Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 20
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Base de dados
Intervalo de ano de publicação
1.
Diagn. tratamento ; 23(3): [85-89], jul.-set. 2018.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-969279

RESUMO

Contexto: Leucemia cutânea é uma doença rara que se caracteriza pelo acometimento da pele por células leucêmicas. As lesões dermatológicas podem preceder as alterações hematológicas, serem concomitantes a ela ou coincidirem com a piora da neoplasia. O exame dermatológico constitui parte essencial na avaliação de pacientes portadores ou com suspeita de neoplasia hematológica. Descrição do caso: Homem branco, de 65 anos, referia mialgia, emagrecimento e adenomegalia palpável, sendo diagnosticado, por meio de exames complementares, como portador de leucemia mieloide aguda. Após suspensão de quimioterapia devido a efeitos adversos, surgiram lesões eritematosas-violáceas, infiltradas, na região anterior do tórax, membros inferiores e superiores. O resultado do exame histopatológico e imunoistoquímico das lesões de pele foi compatível com infiltração cutânea por leucemia mieloide aguda. Discussão: O envolvimento extramedular da leucemia pode acometer a pele, estruturas subperiostais do crânio, gengiva e outras estruturas moles. Estima-se que apenas 2% a 10% dos pacientes com leucemia apresentem infiltração cutânea, sendo mais comum dentre os pacientes com leucemia mieloide. Na maioria dos casos, é impossível deduzir, a partir das manifestações cutâneas, o tipo de leucemia subjacente. Conclusão: Devido à variabilidade clínica, o diagnóstico de leucemia cutânea é um desafio, sendo necessária, muitas vezes, a abordagem multidisciplinar. O exame histopatológico e colorações imunoistoquímicas específicas para identificar a origem da neoplasia são fundamentais, uma vez que o acometimento cutâneo secundário é indicador de pior prognóstico.


Assuntos
Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Pele , Dermatopatias , Neoplasias Cutâneas , Leucemia Mieloide Aguda , Infiltração Leucêmica
2.
An. bras. dermatol ; 93(2): 216-221, Mar.-Apr. 2018. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-887171

RESUMO

Abstract: Background: Myeloid leukemia cutis is the terminology used for cutaneous manifestations of myeloid leukemia. Objective: The purpose of this study was to study the clinical, histopathological and immunohistochemical features of myeloid leukemia cutis. Methods: This was a retrospective study of clinical and pathological features of 10 patients with myeloid leukemia cutis. Results: One patient developed skin lesions before the onset of leukemia, seven patients developed skin infiltration within 4-72 months after the onset of leukemia, and two patients developed skin lesions and systemic leukemia simultaneously. Of these patients, five presented with generalized papules or nodules, and five with localized masses. The biopsy of skin lesions showed a large number of tumor cells within the dermis and subcutaneous fat layer. Immunohistochemical analysis showed strong reactivity to myeloperoxidase (MPO), CD15, CD43 and CD45 (LCA) in most cases. NPM1 (nucleophosmin I) and FLT3-ITD (Fms-like tyrosine kinase 3-internal tandem duplication) mutations were identified in one case. Five patients with acute myelogenous leukemia and one patient with chronic myelomonocytic leukemia died within two months to one year after the onset of skin lesions. Study limitations: This was a retrospective and small sample study. Conclusions: In patients with myelogenous leukemia, skin infiltration usually occurs after, but occasionally before, the appearance of hemogram and myelogram abnormalities, and the presence of skin infiltration is often associated with a poor prognosis and short survival time. myeloid leukemia cutis often presents as generalized or localized nodules or masses with characteristic pathological and histochemical findings.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Pele/patologia , Leucemia Mieloide/patologia , Infiltração Leucêmica/patologia , Prognóstico , Fatores de Tempo , Biópsia , Imuno-Histoquímica , Fatores Sexuais , Estudos Retrospectivos , Fatores Etários
4.
An. bras. dermatol ; 91(5,supl.1): 72-75, Sept.-Oct. 2016. graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-837930

RESUMO

Abstract Wolf's isotopic response designates the appearance of two subsequent unrelated dermatoses in the same anatomic location. We report the case of a 51-year-old man with a medical history of chronic lymphocytic leukemia without known extra-hematopoietic involvement. The patient developed a disseminated papulo-vesiculous eruption, diagnosed as varicella. Few days after recovering, an erythematous and violaceous papular dermatosis with histopathological examination compatible with leukemic infiltration appeared on the scars of previous herpetic lesions. Complete remission was obtained under systemic corticotherapy, without cutaneous recurrence or blastic transformation. Wolf's isotopic response is attributed to a localized immunologic imbalance following a certain stimulus. In this patient, herpetic infection acted as a local spur for inaugural cutaneous leukemic infiltration, with no impact on the prognosis for the underlying disease.


Assuntos
Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Pele/patologia , Leucemia Linfocítica Crônica de Células B/patologia , Varicela/patologia , Dermatopatias Virais/patologia , Infiltração Leucêmica/patologia , Imuno-Histoquímica , Leucemia Linfocítica Crônica de Células B/tratamento farmacológico , Varicela/tratamento farmacológico , Resultado do Tratamento , Dermatopatias Virais/tratamento farmacológico , Infiltração Leucêmica/tratamento farmacológico , Derme/patologia , Herpes Zoster/patologia
6.
J. pediatr. (Rio J.) ; 89(1): 64-69, jan.-fev. 2013. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-668827

RESUMO

OBJETIVO: Analisar pacientes com menos de dois anos de idade com leucemia linfoblástica aguda atendidos no período de 1990 a 2010, em um centro de referência estadual. MÉTODOS: Estudo clínico, epidemiológico, transversal, descritivo e observacional. Pacientes incluídos tinham menos de dois anos de idade, com leucemia linfoblástica aguda, tratados no período de 1990 a 2010 na unidade de oncologia pediátrica de um centro de referência estadual, totalizando 41 casos. RESULTADOS: Todos os pacientes eram Caucasianos e 60,9% eram do sexo feminino. Com relação à idade, 24,38% tinham menos de seis meses, 17,07% tinham entre seis meses e um ano e 58,53% mais do que um ano de idade. A idade de seis meses foi estatisticamente significante para o desfecho de óbito. Os sinais e sintomas predominantes foram febre, hematomas e petéquias. Uma contagem de leucócitos superior a 100.000 foi observada em 34,14% dos casos; hemoglobina inferior a 11 em 95,13% e contagem de plaquetas inferior a 100.000, em 75,61% dos casos. Infiltração do sistema nervoso central estava presente em 12,91% dos pacientes. Em relação à linhagem, a linhagem B predominou (73%), mas a linhagem de células T foi estatisticamente significativa para o óbito. Trinta e nove por cento dos pacientes tiveram recorrência da doença. Em relação ao estado vital, 70,73% dos pacientes morreram, sendo choque séptico a principal causa. CONCLUSÕES: leucemia linfoblástica aguda em crianças tem uma alta taxa de mortalidade, principalmente em crianças menores de um ano e linhagem derivada de células T.


OBJECTIVE: To analyze patients younger than 2 years with acute lymphoblastic leukemia, treated in the period between 1990 and 2010 in a state reference center. METHODS: This was a clinical-epidemiological, cross-sectional, observational, and descriptive study. It included patients younger than 2 years with acute lymphoblastic leukemia, treated in the period of 1990 to 2010 in a pediatric oncology unit of a state reference center, totaling 41 cases. RESULTS: All patients were white ethnicity, and 60.9% were females. Regarding age, 24.38% were younger than 6 months, 17.07% were between 6 months and 1 year, and 58.53% were older than 1 year. The age of 6 months was statistically significant for the outcome of death. Predominant signs and symptoms were fever, bruising, and petechiae. A leukocyte count > 100,000 was found in 34.14% of cases, hemoglobin count < 11 in 95.13%, and platelet count < 100,000 in 75.61. Infiltration of central nervous system was present in 12.91% of patients. According to the lineage, B-cell lineage predominated (73%), but the T-cell line was statistically significant for death. 39% of patients had disease recurrence. In relation to vital status, 70.73% of the patients died; septic shock was the main cause. CONCLUSIONS: Acute lymphoblastic leukemia in infants has a high mortality rate, especially in children under 1 year and those with T-cell derived lineage.


Assuntos
Feminino , Humanos , Lactente , Masculino , Leucemia-Linfoma Linfoblástico de Células Precursoras/epidemiologia , Distribuição por Idade , Idade de Início , Brasil/epidemiologia , Estudos Transversais , Sistema Nervoso Central/patologia , Seguimentos , Infiltração Leucêmica , Contagem de Leucócitos , Contagem de Plaquetas , Leucemia-Linfoma Linfoblástico de Células Precursoras/mortalidade , Leucemia-Linfoma Linfoblástico de Células Precursoras/patologia , Fatores Sexuais , Choque Séptico/mortalidade
7.
Arch. argent. dermatol ; 63(1): 13-16, ene-feb.2013. ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-766768

RESUMO

Se define como leucemia cutis (LC) a la infiltración de células leucémicas a nivel de la piel. Generalmente ocurre durante el curso de una leucemia ya diagnosticada y sugiere una recaída o resistencia al tratamiento. Sin embargo, la piel puede ser la primera manifestación de la neoplasia o presentarse sólo el compromiso cutáneo sin manifestación en sangre o médula ósea,denominándose a este cuadro leucemia cutis aleucémica (LCA).Presentamos un paciente de sexo masculino de 66 años, con diagnóstico de leucemia cutis aleucémica, el cual recibe tratamientocon citarabina, corticoides, y radioterapia superficial, presentando una sobrevida superior a tres años con dicha patología.


Assuntos
Humanos , Infiltração Leucêmica , Linfoma , Sarcoma Mieloide
8.
Braz. dent. j ; 23(6): 711-715, 2012. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-662432

RESUMO

Despite high cure rates, approximately 20% of patients with acute lymphoblastic leukemia (ALL) have disease relapse. Isolated recurrence in oral cavity is extremely unusual. The aim of this paper is to report a case of an isolated relapse occurred in a child with T-lineage ALL. Clinical picture included swelling and pain in the right upper gingiva of the oral cavity, with no other clinical or hematological alterations. Diagnosis was confirmed by biopsy and immunohistochemical staining. Bone marrow aspiration was normal. Five months later leukemic infiltration of the bone marrow was detected and systemic chemotherapy was reintroduced. This case report highlights the relevance of dental care during and after chemotherapy, not only to treat lesions in the oral cavity resulting from the disease itself or from treatment side effects, but also to detect unusual sites of ALL relapse.


Apesar dos altos índices de cura, cerca de 20% dos pacientes com leucemia linfóide aguda (LLA) apresentam recidiva da doença. Recidiva isolada na cavidade oral é extremamente incomum. O objetivo deste trabalho é relatar um caso de recidiva isolada em criança com LLA de linhagem T. A apresentação clínica foi quadro de edema e dor na cavidade oral, na região superior da gengiva à direita, sem outras alterações clínicas ou hematológicas. O diagnóstico foi confirmado por meio de biópsia e imuno-histoquímica. O mielograma era normal. Cinco meses após a manifestação inicial na cavidade oral, foi detectada infiltração leucêmica na medula óssea. O tratamento com quimioterapia sistêmica foi reintroduzido. Este relato de caso ressalta a importância do acompanhamento clínico e odontológico durante e após o tratamento quimioterápico, não somente com o objetivo de tratar as alterações na cavidade oral decorrentes da própria doença ou dos efeitos adversos do tratamento, mas para que sejam detectadas apresentações incomuns de recidiva na LLA.


Assuntos
Pré-Escolar , Humanos , Masculino , Neoplasias Gengivais/diagnóstico , Recidiva Local de Neoplasia/diagnóstico , Leucemia-Linfoma Linfoblástico de Células Precursoras/diagnóstico , Antineoplásicos/uso terapêutico , Biópsia , Exame de Medula Óssea , Assistência Odontológica para Doentes Crônicos , Diagnóstico Diferencial , Seguimentos , Neoplasias Gengivais/patologia , Imuno-Histoquímica , Infiltração Leucêmica , Leucemia de Células T/diagnóstico , Leucemia de Células T/patologia , Recidiva Local de Neoplasia/patologia , Leucemia-Linfoma Linfoblástico de Células Precursoras/patologia , Indução de Remissão
9.
Dermatol. argent ; 17(2): 123-127, mar.-abr.2011. ilus, tab
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-723438

RESUMO

La leucemia cutis se define como la infiltración de células leucémicas a nivel de la piel. Constituye un signo de enfermedad diseminada y en ocasiones es un marcador de recidiva. Su presentación clínica es variable y comprende desde pequeñas pápulas hasta grandes nódulos o tumores. Por lo general las lesiones aparecen en forma posterior al compromiso de sangre periférica. La leucemia cutis se observa con mayor frecuencia en las leucemias monocíticas o mielomonocíticas, y su presencia implica un signo de mal pronóstico. Se presentan tres casos de pacientes con diagnóstico de leucemia mieloide aguda, síndrome mielodisplásico y leucemia mieloide crónica, que presentaron leucemias cutáneas diagnosticadas por histolopatología e inmunohistoquímica.


Assuntos
Humanos , Masculino , Adulto , Idoso , Leucemia/patologia , Pele/patologia , Infiltração Leucêmica , Leucemia Mielogênica Crônica BCR-ABL Positiva/complicações , Leucemia Mieloide Aguda/complicações , Prognóstico
11.
Rev. bras. hematol. hemoter ; 31(3): 207-210, 2009. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-523138

RESUMO

Sarcoma granulocítico (SG) é um tumor sólido extramedular, constituído por células precursoras de granulócitos. É geralmente associado a leucemia mieloide aguda ou raramente a outras desordens mieloproliferativas. O tumor geralmente ocorre precedendo uma leucemia mieloide aguda, durante o seu curso ou após a remissão ter sido alcançada. O prognóstico é pobre e tem como principais modalidades terapêuticas a quimioterapia e a radioterapia. Relata- se um caso de SG multicêntrico, de evolução rápida, com acometimento difuso de pele, mamas, gânglios linfáticos, tecido celular subcutâneo e líquor, em mulher de 45 anos, fora de tratamento para leucemia mieloide aguda e em remissão hematológica há 18 meses. A paciente apresentava dor intensa em membro inferior direito há uma semana e estava em anticoagulação oral há seis meses por trombose venosa profunda neste membro. Diagnosticado o SG, a paciente foi tratada com radioterapia e quimioterapia com boa resposta. Após três meses de seguimento, em vigência do tratamento quimioterápico, evoluiu com recidiva do SG neste membro, associado ao acometimento das mamas e posteriormente do sistema nervoso central, evoluindo para óbito em aplasia e sepses.


Granulocytic sarcoma is an extramedullary solid tumor consisting of immature granulocytic cells. It is often associated with acute myelogenous leukemia and more rarely with other myeloproliferative disorders. The tumor generally occurs before acute myeloid leukemia, during its course or after disease remission. It has a poor prognosis with the main therapeutic options being chemotherapy and radiotherapy. A multicentric accelerated case of granulocytic sarcoma of a 45- year- old woman with diffuse skin, breast, lymphatic ganglia and subcutaneous tissue presentations no longer undergoing treatment for acute myeloid leukemia and in hematologic remission for 18 months is reported. The patient presented with severe pain of right lower limb for a week and was undergoing oral anticoagulation for 6 months due to deep venous thrombosis. After diagnosis of granulocytic sarcoma she received radiotherapy and chemotherapy with good response. After a 3- month follow- up, under chemotherapy, she presented relapse of granulocytic sarcoma in the limb followed by breast and central nervous system presentations leading to death in aplasia and sepsis.


Assuntos
Humanos , Feminino , Pessoa de Meia-Idade , Leucemia Mieloide Aguda , Infiltração Leucêmica , Sarcoma Mieloide , Compressão da Medula Espinal
12.
Rev. neurocir ; 9(1): 11-15, ene.-mar. 2007. ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-476834

RESUMO

Objetivo: reportar un caso de un paciente varón de dicinueve alos con leucemia mieloide aguda y signos de compresión aguda de la médula espinal, que resultó estar relacionada con unainfiltración de células mieloides primitivas de la serie granulocítica (cloroma). Las imágenes de RM en la admisión demostraron una masa extradural elongada, que fue primeramente diagnosticada como un hematoma extradural, en el contexto de un paciente con un bajo recuento de plaquetas. Descripción: la compresión medular debida a tejido hematopoyetico extramedular es una complicación bien conocida de varias enfermedades hematológicas, pero los desórdenes mieloproliferativos crónicos que causan compresión medular son infrecuentes, especialmente si se asocian a paraplejía aguda. El sarcoma granulocítico (Cloroma) es una masa localizada de células mieloides primitivas de la serie granulocítica que infiltra sitios extramedulares. Este tumor fue llamado cloroma por su coloración verdosa (del griego, chloros, verde). Aunque se ha reportado afección de todos los sistemas orgánicos, el sitio más común de infiltración es la médula ósea, y el reconocimiento temprano de la etiología de la paraplejía y del compromiso sistémico leuémico resulta en una excelente evolución neurológica y hematológica. Intervención: el paciente recición dexametasona y fue sometido a descompresión con laminectomía D6-D7, con resección subtotal del tumor, lo que arrojó buenos resultados. Luego fue sometido a radioterapia y quimioterapia.Conclusión: a pesar de que el sarcoma granulocítico espinal es poco frecuente, resulta una causa significativa de morbilidad en paciente con leucemia. Un mejor conocimiento de esta entidad puede minimizar injurias nuerológicas prevenibles.


Assuntos
Masculino , Humanos , Leucemia , Compressão da Medula Espinal , Leucemia Mieloide Aguda , Infiltração Leucêmica
13.
Rev. Fac. Cienc. Méd. (Córdoba) ; 64(1): 42-44, 2007. ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-485162

RESUMO

Presentamos un paciente varón de 71 años con lesión tumoral en piel y antecedente de LLC. Los estudios histopatológicos y de inmunohistoquímica confirman el diagnóstico de Leucemia Cutis. Se realiza tratamiento con Clorambucilo y corticoides vía oral, remitiendo su enfermedad hematológica y cutánea. Actualmente luego de ocho meses del diagnóstico de LC, el paciente se encuentra libre de enfermedad.


We present a 71 year old male patient with previous records of Chronic Lymphocytic Leukaemia who presented with a tumoral skin lesion. Histological and immunohistochemical studies confirmed the Leukaemia Cutis diagnosis. The patient underwent treatment with clorambucile and systemic steroids with remision of both haemathological and skin manifestation. The patient is still under close clinical follow up and remission continues eight months so far.


Assuntos
Humanos , Masculino , Idoso , Leucemia Linfocítica Crônica de Células B/patologia , Infiltração Leucêmica/patologia , Pele/patologia , Antineoplásicos Alquilantes/uso terapêutico , Biópsia , Clorambucila/uso terapêutico , Imuno-Histoquímica , Leucemia Linfocítica Crônica de Células B/tratamento farmacológico , Infiltração Leucêmica/tratamento farmacológico
16.
Gac. méd. Méx ; 134(6): 747-8, nov.-dic. 1998. ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-234113

RESUMO

Paciente femenino de 20 años de edad con Leucemia Aguda Linfoblástica (L2) en remisión. Ingresó con cuadro de tos, disnea y dolor pleural. En la placa simple de tórax se observó imagen nodular apical izquierda, sin derrame pleural ni infiltración intersticial, el mediastino normal (Figura 1). En la tomografía axial computada se corroboró la presencia de la imagen nodular, no se observó infiltración al parénquima, derrame pleural o adenomegalia mediastinal (Figura 2). Sin evidencia de actividad leucémica en sangre periférica y/o médula ósea. La biopsia de la lesión reportó infiltrado leucémico. La afección pleuropulmonar en leucemia aguda linfoblástica se asocia con actividad de la enfermedad y se observa de 5 al 50 por ciento de los casos. Se presenta en forma de infiltrado intersticial difuso afección pleural con derrame y/o adenomegalia mediastinal. La infiltración nodular pleuropulmonar sin la presencia de actividad en sangre periférica y/o médula ósea no se ha descrito en nuestro medio. Puede ser asintomática o estar relacionada con tos, dolor pleural y disnea. El diagnóstico diferencial se realiza con: infección infarto o hemorragia pulmonar. El tratamiento es con quimioterapia y/o radioterapia


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Diagnóstico por Imagem , Infiltração Leucêmica/diagnóstico , Infiltração Leucêmica , Leucemia-Linfoma Linfoblástico de Células Precursoras/diagnóstico , Leucemia-Linfoma Linfoblástico de Células Precursoras , Pulmão/fisiopatologia , Pulmão , Tomografia por Raios X
17.
Rev. mex. oftalmol ; 72(4): 175-8, jul.-ago. 1998. ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-252189

RESUMO

Se presentan dos casos clínicos de leucemia linfoblástica aguda que se encontraban en remisión y su recaída se presentó en el ojo a través de una infiltración leucémica del iris que se manifestó como una uveítis anterior que evolucionó en uno de los casos a glaucoma. Ambos se trataron satisfactoriamente con radioterapia local


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Manifestações Oculares , Infiltração Leucêmica/diagnóstico , Doenças da Íris/etiologia , Leucemia-Linfoma Linfoblástico de Células Precursoras/complicações , Recidiva
18.
J. bras. med ; 73(4): 82-87, out. 1997. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-558400

RESUMO

A pele pode mostrar vários sinais de doenças internas. Nas leucemias, lesões cutâneas podem estar associadas à doença sistêmica. Relatamos um caso de leucemia monocítica aguda com leukemia cutis.


The skin can show signs of internal disease. In leukemia, cutaneous lesions can be associated with systemic disease. We report a case of acute monocytic leukemia with leukemia cutis.


Assuntos
Humanos , Leucemia Monocítica Aguda/fisiopatologia , Leucemia/patologia , Infiltração Leucêmica
19.
Bol. Soc. Bras. Hematol. Hemoter ; 18(173): 83-7, set.-dez. 1996. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-186248

RESUMO

A freqüência de células blásticas no líquor, ao diagnóstico das leucemias agudas, é de 10 a 15 por cento. A leucemia do sistema nervoso central propcia a recaída medular, tornando-se um fator de mau prognóstico. A sua identificaçao é feita, rotineiramente, através do exame citomorfológico - por vezes, nao satisfatório. A determinaçao da ferritina em amostras de líquor pode servir como marcador para a leucemia do sistema nervoso central. Níveis de ferritina acima de 5ng/ml no líquor mostraram associaçao com a infiltraçao leucêmica e com a possibilidade de progressao da leucemia medular ou nao, mesmo na ausência de blastos na amostra. O Serviço de Hematologia do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, no período de março/90 a dezembro/94, estudou 106 pacientes: em 94/106 (88 por cento), o diagnóstico foi leucemia linfoblástica; e em 12/106 (12 por cento), leucemia mieloblástica. O exame citomorfológico do líquor, no momento do diagnóstico, foi positivo para blastos em 17/106 (16 por cento), dos quais 15/17 eram portadores de leucemia linfoblástica e 2/17 de leucemia mieloblástica. A dosegem da ferritina liquórica foi acima de 5 ng/ml em 31/106 (29 por cento) dos pacientes, onde 11/31 apresentaram presença de blastos no exame citológico, enquanto 20/31 tinham líquor negativo. Em 7/20 pacientes com líquor negativo para blastos, mas com a ferritina liquórica elevada, houve recaída precoce da leucemia. A ferritina liquórica parece ser um indicador da leucemia, tanto do sistema nervoso central, quanto da hematológica: níveis elevados, além de 5 ng/ml, sao um sinal de alerta para a evoluçao da leucemia, com recidiva entre os primeiros 12 e 18 meses de diagnóstico. A alteraçao na dosagem de ferritina do líquor sugere que o especialista realize punçoes lombares freqüentes, com o intuito de detectar o mais precocemente possível o acometimento leucêmico do sistema nervoso central ou de considerar a possibilidade de intensificaçao das profilaxias com esquemas quimioterápicos e/ou radioterápicos adequados.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Lactente , Pré-Escolar , Criança , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Sistema Nervoso Central/patologia , Ferritinas/líquido cefalorraquidiano , Leucemia Linfoide/patologia , Leucemia Mieloide Aguda/patologia , Infiltração Leucêmica , Doença Aguda , Biomarcadores Tumorais , Recidiva Local de Neoplasia
20.
Mem. Inst. Oswaldo Cruz ; 89(1): 59-61, jan.-mar. 1994. ilus
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-155809

RESUMO

A case of a 20-years-old black man from Salvador, Bahia with HTLV-I associated T cell lymphoma is presented. In spite of the absence of splenomegaly and leukemia, the patient had a marked cephalic tumoral infiltrationassociated with axillary tumors in a pattern not yet described in adult T cell lymphoma. Peripheral blood involvement was observed later on in the course of thedisease. The patient underwent chemotherapy but died seven monts after diagnosis


Assuntos
Humanos , Masculino , Adulto , Infiltração Leucêmica/patologia , Leucemia-Linfoma de Células T do Adulto/patologia , Pele/patologia , Protocolos de Quimioterapia Combinada Antineoplásica/uso terapêutico , Bleomicina/administração & dosagem , Ciclofosfamida/administração & dosagem , Doxorrubicina/administração & dosagem , Face/patologia , Infiltração Leucêmica/tratamento farmacológico , Leucemia-Linfoma de Células T do Adulto/imunologia , Leucemia-Linfoma de Células T do Adulto/tratamento farmacológico , Prednisona/administração & dosagem , Vincristina/administração & dosagem
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA