Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 12 de 12
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados
Base de dados
Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. argent. microbiol ; 39(4): 218-220, oct.-dic. 2007. ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-634560

RESUMO

Se presenta el caso clínico de una paciente que consultó por una mancha oscura en la palma izquierda. El examen micológico permitió determinar que la infección había sido producida por un hongo pigmentado, Hortaea werneckii, agente etiológico de la tinea nigra palmaris. Esta es una infección benigna que puede ser rápidamente diagnosticada y tiene tratamiento eficaz. La paciente fue tratada con econazol durante un mes, con remisión completa de las lesiones. Frente a la sospecha de una infección fúngica por la presencia de manchas de color pardo es muy importante practicar el estudio micológico, ya que mediante una técnica no invasora es posible establecer un diagnóstico diferencial y descartar fácilmente otras patologías más graves con las que puede confundirse en el examen clínico.


A clinical case of a female patient with a black spot on the palm of her left hand is presented. The infection was due to a black fungus identified as Hortaea werneckii, the aetiological agent of tinea nigra palmaris. This infection can be easily diagnosed and it is important to establish the differential diagnosis from other skin pathologies. Normally, the treatment has a successful outcome. In this case, the patient was treated with econazole locally applied during one month, with complete remission of the lesions. In conclusion, the early diagnosis of this disease is very important since the mycology procedures are fast and non-invasive and cure is obtained with local treatment.


Assuntos
Feminino , Humanos , Pessoa de Meia-Idade , Dermatoses da Mão/diagnóstico , Tinha/diagnóstico , Antifúngicos/uso terapêutico , Econazol/uso terapêutico , Dermatoses da Mão/tratamento farmacológico , Dermatoses da Mão/microbiologia , Fungos Mitospóricos/isolamento & purificação , Tinha/tratamento farmacológico , Tinha/microbiologia
2.
Rev. Inst. Med. Trop. Säo Paulo ; 37(4): 365-8, jul.-ago. 1995. ilus
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-159112

RESUMO

Relatamos um caso de lesao tipo querio do couro cabeludo causada por Acremonium kiliense, em menino sem doenca de base. O diagnostico foi feito pelo exame direto e cultivos do pus e crostas.


Assuntos
Humanos , Masculino , Pré-Escolar , Acremonium , Dermatoses do Couro Cabeludo/diagnóstico , Couro Cabeludo/lesões , Econazol/uso terapêutico , Dermatoses do Couro Cabeludo/patologia , Dermatoses do Couro Cabeludo/terapia
3.
An. bras. dermatol ; 67(5): 211-6, set.-out. 1992. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-123479

RESUMO

É feita uma revisäo dos medicamentos tópicos e sistêmicos mais comumente utilizados na terapêutica dermatológica com o objetivo de orientar seu uso na gravidez e lactaçäo


Assuntos
Humanos , Feminino , Gravidez , Recém-Nascido , Lactente , Cinética , Lactação , Gravidez/efeitos dos fármacos , Teratogênios/farmacologia , Fármacos Dermatológicos/efeitos adversos , Econazol/uso terapêutico , Recém-Nascido , Nistatina/uso terapêutico
8.
Acta AWHO ; 3(1): 5-9, 1984.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-20744

RESUMO

Estudo terapeutico exclusivamente topico foi efetuado com o uso de econazol, econazol e triamcinolona, triamcinolona ou placebo (propilenoglicol), em 129 casos de otites externas bacterianas ou micoticas. A analise estatistica dos resultados foi efetuada atraves de teste do qui-quadrado e demonstrou a eficiencia de todas essas substancias em comparacao com a atividade do placebo e sem diferencas significantes entre si. Por outro lado, nenhum caso com otomicose deixou de ser sensivel a acao do econazol, isoladamente ou associado a triamcinolona. Nao foram observados quaisquer efeitos colaterais com o emprego de todas as drogas experimentais


Assuntos
Humanos , Econazol , Otite Externa , Propilenoglicóis , Triancinolona
9.
Acta AWHO ; 3(2): 67-9, 1984.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-20751

RESUMO

O estudo terapeutico duplo-cego, exclusivamente topico, foi efetuado com o uso de econazol + triamcinolona ou placebo (propilenoglicol), em 60 casos de otites medias agudas ou cronicas reacutizadas/


Assuntos
Econazol , Otite Média , Ensaios Clínicos como Assunto , Método Duplo-Cego
10.
J. bras. ginecol ; 93(4): 233-5, 1983.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-17303

RESUMO

Os autores avaliaram, em 20 pacientes portadores de moniliase vaginal, a eficacia e tolerancia do econazol na forma de "ovulo mole" com a posologia de um ao dia durante tres dias. O diagnostico da moniliase vaginal foi estabelecido com base no interrogatorio, exame ginecologico e bacterioscopico (a fresco e apos coloracao pelo Gram) de secrecao vaginal. A avaliacao da eficacia, baseada tambem no quadro clinico e bacterioscopico, foi feita sete dias apos o tratamento.Das 19 pacientes que fizeram uso do medicamento por tres dias, 16 (84,21%) foram consideradas curadas. Uma segunda serie de tratamento por tres dias elevou o indice de cura para 100%. Nos casos avaliados nao houve ocorrencia de efeito colateral. A excelente eficacia e tolerancia, alem da posologia de curta duracao dessa nova apresentacao do econazol, levaram os autores a concluir pela sua grande utilidade na pratica clinica diari


Assuntos
Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Humanos , Feminino , Candidíase Vulvovaginal , Econazol
11.
J. bras. ginecol ; 93(3): 179-82, 1983.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-17329

RESUMO

O autor avaliou a eficacia e tolerancia de um novo creme vaginal, a base de econazol metronidazol, em 22 pacientes portadoras de colpites por tricomonas e/ou leveduras e bacterias. O novo preparado, sob a forma de creme, foi administrado por via topica vaginal, diariamente, durante 10 dias consecutivos. Nos casos de tricomoniase, o companheiro sexual foi tratado com metronidazol. A avaliacao da eficacia e da tolerabilidade foi feita durante os exames ginecologicos e de laboratorio (bacterioscopia a fresco e apos coloracao pelo Gram), realizados ao final do tratamento.A eficacia foi considerada excelente e boa em 19 (82,61%) dos casos avaliados. Quanto a tolerabilidade ocorreram queixas de ardencia e sensacao de queimadura de pequena intensidade em apenas 2 (9,10%) casos, sendo considerada excelente e boa em 20 (90,90%) casos. O autor conclui pela enorme utilidade desta nova associacao medicamentosa no tratamento das vaginites especialmente pela sua polivalencia, seguranca e eficacia


Assuntos
Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Humanos , Feminino , Econazol , Metronidazol , Cremes, Espumas e Géis Vaginais , Vaginite
12.
In. PAHO; WHO, ed. Superficial Cutaneous and Subcutaneous Infections: Fifth International Conference on the Mycoses. s.l, PAHO. WHO, 1980. p.339-43, tab. (PAHO. Scientific Publication, 396).
Monografia em Inglês | LILACS | ID: lil-116896
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA