Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 425
Filtrar
1.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 71(6): 1985-1992, Nov.-Dec. 2019. tab
Artigo em Português | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1055127

RESUMO

Para avaliar as condições higiênico-sanitárias e tecnológicas (HST) de produção e comercialização da carne de sol no município de Salinas, na região Norte do estado de Minas Gerais, foram coletadas 40 amostras no comércio local para a realização de análises físico-químicas e microbiológicas. A carne de sol é produzida artesanalmente em estabelecimentos comerciais e considerada uma tradição da região. Nas análises físico-químicas de umidade, proteína, gordura, cinzas, cloretos e pH, foram encontrados valores médios de 70,13%, 22,35%, 2,25%, 5,09%, 3,63% e 5,8, respectivamente. Duas amostras (5%) foram positivas para Salmonella spp. e 16 (40%) apresentaram contagens de S. aureus superiores a 103UFC/g. Os valores encontrados nas análises de mesófilos aeróbicos, bolores e leveduras e coliformes totais e termotolerantes foram de 2,50x107 UFC/g, 1,73x104 UFC/g, 9,1NMP/g e 4,3NMP/g, respectivamente. A carne de sol produzida em Salinas é um produto artesanal, portanto heterogêneo quanto às características de produção, comercialização e de qualidade microbiológica e físico-química. A importância socioeconômica da carne de sol na região é considerável, o que justifica a necessidade de se conhecer melhor suas características para auxiliar no desenvolvimento de eventuais políticas públicas regionais visando ao controle sanitário desse produto.(AU)


In order to evaluate the hygienic-sanitary and technological conditions (HST) of production and commercialization of sun-dried meat, in the city of Salinas, in the North of Minas Gerais, 40 samples of the product were collected in the local commerce for carrying out physicochemical and microbiological analyses. The sun-dried meat is produced in the commercial establishments and considered a tradition of the region. In the physicochemical analyzes of moisture, protein, fat, ash content, chlorides and pH were found values of 70.13%, 22.35%, 2.25%, 5.09%, 3.63% and 5.8, respectively. Two samples (5%) were positive for Salmonella spp. and 16 (40%) had Staphylococcus aureus counts higher than 10 3 CFU/g. The values found for the analyses of aerobic mesophilic microorganisms, yeasts and molds and total and thermotolerant coliforms were 2.50 x 10 7 CFU/g, 1.73 x 10 4 CFU/g, 9.1MPN/g and 4.3MPN/g, respectively. The sun-dried meat from Salinas is a handmade product, therefore heterogeneous in terms of production, and physicochemical and microbiological quality. The socioeconomic importance of the sun-dried-meat in the region is considerable, which justifies the need to know its characteristics better to help in the development of regional public policies aiming at sanitary control of the product.(AU)


Assuntos
Qualidade dos Alimentos , Higiene dos Alimentos , Fenômenos Químicos , Produtos da Carne/microbiologia
2.
Electron. j. biotechnol ; 40: 22-29, July. 2019. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1053216

RESUMO

Background: Rosemary (Rosmarinus officinalis) contains active substances that have desirable properties for industrial and herbal medicine applications, e.g., essential oils (1.5­2.5%), tannins, flavonoids, triterpenes, saponins, resins, phytosterols, rosmarinic acid and many others. The aim of this study was to determine the influence of rosemary extract and 20% rapeseed oil substitution for animal fat on storage changes and inhibition of cholinesterases in liver pâté. Results: Preliminary research showed that rosemary extract exhibited antioxidative activity in the system of accelerated Rancimat and Oxidograph tests. Then, rosemary extract was used as an ingredient in liver pâté. During the experiment, meat samples were refrigerated and tested on days 1, 5, 8, 12 and 15 after production. The study proved that the substitution of 20% of animal fat with rapeseed oil decreased the content of saturated acids and increased the content of monoenic fatty acids by approximately 5% and polyene fatty acids by 40%. Conclusions: In addition to antioxidative activity, the rosemary extract affected the health-promoting value of the samples, which inhibited cholinesterase activity during the entire storage period. The extract inhibited AChE more than BChE.


Assuntos
Extratos Vegetais/química , Inibidores da Colinesterase , Rosmarinus/química , Produtos da Carne , Antioxidantes/química , Peróxidos , Óleos Voláteis , Substitutos da Gordura , Análise de Componente Principal , Ácidos Graxos/análise , Fígado , Produtos da Carne/microbiologia
3.
Rev. chil. nutr ; 46(2): 181-189, abr. 2019. tab
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-1003692

RESUMO

RESUMEN Las algas marinas constituyen un valioso recurso para el desarrollo de productos alimenticios gracias a su composición nutricional, contienen alta concentración de proteínas, vitaminas, minerales y fibra dietética, que en el caso de las algas es particularmente rica en fracción soluble. Las algas además contienen componentes beneficiosos para la salud, como ácidos grasos ω-3 y moléculas bioactivas, con actividad antioxidante, antiinflamatoria, anticancerígena y antidiabética. Además, poseen propiedades tecnológicas, por lo que su incorporación en alimentos procesados y especialmente productos cárnicos como salchichas, hamburguesas, emulsiones cárnicas y otras, resulta beneficioso desde el punto de vista tecnológico y sensorial, siempre que se incorpore en una concentración adecuada.


ABSTRACT Seaweed is a valuable resource for food development due to its nutritional composition. It is high in protein, vitamins, minerals and dietary fiber, and particularly rich in soluble fiber. Seaweed also contains components beneficial to health such as ω-3 PUFAs, bioactive molecules with antioxidants, and anti-inflammatory, anticancer, and antidiabetic activity. It also has technological properties, so its incorporation in processed foods and especially meat products such as sausages, hamburgers, meat emulsions and others would be beneficial from the technological and sensorial point of view, if it is incorporated in an adequate concentration.


Assuntos
Alga Marinha , Ingredientes de Alimentos , Produtos da Carne , Valor Nutritivo
4.
Arq. Inst. Biol ; 86: e0652018, 2019.
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-1046017

RESUMO

The aim of this study was to investigate Listeria monocytogenes in ham sliced in supermarkets in Recife city, Pernambuco state. In total, 40 samples of sliced ham were collected, and 25 g of ham was added to 225 mL of Demi Fraser broth. After incubation, 0.1 mL was inoculated in Fraser broth and, subsequently, sown in supplemented Listeria Selective Agar, based on Otaviani and Agosti. The following tests were carried out for confirmation purposes: Gram stain, motility test, catalase test and cAMP test. There was L. monocytogenes in 25% (10/40) of the samples. The presence of L. monocytogenes in ready-to-eat food, such as sliced ham, is likely related to lack of proper equipment-cleaning in supermarkets, a fact that poses great risk to public health.(AU)


Objetivou-se com esse estudo realizar a pesquisa de Listeria monocytogenes em presuntos fatiados em supermercados da cidade de Recife, Pernambuco. Foram adquiridas 40 amostras de presuntos fatiados. Para o isolamento, foram utilizados 25 g do alimento para 225 mL do caldo Demi Fraser, após incubação, inoculou-se 0,1mL em caldo Fraser e posteriormente realizou-se a semeadura em Agar seletivo suplementado para Listeria de acordo com Otaviani e Agosti. Como testes confirmatórios, foram realizados a coloração de Gram, teste de motilidade, teste da catalase e teste de cAMP. Identificou-se a presença de L. monocytogenes em 25% (10/40) das amostras. A presença da L. monocytogenes em alimentos prontos para consumo, como o presunto fatiado, é de grande risco à saúde pública e pode estar relacionada à ocorrência de falhas na higienização dos equipamentos nos supermercados.(AU)


Assuntos
Humanos , Animais , Listeria , Produtos da Carne , Higiene dos Alimentos , Inspeção de Alimentos , Alimentos Industrializados
5.
Arq. Ciênc. Vet. Zool. UNIPAR (Online) ; 21(4): 139-140, out-dez. 2018.
Artigo em Português | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-986986

RESUMO

Antioxidantes são substâncias utilizadas para preservar alimentos por meio do retardamento da deterioração, da rancidez e descolorações decorrentes da oxidação. Os antioxidantes disponíveis incluem os sintéticos e os naturais, no entanto, devido à possibilidade de efeitos carcinogênicos e mutagênicos, cada vez mais, existe uma busca pelo uso de antioxidantes naturais. A CMS (Carne Mecanicamente Separada) origina-se do processamento da carne, sendo formado pelo dorso, pescoço e da desossa da ave após processamento da carne para formação dos cortes. A legislação brasileira recomenda no máximo até 30% de CMS na produção de hambúrgueres, demonstrando a possibilidade de seu aproveitamento em um produto de maior valor comercial. Além disso, por ser uma carne extremamente processada está mais sujeita à oxidação, o que faz com que seja necessário o uso de antioxidantes visando, principalmente, aumentar o tempo de prateleira. Dessa forma, fazem-se necessárias pesquisas avaliando o uso de antioxidantes naturais, tais como os óleos essenciais. Em pesquisa recente desenvolvida por nosso grupo de pesquisa foi avaliado a produção de hambúrgueres elaborados com CMS de aves (frangos e galinhas) e adicionado de óleo essencial de hortelã ou orégano como antioxidante em diferentes níveis (0,04; 0,06 e 0,08%) e resultados prévios demonstraram uma boa aceitabilidade no teste de preferência para qualquer um dos níveis utilizados. No entanto, os resultados da avaliação da capacidade antioxidante e análise microbiológica devem ser avaliados para se definir o melhor nível de uso dos óleos essenciais de orégano ou hortelã como antioxidante natural em produtos elaborados com CMS de aves.(AU)


Antioxidants are used to preserve food by delaying deterioration, rancidity and discoloration caused by oxidation. Antioxidants can be either synthetic or natural; however, due to the possibility of carcinogenic and mutagenic effects, there has been an increasing search for the use of natural antioxidants. Mechanically separated meat (MSM) originates from the meat processing, being formed by the back, neck and the deboning process of poultry, and the subsequent processing of the meat to form the cuts. The Brazilian legislation recommends a maximum of 30% of MSM in the production of hamburgers, demonstrating the possibility of its use in a product with greater commercial value. Moreover, since this is an extremely processed meat, it is more prone to oxidation, requiring the use of antioxidants to increase shelf life. Thus, research is needed to evaluate the use of natural antioxidants such as essential oils. In recent research developed by this research group, the production of hamburgers made with MSM from poultry and the addition of mint or oregano essential oil as antioxidant at different levels (0.04, 0.06, and 0.08%), with prior results showing good acceptability in the preference test for all the levels used. However, the antioxidant capacity assessment and microbiological analysis must be evaluated in order to determine the optimal usage level of oregano or mint essential oils as natural antioxidants in products made with poultry MSM.(AU)


Los antioxidantes son sustancias utilizadas para preservar los alimentos por medio de retraso del deterioro, de la rancidez y de las decoloraciones resultantes de la oxidación. Los antioxidantes disponibles incluyen los sintéticos y los naturales, sin embargo, debido a la posibilidad de efectos carcinogénicos y mutagénicos, cada vez más existen búsquedas por el uso de antioxidantes naturales. La CMS (carne mecánicamente separada) se origina del procesamiento de la carne, siendo formado por el dorso, el cuello y el deshuesado del ave después del procesamiento de la carne para la formación de los cortes. La legislación brasileña recomienda al máximo hasta un 30% de CMS en la producción de hamburguesas, demostrando la posibilidad de su aprovechamiento en un producto de mayor valor comercial. Además, por ser una carne extremadamente procesada está más sujeta a la oxidación, lo que hace que es necesario el uso de antioxidantes, buscando principalmente aumentar el tiempo de estantería. De esa forma, se hacen necesarias investigaciones evaluando el uso de antioxidantes naturales, tales como los aceites esenciales. En investigación reciente desarrollada por nuestro grupo de investigadores se evaluó la producción de hamburguesas elaboradas con CMS de aves (pollos y gallinas), agregado de aceite esencial de menta u orégano como antioxidante en diferentes niveles (0,04, 0,06 y 0, 08%), resultados previos demostraron una buena aceptación en la prueba de preferencia para cualquiera de los niveles utilizados. Sin embargo, los resultados de la evaluación de capacidad antioxidante y el análisis microbiológico deben ser evaluados para definir el mejor nivel de uso de los aceites esenciales de orégano o menta como antioxidante natural en productos elaborados con CMS de aves.(AU)


Assuntos
Animais , Produtos da Carne/análise , Antioxidantes , Óleos Voláteis , Mentha , Origanum
6.
Hig. aliment ; 32(282/283): 91-96, jul.-ago. 2018. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-916638

RESUMO

Salmonella spp. está entre os principais agentes causadores de doenças de origem alimentar no mundo, representando um sério problema para saúde pública, portanto, a fiscalização de alimentos deve contar com métodos sensíveis e eficientes para detecção deste micro-organismo. O objetivo do presente estudo foi realizar uma análise comparativa entre o isolamento microbiológico convencional e Reação em Cadeia Polimerase (PCR) para detecção de Salmonella spp. em produtos cárneos. Foram analisadas 22 amostras recebidas pela Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal de Mato Grosso do Sul, sendo duas amostras de carne in natura resfriada, duas de charque, duas de mortadela, duas de salsichão e 14 de linguiça frescal. O cultivo microbiológico foi realizado conforme as normas vigentes no Brasil e para a PCR foram utilizados 1,5mL de solução salina peptonada tamponada a 1% e 1,5mL dos caldos Rappaport Vassiliadis (RSV) e Selenito Cistina (SC) de cada amostra. No método convencional não foram detectadas amostras positivas, enquanto na PCR, das 22 amostras, 13 foram positivas (59,1%). O caldo SC e solução salina permitiram melhor detecção do DNA de Salmonella spp., principalmente para as amostras de linguiça frescal, que apresentaram maior número de positivos. As duas amostras de salsichão e mortadela provenientes do caldo Rappaport Vassiliadis e uma de salsichão do caldo SC tiveram o DNA degradado, não sendo possível determinar se realmente estavam contaminadas pela bactéria. Não foi observada correlação entre a data de fabricação dos produtos e a data do início dos testes para detecção de Salmonella spp. De acordo com os resultados obtidos a PCR foi superior ao método microbiológico convencional para detecção de Salmonella spp. em produtos cárneos, apesar do protocolo de extração de DNA escolhido não ter sido eficiente para algumas amostras de salsichão e mortadela.


Salmonella spp. is one of the main agents causing foodborne diseases in the world and represents a serious problem for public health. Therefore, food control must have sensitive and efficient methods to detect this microorganism. The objective of the present study was to perform a comparative analysis between conventional microbiological isolation and PCR for the detection of Salmonella spp. in meat products. Twenty-two samples received from the State Agency for Animal and Plant Health Protection of Mato Grosso do Sul were analyzed, two samples of fresh meat, two of beef jerky, two of mortadella, two of sausage and 14 of fresh sausage. Microbiological culture was carried out according to the Brazilian norms, and 1.5mL of buffered peptone saline solution at 1% and 1.5mL of the Rappaport Vassiliadis (RVS) and Selenito Cistina (SC) broths of each sample were used for PCR. In the conventional method, no positive samples were detected, while for PCR, of the 22 samples, 13 were positive (59.1%). The SC broth and saline solution allowed a better detection of Salmonella spp. DNA, especially for the fresh sausage samples, which presented a higher number of positives. The two samples of sausage and mortadella from the RVS and one from SC had the DNA degraded and it was not possible to determine if these meat products were actually contaminated by the bacteria. No correlation was observed between the date of manufacture of the products and the start date of the tests for Salmonella spp. According to the results, PCR was superior to the conventional microbiological method for the detection of Salmonella spp. in meat products, although the chosen DNA extraction protocol was not efficient for some samples of sausage and mortadella.


Assuntos
Salmonella , Técnicas Microbiológicas , Reação em Cadeia da Polimerase , Vigilância , Produtos da Carne , Fenômenos Químicos , Indústria Alimentícia , Saúde Pública , Diagnóstico
7.
Hig. aliment ; 32(282/283): 97-101, jul.-ago. 2018. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-916643

RESUMO

A preocupação com a saúde tem levado os consumidores à escolha de alimentos mais nutritivos. Os produtos cárneos reestruturados apresentam fácil preparo e características sensoriais agradáveis. O objetivo deste trabalho foi desenvolver e avaliar as características físico-químicas e de perda de peso de quibes adicionados de semente de chia em substituição parcial da gordura. Foram elaboradas quatro formulações de quibe, sendo uma formulação controle (QC), sem adição de semente chia, além de outras três adicionadas de semente de chia nas concentrações de 3 (Q3), 6 (Q6) e 9% (Q9), em substituição parcial da gordura. As formulações foram caracterizadas quanto à composição centesimal e porcentagem de perda de peso. Menores valores (p<0,05) de perda de peso foram observados nas amostras contendo maior porcentagem de chia. Para as análises de proteína, cinzas, umidade e pH, não houve diferença entre as amostras (p>0,05). Para a análise de gordura foi observada diferença (p<0,05) entre as amostras e redução linear do teor de lipídeos com o aumento do teor de chia. As amostras Q6 e Q9 foram consideradas light.


Concern about health has led consumers to choose more nutritious foods. The restructured meat products have easy preparation and pleasant sensory characteristics. The objective of this work was to develop and evaluate the physical-chemical and weight loss characteristics of chibes added to chia seed in partial replacement of fat. Four formulations of quibe were elaborated, being a control formulation (QC), without addition of chia seed, besides other three added of chia seed in the concentrations of 3 (Q3), 6 (Q6) and 9% (Q9), in partial substitution of fat. The formulations were characterized as to the centesimal composition and percentage of weight loss. Lower values (p <0.05) of weight loss were observed in samples containing a higher percentage of chia. For the protein, ash, moisture and pH analyzes, there was no difference between the samples (p> 0.05). For the fat analysis, a difference (p <0.05) was observed between the samples and a linear reduction of the lipid content with the increase of the chia content. Samples Q6 and Q9 were considered light.


Assuntos
Controle de Qualidade , Fibras na Dieta , Fenômenos Químicos , Restrição Calórica , Produtos da Carne , Sementes , Análise Estatística , Alimentos Integrais , Gorduras , Carne
8.
Hig. aliment ; 32(280/281): 79-84, 30/06/2018. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-910582

RESUMO

A carne é um alimento nobre para o homem, pois contribui na dieta, com proteínas com alto valor biológico e ácidos graxos essenciais. O hambúrguer é definido como um produto cárneo industrializado obtido da carne moída dos animais, adicionado ou não de tecido adiposo e ingredientes, moldado e submetido a processo tecnológico adequado, devendo a textura, cor, sabor e odor serem característicos. O objetivo deste trabalho foi comparar três diferentes marcas de hambúrgueres encontradas nos mercados de Uberaba-MG, quanto à quantificação físico-química e valores nutricionais. Foram adquiridas 10 amostras de hambúrgueres bovinos da marca A, 10 amostras da marca B e 10 amostras da marca C, provenientes de diferentes mercados locais de Uberaba-MG. Foram realizadas as análises de umidade, cinzas, gordura por extrato etéreo e proteína pelo método KJELDAHL. As amostras (A, B e C) de hambúrgueres bovinos avaliadas não apresentaram conformidades em relação aos teores de umidade e cinzas de acordo com os parâmetros estabelecidos, com valores abaixo do esperado e sendo a amostra B, a que apresentou melhores resultados, em comparação com as demais avaliadas. Em relação aos teores de gordura e proteína analisados, nenhuma das amostras se encontrava dentro dos limites estabelecidos pela legislação vigente, apresentando valores bem acima para a determinação de gordura e valores abaixo para a porcentagem de proteína.


Meat is a noble food for man, as it contributes in the diet, with proteins of high biological value, and essential fatty acids. The burger is defined as an industrialized meat product obtained from the ground beef of the animals, added or not of adipose tissue and ingredients, molded and subjected to suitable technological process, with characteristic texture, color, taste and smell. The objective of this work was to compare three different brands of burgers found in the markets of Uberaba for the physicochemical quantification and nutritional values. Ten samples of brand beef burgers A, 10 brand B samples, and 10 brand C samples from different local markets of Uberaba/MG were purchased. Analyzes of moisture, ashes, fat by ethereal extract and protein (KJELDAHL method) were carried out. The samples (A, B and C) of beef burgers evaluated did not show conformity to the moisture and ash content according to the parameters established, with values below the expected values, and sample B presented the best results when compared with the other samples evaluated. In relation to the fat and protein contents analyzed, none of the samples was within the limits established by current legislation, presenting values well above for fat determination and values below for protein percentage.


Assuntos
Bovinos , Análise Estatística , Alimentação Coletiva , Armazenamento de Alimentos , Carne , Produtos da Carne , Bovinos , Fenômenos Químicos , Qualidade de Produtos para o Consumidor
9.
Hig. aliment ; 32(276/277): 74-79, fev. 27, 2018.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-883751

RESUMO

[{"text": "Na região oeste do Paraná, um dos produtos mais comuns comercializados\r\nnas feiras livres é o salame colonial, sendo este altamente perecível por\r\napresentar condições adequadas para contaminação, sobrevivência e multiplicação\r\nmicrobiana, podendo estes ser patogênicos ou produzir metabólitos\r\nliberando toxinas causando toxinfecções alimentares.O objetivo do presente\r\ntrabalho foi avaliar a qualidade microbiológica dos salames coloniais por\r\nmeio da quantificação de coliformes totais e termotolerantes, pesquisa de\r\nStaphylococcus aureus e pesquisa de Escherichia coli comparando a qualidade\r\ndos produtos com a legislação vigente. No período de fevereiro e março\r\nde 2017 foi avaliada a qualidade microbiológica de 11 amostras de salame\r\ncolonial produzidos artesanalmente e comercializadas em feiras livres no\r\nmunicípio de Toledo, por meio da quantificação do Número Mais Provável\r\nde coliformes totais e termotolerantes, e presença/ausência de Staphylococcus\r\naureus e Escherichia coli. Todas as amostras apresentaram valores acima\r\ndo estabelecido pela ANVISA segundo a Resolução n° 12 de 02 de janeiro de\r\n2001, quanto à presença de coliformes totais e termotolerantes. Em relação à\r\nStaphylococcus aureus, nenhuma das amostras apresentou resultado positivo\r\npara a bactéria, estando assim em acordo com o estabelecido pela legislação.\r\nNa pesquisa de Escherichia coli, das 11 amostras analisadas, 5 apresentaram-\r\n-se positivas. Os resultados demonstram condições higienicossanitárias insatisfatórias\r\ndo produto e evidencia possíveis falhas durante o processamento\r\ndo salame, podendo estas ser por contaminação oriunda dos manipuladores,\r\ncondições de higiene dos abatedouros inadequada, tratamento térmico ineficiente,\r\ncontato do alimento com superfícies não sanitizadas, ou utilização de\r\ntemperaturas impróprias para a conservação do produto. Sugere-se, portanto,\r\na constante e efetiva fiscalização do produto e dos locais de armazenamento\r\ne comercialização pelos órgãos competentes,\r\nvisando, assim, garantir a\r\nqualidade e segurança do salame colonial\r\npara consumo da população.(AU)", "_i": "pt"}]


Assuntos
Animais , Contaminação de Alimentos/análise , Microbiologia de Alimentos , Produtos da Carne/microbiologia , Staphylococcus aureus/isolamento & purificação , Amostras de Alimentos , Escherichia coli/isolamento & purificação , Coliformes , Método de Tubulação Múltiplo/métodos
10.
Braz. j. microbiol ; 48(4): 724-729, Oct.-Dec. 2017. tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-889162

RESUMO

ABSTRACT The effectiveness of bacteriophage P100, nisin and sodium lactate, individually and in combination, in inhibiting Listeria monocytogenes in ready-to-eat pork ham slices was assessed. The antimicrobials were applied to the surfaces of ready-to-eat pork ham slices, which were inoculated with a mixture of L. monocytogenes. Among the individual antimicrobial treatments, bacteriophage P100 was the most effective, decreasing L. monocytogenes to undetectable levels at zero and 72 h post-infection. Sodium lactate was the least effective treatment. Treatment with nisin at zero h significantly reduced initial cell density (p < 0.05). However, this pattern was not observed at 72 h of storage. A significant difference (p < 0.05) existed between the results of separate bacteriophage and nisin treatments after refrigerated storage, but not immediately upon inoculation of the bacteria. The results showed that the use of bacteriophage P100 is the method of choice for the control of bacteria.


Assuntos
Animais , Bacteriófagos/fisiologia , Fast Foods/microbiologia , Conservação de Alimentos/métodos , Conservantes de Alimentos/farmacologia , Listeria monocytogenes/efeitos dos fármacos , Listeria monocytogenes/virologia , Produtos da Carne/microbiologia , Nisina/farmacologia , Lactato de Sódio/farmacologia , Conservação de Alimentos/instrumentação , Listeria monocytogenes/crescimento & desenvolvimento , Suínos
11.
Hig. aliment ; 31(274/275): 76-80, 30/12/2017.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-880181

RESUMO

O objetivo deste estudo foi verificar as condições sanitárias de presuntos fatiados comercializados em supermercados da cidade de Maceió/AL. Participaram deste estudo 12 supermercados de diversos bairros, de cada um sendo coletada uma amostra de 100g de presunto fatiado de marcas comerciais escolhidas aleatoriamente. Durante a coleta foi verificada a higiene e apresentação do manipulador, dos equipamentos, utensílios e ambiente por meio da aplicação de um checklist. A observação da temperatura de distribuição foi realizada, através da visualização dos termômetros dos balcões de distribuição. Foram pesquisadas bactérias do grupo coliformes e Staphylococcus sp. Nos resultados 100% das amostras apresentaram < 3 NMP/g para coliformes e, para Estafilococos coagulase positiva, os valores encontrados variaram de < 10 a 200 UFC/g, estando, portanto, todas as amostras dentro dos padrões aceitáveis da legislação. As temperaturas do balcão de distribuição apresentaram-se entre +0°C a +10°C, prevenindo assim a produção de toxina estafilocócica. O checklist apresentou conformidades de 92,59% para higiene pessoal e 93,75% a respeito da higiene do ambiente, equipamento e utensílios, sendo, portanto, os supermercados classificados com baixo risco de contaminação microbiana. Os estabelecimentos e as amostras analisadas indicaram condições sanitárias satisfatórias, porém, as práticas de higiene devem ser intensificadas, por parte dos estabelecimentos, para que se mantenha o padrão de qualidade sanitária encontrado.(AU)


The objective of this study was to check the health conditions of sliced hams sold in supermarkets in the city of Maceió/AL. 12 supermarkets participated in this study of various districts, each was collected a sample of 100 g of sliced ham of trademarks chosen randomly. While gathering was checked for hygiene and presentation of the handler, equipment, utensils and environment through the application of a checklist. The observation of temperature distribution was held, through the visualization of the thermometers of the distribution counters. Was researched group bacteria coliforms and Staphylococcus SP. on the results 100% of the samples presented 3/g < NMP coliforms and coagulase positive the values found ranged from 10-200 cfu/g <, being, therefore, all the samples within the acceptable standards of legislation. Distribution counter temperatures were between +0° C +10° C, thus preventing staphylococcal toxin production. The checklist presented conformities of 92.59% for personal hygiene and 93.75% regarding the environment, hygiene equipment and utensils, and therefore the supermarkets with classified low risk of microbial contamination. Establishments and samples analyzed indicated satisfactory sanitary conditions, however, the hygiene practices should be intensified on the part of the establishments, in order to keep the standard of sanitary quality found.


Assuntos
Animais , Inspeção de Alimentos/métodos , Produtos da Carne/análise , Brasil , Manipulação de Alimentos , Amostras de Alimentos , Higiene/normas
12.
Hig. aliment ; 31(272/273): 33-37, 30/10/2017.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-875593

RESUMO

A comercialização de alimentos por ambulantes em vias públicas pode constituir risco à saúde dos consumidores, visto que as pessoas envolvidas neste segmento são detentoras de pouco conhecimento em relação às boas práticas de manipulação dos alimentos. Este trabalho teve como objetivo realizar a avaliação das condições higienicossanitárias do cachorro-quente, comercializado por ambulantes na avenida engenheiro Roberto Freire, cinturão turístico da cidade do Natal, RN. Realizou-se um estudo exploratório, quantitativo, qualitativo e descritivo com oito ambulantes de cachorro- -quente, por meio de instrumento de verificação com 24 itens, baseado em um checklist. As perguntas contemplavam as boas práticas de serviços de alimentação, quanto à higiene do manipulador, instalação, transporte e armazenamento dos alimentos. Os resultados indicam que as condições higiênicossanitárias no comércio ambulante de cachorro-quente são insatisfatórias. Em todos os pontos de venda, 100% dos ambulantes não faziam a higienização das mãos. Em relação aos resultados 87,5% dos alimentos eram preparados em casa e 12,5% por terceiros, onde 67% armazenavam em caixas plásticas e 22% em térmicas; 75% dos ambulantes apresentaram uniforme em bom estado, 75% possuíam adornos, 88% usavam touca como proteção dos cabelos e 63% apresentavam unhas curtas e limpas; 24% utilizavam álcool como forma de higienização das mãos e apenas 6% utilizavam o álcool 70ºC. Nessa perspectiva, sugere-se a necessidade de ampliar o nível de conhecimento dos manipuladores de alimentos sobre a segurança dos alimentos, compreendendo os fatores de segurança e cuidados na preparação e armazenamento dos alimentos de rua.(AU)


Assuntos
Humanos , Produtos da Carne , Lanches , Alimentos de Rua , Brasil , Lista de Checagem/estatística & dados numéricos , Utensílios de Alimentação e Culinária , Manipulação de Alimentos , Armazenamento de Alimentos , Higiene/normas
13.
Hig. aliment ; 31(270/271): 60-64, 29/08/2017.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-848874

RESUMO

A mortadela é um produto cárneo embutido muito consumido pelos brasileiros. Por ser um alimento embalado à vácuo apresenta condições propícias ao desenvolvimento de esporos bacterianos de patógenos como o Clostridium botulinum. Muitos aditivos usados na produção de carnes industrializadas visam melhorar o sabor, a cor e a aparência do produto, além de estender a sua vida útil. Desta forma, os fatores que garantem a segurança destes produtos são a conservação em baixas temperaturas após sua produção, na comercialização e no transporte; adição dos conservantes nitrato e nitrito de sódio nas concentrações adequadas; e o tratamento térmico adequado durante o seu processamento. Este trabalho teve como objetivo avaliar o risco da presença da toxina botulínica em amostras de mortadela através da análise das características físico químicas do produto. Foram coletadas, no varejo do município do Rio de Janeiro/RJ, dez amostras de mortadelas de cinco diferentes marcas comerciais, que foram analisadas quanto ao pH, atividade de água, teor de umidade, resíduo mineral fixo, temperatura de conservação, data de fabricação e prazo de validade. De acordo com o risco do crescimento do Clostridium botulinum, 100% das amostras apresentaram atividade de água (Aw) acima de 0,955 e pH acima dos valores de 4,5 o que favorece a multiplicação dessa bactéria.(AU)


Assuntos
Animais , Clostridium botulinum/crescimento & desenvolvimento , Alimentos Industrializados , Produtos da Carne/análise , Fenômenos Químicos , Botulismo , Brasil , Aditivos Alimentares , Conservação de Alimentos/métodos , Fatores de Risco
14.
Braz. j. microbiol ; 48(3): 576-586, July-Sept. 2017. tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-889141

RESUMO

Abstract The present work discusses the technological and new selection criteria that should be included for selecting lactic acid bacteria for production of fermented meat. Lactic acid bacteria isolated from Bulgarian traditional fermented "lulanka" salami was studied regarding some positive technological parameters (growth at different temperature, pH, and proteolytic activity). The presence of genes related to the virulence factors, production of biogenic amines, and vancomycin resistance were presented in low frequency in the studied lactic acid bacteria. On the other hand, production of antimicrobial peptides and high spread of bacteriocin genes were broadly presented. Very strong activity against L. monocytogenes was detected in some of the studied lactic acid bacteria. In addition, the studied strains did not present any antimicrobial activity against tested closely related bacteria such as Lactobacillus spp., Lactococcus spp., Enterococcus spp. or Pediococcus spp. To our knowledge this is the first study on the safety and antimicrobial properties of lactic acid bacteria isolated from Bulgarian lukanka obtained by spontaneous fermentation.


Assuntos
Animais , Lactobacillales/isolamento & purificação , Lactobacillales/metabolismo , Produtos da Carne/microbiologia , Suínos , Aminas Biogênicas/metabolismo , Lactobacillales/efeitos dos fármacos , Lactobacillales/genética , Fermentação , Inocuidade dos Alimentos , Microbiologia de Alimentos , Antibacterianos/farmacologia
15.
Hig. aliment ; 31(268/269): 87-94, 30/06/2017.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-846491

RESUMO

A carne bovina possui grande valor econômico no Brasil. É produto muito apreciado pelos consumidores na alimentação como fonte de proteína. No entanto, é um alimento muito susceptível à alteração de qualidade, tanto microbiológica, como sensorial e físico-química e, por essa razão, é fundamental a adoção de cuidados higienicossanitários durante toda a sua cadeia produtiva para que sua qualidade seja preservada. Neste sentido, o presente trabalho teve por objetivo realizar uma revisão sobre parâmetros de qualidade em carnes, enfatizando os aspectos principais.


Assuntos
Animais , Bovinos , Contaminação de Alimentos/análise , Microbiologia de Alimentos , Produtos da Carne/análise , Produtos da Carne/microbiologia , Coliformes , Utensílios de Alimentação e Culinária , Manipulação de Alimentos , Salmonella/isolamento & purificação
16.
Hig. aliment ; 31(268/269): 97-101, 30/06/2017.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-846492

RESUMO

O consumo de frango congelado aumentou nos últimos anos. O fator de degelo, água absorvida pelo músculo da ave durante o processamento industrial, é um indicador de qualidade e economicidade para este produto. Com objetivo de avaliar perdas de peso por degelo em carcaças de frango, por meio do método de gotejamento (Drip test), foram analisadas 25 amostras de 5 diferentes marcas (10 evisceradas e 15 não evisceradas). Os resultados das amostras individuais demonstraram que das 25 amostras, 14 amostras (56%) evidenciaram perda por degelo acima do permitido pela legislação pertinente que é de 6%. Observou-se também que as amostras com vísceras tiveram médias de perda por degelo bem superiores àquelas evisceradas: 7,3% e 5,2%, respectivamente. Considerando valores médios de 5 amostras por marca, apenas as com vísceras apresentaram não conformidade em relação à perda de peso por degelo. Todas as amostras contendo vísceras apresentaram irregularidades e 20% das amostras evisceradas tiveram percentual de degelo ligeiramente acima do máximo permitido. Diante dos resultados concluiu-se que: as condições "eviscerado" e "não eviscerado" influenciaram sobremaneira os valores de perda por degelo, que a maioria das amostras analisadas apresentou percentuais elevados de degelo e que a aquisição de carcaça eviscerada é a melhor opção de compra para este tipo de produto considerando a economicidade.


Assuntos
Animais , Perdas de Alimentos , Alimentos Congelados/análise , Degelo , Produtos da Carne , Brasil , Amostras de Alimentos , Aves Domésticas
17.
Hig. aliment ; 31(268/269): 106-110, 30/06/2017.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-846496

RESUMO

O consumo de produtos à base de carne suína, como a linguiça suína, vem crescendo, tornando-se necessário o controle das condições higienicossanitárias. Objetivou-se pesquisar coliformes em linguiça suína comercializada nos açougues na cidade de Ceres, GO. Foram coletadas 20 amostras, aleatoriamente, em 20 casas de carnes. As amostras foram analisadas segundo a metodologia de Silva et al. (2001) para determinação do Número Mais Provável de coliformes totais e termotolerantes. Os resultados foram comparados com a Resolução RDC nº 12, de 02 de janeiro de 2001. Na análise de coliformes totais 95% das amostras apresentaram contaminação, com valores acima de 2,4x10³ NMP/g, equivalendo a 35% das amostras analisadas. Para coliformes termotolerantes, das 20 amostras analisadas, 90% (18) apresentaram contaminação e em 25% (5) houve crescimento acima de 2,4x10³ NMP/g. Cinco das vinte amostras analisadas estavam fora dos padrões estabelecidos, pois apresentaram nível de contaminação superior ao da legislação vigente.


Assuntos
Animais , Contaminação de Alimentos/análise , Microbiologia de Alimentos , Alimentos Industrializados , Produtos da Carne/microbiologia , Brasil , Coliformes , Manipulação de Alimentos , Amostras de Alimentos , Suínos
18.
Hig. aliment ; 31(266/267): 66-72, 30/04/2017.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-833327

RESUMO

A carne e os produtos cárneos são alimentos com elevado potencial de deterioração e por isso métodos de conservação são estudados e empregados para ampliação da sua vida de prateleira e preservação de sua qualidade. O ácido lático é um metabólico presente naturalmente na carne, formado durante o processo de conversão músculo carne que vem sendo testado com eficiência em carnes e derivados cárneos. Neste sentido, o presente trabalho teve por objetivo realizar uma revisão sobre o uso do ácido lático e seu sal sódico em carnes e derivados cárneos.


Assuntos
Animais , Bovinos , Conservação de Alimentos/métodos , Produtos da Carne/análise , Carne/análise , Qualidade de Produtos para o Consumidor , Aditivos Alimentares , Contaminação de Alimentos/prevenção & controle , Ácido Láctico/administração & dosagem , Literatura de Revisão como Assunto , Cloreto de Sódio/administração & dosagem , Suínos
19.
Hig. aliment ; 31(266/267): 118-122, 30/04/2017.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-833406

RESUMO

Objetivou-se avaliar a aceitabilidade e composição centesimal de linguiças desenvolvidas a partir de carne suína, contendo diferentes níveis de polpa de pequi. Para o processamento foram utilizados os ingredientes carne suína, toucinho, polpa de pequi, açúcar, alho, pimenta e sal. Foram estabelecidos quatro tratamentos conforme os níveis de pequi presentes: 1-0% de polpa de pequi (controle); 2-2,5% de polpa de pequi; 3-5% de polpa de pequi e 4-7,5% de polpa de pequi. Foram analisados o pH, lipídios, matéria seca, umidade, cinzas e proteínas. As análises sensoriais foram feitas por 119 provadores não treinados e os atributos avaliados foram aroma, sabor, cor e textura. A análise estatística dos dados foi realizada pelo software ASSISTAT e aplicado o teste de Tukey. Os resultados da análise físico-química não diferiram entre os tratamentos. A avaliação sensorial demonstrou que as linguiças suínas contendo 5% de polpa de pequi foram melhores aceitas, quanto aos atributos sabor e aroma. A inclusão de pequi em até 5% agradou ao consumidor e constitui-se em alternativa para diversificação dos sabores de linguiça suína.


Assuntos
Animais , Composição de Alimentos , Frutas , Produtos da Carne/análise , Alimento Funcional/análise , Alimentos Industrializados , Suínos
20.
Arq. bras. med. vet. zootec ; 69(2): 491-496, mar.-abr. 2017. tab
Artigo em Inglês | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-833969

RESUMO

The aim of this study was to evaluate the physicochemical characteristics of three formulations of smoked cooked linguiças, only differing in the lean meat used: (Formula 1 ­ 100% ostrich meat; Formula 2 ­ 50% ostrich meat + 50% pork; and Formula 3 ­ 50% ostrich meat + 50% chicken), elaborated with ostrich meat trimmings. The formulas showed slightly higher moisture content (62.00-64.41%) than the maximum allowed in the legislation for cooked linguiças (60%) (Brasil, 2000). However, their protein content (19.99-22.14%) was at least 42% higher than the minimum required level (14%); the fat content (11.82-14.25%) was less than half the maximum permitted level (35%) in the same legislation, and at least 45% less than three well-known smoked cooked linguiça brands commercialized in Brazil; and the energy value (194.89-208.19 Kcal%) was at least 31% less than the same smoked linguiça brands; thus the three ostrich smoked linguiça formulas elaborated could be claimed "light" in fat content and energy value (European Union, 2006; Brasil, 2012). The present study showed that ostrich meat trimmings can be successfully used to elaborate healthy, "light", smoked cooked linguiças, competing in the market with traditional smoked cooked linguiças, and adding value in the ostrich meat chain.(AU)


O objetivo do estudo foi avaliar as características físico-químicas de três formulações de linguiças cozidas defumadas, que somente diferiram em relação à carne magra utilizada: (Fórmula 1 ­ 100% carne de avestruz; Fórmula 2 ­ 50% carne de avestruz + 50% carne suína; e Fórmula 3 ­ 50% carne de avestruz + 50% carne de frango), elaboradas com aparas de carne de avestruz. As fórmulas apresentaram teor de umidade levemente superior (62,00-64,41%) ao máximo permitido na legislação para linguiças cozidas (60%) (Brasil, 2000). No entanto, seu teor de proteína (19,99-22,14%) foi no mínimo 42% maior que o nível mínimo exigido (14%); o teor de gordura (11,82-14,25%) foi menos da metade do conteúdo máximo permitido (35%) na mesma legislação e pelo menos 45% inferior ao teor de gordura de três marcas bem conhecidas de linguiças cozidas defumadas comercializadas no Brasil; e o valor energético (194,89-208,19kcal%) foi no mínimo 31% menor que as mesmas marcas de linguiças defumadas; com isso, as três fórmulas de linguiças cozidas defumadas de carne de avestruz poderiam ser rotuladas como "light" em relação ao teor de gordura e valor energético (European Union, 2006; Brasil, 2012). O presente estudo mostrou que as aparas de carne de avestruz podem ser utilizadas com sucesso na elaboração de linguiças cozidas defumadas "light", saudáveis, competindo no mercado com linguiças defumadas tradicionais, e adicionando valor à cadeia de carne de avestruz.(AU)


Assuntos
Restrição Calórica , Produtos da Carne/análise , Carne/análise , Proteínas , Gorduras , Umidade , Struthioniformes
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA