected in the agroecosystems, only assuming status of pathogen when their population is very high, with considerable losses in productivity. It is estimated that approximately 10% of the nematodes cause damage to plants, 25% are nematodes grouped into trophic levels of fungivores or fungal feeders, bacterivorous, and omnivores, according to the type of their food. In many cases it is not known the ratio of population level of the nematode with the level of damage in plants. For this reason, the use of pesticides and fertilizers is still part of the most common practices by farmers, causing loss of soil organic matter, soil erosion and groundwater contamination, in addition to an imbalance in the microbiote. The objective of this work was to make a brief review about the diversity of nematodes in the soil in the agroecosystems that can be used in studies of sustainability, as soil quality bioindicators. Several species of nematodes have the potential to be used as biological indicators of soil quality. In this sense, the knowledge and use of bioindicators by rural producers are important, in order to encourage practices of sustainable management systems that do not cause the soil biodiversity imbalance.(AU)


Nematoides podem ser associados com a condição ecológica do solo, relacionando-se assim à condição de sustentabilidade da produção agrícola. Estudos da sua diversidade podem ser aplicados com a finalidade de utilizá-los como bioindicadores de alterações ambientais e dos impactos produtivos, contudo esses organismos têm sido negligenciados nos agroecossistemas, somente assumindo status de patógeno quando sua população se encontra muito elevada, com acentuadas perdas em produtividade. Estima-se que aproximadamente 10% dos nematoides causam danos às plantas, 25% são nematoides agrupados nos níveis tróficos de fungívoros ou micófagos, bacterívoros e onívoros, de acordo com o tipo de sua alimentação. Em diversos casos não se conhece a relação do nível populacional do nematoide com o nível de dano nas plantas. Por esse motivo, o uso de pesticidas e fertilizantes é ainda uma prática comum por parte dos agricultores, ocasionando perda de matéria orgânica do solo, erosão e contaminação das águas subterrâneas, além de desequilíbrio na microbiota. O trabalho teve como objetivo fazer uma breve revisão sobre a diversidade de nematoides no solo em agroecossistemas que podem ser utilizados em estudos de sustentabilidade, como bioindicadores da qualidade do solo. Diversas espécies de nematoides apresentam potencial para serem utilizadas como indicadores biológicos da qualidade do solo. Nesse sentido, o conhecimento e o uso de bioindicadores pelos produtores rurais são importantes, no sentido de incentivar práticas de manejos sustentáveis que não ocasionem o desequilíbrio da biodiversidade do solo.(AU)


Assuntos
Condições do Solo , Biomarcadores Ambientais , Produção Agrícola , Nematoides , Biodiversidade
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA