Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 46
Filtrar
1.
São Paulo; s.n; 2019. 108 p.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-1051241

RESUMO

A reabilitação profissional é um serviço prestado pelo Instituto Nacional do Seguro Social/INSS no Brasil. Durante o acompanhamento do processo de reabilitação profissional, o reabilitando pode receber capacitação/formação profissional por parte de recursos sociais disponíveis na comunidade. Esta capacitação pode contribuir tanto para a reinserção no mercado de trabalho como para o contexto social em que vive o trabalhador. Objetivo - Caracterizar a reabilitação profissional previdenciária e as práticas intersetoriais no processo de retorno ao trabalho. Métodos - Foram realizadas buscas de referências publicadas em periódicos científicos da base de dados SciELO, sobre os temas: trabalho, previdência social, reabilitação profissional, retorno ao trabalho, intersetorialidade. Foram analisados documentos oficiais (decretos do governo federal brasileiro acerca da saúde do trabalhador, previdência social e reabilitação profissional). Foi conduzido um estudo de caso com abordagem qualitativa, a partir da perspectiva teórica crítica dialética. Utilizando a técnica de grupo focal foram realizadas duas sessões com a participação de nove (09) trabalhadores em reabilitação profissional. Estes estavam recebendo capacitação profissional em instituição colaboradora do Instituto Nacional do Seguro Social, localizada na cidade de São Paulo, SP. Foram também realizadas quatro (04) entrevistas semiestruturadas com representante da instituição que ministrava a capacitação e com outros três (03) trabalhadores que já tinham concluído o processo de reabilitação profissional. A coleta de dados em campo realizou-se durante quatro (4) meses, entre fevereiro e maio de 2019. Os trabalhadores concordaram voluntariamente em participar deste estudo, assinando termo de consentimento esclarecido. O projeto foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Faculdade de Saúde Pública da USP. Resultados - Identificaram-se nas entrevistas núcleos de sentido que ao serem agrupados permitiram a formação de três categorias de análise do programa de reabilitação profissional: a) percepção sobre o programa de reabilitação profissional; b) as práticas intersetoriais junto à rede de assistência; c) expectativa de retorno ao trabalho. Os resultados revelaram serem frágeis o planejamento, o monitoramento e a avaliação de ações. A gestão e o controle social mostraram-se pouco efetivos. Também evidenciaram que ainda há um longo caminho a avançar na prática da intersetorialidade, tanto no campo da gestão, quanto do cotidiano das práticas das equipes de reabilitação profissional. Há dificuldades e limitações dos modelos vigentes de gestão no trabalho. Por outro lado, os resultados também apontaram para a criação de novos modos de estabelecimento de parcerias e construção coletiva de estratégias de inventividade junto à rede socioassistencial. Há a necessidade de serem aprimorados os mecanismos de gestão intersetoriais que garantam uma maior articulação e que subsidiem as práticas dos serviços de reabilitação profissional. Trata-se de um enorme desafio, cuja superação requer o envolvimento de gestores, profissionais e usuários na construção de uma gestão democrática e comprometida com a diretriz da integralidade em processos de reabilitação. Considerações finais: A partir das reflexões teóricas e da pesquisa de campo é possível afirmar que a intersetorialidade na reabilitação profissional, ainda se encontra como um processo em construção, com fragilidades. As articulações e atuações intersetoriais no âmbito da reabilitação profissional previdenciária são ainda modestas e pontuais.


Vocational rehabilitation is a service provided by the National Institute of Social Security / INSS in Brazil. During the follow-up of the vocational rehabilitation process, the rehabilitated person may receive vocational training from social resources available in the community. This training can contribute to both reintegration into the labor market and the social context in which the worker lives. Aim - To characterize the social security vocational rehabilitation and inter-sectoral practices during the return to work process. Methods - Searches for references published in scientific journals of the SciELO database were performed on the following topics: work, social security, and vocational rehabilitation, return to work, inter-sectorial Official documents (decrees of the Brazilian federal government on workers' health, social security and vocational rehabilitation) were evaluated. A case study with a qualitative approach was conducted from the dialectical critical theoretical perspective. Using the focus group technique, two sessions were held with the participation of nine (09) workers in vocational rehabilitation. Those were receiving professional training in a collaborating institution of the National Institute of Social Security, located in the city of São Paulo, SP, Brazil. There were conducted four (04) semi-structured interviews with the representative of the institution that provided the training and with three (03) other workers who had already completed the vocational rehabilitation process. Field data collection took place during four (4) months, between February and May 2019. The workers volunteered and agreed to participate in this study, signing an informed consent form. The project was approved by the Research Ethics Committee of the University of São Paulo, School of Public Health. Results - The interviews identified nuclei of meaning when grouped, allowed the formation of three categories of analysis of the vocational rehabilitation program. They were: a) perception about the vocational rehabilitation program; b) inter-sectorial practices within the network care; c) expectation of return to work. The results revealed the planning, monitoring and evaluation of actions were fragile. Management and social control were perceived ineffective. They also showed that there is still a long way to go in the practice of inter-sectoral approach, both of management, as well as the daily practices of vocational rehabilitation teams. There are difficulties and limitations of current management models at work. On the other hand, the results also pointed to the creation of new ways of partnering and the collective construction of inventive strategies with the social assistance network. There is a need to improve inter-sectoral management mechanisms that ensure greater articulation and support the practices of vocational rehabilitation services. This is a huge challenge, which requires the involvement of managers, professionals and users in the construction of a democratic management and committed to the directive integrality in rehabilitation processes. Final considerations: From the theoretical reflections and field study it is possible to state the inter-sectoral approach in vocational rehabilitation is still a process under construction, with weaknesses. The inter- sectorial articulation and actions within the scope of social security vocational rehabilitation are still modestly and punctual.


Assuntos
Reabilitação Vocacional , Previdência Social , Colaboração Intersetorial , Retorno ao Trabalho , Saúde do Trabalhador , Licença Médica
2.
Cad. Saúde Pública (Online) ; 34(8): e00218717, 2018.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-952430

RESUMO

A reabilitação profissional brasileira incorporou recentemente mudanças nas concepções e princípios que a regem, ampliou-se o conceito de incapacidade baseado no modelo biopsicossocial de saúde, como também adotou-se a abordagem territorial e práticas intersetoriais, com vistas a fornecer subsídios para a implementação de um modelo integrado e intersetorial de reabilitação profissional. Entretanto, esses avanços não adentraram o campo da prática e encontram-se ameaçados frente a atual conjuntura política do país. Este artigo discute o cenário atual do programa de reabilitação profissional do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS), apresenta os avanços nos pressupostos teóricos que o norteiam e as preocupações que a reabilitação profissional enfrenta em virtude das recentes medidas que reforçam o caráter biomédico e de política compensatória que conduziu o programa ao longo dos anos, além de sinalizar uma eminente privatização desse serviço/direito previdenciário. Sugere-se que a reabilitação profissional vivencia um panorama de incertezas e preocupações, intensificado pelo processo de enfraquecimento institucional do INSS. Desse modo, as rápidas alterações realizadas na estrutura do INSS e no programa de reabilitação profissional prejudicaram as conquistas que fomentaram o início do desenvolvimento de um programa de reabilitação profissional integral e intersetorial, a fim de favorecer um retorno real e saudável ao trabalho.


The field of work rehabilitation in Brazil recently incorporated changes in its underlying concepts and principles, expanding the definition of incapacity for work based on the biopsychosocial health model and adopting a territorial approach and inter-sector practices, with a view towards backing the implementation of an integrated inter-sector work rehabilitation model. However, these conceptual and normative advancements have still not been implemented in practice; they have actually come under threat from Brazil's on-going political crisis. This article discusses the current scenario in the work rehabilitation program under the Brazilian National Social Security Institute (INSS), presents the strides in the underlying theoretical premises and the concerns of work rehabilitation in the face of recent measures that reinforce the biomedical basis and the compensatory policy that led the program over the years, and signal the impending privatization of this social security service and right. The article suggests that work rehabilitation faces a scenario of uncertainties and concerns, intensified by the institutional undermining of the INSS. Rapid structural changes in the INSS and in the work rehabilitation program have undermined the gains that had promoted the initial development of a comprehensive, inter-sector work rehabilitation program aimed at healthy return to work.


La rehabilitación profesional brasileña incorporó recientemente cambios en los conceptos y principios que la rigen. Se amplió el concepto de incapacidad, basado en el modelo biopsicosocial de salud, además de adoptarse también un enfoque territorial y prácticas intersectoriales, con el fin de proporcionar subsidios para la implementación de un modelo integrado e intersectorial de rehabilitación profesional. Sin embargo, estos avances no se profundizaron en la práctica y se encuentran amenazados ante la actual coyuntura política del país. Este artículo discute la perspectiva actual del programa de rehabilitación profesional del Instituto Nacional de Seguro Social (INSS), presenta avances en los presupuestos teóricos que lo dirigen, así como las preocupaciones a las que se enfrenta la rehabilitación profesional, en virtud de las recientes medidas que refuerzan el carácter biomédico y de política compensatoria que rigieron el programa durante el trascurso de los años, además de señalar una eminente privatización de ese servicio/derecho a la seguridad social. Se sugiere que la rehabilitación profesional vive en un panorama de incertidumbres y preocupaciones, intensificado por el proceso de debilitamiento institucional del INSS. De este modo, las rápidas alteraciones realizadas en la estructura del INSS y en el programa de rehabilitación profesional perjudicaron las conquistas que fomentaron el inicio del desarrollo de un programa de rehabilitación profesional integral e intersectorial, a fin de favorecer una vuelta real y saludable al trabajo.


Assuntos
Humanos , História do Século XX , História do Século XXI , Reabilitação Vocacional/história , Previdência Social , Saúde do Trabalhador , Seguro Saúde , Política Pública , Brasil , Estudos Retrospectivos
3.
Psicol. soc. (Online) ; 29: e149496, 2017.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-842243

RESUMO

Resumo Muitas são as dificuldades dos trabalhadores acometidos por doenças ocupacionais para retornar ao trabalho. Esta pesquisa-intervenção teve como objetivo conhecer e se aproximar das experiências do retorno ao trabalho e as implicações na produção de subjetividade em trabalhadores da área hospitalar. Ela foi realizada com grupos de trabalhadores reabilitados de um hospital universitário geral de grande porte, em Porto Alegre, RS. Os encontros (n=8) foram compostos por trabalhadores (n=20) de diversas funções e áreas de trabalho no hospital, que tenham participado de programa de reabilitação profissional e estejam desenvolvendo suas atividades em sua área de origem, ou em novo posto de trabalho. Os resultados apontam para as dificuldades, limitações e para a problematização dos modelos de gestão no trabalho vigentes. Por outro lado, também apontam para a criação de novos modos de trabalhar e viver e para a construção coletiva de estratégias de inventividade.


Resumen Muchas son las dificultades de los trabajadores afectados por enfermedades profesionales para regresar al trabajo. Esta investigación tuvo como objetivo conocer y acercarse de las experiencias de retorno al trabajo y sus implicaciones en la producción de subjetividad en los trabajadores hospitalarios. Se llevó a cabo con grupos de trabajadores rehabilitados en un hospital general universitario de grande en Porto Alegre, RS. Las reuniones (n = 8) fueron compuestas por trabajadores (n = 20) de distintas funciones y áreas de trabajo en el hospital, que participaron del programa de rehabilitación profesional y ya están desarrollando sus actividades en su lugar de origen, o nuevo puesto trabajo. Los resultados apuntan a las dificultades, limitaciones y a la problematización de los modelos de gestión en el trabajo actual. Por otro lado, también apuntan a la creación de nuevas formas de trabajar y vivir y para la construcción colectiva de estrategias de inventividad.


Abstract Workers affected by occupational illnesses face many difficulties to return to work. This intervention research aimed to approach and understand experiences of return to work and their implications to the subjectivity production of hospital workers who returned to work after participating in a rehabilitation program. The research was conducted with groups of rehabilitated workers within a large university hospital in Porto Alegre, RS. The meetings (8) were held with workers (20) of various functions and areas of the hospital, who had participated in a professional rehabilitation program, and were developing their activities either in their original area or in a new work position. The results point to the difficulties, limitations and to the problematization of current work management models. However, they also indicate the creation of new ways of working and living, in affirmative positions as hospital workers and the collective construction of inventiveness strategies.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Pessoal de Saúde , Saúde do Trabalhador , Reabilitação Vocacional , Retorno ao Trabalho
4.
Saúde Soc ; 25(2): 479-493,
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-787849

RESUMO

Este texto traz dados de uma pesquisa que objetivou identificar e compreender práticas e concepções delineadas pela terapia ocupacional no Serviço de Reabilitação Profissional no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), no estado de São Paulo. Compreende-se que a reabilitação profissional, que visa a proporcionar aos segurados os meios para reingresso no mercado de trabalho e que é atribuída oficialmente ao Ministério da Previdência Social, dialoga com a saúde, com a educação e com as políticas e ações de trabalho e emprego. Os dados foram coletados por meio de um questionário encaminhado às terapeutas ocupacionais do INSS no referido estado, bem como por entrevistas realizadas com parte delas, abordando temáticas que foram categorizadas para a análise do que relatam acerca de suas práticas e concepções, enfatizando pontos reflexivos sobre limites, possibilidades e desafios nessa atuação e ampliando a discussão para a estrutura do Serviço. É apontada uma série de fatores que implicariam uma avaliação mais negativa que positiva de sua atuação no Instituto, os quais estariam mais vinculados a questões estruturais do Serviço. Creem, todavia, na melhoria dessa estrutura, indicando a necessidade do incremento das possibilidades oferecidas, de uma maior participação e responsabilização por parte das empresas, da construção de um trabalho articulado com os demais setores governamentais e da sociedade civil, além da ampliação e da reformulação da legislação que trata da reabilitação profissional no Brasil.


This article presents data from a research that aimed to identify and understand the practices and concepts of occupational therapy in the Vocational Rehabilitation Program of the National Social Security Institute (INSS), in the state of São Paulo. Vocational rehabilitation aspires to provide means for workers to reenter the job market, being associated with health, education, and labor and employment. Data were collected through a questionnaire sent to occupational therapists, as well as through interviews with some of them. We discussed themes that were categorized to analyze their practices and concepts and highlighted topics that allowed us to reflect on the limits, possibilities and challenges faced by these workers, examining the structure of the program as well. A number of factors imply that their performance at the INSS is more negative than positive, which could be related to structural issues of the program. However, the therapists believe in improving its structure and point out the need to increase the possibilities offered, allowing for a greater participation and responsibility of companies, for more combined efforts with other government sectors and the civil society and for the expansion and reformulation of the Brazilian legislation on vocational rehabilitation.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Readaptação ao Emprego , Saúde do Trabalhador , Terapia Ocupacional , Serviços de Reabilitação , Reabilitação Vocacional , Mercado de Trabalho , Política Pública , Previdência Social , Sistema Único de Saúde
5.
Estud. psicol. (Campinas) ; 30(4): 593-601, Oct.-Dec. 2013.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-699886

RESUMO

As doenças ocupacionais podem gerar prejuízos para a saúde mental dos trabalhadores, o que resulta em incapacidade laboral. A partir dos programas de reabilitação profissional, esses trabalhadores podem voltar a exercer uma atividade laborativa. Este artigo tem como objetivo realizar um levantamento bibliográfico a respeito da reabilitação profissional e dos aspectos psicológicos relacionados. Realizou-se rastreamento nas bases de dados nacionais e internacionais, o que resultou em um total de 70 artigos, posteriormente organizados nas categorias conceitos e políticas de reabilitação profissional, aspectos psicológicos em reabilitação profissional e processos de intervenção em reabilitação profissional. Estudos no campo da reabilitação profissional envolvendo aspectos da saúde mental são recentes, e observou-se um aumento nas publicações a partir da década de 2000. Aponta-se a necessidade da realização de estudos nessa área, a fim de ampliar a produção sobre os aspectos da saúde mental em reabilitação profissional...


Occupational diseases may cause damage to workers' mental health resulting in the incapacity to work. Through vocational rehabilitation programs these workers can be helped to return to work. This article is a literature review of studies related to vocational rehabilitation of workers suffering from psychological damage. Data were collected from national and international databases, resulting in a total of 70 articles that were organized into the following categories: concepts and policies of vocational rehabilitation, psychological aspects of vocational rehabilitation, and interventions in vocational rehabilitation. Studies in the field of vocational rehabilitation that involve aspects of mental health are recent, with an increase in publications since the 2000s. New studies within this field of knowledge are needed, aiming to increase the production related to mental health aspects in vocational rehabilitation...


Assuntos
Humanos , Saúde Mental , Doenças Profissionais , Reabilitação Vocacional
6.
Rev. ter. ocup ; 24(3): 208-215, set.-dez. 2013.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-746885

RESUMO

O presente estudo elegeu como foco de investigação o trabalho desenvolvido por usuários de serviços de saúde mental em oficinas de geração de renda ou em cooperativas sociais. Objetivou-se identificar as concepções acerca do trabalho elaboradas pelos mesmos. Participaram do estudo quinze usuários. Para a coleta de material, utilizou-se a técnica da observação livre, entrevistasemi-estruturada e busca documental. O material empírico foi submetido à Análise Temática. A análise do material foi subsidiada pelos pressupostos teóricos da Desinstitucionalização e daEconomia Solidária. Os resultados mostraram que na concepção dos participantes o trabalho é uma importante ferramenta para a emancipação social das pessoas e um recurso que promove o autoconhecimento e a auto-realização. Aponta-se a importância de se considerar a opinião dos atores sociais diretamente comprometidos com a inserção laboral...


The present paper chose like investigation focus the work developed by users of mental health services in workshops of income generation or in social cooperatives. The aim was toidentify the conception of work formed by the users. This study has involved fi fteen users. The free observation technique, a semistructured interview and a document searching were used in order to gather data. The empiric material was submitted to ThematicAnalysis. The analysis of the material was based on the theoretical concepts of the Solidarity Economy and Deinstitutionalization. The results showed that on the conception of the participants of this study work is an important tool for the social emancipation of the people promoting self-knowledge and self-confidence. Itis important to mention the importance of the view of the social actors who are compromised directly with the laboral insertion...


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Renda , Saúde Mental , Oficinas de Trabalho Protegido , Reabilitação Vocacional , Trabalho/psicologia , Serviços de Saúde Mental , Acolhimento
7.
Rev. ter. ocup ; 24(2): 162-167, maio-ago. 2013.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-746864

RESUMO

Introdução: O transplante renal possibilita a minimização das limitações impostas pela terapia dialítica e oretorno ou ingresso em atividade produtiva. Entretanto, apenas pequeno percentual dos pacientes é recolocado em atividade laborativa. Objetivo: Descrever a proposta de atuação da Terapia Ocupacional (TO) voltada para a reabilitação profissional no Ambulatório de Pós-Transplante Renal de um Hospital Universitário. Procedimentos metodológicos: Relato deexperiência sobre a atuação da TO junto a pacientes transplantados renais. Para tal foram utilizados protocolos e relatórios de TO além das fichas de avaliação terapêutica ocupacional aplicadas a estes pacientes. A coleta de dados foi realizada no período de junho a dezembro de 2011. Resultados: O comprometimento das áreas do desempenho ocupacional em pacientes renais é instalado durante a fase dialítica e perduram após a realização do transplante renal. A temática da manutenção, ingresso ou retornoao trabalho ainda comparece de forma incipiente na fase pré-transplante. Fatores sociais, econômicos, psicológicos e clínicos influenciam a adesão à reabilitação profissional. Conclusão: O sucesso das ações da TO poderá tornar os transplantados renaismais produtivos e reintegrados à sociedade reduzindo o custo social de seu tratamento.


Introduction: Kidney transplantation enables the minimization of the limitations imposed by dialysis andreturn or entry into productive activity. However, only a small percentage of patients are restored to working activity. Objective: To describe the proposed activities of Occupational Therapy (OT) focused on vocational rehabilitation in Ambulatory PostRenalTransplantation at a University Hospital. Methodological procedures: experience report about the performance of the OT with the kidney transplant patients. For such protocols were used and reports OT evaluation sheets beyond occupational therapyapplied to these patients. Data collection was conducted in the period June to December 2011. Results: The commitment of the areas of occupational performance in renal patients is installed during the dialysis and linger after the kidney transplant. The issue of maintenance, entry or return to work still appears incipiently in the pre-transplant. Social, economic, psychological and clinical infl uencing adherence to vocational rehabilitation. Conclusion: The success of the actions of OT may make kidney transplantsmore productive and reintegrated into society by reducing the social cost of their treatment.


Assuntos
Humanos , Terapia Ocupacional , Reabilitação Vocacional , Transplante de Rim/psicologia , Transplante de Rim/reabilitação
8.
Rev. ter. ocup ; 24(1): 28-37, jan.-abr. 2013. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-746827

RESUMO

A oficina integrada de geração de trabalho e renda foi composta por usuários de serviços da saúde mental e outros moradores residentes no território-alvo de um projeto realizado pela Incubadora Regional de Cooperativas Populares da UFSCar(INCOOP/UFSCar) que visava o desenvolvimento territorial de bairros periféricos no âmbito da economia solidária (ES). O estudo teve como objetivo conhecer as percepções das participantes da oficina sobre esta como estratégia para a formação de um empreendimento econômico solidário e compreender o que foi determinante para elas aceitarem trabalhar de acordo com os princípios da ES. Trata-se de um estudo de abordagem qualitativa. Para a coleta de dados utilizou-se entrevistas semiestruturadas que foram aplicadas com todas as participantes da oficina que permaneceram durante todo o trabalho, totalizando cinco pessoas. Os resultados apontam que a oficina propiciou o encaminhamento e a orientação das participantes e mostrou-se como espaço de inclusão de usuários da saúde mental. Dentre os motivos que levaram as participantes a permanecerem na oficina destaca-se a autogestão. Acredita-se que estudos desenvolvidos nesta direção possam fornecer subsídios para a elaboração de políticas públicas que fomentem tecnologias sociais que visem a inclusão social das pessoas em situação de desvantagem social.


The Integrated workshop of work and income generation was composed of users of mental health services and other residents living in the territory target of a project conducted by the Regional Incubator of Popular Cooperatives UFSCar (INCOOP / UFSCar). The study aimed to understand the perceptions of the participants of this workshop as a strategy for formation of solidary economical enterprise and understand what was important for them to accept work according to the principles of solidarity economy. This is a qualitative approach. For the data collection we used semi-structured interviews that were applied to all the participants of the workshop that remained throughout the work, totaling five people. The results indicate that the workshop provided the directing and the guidance of participants and showed as a space to inclusion of users of mental health. Among the reasonsthat led the participants to remain in the workshop highlights the self-management. It is believed that studies carried out in this direction can aid in the development of public policies that foster social technologies aimed at social inclusion of people who aresocial disadvantaged.


Assuntos
Humanos , Feminino , Pessoa de Meia-Idade , Saúde Mental , Participação Social/psicologia , Reabilitação Vocacional/psicologia , Apoio Social , Serviço Social/economia , Categorias de Trabalhadores/psicologia , Trabalho/economia , Meio Social , Organização Social , Responsabilidade Social
9.
Saúde Soc ; 22(1): 99-108, jan.-mar. 2013.
Artigo em Português | LILACS, Sec. Est. Saúde SP | ID: lil-674703

RESUMO

Este artigo visa a contribuir ao debate sobre as potencialidades do trabalho no processo de recuperação de dependentes químicos. Consideramos nesta análise os princípios subjacentes à reabilitação vocacional praticada no contexto internacional, seguido da descrição das diretrizes brasileiras para a inclusão social de dependentes químicos por meio do trabalho. Por fim, procedemos a uma análise comparativa das matrizes conceituais, dos conceitos de saúde subjacentes e do potencial emancipatório em ambas as perspectivas. O material consultado foi levantado por meio de revisão bibliográfica em bases de dados da área da saúde. Já as informações sobre as diretrizes brasileiras foram coletadas nas publicações oficiais disponibilizadas on-line pelo Ministério da Saúde e Ministério do Trabalho e do Emprego do Brasil. A análise do material permitiu-nos verificar que a reabilitação vocacional praticada em países da América do Norte e da Europa destina-se a usuários de serviços de saúde mental, procedendo à inclusão pelo viés da doença. Enfatiza a recolocação no mercado formal de trabalho, por meio de programas voltados ao treinamento de habilidades para obter e manter um posto de trabalho conquistado. Já as diretrizes do governo brasileiro estão pautadas nos princípios do cooperativismo e da economia solidária. Privilegia o ser humano como sujeito e finalidade maior da atividade econômica, focalizando as potencialidades e recursos do trabalho, em detrimento das limitações impostas pela doença ou pela condição socioeconômica que tenha gerado a situação de exclusão.


Assuntos
Humanos , Ajustamento Social , Doença , Emprego , Política Pública , Reabilitação Vocacional , Readaptação ao Emprego , Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias , Desemprego , Serviços de Saúde Mental
10.
Campinas; s.n; fev. 2013. 85 p. ilus, tab, graf.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-691900

RESUMO

É expressivo o número de Pessoas Portadoras de Deficiência (PPD) no Brasil e no mundo. Um dos fatores que levam ao aumento das estatísticas relacionadas a indivíduos com deficiência adquirida é o Acidente de Trabalho (AT), que pode provocar sequela permanente como amputações, comprometendo a qualidade de vida e do trabalho do trabalhador acidentado. Para possibilitar a reinserção dos acidentados no mercado de trabalho, o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) mantém o Programa de Reabilitação Profissional (PRP). Objetivo: Estudar as características sociodemográficas e profissionais dos trabalhadores amputados, vítimas de AT, que receberam órtese e prótese do setor de Reabilitação Profissional do INSS e verificar as características dos acidentes de trabalho, a taxa de retorno ao mercado de trabalho formal, os fatores de sucesso e insucesso do PRP, discutir a importância da prótese como parte do processo de reinserção profissional. Métodos: O presente trabalho é um estudo transversal, descritivo, quantitativo, realizado INSS de Campinas/SP. A população de estudo foi constituída por todos os amputados inscritos na RP do INSS, no período de 2007 a 2012. Os dados foram coletados através de um levantamento de informações sócio-demográficas contidas nos prontuários dos amputados por acidente de trabalho, tais como: idade, gênero, dados da empresa, situação funcional antes e depois do acidente, utilização de recurso auxiliar para locomoção e participação no programa de reabilitação profissional. Resultados: Foram analisados 40 amputados, sendo 37 do sexo masculino. Nesta população de estudo, os adultos jovens na faixa etária de 18 a 29 anos foram os mais acometidos.


It is expressive the number of Persons with Disabilities (PWD) in Brazil and worldwide. One of the factors that leads to the increase of statistics related to acquired deficiency is the Occupational Accident (OA), which can cause permanent sequelae such as amputations, compromising the quality of life and work of the injured worker. To allow the reintegration of the victims into the labor market, the National Institute Of Social Security (INSS) keeps the Professional Rehabilitation Program (PRP). Objective: To study the socio demographic and professional characteristics of the amputees workers, victims of OA, who have received orthoses and prosthesis of the Professional Rehabilitation sector of INSS and verify characteristics of occupational accidents, the rate of return to the formal labor market, the success and failure factors of PRP, to discuss the importance of the prosthesis as part of the professional reintegration process. Methods: The present paper is a cross-sectional, descriptive, quantitative study conducted at the National Institute Of Social Security (INSS) in Campinas, São Paulo. The study population comprised all amputees who participated in the Professional Rehabilitation program in the period from 2007 to 2012. Data were collected through a survey on sociodemographic information contained on patient charts of occupational accident amputees, such as age, gender, company details, position before and after the accident, use of auxiliary device for ambulation and participation in the occupational rehabilitation program. Results: 40 amputees were analyzed, 37 being males. Young adults in the age group from 18 to 29 years were the main victims.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Acidentes de Trabalho , Estudos Transversais , Reabilitação Vocacional , Amputação Traumática/etiologia , Brasil , Mercado de Trabalho , Aparelhos Ortopédicos , Próteses e Implantes , Previdência Social
11.
Rev. chil. ter. ocup ; 12(2): 37-45, dic. 2012. ilus, graf, tab
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-704375

RESUMO

El objetivo del presente estudio es mejorar la calidad de la prestación de recalificación profesional para promover la continuidad laboral autónoma en siniestrados con limitación en la actividad (OMS, 2001) que fueron desvinculados de su trabajo a posteriori de un accidente o enfermedad profesional. Se consideró para el universo el total de los trabajadores despedidos por limitación en el desempeño (39 casos sobre un total de 619 tratados), bajo diferentes circunstancias económicas del país, de la rama fruti-hortícola, oleaginosas, industria y afines, pertenecientes a las provincias argentinas de Río Negro, Neuquén, Mendoza y Entre Ríos, entre agosto de 1997 y diciembre de 2010. El primer paso de la investigación se centró en detectar variables en común a este grupo y definir los aspectos a tener en cuenta para casos posteriores. En segundo lugar se evaluaron tres recursos para promover la continuidad laboral autónoma y los beneficios obtenidos de la prestación de recalificación profesional. Se utilizó como modalidad de análisis, la investigación basada en la evidencia clínica. Se dividió la muestra en 3 opciones de implementación: 1) Formación profesional 2) Entrega de maquinarias/herramientas y 3) Asesoramiento y entrega de instalaciones para comercios. A partir de los resultados obtenidos se determinó la opción de “pequeños comercios” como la más beneficiosa, en segundo lugar las “maquinarias y herramientas” y se descartó “formación profesional” para casos de desempleados por limitación adquirida dada la carencia de beneficios encontradas. Conclusión: este estudio permitió obtener evidencia clínica del recurso que permitió el mayor beneficio de la prestación para promover la continuidad laboral autónoma de los casos de trabajadores despedidos por limitación adquirida en el desempeño laboral.


The aim of the present study is to improve the service of Professional Rehabilitation in order to promote self sufficient labor continuity for accident victims with activity limitation (OMS, 2001) (1) those who were dismissed from their jobs after an accident or professional disease. The universe of cases considered was the total of dismissed workers as a result of limited work performance (39 cases out of a total of 619 treated), under the different nationwide economic circumstances, related to fruit and vegetable productions, oilseeds, and linked industries placed in argentine districts of Rio Negro, Neuquén, Mendoza and Entre Ríos, between the months of august 1997 and December 2010. The first step of the research was centered in detecting common variables in this group and in defining those aspects to take into consideration for future cases. Secondly, three resources to promote self-sufficient labor continuity and the obtained benefits from the use of professional rehabilitation were evaluated. The investigation based on clinical evidence was used as method of analysis. The sample was divided into three options of execution: 1) Professional training 2) Machinery and tools provision 3) Assistance and deliverance of utilities for businesses. From the obtained results, the option of “small businesses” was determined as priority and in second place “machinery and tools”. However, “professional training” was discarded for the cases of unemployed workers due to acquired limitation, because of the lack of benefits found Conclusion: this study allowed us to obtain clinical evidence of the resource that brought the greatest benefit of the service to promote self-sufficient labour continuity in the cases of dismissed workers as the result of an acquired limitation in work performance.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Cultivos Agrícolas , Doenças Profissionais/reabilitação , Capacitação Profissional , Desemprego , Acidentes de Trabalho , Argentina , Escolaridade , Reabilitação Vocacional
12.
Rev. salud pública ; 14(5): 842-851, Sept.-Oct. 2012. ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-703400

RESUMO

Objetivo Optimizar el programa de Orientación Vocacional de la Fundación IDEAL dirigido a los beneficiarios en condición de discapacidad con el fin de favorecer un desempeño satisfactorio en la labor productiva del taller institucional y en el cotidiano de sus vidas para una futura reinserción laboral. Material y Métodos Estudio de tipo descriptivo transversal. Se seleccionaron a conveniencia 20 personas del proceso de orientación vocacional-laboral de la Fundación que desarrollaban una actividad laboral en el taller productivo. Se efectuó la caracterización de esta muestra mediante la batería basada en el formato institucional de Habilidades y Destrezas, se analizaron los puestos laborales de los talleres y se realizó la evaluación ocupacional de estos trabajadores adoptando las categorías propuestas por la Metodología Integral de Evaluación Ocupacional (MIEO). Partiendo de las categorías del formato institucional se establece una comparación entre las habilidades individuales de los beneficiarios y las demandas de su puesto laboral. Resultados La metodología de evaluación derivada del formato institucional de Habilidades y Destrezas ostenta limitaciones en su implementación. La mayoría de los beneficiarios despliegan buen rendimiento laboral en las actividades del taller, respondiendo a los requerimientos de percepción sensorial, motricidad y procesos mentales pero asumen malas prácticas de cuidado de la salud. Discusión Se debe favorecer la diversificación de actividades a las que tienen acceso los beneficiarios, prevaleciendo la realización individual con opciones que trasciendan lo laboral. Las consideraciones de orden productivo han llevado a los usuarios de la Fundación a adoptar prácticas que ponen en riesgo su salud y bienestar.


Objective Optimizing the IDEAL foundation's vocational guidance program for its disabled beneficiaries to promote their satisfactory performance in the institutional workshop and in their daily lives, aimed at their future re insertion into the labor market. Methods This was a cross-sectional descriptive study involving 20 handicapped people from the IDEAL foundation's vocational guidance program who had been assigned a workshop activity. This sample was characterized by using a battery of tests based on IDEAL's institutional format called Abilities and Skills. Workplace in IDEAL's workshop and occupational evaluation of the workers was analyzed using the integral occupational evaluation methodology (MIEO) categories proposed by the Latin-American Professional Rehabilitation Group (GLARP) as part of their Handicapped Disabled People's Standardized Integration Project. Users' individual abilities were compared to the requirements of their workplaces, based on the institutional format's categories. Results The evaluation methodology based on the institutional Abilities and Skills format had limitations, thereby hampering its implementation. Most users performed well regarding their assigned work shop activities, responding well to sensory-perception, motor function and mental processing requirements; however, they engaged in poor healthcare habits. Discussion Diversification of the activities to which the users/beneficiaries have access should be encouraged, promoting individual performance by providing options offering a wider scope than just that of the labor market/workplace. Production-related considerations have led the workshop's users to adopt practices endangering their health and putting their welfare at risk.


Assuntos
Adulto , Humanos , Pessoas com Deficiência , Reabilitação Vocacional , Oficinas de Trabalho Protegido , Educação Vocacional/organização & administração , Orientação Vocacional/organização & administração , Aptidão , Colômbia , Estudos Transversais , Avaliação da Deficiência , Eficiência , Fundações , Destreza Motora , Transtornos dos Movimentos/reabilitação , Saúde do Trabalhador , Transtornos das Sensações/reabilitação
13.
Estud. pesqui. psicol. (Impr.) ; 12(1): 93-115, abr. 2012. tab
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: lil-647455

RESUMO

A reintegração dos trabalhadores que se encontram parcialmente incapacitados, por motivo de doença ou acidente, é um processo complexo que depende do padrão de interação entre as várias instâncias: trabalhador, INSS, empresa e família. Assim, o estudo buscou conhecer a vivência do trabalhador segurado em seu processo de reinserção laboral na empresa de vínculo, procurando avaliar aspectos do trabalhador e do Programa de Reabilitação Profissional que contribuem efetivamente para uma adequada readaptação no mercado de trabalho e em seu contexto familiar e social. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas com 05 trabalhadores. Verificou-se, por meio deste estudo, que os trabalhadores retornaram ao mesmo local de trabalho e para a mesma função, com restrição de tarefas ou para outra atividade. Observou-se a falta de integração entre os objetivos do Programa de Reabilitação Profissional - por parte do INSS - e entre as empresas. A reabilitação é considerada uma alternativa de retorno ao trabalho e um espaço de reflexão e construção de novos caminhos para serem trilhados por estes trabalhadores que buscam um novo significado para suas vidas. (AU)


The reintegration of workers who are partially incapacitated due to such incidents is a complex process, depending largely on the standard of integration between several factors, including the worker, social security, the company, and the family. Semi-structured interviews were conducted with 5 workers. The aim was to understand the meaning of the return process to each of them, evaluating aspects of both the workers and the Professional Rehabilitation Program that effectively contribute to adequate readaptation within the job market as well as in a family and social context. The importance of assessing professional rehabilitation lies in the fact that it is within the workplace that the last stage of this process takes place. There is lack of integration between the objectives of Professional Rehabilitation Program by the INSS and companies. This study led to the conclusion that the workers returned to the same workplace and to the same job, but performed restricted tasks or took on different activities. Rehabilitation is not only considered an alternative to returning to work, but also as psychological space for reflection and the construction of new pathways workers to follow in search of new meaning in their lives. (AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Reabilitação Vocacional , Categorias de Trabalhadores , Saúde do Trabalhador
14.
Acta fisiátrica ; 18(4)dez. 2011.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-663375

RESUMO

O objetivo principal deste trabalho é verificar o desempenho dos segurados que participaram doprograma de reabilitação profissional junto ao Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) dePorto Alegre/RS. Método: Foram estudados todos os segurados participantes do processo de reabilitaçãoprofissional ao longo do ano de 2008 no INSS de Porto Alegre/RS. Por meio do Sistemade Administração de Benefício por Incapacidade e do Cadastro Nacional de Informações Sociais,foram coletadas todas as informações referentes aos seus benefícios e ao programa de reabilitaçãoprofissional. Os dados foram tabulados no programa SPSS for Windows 17.0, a partir do qualforam feitas todas as análises. Resultados: Os dados mostraram que 553 (69%) dos seguradoseram homens e 249 (31%), mulheres. Quanto à idade, variou entre 18 e 60 anos, com média de38,9 anos. Inicialmente, 645 (80,4%) estavam empregados e 157 (19,6%), desempregados. Apósum ano do término do programa de reabilitação, 29,4% dos segurados estavam trabalhando. Ossegurados empregados tiveram um retorno de 40,6% e 76,7% dos desempregados não retornaramao trabalho. Segurados em benefício por acidente de trabalho retornaram em 58,7 % doscasos e 29,6% dos segurados em auxílio-doença. Os segurados que permaneceram até um ano embenefício tiveram sucesso de 72,4% e com mais de cinco anos, 24,7%. Conclusão: Os seguradosempregados, em benefício espécie acidente de trabalho, durante tempo menor em benefício eque foram reabilitados dentro da própria empresa, alcançaram índice maior de retorno ao trabalhose comparados ao índice dos desempregados, com longos benefícios e aqueles cuja empresanão ofereceu outra função.


The main objective of this study was to evaluate the performance of insured workers who participatedin the vocational rehabilitation program from the INSS (National Institute of Social Security)in Porto Alegre/RS. Method: We selected all of the insured workers participating in thevocational rehabilitation process during the year of 2008 in Porto Alegre/RS at INSS. Through theAdministration System for Disability Benefits and the National Register of Social Information, allinformation was collected regarding the benefits and vocational rehabilitation program. The datawas tabulated using SPSS 17.0 for Windows in which all tests were made. Results: The resultsshowed that 553 (69%) of the insured were men and 249 (31%) were women. Their ages rangedfrom 18 to 60 years with an average of 38.9 years. Initially, 645 (80.4%) were employed and 157(19.6%), unemployed. One year after the end of the rehabilitation program, 29.4% of the insuredwere working. While 40.6% of those employed had returned to work, 76.7% of the unemployedhad not. Those on leave for accidents at work returned 58.7% of the time, and also 29.6% of thoseon sick leave. Those who remained on leave for one year had a success rate of 72.4%, and thosewith more than five years 24.7%. Conclusion: Those who remained employed, went on sick leavefor a shorter time, and were rehabilitated within the company enjoyed a higher rate of return towork than those who became unemployed, were off work for a longer time, and whose companydid not offer them another job.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adolescente , Adulto Jovem , Pessoa de Meia-Idade , Saúde do Trabalhador , Serviços de Reabilitação , Reabilitação Vocacional , Previdência Social , Seguridade Social , Indenização aos Trabalhadores , Estudos Transversais
15.
Rev. ter. ocup ; 22(1): 76-84, jan.-abr. 2011.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-657278

RESUMO

A partir de uma pesquisa desenvolvida no município de Ribeirão Preto, SP, realizada em dois serviços extra-hospitalares de saúde mental, um Ambulatório Regional de Saúde Mental e um Centro de Atenção Psicossocial II, objetivou-se estudar a organização dos serviços extra-hospitalares, os projetos terapêuticos desses serviços e a inserção da reabilitação psicossocial nos projetos terapêuticos. A pesquisa foi realizada com base em metodologia qualitativa, como técnicas de coleta de dados utilizou-se entrevistas semidiretivas e grupos focais, e a análise dos dados foi realizada com base em referencial hermenêutico dialético de Jürgen Habermas, seguindo uma técnica interpretativa reconstrutiva. Os resultados foram a identificação de que o trabalho nesses serviços se organiza com centralidade no trabalho clínico-psiquiátrico, enfatiza o diagnóstico e a patologia, o tratamento centrado no medicamento e a reabilitação psicossocial é secundarizada nos projetos e ações disponibilizadas aos usuários. O artigo traz discussão sobre parte desse estudo no que diz respeito à inserção da reabilitação psicossocial nos serviços estudados, enfocando o assunto sob o prisma do conflito entre dois tipos de racionalidade, a instrumental e a prática.


This study was developed in Ribeirão Preto, SP, Brazil in two outpatient mental health services: a Regional Outpatient Mental Health service and a Psychosocial Care Center II and aimed to investigate the organization of the outpatient care services, the therapeutic projects of these services, and the inclusion of psychosocial rehabilitation in therapeutic projects. It was based on qualitative methodology and used semi-structured interviews and focus groups. Data analysis was based on the hermeneutic dialectic framework of Jürgen Habermas, according to a reconstructive interpretative technique. The results indicated that the organization of these services is focused on the clinical-psychiatric practice, emphasizes the diagnosis and pathology, treatment is medication-centered, and psychosocial rehabilitation is a secondary element addressed in projects and actions available to the services' users. This article discusses part of this larger study in relation to the inclusion of psychosocial rehabilitation in the studied services, addressing the subject in the light of the conflict between two types of rationality: instrumental and practical.


Assuntos
Serviços de Saúde Mental , Psiquiatria , Qualidade de Vida , Centros de Reabilitação , Reabilitação Vocacional
16.
Acta fisiátrica ; 17(4)dez. 2010.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-602507

RESUMO

O presente estudo avalia a prevalência de lombalgia na população de trabalhadores inseridos no Programa de Reabilitação Profissional do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), na cidade de São Luís/MA. Este programa apresenta como funções básicas a avaliação do potencial laborativo e a definição da real capacidade de retorno ao trabalho dos segurados atendendo aproximadamente 400 pessoas por mês. Através dos registros em prontuários, foi realizado um estudo de corte transversal retrospectivo em que foram separados 264 prontuários, válidos de 1995 a 2009, de trabalhadores afastados do trabalho e ainda com vínculo empregatício. Aqueles apresentados como desempregados foram excluídos do trabalho. Dessa amostra, selecionou-se somente os trabalhadores com diagnóstico de lombalgia, totalizando 88 prontuários, em que foram encontrados 83 casos do sexo masculino (94,3%), média de idade de 41 anos, variando de 24 a 53 anos. A prevalência de lombalgia foi de 33,3% em relação aos diagnósticos encontrados na amostra inicial. Observou-se que em sua maioria, a amostra era composta por trabalhadores casados, com baixa escolaridade, do sexo masculino, em idade produtiva e afastados do trabalho há mais de um ano, associada à realização de atividades profissionais às quais exigem postura estática, movimentos repetitivos e carregamento de peso.


The present study evaluates the prevalence of low back pain in a population of employees participating in the Occupational Rehabilitation Program at the Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) in the city of São Luis, located in the state of Maranhão, Brazil. The basic functions of this program are the evaluation of labor potential and the definition of the real capacity to return to work of employees, and it serves approximately 400 people per month. Through the records in the medical registers, a retrospective cross-sectional study was carried out with 264 records, from 1995 to 2009, of employees off work and of employees still working. Those shown as unemployed were excluded from this study. From this sample, only employees with low back pain were selected, totaling 88 records, in which 83 male cases (94.3%) were found with an average age of 41 years, ranging from 24 to 53. The prevalence of low back pain was 33.3% compared to the medical registers found in the initial sample. Of those in the sample, it was noticed that most were married, with little schooling, male, at a productive age, and had been off work for more than a year. They had occupations that required static posture, repetitive motion, and strenuous physical activity.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Dor Lombar/diagnóstico , Dor Lombar/epidemiologia , Reabilitação Vocacional , Categorias de Trabalhadores , Brasil , Saúde do Trabalhador , Prevalência
17.
Rev. para. med ; 24(1)jan.-mar. 2010. graf, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-588492

RESUMO

Analisar a ocorrência, as características e as perdas funcionais decorrentes dos acidentes e doenças relacionados ao trabalho em indivíduos do setor madeireiro encaminhados à reabilitação profissional. Método: realizou-se um estudo seccional, a partir de dados secundários, coletados na Unidade Técnica de Reabilitação Profissional (UTRP) do INSS em Belém - Pará, com 53 trabalhadores. Resultados: o perfil sócio-demográfico dos beneficiários foi constituído predominantemente por: homens (98,1%); adulto-jovens em idade produtiva entre 20 a 49 anos (96,2%); casados (64,2%); de 1 a 3 filhos (69,8%); com até o ensino fundamental (81,2%) e com renda familiar entre 230 a 485 reais. Os agravos que mais geraram benefício e posterior indicação para a reabilitação profissional são os acidentes envolvendo o punho e mão, as doenças do sistema nervoso e as doenças do sistema osteomuscular. Considerações finais: confirmou-se que o setor madeireiro é uma atividade de condições, que ocasiona doenças e acidentes graves, muitas das vezes, incapacitando os trabalhadores para a atividade produtiva; situação agravada, pelo fato da maioria ter baixo nível de escolaridade e baixa remuneração.


To analyze the occurrence, characteristics and the functional losses resulting from accidents and work-related diseases in individuals of the logging industry referred to vocational rehabilitation. Method: it was a cross-sectional study from secondary data, collected at the Technical Unit of Vocational Rehabilitation (UTRP)/INSS in Belém - Pará, with 53 employees. Results: the socio-demographic profile of beneficiaries was composed mainly of: men (98.1%), adult-productive young people aged 20 to 49 years (96.2%), married (64.2%) with one or three children (69.8%), with some schooling (81.2%) and family income between 230 to 485 reais. The grievances that led to more effective and further indication for the vocational rehabilitation are accidents involving the wrist and hand, diseases of the nervous system and diseases of the musculoskeletal system. Conclusion: it was confirmed that the timber industry is an activity conditions, which causes serious illness and accidents, many times, incapacitating workers into productive activity, a situation aggravated by the fact that most have low education and low pay.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Acidentes de Trabalho/prevenção & controle , Doenças Profissionais , Reabilitação Vocacional , Indústria da Madeira
18.
Rev. bras. orientac. prof ; 9(2): 141-148, dic. 2008.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-521233

RESUMO

A Orientação Profissional pode ser utilizada como um importante recurso reabilitador em pacientes com determinados diagnósticos, principalmente referentes à doença crônica, em função dos amplos impactos que esta condição pode acarretar na vida do indivíduo. Esses impactos podem ser acentuados de acordo com o tipo de tratamento proposto, como por exemplo, a hemodiálise que ao mesmo tempo em que promove a melhora de alguns sintomas clínicos, pode provocar alterações comportamentais, desadaptação e comprometimento na vida social, afetiva e ocupacional. O estudo de caso ilustrado refere-se a uma adolescente portadora de insuficiência renal crônica que obteve significativa melhora em sua qualidade de vida após um trabalho terapêutico e de orientação profissional.


Career counseling can be used as an important reabilitating resource for patients with certain conditions mainly chronic deseases, because of the ample impacts that those conditions can have on the life of the individual. Those impacts can be stronger depending on the type of treatment adopted, as for instance, hemodialysis, that, at the same time as it promotes the improvement of some clinical symptoms, it can cause behavior alterations, misadaptation and jeopardize the social, affective and occupational life. This is a case study of an adolescent patient with Chronic Renal Insufficiency that had a significant improvement in her quality of life after the clinical treatment and career counseling.


La Orientación Profesional puede ser utilizada como un importante recurso rehabilitador en pacientes con determinados diagnósticos, principalmente referentes a la enfermedad crónica, en función de los amplios impactos que esta condición puede acarrear en la vida del individuo. Esos impactos pueden ser acentuados de acuerdo con el tipo de tratamiento propuesto como, por ejemplo, la hemodiálisis que al mismo tiempo que promueve la mejora de algunos síntomas clínicos puede provocar alteraciones comportamentales, inadaptación y comprometimiento en la vida social, afectiva y ocupacional. El estudio del caso ilustrado se refiere a una adolescente con insuficiencia renal crónica que obtuvo una significativa mejora en su calidad de vida después de un trabajo terapéutico y de orientación profesional.


Assuntos
Humanos , Feminino , Doença Crônica , Qualidade de Vida , Reabilitação Vocacional , Insuficiência Renal Crônica , Orientação Vocacional
19.
Cad. saúde pública ; 24(11): 2661-2670, nov. 2008.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-496657

RESUMO

O presente artigo descreve as mudanças ocorridas nas práticas de reabilitação profissional do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) na década de 1990, contextualizadas com as medidas neoliberais de ajuste econômico, investigada através de documentos operacionais do INSS de 1992 a 1997. O plano de modernização da reabilitação profissional do INSS trouxe os seguintes resultados: (1) desmantelamento das equipes multiprofissionais; (2) indução dos seus profissionais a aposentadoria proporcional e aos Planos de Demissão Voluntária; (3) sub-utilização dos profissionais remanescentes; (4) eliminação dos programas terapêuticos de reabilitação profissional e (5) desmonte dos centros e núcleos de reabilitação profissional do Instituto Nacional de Previdência Social (INPS). As mudanças na Previdência Social do Brasil traduzem o enfraquecimento do projeto nacional de Seguridade Social, a hegemonia do projeto de Seguro Social e a redução da reforma previdenciária a uma questão de natureza gerencial e fiscal. As práticas atuais de reabilitação estão distanciadas da finalidade institucional de proteção social dos trabalhadores e objetivam a regulação econômica do sistema pela contenção de despesas com benefícios. Os segurados acidentados e adoecidos do trabalho estão desassistidos de reabilitação profissional, o que aumenta a sua desvantagem social por ocasião do retorno ao trabalho.


This article describes the changes in workers' rehabilitation practices under the Brazilian National Social Security Institute (INSS) in the 1990s, in the context of neoliberal economic adjustment measures, based on an analysis of INSS documents from 1992 to 1997. The INSS plan for modernization of workers' rehabilitation led to: (1) dismantling of multidisciplinary teams; (2) induction of workers to accept proportional retirement pensions and voluntary layoffs; (3) under-utilization of the remaining INSS professional staff; (4) elimination of treatment programs for workers' rehabilitation; and (5) dismantling of INSS rehabilitation centers and clinics. The changes in the Brazilian social security system undermined the county's social security project and hegemony and reduced social security reform to a mere management and fiscal issue. Current rehabilitation falls far short of the institution's original purpose of social protection for workers, while aiming at economic regulation of the system to contain costs of workers' benefits. Workers that suffer work-related accidents are denied occupational rehabilitation, which aggravates their social disadvantage when they return to work.


Assuntos
Doenças Profissionais/reabilitação , Saúde do Trabalhador , Reabilitação Vocacional , Previdência Social , Brasil
20.
Salud pública Méx ; 50(supl.2): s260-s272, 2008.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-482424

RESUMO

Vocational rehabilitation represents an important element within the mental health care system. To ensure the success of rehabilitation, programs of varying degrees of complexity are needed in order to meet patients’ abilities and needs. Rehabilitation success must be examined multidimensionally and not be reduced to the mere integration into competitive employment. Success is also represented by progress in the level of vocational integration, strengthening of work capabilities, the improvement of the functional level, and in a better quality of life. The patient’s need for rehabilitation has to be recognized as early as possible to shorten the duration of the patient’s disintegration and to avoid stagnation periods. Rehabilitation needs to start in the clinic; with psychiatric help sustained during the rehabilitation process to prevent illness exacerbation and premature program termination. The patient’s development regarding his or her functional level, work capability, and subjective wellbeing needs to be evaluated throughout the program to consistently monitor the patient’s individual needs and abilities and to ensure appropriate support. Training for cognition and social skills should be integrated into rehabilitation programs to compensate individual deficits.


La rehabilitación vocacional representa un importante elemento dentro del sistema del cuidado de la salud mental. Con el fin de asegurar el éxito de la rehabilitación y para satisfacer las necesidades y habilidades de los pacientes hacen falta programas de diversos grados de complejidad. El resultado de la rehabilitación debe examinarse de manera multidimensional y no reducirse tan sólo a la integración al empleo competitivo, pues el éxito se ve reflejado asimismo por el avance en el nivel de integración vocacional, el fortalecimiento de las capacidades para el trabajo, la mejora del nivel de funcionamiento y una mejor calidad de vida. Las necesidades de rehabilitación del paciente deben reconocerse tan pronto como sea posible para disminuir la desintegración y para evitar periodos de estancamiento. La rehabilitación debe comenzar en la clínica, con apoyo psiquiátrico sostenido durante el proceso a fin de evitar la exacerbación de la enfermedad y una terminación prematura del programa. El desarrollo del paciente en lo concerniente a nivel de funcionamiento, capacidad de trabajo y bienestar subjetivo requiere de constante evaluación a lo largo del programa a fin de monitorear sus necesidades y habilidades individuales y para asegurar el apoyo correcto. El entrenamiento cognoscitivo y de habilidades sociales debe integrarse en los programas de rehabilitación para compensar las carencias individuales.


Assuntos
Humanos , Transtornos Mentais/reabilitação , Reabilitação Vocacional , Cognição , Emprego/estatística & dados numéricos , Estudos de Viabilidade , Prognóstico , Índice de Gravidade de Doença
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA