Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 28
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Base de dados
Intervalo de ano de publicação
1.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-776786

RESUMO

Los modelos físicos de la cosmología y del universo subatómico actualmente en boga, desafían no sólo a nuestro sentido común, sino que deforma nuestro marco de compresión lógica.


Assuntos
Física , Prótons , Material Particulado , Ciência
3.
Clinics ; 67(4): 363-373, 2012. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-623116

RESUMO

OBJECTIVES: Immunoglobulin A nephropathy is the most common cause of chronic renal failure among primary glomerulonephritis patients. The ability to diagnose immunoglobulin A nephropathy remains poor. However, renal biopsy is an inconvenient, invasive, and painful examination, and no reliable biomarkers have been developed for use in routine patient evaluations. The aims of the present study were to identify immunoglobulin A nephropathy patients, to identify useful biomarkers of immunoglobulin A nephropathy and to establish a human immunoglobulin A nephropathy metabolic profile. METHODS: Serum samples were collected from immunoglobulin A nephropathy patients who were not using immunosuppressants. A pilot study was undertaken to determine disease-specific metabolite biomarker profiles in three groups: healthy controls (N = 23), low-risk patients in whom immunoglobulin A nephropathy was confirmed as grades I-II by renal biopsy (N = 23), and high-risk patients with nephropathies of grades IV-V (N = 12). Serum samples were analyzed using proton nuclear magnetic resonance spectroscopy and by applying multivariate pattern recognition analysis for disease classification. RESULTS: Compared with the healthy controls, both the low-risk and high-risk patients had higher levels of phenylalanine, myo-Inositol, lactate, L6 lipids ( = CH-CH2-CH = O), L5 lipids (-CH2-C = O), and L3 lipids (-CH2-CH2-C = O) as well as lower levels of β -glucose, α-glucose, valine, tyrosine, phosphocholine, lysine, isoleucine, glycerolphosphocholine, glycine, glutamine, glutamate, alanine, acetate, 3-hydroxybutyrate, and 1-methylhistidine. CONCLUSIONS: These metabolites investigated in this study may serve as potential biomarkers of immunoglobulin A nephropathy. Point scoring of pattern recognition analysis was able to distinguish immunoglobulin A nephropathy patients from healthy controls. However, there were no obvious differences between the low-risk and high-risk groups in our research. These results offer new, sensitive and specific, noninvasive approaches that may be of great benefit to immunoglobulin A nephropathy patients by enabling earlier diagnosis.


Assuntos
Adolescente , Adulto , Feminino , Humanos , Adulto Jovem , Glomerulonefrite por IGA/diagnóstico , Espectroscopia de Ressonância Magnética/métodos , Metabolômica/métodos , Biópsia , Biomarcadores/análise , Estudos de Casos e Controles , Análise Discriminante , Glomerulonefrite por IGA/metabolismo , Glomerulonefrite por IGA/patologia , Rim/patologia , Análise dos Mínimos Quadrados , Prótons , Sensibilidade e Especificidade
4.
Radiol. bras ; 43(4): 249-254, jul.-ago. 2010. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-557978

RESUMO

OBJETIVO: Propõe-se avaliar os perfis de dose em profundidade e as distribuições espaciais de dose para protocolos de radioterapia ocular por prótons, a partir de simulações computacionais em código nuclear e modelo de olho discretizado em voxels. MATERIAIS E MÉTODOS: As ferramentas computacionais empregadas foram o código Geant4 (GEometry ANd Tracking) Toolkit e o SISCODES (Sistema Computacional para Dosimetria em Radioterapia). O Geant4 é um pacote de software livre, utilizado para simular a passagem de partículas nucleares com carga elétrica através da matéria, pelo método de Monte Carlo. Foram executadas simulações computacionais reprodutivas de radioterapia por próton baseada em instalações pré-existentes. RESULTADOS: Os dados das simulações foram integrados ao modelo de olho através do código SISCODES, para geração das distribuições espaciais de doses. Perfis de dose em profundidade reproduzindo o pico de Bragg puro e modulado são apresentados. Importantes aspectos do planejamento radioterápico com prótons são abordados, como material absorvedor, modulação, dimensões do colimador, energia incidente do próton e produção de isodoses. CONCLUSÃO: Conclui-se que a terapia por prótons, quando adequadamente modulada e direcionada, pode reproduzir condições ideais de deposição de dose em neoplasias oculares.


OBJECTIVE: The present study proposes the evaluation of the depth-dose profiles and the spatial distribution of radiation dose for ocular proton beam radiotherapy protocols, based on computer simulations in nuclear codes and an eye model discretized into voxels. MATERIALS AND METHODS: The employed computational tools were Geant4 (GEometry ANd Tracking) Toolkit and SISCODES (Sistema Computacional para Dosimetria em Radioterapia - Computer System for Dosimetry in Radiotherapy). Geant4 is a toolkit for simulating the passage of particles through the matter, based on Monte Carlo method. Computer simulations of proton therapy were performed based on preexisting facilities. RESULTS: Simulation data were integrated into SISCODES on the eye's model generating spatial dose distributions. Dose depth profiles reproducing the pure and modulated Bragg peaks are presented. Relevant aspects of proton beam radiotherapy planning are considered such as material absorber, modulation, collimator dimensions, incident proton energy and isodose generation. CONCLUSION: The conclusion is that proton therapy when properly modulated and directed can reproduce the ideal conditions for the dose deposition in the treatment of ocular tumors.


Assuntos
Humanos , Neoplasias , Prótons , Planejamento da Radioterapia Assistida por Computador , Radioterapia Assistida por Computador/instrumentação , Terapêutica , Teleterapia por Radioisótopo , Simulação
5.
Rev. colomb. neumol ; 22(1): 17-21, mar. 2010. tab, graf
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-652733

RESUMO

El ión hidrógeno tiene la propiedad de interactuar de manera rápida con diferentes moléculas en el organismo, así como enzimas, receptores y la participación en reacciones bioquímicas y es el mismo organismo el encargado de regular su concentración en los diferentes compartimentos del cuerpo. Y es donde los trabajos desarrollados por Stewart han demostrado que la homeostasis del ión hidrógeno en los trastornos acido base no depende de si mismo y/o del intercambio con bicarbonato para tamponar el déficit o el exceso, sino que lo convierte en una variable dependiente de otros factores para su regulación en cada uno de los compartimentos, dándole importante validez a la presencia de acidos débiles, manteniendo la influencia del CO2 y resaltando la capacidad de los iones fuertes como principales determinantes en la concentración de H+ y de esta manera explica la causa en las variaciones del pH en el ser humano.


Assuntos
Bicarbonatos , Dióxido de Carbono , Homeostase , Prótons
6.
Arq. neuropsiquiatr ; 67(1): 55-57, Mar. 2009. ilus
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-509108

RESUMO

In two children with near drowning hypoxic encephalopathy and normal-appearing structural MRI, acute proton magnetic resonance spectroscopy (¹H MRS) showed biochemical alterations that correctly indicated prognosis and helped to guide management decisions. Elevation of the lipid-lactate and glutamine-glutamate peaks, on the early (72 hour) ¹H MRS, predicts a poor prognosis. Absence of lipid-lactate and glutamine-glutamate peaks on the early ¹H MRS and reversibility of early mild metabolite abnormalities on follow up examination relates with good outcome.


Em duas criancas vítimas de quase-afogamento com encefalopatia hipóxico-isquêmica, que apresentaram ressonância magnética por imagem normal, a espectroscopia de prótons por ressonância magnética (¹H MRS) na fase aguda mostrou alterações bioquímicas que corretamente indicaram o prognóstico e ajudaram a guiar o manejo terapêutico. Elevação dos picos de lipídeo-lactato e glutamina-glutamato na ¹H MRS precoce realizada com 72 horas previu um mau prognóstico. Relacionaram-se com bom prognóstico; a ausência dos picos de lipídeo-lactato e glutamina-glutamato na ¹H MRS precoce, e a reversibilidade no exame de controle (3 meses) das discretas anormalidades metabólicas encontradas no primeiro exame.


Assuntos
Criança , Pré-Escolar , Feminino , Humanos , Masculino , Ácido Glutâmico/metabolismo , Glutamina/metabolismo , Hipóxia-Isquemia Encefálica/metabolismo , Ácido Láctico/metabolismo , Espectroscopia de Ressonância Magnética/métodos , Afogamento Iminente/metabolismo , Hipóxia-Isquemia Encefálica/diagnóstico , Metabolismo dos Lipídeos , Afogamento Iminente/diagnóstico , Prognóstico , Prótons
7.
Rev. cient. (Guatem.) ; 5(1): 1-7, 2009. tab
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-655696

RESUMO

La resonancia Magnética Nuclear es actualmente la técnica de rutina para determinar la estructura de moléculas orgánicas. Esta determinación no solo incluye la conectividad de los átomos en la molécula, sino también la configuración relativa de los centros quirales que esta posea (Jacobsen, N. 2007). Los glicósidos son metabolitos secundarios ampliamente distribuidos en la naturaleza reportándose su existencia tanto en el mundo terrestre como marino (Cutler, S, Cutler, H. 2002; Blunt, J et al 2009). Se les asigna una gran variedad de actividades biológicas, que van desde antimicrobianos, cardiotónicos, antitumorales, hasta anti-inflamatorios, siendo esta ültima la más reportada recientemente (Cutler, S; Cutler, H 2002). Los extractos polares son ricos en glicósidos que poseen entre 2 y 6 unidades (en algunos casos más) de monosacáridos...


Assuntos
Carboidratos , Glicosídeos , Espectroscopia de Ressonância Magnética , Prótons
8.
Braz. j. med. biol. res ; 41(12): 1132-1141, Dec. 2008. ilus, tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-502161

RESUMO

The aim of the present study was to determine whether specific subgroups of schizophrenic patients, grouped according to electrodermal characteristics, show differences in the N-acetylaspartate/creatine plus choline (NAA / (Cr + Cho)) ratios in the frontal, cingulate and perirolandic cortices. Skin conductance levels (SCL) and skin conductance responses to auditory stimulation were measured in 38 patients with schizophrenia and in the same number of matched healthy volunteers (control). All subjects were submitted to multivoxel proton magnetic resonance spectroscopic imaging. When compared to the control group, patients presented significantly lower NAA / (Cr + Cho) ratios in the right dorsolateral prefrontal cortex (schizophrenia = 0.95 ± 0.03; control = 1.12 ± 0.04) and in the right (schizophrenia = 0.88 ± 0.02; control = 0.94 ± 0.03) and left (schizophrenia = 0.84 ± 0.03; control = 0.94 ± 0.03) cingulates. These ratios did not differ between electrodermally responsive and non-responsive patients. When patients were divided into two groups: lower SCL (less than the mean SCL of the control group minus two standard deviations) and normal SCL (similar to the control group), the subgroup with a lower level of SCL showed a lower NAA / (Cr + Cho) ratio in the left cingulate (0.78 ± 0.05) than the controls (0.95 ± 0.02, P < 0.05) and the subgroup with normal SCL (0.88 ± 0.03, P < 0.05). There was a negative correlation between the NAA / (Cr + Cho) ratio in the left cingulate of patients with schizophrenia and the duration of the disease and years under medication. These data suggest the existence of a schizophrenic subgroup characterized by low SCL that could be a consequence of the lower neuronal viability observed in the left cingulate of these patients.


Assuntos
Adulto , Feminino , Humanos , Masculino , Ácido Aspártico/análogos & derivados , Córtex Cerebral/química , Colina/análise , Creatina/análise , Resposta Galvânica da Pele/fisiologia , Esquizofrenia/metabolismo , Estimulação Acústica , Ácido Aspártico/análise , Estudos de Casos e Controles , Espectroscopia de Ressonância Magnética/métodos , Prótons , Fatores Socioeconômicos , Esquizofrenia/fisiopatologia
9.
Arq. neuropsiquiatr ; 66(2b): 303-307, jun. 2008. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-486213

RESUMO

PURPOSE: To evaluate with 1H-magnetic resonance spectroscopy (MRS) the metabolites rations of the foramen of Monro's region in patients with tuberous sclerosis complex (TSC). METHOD: Twelve patients with TSC and an age and gender-matched control group underwent MR imaging at a 1.5T scanner, and 1H-MRS at the foramen of Monro level with a multivoxel acquisition. Similar volumes of interest were selected in each side of the foramen of Monro and in the basal ganglia (lentiform nuclei). The obtained N-acetylaspartate (NAA), creatine (Cr) and choline (Cho) peak amplitude values and ratios were studied. The statistical analysis was performed and p<0.05 was considered statically significant. RESULTS: There was no significant difference between the NAA/Cr and Cho/Cr ratios near to the foramen of Monro and basal ganglia of the TSC patients compared with the controls (p>0.05). CONCLUSION: The NAA/Cr and Cho/Cr ratios near to the foramen of Monro and basal ganglia of TSC patients are similar to the rations obtained in the control group.


OBJETIVO: Avaliar através de espectroscopia de prótons as relações dos metabólitos da região do forame de Monro em pacientes com complexo esclerose tuberosa (CET). MÉTODO: Doze pacientes com CET e um grupo controle pareado por sexo e idade realizaram RM em aparelho de 1,5T, e a espectroscopia de prótons foi obtida ao nível do forame de Monro com aquisição multi-voxel. Volumes de interesse similares foram posicionados em cada lado do forame de Monro e nos gânglios da base (núcleos lentiformes). Os valores das relações e amplitudes de pico do N-acetilaspartato (NAA), creatina (Cr) e colina (Cho) foram estudados. A análise estatística foi realizada e valores de p<0,05 foram considerados estatisticamente significativos. RESULTADOS: Não houve diferença significativa entre as relações NAA/Cr e Cho/Cr na região do forame de Monro e nos gânglios da base dos pacientes com CeT comparados com os controles (p>0,05). CONCLUSÃO: As relações NAA/Cr e Cho/Cr na região do forame de Monro e nos gânglios da base de pacientes com CET são semelhantes àquelas obtidas no grupo controle.


Assuntos
Criança , Feminino , Humanos , Masculino , Aminoácidos/metabolismo , Neoplasias do Ventrículo Cerebral/metabolismo , Ventrículos Cerebrais/metabolismo , Colina/metabolismo , Espectroscopia de Ressonância Magnética/métodos , Esclerose Tuberosa/metabolismo , Ácido Aspártico/análise , Ácido Aspártico/análogos & derivados , Astrocitoma/diagnóstico , Astrocitoma/metabolismo , Química Encefálica , Gânglios da Base/metabolismo , Estudos de Casos e Controles , Creatina/análise , Detecção Precoce de Câncer , Seguimentos , Estudos Prospectivos , Prótons , Biomarcadores Tumorais/metabolismo
10.
Rev. cient. (Guatem.) ; 4(1): 1-8, 2008. ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-655704

RESUMO

Gorgonios caribeños del género Briareum (Cnidaria, Gorgonaceae), son una fuente importante de metabolitos secundarios bioactivos. Biosintetizan tres tipos básicos de diterpenos; asbestininos, briarellinas y briareinas. Las briarellinas A R y las briarellinas D y K peróxidos, son los únicos metabolitos que poseen el esqueleto de briallerina, que han sido aislados de un organismo marino de la región del Caribe. Estos diterpenos altamente funcionalizandos forman parte de la familia de Cembranoides 2,11 ciclizados, cuyo origen biosintético se propone deriva del esqueleto carbonado del cembrano, vía diversas ciclizaciones oxidativas y transposiciones de metilo. En este trabajo se discuten ampliamente las propiedades de Resonancia Magnetica Nuclear RMN del esqueleto del carbonato de Briarellina y la comparación entre los dos tipos de briallerinas existentes, y de éstas, con el de los asbestininos...


Assuntos
Cnidários , Diterpenos , Imagem por Ressonância Magnética , Espectroscopia de Ressonância Magnética , Prótons
11.
São Paulo; s.n; 2008. xiv,106 p. ilus, tab, graf.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-509851

RESUMO

A influência da obesidade sobre o fígado e a função hepática é tema ainda pouco estudado e discutido, principalmente no Brasil. O crescente aumento da população obesa de maneira global alerta sobre esse grave problema, que hoje em dia, se torna de saúde pública. Amplia-se, cada vez mais, o número de pessoas e a faixa etária atingida. A doença hepática não alcoólica é uma condição clínico-patológica comum caracterizada por depósitos de lipídios em hepatócitos no parênquima hepático. Um espectro de danos ocorrem no parênquima, desde uma simples esteatose macrogoticular podendo evoluir para esteato-hepatite, fibrose e até cirrose. Os casos de esteatose hepática não alcoólica (EHNA) que progridem para cirrose tem sido reconhecidos como a maior causa de morbidade e mortalidade com potencial para progredir para falência hepática. Apesar de haver um aumento na prevalência da doença hepática não alcoólica, os critérios para seu diagnóstico continuam pobremente definidos. A utilização da espectroscopia de prótons na ressonância magnética auxilia na quantificação do conteúdo lipídico hepático e na musculatura da perna (tibial anterior e sóleo), embora venha sendo utilizada apenas em pesquisas. Tivemos como objetivos o estudo do metabolismo lipídico de humanos xii obesos por espectroscopia por ressonância magnética, correlacionando com dados laboratoriais e de biópsias hepáticas. Neste estudo observacional transversal e prospectivo realizado em obesos, que foram submetidos a cirurgia redutora gástrica pela técnica de Capella no Hospital Prof. Edmundo Vasconcelos em São Paulo, foram incluídos 27 pacientes analisados no pré e pós-operatório para descrição dos dados. Foi constatada uma razão masculino/feminino geral de 8 :19 e a faixa etária entre 24 e 55 anos. Os índices de massa corpórea (IMC) eram sempre superiores a 40 Kg/m² para inclusão cirúrgica...


The obesity influence on the liver and the hepatic function are themes that are not so discussed or studied, especially in Brazil. The world-wide increasing number of obese people calls the attention to this serious problem, that nowadays, became a public health problem. The number of people and the age of the people who suffer from it is increasing each day more. The non-alcoholic hepatic disease is a common pathological clinic condition caractherized by lipid deposits in hemocytes in the hepatic parenchyma. There are some injuries in the parenchyma, since a single steatosy macrogoticular to a steatohepatitis, a fibrosis and even a cirrhosis (Sass et al., 2005). The non-alcoholic steatosy hepatic (NASH) cases which lead to a cirrhosis have been known as the main causes of death with possibilities to evolute to a hepatic fail. Besides there is an increasing in the non-alcoholic hepatic disease, the means for its diagnosis still remain poorly defined. The protons spectroscopy use, in the magnetic resonance, helps on the lipidic hepatic contents numbers, although it has been used only for researches. We had as a goal the lipid metabolism study of obese human beings, related to the laboratorials data and the hepatic biopsy. On this study, where we observed obese people that were submitted to a gastric reducing surgery by the Capella techinic in the hospital Prof. Edmundo Vasconcelos in São Paulo, were included 27 pacients analyzed on the before and after operation for the datas description. It was noted a male/female general reason 9: 18 and the ages between 24 and 55 years old. The body mass indexes (IMC) were always over 40 Kg/m² to be included in a surgery. The obese patients who presented steatosy hepatic before operatory observed on the magnetic resonance and steatosy and/or steatohepatitis during the hepatic biosy went better on the pos-operatory. Finally, in obese patients the xiv steatosy hepatic degree can be analysed on its qualitativy...


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Gastroplastia , Metabolismo dos Lipídeos , Espectroscopia de Ressonância Magnética , Obesidade Mórbida , Antropometria , Biópsia , Fígado Gorduroso , Prótons
12.
Arq. neuropsiquiatr ; 65(2A): 286-294, jun. 2007. tab, ilus, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-453928

RESUMO

Avaliou-se a relação colina/N-acetil-aspartato (Co/NAA), obtida pela espectroscopia multivoxel com tempo de eco (TE) curto, na graduação histológica dos astrocitomas encefálicos (graus I, II e III-IV), comparando com o parênquima cerebral normal. Observou-se aumento significativo (p<0,05) das relações médias de Co/NAA nos três grupos de astrocitomas estudados em relação ao tecido normal, havendo tendência de elevação com o aumento da graduação, sem significância estatística, que correspondeu a: 0,53±0,24 no grupo controle, 1,19±0,49 no grau I, 1,58±0,65 no grau II e 5,13±8,12 no grupo de alto grau (graus III-IV). Houve aumento da relação Co/NAA em 4/5 (80 por cento) dos pacientes com grau I, 5/6 (83 por cento) com grau II e 10/20 (50 por cento) com graus III e IV. Concluiu-se que a espectroscopia multivoxel com TE curto pode ser usada na discriminação entre o parênquima normal e o tecido neoplásico. Entretanto, nem todo tecido neoplásico estudado apresentou aumento da relação Co/NAA, principalmente o grupo com maior malignidade.


The choline/N-acetyl-aspartate (Cho/NAA) ratio, obtained by the multivoxel spectroscopy with short echo time (TE), was evaluated, in the histological grading of the brain astrocytomas (grades I, II and III-IV) in comparison with the normal cerebral parenchyma. A significant increase (p<0.05) in the average ratios of Cho/NAA was observed in the three astrocytoma groups studied in relation to normal tissue, having a tendency to increase with the increase in grading, without any statistic significance, which corresponded to: 0.53±0.24 in the control group, 1.19±0.49 in grade I, 1.58±0.65 in grade II and 5.13±8.12 in the high grade group (grades III-IV), with variation in the values encountered. There was an increase in the Cho/NAA ratio in 4/5 (80 percent) in grade I, 5/6 (83 percent) in grade II and 10/20 (50 percent) in grades III and IV. We conclude that multivoxel spectroscopy with short TE can be used in discriminating between normal parenchyma and neoplasm tissue. However, not all neoplasm tissue studied presented an increase in Cho/NAA, especially in the group with higher grade of malignancy.


Assuntos
Adolescente , Adulto , Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Criança , Feminino , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Ácido Aspártico/metabolismo , Astrocitoma/diagnóstico , Neoplasias Encefálicas/diagnóstico , Espectroscopia de Ressonância Magnética/métodos , Ácido Aspártico/análise , Astrocitoma/classificação , Astrocitoma/patologia , Neoplasias Encefálicas/classificação , Neoplasias Encefálicas/patologia , Colina/metabolismo , Glioblastoma/patologia , Imagem por Ressonância Magnética , Espectroscopia de Ressonância Magnética/normas , Invasividade Neoplásica , Estudos Prospectivos , Prótons , Sensibilidade e Especificidade , Fatores de Tempo
13.
Arq. neuropsiquiatr ; 65(2A): 320-326, jun. 2007. tab, ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-453934

RESUMO

Lipofuscinose ceróide neuronal (LCN) constitui um grupo de doenças neurodegenerativas caracterizadas pelo depósito anormal de uma substância autofluorescente de lipopigmentos, que lembra ceróide e lipofuscina, dentro dos lisossomos dos neurônios e outros tipos de células. Os principais subtipos fenotípicos, baseando-se na idade de início, curso clínico e morfologia ultraestrutural, são classificados em formas infantil, infantil tardia, juvenil e adulta. Seis genes associados a lipofuscinose ceróide foram identificados e aproximadamente 150 mutações também são descritas. Relatamos sete pacientes com LCN baseados na história clínica, achados neurorradiológicos e patológicos avaliados na Rede Sarah de Hospitais de Reabilitação - Fortaleza - Ceará - Brasil. Cinco casos foram confirmados com biópsia de pele, sendo dois casos irmãos de pacientes confirmados. O diagnóstico precoce de LCN, uma doença com herança autossômica recessiva, é mandatório para aconselhamento genético e prevenção de outros casos na família. Os achados de imagem podem contribuir no diagnóstico diferencial.


The neuronal ceroid lipofuscinoses (NCL) are a group of neurodegenerative disorders, characterized by abnormal storage of an autofluorescent substance of lipopigments, resembling ceroid and lipofuscin, within lysosomes of neurons and other types of cells. The main phenotypic subtypes have been established on the basis of age of onset, clinical course, and ultra structural morphology, and classified as infantile, late infantile, juvenile and adult forms. Six genes have been associated with human NCL and approximately 150 mutations have been described. The aim of this study is to report the clinical, neuroradiological, and morphological characteristics of seven patients evaluated at Sarah Network of Hospitals for Reabilitation - Fortaleza - Ceará - Brazil. Five cases were histopathologically confirmed with skin biopsy and two were siblings of confirmed patients. An early diagnosis of NCL, an autosomal recessive disease, is mandatory for genetic counseling and to avoid further cases in the family. Imaging findings can contribute to the differential diagnosis.


Assuntos
Adolescente , Adulto , Criança , Humanos , Masculino , Lipofuscinoses Ceroides Neuronais/patologia , Biópsia , Eletroencefalografia , Espectroscopia de Ressonância Magnética/métodos , Lipofuscinoses Ceroides Neuronais , Prótons , Tomografia Computadorizada por Raios X
14.
Arq. neuropsiquiatr ; 63(4): 1021-1027, dez. 2005. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-419014

RESUMO

OBJETIVO: Descrever os achados da espectroscopia de prótons (¹H-ERM) na doença de Alzheimer (DA) e no comprometimento cognitivo sem demência (CIND) em uma amostra da comunidade. MÉTODO: Foram avaliados seis pacientes com DA, sete com CIND e sete controles normais, originários da comunidade. ¹H-ERM foi realizada com voxel de 8 cm³ nas regiões temporal direita, parietal esquerda e occipital medial e estudados os metabólitos: N-acetilaspartato (NAA), creatina (Cr), colina (Cho) e mio-inositol (mI). RESULTADOS: O NAA foi maior nos indivíduos controles do que nos DA e intermediário no CIND. Análise de função discriminante mostrou que as associações Cr parietal-Cr occipital e Cr parietal-Cho occipital identificaram corretamente 92,3 por cento da amostra comparando Controle vs DA. Na comparação Controle vs CIND O mI temporal identificou corretamente 78,6 por cento dos indivíduos. CONCLUSÃO: A espectroscopia pode contribuir para o diagnóstico e seguimento de indivíduos com comprometimento cognitivo; avaliações de pacientes da comunidade podem revelar achados diferentes quanto à distribuição dos metabólitos cerebrais.


Assuntos
Idoso , Idoso de 80 Anos ou mais , Feminino , Humanos , Masculino , Doença de Alzheimer/metabolismo , Transtornos Cognitivos/metabolismo , Espectroscopia de Ressonância Magnética , Prótons , Ácido Aspártico/análise , Ácido Aspártico/análogos & derivados , Ácido Aspártico/metabolismo , Estudos de Casos e Controles , Colina/análise , Colina/metabolismo , Creatina/análise , Creatina/metabolismo , Escolaridade , Inositol/análise , Inositol/metabolismo , Testes Neuropsicológicos
15.
Braz. j. med. biol. res ; 38(11): 1593-1601, Nov. 2005.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-414713

RESUMO

Serine-proteases are involved in vital processes in virtually all species. They are important targets for researchers studying the relationships between protein structure and activity, for the rational design of new pharmaceuticals. Trypsin was used as a model to assess a possible differential contribution of hydration water to the binding of two synthetic inhibitors. Thermodynamic parameters for the association of bovine ß-trypsin (homogeneous material, observed 23,294.4 ± 0.2 Da, theoretical 23,292.5 Da) with the inhibitors benzamidine and berenil at pH 8.0, 25°C and with 25 mM CaCl2, were determined using isothermal titration calorimetry and the osmotic stress method. The association constant for berenil was about 12 times higher compared to the one for benzamidine (binding constants are K = 596,599 ± 25,057 and 49,513 ± 2,732 M-1, respectively; the number of binding sites is the same for both ligands, N = 0.99 ± 0.05). Apparently the driving force responsible for this large difference of affinity is not due to hydrophobic interactions because the variation in heat capacity (DCp), a characteristic signature of these interactions, was similar in both systems tested (-464.7 ± 23.9 and -477.1 ± 86.8 J K-1 mol-1 for berenil and benzamidine, respectively). The results also indicated that the enzyme has a net gain of about 21 water molecules regardless of the inhibitor tested. It was shown that the difference in affinity could be due to a larger number of interactions between berenil and the enzyme based on computational modeling. The data support the view that pharmaceuticals derived from benzamidine that enable hydrogen bond formation outside the catalytic binding pocket of ß-trypsin may result in more effective inhibitors.


Assuntos
Animais , Bovinos , Benzamidinas/química , Diminazena/análogos & derivados , Inibidores da Tripsina/química , Tripsina/química , Água/química , Calorimetria , Diminazena/química , Concentração de Íons de Hidrogênio , Modelos Químicos , Estrutura Molecular , Pressão Osmótica , Ligação Proteica , Prótons , Termodinâmica
16.
GEN ; 59(2): 85-92, abr.-jun. 2005. ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-461446

RESUMO

En la región de Los Andes existe una alta incidencia en la infección por Helicobacter pylori, incrementando el riesgo de desarrollar gastritis crónica atrófica, metaplasia intestinal, linfoma tipo MALT, y adenocarcinoma gástrico. En la Unidad de Gastroenterología del Hospital Universitario de Los Andes, Mérida, Estado Mérida, se seleccionaron 77 pacientes, que se distribuyeron en 4 grupos con el diagnóstico de infección por Helicobacter pylori, a los cuales se le administró terapia triple de erradicación de la bacteria, que consistió en un inhibidor de la bomba de protones (IBP) y 2 antibióticos. Tratamiento acorde con los estudios publicados en la “European Helicobacter pylori Study Group 2002”, y evaluar si estos inhibidores de la bomba de protones intervienen en el éxito de la terapia de erradicación de la infección. Cuatro distintos IBP se estudiaron, omeprazole 20 mg, lansoprazole 30 mg, rabeprazole 20 mg, esomeprazole 20 mg. Entre la 6ta y 8va semana se evaluaron a través del test de la ureasa y el estudio histopatológico con hematoxilina-eosina y Giemsa modificado. Se observó la erradicación de la bacteria por análisis de protocolo en 75,4 por ciento y por intención de tratar 67.5 por ciento. En una gran proporción de pacientes se demostró una mejoría significativa de las lesiones gástricas encontradas previamente


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Antibacterianos/uso terapêutico , Helicobacter pylori , Prótons , Gastroenterologia , Venezuela
17.
Homeopatia Méx ; 74(634): 30-35, ene.-feb. 2005.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-526439

RESUMO

El mecanismo de acción de los medicamentos homeopáticos ha sido confuso para sus practicantes y científicos estudiosos por más de dos siglos. Donde una sucusión debe alterar el solvente, proporcionándole una "memoria" o "información" que los sistemas biológicos pueden detectar. Algunos experimentos han tratado de demonstrar o documentar como es que la alteración del solvente ocurre mediante estudios físicos y químicos de los cuales han fallado en la obtención de resultados positivos en pruebas independientes y por duplicado.


Assuntos
Medicamento Homeopático , Homeopatia , Espectroscopia de Ressonância Magnética , Prótons
18.
Arq. neuropsiquiatr ; 62(2b): 429-436, jun. 2004. ilus
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-362206

RESUMO

O propósito deste artigo é mostrar o valor da espectroscopia de hidrogênio associada a imagens de ressonância magnética (RM), no estudo de lesões encefálicas não neoplásicas, ajudando no diagnostico e na melhor caracterização de grupos etiológicos. Analisamos espectroscopias de hidrogênio com voxel único em oito diferentes doenças não neoplásicas, divididas em seis categorias (infecciosas, isquêmicas, desmielinizates, inflamatórias, malformações do desenvolvimento cortical e facomatoses). A presença e as relações entre a intensidade do sinal dos metabólitos do tecido nervoso observados com esta técnica (N-acetil aspartato, colina, creatina, lactato e lipídios) ajudaram na diferenciação de lesões neoplásicas e permitiram o diagnostico correto. Nas doenças infecciosas, os sinais do acetato, succinato e aminoácidos também foram importantes. Concluímos que a espectroscopia do hidrogênio por RM é um método não invasivo muito útil como técnica adicional para definir a natureza não neoplásica de lesões encefálicas.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Pré-Escolar , Criança , Adolescente , Adulto , Encefalopatias/diagnóstico , Espectroscopia de Ressonância Magnética/métodos , Prótons
19.
Rev. Hosp. Clin. Fac. Med. Univ. Säo Paulo ; 59(3): 145-152, June 2004. tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-363374

RESUMO

Pacientes esquizofrênicos submetidos à espectroscopia de próton por ressonância magnética demonstram alterações nos níveis de N-acetilaspartato em diversas regiões cerebrais, suportando a hipótese de disfunção neuronal nestas áreas. Objetiva-se apresentar uma revisão da literatura, sobre os principais estudos de espectroscopia de próton por ressonância magnética na região frontal em esquizofrênicos. Utilizou-se o indexador MEDLINE, no período entre 1991 e março de 2004, com o cruzamento dos termos spectroscopy, schizophrenia, proton e frontal. Foram selecionados 27 artigos originais, cujos resultados mostram-se discordantes quanto à alteração nos valores de N-acetilaspartato (19 artigos apresentaram alterações nos níveis de N-acetilaspartato e oito estudos não apresentam alterações). A presente revisão sugere que esta diversidade de resultados pode ser atribuída aos seguintes fatores: 1-número de participantes; 2- variação nas características clínicas e demográficas dos grupos; 3- pouca padronização dos parâmetros de aquisição dos espectros. Os artigos que satisfazem os critérios metodológicos mais rígidos sugerem diminuição de NAA no lobo frontal de esquizofrênicos do sexo masculino.


Assuntos
Feminino , Humanos , Masculino , Ácido Aspártico/análogos & derivados , Química Encefálica , Espectroscopia de Ressonância Magnética/métodos , Prótons , Esquizofrenia/metabolismo , Ácido Aspártico/análise , Lobo Frontal/metabolismo
20.
Säo Paulo med. j ; 121(6): 254-259, 2003. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-361046

RESUMO

CONTEXTO: A espectroscopia de prótons é reconhecidamente um método não invasivo que, quando associada à imagem por ressonância magnética, possibilita a correlação de alterações metabólicas e bioquímicas com mudanças fisiológicas e anatômicas dentro de um volume previamente determinado no encéfalo. Existem dois métodos de espectroscopia de prótons por ressonância magnética: volume único de interesse (single voxel) e imagem espectroscópica (chemical shift imaging). OBJETIVO: Este trabalho discute as aplicações clínicas da espectroscopia de prótons por ressonância magnética em pacientes com lesões encefálicas. CONCLUSÕES: A espectroscopia de próton por ressonância magnética in vivo permite detectar alguns metabólitos existentes no tecido encefálico, como N-acetil aspartato, creatina, colina, mio-inositol, aminoácidos, lipídios, entre outros. O N-acetil aspartato é um marcador neuronal cuja concentração diminui quando há lesão encefálica. O aumento na concentração de colina é o principal indicador de doenças neoplásicas. A quantidade de mio-inositol apresenta-se aumentada em casos de doença de Alzheimer. Aminoácidos estão presentes em abscessos encefálicos. A presença de lipídios está relacionada à necrose tecidual.


Assuntos
Humanos , Encefalopatias/diagnóstico , Espectroscopia de Ressonância Magnética/métodos , Prótons , Encefalopatias/metabolismo , Encéfalo/metabolismo , Encéfalo/patologia
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA