Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 24
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
1.
Cad. saúde pública ; 30(6): 1293-1304, 06/2014. tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-718587

RESUMO

O objetivo deste estudo foi analisar a distribuição da oferta da tomografia computadorizada e o grau de utilização do tomógrafo computadorizado (TC) no Sistema Único de Saúde (SUS), por estado e esfera administrativa, no ano de 2009. Utilizando dados secundários, estimou-se a capacidade de produção dos tomógrafos públicos e privados disponíveis ao SUS e calculou-se o grau de utilização dos mesmos. Os resultados mostraram que o grau de utilização dos TCs dos prestadores SUS possui uma média nacional abaixo de 10% e que o setor público tem o menor grau de utilização do TC, em comparação com o setor privado conveniado ao SUS. Foi observado que a produção de exames por TC no SUS é menor do que a metade da produção obtida em países desenvolvidos. Assim, os resultados sugerem a necessidade de um aprofundamento nos estudos das práticas de gestão tecnológica desses equipamentos, uma vez que é possível uma melhor alocação dos recursos públicos necessários à produção de tomografias computadorizadas.


This study analyzes the supply and use of computed tomography scanners (CT) in the Brazilian Unified National Health System (SUS) according to State and administrative levels in the year 2009. Secondary data were used to estimate the installed CT capacity in public healthcare facilities and in private services outsourced by the SUS and calculated the rate of utilization. Average national CT utilization was less than 10%. The public sector showed lower CT use than the private sector outsourced by the SUS. The number of CT tests in the SUS was less than half the number produced in developed countries. The results thus suggest the need for further studies on management practices with high-technology equipment in order to improve allocation of current and future public resources in supplying CT tests.


El objetivo de este estudio fue analizar la distribución de la oferta de tomografía computarizada y el grado de utilización del tomógrafo computarizado (TC) en el Sistema Único de Salud (SUS) brasileño, en los diferentes estados y niveles administrativos, durante 2009. Se utilizaron datos secundarios, se evaluó la capacidad de producción de tomógrafos públicos y privados, disponibles para el SUS, y se calculó el grado de utilización de los mismos. Los resultados mostraron que la utilización de los tomógrafos contratados por el SUS tienen un promedio nacional menor al 10% y que el sector público tiene un menor grado de utilización del TC, en comparación con el sector privado contratado por el SUS. Se observó que la producción de exámenes por TC en el SUS es menor que la mitad de la producción observada en los países desarrollados. De esta forma, los resultados sugieren la necesidad de profundizar en las investigaciones sobre prácticas de gestión de esos equipos, ya que puede ser posible una mejor utilización de los recursos públicos necesarios para la producción de tomografías computarizadas.


Assuntos
Humanos , Tecnologia de Alto Custo , Tomógrafos Computadorizados/provisão & distribução , Tomógrafos Computadorizados , Brasil , Pesquisa sobre Serviços de Saúde , Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde , Programas Nacionais de Saúde , Setor Privado , Setor Público , Características de Residência
2.
s.l; s.n; [2013]. tab.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA | ID: biblio-837004

RESUMO

Os avanços no tratamento de crianças e/ou jovens com deficiência auditiva tem possibilitado o acesso à percepção auditiva dos sons da fala, em sua maioria, por meio dos dispositivos sensoriais aplicados à deficiência auditiva. Dentre eles destacam os AASI, os IC e os sistemas de FM. O Sistema de Frequência Modulada Pessoal (Sistema FM) funciona como um microfone sem fio para o implante coclear (IC) e/ou aparelho de amplificação sonora individual (AASI). Ele é composto de duas partes: um transmissor e um receptor. O transmissor possui um microfone e fica o mais próximo possível da boca do interlocutor, como um microfone de lapela. O receptor é acoplado à entrada de áudio ou bobina telefônica do AASI e/ou IC da pessoa com deficiência auditiva. O som captado pelo microfone do transmissor, professor, é enviado via FM diretamente para o receptor acoplado no AASI ou IC da pessoa com deficiência auditiva (aluno). O Sistema FM pessoal permite que o estudante com deficiência auditiva diminua a barreira da deficiência auditiva em diferentes espaços, diminuindo o ruído, reverberação e distância entre locutor e receptor que fazem parte de todos os ambientes educacionais. Para um bom desenvolvimento de aprendizagem se torna crucial o uso de equipamentos de acessibilidade como, por exemplo, o Sistema FM. A incorporação no SUS do Sistema de \r\nFrequência Modulada (FM) permitirá que seja atendida uma população que hoje só está recebendo este tipo de atenção pelo poder judiciário. O SUS já dispensa o IC e AASI, não avançando na resolução da \r\nproblemática da criança e/ou jovem com deficiência auditiva que consegue ter beneficio com esse tipo de recurso auditivo citado anteriormente. A acessibilidade auditiva por meio do sistema FM para estudantes com deficiência auditiva no início do aprendizado do conhecimento escolar e de profissionalização é de fundamental importância para um sistema mais justo e universal de aprendizado para esta parte da \r\npopulação. O Kit Sistema FM Pessoal, é uma tecnologia que deve ser incorporada ao AASI ou ao IC, a população passível deste tipo de intervenção são crianças e/ou jovem com deficiência auditiva que já fazem uso das tecnologias já concedidas pelo SUS, como AASI e IC na faixa etária de 05 a 17 anos. Disponibilizar esse tipo de tecnologia assistiva, Sistema FM, as criança e/ou jovem com deficiência auditiva, que se enquadrem nas indicações clínicas já descritas neste documento, certamente pode contribuir para que possam atravessar o processo escolar fundamental e médio com o maior aproveitamento do conteúdo de \r\naprendizado e dispondo de todos os recursos para diminuir a barreira entre sua deficiência auditiva e o meio em que ela está inserida. Sendo assim, concluímos ser fundamental a concessão do Sistema FM para \r\nestudantes do Ensino Fundamental I e II e/ou Ensino Médio, período em que esta tecnologia assistiva contribuirá para o desenvolvimento social e intelectual, promovendo um ambiente mais propício para uma vida saudável e inclusão social. Os membros da CONITEC presentes na 13ª reunião do plenário do dia 07/02/2013 \r\napreciaram a proposta e, decidiram, por unanimidade, pela incorporação do procedimento: Sistema de Frequência Modulada Pessoal-FM. A Portaria no-21, de 7 de maio de 2013 - Torna pública a decisão de incorporar o sistema de frequência modulada pessoal-FM que possibilita a acessibilidade da criança e/ou jovem com deficiência auditiva do Sistema único de Saúde (SUS)


Assuntos
Humanos , Criança , Adolescente , Implantes Cocleares , Auxiliares de Audição , Perda Auditiva , Inclusão Escolar , Brasil , Equipamentos de Autoajuda , Avaliação da Tecnologia Biomédica , Tecnologia de Alto Custo
3.
Einstein (Säo Paulo) ; 10(3): 354-359, jul.-set. 2012. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-654348

RESUMO

OBJETIVOS: Analisar tempo cirúrgico, tempo de internação, sangramento, escore de dor no período pós-operatório e custo referente aos procedimentos de tireoidectomia com utilização de pinça seladora ou bisturi harmônico, comparando-os à técnica convencional. MÉTODOS: Análise retrospectiva das tireoidectomias, realizadas entre 2007 e 2010, pela técnica convencional e com uso de pinça seladora ou bisturi harmônico. Foram analisados: gênero, idade, diagnóstico principal e tipo de procedimento. Os desfechos analisados foram: duração do procedimento, tempo de permanência hospitalar, necessidade de transfusão de hemoderivados, dor e custo da internação. As conclusões foram baseadas em um nível de significância de 5%, e as análises estatísticas foram realizadas utilizando o software R. RESULTADOS: Para o desfecho "duração da cirurgia", o uso da pinça seladora resultou em aumento médio de, aproximadamente, 47 minutos, quando comparado à técnica convencional (p<0,001) e o uso do bisturi harmônico levou à redução média de, aproximadamente, 32 minutos, quando comparado à técnica convencional (p<0,001). Não houve diferença estatisticamente significativa entre os grupos quanto ao uso de hemoderivados e escore de dor. Procedimentos que utilizaram pinça seladora ou bisturi harmônico apresentaram custo superior quando comparados àqueles com a técnica convencional. CONCLUSÃO: O uso do bisturi harmônico mostrou-se favorável na redução do tempo cirúrgico, porém não foi observada redução no tempo de hospitalização. O custo do procedimento foi mais alto em relação à técnica convencional. O uso da pinça seladora não trouxe vantagens com relação aos desfechos, e o custo do procedimento foi maior quando comparado à técnica convencional.


OBJECTIVES: To analyze the operative time, length of hospitalization and cost, as well as the bleeding and pain observed during the postoperative period, of thyroidectomy procedures using vessel sealing, harmonic scalpel or the conventional technique. METHODS: Retrospective analysis of thyroidectomies performed between 2007 and 2010 using either the conventional technique or minimally invasive techniques involving vessel sealing or a harmonic scalpel. Gender, age, primary diagnosis and procedure type were analyzed. The outcomes analyzed included the length of the procedure, length of hospital stay, need for blood product transfusions, pain and cost of hospitalization. The findings were based on a significance level of 5%, and statistical analyses were performed using the R software. RESULTS: The use of the vessel sealing increased the duration of the surgery by approximately 47 minutes compared to the conventional technique (p<0.001), and the use of the harmonic scalpel decreased the duration of the surgery by approximately 32 minutes compared to the conventional technique (p<0.001). No statistically significant difference was found between the groups regarding the use of blood products and pain score. Procedures involving vessel sealing or a harmonic scalpel cost more than those using the conventional technique. CONCLUSION: The use of harmonic scalpel was favorable in terms of reducing the surgical time, but there was no reduction in hospitalization time. The cost of the procedure was higher than that of the conventional technique. The use of vessel sealing offered no advantages in terms of the outcomes assessed, and the cost of the procedure was greater than that of the conventional technique.


Assuntos
Avaliação de Custo-Efetividade , Economia da Saúde , Tecnologia de Alto Custo , Tireoidectomia
4.
Rio de Janeiro; s.n; 2010. 147 p. tab, graf.
Tese em Português, Português | LILACS, Coleciona SUS, Inca | ID: biblio-934702

RESUMO

Esta dissertação examina em que medida as políticas nacionais para o controle do câncer no Brasil organizam o processo de trabalho na alta complexidade oncológica (ACO), por meio dos recursos humanos em saúde (RHS) - oncologistas clínicos, radioterapêuticas e físicos médicos - vinculados às Redes Estaduais de ACO, a partir das definições estabelecidas pela Portaria SAS/MS N.o 741/2005. Trata-se de um estudo de caso exploratório. Nele foi realizado um sucinto panorama da oncologia dentro da conjuntura histórica da saúde; apresentadas as três portarias ministeriais direcionadas ao controle câncer no País, e exemplificado, através de relato técnico e referencial teórico baseado nas três dimensões que permeiam os RHS propostas por Pierantoni: estrutural, gerencial e regulatória, de como aconteceu a divulgação das políticas para o controle do câncer no país, e os primeiros desenhos estaduais das redes de serviços de saúde de ACO. Algumas situações observadas sinalizam que, enquanto alguns dos instrumentos existentes na área da oncologia ainda são poucos utilizados pelos gestores no seu processo de planejamento e gestão, outros precisam ser aprimorados. O estudo de caso foi sobre a Rede de Atenção Oncológica do Município do Rio de Janeiro de 2008, composta por hospitais federais, estaduais, municipais, universitários e filantrópicos, todos na gestão municipal. No plano das análises destacam-se três elementos: a caracterização desses serviços de saúde; os parâmetros de cobertura assistencial e produção ambulatorial de quimioterapia e radioterapia e o número e carga horária dos RHS. O Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde do Departamento de Informação do SUS (DATASUS) e o Sistema de Informação Ambulatorial são utilizados como fontes de dados por representarem um banco de dados que podem contribuir para a gestão da área oncológica, ampliando, assim, sua utilidade para o SUS. Por fim, os achados possibilitam uma reflexão tanto pela ótica da gestão do trabalho quanto da gestão da educação em saúde, de como está se configurando a alta complexidade oncológica e quais os atuais limites e possibilidades para incluir o dimensionamento das categorias profissionais estudadas nos instrumentos normativos ministeriais.


This dissertation examines at which levei the national policies for cancer control in Brazil organize the work process in oncological high complexity, through human resources in health (HRH) - clinical oncologists, radiotherapists and medical physicists - bound to the State oncological high complexity network, from the definitions established by the SAS/MS Order # 741/2005. It is an exploratory case study, which brings a brief overview of Oncology in the historical context of health. The three ministerial resolutions directed to the control of cancer in the country are presented and, through technical report and theoretical referential based on the three dimensions that permeate the HRH proposed by Pierantoni (structural, management and regulatory), exemplify how the dissemination of the cancer control policies in the country and the first State sketches of the oncological high complexity network came to be. Some situations encountered indicate that while some of the instruments in the area of oncology are still Iittle used by the managers in their planning and management process, others need to be improved. The case study was on the Oncological Care Network in Rio de Janeiro 2008, composed of federal, state, municipal, university and philanthropic hospitais, ali under municipal management. In terms of analysis, three elements stand out: the characterization of these health services, the parameters of care coverage and ambulatorial production of chemotherapy and radiotherapy and the number and workload hours of the human resources in health. The National Registry of Health Facilities of the SUS Information Department (DATASUS) and the Ambulatorial Information System are used as data sources, as they represent a data bank that may contribute to the management of the oncological area, this way widening its utility to the SUS. Finally, the findings allow a reflection from both the perspectives of work management and management education in health, on how is the oncological cancer care configuring itself and what are the actual limits and possibilities to have the dimensioning of the studied professional categories included in the ministerial normative instruments.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Atenção à Saúde , Política de Saúde , Neoplasias/prevenção & controle , Tecnologia de Alto Custo , Atenção Terciária à Saúde , Brasil , Mão de Obra em Saúde
7.
Washington, DC; Organización Panamericana de la Salud; 2009. 70 p. (Serie técnica: Medicamentos esenciales, acceso e innovación, No. 1).
Monografia em Espanhol | LILACS | ID: lil-541022
8.
Acta odontol. venez ; 43(2)ago. 2005. ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-417950

RESUMO

En la actualidad, cada vez se vislumbra más la creciente importancia que van adquiriendo los equipos de alta tecnología en todos los ámbitos de la vida cotidiana, incluso en el área de la salud bucal. Estos equipos manipulan la información de forma digital, es decir, la almacenan mediante impulsos eléctricos basados en un sistema binario, lo cual hace posible que la información sea interpretada sin ninguna posibilidad de error. En los últimos años ha habido un gran incremento en el uso de equipos tecnológicos, tales como computadores, cámara fotográficas digitales, videocámaras digitales, cámaras interaorales, equipos de radiología digital y escáners en el consultorio odontológico. En el campo de la investigación en odontología, es posible intercambiar opiniones entre profesionales sobre un caso particular y aprender o dar a conocer nuevas técnicas odontológicas. En el servicio odontológico, el uso de las imágenes digitales que se generan con la aplicación de estos dispositivos eleoctrónicos, facilita el diagnóstico y mejora la relación odontólogo-paciente


Assuntos
Computadores , Fotografação , Fotografia Dentária , Software/tendências , Radiografia Dentária Digital/tendências , Tecnologia de Alto Custo
11.
Interciencia ; 28(1): 21-28, ene. 2003. tab
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-344139

RESUMO

La fracción de su riqueza que Venezuela dedica a la ciencia y tecnología ha sido el 0,21 por ciento del PIB para los años 1954 al 1999 (o del 0,39 por ciento del PIB para el período 1984-2000). Dentro del sector ciencia y tecnología venezolano, el INTEVEP ha sido la institución más significativa con un empleo del 31 por ciento de los recursos sectoriales, seguido por las dependencias de investigación y desarrollo de las universidades nacionales con un 27 por ciento. El CONICIT, como órgano rector sectorial, ha consumido un 18 por ciento. El IVIC ha recibido un 12 por ciento total sectorial pero, a su vez, es la institución que más ha contribuido a la producción de artículos indexados con 2685 trabajos (27 por ciento del total nacional). En esto último lo siguen las universidades Central de Venezuela (24 por ciento), los Andes (16 por ciento), la Simón Bolívar (14 por ciento) e INTEVEP (con solo 3 por ciento). El costo de una publicación indexada en el IVIC fue calculado en 969 mil Bs. constantes de base año 1984 (o su equivalente, unos US$ 77330 por publicación). Para la Universidad Central de Venezuela se calculó un costo unitario de sus publicaciones indexadas en Bs. 654 mil (constantes al año 1984) y para la Simón Bolívar fue de Bs. 367 mil (constantes del año 1984). Después de analizar el peso relativo de los insumos unitarios institucionales, se llegó a la conclusión que los valores del IVIC constituyen la mejor aproximación para el sistema de ciencia venezolano. A partir de ahí se pudo extraer un factor de corrección aplicable a las universidades nacionales y que podría permitir la determinación de valores más reales de sus costos unitarios, los cuales no contemplan salarios ni costos de servicios


Assuntos
Publicação Periódica , Ciência , Tecnologia , Tecnologia de Alto Custo/economia , Venezuela
13.
Rev. cuba. farm ; 35(3): 181-186, sept.-dic. 2001. graf
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-324940

RESUMO

El desarrollo significativo que ha presentado en las últimas décadas del siglo la Industria Farmacéutica, muestra un marcado interés por investigadores e instituciones científicas en el diseño de medicamentos, con un alcance rápido de un nivel terapéutico efectivo del fármaco en un tiempo breve, que dure desde la recuperación total del paciente hasta la eliminación completa de los síntomas que se quieren suprimir. Se realizó un análisis informétrico sobre las tendencias de investigación en la temática durante los últimos años y para ello se utilizó la información que sobre el tema existe en las bases de datos International Pharmaceutical Abstract y Medline. Estas 2 bases contienen información bibliográfica sobre farmacia, medicina, farmacología, toxicología, etc., susceptible de ser analizada por medios automatizados. Se obtuvo como resultado, después de un análisis minucioso sobre la relevancia de los artículos, una base de datos con 2 855 registros


Assuntos
Composição de Medicamentos , Indústria Farmacêutica , Tecnologia de Alto Custo
14.
Temas enferm. actual ; 6(28): 8-11, ago. 1998. ilus
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-224688

RESUMO

El artículo analiza la proyección hacia el próximo milenio de las tendencias actuales en las ciencias biomédicas apoyadas en la biotecnología, y en particular en la biología molecular, y su repercusión sobre la vida humana. Sobre esa base se plantea la necesidad de reformular los objetivos de la medicina


Assuntos
Humanos , Bioética , Ética Médica/educação , Relações Enfermeiro-Paciente , Cuidados Paliativos/psicologia , Cuidados Paliativos/tendências , Atitude Frente a Morte , Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde/tendências , Dor/reabilitação , Dor/terapia , Promoção da Saúde/tendências , Direito a Morrer , Valores Sociais , Tecnologia de Alto Custo/tendências
18.
Cuad. programa reg. bioetica ; (4): 103-21, jul. 1997.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-212120

RESUMO

En medio del enorme cambio social de la vida moderna, los aspectos de salud adquieren un perfil de particular gravedad, que ha producido trascendentales cambios en la relación médico-paciente y en el cuidado global de la persona enferma. La especialización y subespecialización se agrava aún más con el uso y abuso de la tecnología, con lo que se ha llegado a desfigurar el acto médico y las decisiones terapéuticas. Por otra parte, la tecnología de costos altos y crecientes, resulta inalcanzable para grandes sectores de la población, hecho muy relevante en América Latina, con lo cual se agrava la desigualdad y el desequilibrio social. Para muchos países la única manera de compatibilizar el avance de la medicina con los recursos limitados es privar a una parte de su población del acceso al beneficio de los avances tecnológicos, Se plantean así numerosos dilemas éticos en la toma de decisiones, tanto a nivel individual como al nivel de las decisiones políticas. El médico debe participar en este tipo de decisiones y, de alguna manera, administrar el conflicto, sin embargo, está poco capacitado para ello. La Bioética se presenta como un foro multidisciplinario que permite llegar a soluciones basadas en principios y valores


Assuntos
Bioética , Relações Médico-Paciente , Tecnologia de Alto Custo
19.
Gac. méd. Méx ; 133(supl.1): 87-92, 1997. tab
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-226984

RESUMO

La salud pública ha evolucionado como disciplina en paralelo a los avances tecnológicos y científicos de las disciplinas básicas. El campo de la biología molecular ha provisto a la salud pública con técnica de laboratorio más sofisticadas y herramientas diagnósticas más refinadas que permiten profundizar en el estudio de la historia natural de las enfermedades, identificar las poblaciones en riesgo, diagnósticar las patologías de manera más temprana y limitar el daño asociado a un diagnóstico tardío. El espacio de acción de las técnicas modernas de biología molecular se ubica en la detección y medición de las estructuras moleculares asociadas al proceso patológico, la identificación genotípica de agentes patógenos, el grado de exposición, el efecto sobre estructuras específicas y la susceptibilidad individual y poblacional. En este trabajo se describen sus aplicaciones y se señalan los límites y riesgos en su aplicación en el campo de la salud pública


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Bancos de Sangue , Suscetibilidade a Doenças/epidemiologia , Suscetibilidade a Doenças/genética , Vigilância da População , Saúde Pública/métodos , Testes Genéticos , Técnicas Genéticas/economia , Técnicas Genéticas , Testes Diagnósticos de Rotina , Risco , Tecnologia de Alto Custo
20.
In. Schiabel, Homero; Slaets, Annie France Frère; Costa, Luciano da Fontoura; Baffa Filho, Oswaldo; Marques, Paulo Mazzoncini de Azevedo. Anais do III Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde. Säo Carlos, s.n, 1996. p.401-2, tab.
Monografia em Português | LILACS | ID: lil-236414

RESUMO

Utilizando-se os bancos de dados de Autorização de Internação (BDAIH) e o Sistema de Informação Ambulatorial (BDSIA), recentemente disponibilizados pelo Ministério da Saúde (MS), este trabalho caracteriza o uso de uma tecnologia diagnóstica de alto custo (Tomógrafo Computadorizado), para Municípios do Rio de Janeiro, no período janeiro a outubro de 1995; relativamente à natureza dos hospitais e freqüência dos procedimentos médicos envolvidos. Os resultados apontam para uma deficiência na alocação da tecnologia, tanto em termos de sua distribuição geográfica quanto em relação aos hospitais que a oferecem.


Assuntos
Tempo de Internação , Sistemas de Informação em Atendimento Ambulatorial/normas , Tecnologia de Alto Custo , Tecnologia Radiológica , Tomografia , Brasil , Sistema Único de Saúde
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA