Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 11 de 11
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
1.
Audiol., Commun. res ; 22: e1746, 2017. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-838935

RESUMO

RESUMO Introdução O Limiar Diferencial de Mascaramento é um teste comportamental que avalia o mecanismo de interação binaural do processamento auditivo. Objetivo Descrever o Limiar Diferencial de Mascaramento em adultos, a fim de contribuir para o estabelecimento de valores de referência para o teste. Métodos Foram avaliadas 109 mulheres sem queixas auditivas e com audiometria normal. Foi utilizada a versão do Limiar Diferencial de Mascaramento da Auditec of Saint Louis, que consiste na apresentação de 33 segmentos de ruído de banda estreita nas duas orelhas, por pelo menos, três segundos, na presença ou não de tom puro de 500 Hz. Foram utilizadas três condições distintas: tom puro e ruído de banda estreita em fase, nas duas orelhas (condição sinal/ruído homofásica - SoNo); tom puro em fase invertida, em uma das orelhas e o ruído em fase, nas duas orelhas (condição sinal/ruído antifásica - SπNo); ruído sem a presença de tom puro ( no tone – NT). A tarefa para as participantes foi a de indicarem se ouviram ou não o tom. Resultados O valor médio na condição homofásica (SoNo) foi de 12,00 dB, com erro padrão de 0,284 e, na condição antifásica (SπNo), foi de 22,77 dB, com erro padrão de 0,510. O valor médio resultante da diferença entre as duas condições, Limiar Diferencial de Mascaramento, foi de 10,83 dB, com erro padrão de 0,316. Conclusão O Limiar Diferencial de Mascaramento médio, obtido a partir de 109 adultos jovens, normo-ouvintes, do sexo feminino, foi de 10,83 dB.


ABSTRACT Introduction The Masking level difference is a behavioral test that evaluates the mechanism of binaural interaction of auditory processing. Purpose Describe the masking level difference in adults, to contribute to the establishment of reference values for the test. Methods 109 women with normal audiometry and without hearing complaints were evaluated. The version of masking level difference used was Auditec of Saint Louis, which consists in the presentation of 33 segments of narrow-band noise in one ear for at least three seconds whether or not in the presence 500 Hz pure tone. Three different conditions were used: pure tone and narrow-band noise in phase in both ears (homophasic signal/noise condition - SoNo), inverted phase pure tone in one of the ears and noise in phase in both ears (signal/noise condition - SπNo) and noise without the presence of pure tone (no tone - NT). The task for the participants was to indicate if they have heard the tone or not. Results The average value in homophasic condition (SoNo) was 12 dB, with a standard error of 0.284, and in antiphasic condition (SπNo) was 22.77 dB, with standard error of 0.510. The average value resulting from the difference between the two conditions, masking level difference, was 10.83 dB with standard error of 0.316. Conclusion The mean masking level difference obtained from 109 normal hearing young female individuals was 10.83 dB.


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Limiar Diferencial , Transtornos da Audição , Testes Auditivos , Audiometria de Tons Puros , Percepção Auditiva , Testes com Listas de Dissílabos , Detecção de Recrutamento Audiológico
2.
Braz. dent. j ; 25(5): 409-415, Sep-Oct/2014. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-731057

RESUMO

Chemical solutions play important roles in endodontic treatment and promote ultrastructural changes in dentin surface. The aim of this study was to quantify root canal roughness at different concentrations of calcium hypochlorite (Ca(OCl)2) and sodium hypochlorite (NaOCl) by confocal laser scanning microscopy (CLSM). Fifty-two human mandibular premolars were sectioned and randomly organized into thirteen groups (n=8): saline (control); 1%, 2.5% and 5% NaOCl; 1%, 2.5% and 5% Ca(OCl)2; the hypochlorite groups were further divided into with or without EDTA. The chlorine concentrations of the different solutions were measured by iodine titration (%). The superficial roughness (Sa) was quantified by CLSM. Ca(OCl)2 presented substantial decrease in chlorine concentration that differed from the package indication, but without compromising the dentin ultrastructure changes. There were no significant differences in dentin roughness between Ca(OCl)2 or NaOCl at all studied concentrations. The combination with EDTA provided similar roughness values among the solutions (p>0.05). The 5% Ca(OCl)2 and NaOCl solutions significantly increased dentin roughness and did not differ from the EDTA association (p>0.05). Ca(OCl)2 promoted similar dentin roughness as the NaOCl at the same concentrations and combined with EDTA. It may be concluded that Ca(OCl)2 modified the root canal dentin roughness similarly to NaOCl, at the same concentrations and EDTA combinations used in this study. Ca(OCl)2 and NaOCl, both at 5%, significantly altered dentin roughness, overcoming EDTA association, thus Ca(OCl)2 concentrations ranging from 1% to 2.5% may be suitable solutions for root canal irrigation protocols.


Soluções químicas são fundamentais para o tratamento endodôntico; entretanto, promovem alterações ultraestruturais na superfície dentinária. O objetivo deste estudo foi quantificar a rugosidade da dentina radicular com diferentes concentrações de hipoclorito de cálcio (Ca(OCl)2) e hipoclorito de sódio (NaOCl) utilizando microscopia confocal à laser (CLSM). Foram utilizados 52 premolares humanos inferiores e aleatoriamente divididos em treze grupos (n=8): Soro fisiológico (controle); NaOCl a 1%, 2,5% and 5%; Ca(OCl)2 a 1%, 2,5% and 5%; os grupos de hipoclorito foram subdivididos pela associação ou não ao ácido etilenodiaminotetracético (EDTA). A concentração de cloro ativo foi avaliada para diferentes soluções utilizando titulação iodométrica (%). A rugosidade superficial (Sa) foi quantificada por CLSM. Ca(OCl)2 apresentou perda substancial de cloro ativo e que foi distinta da condição descrita pelo fabricante, sem entretanto comprometer as alterações no substrato dentinário. Não houve diferenças significantes na rugosidade dentinária produzida pelos Ca(OCl)2 e NaOCl em todas as concentrações estudadas e associação com EDTA. A associação ao EDTA produziu rugosidade semelhante entre as soluções (p>0.05). O Ca(OCl)2 e NaOCl na concentração de 5% aumentaram significativamente a rugosidade dentinária e não apresentaram diferenças dos valores obtidos com a associação de EDTA (p>0.05). O Ca(OCl)2 alterou a rugosidade da dentina radicular de forma semelhante ao NaOCl, nas concentrações e associações utilizadas neste estudo. Como a concentração de 5% de Ca(OCl)2 e NaOCl, apresentou maior rugosidade dentinária, independente da associação ao EDTA, pode-se concluir que Ca(OCl)2 nas concentrações de 1% e 2,5% pode ser considerado uma solução adequada para a irrigação de canais radiculares.


Assuntos
Animais , Ratos , Cálcio/metabolismo , Hipocampo/fisiologia , Células Piramidais/fisiologia , Sinapses/fisiologia , Limiar Diferencial , Estimulação Elétrica , Hipocampo/citologia , Técnicas In Vitro , Ratos Sprague-Dawley
3.
Arq. bras. cardiol ; 90(3): 177-184, mar. 2008. ilus, graf, tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: lil-479618

RESUMO

FUNDAMENTO: A programação ideal da energia de choque do CDI deve ser pelo menos 10 J acima do limiar de desfibrilação (LDF), necessitando de técnicas alternativas quando o LDF é elevado. OBJETIVO: Avaliar o comportamento clínico dos portadores de CDI com LDF>25 J e a eficácia da terapêutica escolhida. MÉTODOS: Foram selecionados portadores de CDI, entre janeiro de 2000 e agosto de 2004 (banco de dados prospectivo), com LDF>25 J intra-operatório, e analisaram-se: características clínicas, FEVE, resgate de eventos arrítmicos pelo CDI e óbitos. RESULTADOS: dentre 476 pacientes, 16 (3,36 por cento) apresentaram LDF>25J. Idade média de 56,5 anos, sendo 13 pacientes (81 por cento) do sexo masculino. Quanto à cardiopatia de base 09 eram chagásicos, 04 isquêmicos e 03 com etiologia idiopática. A FEVE média dos pacientes foi 37 por cento e 94 por cento utilizavam amiodarona. O seguimento médio foi de 25,3 meses. Em 02 pacientes com LDF > Choque Máximo (CM), foi necessário implante de eletrodo de choque adicional (array), sendo mantido programação com CM em zona de FV (>182bpm) nos demais. Durante o seguimento 03 pacientes apresentaram 67 terapias de choque apropriadas (TCA) com sucesso. Ocorreram 07 óbitos sendo 5 por causas não cardíacas e 2 por insuficiência cardíaca avançada. Os pacientes que foram a óbito apresentaram níveis de LDF maiores (p=0,0446), entretanto sem relação com a causa dos mesmos tendo em vista que não ocorreram TCA sem sucesso. CONCLUSÃO: Nessa coorte de pacientes com CDI, a ocorrência de LDF elevado foi baixa, implicando terapêuticas alternativas. Houve associação com disfunção ventricular grave, entretanto sem correlação com as causas de óbito.


BACKGROUND: The ideal programming of the implantable cardioverter defibrillator (ICD) shock energy should be at least 10J above the defibrillation threshold (DFT), requiring alternative techniques when the DFT is elevated. OBJECTIVE: To assess the clinical behavior of ICD patients with DFT>25J and the efficacy of the chosen therapy. METHODS: Patients who had undergone ICD implantation between Jan/00 and Aug/04 (prospective database) and presented intraoperative DFT>25J were selected. The analyzed variables were: clinical characteristics, LVEF, rescue of arrhythmic events from ICD and causes of deaths. RESULTS: among 476 patients, 16 (3.36 percent) presented DFT>25J. The mean age was 56.5 years, and 13 patients (81 percent) were men. According to the baseline cardiomyopathy, 09 patients had Chagas' disease, 04 had ischemic cardiomyopathy and 03 had idiopathic cardiomyopathy. Mean LVEF was 0.37 and amiodarone was used by 94 percent of the patients. Mean follow-up (FU) period was 25.3 months. DFT was higher than maximum energy shock (MES) in 2 patients and it was necessary to implant an additional shock electrode (array). It was programmed MES in ventricular fibrillation zone of ICD therapy in the other patients. In the FU, 03 patients had 67 successful appropriate shock therapies (AST). There were 05 noncardiac and 02 heart failure deaths. The patients who died showed higher DFT levels (p=0.044) without correlation with death because there wasn't unsuccessful AST. CONCLUSION: In this cohort of ICD patients, the occurrence of elevated DFT (>25J) was low, leading to alternative therapies. There was an association with severe ventricular dysfunction, although without correlation to the causes of death.


Assuntos
Feminino , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Arritmias Cardíacas/terapia , Desfibriladores Implantáveis , Cardioversão Elétrica , Amiodarona/uso terapêutico , Antiarrítmicos/uso terapêutico , Arritmias Cardíacas/tratamento farmacológico , Arritmias Cardíacas/mortalidade , Limiar Diferencial , Morte Súbita Cardíaca/etiologia , Morte Súbita Cardíaca/prevenção & controle , Desfibriladores Implantáveis/normas , Técnicas Eletrofisiológicas Cardíacas , Cardioversão Elétrica/normas , Seguimentos , Estudos Prospectivos , Taquicardia Ventricular/terapia , Fibrilação Ventricular/terapia
4.
Pró-fono ; 18(3): 285-292, set.-dez. 2006. tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-440656

RESUMO

TEMA: ordenação e resolução temporal. OBJETIVO: comparar o desempenho de cantores que recebem orientação profissional, cantores amadores independentes e cantores amadores desafinados nos testes de padrão de freqüência sonora e teste de detecção de gap (Random Gap Detection Test). MÉTODO: participaram 78 indivíduos, de ambos os gêneros, com idade variando entre 18 e 55 anos. Foram incluídos cantores com audição normal, comprovada por meio de exame audiológico e com ausência de queixas de linguagem, fala, voz ou audição. Cada indivíduo respondeu a um questionário fornecendo várias informações, entre elas, a sua própria percepção auditiva sobre sua voz cantada; o tempo de canto com orientação profissional, dificuldade para cantar novas músicas e o de estudo de teoria musical. Para a avaliação foram utilizados o Teste de Padrão de Freqüência Sonora (TPF) e o Teste de Detecção de Gap Randomizado (RGDT) a fim de avaliar as habilidades de ordenação temporal e a resolução temporal respectivamente. RESULTADOS: no que se refere ao teste de detecção de gap randomizado (RGDT) não houve diferença estatisticamente significante entre as respostas por grupo e por variável. Em relação ao desempenho do TPF foi observado que o grupo que recebe orientação profissional possui desempenho superior e estatisticamente significante em relação ao grupo de amadores independentes e estes melhor do que o grupo de amadores desafinados. O desempenho no teste de padrão de freqüência teve relação com o treinamento especializado e com o estudo de teoria musical. CONCLUSÃO: o teste de detecção de gap (RGDT) não se mostrou sensível para distinguir cantores com orientação profissional de amadores, ao contrário do teste de padrão de freqüência sonora. O desempenho no teste de padrão de freqüência reflete o maior treinamento auditivo especializado e de estudo de teoria musical.


BACKGROUND: temporal ordering and temporal resolution. AIM: to compare the performance of professional singers with that of well tuned and out of tune amateur singers in the pitch pattern test (PPT) and in the Random Gap Detection Test (RGDT). METHOD: participants were 78 individuals, male and female, with ages ranging from 18 to 55 years. All of the participants were singers with normal hearing - previously assessed using pure tone and speech audiometry - and had no language, speech, voice or hearing complaints. Each individual answered a questionnaire concerning, among other subjects, perception about own voice when singing, number of years of professional singing, difficulties when singing new songs and number of years of music study. For the objective assessment the PPT and the RGDT were used in order to investigate temporal ordering and temporal resolution respectively. RESULTS: regarding the RGDT, there was no statistically significant difference between the groups and variables. As for the PPT, it was observed that professional singers presented a better performance, with statistic significance, when compared to well tuned amateur singers and these a better performance when compared to out of tune amateur singers. The performance in the PPT was related to specialized training and study of music theory. CONCLUSION: the RGDT did not prove to be a sensitive test to distinguish professional and amateur singers. On the other hand, the PPT did. The performance in the PPT reflects the number of years of specialized auditory training and music theory study.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Audiometria de Tons Puros , Audiometria da Fala , Limiar Auditivo/fisiologia , Testes Auditivos , Ocupações , Treinamento da Voz , Aptidão , Limiar Diferencial/fisiologia , Ocupações/estatística & dados numéricos , Nível de Discriminação Sonora , Distribuição por Sexo , Estatísticas não Paramétricas
5.
Rev. bras. eng. biomed ; 22(2): 143-149, ago. 2006. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-587452

RESUMO

Fibras finas (FF) aferentes primárias mediam a percepção de sensações relacionadas à dor e à temperatura, e as fibras grossas (FG) ao tato. O objetivo deste trabalho é avaliar percepções relacionadas às FF (picada, pontada, agulhada, queimação) e às FG (aperto, pressão, vibração e movimento)evocadas por estimulação elétrica senoidal com 5 Hz e 2 kHz, respectivamente. O dedo indicador da mão esquerda de 150 voluntários, sem doença neurológica conhecida e medicação, foram estimulados nessas frequências com intensidades decorrente igual ao limiar de sensibilidade (LS) e 1,5 vezes LS.O voluntário escolheu das 8 palavras, 3 que mais se aproximavam à sua percepção do estímulo. Outro grupo de 60 voluntários foi utilizado como controle, sendo que as 3 palavras foram escolhidas sem nenhuma estimulação. O valor de “1” foi atribuído à palavra escolhida, e “0” à não selecionada. As sensações foram agrupadas utilizando-se o vizinho mais próximo (single linkage) e a correlação entre variáveis binárias(tetrachloric correlation). Os resultados indicam uma tendência a sensações de fibras grossas sem estimulação, sendo que 5 Hz evoca principalmente as sensações de fibras finas e 2 kHz as de fibras grossas. A exceção foi a sensação de FF queimação, a qual se mostrou inconsistente em ambos os grupos.


Thin fibers mediate the perception related to temperature and painful sensations, and thick fibers the perception related to touch. This work tries to evaluate the perceptions related to thin (prick, pang, twinge and burning) and thick fibers (squeeze, pressure, movement and vibration) evoked by sinusoidal stimulation with 5 Hz and2 kHz, respectively. The left index fingers of 150 volunteers, without known neurological problems or under medication, were stimulatedat these frequencies and at current intensities equal to the sensory threshold and 1.5 times the sensory threshold. The volunteers chose three words out of eight that better represented the sensation felt during the stimulus. Another group of 60 volunteers was used as control, for which the three words were chosen with no stimulation. The value “1” was attributed to each sensation chosen and “0” forthe others. The sensations were clustered using the single linkage nearest neighbor method and the tetrachloric correlation between binary variables. The results showed a tendency to thick fiber sensations with 2 kHz or no stimulation, while 5 Hz evoked thin fiber sensations. The exception was the FF sensation of burning, which did not fit into any group.


Assuntos
Humanos , Estimulação Elétrica/instrumentação , Fibras Nervosas/classificação , Fibras Nervosas/fisiologia , Limiar Diferencial/classificação , Limiar Diferencial/fisiologia , Limiar Sensorial/classificação , Limiar Sensorial/fisiologia , Nervos Periféricos/fisiologia , Percepção/classificação , Sensação
6.
Arq. neuropsiquiatr ; 64(1): 10-13, mar. 2006. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-425263

RESUMO

OBJETIVO: Estudar a relação entre as sensações evocadas por estimulação elétrica por corrente senoidal (ESCS). MÉTODO: 100 voluntários normais foram estudados. ESCS a 5 Hz e 2 kHz foram aplicadas no dedo indicador esquerdo com uma e 1,5 vezes o limiar sensorial. Listas de oito palavras (4 relacionadas a fibras grossas, 4 a fibras finas) foram apresentadas após cada estimulação e foi solicitado que o sujeito escolhesse as 3 palavras que mais se aproximassem das sensações experimentadas. Às palavras escolhidas foi dado o escore 1. Os resultados finais para análise foram obtidos da soma dos escores para as palavras relacionadas aos diferentes sistemas de fibras. RESULTADOS: Para ESCS a 5 Hz sensações relacionadas a fibras finas foram significantemente mais escolhidas, já para estimulações a 2 kHz sensações relacionadas a fibras grossas foram significantemente mais escolhidas. CONCLUSÃO: Estes resultados mostram um relação entre diferentes percepções e diferentes freqüências de correntes elétricas senoidais.


Assuntos
Adolescente , Adulto , Feminino , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Fibras Nervosas/fisiologia , Nervos Periféricos/fisiologia , Limiar Sensorial/fisiologia , Limiar Diferencial , Estimulação Elétrica/métodos , Projetos Piloto , Doenças do Sistema Nervoso Periférico/diagnóstico
7.
Rev. bras. med. esporte ; 11(3): 197-202, maio-jun. 2005. tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-411842

RESUMO

O esforço percebido tem sido alvo de diversas investigações, geralmente associando-o a indicadores fisiológicos objetivos no exercício. Recentemente, foi proposta a identificação do limiar de esforço percebido (LEP) em corrida aquática, o qual não diferiu da velocidade crítica. Em tese, ambos os parâmetros seriam indicadores de máximo estado estável de variáveis como o VO2 e lactato sanguíneo. Este trabalho teve como objetivo verificar a coincidência entre LEP, potência crítica (PCrit) e um indicador de máximo estado estável de VO2 (PCrit') em cicloergômetro. Oito participantes do sexo masculino foram submetidos a teste de esforço progressivo, para determinação do VO2pico (46,7 ± 8,5ml/kg/min), e a quatro testes retangulares exaustivos para estimativa dos parâmetros do modelo de potência crítica, LEP e PCrit'. A relação hiperbólica entre potência mecânica e tempo até que o VO2pico fosse alcançado em cada teste foi utilizada para a estimativa da PCrit', tida como a assíntota no eixo da potência, e a porção da capacidade de trabalho anaeróbio (CTAnaer) depletada até o estabelecimento do VO2pico (CTAnaer'). Para identificar o LEP, os coeficientes angulares das retas do aumento do esforço percebido no tempo (ordenada) e as potências utilizadas (abscissa) foram ajustados a uma função linear que fornecia um ponto no eixo da potência em que o esforço percebido seria mantido estável indefinidamente. Os parâmetros PCrit e CTAnaer foram estimados por meio da equação não linear potência-tempo. Para comparação das estimativas de LEP, PCrit e PCrit' foi empregada ANOVA para medidas repetidas e as associações foram estabelecidas por correlação de Pearson. CTAnaer e CTAnaer' foram comparadas por teste t. O LEP (180W ± 61W), PCrit (174W ± 43W) e PCrit' (176W ± 48W) não diferiram significantemente e as correlações foram de 0,92-0,98. CTAnaer' (14.080 ± 5.219J) foi menor que CTAnaer (22.093 ± 9.042J). Conclui-se que o LEP prediz de forma acurada a intensidade de PCrit e PCrit'...


Assuntos
Humanos , Masculino , Aptidão Física/fisiologia , Consumo de Oxigênio/fisiologia , Limiar Diferencial , Ergometria , Teste de Esforço , Esforço Físico/fisiologia , Corrida , Natação
8.
Distúrb. comun ; 15(2): 253-264, dez. 2003.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-384676

RESUMO

Objetiva investigar o MLD - Limiar Diferencial de Mascaramento, em indivíduos expostos a ruído, com e sem perda auditiva e comparar os resultados obtidos aos de um grupo controle, com audição normal e sem exposição a ruído ocupacional


Assuntos
Humanos , Masculino , Adulto , Limiar Diferencial , Perda Auditiva Provocada por Ruído , Ruído Ocupacional
9.
Arq. bras. oftalmol ; 65(3): 375-384, maio-jun. 2002. tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-311051

RESUMO

Avaliaçöes da funçäo visual säo muito complexas por dependerem de mecanismos aferentes, eferentes e cognitivos, além de fatores externos à pessoa examinada, como o tipo de estímulo e o de sua apresentaçäo. O exame de acuidade visual é discutido em seus aspectos formais de definiçöes, quantificaçöes (critérios de mediçäo de um ângulo e tamanho dos optotipos), notaçöes (decimal ou fracionárias), escalas (representando regulaçöes angulares, lineares, logarítmicas) e unidades em que os valores säo expressos (recíproca do minuto de arco, número puro, freqüência espacial, decibéis e oitavas). Como conseqüência, referências numéricas sobre a acuidade visual e operaçöes que as envolvem (p.ex., cálculo de valores médios, determinaçäo de variaçöes, relaçöes entre elas) podem levar a interpretaçöes muito diferentes e até opostas num mesmo estudo, dependendo dos critérios nele empregados.


Assuntos
Acuidade Visual , Limiar Diferencial , Reprodutibilidade dos Testes , Transtornos da Visão/diagnóstico , Testes Visuais , Campos Visuais , Percepção Visual
10.
J. bras. ortodontia ortop. maxilar ; 1(1): 9-15, jan.-fev. 1996. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-203289

RESUMO

O presente estudo foi desenvolvido por meio de uma amostra de 104 telerradiografias, obtidas de indivíduos escolares da regiäo de Araraquara - SP, na faixa de 6 a 11 anos, leucodermas, de ambos os sexos, näo tratados ortodonticamente, portadores de oclusäo clinicamente aceitável (Classe I de Angle ou oclusäo normal). Procurou-se observar o relacionamento ântero-posterior das bases maxilares analisando a correlaçäo estatística entre as duas grandezas (ângulo ANB e WITS). Os resultados obtidos mostraram haver correlaçäo estatística entre as análises empregadas quando comparadas entre si, onde quanto maior o ângulo ANB maior a distância OA-BO e o valor médio dos valores de WITS para o sexo feminino foi de -1,5mm e para o sexo masculino foi de -2,9mm


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Criança , Cefalometria , Oclusão Dentária , Análise do Estresse Dentário , Limiar Diferencial
11.
Arequipa; UNSA; mayo 1995. 51 p. ilus.
Tese em Espanhol | LILACS | ID: lil-191914

RESUMO

Los misteriosos aspectos del dolor, demustran la complejidad de la definición de este fenómeno. Las áreas de gran altura representan un factor importante en la modificación de órganos, sistemas y funciones. El objetivo del presente estudio es evaluar la influencia de los factores propios de las grandes altitudes sobre el umbral del dolor. En un estudio experimental, autocontrolado, de elección deliberada; para la cual se utilizaron 50 ratones (Mus musculus), a quienes se les tomó Tiempos Análogos Umbrales del Dolor (TAUD) en Arequipa (2363 msnm), en una oportunidad (basales), y durante su exposición en Pampa Cañaguas (4142 msnm) y Mollendo (26 msnm) evaluaciones cada 8 horas durante 2 días. Se empleó el método modificado de D'Amour, cuyo estímulo térmico está representada por agua a 40ºC constante, donde el tiempo (centésimas de segundo) de permanencia de la cola del animal en el estímulo es determinada como TAUD. Tales evaluaciones fueron realizadas en laboratorios a temperatura y humedad constantes. Se obtuvo el valor basal TAUD de 1938.4 cseg. (DE_895.1). Los valores obtenidos en Pampa Cañaguas (8 Hs: X=1485.7, DE=849.1; 16 Hs: X=2757.8, DE=1380.1; 24 Hs: X= 2620.1, DE=1728.1; 32 Hs: X=3759.6, DE=1726.1; 40 Hs: X=4051.2, DE=1930.9; 48 Hs: X=3866.3, DE=1853.2) son menores en relación a los obtenidos en Mollendo (8 Hs: X=3105.2, DE=1178.2; 16 Hs: X=2336.6, DE=994.0; 24 Hs: X=2176.0, DE= 1124.5; 32 Hs: X=1988.0, DE=830.6; 40 Hs: X=2077.2, DE=853.3; 48 Hs: X=1982, DE=810.0), donde el ANOVA, en la linea de efectos principales para tiempo de exposición indica F=3.961 (P=0.0016), así mismo en la línea de efectos para grupo indica F=69.196 (P<0.0001), ambos resultados estadísticamente significativos. La interacción entre el tiempo de exposición y lugar de exposición (que refleja la altitud) es además estadísticamente importante (F=23.3; p<0.0001). Los resultados obtenidos sugieren que el umbral del dolor disminuye durante la exposición a áreas de gran altura. Se ameritan estudios posteriores, con diferentes métodos y diseños así como su estudio en seres humanos


Assuntos
Camundongos , Altitude , Limiar Diferencial , Camundongos/fisiologia , Dor/fisiopatologia , Fisiologia , Fisiologia Comparada
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA