Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 60
Filtrar
1.
Managua; s.n; sept. 2019. 57 p. ilus, tab.
Tese em Espanhol | LILACS | ID: biblio-1048278

RESUMO

Estudio descriptivo. El presente análisis recayó sobre ciento cincuenta y cuatro documentos, entre convenios, contratos y acuerdos del CIES-UNAN Managua, con tres ejes descriptores; el proceso de firma de los mismos, el aspecto técnico y el administrativo. Se contó con la autorización de las autoridades del CIES UNAN-Managua para la realización de este estudio. La confianza en la Institución CIES, reflejada en su prestigio a través de los Graduados y de las iniciativas que, para responder a las necesidades de los Sistemas de Salud de Nicaragua y la Región, ha lanzado con otros socios a través de su historia. Esto a través de las características institucionales que define para el CIES la Ley 103, reforma de la ley 89, la cual faculta a esta firma de Convenio de forma directa por el CIES-UNAN Managua. Más recientemente, a partir de la segunda década del siglo XXI, la UNAN Managua ha venido centralizando esta facultad, lo cual ha constituido una fortaleza para el CIES-UNAN Managua al ser incorporado en las estrategias de desarrollo institucionales de esta Alma Máter. El CIES tiene asociados en todas partes del mundo priorizando la educación y la salud, relacionándose por igual con ONGs, instituciones públicas, organismos internacionales, instituciones privadas entre otras, abiertas a colaborar por medio de la firma de convenios para el logro de sus objetivos en beneficio de la población


Assuntos
Convênios , Contratos , Acordos de Cooperação para a Formação de Recursos Humanos , Organização e Administração , Epidemiologia Descritiva , Educação Superior , Administração em Saúde
2.
Pensando fam ; 23(1): 34-46, jan.-jun. 2019.
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1040674

RESUMO

O presente estudo tem como objetivo investigar o modo como o casal se constitui, com base no enfoque psicanalítico, levando em consideração os aspectos intrapsíquicos e intersubjetivos examinam-se, inicialmente, a escolha amorosa como base do processo identificatório e suas implicações na formação do casal. Em seguida, investigam-se o conceito de vínculo e a formação conjugal, a partir das concepções de Puget, Berenstein, Eiguer e Kaës. Por fim, discute-se o conceito de alianças inconscientes, a partir de suas tipologias. Constata-se que a formação do casal oferece, por um lado, um continente, palco de encenações de acordos e pactos inconscientes, por outro, possui mecanismos defensivos para lidar com a vida coletiva. Conclui-se que o casal tende a uma estabilidade quando os modelos de referência são recriados, formando uma estrutura inédita de relação, e quando se adequam ao macro contexto sociocultural.


The purpose of this study is to investigate the formation of the married couple through a psychoanalytical approach, taking into consideration its intrapsychic and intersubjective aspects. The authors start by examining the love choice as the foundation of the identification process and its implications in the formation of the couple. Next, they investigate the concept of bond and the conjugal formation from the standpoints of Puget, Bernstein, Eiguer and Käes. Finally, the authors discuss the concept of unconscious ties through its typologies. The study observes that the formation of the couple offers, on one hand, a continent for the staging of agreements and unconscious pacts, and on the other, defensive mechanisms to deal with collective life. The study concludes that the couple tends towards stability when the circumstances recreate reference models - forming an unprecedented relationship structure - and when such models fit into the broader sociocultural context.


Assuntos
Humanos , Ligação do Par , Inconsciente Psicológico , Casamento/psicologia , Complexo de Édipo , Contratos
3.
BrasÍ­lia; IPEA; 2019. 99 p. ilus.
Monografia em Português | LILACS, ECOS | ID: biblio-1054561

RESUMO

Esta publicação tem por objetivo contribuir com o debate acerca das encomendas tecnológicas (ETECs) no Brasil. De forma mais específica, pretende-se apresentar os princípios gerais para sua gestão pública. Assim, trata-se de um texto dedicado, principalmente, aos gestores públicos voltados a aplicar o uso do poder de compra do Estado como instrumento de estímulo à inovação.


Assuntos
Contratos , Governo Federal , Proposta de Concorrência , Setor de Assistência à Saúde , Sistema Único de Saúde , Tecnologia Biomédica
4.
Rev. chil. radiol ; 24(2): 48-54, jul. 2018.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-959576

RESUMO

Resumen: El presente artículo tiene por objeto dar a conocer un particular tipo de cláusula que puede encontrarse en las pólizas de seguro por actividades profesionales: la cláusula de delimitación temporal llamada claims made. Ésta presenta múltiples problemáticas desde el punto de vista jurídico, que tienen directa incidencia en el ámbito práctico de la responsabilidad médica. Una de ellas, se produce en aquellos casos en que los siniestros no reciben cobertura de la compañía, aun estando vigente y debidamente pagada la póliza por el asegurado, debiendo asumirse el pago de la indemnización por el propio médico frente a la víctima.


Abstract: The purpose of this paper is to present a particular type of clause that can be found in an insurance contract related to professional activities: the claims made clause. This clause presents multiple legal problems which have a direct impact on the practical application in the medical liability. One of these occurs in cases where the damage is not covered by the insurance company even if the policy has been properly paid by the insured, and the compensation must be paid by the doctor to the victim.


Assuntos
Humanos , Responsabilidade Legal , Contratos , Seguro Saúde/legislação & jurisprudência , Chile , Responsabilidade Civil , Compensação e Reparação , Seguro de Responsabilidade Civil
5.
Rev. Bras. Psicoter. (Online) ; 20(1): 49-59, 2018.
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-1000099

RESUMO

O presente artigo descreve algumas considerações a respeito do processo de término em psicoterapia psicanalítica, encontradas na literatura. O objetivo é discorrer sobre aspectos e recomendações que caracterizam a fase final do tratamento, considerando que a mesma é percebida de forma singular pela dupla: terapeutapaciente. Alguns autores destacam a capacidade do ego do paciente, o alcance de objetivos determinados na terapia, a superação de ansiedades e inibições, entre outros, como indicadores para a conclusão do tratamento. Tais critérios e demais questionamentos serão descritos ao longo deste estudo, contemplando principalmente o fechamento integral do processo, observando brevemente alguns aspectos relacionados às interrupções. O fim da terapêutica desperta, tanto em quem se trata quanto nos profissionais, angústias primitivas que devem ser elaboradas por ambos, portanto, reconhecidas e trabalhadas ao máximo durante o tratamento.(Aut)


This article compiles some considerations about the end of the process in psychoanalytic psychotherapy, found in the literature. The objective is to discuss aspects and recommendations that characterize the final phase of the treatment considering that it is perceived in a unique way by each of the dual therapist / patient. Some authors emphasize the capacity of the ego, the achievement of determined goals, the overcoming of anxieties and inhibitions, among others, as indicators for the conclusion of this modality of psychological care. These criteria and other questions will be better described throughout this study, contemplating the complete closure, that is, without stopping the interruptions. The end of the therapy awakens, both in those who are treated and in the professionals, primitive anxieties that must be elaborated by both, therefore, recognized and worked to the maximum during the treatment.(aut)


Assuntos
Humanos , Psicanálise , Psicoterapia , Contratos
6.
Cad. Ibero Am. Direito Sanit. (Impr.) ; 6(3): 48-64, jul.-set. 2017.
Artigo em Português | LILACS, BDS | ID: biblio-877456

RESUMO

O Contrato Organizativo de Ação Pública na Saúde foi instituído pelo Decreto Presidencial nº 7.508/2011 com o propósito de servir como um contrato entre entes políticos no âmbito de uma Região de Saúde. Ele se propõe a definir as responsabilidades de cada ente assumidas pelos respectivos chefes de executivo e secretários de saúde, além do Ministério da Saúde. Entretanto, suas características estão ora mais próximas de um convênio ou consórcio, ora mais próximas de um contrato. A força e a necessidade desse novo instrumento são discutidas, tendo em vista a existência de outros instrumentos já previstos para a regionalização cooperativa. Para o presente estudo foi realizada uma revisão bibliográfica sobre o tema e uma análise da legislação relacionada e confecção de uma minuta de contrato proposta para as regiões de saúde


The Organisational contract of Public Health Action was established by the Presidential Decree No. 7.508/2011 for the purposes of serving as a contract between political entities within a Health Region. It defines the responsibilities to be delegated to the head of the executive branch and its undersecretary of health, as well as the Ministry of Health. However, its provisions are closer to an agreement or consortium, and, not rarely, those of a contract. The effectiveness and the need for such an instrument are discussed in the light of the existence of similar instruments previously adopted for cooperative regionalization. In order to analyze the main assumptions, a literature review and a review of related legislation were made, as well as a draft contract proposal for health regions.


El Contrato Organizativo de Acción Pública en la Salud fue instituido por el Decreto Presidencial nº 7.508 / 2011 con el propósito de servir como un instrumento legal entre los entes políticos en el ámbito de una Región de Salud. Se propone definir las responsabilidades de cada ente que son legalmente delegadas a los jefes del ejecutivo y los secretarios de salud, así como las del Ministerio de Salud. Sin embargo, sus provisiones están más próximas a las del convenio o consorcio, o mismo parecidas a las de un contrato. La ejecutividad y la necesidad de este nuevo instrumento son discutidas, teniendo en cuenta la existencia de otros instrumentos ya previstos para la regionalización cooperativa. Para el presente estudio se realizó una revisión bibliográfica sobre el tema y un análisis de la legislación relacionada, así como la confección de un proyecto de propuesta de contrato para las regiones de salud.


Assuntos
Área Programática de Saúde , Contratos , Sistema Único de Saúde , Direito Sanitário
7.
Acta bioeth ; 23(2): 227-235, jul. 2017.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: biblio-886023

RESUMO

Resumen: avances biotecnológicos son abrumadores y la realidad social cambia con ellos. En efecto, la nueva ley en España sobre los matrimonios homosexuales ha propiciado que parejas de mujeres y de hombres que se casan puedan procrear no solo mediante la adopción, sino también por la fecundación in vitro. Así, la gestación por sustitución se está convirtiendo en la vía preferente para que parejas heterosexuales u homosexuales con problemas específicos, parejas de hombres y para el varón sin pareja puedan tener descendencia. Esta situación crea múltiples conflictos éticos y jurídicos difíciles de resolver: filiación del menor, mercantilización de la mujer, instrumentalización y compraventa de niños, etc. En este artículo se analizarán los aspectos bioéticos en conflicto, sin olvidar la regulación jurídica que existe al respecto.


Abstract: We find ourselves in a time of far reaching biotechnological breakthroughs and alongside with this, society is also experiencing changes. In this sense, new regulations regarding homosexual marriage have opened an scenario where same sex couples of men or women, may "procreate", not only by means of adoption - not permitted for homosexual couples in many countries - but also through in vitro fertilization. For this reason, surrogate pregnancy is becoming the option of choice enabling heterosexual couples with specific problems, male couples, and males without a female partner to have a child. Indeed, as surrogate pregnancy techniques proliferates, ethical conflicts arise: the possibility of men to have their own children, problems relating filiation, instrumentalization of women and babies, legal solutions given by different European countries. In this article, both bioethical and legal issues regarding surrogate pregnancy will be analyse looking for the best interest of the minors.


Resumo: Os avanços biotecnológicos são avassaladores e a realidade social se transforma com eles. Com efeito, a nova lei espanhola sobre o casamento homossexual tem propiciado que casais de mulheres e de homens que se casam possam procriar não só através da adoção, mas também por fertilização in vitro. Assim, a gestação por substituição está se tornando a alternativa preferida para que casais heterossexuais ou homossexuais com problemas específicos, casais de homens e homens solteiros possam ter filhos. Esta situação cria vários conflitos éticos e jurídicos que são difíceis de resolver: filiação da criança, mercantilização da mulher, instrumentalização e compra e venda de crianças, etc. Este artigo irá analisar os aspectos bioéticos, sem esquecer a regulação jurídica a este respeito.


Assuntos
Humanos , Feminino , Gravidez , Mães Substitutas/legislação & jurisprudência , Técnicas de Reprodução Assistida/legislação & jurisprudência , Técnicas de Reprodução Assistida/ética , Contratos/ética , Europa (Continente)
8.
Rev. Bras. Psicoter. (Online) ; 18(1): 13-22, 2016.
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos técnico-científicos | ID: biblio-848235

RESUMO

Este trabalho busca refletir sobre a frequência e o estabelecimento do contrato em psicoterapia psicanalítica com pacientes borderline. Para tanto, parte-se de um atendimento em psicoterapia de uma paciente de 20 anos com essa hipótese diagnóstica. Devido à dificuldade na simbolização e à instabilidade emocional e vincular desses pacientes, alterações na técnica psicanalítica envolvendo o manejo do contrato e da frequência são necessárias. Entretanto, muitas vezes segue-se estabelecendo um contrato 'nos moldes da neurose'. Acreditamos que o terapeuta precisa sustentar o contrato em sua mente até que o paciente possa tolerá-lo, assim como a mãe sustenta o tempo real dentro dela até que o bebê possa lidar com ele.(AU)


This paper aims to reflect about the frequency and the establishment of the contract in psychoanalytic psychotherapy with borderline patients. This work is based on the psychotherapy of a 20-year-old patient with this diagnosis. Due to the difficulty in symbolization, and emotional and bonding instability of these patients, changes in the psychoanalytical technique involving contract management and frequency are required. However, a contract 'along the lines of neurosis' is often kept. We believe that the therapist needs to maintain the contract in his mind until the patient can tolerate it, like the mother who holds the real time inside her until the baby can handle it.(AU)


Assuntos
Transtorno da Personalidade Borderline , Contratos , Relações Médico-Paciente , Psicoterapia
9.
Univ. salud ; 17(2): 212-223, jul.-dic. 2015. tab
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-774982

RESUMO

Objetivo: Describir las condiciones de trabajo y de organización del profesional de enfermería en diferentes formas de contratación laboral. Materiales y métodos: Estudio descriptivo, transversal, con selección de 552 enfermeras que laboraban en instituciones de 2°, 3° y 4° nivel de atención en salud en una ciudad colombiana; con un tamaño muestral por conglomerados representados por 31 IPS. Se usó el cuestionario de Condiciones de Trabajo (qCT) validado para Latinoamérica. Resultados: Predominaron las enfermeras con edades entre 25 y 34 años (55%), solteras (52%), en instituciones privadas laboraba el 63,5%, en modalidad de contrato a término indefinido 51%. El promedio de valoración de las condiciones de trabajo y de organización fue positiva en todas las escalas qCT acorde con la media y desviación estándar. El tipo de contratación tiene peso en la determinación de las condiciones de trabajo, pero no es el único indicador. Conclusión: Las mejores condiciones de trabajo y de organización como mayor antigüedad laboral, mayor salario, cubrimiento total de la seguridad social y prestaciones sociales, se dan en las enfermeras que laboran en contrato a término indefinido y en empresas de carácter privado.


Objective: To describe the conditions of work and organization of professional nursing in different forms of contracting. Materials and methods: A descriptive, cross-sectional study was made by selecting 552 nurses who were working in institutions of 2°, 3° and 4° health care level in a Colombian city; with a sample size for conglomerate represented by 31 IPS. The questionnaire on working conditions (qCT) validated for Latin America was used. Results: Nurses aged between 25 and 34 years (55%) prevailed, those who were single 52%, in private institutions 63.5% and with an indefinite-term contract 51%. The average assessment of the conditions of work and organization was positive in all scales qCT according to the mean and standard deviation. The type of hiring is important in the determination of working conditions, but it is not the only indicator. Conclusion: The best conditions of work and organization such as greater seniority, higher salary, total coverage of the social security and social benefits, are given to nurses who work in indefinite-term contract and private companies.


Assuntos
Humanos , Feminino , Adulto , Contratos , Enfermeiras e Enfermeiros , Organizações , Condições de Trabalho
10.
Ciênc. saúde coletiva ; 20(6): 1825-1834, 06/2015. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-748394

RESUMO

A pesquisa analisou, no período de 2001-2008, a composição público-privada na rede municipal de saúde e aspectos do processo de contratualização dos serviços. O método de investigação foi o estudo de caso com pesquisa documental e entrevistas. Os sujeitos entrevistados foram ex-secretários de saúde, diretores da regulação e gerentes distritais. As categorias de análise utilizadas foram fundo público, redes de atenção e controle público. Os resultados demonstraram que a contratualização se restringiu a unidades filantrópicas. Em relação aos demais estabelecimentos privados vinculados à rede pública constatou-se o não cumprimento de aspectos programáticos, tais como a regulamentação dos processos licitatórios necessários para a contratualização. As instâncias gestoras não atuaram na direção de fortalecer os serviços públicos estatais, tampouco na formação de redes de atenção. Os estabelecimentos contratualizados desenvolveram suas atividades sem os efetivos mecanismos de controle, externo e interno, imprescindíveis ao uso adequado dos recursos que são públicos. As autoras concluem que a contratualização não alterou, significativamente, o padrão de compra e venda de serviços, não se constituindo, de fato, em um processo fortalecedor do papel da esfera pública.


This research analyzed the public-private composition in the municipal health network and aspects of the contracting/outsourcing process for services over the period from 2001 to 2008. The research method used was a case study with documentary research and interviews. The interviewees were former secretaries of health, directors of regulation and district managers. The categories of analysis used were public funds, care networks and public control. The results showed that the contracting was restricted to philanthropic units. With respect to the other private establishments linked to the public care network, non-compliance with programmatic aspects was detected, such as the lack of regulation of bidding processes required for contracting. Management authorities did not actively pursue building up state public services, or the formation of care networks. The contracted establishments conducted their activities without effective external and internal control mechanisms, which are paramount for the proper use of public resources. The authors conclude that the contracting process does not significantly alter the standard of buying and selling of services and indeed does not enhance the empowering process of the role of the public domain.


Assuntos
Humanos , Contratos , Dissidências e Disputas , Serviços de Saúde , Serviços Terceirizados , Setor Privado , Setor Público , Brasil
11.
Rev. AMRIGS ; 59(1): 55-59, jan.-mar. 2015.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-846824

RESUMO

Este artigo analisa os aspectos jurídicos e bioéticos da prática médica da doação compartilhada de óvulos no contexto da Reprodução Assistida no Brasil. Trata-se de uma prática criada pela classe médica para auxiliar na obtenção de gametas femininos e beneficiar as pacientes que buscam alcançar a gravidez com assistência profissional (AU)


This paper examines the legal and bioethical aspects of medical practice of shared egg donation in the context of Assisted Reproduction in Brazil. This is a practice created by physicians to aid in obtaining female gametes and benefit patients seeking to achieve pregnancy with professional assistance (AU)


Assuntos
Humanos , Feminino , Gravidez , Doação de Oócitos/ética , Doação de Oócitos/legislação & jurisprudência , Temas Bioéticos , Contratos , Comportamento Cooperativo , Fertilização In Vitro/ética , Fertilização In Vitro/legislação & jurisprudência , Infertilidade/economia , Infertilidade/terapia , Óvulo/transplante
12.
Medicina (Ribeiräo Preto) ; 48(1): 19-26, jan.-fev. 2015.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-750151

RESUMO

Introdução: Contrato de gestão é um instrumento firmado entre o Poder Público e as Organizações Sociais de Saúde (OSS), pelo qual se transfere a gestão de serviços e equipamentos do primeiro para a execução das atividades pelo segundo. Objetivo: analisar os indicadores de desempenho do contrato entre a Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo e a FAEPA (OSS), na administração do Centro de Referência da Saúde da Mulher de Ribeirão Preto – MATER. Metodologia: Por meio de um estudo exploratório na modalidade estudo de caso, realizou-se entrevistas com os gestores da MATER e análise de dados referentes ao número de saídas hospitalares, atendimento e cirurgias ambulatoriais, além de indicadores qualitativos dos serviços de atenção ao usuário. Resultados: Entre os contratos de gestão de 2009 e 2013 houve aumento nos valores pactuados. Entretanto, ao ajustar as metas entre Março à Dezembro de 2009 e Janeiro a Fevereiro de 2013, houve redução das saídas hospitalares, cirurgias ambulatoriais e exames radiológicos; com aumento no atendimento ambulatorial, de urgências e de exames endoscópicos. Esses resultados estão atrelados ao repasse de verbas. Conclusão: nossos dados sugerem a necessidade de uma busca ativa da real demanda da população atendida, para que haja planejamento estratégico na oferta de serviços aos usuários do Sistema Único de Saúde...


Introduction: The interaction between the Brazilian Government and Social Health Organization (SHO) has been used as an instrument to transfer services and facilities from the first to implement the activities by the second. Objective: To analyze the indicators of one contract between the Department of Health of São Paulo State and FAEPA, a SHO, in administering the Reference Center for Women’s Health at Ribeirão Preto - MATER. Methods: Using an exploratory case control study, interviews were performed with the managers of MATER. Analysis of data were performed on the number of hospital outputs, outpatient careand surgeries and qualitative indicators of care services to the user. Results: Among the management contracts of 2009 and 2013, there was an increase in money values. However, when setting goals between March to December of 2009 and January and February of 2013, there was a reduction of hospital outputs, outpatient surgeries, and imaging exams and an increased outpatient care, emergency care, and endoscopy. These results are linked to the transfer of funds from governament to SHO. Conclusion: Our data suggest a strategic planning in order to offer to the Unified Health System users their real needs...


Assuntos
Humanos , Contratos , Administração de Serviços de Saúde , Administração Hospitalar , Organização Social
13.
Rio de Janeiro; s.n; 2015. viii,103 p. tab, graf.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-757593

RESUMO

O estudo teve como objetivo geral caracterizar o processo de contratualização proposto pela SES-RJ, entre Secretarias Municipais de Saúde (SMSs) e prestadores hospitalares privados e filantrópicos que prestam assistência cardiovascular no SUS do estado do Rio de Janeiro, tendo como questões norteadoras de pesquisa, quais as razões que levaram a adesão ou não adesão, qual a percepção das SMSs e hospitais sobre a proposta de contratualização, se houve aumento da produção de cirurgia de revascularização conforme metas pactuadas nos hospitais que aderiram a contratualização e quais ajustes à proposta de contratualização devem ser considerados. Dentre os objetivos específicos buscou-se: (1) caracterizar o processo de elaboração e implementação da contratualização; (2) identificar as razões da adesão e não adesão de SMSs e prestadores dos hospitais em uma amostra de conveniência; (3) identificar as dificuldades e aspectos facilitadores em relação à contratualização da SES-RJ na referida amostra; (4) caracterizar o comportamento das filas de espera em relação ao procedimento de revascularização a partir da efetiva implantação do Sistema Estadual de Regulação para cirurgia cardíaca em janeiro de 2014 e em outubro de 2014 dos hospitais que aderiram a contratualização; (5) caracterizar a produção de revascularização, no período de agosto de 2013 (início do processo de negociação da proposta) a outubro de 2014 na amostra de conveniência. Caracteriza-se como um estudo descritivo, exploratório e transversal, utilizando-se de dados primários (entrevistas) e secundários, abrangendo Secretarias Municipais de Saúde e hospitais privados e filantrópicos elegíveis de atenção cardiovascular do SUS no estado do Rio de Janeiro...


The overall objective of the study was to characterize the process of contracting proposed by the SES-RJ, between Municipal Health Department and private and philanthropic hospital providers providing cardiovascular care in the SUS state of Rio de Janeiro, considering the issues on which reasons for adherence or non-adherence, the perception of SMSs and hospitals on the proposal for contracting if there was an increase of grafting of production as agreed targets in hospitals that joined the contracting and what adjustments to the contracting proposal should be considered, as guiding the research and discussion of results.Among the specific objectives aimed to: (1) characterize the process of elaboration and implementation of contracting; (2); identify the reasons for adherence and non-adherence of Municipal Health Department providers and hospitals in the sample; (3) identify the difficulties and facilitating aspects regarding the contracting of SES-RJ in the sample; (4) characterize the behavior of queues compared to the revascularization procedure from the effective implementation of the State System of Control for heart surgery in January 2014 and October 2014 in hospitals that joined the contracting; (5) characterize the production of revascularization, from August 2013 (beginning of the proposed negotiation process) to October 2014 in a convenience sample. This work is characterized as a descriptive, exploratory cross-sectional study, using primary data (interviews) and secondary covering, including Municipal Health and private and philanthropic hospitals eligible cardiovascular SUS attention in the state of Rio de Janeiro...


Assuntos
Humanos , Contratos , Assistência à Saúde , Doenças Cardiovasculares/cirurgia , Recursos Financeiros em Saúde , Custos Hospitalares , Política Pública , Sistema Único de Saúde
14.
Aval. psicol ; 13(3): 409-417, dez. 2014. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-735502

RESUMO

Este artigo teve por objetivo construir e validar instrumento que contemplasse o caráter bilateral e multidimensional do conteúdo dos contratos psicológicos. O ICP, instrumento de contrato psicológico, é composto por duas escalas, a de obrigações do empregado (EEO), e a de obrigações do empregador (EER). A validação foi feita em uma organização pública brasileira, com amostra de 382 empregados recém admitidos. Os dados foram submetidos à análise fatorial exploratória e confirmatória. A solução de três fatores foi considerada a mais adequada teoricamente para ambas as escalas. A EEO resultou formada por 16 itens e a EER, por 18 itens. A estrutura empírica do instrumento e os índices de fidedignidade encontrados tornam seu uso recomendável...


This study aimed to construct and validate an instrument that encompasses the bilateral and multidimensional characters of the content of psychological contracts. The Psychological Contract Instrument (ICP), consists of two scales: the Employee Obligations (EEO) and the Employer Obligations (EER). The validation was performed in a Brazilian, public organization with a sample of 382 newly-hired employees. The data were subjected to exploratory and confirmatory factor analysis. The three-factor solution was deemed most appropriate for both scales. The EEO comprised of 16 items and the EER, 18 items. The empirical structure of the instrument and the psychometric reliability indices determined that the scales’ use is advisable...


Este artículo tuvo como objetivo construir y validar un instrumento que abarcara el carácter bilateral y multi-dimensional del contenido de los contratos psicológicos. El ICP, Instrumento de contrato psicológico, consiste en dos escalas, de las obligaciones de los empleados – EEO y de las obligaciones del empleador – EER. La validación se llevó a cabo en una organización pública brasileña, con una muestra de 382 recién llegados. Los datos fueron sometidos a un análisis factorial exploratorio y confirmatorio. La solución de tres factores se consideró la teoría más adecuada. La EEO resultó compuesto por 16 artículos y EER, 18 artículos. La estructura empírica del instrumento y los índices de fiabilidad encontraron su uso aconsejable...


Assuntos
Humanos , Masculino , Adulto , Contratos , Análise Fatorial , Trabalho/psicologia
15.
Agora (Rio J.) ; 17(2): 177-186, jul.-dez. 2014.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-742156

RESUMO

Nas últimas décadas surgiram novas expressões da religiosidade, manifestadas na proliferação das seitas engendradas numa dimensão de contrato e troca entre os fiéis e Deus. O artigo as compara com religiões tradicionais orientadas por um pacto que, ao contrário, mantém a referência à alteridade e a impossibilidade de um arbítrio frente aos desígnios de Deus. Para além das semelhanças que as unem - marcadas todas pela mesma busca da felicidade e do alívio para o mal-estar -, há diferenças acentuadas entre elas, que apontam para distintas configurações do laço social e do sujeito que delas é efeito...


New expressions of religiosity: what they say about subjectivity and society today. In the last decades new expressions of religiosity have arisen in the form of sects that entail a dimension of contract and exchange between the faithful and God. The present article compares them with traditional religions that are guided by the notion of a pact. The former keeps the reference to alterity and considers it impossible for people to arbitrate when facing God's will. In spite of their similitude - both sects and traditional religions are in search of happiness and relief from all kinds of discomfort in society - there are important differences between them pointing to diverse social bonds and hence different subjectivities...


Assuntos
Humanos , Contratos/tendências , Psicanálise , Religião
16.
Brasília; Ministério da Saúde; ed. atual; out., 2014. 87 p. ilus, tab.(Auditoria do SUS, v.1).
Monografia em Português | LILACS | ID: lil-765270

RESUMO

O exercício pleno das funções de auditoria requer a observância de informaçõesque se tornam vitais no dia a dia para o cumprimento dos princípios deeficiência na gestão do Sistema Único de Saúde (SUS). A disseminação de informaçõessobre os procedimentos necessários à indicação de devolução de recursosfinanceiros, resultante das aplicações ou não em ações e serviços diversos dooriginalmente pactuado, faz parte deste cenário. Entretanto, ao conhecimento eà visão da equipe de auditoria deve-se aliar o bom senso, o aprofundamento nasparticularidades dos instrumentos de regulamentação.O fundamental nesse contexto é orientar as equipes de auditoria do SistemaNacional de Auditoria no sentido de uniformizar, padronizar e qualificar os processosde trabalho. De igual forma, tal disseminação contribui para subsidiar osgestores e os prestadores de serviços junto ao SUS, na adoção de medidas queevitem impropriedades e irregularidades gerenciais relacionadas com o zelo dosrecursos públicos...


Assuntos
Humanos , Brasil , Gestor de Saúde , Auditoria Administrativa , Recursos em Saúde/provisão & distribução , Sistema Único de Saúde , Contratos , Registros , Gastos em Saúde , Planejamento em Saúde , Política de Saúde
17.
Ciênc. saúde coletiva ; 19(8): 3593-3604, 08/2014. graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-718633

RESUMO

A contratualização desenvolvida na Estratégia Saúde da Família é um tema ainda pouco estudado. É introduzida no Brasil em diferentes modelos, de acordo com o ente federativo contratante e o estatuto jurídico do prestador de serviços contratado; e em Portugal, a partir de modelo único de contratualização público-público com as Unidades de Saúde Familiar. Apresenta-se neste artigo o panorama atual da contratualização nos dois países, por meio de estudo de casos, e discutem-se seus atributos de planejamento conjunto, responsabilização com autonomia e sistema de incentivos ao desempenho. As principais contribuições da contratualização são: melhor coordenação das organizações de saúde; substituição da lógica hierárquica de comando-controle pela de maior participação; e responsabilização dos profissionais com melhor desempenho das suas atividades. Conclui-se que um dos elementos facilitadores é sua construção gradual, em um ambiente de aprendizagem permanente, com o protagonismo dos profissionais de saúde; e que seus maiores desafios são a transparência na condução dos processos, o fortalecimento dos mecanismos de auditoria e dos sistemas de informação, bem como a revisão permanente dos indicadores de monitoramento e sua adequação às necessidades de saúde da população.


The contractual arrangements adopted in the Family Health Strategy are a topic as yet scantly addressed in studies. It is introduced in Brazil in different models in accordance with the contracting entity and the legal status of the contracted service provider; and in Portugal, it is based on a model of inter-governmental contractual arrangements with the Family Health Units. In this paper, the current status of contractual arrangements in both countries is presented and their attributes of joint planning, accountability with autonomy and performance-based incentive programs are discussed. The main contributions are: better coordination of the health organizations; substitution of the hierarchical command-control logic with greater participation; and accountability of professionals with enhanced performance of their activities. The conclusion reached is that one of the facilitating elements is gradual construction, in an environment of ongoing learning, with health professionals playing the leading role. However, the major challenges include transparency in the implementation of processes, the enforcement of sound auditing mechanisms and information systems, as well as the continuous review of indicators and their suitability for the health needs of the population.


Assuntos
Contratos , Atenção Primária à Saúde , Brasil , Portugal , Atenção Primária à Saúde/organização & administração
18.
Rio de Janeiro; s.n; 2014. 148 p. ilus, mapas, tab, graf.
Tese em Português | LILACS, BDS | ID: lil-714019

RESUMO

A reforma administrativa de cunho gerencialista que ocorreu no Brasil na década de 1990 instituiu o modelo de Organizações Sociais (OS) para a gestão das atividades pertencentes ao espaço público não estatal, onde foi incluída a prestação de serviços de saúde no âmbito do SUS. Esse modelo foi concebido como uma alternativa à constante baixa capacidade de desempenho da gestão pública, e cuja principal causa seria o excessivo controle dos procedimentos e a reduzida autonomia técnico-administrativa, próprios do modelo burocrático e das normas que regem a administração direta. A partir de 2009, a Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro (SMS) repassou a gerência da Estratégia Saúde da Família (ESF) para Organizações Sociais de Saúde, mediante contratos de gestão que discriminam objetivos e metas a serem alcançados na prestação de serviços. Analisou-se tal experiência à luz do sistema de governança adotado pelo município e de aspectos do desempenho da Estratégia Saúde da Família com o objetivo de identificar limites e possibilidades desse modelo como alternativa organizacional no SUS. Realizou-se o estudo de caso por meio de entrevistas com informantes-chave, análise documental e de indicadores do Sistema de Informação da Atenção Básica. Elaborou-se um plano de análise do sistema de governança, a partir da contribuição de autores que desenvolveram estudos críticos sobre as teorias subjacentes ao modelo de OS. (...) A SMS considera as OS como uma ferramenta administrativa para agilizar a aquisição de bens e serviços e a provisão de profissionais de saúde, e estabelece uma relação com essas entidades mais próxima da subordinação e mais afastada da parceria e da cooperação, o que limitaria o desenvolvimento de inovações gerenciais que poderiam ser introduzidas pela adoção da lógica contratual e da institucionalização da avaliação de resultados. O estudo sugere que o modelo de OS ainda é frágil como alternativa organizacional no SUS, porque o Estado não possui a capacidade regulatória necessária, o que inclui debilidades nas tecnologias de monitoramento das atividades prestadas e dificultam a avaliação do desempenho dos serviços. A capacidade regulatória impediria que as organizações executoras dos serviços transferissem - em nome da racionalidade do custo/efetividade - a racionalidade própria do mercado para os serviços públicos de saúde. A gestão dos serviços de saúde é uma prática complexa em função da amplitude do campo e da necessidade de conciliar interesses individuais, corporativos e coletivos nem sempre convergentes. O desafio seria aprender com as diversas experiências e identificar oportunidades que ampliem a capacidade dos governos de implementação das políticas públicas como estratégia de promoção da justiça social.


The administrative reform of managerial nature that occurred in Brazil in the 90s established the model of Social Organizations (SO) for the management of the activities belonging to the “non-state public space”, where the provision of health services was included in the Unified Health System (UHS). This model was designed as an alternative to the constant poor performance of public administration, and the main cause would be the excessive procedures control and the reduced technical and administrative autonomy, part of the bureaucratic model and the rules governing the direct administration. From 2009, the Municipal Health Secretariat of Rio de Janeiro (MHS) transferred the management of the Family Health Strategy (FHS) to Social Health Care Organizations through management contracts that discriminate objectives and targets to be achieved in the service. This experience was analyzed in the light of the governance system adopted by the municipality and performance aspects of the Family Health Strategy in order to identify the limits and possibilities of this model as an organizational alternative in UHS. A case study was conducted through interviews with key informants, documental analysis and indicators of the Information System of Primary Care. An analysis plan of the governance system was developed, based on contributions from authors who have developed critical studies on the underlying SO model theories. (...) (...) MHS sees SO as an administrative tool to accelerate the procurement of goods and services and the provision of health care professionals, and establishes a relationship with these entities that is closer to subordination than to partnership and cooperation. This would limit the managerial innovations development that could be introduced by the adoption of contractual logic and institutionalization of results evaluation. The study suggests that SO model is still fragile as an organizational alternative to SUS, because the state lacks the necessary regulatory capacity, including weaknesses in technologies for monitoring activities, and difficult the services performance evaluation. The regulatory capacity would prevent the organizations executing the services to transfer - in the name of cost/effectiveness rationality - the market rationality to the public health services. The management of health services is a complex practice due to the breadth of the field and the need to reconcile individual, corporate and collective interests that do not always converge. The challenge would be to learn from many experiences and identify opportunities to enhance the capacity of governments to implement public policies as a strategy to promote social justice.


Assuntos
Humanos , Atenção Primária à Saúde/organização & administração , Contratos , Gestão em Saúde , Modernização do Setor Público , Organização Social , Saúde da Família , Administração Pública
19.
Rev. salud pública (Córdoba) ; 17(4): 21-30, 2013. graf
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-726431

RESUMO

Objetivos: Analizar la estructura del mercado de servicios de salud de la Provincia de Córdoba durante el período 2003-2008, considerando las condiciones socio-económico-sanitarias locales, marco institucional, la historia de los actores más relevantes del sector, y las conductas adquiridas como respuesta a la estrategia combinada de tales actores. Métodos: Revisión de literatura, mapa de actores, encuestas de campo a establecimientos de segundo y tercer nivel en los sectores públicos y privados de los departamentos de Ciudad de Córdoba, Calamuchita y Tercero Arriba. Resultados: Córdoba aparece como un caso de estructura de mercado de competencia monopolística, con pocos competidores por especialidad y alta presencia de instituciones líderes. Conclusiones: La diferenciación vertical de producto se constituye en la estrategia elegida por los jugadores donde la infraestructura es el primer criterio para definir la competencia, seguido por la tecnología, ambos indicadores de calidad tanto para pacientes como de financiadores


Objectives: To analyze the market structure of healthcare services in the province of Cordoba for the period 2003-2008, considering socio-economic and local health conditions, institutional framework, history of most relevant actors, and behaviors acquired as a response to their combined strategies. Methods: Literature review, stakeholder analysis and field surveys of public and private providers at second and third level of care for the departments of the City of Córdoba, Calamuchita and Tercero Arriba. Results: Cordoba appears as a case of monopolistic competition, with few competitors, high presence of leading institutions and vertical product differentiation as the strategy chosen by the players. Conclusions: Infrastructure is the first criterion to define competition, followed by technology, for both indicators of perceived or actual quality of both patients and financiers


Assuntos
Feminino , Argentina , Contratos/tendências , Política/história , Política/tendências , Sistemas de Saúde , Sistemas de Saúde/organização & administração , Sistemas de Saúde/tendências
20.
Rio de Janeiro; s.n; 2013. 92 p. ilus, mapas, tab, graf.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-714011

RESUMO

A questão da carência hídrica, tanto na quantidade quanto na qualidade, é um problema que afeta várias comunidades no Brasil e no mundo. A carência hídrica associada à falta de um planejamento ocupacional e ao mau uso dos recursos naturais causam diversos conflitos pelo uso da água. Estas questões são motivo de preocupação daqueles que são afetados e também de instituições que direta ou indiretamente interagem com os problemas relativos à água. O Projeto Produtor de Água no Pipiripau faz parte do esforço coletivo de diferentes instituições que, atuando na Bacia do Ribeirão Pipiripau (DF) junto a produtores rurais, se propõem a minimizar as carências hídricas visando à redução do conflito principalmente entre os usuários de irrigação e o abastecimento urbano. O Projeto leva consigo o conceito inovador de Pagamento por Serviços Ambientais – PSA, instrumento econômico que se assenta no princípio do provedor-recebedor. O presente trabalho procura explicar a gênese, a importância e as perspectivas do Projeto Produtor de Água no Pipiripau, fazendo uma exposição de como se dará o Pagamento por Serviços Ambientais – PSA, enquanto política preservacionista dos recursos hídricos. O presente trabalho estudará as principais etapas pelas quais se estabeleceu o arranjo institucional que tornou possível a assinatura do Acordo de Cooperação Técnica – ACT entre os parceiros; as funções assumidas pelos diferentes parceiros e como que se viabilizou o início das ações preservacionistas na bacia; o atual estágio e as dificuldades envolvidas na condução do Projeto; o que prevê e quando se deram os primeiros contratos para Pagamento por Serviços Ambientais; a importância do PSA, na sua forma direta e indireta, para a preservação dos recursos hídricos; os valores a serem pagos aos produtores rurais e a caracterização das ações que serão incentivadas por PSA e as perspectivas do Projeto na Bacia.


Assuntos
Humanos , Contratos , Bacias Hidrográficas , Saúde Ambiental/organização & administração , Serviços Contratados/organização & administração , Qualidade da Água , Recursos Hídricos
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA