Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 176
Filtrar
1.
Rev. ABENO ; 19(1): 97-105, 2019. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1022680

RESUMO

O termo currículo refere-se ao percurso seguido pelo estudante em uma instituição de ensino superior desde o momento em que inicia seu processo de formação profissional até a graduação. As Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) para os cursos de graduação em Odontologia, instituídas pela Resolução CNE/CES 3, de 19 de fevereiro de 2002, definem os princípios, fundamentos, condições e procedimentos da formação de cirurgiões-dentistas, primando pela formação de um profissional integral. As Instituições de Ensino Superior (IES) têm em mãos o desafio de construir projetos pedagógicos que operacionalizem esse conceito, de modo a atender as demandas da sociedade. Neste contexto, este estudo de abordagem qualitativa e exploratória objetivou analisar criticamente as matrizes curriculares de dois cursos de Odontologia, pertencentes a IES localizadas em regiões distintas do país. A metodologia utilizada considerou um modelo lógico para avaliação da formação do cirurgião-dentista com base nas DCN, proposto por Pessoa e Noro. Foram analisadas as dimensões referentes à integração entre os ciclos básico e profissionalizante, ao desenvolvimento de competências e habilidades desejáveis, a formação profissional, além do desenvolvimento do estágio curricular e atividades complementares. Foi verificado que as duas estruturas curriculares estão em consonância com os ideais preconizados pelas DCN, apesar de conterem pontos que não fortalecem a formação profissional do egresso. Observou-se que ambas as matrizes apresentam potencialidades e fragilidades, que inspiram discussões (AU).


The term "curriculum" refers to the program followed by students in an institution of higher learning from the moment they begin their course of professional training until graduation. The National Curricular Guidelines (NCG) for undergraduate studies in dentistry, instituted by Resolution CNE/CES 3, February 19, 2002, define the principles, basis, conditions and procedures for the training of fulltime professional dental surgeons. Higher Education Institutions (HEIs) face the challenge of designing pedagogical projects that implement these concepts in order to meet the demands of society. In this context, the objective of this qualitative and exploratory study was to critically analyze the curricular matrices of two dentistry programs from HEIs located in distinct regions of Brazil. A logical model based on national curriculum guidelines (NCG) proposed by Pessoa and Noro was used to evaluate the formation of dental surgeons. This study analyzed the integration between basic and professional activities, the development of desirable competencies and abilities, and professional development beyond residency and complementary activities. It verified that the curriculum structures of the two institutions are in agreement with the ideals advocated by the NCG, in spite of containing aspects which do not strengthen the profession formation of graduates. It was observed that both models have strengths and weaknesses, which should elicit further discussions (AU).


Assuntos
Educação Baseada em Competências/métodos , Currículo/normas , Recursos Humanos em Odontologia , Educação em Odontologia , Brasil , Pesquisa Qualitativa , Capacitação de Recursos Humanos em Saúde
2.
Rev. ABENO ; 19(2): 156-166, 2019. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-1023214

RESUMO

A integração ensino-serviço propõe uma nova forma de pensar a formação. O papel do preceptor é fundamental, mediando o aprendizado do estudante a partir de vivências nos serviços. O presente estudo transversal objetivou avaliar o perfil de competências dos cirurgiões dentistas (CD) atuantes na Atenção Primária em Saúde no município de Campina Grande quanto ao exercício da preceptoria, entendendo a importância desses resultados para as instituições repensarem a formação e proporcionar à gestão o conhecimento do perfil de profissionais que integram sua rede de assistência. Os dados foram coletados por meio de questionário e então submetidos a análise estatística descritiva, bem como empregou-se a análise de diferença de proporções (teste qui-quadrado de Pearson ou teste exato de Fisher, quando apropriado) para investigar associações entre as variáveis qualitativas estudadas. A maior parte assinalou que a integração ensino-serviço na formação do CD é extremamente importante (n = 19; 44,2%). Uma parcela expressiva ainda não participou de formação para preceptores (n = 31; 72,1%), constatou-se associação estatisticamente significativa entre já ter participado de alguma formação e relato de sentir-se preparado para a função (p = 0,005). Foram relatadas dificuldades no processo de desenvolvimento da preceptoria (n = 32; 74,4%), destacandose falta de programa de capacitação (n = 29; 67,4%). Os resultados apontam para a necessidade de processos formativos para os preceptores, que contribuam para uma reflexão consistente sobre o modelo de atenção à Saúde e formação de novos profissionais (AU).


The teaching-service integration proposes a new way of thinking about training. The role of the preceptor is fundamental, mediating the student's learning from experiences in health services. This cross - sectional study aimed to evaluate the profile of competences of dental surgeons (DS) working in the Primary Health Care in the city of Campina Grande regarding the exercise of preceptorship, understanding the importance of these results for institutions to rethink training and provide management with knowledge of the profile of professionals that integrate their assistance network. Data were collected by means of a questionnaire and submitted to descriptive statistical analysis, and analysis of proportional difference (Pearson's chi-square test or Fisher's exact test, when appropriate) was used to investigate associations between qualitative variables. Most indicated that the teachingservice integration in DS formation is extremely important (n = 19, 44.2%). A significant proportion have not yet participated in training for preceptors (n = 31; 72.1%); statistically significant association was found between having participated in some training and reporting feeling prepared for the function (p = 0.005). Difficulties were reported in the development of preceptorship (n = 32; 74.4%), highlighting lack of training programs (n = 29; 67.4%). Results point to the need for training processes for preceptors, which contribute to a consistent reflection on the health care model and the training of new professionals (AU).


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Atenção Primária à Saúde , Educação Baseada em Competências , Recursos Humanos em Odontologia , Distribuição de Qui-Quadrado , Estudos Transversais/métodos , Inquéritos e Questionários
3.
Rev. ABENO ; 18(1): 161-169, 2018.
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-884120

RESUMO

Este estudo teve como objetivo traçar o perfil do ensino de gestão nos cursos de graduação em Odontologia no Brasil. Caracteriza-se como pesquisa transversal com abordagem quantitativa a partir de dados secundários. A amostra foi composta por 327 Instituições de Ensino Superior (IES) que possuem cursos graduação em Odontologia cadastrados no Ministério da Educação. A coleta ocorreu a partir de consultas aos sítios web das IES, dos quais foram analisadas as matrizes curriculares dos cursos de Odontologia e ementas, e observada a existência de componentes curriculares que abordassem o ensino de gestão. Quando presentes, foram colhidas as seguintes informações: região da IES, categoria administrativa da IES, natureza do componente curricular, semestre ofertado, carga horária, metodologia empregada e nomenclatura. Dos 327 cursos de graduação em Odontologia pesquisados, apenas 27,83% ofertam o ensino de gestão em suas matrizes curriculares. A maioria dos componentes curriculares é de natureza obrigatória (74,72%), ofertadas predominantemente no 8° (25,28%) e 9° (24,17%) semestres, com a carga horária variando entre 31 e 60 horas de aulas (79,12%) e natureza teóricas (60,31%). Assim, concluiu-se que o ensino de gestão é pouco explorado pelos cursos de graduação em Odontologia no Brasil, fazendo-se necessária a sua inclusão nas matrizes curriculares a fim de preparar o cirurgião-dentista para atuar na área da gestão em saúde (AU).


This study aims to outline the teaching profile of management in undergraduate courses in Dentistry in Brazil. It is a transversal research with a quantitative approach using secondary data. The sample consisted of 327 Higher Education Institutions (HEI) that have undergraduate Dentistry courses enrolled in the Ministry of Education. The collection took place after consultation to the websites of the HEIs, from which the curricular matrices of the courses of Dentistry and their summary were analyzed. We observed the existence of curricular components that addressed the teaching of management. When present, the following information was collected: HEI region, HEI administrative category, nature of the curricular component, offered semester, workload, methodology used and nomenclature. Among the 327 undergraduate courses in Dentistry surveyed, only 27.83% offer management in their curricular matrices. Most curricular components are compulsory (74.72%), offered predominantly in eighth (25.28%) and ninth (24.17%) semesters, with a workload varying between 31 and 60 hours of classes (79.12%) and theoretical classes (60.31%). Thus, we concluded that management education is little explored by undergraduate courses in Dentistry in Brazil, making it necessary to include them in curricular matrices in order to prepare the dentist professional to work in the area of health management (AU).


Assuntos
Recursos Humanos em Odontologia , Gestão em Saúde , Administração de Serviços de Saúde , Brasil , Estudos Transversais/métodos
4.
Epidemiol. serv. saúde ; 27(1): e201723615, 2018. tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-953368

RESUMO

Objetivo: analisar as tendências da força de trabalho de cirurgiões-dentistas no Brasil, no período de 2007 a 2014. Métodos: estudo de séries temporais com dados do Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES) e da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE); regressões lineares generalizadas de Prais-Winstein foram utilizadas para estimar as tendências temporais e calcular a variação percentual anual da força de trabalho de cirurgiões-dentistas no período estudado. Resultados: houve crescimento do número de cirurgiões-dentistas atuando como clínicos gerais e especialistas, em média 12,7% e 17,3% ao ano, respectivamente; a expansão da força de trabalho de clínico geral (0,5%) e de especialista (11,6%) foi menor no setor público, em relação ao setor privado (24,5% e 30,3%, respectivamente). Conclusão: o número de cirurgiões-dentistas é elevado, embora estejam desigualmente distribuídos em ambos setores de atuação, o que pode implicar barreiras no acesso aos cuidados odontológicos no Brasil.


Objetivo: fue analisar las tendencias de la fuerza laboral de dentistas en Brasil, entre 2007 y 2014. Métodos: estudios de Series Temporales con datos nacionales del Registro Nacional de Establecimientos de Salud y del Instituto Nacional de Geografía y Estadística fueron analizados; regresiones lineares generalizadas de Prais-Winstein fueron utilizadas para estimar las tendencias en el tiempo y calcular el cambio porcentual anual de la fuerza de trabajo de los dentistas durante el período. Resultados: el número de dentistas que actúa como generalistas y especialistas creció al año en promedio de 12,7% y 17,3%, secuencialmente; la expansión de la mano de obra de dentistas generalistas (0,5%) y especialistas (11,6%) fue menor en sector público e comparado con el privado (24,5% e 30,3%, respectivamente). Conclusión: el numero de dentistas en Brasil es elevado, entretanto, están desigualmente distribuidos, lo que puede implicar barreras en el acesso a los cuidados odontológicos en Brasil.


Objective: the objective was to analyze trends in the dental surgeon workforce in Brazil between 2007 and 2014. Methods: this is a time series study using data from the Brazilian National Register of Health Establishments and the Brazilian National Institute of Geography and Statistics. Prais-Winsten generalized linear regression was used to estimate time trends and to calculate the annual percent change in the dental surgeon workforce over the period. Results: the number of dental surgeons working as general practitioners and as specialists grew on average by 12.7% and 17.3% per annum, respectively; dental surgeon workforce expansion in relation to general practitioners (0.5%) and specialists (11.6%) was lower in the public sector, compared to the private sector (24.5% and 30.3%, respectively). Conclusion: the number of dental surgeons in Brazil is high, although they are not equally distributed between both sectors. This may imply barriers to dental care access in Brazil.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Recursos Humanos em Odontologia , Emprego , Estudos de Séries Temporais
5.
Rev. odontol. Univ. Cid. São Paulo (Online) ; 29(1): 18-31, Jan.-Abr. 2017.
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia, Repositório RHS | ID: biblio-849524

RESUMO

O presente estudo de caso analisou em que medida a adesão ao Pró-Saúde contribuiu para o andamento da reforma curricular em uma faculdade pública de Odontologia no Rio de Janeiro. Para essa análise foram coletados documentos e realizadas treze entrevistas semiestruturadas com atores-chave. Utilizou-se como referencial teórico a Teoria da Estruturação de Giddens. Os resultados da pesquisa apontaram avanços e entraves no novo Projeto Político Pedagógico. Entretanto, desafiando as características de uma instituição tradicional de formação, o Pró-Saúde, associado ao interesse dos dirigentes locais em realizar a reforma, cumpriu o papel de indutor das transformações curriculares


The present case study analyzed how the adherence to Pró-Saúde contributed to the process of the curriculum reform done by a public school of dentistry in Rio de Janeiro state. In order to find evidences, documents were collected and thirteen semi-structured interviews with key actors were conducted. The data analysis was performed in light of Giddens' Structuration Theory. The results of the research show both advances and obstacles in the new pedagogical project. In conclusion, challenging the characteristics inherent to an institution of traditional education, Pró-Saúde, associated with school managers interests, fulfilled the role of a catalyst to curricular transformation.


Assuntos
Recursos Humanos em Odontologia , Educação em Odontologia , Currículo , Políticas Públicas de Saúde , Capacitação de Recursos Humanos em Saúde
6.
Rev. cuba. estomatol ; 54(2): 1-11, apr.-jun. 2017. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-901031

RESUMO

Introdução: os Resíduos de Serviço de Saúde constituem um grande problema para a sociedade e para o meio ambiente, e o conhecimento de seu correto manejo é imprescindível para a formação do profissional da saúde. Objetivo: verificar o conhecimento dos profissionais de Odontologia atuantes nas Unidades Básicas de Saúde de municípios do noroeste do estado de São Paulo, Brasil, sobre o correto manejo dos Resíduos de Serviço de Saúde. Métodos: o instrumento de coleta de dados foi um questionário semiestruturado, preenchido durante as visitas nos estabelecimentos de saúde, a fim de verificar a conformidade do processo de gerenciamento de resíduos Odontológicos. Realizou-se análise descritiva. Além disso, aplicaram-se os testes do qui-quadrado e o Exato de Fisher para verificar associação entre o conhecimento do descarte de resíduos e a informação sobre o tema, ao nível de significância de 1 porcento. As análises foram realizadas no programa BioEstat 5.0. Resultado: do total (n= 74) dos profissionais, a maioria (97,3 porcento) diz saber o que são Resíduos de Serviço de Saúde e todos acreditam que eles podem fazem mal a saúde. No entanto, 41,9 porcento não responderam de forma correta como descartar os sugadores e luvas infectados e 20,3 porcento sobre o descarte de perfurocortantes. Em relação à informação sobre o tema, 40,5 porcento não obtiveram. Conclusão: o conhecimento sobre o correto descarte dos Resíduos de Serviço de Saúde por esses profissionais ainda é falho. Isso reflete a importância de capacitar os profissionais e propor formas de gerenciamento adequadas dos Resíduos de Serviço de Saúde(AU)


Introducción: los residuos de servicios de salud son un grave problema para la sociedad y el medio ambiente, y el conocimiento de su correcta gestión es esencial para la formación de los profesionales de la salud. Objetivo: evaluar el conocimiento de los profesionales de Odontología que trabajan en las Unidades Básicas de Salud de los municipios en el noroeste de São Paulo, Brasil, sobre el manejo adecuado de los residuos de servicios de salud. Métodos: el instrumento de recolección de datos fue un cuestionario semiestructurado, completado durante las visitas a los centros de salud, con el fin de verificar la conformidad del proceso de gestión de residuos dentales. Se realizó un análisis descriptivo. Además, se aplicó la prueba de chi cuadrado y exacta de Fisher para determinar la asociación entre la eliminación de residuos y los conocimientos e información sobre el tema, considerándose un nivel de significación del 1 por ciento. Los análisis se realizaron en BioEstat 5.0. Resultados: del total (n= 74) de los profesionales, la mayoría (97,3 por ciento) afirmó no saber cuáles son los residuos de servicios de salud y todos creyeron que pueden hacer mal a la salud. Sin embargo, el 41,9 por ciento no contestó correctamente sobre la eliminación de dispositivos de succión y guantes infectados, y el 20,3 por ciento sobre la eliminación de objetos punzantes. Con respecto a la información sobre el tema, el 40,5 por ciento no la obtuvo. Conclusiones: el conocimiento sobre la eliminación adecuada de los residuos de servicios de salud por estos profesionales todavía es deficiente. Esto refleja la importancia de la capacitación de los profesionales y proponer formas de gestión adecuadas de los residuos de servicios de salud(AU)


Introduction: medical waste is a serious problem for both society and the environment, and knowledge about its proper management is essential for the training of health care professionals. Objective: evaluate knowledge among dental professionals working in Basic Health Units from municipalities in northeast Sao Paulo, Brazil, about proper management of medical waste. Methods: the data collection tool used was a semi-structured questionnaire completed during visits to the health centers, aimed at verifying the adequacy of dental waste management. A descriptive analysis was performed. Additionally, chi-square and Fisher's exact tests were applied to determine the association between waste disposal, and knowledge and information about the subject, using a significance level of 1 percent. Analyses were conducted on BioEstat 5.0. Results: of the total professionals (n= 74), most (97.3 percent) stated not knowing which are the medical wastes, and all believed that they may be harmful to health. However, 41.9 percent did not provide a correct answer about disposal of infected gloves and suction devices, and 20.3 percent about sharps disposal. With respect to information about the subject, 40.5 percent did not obtain it. Conclusions: knowledge about proper disposal of medical waste is still deficient among these professionals, pointing to the importance of professional training and of proposing forms of proper management of medical waste(AU)


Assuntos
Humanos , Resíduos Odontológicos/efeitos adversos , Gerenciamento de Resíduos/métodos , Recursos Humanos em Odontologia/educação , Indicadores de Desenvolvimento Sustentável/métodos , Brasil , Epidemiologia Descritiva , Coleta de Dados/estatística & dados numéricos
7.
Rev. ABENO ; 17(3): 10-20, 2017. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-882798

RESUMO

O estudo objetivou analisar os serviços prestados pelas Instituições Federais de Ensino Superior (IFES) com curso de graduação em Odontologia no sul do Brasil, compreendendo a maneira como se organizam e a integração com a Rede de Atenção à Saúde (RAS). Trata-se de um estudo exploratório, descritivo e analítico, de abordagem qualitativa, utilizando técnicas de observação, análise documental e entrevistas semiestruturadas, realizadas no período de junho a outubro de 2014. A plena integração das clínicas odontológicas das IFES com a RAS ainda é um desafio a ser superado, o que vem comprometendo a efetivação dos princípios do Sistema Único de Saúde no atendimento odontológico dos pacientes e repercutindo na formação profissional em Odontologia. Faz-se necessário consolidar a relação das IFES com o sistema público de saúde para que as clínicas odontológicas possam, como um ponto de atenção, efetivamente fazer parte da RAS (AU).


The purpose of this study was to analyze the services provided by federal public dental schools (DS) in southern Brazil, particularly the organization and the integration with the Health Care Network (HCN). This is an exploratory, descriptive and analytical study with a qualitative approach using observation techniques, documentary analysis and semi-structured interviews, carried out from June to October 2014. The full integration of the dental services with the HCN is still a challenge to be overcome, which has compromised the effectiveness of the national health system principles and has consequences on professional training in dentistry. It is necessary to consolidate the relationship of the DS with the public health system so that dental services provided by DS can, effectively, be part of the HCN (AU).


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Assistência Odontológica , Recursos Humanos em Odontologia/organização & administração , Educação em Odontologia , Atenção Primária à Saúde , Estudantes de Odontologia , Brasil , Entrevista , Estudos de Avaliação como Assunto/métodos
8.
Trab. educ. saúde ; 14(1): 273-292, jan.-mar. 2016. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-772038

RESUMO

Resumo Objetivou-se neste estudo compreender a relação entre técnicos em saúde bucal e cirurgiões-dentistas no trabalho e os fatores que podem favorecer ou dificultar essa relação. Para análise da percepção dos técnicos em saúde bucal sobre os possíveis encontros e desencontros da relação no trabalho com os cirurgiões-dentistas, realizou-se um grupo focal com oito desses trabalhadores do Sistema Único de Saúde de municípios da Grande Vitória, Espírito Santo. A análise de conteúdo temática revelou três categorias: Perfil e mercado de trabalho; Condições de trabalho e infraestrutura; e Formação profissional, processo de trabalho e relação interpessoal. A complexidade do trabalho foi evidenciada, dentro do campo de interesses, poder e resistências, envolvendo tanto os técnicos quanto os cirurgiões-dentistas numa matriz geradora de comportamentos. Também existe forte influência do sistema de formação desses trabalhadores, da infraestrutura e das condições de trabalho e do perfil profissional no processo de trabalho da equipe em saúde bucal. Vislumbrou-se na comunicação a mediação, construindo novos encontros. Considera-se que muitos são os entraves para a relação entre técnicos em saúde bucal e cirurgiões-dentistas no trabalho, e vislumbra-se na comunicação a mediação, construindo novos encontros e representando alternativas para profanação do instituído, com superação dos desafios nas relações de poder.


Abstract This study aimed to understand the relationship between oral health technicians and dental surgeons in work and the factors that may promote or hinder this relationship. To analyze the perception oral health technicians have regarding possible agreements and disagreements in their working relationship with dental surgeons, a focus group was held with eight of those workers from the National Health System working at the municipalities encompassed by the Vitória metro region, in Espírito Santo, Brazil. The thematic content analysis revealed three categories: Profile and labor market; Working and infrastructure conditions, and Vocational training, work processes, and interpersonal relationships. The complexity of the work was shown, within the field of interests, power and resistance, involving both the technicians and dental surgeons, in a behavior generator matrix. These workers' training system, the infrastructure, working conditions, and the professionals' profile also influence the oral health team's work process heavily. Communication was seen as a mediator in this, building new encounters. It is considered that there are many barriers to the relationship between oral health care technicians and dental surgeons at work, and mediation is seen to be possible through communication, building new meeting grounds, and representing alternatives to the desecration of what has been instituted, overcoming the challenges in the power relations.


Resumen En este estudio se buscó comprender la relación entre técnicos en salud bucal y cirujanos dentistas en el trabajo y los factores que pueden favorecer o entorpecer esta relación. Para el análisis de la percepción de los técnicos en salud bucal sobre los posibles encuentros y desencuentros de la relación en el trabajo con los cirujanos dentistas, se realizó un grupo focal con ocho de estos trabajadores del Sistema Único de Salud de municipios de la Gran Vitória, Espírito Santo, Brasil. El análisis de contenido temático reveló tres categorías: Perfil y mercado de trabajo; Condiciones de trabajo e infraestructura; y Formación profesional, proceso de trabajo y relación interpersonal. La complejidad del trabajo se puso de manifiesto, dentro del campo de intereses, poder y resistencias, involucrando tanto a los técnicos como a los cirujanos dentistas en una matriz generadora de comportamientos. Existe también una fuerte influencia del sistema de formación de estos trabajadores, de la infraestructura y de las condiciones de trabajo y del perfil profesional en el proceso de trabajo del equipo en salud bucal. Se considera que muchos son los obstáculos para la relación entre técnicos en salud bucal y cirujanos dentistas en el trabajo, y se vislumbra en la comunicación la mediación, construyendo nuevos encuentros y representando alternativas para la profanación de lo instituido, con superación de los desafíos en las relaciones de poder.


Assuntos
Humanos , Odontologia em Saúde Pública , Recursos Humanos em Odontologia , Pessoal Técnico de Saúde , Relações Interprofissionais
9.
Rev. ABENO ; 16(2): 93-104, 2016. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-881818

RESUMO

O objetivo do presente trabalho foi investigar a inserção e a perspectiva profissional de egressos de Odontologia no mercado de trabalho. Trata-se de um estudo observacional, transversal e descritivo, realizado por meio de um questionário eletrônico aplicado aos 298 egressos de um curso de Odontologia do Tocantins, distribuídos em 14 turmas (2008 a 2015). A taxa de resposta foi de 61,41% (n=183). Após análise dos dados (Teste de Quiquadrado/Exato de Fisher; nível de significância de 5%) verificou-se que 65,6% dos respondentes eram do sexo feminino, com idade média de 30 (±6,6) anos. O tempo médio de formado foi de 3,7 (±2,2) anos. Dentre os egressos, 37,8% trabalhavam em serviço público, sendo que 17,5% o faziam exclusivamente. A maioria deles trabalhava no estado do Tocantins (65,0%), sendo que 62,8% estava cursando ou cursou pósgraduação, sendo Ortodontia (17,5%), Endodontia (14,8%), Odontopediatria (7,6%); a área de Saúde Coletiva apareceu para 3,8% dos respondentes. A renda mensal da maioria (46,4%) foi de até 5 salários mínimos (R$ 3 640,00) e 49,8% dos respondentes mostraramse satisfeitos com o rendimento mensal. A inserção imediata no mercado de trabalho foi relatada por 72,7% dos egressos, sendo que 6% não exerciam a profissão naquele momento e destes, 2,7% nunca exerceram. Dentre as disciplinas consideradas mais significativas na graduação apareceram Cirurgia Oral (26,8%), Endodontia (21,3%), Dentística (14,2%), Odontopediatria (11,5%), Prótese (9,3%) e Saúde Coletiva (4,9%). Os resultados encontrados permitem concluir que a inserção dos egressos no mercado de trabalho foi rápida e a maioria se encontrava satisfeita com os rendimentos naquele momento (AU).


Introduction of newly graduated dental students from the State of Tocantins into the job market. The aim of this study was to investigate the insertion and professional perspective of dental graduates into the labor market. An observational, cross-sectional and descriptive study was performed, by means of an electronic questionnaire, to a sample of 298 Dentistry graduates from the State of Tocantins, Brazil. The sample showed 14 classroom groups from the years 2008 to 2015. The response rate was 61.41% (n = 183). After data analysis (chi-square test / Fisher's exact, 5% significance level) it was found that 65.6% of respondents were female, mean age 30 (± 6.6) years. The average time since their graduation was 3.7(± 2.2) years. Among the graduates, 37.8% are now working in Public Health, and 17.5% do so, exclusively. Most of them work in the State of Tocantins (65.0%) and 62.8% have attended or are still attending post-graduation courses in Orthodontics (17.5%), Endodontics (14.8%), Pediatric Dentistry (7.6%) and Public Health (3.8%). The monthly income of the majority (46.4%) is up to 5 times the minimum wage (R $ 3,640.00) and 49.8% of the respondents reported a sense of achievement with the monthly income. The immediate insertion in the labor market was reported by 72.7% of the graduates, and 6% do not work as dental professionals, 2.7% of these have never done it. Among the most significant subjects while undergraduate students, Oral Surgery (26.8%), Endodontics (21.3%), Restorative Dentistry (14.2%), Pediatric Dentistry (11.5%), Prosthodontics (9.3%) and Public Health (4.9%) were the most meaningful for them. According to the results found it was concluded that the insertion of Dentistry graduates in the labor market was quick and the majority are happily satisfied with the income (AU).


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Brasil , Recursos Humanos em Odontologia/educação , Mercado de Trabalho , Estudantes de Odontologia , Distribuição de Qui-Quadrado , Estudos Transversais , Educação em Odontologia , Estudo Observacional , Prática Profissional/ética , Inquéritos e Questionários
10.
Rev. ABENO ; 16(4): 29-39, 2016. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-882084

RESUMO

O presente estudo tem como objetivo traçar o perfil dos editais para seleção de professores de cursos de Odontologia em instituições públicas e analisar a coerência entre esses processos seletivos com as Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN). A pesquisa foi desenvolvida utilizando os editais de concurso de universidades públicas no período de 2009 a 2014, com conceito 5 no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (ENADE). Os resultados demonstram que a maioria dos processos seletivos é desenvolvida em quatro etapas: prova escrita, prova didática, defesa de memorial e análise de currículo. O perfil do processo seletivo encontrado remete à repetição de modelos tradicionais de ensino, com excessiva valorização da especialidade e fragmentação dos conhecimentos em disciplinas, não demonstrando coerência entre o que se recomenda nas DCN e os editais analisados nesse estudo. Para que o perfil dos egressos esteja em consonância com o preconizado pelas DCN, um desafio a ser enfrentado é pensar maneiras de reformular o processo seletivo para professores de Odontologia, assim como investir em processos de desenvolvimento docente permanente (AU).


The present study aims to draw the profile of position announcements for selecting Dental School teachers in federal public institutions and to analyze the consistency between these selective processes and Brazilian National Curriculum Guidelines (DCN). The research was conducted using data from schools that reached grade 5 in National Exam of Student Performance (ENADE) in the 2009-2014 assessment. The results showed that most selection processes are developed in four stages: written test, teaching test, memorial and curriculum analysis. The profile of the selective process found repeats the traditional teaching models, with excessive fragmentation of knowledge and specialization into disciplines. The position announcements are not consistent with the DCN's recommendations. A challenge to be faced in order to reach the graduates profile in line with DCN is to reshape the selection process for dental teachers, as well as invest in permanent teacher development processes (AU).


Assuntos
Recursos Humanos em Odontologia/organização & administração , Educação em Odontologia , Docentes/organização & administração , Seleção de Pessoal/organização & administração , Brasil , Instituições de Ensino Superior , Estudos Observacionais como Assunto/métodos
11.
Rio de Janeiro; s.n; 2016. 188 p.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-782516

RESUMO

Esta tese foi desenvolvida com o objetivo de analisar a formação de cirurgiões-dentistas, a partir do conceito de profissionalismo, que contempla a aquisição de expertise, ética e a prestação de serviço. Teve como base uma pesquisa qualitativa, realizada com professores, alunos e responsável pela coordenação da graduação, em um dos cursos públicos de odontologia do estado do Rio de Janeiro. Os dados foram obtidos por meio da realização de entrevistas individuais, grupo focal, observação participante e diário de campo. Os resultados mostraram que os métodos de avaliação empregados contribuem para o estabelecimento de relações abusivas com os pacientes da clínica de ensino, nas quais podem ser equiparados a objetos de consumo usados para fins de aprovação acadêmica. A aquisição de expertise apresenta-se comprometida na Instituição de Ensino Superior pelo curto período de duração do curso, pelas divergências entre o agir em saúde de parte dos docentes e ensinamentos teóricos ministrados, quando os alunos são impedidos de realizar procedimentos que lhes caberia executar. A ética está comprometida quando autonomia e confidencialidade da atenção são violadas, quando ocorre negativa de assistência emergencial por indisponibilidade financeira do paciente, quando se trabalha com a perspectiva de que os usuários da clínica de ensino devem se contentar com serviços de baixa qualidade e inacabados e quando não há compromisso com as responsabilidades profissionais por parte de alunos e/ou professores. O serviço sofre comprometimento quando ocorrem barreiras ao fluxo dos pacientes e descontinuidade da assistência sem que haja resolutividade das necessidades em saúde dos pacientes...


This dissertation has been developed in order to analyze the preparation of graduates in dentistry from the concept of professionalism, which envolves the expertise, ethics and service providing. It was based on a qualitative research conducted among students, teachers and the coordinator of the program in one of the public Schools of Dentistry in Rio de Janeiro. Data collection methods used in this research was in-depth interviews, focus groups, intense observation and field diary. The results showed that the graduate’s assessment method contributes to estabilish an abusive relationship between students and dental care clinic patients, where patients can be seen by the students as consumer objects necessary to their academic approval. Dental students' knowledge acquisition has been compromised by the reduced graduate program period, by the discrepancies between acting in health and taught theoretical lessons on the part of teachers, and when students were unable to perform procedures that would be up them to perform. Ethitcs has been compromised when detal care authonomy and confidentiality were violated, when there was a denial of providing emergency care due to the financial inability of the patient, when is accepted the clinic costumers the must be settle for low quality or unfinished services and when there is no commitment to professional responsibility on the part of students and / or teachers. The service has been compromised when there were barriers to the flow of patients and interruptions of the service before finishing the threatment...


Assuntos
Humanos , Odontologia , Ética Profissional , Capacitação de Recursos Humanos em Saúde , Códigos de Ética , Educação em Odontologia , Prática Profissional/ética , Recursos Humanos em Odontologia/educação
12.
Ocotal, Nueva Segovia; s.n; ene. 2015. 75 p. ilus, tab, graf.
Tese em Espanhol | LILACS | ID: biblio-972298

RESUMO

Las organizaciones, sin importar el tipo de estas, se encuentran formadas porpersonas y las relaciones interpersonales se dan con el fin de desempeñaracciones que ayuden al logro de las metas. Tratar de entender el impacto que losindividuos, los grupos y la estructura tienen sobre el comportamiento dentro de laorganización, permite mejorar la eficacia de ésta y el alcance de sus objetivos.Reflejo de ello es el clima organizacional, por lo que para conocer laspercepciones que el trabajador tiene de las características de la organización, queinfluyen en las actitudes y comportamiento de los empleados, es necesarioelaborar diagnósticos de clima organizacional.La necesidad del diagnóstico clima organizacional en el Departamento deOdontología de la EUCS de la UNAH-VS surge a raíz del aumento en la demandade estudios en dicha facultad y la implementación de la Escuela de Ciencias De laSalud en donde se espera un crecimiento del número de catedráticos, y estas dossituaciones requieren de ajustes en los niveles de comunicación y de los nivelesde liderazgo, motivación, participación y reciprocidad, mediante transformacionesen los procesos de decisiones, que mejoren la calidad del servicio docente haciael cambio de lograr un Departamento de Odontología de calidad en la era de laalta tecnologías de la información y de las comunicaciones.Se diseñó un estudio descriptivo y transversal, donde el universo de estudioconstó de los docentes activos por dos períodos académicos de forma continua almomento de la recolección de la información. Se utilizó el instrumento de mediciónpropuesto por la OPS para medir Clima Organizacional.Los principales resultados del estudio en el Departamento de Odontología apuntanhacia la existencia de dificultades en las cuatro variables liderazgo, motivación,reciprocidad y participación lo que incide desfavorablemente en el climaorganizacional...


Assuntos
Humanos , Cultura Organizacional , Gestão em Saúde , Recursos Humanos em Odontologia , Odontologia , Educação em Odontologia , Dissertações Acadêmicas como Assunto , Teses Eletrônicas
13.
Arq. odontol ; 51(03): 145-151, 2015. tab
Artigo em Português | BBO - Odontologia, LILACS | ID: biblio-850201

RESUMO

Objetivo: Analisar as características essenciais ao exercício da profissão de cirurgião-dentista na visão de adolescentes. Material e Métodos: Estudo exploratório com abordagem quali-quantitativa. A população-alvo constituiu-se de alunos do 9º ano, matriculados em escolas do perímetro urbano de duas cidades, sendo uma do centro-oeste do Rio Grande do Sul (cidade A) e outra do sul de Santa Catarina (cidade B). A coleta de dados deu-se com base nos princípios da Técnica de Associação Livre de Palavras. As diversas evocações mencionadas pelos pesquisados foram listadas e classificadas, de acordo com suas afinidades conceptuais, em duas categorias. Para verificar a associação entre categorias e os fatores sexo e cidade de procedência, foi adotado o teste do qui-quadrado (p ≤ 0,01). Participaram da pesquisa 458 sujeitos, sendo 52% do gênero masculino, com idade média de 13,66 anos. Resultados: De modo geral a categoria Relacionamento interpessoal obteve uma maior probabilidade de ocorrência (0,516) em comparação à categoria Competência técnico-científica (0,484). A análise segundo a cidade de procedência evidenciou diferenças. Na cidade A houve predominância da categoria Competência técnico-científica. Na cidade B a categoria mais destacada foi Relacionamento interpessoal. A percepção dos adolescentes foi influenciada pela cidade de procedência, no entanto, não houve associação significativa para o fator sexo. Conclusão: As características essenciais ao exercício da profissão de cirurgião-dentista na visão do grupo pesquisado estão relacionadas a uma relação interpessoal humanizada aliada à capacidade para efetivar procedimentos clínicos de acordo com padrões técnico-científicos.Descritores: Adolescente. Recursos humanos em Odontologia. Relações dentista-paciente. Satisfação do paciente.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Recursos Humanos em Odontologia , Relações Dentista-Paciente , Satisfação do Paciente , Estudos de Avaliação como Assunto , Pesquisa Qualitativa
14.
Rev. estomatol. Hered ; 24(4): 239-247, oct. 2014. tab, graf
Artigo em Espanhol | LILACS, LIPECS | ID: lil-781724

RESUMO

Medir la percepción de riesgos asociados a los exámenes por imágenes y el nivel de conocimientos sobre los exámenes por imágenes, en usuarios del Servicio de Radiología Oral en una Facultad de Odontología de Lima. Material y Métodos: Se desarrolló un cuestionario para el estudio (V de Aiken: 0.97, Alfa de Cronbach: 0.70 para percepción de riesgo y 0.65 para nivel de conocimientos, y CCI: 0.81). El estudio incluyó 330 voluntarios entre 18 y 64 años de edad (68.8% mujeres, en su mayoría con un nivel de instrucción superior y nacidos en Lima. La mayor proporción de puntajes para percepción de riesgo asociado a estudios por imágenes y para el nivel de conocimientos sobre exámenes de imágenes, fueron de nivel intermedio. Resultados: El sexo femenino estuvo asociado con un mayor nivel de percepción de riesgo (X2 p=0,007), así como las edades más altas estuvieron asociadas a un mayor nivel de conocimientos (X2 p=0.023). Conclusiones: Los usuarios del Servicio de Radiología Oral de la Clínica Estomatológica Central de la Facultad de Estomatología de la Universidad Peruana Cayetano Heredia en el año 2013, fueron en su mayor parte mujeres, mayores de 45 años de edad, con un nivel de instrucción superior, nacidos en la ciudad de Lima y procedentes de distritos vecinos a la institución. Los puntajes de la percepción sobre riesgos asociados a los estudios por imágenes fueron en mayor proporción del nivel intermedio. Los puntajes del nivel de conocimientos sobre los riesgos, fueron también en mayor proporción del nivel intermedio. El sexo femenino estuvo asociado con el mayor nivel de percepción de riesgo, y lo mismo que la mayor edad estuvo asociada a un mayor nivel de conocimientos...


Objective: Measure the perception of risks associated with imaging tests and the level of knowledge on imaging tests on users of the Oral Radiology School of Dentistry in Lima. Methods: A questionnaire for the study was developed (V Aiken: 0.97, CronbachÆs alpha: 0.70 for Risk Perception and 0.65 for level of knowledge, and CCI: 0.81). The study included 330 volunteers aged between 18 and 64 years (68.8% women), aged 45 years, mostly with a higher level of instruction and born in Lima. The largest proportion of scores for perception of risk associated with imaging and to the level of knowledge on imaging tests were intermediate level. Results: Female sex was associated with a higher level of risk perception (X2 p=0,007) and higher ages were associated with a higher level of knowledge (X2 p=0.023). Conclusions: The users of the Oral Radiology Department of the Central Clinic of the Dentistry School at the Universidad Peruana Cayetano Heredia in 2013, were mostly women over 45 years old, with a higher level of instruction, born in Lima and from neighboring districts to the institution. Scores of Perception about risks associated with imaging studies were greater proportion of intermediate level. Scores on the level of knowledge about the risks were also higher proportion of intermediate level. Female sex is associated with higher levels of perceived risk, and so that older age is associated with a higher level of knowledge...


Assuntos
Humanos , Pessoa de Meia-Idade , Adulto Jovem , Percepção , Recursos Humanos em Odontologia , Riscos Ocupacionais , Serviço Hospitalar de Radiologia , Epidemiologia Descritiva , Estudo Observacional , Estudos Transversais
15.
Ocotal, Nueva Segovia; s.n; mar. 2014. iii, [80] p. ilus, tab.
Tese em Espanhol | LILACS | ID: biblio-972278

RESUMO

El propósito de esta investigación es determinar el grado de satisfacción de los egresados dela Carrera de Odontología de la Universidad Nacional Autónoma de Honduras en el Valle deSula (UNAH-VS) durante su práctica de Servicio Social.En el presente estudio se evalúa la satisfacción de 119 egresados de la Carrera deOdontología de la UNAH-VS cualitativamente en relación a los servicios prestados por laUNAH-VS, los servicios prestados por la Secretaría de Salud, las necesidades básicas en loslugares donde realizan su práctica, y en relación con los diferentes tratamientos y actividadesque efectúan durante su Servicio Social. Además se hace una caracterización demográfica ysociocultural de la población estudiada.Se hizo una encuesta a los egresados de la Carrera de Odontología de la UNAH-VS queefectuaron su práctica de Servicio Social entre el 2009 al 2013, utilizando una escala de Likerpara determinar el grado de satisfacción de las diferentes variables, y además se hizo unaentrevista a profundidad de 8 egresados. El análisis de la información sobre satisfacción sehizo individual para cada variable y en conjunto para cada objetivo.Los resultados demuestran que el elemento de más satisfacción es la práctica clínica queellos efectúan durante ese año, así mismo están satisfechos con las instalaciones donde laefectúan y con los servicios que ofrece la UNAH-VS durante la práctica de Servicio Social.Por otro lado el elemento de insatisfacción está relacionado con los servicios que presta la Secretaría de Salud a los pasantes durante el Servicio Social. Se encontró que la falta de comunicación, y de políticas definidas y estandarizadas sobre lapráctica de Servicio Social, son las principales causas consideradas por los egresado de los problemas que se suscitan durante su práctica de Servicio Social.


Assuntos
Humanos , Estágio Clínico , Recursos Humanos em Odontologia , Odontologia , Satisfação no Emprego , Dissertações Acadêmicas como Assunto , Teses Eletrônicas
16.
Rev. Investig. Salud. Univ. Boyacá ; 1(2): 217-230, 2014. graf, tab
Artigo em Espanhol | LILACS, COLNAL | ID: biblio-908876

RESUMO

Introducción: La odontología no está exenta de producir lesiones por las malas prácticas laborales y de afectar a los profesionales en su desempeño por el uso inadecuado de las he-rramientas, por su carencia o por la gran carga laboral. Objetivo. Establecer la prevalencia de las lesiones músculo-esqueléticas en docentes de Odontología que ejercen su profesión. Materiales y métodos. Se llevó a cabo un estudio de corte transversal en una población de docentes de Odontología de una universidad de Bogotá en 2013. La muestra fue de 85 profesionales que respondieron la encuesta basada en la escala visual análoga y las lesiones músculo-esqueléticas. Resultados. El 78,3% de los docentes presentaron dolor muscular, el 73,3%, de la población consideraba que el origen del dolor osteomuscular ­ osteoarticular era la práctica clínica, y el 60,3% presento dolor articular durante la atención clínica. La ubicación del paciente le había generado dolor al 76,2 % de los docentes. Los procedimientos con los cuales más se había sentido dolor, fueron los de rehabilitación oral, seguido de los de endodoncia. Se había sentido más dolor después de la jornada laboral. La frecuencia con que se visitaba al médico fue de una vez al año y cada vez que se sentía enfermo, las razones por las que no se asistían al médico fueron falta de tiempo y ausencia de síntomas. El diagnóstico predominante fue tendinitis y en segundo lugar la escoliosis. Conclusión. Los profesionales presentaron menos dolor que otras poblaciones, posiblemen-te por tener trabajos de clínica combinados con docencia y porque conocen los riesgos pos-turales, aunque no toman las precauciones necesarias.


Introduction: Dentistry can cause injuries due to clinical mal practice. In Dentistry, practitio-ners performance can also be affected due to an inadequate or lack of tools or merely due to a heavy workload. Objective: To establish the prevalence of muscular skeletal injuries in Dentistry lecturers who are practicing clinically. Materials and Method: A cross-sectional study of lecturers of Dentistry in a university in Bogotá. The sample taken consisted of results from 85 practitioners who responded to a survey based on the visual analogue scale and it also assessed their muscular skeletal injuries. Results: 78.3% of the lecturers suffered from muscular pain. 73.3% believed that the os-teomuscular - osteoarticular pain came from clinical practice and in 60.3% the pain began during clinical care. The patient ́s location had caused pain in 76.2% of the lecturers. The procedures where most pain had been felt were, oral rehabilitation, followed by root canals. More pain was felt after the working day. Lecturers on average visited the doctor once a year or when they felt ill. The reasons for not going to the doctor were lack of time or lack of symptoms. The predominant diagnoses were tendonitis and scoliosis. Conclusion: Practictioners showed less pain than in other areas of work in the field of Den-tistry. This is possibly due to the fact that they combine clinical work with teaching and because they know the postural risks, although they do not take necessary precautions.


Assuntos
Humanos , Músculo Esquelético , Recursos Humanos em Odontologia , Ergonomia , Docentes de Odontologia , Dor
17.
Gac. méd. espirit ; 15(1): 75-82, ene.-abr. 2013. ilus, tab
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-686466

RESUMO

Fundamentación: los trastornos músculo esquelético se encuentran entre los problemas más importantes de salud en el trabajo, los estomatólogos son un grupo de alto riesgo. Objetivo: describir los trastornos músculo esquelético de los estomatólogos y sus conocimientos sobre los principios ergonómicos. Metodología: se realizó un estudio descriptivo de corte transversal, de septiembre 2011 a julio de 2012 en el municipio de Sancti Spíritus. Se estudiaron 81 estomatólogos y las variables: presencia de dolor, tiempo de trabajo en el sillón dental, tratamiento médico recibido, trastornos músculo esqueléticos y conocimientos de principios ergonómicos. Para el análisis de los resultados se empleó el análisis porcentual. Resultados: los dolores en cuello, parte superior de espalda y hombros fueron los trastornos más frecuentes en períodos de siete días y un año incrementándose en correspondencia con las horas de trabajo en el sillón dental, además la mayoría de los estomatólogos estudiados desconoce los principios de ergonomía en su especialidad. Conclusiones: existen trastornos músculos esqueléticos que alcanzaron los mayores valores coincidiendo con el aumento de horas en sillón. Se evidenció desconocimiento por parte de los profesionales de los principios de ergonomía.


Background: Muscle skeletal disorders are one of the most important problems of health at work and dentists are a group at high risk. Objective: to describe the muscle skeletal disorders in dentists and their knowledge about the ergonomic principles. Methodology : A transversal descriptive work was carried out from September 2011 to July 2012 in Sancti Spíritus municipality. 81 dentists were studied and the variables were pain presence, time at work in the dentist's chair, medical treatment received, muscle skeletal disorders and knowledge about the ergonomic principles. For the analysis of the results the percentage analyses was used. Results: neck pain, upper part of the back and shoulders were the most frequent disorders in 7 days and 1 year periods increasing according to the hours at work in the dentist's chair, therefore the majority of dentists studied disclaim the principles of ergonomics. Conclusions : there are muscle skeletal disorders which reach major values according to the increase of hours in the dentist's chair. It was evidenced that there are doubts by the professionals about the principles of ergonomics.


Assuntos
Humanos , Músculo Esquelético/lesões , Recursos Humanos em Odontologia/normas , Ergonomia
18.
Rio de Janeiro; s.n; 2013. xv,104 p. tab, graf.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-688802

RESUMO

A formação de Recursos Humanos em Saúde compõe, historicamente, os espaços de construção das políticas públicas em diversos países. No Brasil, a necessidade de reforçar a orientação profissional para o trabalho no Sistema Único de Saúde motivou o lançamento de algumas medidas para a transformação do ensino superior na primeira década do século XXI. Destacaram-se, na área da educação, as Diretrizes Curriculares Nacionais (em substituição aos currículos mínimos) e, no campo da saúde, as políticas naárea de gestão da educação, entre elas o Programa Nacional de Reorientação da Formação Profissional em Saúde (Pró-Saúde). A proposta deste estudo foi analisar o processo de reforma curricular da Faculdade de Odontologia da Universidade Estadual do Rio deJaneiro, seus limites e potencialidades, buscando compreender em que medida a adesão ao programa contribuiu para o andamento da reforma na prática institucional. Para o levantamento de evidências foram coletados documentos referentes ao tema e realizadasentrevistas semiestruturadas com os atores-chave envolvidos no referido processo. A análise das informações obtidas, realizada à luz da Teoria da Estruturação de Anthony Giddens (1984), relacionou as capacidades cognitivas dos agentes e suas estratégias de ação com as dimensões estruturais apresentadas pela escola em questão. Com vistas aoaprofundamento do referencial teórico exposto, foi destinado um capítulo aos principais conceitos apresentados na teoria. Outro capítulo teórico foi desenvolvido a fim de compreender o contexto sócio-político no qual o Pró-Saúde se insere, com seusantecedentes e pressupostos. Os resultados da pesquisa apontaram avanços e entraves no processo de mudança curricular da Escola de Odontologia ao longo do período 2006-2012. Até o presente momento, o novo Projeto Político Pedagógico da instituição não se encontra em vigor; entretanto, contempla alterações estruturais em sua composição curricular. Foram observados alguns desdobramentos nas atuais práticas escolares resultantes dos movimentos de construção do novo Projeto, sobretudo relacionados à expansão dos contatos extramuros. Por outro lado, a proposta ainda apresenta limitações quanto à metodologia de ensino, às instalações físicas e à flexibilização da matriz curricular. Desafiando as características inerentes a uma instituição tradicional de formação, o Pró-Saúde, associado ao interesse dos dirigentes locais em realizar a reforma, cumpriu, neste estudo de caso, o papel de indutor das transformações curriculares. No entanto, para verificar se haverá, de fato, uma evolução no perfil profissional dos egressos da escola, as potencialidades e os limites do novo Projeto precisarão ser analisados no momento de sua implementação.


Assuntos
Humanos , Currículo , Educação em Odontologia , Políticas Públicas de Saúde , Recursos Humanos em Odontologia/educação
19.
Perionews ; v.6(n.6): 589-595, nov.-dez. 2012. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-853612

RESUMO

Estudos sobre o perfil de profissionais atuantes em especialidades da Odontologia ainda precisam ser realizados. O objetivo deste estudo foi avaliar o perfil profissional e as tendências de cirurgiões-dentistas atuantes na especialidade de Periodontia, na cidade de Salvador/BA. Os dados foram coletados utilizando-se um questionário com 17 questões objetivas e subjetivas para avaliação de dados demográficos como idade e gênero, nível socioeconômico, tempo de formatura, nível de formação, conceitos em Periodontia, entre outros. Os resultados mostraram que a maioria dos profissionais é feminina, com idade média de 43,3 anos e com tempo de formatura entre 11 e 20 anos. A maior porcentagem de periodontistas concentrou-se na faixa etária de 35 a 39 anos (28,3%), não sendo assalariada (61,7%). Grande parte dos profissionais gosta de exercer a especialidade de Periodontia (96,7%), não se sente financeiramente realizada (50%), não exerce exclusivamente a Periodontia (73,3%), sendo a Implantodontia a especialidade mais procurada por estes (18,3%). O tratamento periodontal não cirúrgico é o mais realizado para o tratamento da doença periodontal (68,3%) e cirurgias periodontais são raramente realizadas (43,3%) pela maioria. Diante dos resultados obtidos, pôde-se concluir que o perfil dos periodontistas da cidade de Salvador/BA é formado principalmente por mulheres adultas, que gostam de exercer a especialidade de Periodontia e que se atualizam frequentemente, atuando na vertente mais conservadora que é o tratamento periodontal não cirúrgico para o tratamento das doenças periodontais. Verificou-se que a tendência desses profissionais periodontistas é atuar em mais de uma especialidade da Odontologia, especialmente a Implantodontia


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Recursos Humanos em Odontologia , Odontólogos , Periodontia , Prática Profissional , Inquéritos e Questionários
20.
Perionews ; 6(6): 589-595, nov.-dez. 2012. tab
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-686390

RESUMO

Estudos sobre o perfil de profissionais atuantes em especialidades da Odontologia ainda precisam ser realizados. O objetivo deste estudo foi avaliar o perfil profissional e as tendências de cirurgiões-dentistas atuantes na especialidade de Periodontia, na cidade de Salvador/BA. Os dados foram coletados utilizando-se um questionário com 17 questões objetivas e subjetivas para avaliação de dados demográficos como idade e gênero, nível socioeconômico, tempo de formatura, nível de formação, conceitos em Periodontia, entre outros. Os resultados mostraram que a maioria dos profissionais é feminina, com idade média de 43,3 anos e com tempo de formatura entre 11 e 20 anos. A maior porcentagem de periodontistas concentrou-se na faixa etária de 35 a 39 anos (28,3%), não sendo assalariada (61,7%). Grande parte dos profissionais gosta de exercer a especialidade de Periodontia (96,7%), não se sente financeiramente realizada (50%), não exerce exclusivamente a Periodontia (73,3%), sendo a Implantodontia a especialidade mais procurada por estes (18,3%). O tratamento periodontal não cirúrgico é o mais realizado para o tratamento da doença periodontal (68,3%) e cirurgias periodontais são raramente realizadas (43,3%) pela maioria. Diante dos resultados obtidos, pôde-se concluir que o perfil dos periodontistas da cidade de Salvador/BA é formado principalmente por mulheres adultas, que gostam de exercer a especialidade de Periodontia e que se atualizam frequentemente, atuando na vertente mais conservadora que é o tratamento periodontal não cirúrgico para o tratamento das doenças periodontais. Verificou-se que a tendência desses profissionais periodontistas é atuar em mais de uma especialidade da Odontologia, especialmente a Implantodontia.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Recursos Humanos em Odontologia , Odontólogos , Periodontia , Prática Profissional , Inquéritos e Questionários
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA