Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 200
Filtrar
1.
Rev. Ciênc. Plur ; 6(1): 71-86, 2020. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1052629

RESUMO

Introdução:Durante a gravidez, os hormônios sexuais, estrógeno e progesterona, aumentam significativamente no organismo da mulher e parecem exercer efeitos marcantes e potencialmente prejudiciais sobre o metabolismo tecidual sendo, portanto, um fator agravante para oaumento da incidência da doença periodontal nesse período, assim como para o aumento da severidade da doença quando já instalada. Além disso, durante o período de gestação, ocorrem alterações nos níveis hormonais modificando as chances da doença periodontal se instalar ou se agravar. Objetivo:Estudar a prevalência e a severidade da doença periodontal, a identificação de dieta, higiene bucal e levantamento de lesões brancas ativas de esmaltenas gestantes cadastradas no Programa Pré-natal em umaUnidade Básica de Saúde em Natal/RN. Método:O estudo se caracteriza como seccional, descritivo e observacional, tendo como público alvo as gestantes cadastradas no programa de Pré-natal da Unidade de Saúde de Aparecida. Foram incluídas 30 gestantes em estágios diversos de gravidez. Para a análise das condições periodontais utilizou-se Índice Periodontal Comunitário. Os dados obtidos foram tabulados em planilha Excel, a partir dos quais foram calculadas médias e os respectivos desvios-padrão. Além disso foi aplicado um questionário com questões semiestruturadas para a identificação de dieta, higiene bucal e levantamento de lesões brancas ativas de esmalte. Resultados:Constatou-se que metade das gestantes adotavam dieta rica em carboidratos, e de um modo geral, apresentavam higiene bucal insatisfatória; presença de lesão branca de esmalte ativa na maioria das gestantes examinadas; a condição periodontal avaliada por meio do índice escolhido queevidenciou alta prevalência de cálculo dentário, sangramento gengival ebolsas periodontais entre os sextantes examinados. Conclusões:De forma geral, as gestantes apresentaram uma condição de saúde bucal precária, com altas médias dos componentes do índice usadoe presença de lesões brancas ativas de esmalte.(AU).


Introduction:During pregnancy, the sex hormones, estrogen and progesterone, increase significantly in the woman's body and seem to exert significant and potentially harmful effects on the tissue metabolism and, therefore, an aggravating factor to increase the incidence of periodontal disease in this period, as well as to increase the severity of the disease when already installed. In addition, during the gestation period, changes in hormone levelsoccur, modifying the chances of periodontal disease if it installs or worsens.Objective:To study the prevalence and severity of periodontal disease, identification of diet, oral hygiene and survey of active White enamel lesions among pregnant women enrolled in the Pré-natal Program in aBasic Health Unitin Natal/RN. Methods:The study is characterized as sectional, descriptive and observational, with the target group of pregnant women enrolled in the Pré-natal Program of the Aparecida Health Unit. Thirty pregnant women were included in various stages of pregnancy. Periodontal Community Index was used to analyze the periodontal conditions. The data obtained were tabulated in Excel spreadsheet, from this mean and the respective standard deviations were calculated. 10390In addition, a questionnaire with semistructured questions was applied to the identification of diet, oral hygiene and survey of active white lesions of enamel. Results:It was found that half of the pregnant women adopted a diet rich in carbohydrates, and, in general, presented poor oral hygiene; presence of active enamel white lesion in the majority of pregnant women examined; the periodontal condition evaluated through of theshowed a high prevalence of dental calculus, gingival bleeding and periodontal pockets among the sextants examined.Conclusions:In general, the pregnant women presented a precarious oral health condition, with high mean values of the components of the used indexand the presence of active enamel white lesions.(AU).


Introducción:durante el embarazo, las hormonas sexuales, el estrógeno y la progesterona, aumentan significativamente en el cuerpo de la mujer y parecen tener efectos marcados y potencialmente dañinos en el metabolismo de los tejidos, por lo que son un factor agravante de la mayor incidencia de enfermedad periodontal en este período. Así como para aumentar la gravedad de la enfermedad cuando ya está instalada. Además, durante el período de gestación, se producen cambios en los niveles hormonales, lo que cambia las posibilidades de que la enfermedad periodontal se estabilice o empeore. Objetivo:Estudiar la prevalencia y la gravedad de la enfermedad periodontal, identificación de la dieta, higiene bucal y estudio de lesiones activas del esmalte blanco en mujeres embarazadas registradas en el Programa Pré-natal en unaUnidad de SaludBásica en Natal/RN. Método:El estudio se caracteriza por ser descriptivo, descriptivo y observacional, dirigido a mujeres embarazadas registradas en el programa Pré-natal de la Unidad de Salud de Aparecida. Se incluyeron treinta mujeres embarazadas en diferentes etapas del embarazo. Para el análisis de las condiciones periodontales, se utilizó un índice periodontal comunitario. Los datos obtenidos se tabularon en una hoja de cálculo Excel, a partir de la cual se calcularon los promedios y las respectivas desviaciones estándar. Además, se aplicó un cuestionario con preguntas semiestructuradas para identificar la dieta, la higiene bucal y la encuesta de las lesiones activas del esmalte blanco. Resultados: encontró que la mitad de las mujeres embarazadas adoptaron una dieta rica en carbohidratos y, en general, presentaron una higiene bucal insatisfactoria; presencia de lesión del esmalte blanco activa en la mayoría de las embarazadas examinadas; La condición periodontal evaluada mediante el índicemostró una alta prevalencia de cálculo dental, sangrado gingival y bolsas periodontales entre los sextantes examinados. Conclusiones:en general, las mujeres embarazadas presentaron una condición de salud bucal precaria, con promedios altos de los componentes del índice utilizadoy la presencia de lesiones activas de esmalte blanco.(AU).


Assuntos
Humanos , Feminino , Gravidez , Adulto , Doenças Periodontais , Brasil , Centros de Saúde , Saúde Bucal , Gestantes , Higiene Bucal , Hormônios Esteroides Gonadais , Índice Periodontal , Epidemiologia Descritiva , Estudos Observacionais como Assunto
2.
ABCS health sci ; 44(3): 203-208, 20 dez 2019. tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: biblio-1047754

RESUMO

Durante o climatério, período em que as gônadas femininas cessam sua função, a deficiência de estrógenos, especialmente do estradiol, provoca alterações importantes na cavidade bucal, interferindo em mecanismos inflamatórios, secreção salivar, metabolismo do colágeno, entre outros. Por meio de uma revisão de literatura, esse estudo teve como objetivo, ver a influência das alterações hormonais advindas do período de climatério nos tecidos bucais, proporcionando ao cirurgião dentista informações em relação às consequências e cuidados relacionados a esta fase da vida da mulher. Nesse período, as mulheres tornam-se mais suscetíveis a alterações tais como: osteopenia e osteoporose dos maxilares, hipossalivação, doenças periodontais, entre outros. O tratamento preventivo por meio de remoção de placa, adequação do meio bucal e orientação antes e durante o climatério são os melhores meios de minimizar os problemas bucais advindos dessa fase da vida da mulher.


During the climacteric period, when female gonads cease their function, estrogen deficiency, especially estradiol, causes important changes in the oral cavity, interfering in inflammatory mechanisms, salivary secretion, collagen metabolism, among others. Through a literature review, this study aimed to see the influence of the hormonal changes from the climacteric period in the oral tissues, providing the dentist surgeon with information regarding the consequences and care related to this phase of the woman's life. In this period, women become more susceptible to changes such as: osteopenia and osteoporosis of the jaws, hyposalivation, periodontal diseases, among others. Preventive treatment through removal of plaque, adequacy of the buccal environment and orientation before and during climacteric are the best means of minimizing oral problems arising from this phase of a woman's life.


Assuntos
Humanos , Feminino , Hormônios Esteroides Gonadais , Climatério , Saúde Bucal , Estradiol , Estrogênios
3.
Rev. Salusvita (Online) ; 38(3): 665-683, 2019.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1051609

RESUMO

Introdução: A infertilidade é definida como incapacidade de gerar filhos e acomete significativa parte da população. Por afetar a qualidade de vida da paciente, a mesma geralmente busca tratamentos que, em suma, são a base de reposição hormonal, que possui diversos efeitos colaterais, abrindo assim uma porta para o estudo de tratamentos alternativos, como o caso das plantas medicinais. Objetivo: Dosar testosterona, progesterona e estradiol em camundongos, assim como sua variação ponderal mediante a suplementação com Tribulus terrestris L. Métodos: Foram utilizados 28 camundongos suíços fêmeas divididas em 4 grupos, sendo dois controles com e sem suplementação e dois que sofreram o processo de ovariectomia bilateral, com e sem suplementação. O extrato da planta foi administrado por 21 dias por gavagem. Os animais foram pesados semanalmente e após os 21 dias foram eutanasiados, e tiveram o sague coletado para as dosagens hormonais. Resultados: Ocorreu queda significativa de testosterona nos grupos suplementados com a planta e nos grupos ovariectomizados em relação ao grupo controle. Em relação ao estradiol, não houve alterações significativas entre os grupos, enquanto a progesterona reduziu significativamente nos grupos castrados com e sem suplementação. Quanto à variação ponderal, ao comparar os grupos ovariectomizados e não ovariectomizados, notou-se aumento significativo do peso. Conclusão: A castração promoveu o aumento de peso nos animais. A mesma medida associada à suplementação reduziu a testosterona e a progesterona sérica, e não alterou os níveis de estradiol nos animais.


Introduction: Infertility is defined as the inability to generate children, and affects a significant part of the population. Because it affects the quality of life of the patient, they usually seeks treatments that, in short, are based on hormonal replacement, which has several side effects, opening, thus, a door for the study of alternative treatments, such as the case of medicinal plants. Objective: To measure testosterone, progesterone and estradiol in mice, as well as their weight variation by means of supplementation with Tribulus terrestris L. Methods: Twenty-eight female Swiss mice were divided into four groups, two controls with and without supplementation and two that underwent the process of bilateral ovariectomy, with and without supplementation. The plant extract was administered for 21 days by gavage. The animals were weighed weekly and, after 21 days, were euthanized and the sage was collected for the hormonal dosages. Results: There was a significant fall in testosterone in the groups supplemented with the plant and in the ovariectomized groups in relation to the control group. There were no significant changes in estradiol between groups, whereas progesterone significantly decreased in the castrated groups with and without supplementation. Regarding the weight variation when comparing the ovariectomized and non-ovariectomized groups, a significant increase in weight was observed. Conclusion: Castration promoted weight gain in animals. The same associated with supplementation reduced testosterone and serum progesterone and did not alter estradiol levels in the animals.


Assuntos
Camundongos , Hormônios Esteroides Gonadais , Ovariectomia
4.
São Paulo; s.n; 2018. 144 p.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-905435

RESUMO

A pílula anticoncepcional, no momento de sua criação, foi considerada como uma grande invenção do século XX, desencadeando transformações na vida sexual e contraceptiva de mulheres, sendo ainda hoje um dos contraceptivos mais utilizados no Brasil. Essa dissertação versa sobre o processo de suspensão do uso da pílula anticoncepcional pelas participantes do grupo de Facebook "Adeus, Hormônios: contracepção não-hormonal". O exame dos significados construídos em torno da pílula anticoncepcional são parte constituinte e fundamental para a compreensão deste processo, que se dá a partir da Etnografia do Ciberespaço, da observação e análise do grupo virtual, de entrevistas com as administradoras e moderadoras do mesmo, e das publicações das participantes realizadas nesse espaço. O grupo é formado majoritariamente por mulheres de 18 a 34 anos, residentes de estados do sul e do sudeste brasileiro. Em seus discursos, constam preocupações com os efeitos colaterais da pílula anticoncepcional e demais contraceptivos hormonais, com a escolha do método contraceptivo não-hormonal mais adequado considerando as especificidades de cada sujeito, com debates em torno da ideia de "corpo natural" e de produção de estilos de vida. Há um conjunto de fatores que contribuem para a ampliação e fortalecimento deste movimento de "suspensão do hormônio e construção de um corpo natural", dentre elas: mulheres incomodadas com intervenções médicas, mulheres questionando determinadas concepções sobre padrões corporais, um incentivo ao "viver saudável" nas redes sociais, discussões sobre humanização na assistência à saúde, releitura de determinados ideais feministas, disseminação de notícias de mulheres doentes em função de efeitos adversos da anticoncepção oral, divulgação de tudo isso em uma plataforma de amplo alcance como o Facebook. A mulher que recusa o uso da pílula anticoncepcional exprime a díade liberdade-controle: por um lado, guarda a perspectiva da liberdade de ter um corpo destituído de hormônios, por outro lado, tem a busca pelo domínio sobre seus processos corporais e pelo método contraceptivo que mais se adequa a ele. Pode-se falar também numa díade natural-artificial: enquanto a pílula anticoncepcional promove um controle artificial de determinados processos corporais, os métodos naturais possibilitam uma "gestão consciente" do corpo, baseada numa interpretação e respeito a seus "processos naturais". Todavia, não se escapa à busca pelo controle sobre este "corpo natural", ainda que a observação e vigilância constantes da própria mulher sobre o corpo ensejam a liberdade de poder "compreendê-lo"


The contraceptive pill, at the time of its creation, was considered as a great invention of the twentieth century, triggering transformations in the sexual and contraceptive life of women, being still today one of the most used contraceptives in Brazil. This dissertation is about the process of suspending the use of the contraceptive pill by the participants of the Facebook group "Goodbye, Hormones: non-hormonal contraception". The examination of the meanings built around the contraceptive pill are a constituent and fundamental part of the understanding of this process, which is based on the Ethnography of Cyberspace, the observation and analysis of the virtual group, interviews with the administrators and moderators of the same, and of the publications of the participants in this space. The group is formed mostly by women between 18 and 34 years old, living in the states of southern and southeastern Brazil. In their speeches, there are concerns about the side effects of the contraceptive pill and other hormonal contraceptives, with the choice of the most appropriate non-hormonal contraceptive method considering the specificities of each subject, with debates around the idea of "natural body" and production of life styles. There is a set of factors that contribute to the expansion and strengthening of this movement of "hormone suspension and the construction of a natural body", among them: women who are inconvenienced with medical interventions, women questioning certain conceptions about body patterns, an incentive to "live healthy" on social networks, discussions on humanization in health care, re-reading of certain feminist ideals, dissemination of news of sick women as a result of the adverse effects of oral contraception, dissemination of all of this on a broad-based platform such as Facebook. The woman who refuses to use the contraceptive pill expresses the freedom-control dyad: a control according to her individual needs based on the interpretation and respect for her "natural processes", and the freedom to have a body devoid of hormones, exerting the woman's search by the mastery over his bodily processes and the contraceptive method that best suits him. While the contraceptive pill promotes an artificial control of certain bodily processes, natural methods enable a "conscious management" of the body, also kept under control through the constant observation and vigilance of the woman herself, providing the freedom to "understand" it


Assuntos
Humanos , Feminino , Adolescente , Adulto , Anticoncepção , Hormônios Esteroides Gonadais , Internet , Medicalização , Rede Social , Mulheres/psicologia , Antropologia Cultural , Saúde da Mulher
5.
Odonto (Säo Bernardo do Campo) ; 25(50): 1-8, jul.-dez. 2017. ilus
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-996495

RESUMO

A gengivite é uma doença inflamatória que interfere nos tecidos de suporte dos dentes. Inicia-se pelo acúmulo da placa bacteriana sobre as faces dentárias e a margem gengival, promovendo a liberação de produtos tóxicos que são efeitos da combinação da bactéria e do hospedeiro. Há indícios de que os hormônios sexuais, principalmente os esteroidais, que estão presentes no ciclo menstrual, apresentem efeitos sobre a saúde periodontal, causando impactos diretos na inflamação gengival e em possíveis alterações de substâncias no fluido gengival. Para tanto, realizou-se uma pesquisa de campo com o intuito de validar a relação entre o ciclo menstrual e a gengivite e seus possíveis diagnósticos frente aos hormônios sexuais que se apresentam de forma tão relevante. OBJETIVO: O objetivo do presente trabalho é verificar através de uma pesquisa de campo, se durante o ciclo menstrual, as alterações hormonais causadas neste período têm capacidade de gerar alterações nos tecidos gengivais. METODOLOGIA: Trata-se de uma pesquisa de campo, realizada por meio de artigos indexados na base científica SciELO e avaliação clínica e sondagem da gengiva de 20 voluntárias durante o período pré-mentrual, menstrual e período pós-mentrual de cada uma.(AU)


Gingivitis is an inflammatory disease that affects the supporting tissues of the teeth. It begins by the accumulation of bacterial plaque on the dental faces and the gingival margin, promoting the release of toxic products that are effects of the combination of bacteria and the host. There are indications that the sex hormones, especially the steroidal ones, that are present in the menstrual cycle, have effects on the periodontal health, causing direct impacts on gingival inflammation and possible alterations of substances in the gingival fluid. Therefore, a field research was carried out with the purpose of validating the relationship between the menstrual cycle and gingivitis and its possible diagnoses against the sex hormones that present themselves in such a relevant way. OBJECTIVE: The objective of the present study is to verify through a field survey whether, during the menstrual cycle, the hormonal changes caused in this period have the capacity to generate alterations in the gingival tissues. METHODOLOGY: This is a field study, carried out by means of articles indexed in SciELO scientific basis and clinical evaluation and gingival probing of 20 volunteers during the pre-mentual period, menstrual period and post-mentual period of each.(AU)


Assuntos
Humanos , Feminino , Hormônios Esteroides Gonadais/fisiologia , Gengivite/fisiopatologia , Ciclo Menstrual/fisiologia , Índice Periodontal , Fotografia Dentária , Gengivite/diagnóstico por imagem
6.
Int. j. morphol ; 35(4): 1233-1238, Dec. 2017. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-893120

RESUMO

SUMMARY: The aim of the study was to evaluate the osteoprotective properties of RNA-containing drug Osteochondrin S on rats with experimental model of osteoporosis. Osteochondrin S contains yeast RNA and RNA of connective tissue of cattle. In order to model osteoporosis in rats bilateral ovariectomy was used. Rats were divided into 3 groups: 1 - ovariectomized rats receiving Osteochondrin S; 2 - ovariectomized rats receiving saline; 3 - sham-ovariectomized rats. Rats in group 1 received Osteochondrin S, Group 2 - physiological saline three times a week for 12 weeks. Based on morphological data and on the results of densitometry, Osteochondrin S prevents a decrease in bone density, i.e. exhibits osteoprotective properties. Under the condition of lack of sex hormones in rats Osteochondrin S reduces reactive oxygen species in blood plasma and limits the degree of decrease in antioxidant capacity of blood plasma.


RESUMEN: El objetivo de este estudio fue evaluar las propiedades osteoprotectoras del fármaco que contiene ARN Osteocondrina S en ratas, como modelo experimental de osteoporosis. La Osteocondrina S contiene ARN de levadura y ARN de tejido conectivo de bovinos. Para modelar la osteoporosis en ratas se utilizó ovariectomía bilateral. Las ratas se dividieron en 3 grupos: grupo 1, ratas ovariectomizadas que recibieron Osteocondrin S; grupo 2, ratas ovariectomizadas recibieron solución salina; grupo 3 - ratas ovariectomizadas simuladas. Las ratas del grupo 1 recibieron Osteocondrina S, el grupo 2 solución de suero fisiológico tres veces por semana durante 12 semanas. En base a los datos morfológicos y los resultados de la densitometría, Osteocondrina S evita una disminución de la densidad ósea, es decir, exhibe propiedades osteoprotectoras. Ante la falta de hormonas sexuales en ratas, Osteocondrina S reduce las especies reactivas de oxígeno en el plasma sanguíneo y limita el grado de disminución de la capacidad antioxidante del plasma sanguíneo.


Assuntos
Animais , Feminino , Ratos , Osso e Ossos/efeitos dos fármacos , Ácidos Nucleicos/uso terapêutico , Osteoporose/tratamento farmacológico , Modelos Animais de Doenças , Hormônios Esteroides Gonadais/deficiência , Ovariectomia
7.
Ciênc. saúde coletiva ; 22(1): 107-116, jan. 2017.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-839910

RESUMO

Resumo O artigo analisa a assimilação de conhecimentos e o desenvolvimento de práticas clínicas e de pesquisa, concernentes aos hormônios sexuais, entre ginecologistas brasileiros. Discute o percurso do pensamento médico da recepção dos hormônios à sua transformação em contraceptivos. O objetivo é compreender estilos de introdução e difusão de tecnologias médicas na área da saúde reprodutiva no Brasil. Utiliza métodos de análise histórica e tem como fonte os Anais Brasileiros de Ginecologia, revista publicada entre 1936 e 1970. O acompanhamento das novidades cientificas sobre hormônios sexuais e seu uso para tratamento de diversas mazelas femininas, desde os primórdios, foi de grande importância para a rápida aceitação médica da contracepção hormonal. Questões científicas e técnicas (efeitos colaterais, dosagens) e a questão populacional compuseram a maior parte dos debates. Objeções da Igreja Católica foram consideradas, mas não pautaram o pensamento médico sobre os contraceptivos. A busca de consolidar a ginecologia como especialidade científica, moderna e cosmopolita e razões sanitárias e demográficas que possibilitavam enquadrar contraceptivos como drogas éticas, são processos subjacentes à assimilação e à metabolização dos hormônios sexuais como contraceptivos hormonais.


Abstract The article analyses knowledge assimilation and the development of clinical and research practices relating to sex hormones among Brazilian gynaecologists. It discusses the paths taken by medical thought from the reception of the hormones to their transformation into contraceptives. Our objective is to comprehend styles of introducing and disseminating medical technologies in the area of reproductive health in Brazil. It uses methods of historical analysis and takes as its source the Anais Brasileiros de Ginecologia, a journal published between 1936 and 1970. From the outset, the accompaniment of scientific breakthroughs in relation to sex hormones and their use to treat diverse female illnesses played a key role in the rapid medical acceptance of hormonal contraception. Scientific and technical questions (side effects, dosages) and the demographic issue formed part of the majority of the debates. Objections from the Catholic Church were considered but did not set the agenda of medical thought on contraceptives. The quest to consolidate gynaecology as a scientific, modern and cosmopolitan area of expertise, along with sanitary and demographic motives that allowed contraceptives to be classed as ethical drugs, are identified as processes underlying the assimilation and metabolization of sex hormones as hormonal contraceptives.


Assuntos
Humanos , Feminino , Pesquisa Biomédica/métodos , Anticoncepcionais Femininos/administração & dosagem , Desenho de Fármacos , Hormônios Esteroides Gonadais/administração & dosagem , Tecnologia Biomédica/métodos , Brasil , Difusão de Inovações , Ginecologia
8.
Medisan ; 21(1)ene. 2017.
Artigo em Espanhol | LILACS, CUMED | ID: biblio-1016259

RESUMO

Las hormonas sexuales femeninas además de desempeñar un rol importante en la endocrinología reproductiva, regulan diversas funciones tisulares. En presencia de placa bacteriana (biofilm) asociada a cambios inflamatorios, estas hormonas influyen en el inicio y progreso de la enfermedad periodontal. En el presente estudio se exponen los aspectos morfofuncionales y fisiopatológicos actuales relacionados con dicha temática, con el fin de incrementar el nivel de conocimientos de los estomatólogos y de esta forma mejorar la calidad de la atención que se brinda a los pacientes.


Female sexual hormones besides playing an important role in the reproductive endocrinology, regulate diverse tissue functions. In presence of dental plaque (biofilm) associated to inflammatory changes, these hormones influence in the beginning and progress of periodontal disease. In this study the current morphofunctional and pathophysiological aspects related to that thematic are exposed, with the purpose of increasing the knowledge level of dentists and in this way improving the quality of care offered to patients


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Doenças Periodontais , Hormônios Esteroides Gonadais , Placa Dentária , Comunicação , Hormônios
9.
Biosci. j. (Online) ; 32(6): 1559-1566, nov./dec. 2016. ilus
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-965808

RESUMO

The Myrmecophaga tridactyla (family Pilosa), popularly known in Brazil as the giant anteater is classified as an endangered species by the main survey agencies of biodiversity preservation around the world. The adrenal glands are important organs, which are related to homeostasis of the animal. This study aimed to describe the morphology of the adrenal glands of M. tridactyla, providing data for future studies related to the production of steroid hormones in specimens exposed to different stress factors. The adrenal glands of 14 specimens were used. The glands were measured, photodocumented and described by light microscopy. The adrenals were positioned in the cranial extremity of the kidneys (left and right) and related medially to the caudal vena cava. The right adrenal gland had an elongated shape while the left adrenal gland had pyramidal or triangular shape. The weight was 4.765±0.129g for the right adrenal and 3.975±0.213g for the left adrenal. The length was 4.50±0.14cm for the right adrenal and 4.28±0.11cm for the left adrenal. The width was 2.60±0.13cm for the right adrenal and 2.37±0.12cm for the left adrenal. The thickness was 0.45±0.11cm for the right adrenal and 0.68±0.14cm for the left adrenal. Statistical differences (p<0.05) between right and left adrenals for all values analyzed were observed. Microscopically it was observed a capsule composed by modeled dense connective tissue lining the organ. Below this capsule, from the outermost to the innermost layer, it was observed a cortical region divided into glomerular, fasciculata and reticular zones with a medullar region occupying the center of the organ. Further studies related to steroidogenesis with specimens collected at different periods of the year are necessary, aiming to observe if there are morphological or hormonal variations in the adrenal glands due to seasonal periods. This information would be of great importance because it could reflect the behavioral habits of this species.


O Myrmecophaga tridactyla (família Pilosa), conhecido popularmente no Brasil como Tamanduá- Bandeira, é uma espécie classificada como ameaçada de extinção pelos principais órgãos de levantamento e preservação da biodiversidade no mundo. As glândulas adrenais são importantes órgãos, relacionados com a homeostasia dos animais. Neste estudo, objetivou-se descrever a morfologia das glândulas adrenais de M. tridactyla, fornecendo dados para futuros estudos relacionados à produção de hormônios esteroides em espécimes expostos a diferentes fatores de stress. Esta pesquisa traz a análise das glândulas adrenais em 14 espécimes de M. tridactyla, as quais foram mensuradas, fotodocumentadas, processadas e analisadas por microscopia de luz. Encontrou-se que as glândulas adrenais pares estavam posicionadas na extremidade cranial dos rins e relacionadas medialmente com a veia cava caudal. Sendo que, a glândula adrenal direita possuía formato mais alongado que a glândula adrenal esquerda, a qual apresentou formato piramidal ou triangular. A massa da glândula adrenal direita foi de 4,765±0,129g, enquanto a esquerda pesou 3,975±0,213g. O comprimento foi de 4,50±0,14cm para a glândula direita e 4,28±0,11cm para a esquerda. A largura foi de 2,60±0,13cm para a glândula direita e 2,37±0,12cm para a esquerda. A espessura da glândula direita foi de 0,45±0,11cm e da esquerda foi 0,68±0,14. Foram observadas diferenças estatísticas (p<0,05) entre as glândulas direitas e esquerdas em todas as dimensões analisadas. Com auxílio de microscopia de luz observou-se uma cápsula de tecido conjuntivo denso modelado, revestindo o órgão. Abaixo dessa cápsula, foi possível evidenciar, da camada mais externa para a mais interna, uma região cortical, dividida em zonas glomerular, fasciculada e reticular, com uma região medular ocupando o centro do órgão. Futuros estudos relacionados à esteroidogênese adrenal com espécimes em diferentes épocas do ano poderiam demonstrar se as glândulas adrenais apresentam variações sazonais em sua conformação morfológica ou na produção de hormônios adrenais decorrentes dessas variações, sendo que, estes dados seriam de grande importância, pois poderiam refletir os hábitos comportamentais nesta espécie.


Assuntos
Hormônios Esteroides Gonadais , Glândulas Suprarrenais , Espécies em Perigo de Extinção , Cingulados
10.
Arq. bras. med. vet. zootec ; 68(2): 387-396, mar.-abr. 2016. tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-779781

RESUMO

Os hormônios esteroides presentes em várias gerações de contraceptivos orais combinados (COC) podem se apresentar como disruptores endócrinos, produzindo alterações no comportamento e na fisiologia de peixes. Diante disso, o objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos de hormônios esteroides presentes em COC sobre os parâmetros comportamentais de Betta splendens, um peixe ornamental usado na aquariofilia e bastante agressivo. Machos adultos foram observados pelo método ad libitum para confecção do etograma e divididos em cinco grupos, controle e expostos aos hormônios: 17β-estradiol (E2); levonorgestrel e etinilestradiol (LEA - segunda geração de COC); gestodeno e etinilestradiol (GEA - terceira geração de COC); e drospirenona e etinilestradiol (DEA - quarta geração de COC). Os peixes foram expostos por 30 dias à concentração final de 10ng/L. Foram avaliados os comportamentos pelos métodos de varredura instantânea e animal-focal, bem como o consumo de ração. No método varredura, o comportamento descansar apresentou o maior valor (54,4±10,1%) no grupo E2 (P<0,05). Os comportamentos agressivos de carga (16,1±3,6%) e recuar e carga (16,4±5,1%) apresentaram os maiores valores no grupo controle em relação aos demais grupos (P<0,05). Os animais do grupo E2 apresentaram maior frequência de comportamentos inativos (76,1%) comparados aos de outros grupos. O comportamento atípico natação errática não foi observado no grupo controle, mas foi observado nos grupos experimentais. Os grupos E2, LEA, GEA e DEA apresentaram redução nos comportamentos agressivos (10%) quando comparados ao grupo controle pelo método animal-focal. Não foram observadas diferenças na exibição desses comportamentos ao se compararem os animais expostos às diferentes gerações de contraceptivos e no consumo de ração. Pode-se concluir que 17β-estradiol causou mais efeitos aos peixes e que diferentes gerações de COC apresentaram efeitos tóxicos semelhantes em relação aos comportamentos observados.


The steroid hormones present in many generations of combined oral contraceptives (COC) can act as endocrine disruptors inducing changes in the behavior and physiology of fish. In this context, the aim of this work was to evaluate the effects of steroid hormones present in COC on behavioral parameters of Betta splendes, an aggressive ornamental fish used in the aquariophily. Adult males were observed with the ad libitum method to develop an ethogram and were divided into five groups, Control and exposed to hormones: 17β-estradiol (E2), levonorgestrel and ethinylestradiol (LEA - 2nd COC generation), gestodene and ethinylestradiol (GEA - 3rd COC generation) and drospirenone and ethinylestradiol (DEA - 4th COC Generation). Fish were exposed for 30 days to a final concentration of 10ng/L. The behavior was evaluated by scan sampling and animal-focal methods, and feed intake. In the scan sampling method, the Resting behavior showed the highest value (54.4±10.1%) in E2 group (P<0.05). The aggressive behavior Rush (16.1±3.6%) and Back and Rush (16.4±5.1%) showed the highest values in the control group, compared to the other groups (P<0.05). Animals in the E2 group showed higher frequency of inactive behaviors (76.1%) compared to other groups. Furthermore, the atypical behavior Erratic swimming was not observed in the control group, but it was observed in the experimental groups. The E2, LEA, GEA and DEA groups showed reduction in aggressive behavior (10%) compared to the control group by the animal-focal method. Moreover, no difference was observed in the exhibition of these behaviors and feed intake comparing animals exposed to the different generations of contraceptives. It can be concluded that 17β-estradiol has caused more effects on fish and different generations of COC showed similar toxic effects in the observed behaviors.


Assuntos
Animais , Anticoncepcionais Orais Combinados/efeitos adversos , Hormônios Esteroides Gonadais/administração & dosagem , Peixes/fisiologia , Comportamento Animal/fisiologia , Estradiol/efeitos adversos , Estradiol/toxicidade , Etinilestradiol/efeitos adversos , Etinilestradiol/toxicidade
11.
Hist. ciênc. saúde-Manguinhos ; 23(1): 193-210, enero-mar. 2016.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-777311

RESUMO

Resumo Este estudo explora as margens da medicina, em que práticas de saúde e aprimoramento se confundem. Ele é baseado no trabalho de campo desenvolvido no contexto de dois projetos de pesquisa distintos no Brasil sobre cirurgia plástica e terapias de hormônio sexual. Há uma significativa sobreposição clínica dessas duas terapias. Ambas estão disponíveis nos sistemas de saúde público e privado de tal forma que revelam a dinâmica de classes subjacente à medicina brasileira. Essas terapias também têm uma dimensão experimental enraizada no contexto normativo do Brasil e nas expectativas da sociedade em relação à medicina como forma de controlar a saúde reprodutiva e sexual da mulher. O uso medicinal experimental desses tratamentos está associado a um uso experimental “social”: as mulheres os adotam em resposta a pressões, ansiedades e aspirações no âmbito profissional e na vida pessoal. Argumenta-se aqui que essas técnicas experimentais estão se tornando moralmente autorizadas como um controle rotineiro da saúde da mulher, integradas aos tratamentos predominantes de obstetrícia e ginecologia, e sutilmente confundidas com práticas de cuidados pessoais que são vistas no Brasil como essenciais para atingir uma forma de feminilidade moderna.


Abstract This paper explores medical borderlands where health and enhancement practices are entangled. It draws on fieldwork carried out in the context of two distinct research projects in Brazil on plastic surgery and sex hormone therapies. These two therapies have significant clinical overlap. Both are made available in private and public healthcare in ways that reveal the class dynamics underlying Brazilian medicine. They also have an important experimental dimension rooted in Brazil’s regulatory context and societal expectations placed on medicine as a means for managing women’s reproductive and sexual health. Off-label and experimental medical use of these treatments is linked to experimental social use: how women adopt them to respond to the pressures, anxieties and aspirations of work and intimate life. The paper argues that these experimental techniques are becoming morally authorized as routine management of women’s health, integrated into mainstream Ob-Gyn healthcare, and subtly blurred with practices of cuidar-se (self-care) seen in Brazil as essential for modern femininity.


Assuntos
Humanos , Feminino , Hormônios Esteroides Gonadais/uso terapêutico , Cirurgia Plástica , Saúde da Mulher , Brasil , Ginecologia , Uso Off-Label , Autocuidado
12.
An. Fac. Med. (Perú) ; 76(3): 277-283, jul.-set.2015.
Artigo em Espanhol | LILACS, LIPECS | ID: lil-781093

RESUMO

Se ha observado que el inicio de la pubertad en las niñas se viene produciendo cada vez a edad más temprana, motivando la preocupación de los padres y la búsqueda de atención ante la posibilidad de pubertad precoz. A la actualidad, el diagnóstico de pubertad precoz central y pubertad normal de inicio temprano mantiene puntos de corte cronológicos establecidos hace más de un lustro; esto, a pesar de los cambios seculares descritos en diversas poblaciones del orbe. La importancia de diferenciar un evento fisiológico de uno patológico es la necesidad de adoptar una decisión oportuna de tratamiento con la finalidad de evitar compromiso de la talla final, alteraciones en la vida reproductiva y riesgo de enfermedades a futuro, como las enfermedades cardiovasculares y cáncer de mama en la vida adulta. Por lo tanto, los límites para el inicio de la pubertad, basados en normalidad bioestadística poblacional, no deberían traducirse únicamente en el establecimiento de límites de edad cronológica, debido al riesgo de diagnósticos erróneos. En el presente artículo hacemos una revisión de los acontecimientos relacionados a la pubertad en sus formas fisiológicas y patológicas en niñas, presentando los acuerdos y controversias descritos en la literatura científica...


The onset of puberty in girls has been occurring each time at a younger age, generating concern among parents and seeking healthcare for possible precocious puberty. Nowadays diagnosis of central precocious puberty (CPP) and early puberty onset have chronological cutoff points established over five years ago and despite secular changes described in various populations of the world. The importance of differentiating a physiological event from a pathogenic one is mainly because of the need of timely decision to begin treatment in order to prevent height compromise, reproductive system alterations and risk of future diseases like cardiovascular disease and breast cancer in adulthood. Limits for puberty onset based on biostatistics in normal population should not be applied only to establish limits of chronological age because the risk of a wrong diagnosis. In this article physiological and pathological events of puberty in girls will be reviewed; agreements and disputes described in scientific literature will be presented...


Assuntos
Humanos , Hormônios Esteroides Gonadais , Maturidade Sexual , Puberdade Precoce/diagnóstico , Puberdade Precoce/patologia
13.
Rev. gaúch. enferm ; 36(2): 70-75, Apr-Jun/2015.
Artigo em Inglês | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-752587

RESUMO

OBJECTIVE: This article seeks to understand the experiences of transgender women in relation to the hormone therapy and sex reassignment surgery that make up the Gender Reassignment Process. METHOD: It is a qualitative study inserted into the field of cultural and gender studies. Data collection used narrative interviews, conducted in 2010 and 2011, with seven transsexual women who had been undergoing the Gender Reassignment Process for at least two years. The data was submitted to a thematic analysis. RESULTS: The results show that the transformation processes for construction of the female body include behavior adaptation, posture modification, voice modulation, hormone use, vaginal canal dilation and surgical complications. Such processes subject the body to be built as idealized to fit the gender identity, infringing on pleasures and afflictions. CONCLUSION: We concluded that the discussion involving the Gender Reassignment Process brings allowances for nursing regarding body changes experienced by transgender women. .


OBJETIVO: Esta investigación busca entender experiencias de mujeres transexuales con relación a la terapia hormonal y cirugía de reasignación de sexo, que constituyen el Proceso Transexualizador. MÉTODO: Se trata de una investigación cualitativa ubicada en el campo de los Estudios Culturales y de Género. Para la recolección de datos se utilizó la entrevista narrativa, llevada a cabo entre enero de 2010 y diciembre de 2011 con siete mujeres transexuales que se sometieron a la totalidad del Proceso Transexualizador por, un mínimo de dos años. Los datos fueron sometidos a análisis temático. RESULTADOS: Los resultados muestran que la construcción de un cuerpo femenino implica procedimientos para cambiar el comportamiento, postura, el tono de voz, el uso de la terapia hormonal, dilatación del canal vaginal y complicaciones quirúrgicas. Estos procesos someten al cuerpo a construirse como fue diseñado para adaptarse a su identidad de género, causando placeres y sufrimientos. CONCLUSIÓN: Este estudio muestra que la discusión del Proceso Transexualizador trae subsidios para enfermería acerca de los cambios corporales que experimentan las mujeres transexuales. .


OBJETIVO: Neste artigo, busca-se compreender as experiências de mulheres transexuais em relação à hormonioterapia e à cirurgia de redesignação sexual que constituem o Processo Transexualizador. MÉTODO: Trata-se de uma pesquisa qualitativa inserida no campo dos estudos culturais e de gênero. A coleta de dados utilizou entrevistas narrativas, realizadas em 2010 e 2011 com sete mulheres transexuais que se submeteram ao Processo Transexualizador há, pelo menos, dois anos. Os dados foram submetidos à análise temática. RESULTADOS: Os resultados mostram que os processos de transformação para a construção do corpo feminino envolvem adequar o comportamento, postura, empostação da voz, uso de hormônios, dilatação do canal vaginal e complicações cirúrgicas. Tais processos sujeitam o corpo a se construir conforme idealizado para adequar-se a sua identidade de gênero, infringindo-lhe prazeres e padecimentos. CONCLUSÃO: Conclui-se que a discussão que envolve o Processo Transexualizador traz subsídios para a enfermagem acerca das modificações corporais vivenciadas pelas mulheres transexuais. .


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Prazer , Estresse Psicológico , Procedimentos de Readequação Sexual/psicologia , Pessoas Transgênero/psicologia , Comportamento , Imagem Corporal , Identidade de Gênero , Hormônios Esteroides Gonadais/efeitos adversos , Hormônios Esteroides Gonadais/uso terapêutico , Entrevistas como Assunto , Satisfação do Paciente , Narrativas Pessoais como Assunto , Complicações Pós-Operatórias/psicologia , Pesquisa Qualitativa , Autoimagem , Procedimentos de Readequação Sexual/enfermagem
14.
Pesqui. vet. bras ; 35(3): 304-310, 03/2015. tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-751976

RESUMO

A comunicação do estado reprodutivo nos primatas da família Callithrichidae, depende principalmente dos comportamentos sócio-sexuais como um sistema de sinalização primário, uma vez que nestas espécies a ovulação não é percebida pelos machos. Neste trabalho, os padrões de comportamentos sócio-sexuais foram analisados em conjunto com as concentrações de metabólitos fecais dos esteróides sexuais progesterona (MFP), estradiol (MFE) e testosterona (MFT) em casais cativos de Sagüi-de-tufos-pretos (Callithrix penicillata), nas diferentes fases do ciclo ovariano. O grupo estudado era composto por quarto casais adultos, mantidos no Centro de Reabilitação de Animais Selvagens da prefeitura de São Paulo. Os padrões comportamentais foram registrados pelo método de amostragem focal por intervalo de tempo a cada 30 segundos, cinco vezes por semana, totalizando 14.400 registros por animal. A mensuração das concentrações de metabólitos fecais dos esteroides sexuais foram realizados pelo método de enzima imunoensaio (EIE). Os resultados obtidos dessas concentrações possibilitaram a determinação endócrina das fases do ciclo ovariano (folicular e luteal) e de suas respectivas durações, assim como a determinação da fase periovulatória. Foram caracterizados 31 ciclos ovarianos completos, com duração de 24,3±4,1 dias (média ±DP), sendo que a fase folicular compreendeu 13,04±4,8dias e a fase lútea 11,2±4,2 dias. Os comportamentos sócio-sexuais (marcação por cheiro, cheirar genitália, catação e apresentação sexual) e a variável "proximidade" mostraram-se significativamente mais prevalentes na fase periovulatória do que nas demais fases do ciclo. Não houve alteração das concentrações de MFT dos machos ao longo de todo o período estudado. A análise conjunta das concentrações de metabólitos fecais de esteróides sexuais e dos comportamentos sócio-sexuais possibilitou um melhor entendimento das relações endócrino-comportamentais e reprodutivas de C. penicillata.


The communication of the female reproductive status in Callithrichidae relies mainly on the socio-sexual behavior, as generally the ovulation is concealed in this primate family by a primary signaling system. In this study the socio-sexual behavior patterns was analyzed in association with the concentration of fecal metabolites of sex steroid hormones progesterone (MFP), estradiol (MFE) and testosterone (MFT) in captive couples of Black-Tufted-Marmoset (Callithrix penicillata), during the different phases of the ovarian cycle. The studied group was composed of four adult couples kept in the São Paulo City Wild Animals Rehabilitation Center. The behavioral patterns were record by focal samplings, with 30 seconds intervals for each observation, five days a week, totalizing 14.400 registers per animal. The measurement of fecal metabolites of progesterone (MFP), estradiol (MFE) and testosterone (MFT) proceeded by enzyme immune assay (EIA). The results allowed to determine the duration of the ovarian cycle and to characterize three different phases (follicular, periovulatory and luteal). It was possible to determine 31 complete cycles that lasted 24.3±4.1 days (Mean ± SD). The follicular and luteal phases lasted 13.04±4.8 and the luteal phase 11.2±4.2 days. The behavioral patterns (scent marking, sniff genitals, grooming and sexual presentation) were more prevalent in the periovulatory phase as the behavioral variable "proximity" as well. There were no variations in the concentration of MFT in the males during the period studied. The associated analyses of the fecal metabolite of sex steroids and the socio-sexual behaviors led to a better understanding of the factors involved in the reproduction of C. penicillata.


Assuntos
Animais , Callithrix/fisiologia , Comportamento Sexual Animal/fisiologia , Hormônios Esteroides Gonadais/isolamento & purificação , Comportamento Social , Estradiol , Progesterona , Testosterona
15.
Int. j. morphol ; 32(3): 833-838, Sept. 2014. ilus
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-728275

RESUMO

Diabetes leads to reproductive dysfunctions by producing free radicals. It seems that using walnut can be effective in the damage induced by diabetes. The aim of the present study was to evaluate the effects of walnut consumption on sex hormones in diabetic Wistar male rats induced by STZ (streptozotocin). Diabetes animals were induced by STZ (60 mg/kg). Rats were randomly divided into 5 groups (n=6), including normal diet and healthy (Sham), Diabetic by normal diet (control) and diabetic by 6, 9 and 12% walnut in their diet (experimental groups), and were examined for 6 weeks. Body weight, blood glucose (3 times), and sex hormones (testosterone, FSH and LH) were measured. Overall, in terms of the mean index, there was a significant difference in the percentage of weight changes between the groups (p<0.001). Blood glucose (3 times) significantly increased in experimental and control groups in comparison with sham group (p<0.001). FSH concentration significantly decreased in control group (p<0.05) and testosterone hormone decreased in experimental and control groups compared to sham group (p<0.05). Oral administration of walnut seems to prevent severe weight loss in the experimental models of diabetic rats and exerts appropriate and useful changes in blood glucose level as well as positive effects on the secretion of sex hormones.


La diabetes conduce a disfunciones reproductivas mediante la producción de radicales libres. Parece que el uso del nogal puede ser eficaz para contrarestar el daño inducido por la diabetes. El objetivo fue evaluar los efectos del consumo de nueces sobre las hormonas sexuales en ratas Wistar macho diabéticas, inducidas por estreptozotocina (STZ). La diabetes en los animales fue inducida por STZ (60 mg/kg). Los animales fueron divididos aleatoriamente en 5 grupos (n= 6 ): saludable con dieta normal (Sham), diabéticos con dieta normal (control) y diabéticos con consumo de nogal en 6, 9 y 12% en su dieta (grupos experimentales), quienes se examinaron durante 6 semanas, donde se midieron el peso corporal, glucosa en la sangre (3 veces) y hormonas sexuales (testosterona , FSH y LH). En general, en términos del índice promedio, hubo una diferencia significativa en el porcentaje de cambios de peso entre los grupos (p<0,001). La glucosa en sangre aumentó significativamente en los grupos experimentales y de control en comparación con el grupo Sham (p<0,001). La concentración de FSH se redujo significativamente en el grupo control (p<0,05); la testosterona disminuyó en los grupos experimentales y control en comparación con el grupo sham (p<0,05). La administración oral de nogal parece prevenir la pérdida severa de peso en los modelos experimentales de ratas diabéticas y ejerce cambios apropiados y útiles en el nivel de glucosa en la sangre, así como efectos positivos sobre la secreción de hormonas sexuales.


Assuntos
Humanos , Masculino , Ratos , Juglans/química , Diabetes Mellitus Experimental , Antioxidantes/administração & dosagem , Hormônios Esteroides Gonadais/análise , Glicemia/efeitos dos fármacos , Peso Corporal/efeitos dos fármacos , Ratos Wistar , Antioxidantes/farmacologia , Nozes/química
16.
São Paulo; s.n; 2014. [122] p. tab, graf.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-748492

RESUMO

Os fatores idade e sexo modificam a experiência dolorosa em animais e seres humanos. Os efeitos dos hormônios gonadais têm sido estudados em diversos modelos experimentais de dor, no entanto, o efeito do envelhecimento na percepção à dor carece de mais investigação. O efeito do envelhecimento na dor neuropática ainda não está bem estabelecido. Neste estudo se procurou avaliar possíveis variações na percepção da dor da hiperalgesia mecânica, em função da idade, presença e ausência de hormônios gonadais e sexo em ratos Wistar machos e fêmeas, jovens e idosos no modelo de dor neuropática, ligadura da quinta raiz lombar. Os animais foram divididos nos seguintes grupos: ratos jovens orquiectomizados e não-orquiectomizados, ratos idosos orquiectomizados e não-orquiectomizados, ratas jovens ooforectomizadas com ou sem reposição de 17beta-estradiol e ratas idosas. Foi testado o limiar de retirada da pata após estímulo mecânico antes da ligadura e no 7º, 14º, 21º e 28o dias após a ligadura. Os resultados mostraram que todos os animais apresentaram comportamento hiperalgésico após ligadura da quinta raiz lombar durante os 28 dias de observação. A hiperalgesia ocorreu independentemente do sexo do animal, da presença ou ausência de hormônios gonadais ou idade. Não houve diferença entre ratos jovens e idosos não-orquiectomizados (p = 0,420), entre ratos jovens e idosos orquiectomizados (p = 0,560). Entre os ratos idosos com e sem orquiectomia houve diferença no 14º (p = 0,038) e 28º (p = 0,002) dias. Ratas jovens ooforectomizadas sem reposição de 17beta-estradiol apresentaram menor hiperalgesia que ratas ooforectomizadas com reposição durante todo o período (p = 0,001). Não houve diferença entre ratos idosos orquiectomizados e ratas idosas (p = 0,09). Ratos jovens não-orquiectomizados apresentaram menor hiperalgesia mecânica que ratas jovens ooforectomizadas com reposição de 17beta-estradiol (p = 0,001), o mesmo não ocorreu entre machos e fêmeas jovens gonadectomizados...


Age and sex modify the pain experience in animals and humans. The effects of gonadal hormones have been studied in various experimental pain models, however, the effect of aging on pain perception needs further investigation. The effect of aging on neuropathic pain is not well established. In this study, we sought to determine how aging and gonadal hormones affect mechanical hyperalgesia using spinal nerve ligation as a neuropathic pain model in aged and young male and female Wistar rats. Animals were divided into seven groups: aged female, ovariectomized young females with 17beta-estradiol replacement, ovariectomized young females without 17beta-estradiol replacement, orchiectomized and non-orchiectomized aged and young males. Rats were tested for mechanical hyperalgesia in the plantar surface of the left hindpaw before nerve ligation and on days 7, 14, 21 and 28 after nerve ligation. All animals of all groups showed mechanical hyperalgesic behavior after spinal nerve ligation during entire period of 28 days. Hyperalgesia was independent of the sex of the animal, the presence or absence of gonadal hormones or age. There was no difference between non-orchiectomized aged and young males (p = 0.420), and between orchiectomized aged and young males (p = 0.560). There was difference between aged male rats with and without orchiectomy in days 14 (p = 0.038) and 28 (p = 0.002). Young ovariectomized female rats without 17beta-estradiol replacement had less hyperalgesia than young ovariectomized female rats with replacement (p = 0.001). There was no difference between aged orchiectomized male rats and old female rats (p = 0.09). Young non-orchiectomized male rats showed less mechanical hyperalgesia than young ovariectomized female rats with 17beta-estradiol replacement (p = 0.001), that did not occur between young orchiectomized males rats and young ovariectomized females rats without 17beta-estradiol replacement (p = 0.51). Young ovariectomized...


Assuntos
Animais , Masculino , Feminino , Envelhecimento , Estradiol , Hormônios Esteroides Gonadais , Orquiectomia , Ovariectomia , Dor , Medição da Dor , Ratos Wistar , Raízes Nervosas Espinhais/lesões , Testosterona , Comportamento Animal , Ganho de Peso
17.
Säo Paulo med. j ; 132(2): 111-115, 2014. tab
Artigo em Inglês | LILACS, Sec. Est. Saúde SP | ID: lil-705375

RESUMO

CONTEXT AND OBJECTIVE: Metabolic syndrome consists of a set of factors that imply increased risk of cardiovascular diseases. The objective here was to evaluate the association between sex hormone-binding globulin (SHBG), sex hormones and metabolic syndrome among men. DESIGN AND SETTING: Retrospective analysis on data from the study "Endogenous oestradiol but not testosterone is related to coronary artery disease in men", conducted in a hospital in São Paulo. METHODS: Men (aged 40-70) who underwent coronary angiography were selected. The age, weight, height, waist circumference, body mass index and prevalence of dyslipidemia, hypertension and diabetes of each patient were registered. Metabolic syndrome was defined in accordance with the criteria of the Third Report of the National Cholesterol Education Program Expert Panel on Detection, Evaluation and Treatment of High Blood Cholesterol in Adults (NCEP-ATPIII). Serum samples were collected to assess the levels of glucose, total cholesterol, HDL-cholesterol (high density lipoprotein), triglycerides, albumin, SHBG, estradiol and total testosterone (TT). The levels of LDL-cholesterol (low density lipoprotein) were calculated using Friedewald's formula and free testosterone (FT) and bioavailable testosterone (BT) using Vermeulen's formula. RESULTS: 141 patients were enrolled in the study. The prevalence of metabolic syndrome was significantly higher in the first SHBG tercile than in the second and third terciles. A statistically significant positive association between the SHBG and TT values was observed, but no such association was seen between SHBG, BT and FT. CONCLUSION: Low serum levels of SHBG are associated with higher prevalence of metabolic syndrome among male patients, but further studies are required to confirm this association. .


CONTEXTO E OBJETIVO: A síndrome metabólica (SM) consiste em um conjunto de fatores que implicam risco elevado para doenças cardiovasculares. O objetivo foi avaliar a associação entre a globulina ligadora de esteroides sexuais (SHBG), hormônios sexuais e a SM em homens. TIPO DE ESTUDO E LOCAL: Análise retrospectiva de dados do estudo "Estradiol mas não testosterona se correlaciona com doença arterial coronariana em homens", conduzido em um hospital em São Paulo. MÉTODOS: Foram selecionados pacientes do sexo masculino com idade entre 40 e 70 anos, submetidos a angiografia coronária. A idade, a prevalência de dislipidemia, hipertensão e diabetes, o peso, a altura, cintura e o índice de massa corpórea de cada paciente foram coletados. A definição de SM seguiu os critérios do NCEP-ATPIII. Amostras séricas foram coletadas para análises da glicose, colesterol total, colesterol-HDL (high density lipoprotein), triglicerídeos, albumina, SHBG, estradiol e testosterona total (TT). O colesterol-LDL (low density lipoprotein) foi calculado pela fórmula de Friedewald e as testosteronas livre (TL) e biodisponível (TB) pela fórmula de Vermeulen. RESULTADOS: Entraram no estudo 141 pacientes. A prevalência de SM foi significativamente maior no primeiro tercil de SHBG em comparação ao segundo e terceiro tercis. Foi verificada uma associação positiva e significativa ente os valores de SHBG e TT, porém essa associação não foi verificada entre SHBG e TB e TL. CONCLUSÃO: Baixos níveis séricos de SHBG estiveram associados com alta prevalência da SM em pacientes do sexo masculino. Faz-se necessário que estudos avaliem essa associação. .


Assuntos
Humanos , Masculino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Idoso , Hormônios Esteroides Gonadais/sangue , Síndrome Metabólica/sangue , Globulina de Ligação a Hormônio Sexual/análise , Análise de Variância , Glicemia/análise , Índice de Massa Corporal , Brasil/epidemiologia , Doenças Cardiovasculares/sangue , Colesterol/sangue , Síndrome Metabólica/epidemiologia , Prevalência , Valores de Referência , Estudos Retrospectivos , Medição de Risco , Fatores de Risco , Circunferência da Cintura
18.
Rev. chil. obstet. ginecol ; 79(6): 473-480, 2014. graf, tab
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-734793

RESUMO

Objetivo: Relacionar los niveles de hormonas esteroideas foliculares con el ciclo de estimulación ovárica y sus resultados globales. Métodos: Se incluyeron pacientes < 38 años, con esterilidad de causa masculina, tubárica o desconocida, que recibieron un protocolo largo con agonistas de GnRH y rFSH. Se recogieron las muestras de la primera y segunda aspiración folicular de cada ovario y se realizó un quimioinmunoanálisis de estradiol, progesterona, testosterona y DHEAS. Resultados: Se obtuvieron cifras menores de DHEAS folicular en las pacientes con más días de frenado con agonistas de GnRH (p=0,0003). Cuantos más días de rFSH administrados, mayores fueron los niveles de testosterona y DHEAS folicular (p=0,03; p=0,03). En los resultados globales del ciclo, se obtuvo una correlación negativa entre las cifras de testosterona folicular y el número de complejos puncionados (r= -0,360; p=0,002) y entre la testosterona folicular y el número de embriones de calidad D (r= -0,233; p=0,047). El número de ovocitos maduros fue menor en pacientes con mayores niveles de testosterona folicular (p=0,008). La progesterona folicular fue superior en ovocitos de buena calidad frente a los de calidad no destacable (p=0,006) y muy mala calidad (p=0,04). Conclusiones: Las cifras altas de testosterona folicular se correlacionaron con menor número de complejos puncionados, ovocitos maduros y embriones de calidad D. La buena calidad ovocitaria se asoció a niveles de progesterona folicular superiores.


Objective: To relate the levels of follicular steroid hormones with the ovarian stimulation cycle and its overall results. Method: It was included patients < 38 years old with sterility of male, tubaric or unknown origin who underwent a long protocol with GnRH agonists and rFSH. Samples were obtained from the first and second follicular aspiration of each ovary. A chemiluminescent immunoassay of estradiol, progesterone, testosterone and DHEAS was performed. Results: Figures of follicular DHEAS decreased as the days of treatment with GnRH agonists increased (p=0.0003) and levels of follicular testosterone and DHEAS increased along with the days of treatment with rFSH (p=0.03, p=0.03). In regard to the outcomes of the overall cycle it was found a negative correlation between follicular testosterone levels and the number of punctured complexes (r= -0.360; p=0.002) and between follicular testosterone and the number of D quality embryos (r= -0.233; p=0.047). The number of mature oocytes was lower in patients with higher levels of follicular testosterone (p=0.008). Follicular progesterone was higher in good quality oocytes as compared to those of no remarkable quality (p=0.006) and very poor quality (p=0.04). Conclusions: High levels of follicular testosterone were correlated with a fewer number of punctured complexes, mature oocytes and D quality embryos. Good oocyte quality was associated with higher follicular progesterone levels.


Assuntos
Humanos , Adulto , Feminino , Hormônios Esteroides Gonadais/análise , Líquido Folicular/química , Indução da Ovulação , Androgênios/análise , Estradiol/análise , Folículo Ovariano , Estudos Prospectivos , Progesterona/análise
19.
Salusvita ; 33(1)2014. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-721623

RESUMO

Relatar o caso de um granuloma gravídico (GG) presente em gengiva de uma mulher no sexto mês de gestação, que apresentou queixa funcional e estética e realizar uma revisão de literatura sobre os principais aspectos clínicos, hormonais e acerca da patogênese da lesão. Relato de Caso: Paciente do sexo feminino, 24 anos, cor parda, procurou atendimento odontológico queixando-se da presença de lesão na gengiva palatina, a mesma encontrava-se no sexto mês de gestação. Após exame anamnésico e clínico as hipóteses diagnósticas foram GG, lesão periférica de células gigantes e fibroma ossificante periférico. Diante do comprometimento estético e funcional, a biópsia excisional conservadora foi realizada, confirmando a hipótese diagnóstica de GG. A paciente foi acompanhada durante os últimos meses de gestação, tendo demonstrado um processo cicatricial normal e prognóstico favorável. Considerações Finais: no decorrer da gravidez o GG pode apresentar evolução súbita e exacerbada, atingindo dimensões tais que podem alarmar profissionais da Odontologia menos informados. Assim, a conduta baseada em adequada anamnese, avaliação clínica criteriosa e observação do período gestacional da paciente será decisiva para a realização do tratamento, o qual pode ser cirúrgico ou apenas observacional. É importante evidenciar a necessidade de cuidados com a higiene, remoção da placa bacteriana e o uso de escovas dentais adequadas, com técnicas de escovação que diminuam o trauma da mucosa bucal...


To report the case of a granuloma gravidarum (GG) present in the gum of a woman in the sixth month of pregnancy, complained functional and aesthetic and conduct a literature review on the main clinical, hormonal and regarding the pathogenesis of the lesion. Case Report: Female patient, 24 years old, brown color, sought dental care complaining of the injury gum palate, it was in the sixth month of gestation. After anamnesis and clinical examination diagnostic hypotheses were GG, peripheral giant cell lesions and peripheral ossifying fibroma. Given the esthetic and functional, conservative excisional biopsy was performed, confirming the diagnosis of GG. The patient was followed during the last months of pregnancy, having demonstrated normal wound healing process and favorable prognosis. Conclusion: during pregnancy may have an evolution GG sudden and exacerbated, reaching such dimensions that may scare dental professionals less informed. Thus, the conduct based on accurate anamnesis, clinical evaluation and careful observation of the patient during pregnancy is crucial to the achievement of the treatment, which can be surgical or just observational. It is important to highlight the need for care with hygiene, plaque removal and proper use of toothbrushes with brushing techniques that reduce the trauma of the oral mucosa...


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto Jovem , Complicações na Gravidez/diagnóstico , Crescimento Excessivo da Gengiva/diagnóstico , Granuloma Piogênico/prevenção & controle , Granuloma Piogênico/terapia , Hormônios Esteroides Gonadais/efeitos adversos
20.
São Paulo; s.n; s.n; dez. 2013. 190 p. tab, graf, ilus.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-836941

RESUMO

A área de perfumaria no mundo vem se desenvolvendo a cada dia buscando maior conhecimento das matérias-primas aromáticas, desde suas reações, estabilidade até suas interações com o substrato onde é aplicado, sempre em busca do conhecimento de todas as variáveis que possam influenciar a relação perfume-substrato e a aceitação dos consumidores, medida por meio da avaliação sensorial. Apesar de muitos estudos sobre a relação perfume-pele, poucos envolveram a relação com ciclo menstrual. Neste estudo o objetivo foi correlacionar às análises sensorial e instrumental (medidas biomecânicas e cromatográficas), estudar as matérias-primas aromáticas em função do ciclo menstrual. O estudo envolveu indivíduos com idade entre 18-40 anos: 29 mulheres e 3 homens, estes usados como grupo controle. Cada voluntária teve 40 µl da composição aromática Ciclo 1910 aplicado no antebraço, onde foram feitas as medidas biomecânicas (corneometria, sebumetria e TEWL) nos tempos inicial e 6h. Nos tempos inicial, 1.5h, 3h, 4,5h e 6h se auto-avaliaram sensorialmente a intensidade de perfume por meio de escala sensorial de magnitude rotulada (LMS) e foram coletados os compostos aromáticos liberados pela técnica de headspace e analisados por espectrometria com cromatografia a gás e detetor de massa (CGMS). Realizou-se também medidas biomecânicas de corneometria, sebumetria e TEWL interescapulares em 5 voluntárias nos tempos inicial e 6h para comparação. Os resultados obtidos foram que as fases do ciclo não interferiram nas variáveis biomecânicas (p>0,05) quando analisadas isoladamente. Para as medidas realizadas no antebraço, os índices de Corneometria (p<0,001) e TEWL (p: 0,011) na região tratada apresentou média maior que a do controle. A média dos índices de Corneometria e Sebumetria da região do antebraço tratada foi menor (p<0,001) que da região interescapular. Na análise cromatográfica não houve um padrão de resposta em diferentes fases do ciclo. As correlações entre a avaliação sensorial e instrumental (cromatografia e propriedades biomecânicas) não observaram nenhum nível de correlação (p>0,05). A Cromatografia (dados cromatográficos) foi maior na fase Folicular que nas fases Menstrual e Ovulatória (p=0,003), ao considerar como variável resposta em função do ciclo menstrual e da avaliação sensorial. Houve uma forte correlação positiva entre a análise sensorial e a avaliação na pele do homem (p<0,001). No entanto, o fator intrínseco do indivíduo Mulher influenciou na resposta, ocasionando grande variabilidade, porém percebeu-se claramente que os hormônios sexuais interferiram na resposta sensorial, cromatográfica e biomecânica da pele


The perfumery in the world has been developed everyday bringing more knowledge about aromatic raw-materials, as from chemistry reactions, stability until their interactions with substrate where is applied, always looking for variables could influence in the relation perfume-substrate and consumer acceptability, measured by sensory evaluation. Despite a lot of studies were done on this subject, few involved effects as function of menstrual cycle. The aim of this study was to correlate sensory and instrumental analysis (biomechanical and chromatographic measurements), to study the olfactory profile of raw materials in function of menstrual cycle. The study involved people with 18-40 years old: 29 volunteers, three men, who were used as control group. Each volunteer had 40 µl of perfume applied on forearm, where were done Biomechanical measurements (Corneometer, Sebumeter and TEWL) at initial and 6h, At time initial, 1.5h, 3h, 4.5h and 6h; they did self-sensory assessment in perfume intensity in own forearm using labeled magnitude scale (LMS) and also where aromatic compounds released were collected by headspace technique spectrometry and gas chromatography with mass detector (CGMS). In addition, it was done biomechanical measurements (Corneometer, Sebumeter and TEWL) on interscapular region at initial and 6h for comparing. Resulting that the phases of the cycle did not affect the biomechanical variables (p > 0.05) when analyzed individually. For measurements in the forearm, Corneometry index (p < 0.001) and TEWL (p=0.011) in the treated area were higher than the control. The average of the Sebumetry, Corneometry indexes of the forearm treated was lower (p <0.001) than the interscapular region. In the analysis of chromatographic, there was a standard response at different stages of the menstrual cycle, however the analysis by individual had no a pattern response to the release of aromatic compounds. The correlations between sensory and instrumental (chromatography and biomechanical properties) did not observe any correlation (p> 0.05). But when considering chromatography as the response variable as a function of the menstrual cycle and the sensory evaluation, the follicular phase was higher than the Menstrual and Ovulatory phase (p=0.003). There was a strong positive correlation between sensory analysis and evaluation on men skin (p<0.001). However, the intrinsic factor of the individual woman influenced the response, leading to large response variability; however, see clearly that sex hormones interfere in the sensory response, chromatographic and biomechanics of the skin


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Estudos de Avaliação como Assunto/análise , Ciclo Menstrual/metabolismo , Perfumes/efeitos adversos , Pele , Fenômenos Biomecânicos , Cromatografia , Hormônios Esteroides Gonadais , Espectrometria de Massas
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA