Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 118
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. Hosp. Ital. B. Aires (2004) ; 40(1): 34-38, mar. 2020. tab
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-1102292

RESUMO

Las mujeres han sido tratadas por décadas con testosterona intentando aliviar una gran variedad de síntomas con riesgos y beneficios inciertos. En la mayoría de los países, la testosterona se prescribe "off-label", de modo que las mujeres están utilizando compuestos y dosis ideadas para tratamientos en hombres. En este sentido, varias sociedades médicas de distintos continentes adoptaron recientemente por consenso una toma de posición sobre los beneficios y potenciales riesgos de la terapia con testosterona en la mujer, explorar las áreas de incertidumbre e identificar prácticas de prescripción con potencial de causar daño. Las recomendaciones con respecto a los beneficios y riesgos de la terapia con testosterona se basan en los resultados de ensayos clínicos controlados con placebo de al menos 12 semanas de duración. A continuación se comentan las recomendaciones. (AU)


There are currently no clear established indications for testosterone replacement therapy for women. Nonetheless, clinicians have been treating women with testosterone to alleviate a variety of symptoms for decades with uncertainty regarding its benefits and risks. In most countries, testosterone therapy is prescribed off-label, which means that women are using testosterone formulations or compounds approved for men with a modified dose for women. Due to these issues, there was a need for a global Consensus Position Statement on testosterone therapy for women based on the available evidence from placebo randomized controlled trials (RCTs). This Position Statement was developed to inform health care professionals about the benefits and potential risks of testosterone therapy intended for women. The aim of the Consensus was to provide clear guidance as to which women might benefit from testosterone therapy; to identify symptoms, signs, and certain conditions for which the evidence does not support the prescription of testosterone; to explore areas of uncertainty, and to identify any prescribing practices that have the potential to cause harm. (AU)


Assuntos
Humanos , Feminino , Idoso , Testosterona/uso terapêutico , Pós-Menopausa/efeitos dos fármacos , Depressores do Apetite/efeitos adversos , Fenitoína/efeitos adversos , Placebos/administração & dosagem , Psicotrópicos/efeitos adversos , Tamoxifeno/efeitos adversos , Testosterona/administração & dosagem , Testosterona/análise , Testosterona/efeitos adversos , Testosterona/farmacologia , Fármacos Cardiovasculares/efeitos adversos , Indometacina/efeitos adversos , Hormônio Liberador de Gonadotropina/efeitos adversos , Pós-Menopausa/fisiologia , Ensaios Clínicos Controlados como Assunto , Antagonistas Colinérgicos/efeitos adversos , Anticoncepcionais Orais/efeitos adversos , Disfunções Sexuais Psicogênicas/etiologia , Disfunções Sexuais Psicogênicas/terapia , Danazol/efeitos adversos , Consenso , Inibidores da Aromatase/efeitos adversos , Uso Off-Label , Inibidores do Fator Xa/efeitos adversos , Anfetaminas/efeitos adversos , Antagonistas dos Receptores Histamínicos/efeitos adversos , Antagonistas de Androgênios/efeitos adversos , Androgênios/fisiologia , Cetoconazol/efeitos adversos , Entorpecentes/efeitos adversos
3.
J. Health Biol. Sci. (Online) ; 6(3): 313-326, 02/07/2018. tab, ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-964782

RESUMO

Introdução: nos dias atuais, a obesidade tornou-se um problema de saúde pública em escala global. Entre os tratamentos disponíveis, destaca-se o uso da sibutramina. Entretanto, este fármaco apresentou diversos efeitos adversos (EA), sendo os de maior relevância os cardiovasculares. Objetivo: o objetivo deste estudo foi avaliar se a terapia com a sibutramina traz malefícios à saúde humana. Métodos: a revisão sistemática foi realizada seguindo o protocolo PRISMA para revisões sistemáticas e utilizando as bases de dados PubMed, LILACS e SciElo. Nestas, buscaram-se estudos publicados entre 2006 e 2016, utilizando-se dos descritores "sibutramine" e "adverse effects" junto com o operador booleano "AND". Resultados: dezoito artigos, das 479 publicações encontradas, atenderam aos critérios de inclusão, sendo, então, utilizados para compor a presente revisão. Os EA mais encontrados foram complicações cardiocirculatórias (66,6%), sendo as mais frequentes a taquicardia e a hipertensão arterial sistêmica (HAS). Adicionalmente a esses, a constipação intestinal e a boca seca/xerostomia (55,5%), cefaleia e insônia (38,8%) e alterações de humor (26,6%) também foram relatados. Além disso, o tratamento com sibutramina mostrou-se eficaz na perda de peso em 88,88% dos estudos analisados. Conclusão: apesar da terapêutica com sibutramina ter apresentado efetividade na redução de peso, não se pode concluir acerca da segurança desse fármaco.(AU)


Introcuction: in the modern times, obesity has become a global health problem. Sibutramine stands out among the available treatments. However, this drug is associated to several adverse events (AE), being the cardiovascular the most relevant ones. Objetive: the aim of this study was to evaluate whether therapy with sibutramine is harmful to human health. Methods: the systematic review was performed following the PRISMA protocol for systematic reviews and using the databases PubMed, LILACS and SciElo, aiming for studies published between 2006 and 2016. For the search of the papers, the descriptors "sibutramine" and "adverse effects" were used, together with the boolean operator "AND". Results: eighteen studies of 479 publications met the inclusion criteria, and were used in the present review. The main AE founded after the analysis of the articles were cardiocirculatory complications (66.6%), with more frequent tachycardia and systemic arterial hypertension. In addition, intestinal constipation and dry mouth/xerostomia (55.5%), headache and insomnia (38.8%) and mood alteration (26.6%) were also reported. Furthermore, treatment with sibutramine was effective in reducing weight in 88.88% of the studies analyzed. Conclusion: although sibutramine therapy has an effective effect on weight reduction, the safety of the drug is not proved.(AU)


Assuntos
Depressores do Apetite , Obesidade
4.
São Paulo; s.n; s.n; 2018. 88 p. graf, tab.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-996316

RESUMO

A adição fraudulenta de ativos farmacêuticos em suplementos nutricionais é um problema mundial. É comum encontrar mensagens sobre perda de peso, aumento da capacidade intelectual e/ou física, e estímulo sexual na embalagem de suplementos adulterados com fármacos sintéticos ocultos em formulações aparentemente inofensivas para os usuários. No Brasil, a disponibilidade de dados sobre a adulteração de suplementos nutricionais é escassa. No presente trabalho, foi desenvolvido e aplicado um método analítico empregando cromatografia gasosa com detector de nitrogênio fósforo (GC-NPD) para a detecção, identificação e quantificação de estimulantes/anorexígenos não declarados nos rótulos de suplementos alimentares, tais como: cafeína, femproporex, anfepramona, fenfluramina, sibutramina, fentermina, efedrina, fenilpropanolamina, pseudoefedrina e 4- metilhexan-2-amina. A técnica de extração/solubilização com metanol foi utilizada, ressaltando a utilização de baixa quantidade de amostra, solvente e padrões de estimulantes. Após o desenvolvimento e validação do método, as análises foram aplicadas em amostras de suplementos nutricionais obtidos em lojas especializadas em suplementos, de diversas partes do estado de São Paulo (n=125). Das 125 amostras de suplemento nutricional analisadas, 38 delas (30%) apresentaram resultado positivo para alguma das substâncias de interesse, dentre elas, sibutramina, cafeína e efedrina mediante a metodologia escolhida. As amostras positivas foram posteriormente analisadas qualitativamente por LC-MS/MS, no propósito de confirmar o resultado positivo obtido. A técnica analítica empregada proporciona seletividade, linearidade, precisão, exatidão, recuperação e limites em conformidade ao objetivo que foram destinadas. Os métodos de preparo de amostra desenvolvidos e validados demonstraram ser simples, práticos, eficientes e diferenciados pelo baixo uso de amostra e solvente


The fraudulent addition of active pharmaceutical compounds in nutritional supplements is, indeed, a worldwide problem. Often, it can be found several advertisements on various supplement packaging assuring weight loss, increased intellectual and/or physical capacity and sexual stimulation. These products may have been 'spiked' with synthetic drugs containing formulations which are apparently harmless to users. In Brazil, the availability of data about adulteration of nutritional supplements is scarce. In the present work, an analytical method using gas chromatography coupled with a nitrogen-phosphorus detector (GC-NPD) was developed and applied for the detection, identification and quantification of undeclared stimulants and/or anorectic agents in food supplement labels, such as: caffeine, fenproporex, amfepramone, fenfluramine, sibutramine, phentermine, ephedrine, phenylpropanolamine, pseudoephedrine e 4- metilhexan -2- amine. The extraction/solubilization with methanol presented satisfactory results, emphasizing the use of low amount of sample, solvent and standards of analytes. After the development and validation, the method was applied in samples of nutritional supplements obtained from specialty stores in various parts of the state of São Paulo (n = 125). From the 125 nutritional supplement samples analyzed, 38 of them (30%) presented positive results for some of the substances of interest, among them sibutramine, caffeine and ephedrine according to the chosen methodology. The positive samples were subsequently analyzed qualitatively by LCMS / MS, in order to confirm the positive result obtained. The analytical technique employed provides selectivity, linearity, precision, accuracy, recovery and limits in accordance with the intended purpose. The sample preparation methods developed and validated to be simple, practical, efficient and differentiated by the low sample and solvent usage


Assuntos
Métodos de Análise/métodos , Suplementos Nutricionais/análise , Depressores do Apetite/administração & dosagem , Contaminação de Medicamentos
5.
RECIIS (Online) ; 11(3): 1-19, jul.-set.2017.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-876444

RESUMO

Os inibidores de apetite são comercializados no Brasil há mais de 30 anos. Em 2010, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) iniciou um processo de revisão da avaliação de risco desses fármacos e cancelou, em 2011, o registro dos três emagrecedores à base de anfetamina (anfepramona, femproporex,mazindol), permitindo que apenas a sibutramina fosse comercializada. A decisão foi revogada em 2014 pelo Congresso Nacional, que autorizou a volta ao mercado brasileiro dos anorexígenos derivados da anfetamina. Este artigo analisa a construção dos sentidos sobre risco por jornais diários durante a cobertura noticiosa da controvérsia relativa aos emagrecedores, nesses dois momentos antagônicos. Com base na semiologia dos discursos sociais, foram analisadas 25 notícias de 2011 e 2014 que demonstraram que o discurso do risco,embora presente na maioria dos textos, foi minimizado pela cobertura política que privilegia os conflitos de interesses, os embates travados com a autoridade sanitária e as contradições do processo.(AU)


Appetite suppressants are sold in Brazil over 30 years. In 2010, the Agência Nacional de Vigilância Sanitária- Anvisa (National Health Surveillance Agency) began a process to review the risk assessment of these drugs and in 2011 cancelled the register of the three amphetamine-based anorexigenics (anfepramone,fenproporex, mazindol), only allowing to be marketed in Brazil the sibutramine. In 2014, the Congressrevoked the decison-making by Anvisa and authorized the sale of the amphetamine derivatives. This paper analyzes how the meanings of risk were built by daily newspapers during the coverage of the appetite suppressants controversy, considering these two antagonistic moments. Based on the social semiotics, weanalyzed 25 newspaper articles published in 2011 and in 2014, which showed that the discourse of risk doesnot assume the center of the discursive scene, resulting in a political coverage that favours the conflicts ofinterests, as well as the disputes with the Anvisa and the contradictions of the process


Los inhibidores del apetito se venden en Brasil hace más de 30 años. En 2010, la Agência Nacional deVigilância Sanitária ­ Anvisa (Agencia Nacional de Vigilancia Sanitaria) inició un proceso de revisión dela evaluación de riesgos de estos fármacos y ha cancelado, en 2011, la inscripción en el registro de los tresinhibidores del apetito de la familia de las anfetaminas (dietilpropión, fenproporex, mazindol), permitiendoque sólo la sibutramina fuese mantenida en el mercado. La decisión ha sido revocada en 2014 por el Congreso Nacional, que autorizó la comercialización de los inhibidores del apetito derivados de la anfetamina.En este artículo se analiza la construcción del sentido del riesgo en periódicos diarios durante la coberturade la controversia relativa a esos fármacos, en los dos momentos antagónicos. Basado en la teoría de losdiscursos sociales, se analizaron 25 noticias de los años 2011 y 2014, que mostraron que el discurso delriesgo ha sido infravalorado por la cobertura política que privilegia los conflictos de intereses, así como lasdisputas con la autoridad sanitaria, y las contradicciones del proceso.


Assuntos
Humanos , Fármacos Antiobesidade/farmacologia , Depressores do Apetite , Comunicação em Saúde , Jornalismo , Obesidade/prevenção & controle , Depressores do Apetite/efeitos adversos , Brasil , Comercialização de Medicamentos , Fatores de Risco
6.
Clinics ; 72(5): 317-324, May 2017. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-840075

RESUMO

The aim of this study was to evaluate efficacy and safety of amfepramone, fenproporex and mazindol as a monotherapy for the treatment of obese or overweight patients. A systematic review of primary studies was conducted, followed by a direct meta-analysis (random effect) and mixed treatment comparison. Medline and other databases were searched. Heterogeneity was explored through I2 associated with a p-value. Of 739 identified publications, 25 were included in the meta-analysis. The global evaluation of Cochrane resulted in 19 studies with a high level of bias and six with unclear risk. Due to the lack of information in primary studies, direct meta-analyses were conducted only for amfepramone and mazindol. Compared to placebo, amfepramone resulted in higher weight loss in the short-term (<180 days; mean difference (MD) -1.281 kg; p<0.05; I2: 0.0%; p=0.379) and long-term (≥180 days; MD -6.518 kg; p<0.05; I2: 0.0%; p=0.719). Only studies with long-term follow up reported efficacy in terms of abdominal circumference and 5-10% weight reduction. These results corroborated the finding that the efficacy of amfepramone is greater than that of placebo. Treatment with mazindol showed greater short-term weight loss than that with placebo (MD -1.721 kg; p<0.05; I2: 0.9%; p=0.388). However, metabolic outcomes were poorly described, preventing a meta-analysis. A mixed treatment comparison corroborated the direct meta-analysis. Considering the high level of risk of bias and the absence of important published outcomes for anti-obesity therapy assessments, this study found that the evaluated drugs showed poor evidence of efficacy in the treatment of overweight and obese patients. Robust safety data were not identified to suggest changes in their regulatory status.


Assuntos
Humanos , Depressores do Apetite/uso terapêutico , Dietilpropiona/uso terapêutico , Mazindol/uso terapêutico , Obesidade/tratamento farmacológico , Sobrepeso/tratamento farmacológico , Depressores do Apetite/metabolismo , Dietilpropiona/metabolismo , Mazindol/metabolismo , Obesidade/metabolismo , Sobrepeso/metabolismo , Viés de Publicação , Reprodutibilidade dos Testes , Fatores de Risco , Resultado do Tratamento , Perda de Peso/efeitos dos fármacos
7.
Rev. direito sanit ; 18(1): 140-170, 2017.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-868443

RESUMO

Este artigo trata sobre a fragilização do importante papel da Agência Nacional de Vigilância Sanitária que é de proteção da saúde da população ­ exercido, principalmente, pela mitigação dos riscos decorrentes do consumo de produtos sujeitos a seu controle, tais como os medicamentos. Essa desvalorização da agência está sendo causada pelas crescentes ameaças as suas competências, em grande parte por decisões do Congresso Nacional movidas por pressões de alguns grupos ou mesmo por comoções sociais iludidas por panaceias. São analisados dois casos emblemáticos: o dos inibidores de apetite e o da fosfoetanolamina sintética (a "pílula do câncer").(AU)


This article deals with the diminishing role of the Brazilian National Health Surveillance Agency, whose main objective is to protect the health of the population, particularly through the mitigation of risks from consumer products, such as medications. This devaluation of the agency is caused by the growing threats to its areas of actuation, largely due to decisions made the Brazilian Congress, which is pressured by some groups, or even social upheaval driven by notions of panaceas. Two emblematic cases are analyzed: appetite suppressants and synthetic phosphoethanolamine.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Depressores do Apetite , Agência Nacional de Vigilância Sanitária , Relatos de Casos , Preparações Farmacêuticas , Direito à Saúde , Controle Social Formal , Sistema Único de Saúde
8.
Braz. j. med. biol. res ; 48(6): 537-544, 06/2015. graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-748218

RESUMO

Amfepramone (diethylpropion) is an appetite-suppressant drug used for the treatment of overweight and obesity. It has been suggested that the systemic and central activity of amfepramone produces cardiovascular effects such as transient ischemic attacks and primary pulmonary hypertension. However, it is not known whether amfepramone produces immediate vascular effects when applied in vitro to rat aortic rings and, if so, what mechanisms may be involved. We analyzed the effect of amfepramone on phenylephrine-precontracted rat aortic rings with or without endothelium and the influence of inhibitors or blockers on this effect. Amfepramone produced a concentration-dependent vasorelaxation in phenylephrine-precontracted rat aortic rings that was not affected by the vehicle, atropine, 4-AP, glibenclamide, indomethacin, clotrimazole, or cycloheximide. The vasorelaxant effect of amfepramone was significantly attenuated by NG-nitro-L-arginine methyl ester (L-NAME) and tetraethylammonium (TEA), and was blocked by removal of the vascular endothelium. These results suggest that amfepramone had a direct vasorelaxant effect on phenylephrine-precontracted rat aortic rings, and that inhibition of endothelial nitric oxide synthase and the opening of Ca2+-activated K+ channels were involved in this effect.


Assuntos
Animais , Masculino , Acetilcolina/farmacologia , Aorta Torácica/efeitos dos fármacos , Depressores do Apetite/farmacologia , Dietilpropiona/farmacologia , Vasodilatadores/farmacologia , Aorta Torácica/metabolismo , Canais de Cálcio/efeitos dos fármacos , Canais de Cálcio/metabolismo , Endotélio Vascular/efeitos dos fármacos , NG-Nitroarginina Metil Éster/metabolismo , Óxido Nítrico Sintase Tipo III/efeitos dos fármacos , Fenilefrina/farmacologia , Canais de Potássio/efeitos dos fármacos , Canais de Potássio/metabolismo , Ratos Wistar , Tetraetilamônio/metabolismo , Vasoconstritores/farmacologia , Vasodilatação/efeitos dos fármacos
9.
Braz. j. pharm. sci ; 50(4): 737-740, Oct-Dec/2014. graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-741344

RESUMO

Obesity is defined as the excess adipose tissue in the body. Drugs responsible for inhibiting the appetite are called anorectics or appetite suppressants. Sibutramine, fenproporex and amfepramone belongs to this class, and are capable of causing physical or psychological dependence. The aim of this study was to evaluate the frequency of prescriptions for appetite suppressants in community pharmacies at Cruz Alta, State of Rio Grande do Sul, Brazil. The sales of fenproporex, amfepramone and sibutramine in the months of September, October and November 2010 and April, May and June 2011 were compared. It was observed that the most commonly dispensed anorectic in the three community pharmacies analyzed was sibutramine. In the months of September, October and November 2010, consumption was higher, with sibutramine achieving 40.3% of overall sales, amfepramone 21% and, finally, fenproporex, 7.9%. The consumption of appetite suppressants was more prevalent in females, who represented 82% of total. The results suggested the existence of high consumption of anorectics, possibly related to the current concern with aesthetic standards, which emphasizes the importance of strict control over the marketing of these substances.


Obesidade define-se como excesso de tecido adiposo no organismo. Os fármacos responsáveis por inibir o apetite são denominados anorexígenos ou supressores de apetite. Sibutramina, femproporex e anfepramona, pertencentes a essa classe, são capazes de provocar dependência física ou psíquica. O objetivo deste estudo foi avaliar a prevalência da prescrição de anorexígenos em farmácias comerciais de Cruz Alta - RS. Foi comparada a venda dos fármacos femproporex, anfepramona e sibutramina, nos meses de setembro, outubro e novembro de 2010 e abril, maio e junho de 2011. Observou-se que o anorexígeno mais prescrito nas três farmácias analisadas foi a sibutramina. Nos meses de setembro, outubro e novembro de 2010, o consumo foi maior, quando a sibutramina alcançou um percentual de 40,3%, a anfepramona 21% e, por fim, o femproporex, 7,9%. O consumo de inibidores de apetite foi mais prevalente no sexo feminino, o qual representou 82% do total. Os resultados sugeriram a existência de elevado consumo de anorexígenos, possivelmente relacionada à preocupação com padrões estéticos atuais, o que ressalta a importância de um controle rigoroso sobre a comercialização destas substâncias.


Assuntos
Depressores do Apetite , Farmácias/classificação , Anfetaminas , Obesidade/classificação , Comercialização de Medicamentos
10.
Ciênc. saúde coletiva ; 19(5): 1389-1400, 05/2014. tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-710535

RESUMO

Este estudo busca analisar os determinantes do consumo de inibidores de apetite (anfepramona, femproporex, mazindol e sibutramina) por meio da estimação de um modelo dinâmico de dados em painel para as capitais brasileiras e do Distrito Federal (DF) no período de 2009 a 2011. Os resultados revelam que o consumo de inibidores de apetite não acompanhou a distribuição geográfica dos indivíduos com excesso de peso e com obesidade nas unidades estudadas. Do consumo recorrente de inibidores, 79% são explicados pelo ocorrido no passado. Dentre as variáveis que explicam o consumo de inibidores, destacam-se os percentuais de adultos com obesidade e que dos que consomem frutas e hortaliças e a taxa de cobertura de planos de saúde. A análise farmacoeconométrica sugere que há problemas no uso racional dos inibidores de apetite nas capitais brasileiras e no DF, seja no que tange ao consumo desses medicamentos com outros fármacos - considerados ilegais pelo Conselho Federal de Medicina e pela Anvisa - e, também, na indicação terapêutica de uso desses produtos.


The scope of this study is to analyze the determinants of the use of appetite suppressants (amfepramone, femproporex, mazindol and sibutramine) through the estimation of a dynamic panel dataset model for the Brazilian state capitals and the Federal District (DF) in the period from 2009 to 2011. The results show that consumption of appetite suppressants did not follow the geographic distribution of overweight and obese individuals across the capitals and DF. There is a recurrent consumption of appetite inhibitors, in which 79% of the current consumption of these drugs is explained by past consumption. Among the variables that explain the use of inhibitors, the percentage of obese adults, the percentage of adults who habitually consume fruit and vegetables, and the coverage rate of health plans stand out. The pharmaco-econometric analysis suggests that there are problems in the rational use of appetite suppressants in the Brazilian state capitals and the Federal District with respect to both the combined consumption of these drugs with other medicines - deemed illegal by the Federal Council of Medicine and ANVISA - and in the therapeutic prescription of these products.


Assuntos
Adolescente , Adulto , Feminino , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Adulto Jovem , Depressores do Apetite/economia , Uso de Medicamentos/economia , Uso de Medicamentos/normas , Obesidade/economia , Depressores do Apetite/uso terapêutico , Brasil , Modelos Econométricos , Obesidade/tratamento farmacológico
11.
Arq. bras. endocrinol. metab ; 58(3): 243-250, abr. 2014. tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-709348

RESUMO

Objetivo : Avaliar o efeito da sibutramina na perda de peso de adolescentes obesos.Sujeitos e métodos : Estudo duplo-cego placebo controlado tipo cross over com duração de 13 meses. Foram incluídos no estudo 73 adolescentes obesos de ambos os sexos com idades entre 10 e 18 anos. A avaliação antropométrica foi realizada a cada 40 dias em média. Os exames laboratoriais e de imagem foram realizados antes, no período de wash-out e ao final dos 13 meses.Resultados : A porcentagem de pacientes que perderam 10% do peso inicial no placebo foi de 46% e, no grupo sibutramina, foi de 75%. Quando usaram o placebo, o peso em média se elevou em 1,61 kg, e o IMC reduziu em média 0,24 kg/m2, enquanto com o uso da sibutramina o peso reduziu em média 4,47 kg e o IMC reduziu em média 2,38 kg/m2 com p < 0,001.Conclusões : A sibutramina induziu significantemente mais perda de peso em adolescentes obesos em comparação ao placebo, sem efeitos colaterais significativos. A curva de evolução ponderal foi diferente de acordo com o momento em que a sibutramina foi introduzida. Esse achado indica que o melhor momento de introdução da sibutramina é quando a adesão começa a falhar. Arq Bras Endocrinol Metab. 2014;58(3):243-50.


Objective : To evaluate the effect of sibutramine on weight loss in obese adolescents.Subjetcs and methods A double-blind controlled study lasting 13 months. The study included 73 obese adolescents of both sexes aged between 10 and 18 years. Laboratory tests and imaging studies were performed before, during wash-out, and at the end of 13 months.Results : The percentage of patients who lost 10% of their initial weight in the placebo group was 46%, and in the sibutramine group was 75%. When placebo was used, average weight rose by 1.61 kg, and BMI decreased by 0.24 kg/m2 whereas with the use of sibutramine, weight decreased by 4.47 kg, and average BMI decreased, 2.38 kg/m2, with p < 0.001.Conclusions : Sibutramine induced significantly more weight loss in obese adolescents compared with placebo, without significant side effects. The weight loss curve was different depending on the moment sibutramine was introduced. This finding indicates that the best time to start sibutramine is when adhesion begins to fail. Arq Bras Endocrinol Metab. 2014;58(3):243-50.


Assuntos
Adolescente , Criança , Feminino , Humanos , Masculino , Depressores do Apetite/uso terapêutico , Ciclobutanos/uso terapêutico , Obesidade Pediátrica/tratamento farmacológico , Perda de Peso/efeitos dos fármacos , Depressores do Apetite/efeitos adversos , Índice de Massa Corporal , Glicemia/análise , Estudos Cross-Over , Colesterol/sangue , Ciclobutanos/efeitos adversos , Método Duplo-Cego , Insulina/sangue , Leptina/sangue , Segurança do Paciente , Obesidade Pediátrica/sangue , Resultado do Tratamento , Triglicerídeos/sangue
12.
Rev. Soc. Bras. Clín. Méd ; 11(3)jul.-set. 2013.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-686976

RESUMO

Cardiovascular alterations are part of the obesity-related metabolic syndrome. The objective of this study was to verify the effect of sibutramine on obese patients heart rate. Systematic review of randomized clinical trials performed in the Brazilian Cochrane center, in obese patients, on use of sibutramine or placebo. Outcome: change in heart rate. Electronic database searched: Cochrane library, Medline, LILACS, Pubmed. There were no language, date, or other restrictions. Two reviewers made data collection and extraction, who independently obtained full articles of all eligible papers. Four studies provided dichotomous data for a meta-analysis, the outcome of which was favorable to placebo: relative risk (RR) 3.73, confidence interval (CI) 2.07 to 6.73, risk difference (RD) of 0.13, number needed to harm (NNH) of 7. Ten studies presented continuous data for a meta-analysis, the result of which was favorable to placebo: mean difference (MD) of 7.24, CI of 6.22-8.26. The use of sibutramine in obese patients significantly affects the heart rate.


Alterações cardiovasculares são parte da síndrome metabólica relacionada à obesidade. O objetivo deste estudo foi verificar a influência da sibutramina sobre a frequência cardíaca em pacientes obesos.Revisão sistemática de ensaios clínicos randomizados realizados no centro Cochrane do Brasil em pacientes obesos em uso de sibutramina ou placebo. Desfecho: alteração da frequência cardíaca. Banco de dados eletrônico pesquisados: Cochrane Library, Medline, LILACS, Pubmed. Não houve restrições quanto a idioma, data, ou outras restrições. Coleta de dados e extração foi realizada por dois revisores, que de forma independente obteve artigos na íntegra de todos os estudos elegíveis. Quatro estudos forneceram dados dicotômicos para uma meta-análise, cujo resultado foi favorável ao placebo:risco relativo (RR) 3,73, intervalo de confiança (IC) 2,07-6,73, diferença de risco (DR) de 0.13, número necessário para causar lesão (NNL) de 7. Dez estudos apresentaram dados contínuos para uma metanálise, cujo resultado foi favorável ao placebo: diferença média (DM) de 7,24, IC de 6,22-8,26. O uso da sibutramina em pacientes obesos afeta significativamente a frequência cardíaca.


Assuntos
Humanos , Depressores do Apetite/uso terapêutico , Frequência Cardíaca , Obesidade/tratamento farmacológico , Perda de Peso
13.
Einstein (Säo Paulo) ; 11(1): 47-52, jan.-mar. 2013. graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-670303

RESUMO

OBJETIVO: Estabelecer a prevalência do uso de moderadores de apetite entre estudantes da área da saúde na Região Sul do Brasil. MÉTODOS: Estudantes universitários (n=300) de sete cursos da área da saúde da Universidade de Caxias do Sul completaram um questionário sobre o uso de moderadores de apetite. RESULTADOS: Uma significativa porcentagem da amostra (15%; n=45) usou moderadores de apetite pelo menos uma vez na vida. As substâncias mais comumente usadas foram drogas estimulantes (5%), incluindo amfepramona (3,3%) e fenproporex (1,7%). O uso de moderadores de apetite foi mais prevalente entre estudantes de Enfermagem (26,7%) e Nutrição (24,4%%). Não foi relatado o uso de moderadores de apetite entre estudantes de Medicina. O uso de anorexígenos foi significativamente mais prevalente entre mulheres. A maioria dos que usaram supressores de apetite o fez sob orientação médica, como também usou tais substâncias por mais de 3 meses. CONCLUSÃO: O uso durante a vida de moderadores de apetite foi significativo entre estudantes da área da saúde, especialmente entre os matriculados em Enfermagem e Nutrição. As drogas estimulantes simpatomiméticas foram os agentes mais comumente usados.


OBJECTIVE: To investigate the prevalence of appetite suppressant use among health sciences students in Southern Brazil. METHODS: Undergraduate students (n=300) from seven health science undergraduate courses of the Universidade de Caxias do Sul completed a questionnaire about the use of substances to suppress appetite. RESULTS: A significant percentage (15%; n=45) of research participants used appetite suppressants at least once in their lives. The most commonly used substances were sympathomimetic stimulant drugs (5%), including amfepramone (3.3%) and fenproporex (1.7%). The lifetime use of appetite suppressants was more prevalent among Nursing (26.7%) and Nutrition (24.4%%) students. There was no reported use of appetite suppressants among medical students. The use of appetite suppressants was significantly more prevalent among women. The majority of those who used these substances did so under medical recommendation. Most of users took appetite suppressants for more than 3 months. CONCLUSION: Lifetime use of appetite suppressants was substantial, being sympathomimetic stimulant drugs the most commonly used agents. Students enrolled in Nursing and Nutrition courses presented a significantly higher prevalence of lifetime use of appetite suppressants.


Assuntos
Depressores do Apetite , Brasil , Obesidade , Estudantes
14.
Ciênc. saúde coletiva ; 17(12): 3331-3342, dez. 2012. graf, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-656475

RESUMO

A obesidade é um grave problema de saúde pública, com prevalência crescente em níveis epidêmicos. Tratamento farmacológico é uma das abordagens terapêuticas, mas deve ser precedido de mudança de hábitos alimentares e prática regular de atividades físicas. Há preocupação com o uso não racional de medicamentos anorexígenos, independente da condição de doença. O estudo avaliou as dispensações destes psicotrópicos realizadas em 2009, Juiz de Fora, MG. Realizou-se a pesquisa em boletins de consumo, enviados mensalmente à VISA municipal, e em registros obtidos no SNGPC. De 7.759 notificações pesquisadas, 93,3% foram dispensadas por farmácias magistrais e 6,7% por drogarias. Daquele total, 55,4% foram de anfepramona, 33,1% de femproporex e 11,5% de mazindol. Com base em relatório da Anvisa, as três substâncias apresentaram consumo maior no município (DDD/mil hab/ano) do que no país como um todo, para o mesmo período. O profissional com maior número de receitas aviadas teve 3.535 dispensações. Todas foram dispensadas em farmácias, sendo 99,5% em um único estabelecimento. O cenário mostra a dispensação de anorexígenos como problema relevante de saúde coletiva e indica a necessidade de reavaliação dos critérios de monitoramento de sua prescrição, dispensação e consumo.


Obesity is a serious public health issue of epidemic proportions. Although drug therapy is one of the therapeutic approaches, it should be preceded by a change in eating habits along with regular exercise. This study assessed prescription of such drugs in 2009, in Juiz de Fora, Minas Gerais, Brazil. Data were collected from consumption bulletins sent monthly to the municipal sanitary surveillance agency (VISA), and from the Brazilian National Management System of Controlled Products. Of the 7,759 notifications assessed, 93.3% were dispensed by prescription pharmacies and 6.7% by drugstores. Of that total, 55.4% were for amphepramone, 33.1% for femproporex, and 11.5% for mazindol. The three drugs had a larger consumption rate in the municipality (daily defined dose/1,000 inhabitants/day) than in the country as a whole, during the period under study. The professional with the highest prescription rate was responsible for 3,535 prescriptions. All of these were dispensed by prescription pharmacies, a single outlet being responsible for 99.5% of these prescriptions. This scenario shows that anorectic psychotropic drug prescription is a relevant public health issue and the criteria for monitoring the prescription and consumption of these drugs should be re-evaluated.


Assuntos
Humanos , Depressores do Apetite/uso terapêutico , Obesidade/tratamento farmacológico , Psicotrópicos/uso terapêutico , Brasil , Cidades , Estudos Transversais , Prescrições de Medicamentos/estatística & dados numéricos , Estudos Retrospectivos
15.
Medicina (Ribeiräo Preto) ; 45(3): 303-309, jul.-set. 2012.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-668611

RESUMO

O objetivo deste trabalho de revisão foi dissertar sobre a regulação hormonal da ingestão alimentar e do peso corporal. A ingestão de macronutrientes, o gasto energético e o balanço entre a síntese de hormônios que aumentam a atividade dos neurônios orexígenos e anorexígenos são fatores determinantes na regulação da ingestão alimentar e no controle do peso corporal. Os hormônios leptina, insulina e opeptídeo YY são grandes potenciadores da atividade dos neurônios anorexígenos POMC/CART. Por outro lado, a ação da grelina aumenta a atividade dos neurônios orexígenos NPY/AgRP. Estes hormônios sintetizados perifericamente atravessam a barreira-hemato-encefálica e se ligam aos seus receptores no núcleo arqueado hipotalâmico com o objetivo de regular a ingestão alimentar e controlar o balanço energético. Estes mecanismos revelam a complexidade do controle do balanço energético e todos os centros envolvidos na busca pela homeostase energética.


The purpose of a literature review was to explain about the hormonal regulation and neural control of thefood intake and body weight. The ingestion of macronutrients, the energy cost of food and hormonesynthesis that increases the activity of the orexygenic and anorexygenic neurons are determinative factors in the regulation of the food intake and body weight. The leptin, insulin and peptide YY increaseactivity of the anorexygenic neurons POMC/CART. However, the ghrelin increases activity of the orexygenicneurons NPY/AgRP. These hormones crossing the barrier hematoencephalic and binds to specificsreceptors in the hypothalamic arcuate nucleus. These mechanisms show to the complexity of the foodintake control and all the involved centers in the search for the energy homeostasis.


Assuntos
Humanos , Depressores do Apetite , Ingestão de Alimentos , Hormônios , Neurônios/classificação
16.
Acta amaz ; 42(2): 215-220, June 2012. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-616882

RESUMO

OBJECTIVES: The International Narcotics Control Board released its 2005 annual report, highlighting the Brazil population as one of the largest consumers of anorectics. In Brazil, the National Health Surveillance Agency issued the resolution RDC 58/2007 in order to control the prescription and sale of such drugs. In Belém, the biggest city in the Brazilian Amazon region, this resolution came into force in 2008, leading to inspections of drugstores and magistral pharmacies. The aim of this work was to evaluate the consumption of psychotropic anorectic drugs and the impact of RDC 58/2007 on the prescription and dispensing of anorectics in drugstores and magistral pharmacies in Belém. METHODOLOGY: A retrospective quantitative and descriptive study was conducted of records from the Municipal Department of Health Surveillance of Belém, for 2005 to 2008. The differences in findings were regarded significant when p < 0.05. RESULTS: A total of 1,641 balance sheets of drugstores and magistral pharmacies were analyzed. Amfepramone was the most dispensed medication, followed by fenproporex and mazindol. The highest consumption of anorectics occurred in magistral pharmacies. In 2008, there was a significant reduction in dispensing of anorectics, in drugstores as well as in magistral pharmacies. CONCLUSIONS: This study showed that there was a decrease in the dispensing of anorectics after RDC 58/2007 came into force, and that the magistral pharmacies dispensed more of these drugs. This resolution is a remarkable tool in health control, where it is of great benefit to public health and contributes substantially to the rational use of medicines in Brazil.


OBJETIVOS: O International Narcotics Control Board publicou em 2005 sua pesquisa anual que demonstrou que a população brasileira são um dos maiores consumidores de anorexígenos. No Brasil, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária publicou a resolução RDC 58/2007 com o objetivo de controlar a prescrição e comercialização deste tipo de medicamento. Em Belém, a maior cidade da Amazônia brasileira, esta resolução entrou em vigor em 2008, levando à inspeções em drogarias e farmácias. Este trabalho propõe avaliar o consumo de psicotrópicos anorexígenos e o impacto da RDC 58/2007 na prescrição e dispensação de anorexígenos nas drogarias e farmácias magistrais de Belém. METODOLOGIA: foi realizado um estudo retrospectivo, quantitativo e descritivo, com dados coletados do Departamento de Vigilância Sanitária de Belém, de 2005 a 2008. Os dados foram considerados quando p < 0,05. RESULTADOS: Um total de 1.641 balanços foram analisados oriundos de drogarias e farmácias magistrais. Anfepramona foi o medicamento mais dispensado, seguido do femproporex e manzidol. O maior consumo de anorexígenos ocorreu nas farmácias magistrais. Em 2008, houve uma redução significativa na dispensação de anorexígenos, tanto em drogarias quanto em farmácias magistrais. CONCLUSÕES: Este estudo demonstrou que houve uma diminuição na dispensação de anorexígenos após a entrada em vigor da RDC 58/2007, e as farmácias magistrais foram responsáveis por um elevado número na dispensação destes medicamentos. Esta resolução é um marco divisor no controle sanitário, para enorme benefício da saúde pública, contribuindo substancialmente para o uso racional de medicamentos no Brasil.


Assuntos
Depressores do Apetite , Vigilância Sanitária , Dietilpropiona , Mazindol
17.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-655406

RESUMO

Anthropometric, lipid and glycemic parameters were compared in obese or overweight high-risk patients. This double-blind trial included 16 obese and overweight patients who followed a standard calorie-controlled diet and received 15mg/day sibutramine or 1700mg/day metformin over three months. The changes observed in the sibutramine and metformin groups were, respectively: body mass index -6.0% and -4.0%; abdominal circumference -7.9% and -6.6%; fatty tissue -10.5% and -1.7%; total cholesterol -2.9% and -2.8%; LDL-C -0.01% and -0.1%; HDL-C -11.0% and -6.8%; total cholesterol/ HDL-C ratio +12.0% and +4.5%; HDL-C-to-LDL-C ratio -7.2% and -0.1%; triglycerides +14.0% and +22.3%; fasting glucose +4.3% and +1.4%; insulin -10.4% and -4.9%; HOMA -8.0% and -3.9%. Although the study was conducted with only 16 patients and the drugs were taken for only three months, we can see that sibutramine-treated obese or overweight high-risk patients showed a reduction of anthropometric parameters and better control of insulin resistance.


Comparar os parâmetros antropométricos, lipídicos e glicêmicos em pacientes obesos ou sobrepeso de risco elevado. Estudo duplo cego com 16 pacientes obesos ou em sobrepeso de risco elevado que receberam tratamento com dieta mais 15mg/dia de sibutramina ou 1700mg/dia de metformina durante três meses. As mudanças nos parâmetros avaliados no grupo sibutramina e metformina foram: índice de massa corporal (-6,0% vs. -4,0%), circunferência abdominal (-7,9% vs. -6,6%), tecido adiposo (-10,5% vs. -1,7%), colesterol total (-2,9% vs. -2,8%), LDL-C (-0,01% vs. -0,1%), HDL-C (-11,0% vs. -6,8%), razão colesterol total/HDL-C (12,0% vs. 4,5%), razão HDL-C/LDL-C (-7,2% vs. -0,1%), triglicerídeos (14,0% vs. 22,3%), glicemia de jejum (4,3% vs. 1,4%), insulina (-10,4% vs. -4,9%), HOMA (-8,0% vs. -3,9%). Embora o estudo tenha sido conduzido com somente 16 pacientes e o uso dos medicamentos ter sido por apenas três meses, pode-se observar que o tratamento com sibutramina em pacientes obesos ou sobrepeso de risco elevado mostrou uma redução nos parâmetros antropométricos e melhor controle na resistência a insulina.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Depressores do Apetite/uso terapêutico , Obesidade/tratamento farmacológico
18.
Rev. Méd. Clín. Condes ; 23(2): 173-179, Mar. 2012. ilus, tab, graf
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-707640

RESUMO

Para un porcentaje alto de pacientes que no logran controlar su peso solo con modificación de su hábito de alimentación y ejercicio se hace necesario contar con fármacos que apoyen los cambios de estilo de vida. Lamentablemente, la historia de la farmacoterapia para el tratamiento de la obesidad ha estado llena de contratiempos y dilemas relacionadas a seguridad, eficacia, abuso y efectos adversos. Esto ha llevado a que actualmente los criterios de la FDA y EMEA para la aprobación de un fármaco sean muy exigentes, tal como ocurrió el año 2010 y comienzos del 2011 cuando se rechazó el lanzamiento al mercado de cuatro opciones farmacéuticas. Hay múltiples blancos terapéuticos en estudio, quizá uno de los más interesantes sea la inhibición de la hormona Ghrelina. Las escasas alternativas terapéuticas actuales llevan a que los pacientes intenten ayudarse con suplementos para bajar de peso, muchos de ellos inefectivos.


For a high percentage of patients who are unable to control his weight only with modification of its eating habit and exercise, it is necessary to have drugs to support changes in lifestyle. Unfortunately the history of Pharmacotherapy for the obesity treatment has been filled with set backs and dilemmas related to safety, efficacy, abuse and adverse effects. This has led to the currently FDA and EMEA criteria for approval of a drug are very demanding, as occurred on 2010 and early 2011, when they reject the release of 4 pharmaceutical options. There are multiple therapeutic targets in study, perhaps one of the most interesting is the inhibition of the ghrelin hormone. The few current therapeutic alternatives lead to patients should try to help with supplements for weight loss, many of them ineffective.


Assuntos
Humanos , Dietilpropiona , Fármacos Antiobesidade/uso terapêutico , Obesidade/tratamento farmacológico , Fentermina , Depressores do Apetite/efeitos adversos , Incretinas
20.
Rev. Inst. Adolfo Lutz ; 71(1): 148-152, jan.-mar. 2012. tab
Artigo em Português | LILACS, SESSP-CTDPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ACVSES, SESSP-IALPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-IALACERVO | ID: lil-680443

RESUMO

No Brasil, são comumente comercializadas formulações fitoterápicas emagrecedoras adicionadas de substâncias sintéticas não declaradas, o que constitui um grave problema de saúde pública. No presente trabalho, foram analisadas amostras de formulações emagrecedoras naturais com suspeita de adição de substâncias anorexígenas, ansiolíticas e/ou antidepressivas apreendidas pela Gerência de Vigilância Sanitária em Medicamentos e Congêneres/Serviço de Vigilância Sanitária de Minas Gerais (GVMC/SVSMG). Por meio de ensaios cromáticos e do teste de espuma foi constatada a ausência de pelo menos uma classe dos metabólitos secundários pesquisados (flavonoides, saponinas e quinonas) em todas as amostras analisadas. A presença de femproporex, fluoxetina e clordiazepóxido, em forma isolada ou em associação foi detectada em todas as amostras por meio de CG-EM. As amostras analisadas em sua totalidade foram discordantes dos padrões de qualidade aceitáveis, em virtude de adição não declarada de substâncias sintéticas em sua composição, além de associação de anorexígeno e ansiolítico, o que não é permitido pela legislação vigente. Comprovou-se, assim, a necessidade premente de um sistema de fiscalização mais atuante em relação a produtos irregulares comercializados, juntamente com a conscientização dos profissionais da área de saúde.


Assuntos
Ansiolíticos , Fármacos Antiobesidade , Antidepressivos , Depressores do Apetite , Contaminação de Medicamentos , Medicamentos Fitoterápicos , Receptores de GABA-A
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA