Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 27
Filtrar
1.
Rev. Bras. Saúde Mater. Infant. (Online) ; 18(3): 653-664, July-Sept. 2018. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1013102

RESUMO

Abstract Objective: to present an evaluation model for developing effective indicators for the Vigilância Sanitária (VISA) (Sanitary and Health Surveillance) actions in Brazil. Methods: an exploratory, evaluative study from primary sources data - electronic form by key informants and reports on national, international and secondary benchmarking visits - documental analysis. Results: the diversity of VISA management practices made it possible to define the evaluation object: Health Surveillance Actions - as an organized action system. The components: management; regulation; sanitary and health control; sanitary and health risk monitoring and information, communication and health education were derived from the aims of the intervention and composes a central structure of the Theoretical Model and the Logical Model Actions of VISA in the Sistema Nacional de Vigilância Sanitária (SNVS) (National Sanitary and Health Surveillance System) . Conclusions: The Vigilância Sanitária (VISA) (Sanitary and Health Surveillance) accumulates experience with the process indicators for monitoring actions, being incipient are capable of evaluating its impact. The theoretical resources in the evaluation area support the information management in the VISA field and besides contributing for studies on social determinants and the incorporation of analyses in historic series.


Resumo Objetivos: apresenta-se a modelagem avaliativa para a construção de indicadores de efetividade das ações de vigilância sanitária (VISA) no Brasil. Métodos: estudo avaliativo exploratório, com dados de fontes primárias - formulário eletrônico com informantes-chave e relatórios de visitas de benchmarking nacional e internacional e secundárias - análises documentais. Resultados: a diversidade das práticas nas instâncias gestoras da VISA possibilitou a definição do objeto de avaliação: Ações de Vigilância Sanitária -, enquanto um sistema organizado de ação. Os componentes: gestão; regulação; controle sanitário; monitoramento do risco sanitário e informação, comunicação e educação para a saúde originam-se dos objetivos da intervenção e compõem a estrutura central do Modelo Teórico e do Modelo Lógico das Ações de VISA no âmbito do Sistema Nacional de Vigilância Sanitária. Conclusões: a VISA acumula experiência com indicadores de processos para monitoramento das ações, sendo incipientes aqueles capazes de avaliar o seu impacto. Os recursos teóricos da área da avaliação apoiam a gestão da informação no campo da VISA, para além da contribuição de estudos sobre os determinantes sociais e a incorporação de análises de séries históricas.


Assuntos
Efetividade , Vigilância Sanitária , Indicadores de Qualidade em Assistência à Saúde , Serviços de Vigilância Sanitária , Avaliação em Saúde , Brasil , Estudo de Avaliação , Sistema Nacional de Vigilância Sanitária
3.
Rev. Bras. Saúde Mater. Infant. (Online) ; 18(2): 437-442, Apr.-June 2018.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1013091

RESUMO

Abstract Objectives: to describe the strategy action from the Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs/PE) (Strategic Information on Health Surveillance Center) in response to the emergency on Congenital Syndrome associated to Zika virus infection (CSZ) in Pernambuco State between 2015 and 2016. Methods: description performed on the strategies and activities developed by Cievs/PE during the important international public health emergency related to CSZ. Results: participated in detecting suspected CSZ cases; participated in elaborating clinical epidemiological protocols; developed electronic forms to notify CSZ cases and pregnant women with exanthema rashes; prepared epidemiological reports; developed a website about the emergency on the Cievs/PE website; insert the occurrence in the Comitê de Avaliação e Monitoramento de Eventos (CAME) (Committee to Assess and Monitor Occurrence); resolution of demands during readiness; technical visits from National and International institutions. The actions developed by the Cievs/PE were fundamental in detecting and following-up on 2,073 CSZ cases. 390 cases were confirmed (18.1%) and 1,413 were discarded (65.6%), and 4,467 pregnant women had exanthema rash. Conclusions: the action from the Cievs/PE allowed to employ timely strategies on preparation and response in a qualified and cooperative way to face public health emergency on CSZ's


Resumo Objetivos: descrever a estratégia de atuação do Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs/PE) na resposta à emergência da Síndrome Congênita associada à infecção pelo vírus Zika (SCZ) no estado de Pernambuco, entre 2015 e 2016. Métodos: realizada descrição das estratégias e atividades desenvolvidas pelo Cievs/PE durante a emergência em saúde pública de importância internacional relacionada a SCZ. Resultados: participação na detecção dos casos suspeitos da SCZ; participação na elaboração dos protocolos clínico epidemiológicos; construção de formulários eletrônicos para notificação dos casos da SCZ e gestante com exantema; elaboração de informes epidemiológicos; construção de página eletrônica sobre a emergência no site do Cievs/PE; inserção do evento no Comitê de Avaliação e Monitoramento de Eventos (CAME); resolução de demandas durante a prontidão; visita técnica de instituições nacionais e internacionais. As ações desenvolvidas pelo Cievs/PE foram fundamentais para a detecção e acompanhamento de 2.073 casos da SCZ, com a confirmação 390 (18,1%) e descarte de 1.413 (65,6%) casos, e 4.467 gestantes com exantema. Conclusões: a atuação do Cievs/PE permitiu o emprego de estratégias de preparação e resposta em tempo oportuno, de forma qualificada e cooperativa no enfrentamento a emergência em saúde pública da SCZ.


Assuntos
Humanos , Estado de Alerta em Emergências , Serviços de Vigilância Sanitária , Capacidade de Resposta ante Emergências , Infecção por Zika virus/epidemiologia , Microcefalia , Administração em Saúde Pública , Brasil , Protocolos Clínicos , Zika virus
5.
Brasília; CONITEC; 2015.
Não convencional em Português | LILACS, BRISA/RedTESA | ID: biblio-874951

RESUMO

INTRODUÇÃO: Tendo em vista a estrutura do Sistema Nacional de Vigilância Sanitária (SNVS), em que as ações de inspeção sanitária são descentralizadas, a fim de assegurar resultados consistentes nas atividades de inspeção em indústrias fabricantes de produtos de interesse à saúde, é fundamental que haja uniformidade nas ações desenvolvidas pela autoridade sanitária brasileira, independentemente do ente do SNVS executor da ação. Neste sentido, buscando a harmonização das práticas de inspeção sanitária, a Portaria n° 511, de 14 de Abril de 2010, instituiu um Grupo de Trabalho Tripartite, com representantes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e dos órgãos estaduais e municipais de vigilância sanitária, cujo objeto de trabalho constituía-se na elaboração de procedimentos e demais documentos necessários ao processo de inspeção sanitária na indústria de medicamentos. O referido grupo de trabalho pactuou entre as três esferas, não só procedimentos operacionais, relacionados ao processo de inspeção sanitária, mas também documentos basilares, necessários à implementação de um Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ), como Manual da Qualidade, procedimentos operacionais (POP) para controle de documentos, para treinamentos internos, dentre outros. A fim de dar continuidade ao trabalho do GT Tripartite, cuja duração era de 90 dias, foi instituído o GT de Gestão de Documentos, conforme Portaria nº 999 de 22 de Junho de 2012. Com caráter permanente, este último tem como responsabilidade a revisão e manutenção dos procedimentos já estabelecidos relacionados ao Sistema da Qualidade e às atividades de inspeção sanitária. Adicionalmente, tendo em vista a necessidade de ampliar o escopo de atividades coberto pelos procedimentos operacionais harmonizados, dois outros Grupos de Trabalho específicos foram instituídos. Um deles, publicado por meio da Portaria nº. 1001, de 22 de junho de 2012, responsável pelo desenvolvimento de procedimentos relacionados a distribuidoras e armazenadoras de medicamentos, bem como indústrias de insumos farmacêuticos; e o segundo, instituído por meio da Portaria 1002, de 22 de junho de 2012, responsável pelo desenvolvimento de procedimentos relacionados a inspeções em indústrias de produtos para saúde. As portarias nº. 1001 e nº. 1002 estabeleceram, respectivamente, prazos de 90 e 120 dias para conclusão dos trabalhos pelos GTs. Tendo em vista a identificação de novos temas para harmonização, um novo GT de Produtos para Saúde foi posteriormente instituído por meio da publicação da Portaria nº. 1232, de 25 de Julho de 2014, que estabeleceu prazo de um ano para conclusão dos trabalhos. Com o intuito de formalizar a adoção dos documentos padronizados pelos órgãos de vigilância sanitária que constituem as esferas federal, estadual e municipal do Sistema Nacional de Vigilância Sanitária (SNVS), foi publicada a Resolução RDC nº 47 de 19 de Setembro de 2011, posteriormente substituída pela Resolução RDC nº 34, de 8 de julho de 2013. foi implementado em 2014 um programa de Auditorias Técnicas do SNVS que tem como objetivo o melhoramento contínuo das atividades dos diferentes órgãos de vigilância sanitária estaduais, distrital e municipais no que se refere aos seus SGQ e aos seus sistemas de inspeção de empresas fabricantes de medicamentos, insumos farmacêuticos e produtos para saúde. Tendo em vista a complexidade do SNVS, e que a execução da inspeção que faz parte do escopo das Auditorias Técnicas muitas vezes está a cargo do município, as informações coletadas durante as Auditorias realizadas pela Anvisa, representam apenas uma pequena amostra sobre a realidade da implementação do SGQ nos órgãos que executam ações de inspeção sanitária em indústrias de medicamentos, insumos farmacêuticos e produtos para saúde. PROCEDIMENTOS: Desta forma, a inclusão dos procedimentos propostos no Sistema de Informação Ambulatorial (SIA/SUS), tem por finalidade servir como fonte de dados que poderão ser utilizados tanto pelos gestores em nível estadual quanto pela Anvisa, enquanto coordenadora do SNVS, com o objetivo de verificar o nível de implementação do SGQ nos órgãos que executam atividades de inspeção nas industrias de produtos de interesse à saúde. Primeiramente, propõe-se uma complementação nos procedimentos já existentes de forma a assegurar o levantamento das informações relativas aos estabelecimentos cadastrados e às inspeções realizadas nos estabelecimentos que são objeto de interesse no atual contexto. RECOMENDAÇÃO DA CONITEC: Os membros da CONITEC presentes na 34ª reunião do plenário, realizada nos dias 1 e 2/4/2015, recomendaram, por unanimidade, a incorporação dos seguintes procedimentos de Vigilância Sanitária na Tabela de Procedimentos, Medicamentos, Órteses, Próteses e Materiais Especiais do SUS: -Cadastro de indústrias de insumos farmacêuticos; -Cadastro de indústrias de produtos para saúde; -Inspeção sanitária de indústrias de insumos farmacêuticos; -Inspeção sanitária de indústrias de produtos para saúde; -Implementação de procedimentos harmonizados em nível tripartite relacionados à inspeção em estabelecimentos fabricantes de medicamentos; -Implementação de procedimentos harmonizados em nível tripartite relacionados a insumos farmacêuticos; -Implementação de procedimentos harmonizados em nível tripartite relacionados a produtos para saúde; -Envio de relatórios de inspeção de estabelecimentos fabricantes de medicamentos à ANVISA; -Envio de relatórios de inspeção de estabelecimentos fabricantes de insumos farmacêuticos à ANVISA; -Envio de relatórios de inspeção de estabelecimentos fabricantes de produtos para a saúde à ANVISA; Auditorias internas realizadas no departamento responsável pelas atividades de inspeção de estabelecimentos fabricantes de medicamentos; -Auditorias internas realizadas no departamento responsável pelas atividades de inspeção de estabelecimentos fabricantes de insumos farmacêuticos; -Auditorias internas realizadas no departamento responsável pelas atividades de inspeção de estabelecimentos fabricantes de produtos para saúde. DECISÃO: PORTARIA Nº 44, 16 de setembro de 2015 - Torna pública a decisão de incorporar no âmbito do Sistema Único de Saúde - SUS procedimentos de Vigilância Sanitária na Tabela de Procedimentos, Medicamentos, Órteses, Prótese e Materiais Especiais do SUS.


Assuntos
Serviços de Vigilância Sanitária , Vigilância Sanitária/normas , Aparelhos Ortopédicos/normas , Preparações Farmacêuticas/normas , Próteses e Implantes/normas , Avaliação da Tecnologia Biomédica/normas , Brasil , Controle de Qualidade , Sistema Único de Saúde
7.
Rev. cuba. hig. epidemiol ; 52(1): 143-148, ene.-abr. 2014.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-735314

RESUMO

Se presenta un breve comentario acerca del trabajo desarrollado por el Registro Sanitario en el año 2013, con la finalidad de informar a los interesados en este tema sobre los logros, debilidades y proyecciones de trabajo que se ha trazado este colectivo de especialistas para los próximos años(AU)


A brief commentary is presented about the work done by the Health Registry in the year 2013, with the purpose of informing those interested in the topic about the achievements, weaknesses and work projections set by this team of specialists for the coming years(AU)


Assuntos
Humanos , Vigilância Sanitária/ética , Serviços de Vigilância Sanitária , Inspeção Sanitária , ISO 9000/análise , Controle de Formulários e Registros/métodos
8.
Rev. Inst. Adolfo Lutz ; 73(1): 87-95, jan.-mar. 2014. tab
Artigo em Português | LILACS, Sec. Est. Saúde SP | ID: lil-782589

RESUMO

Neste estudo, foi avaliada a rotulagem de amostras de leite de diversas espécies de animais e dos produtos lácteos inspecionados no Distrito Federal no ano de 2011 e investigada se os teores de gordura dosados estavam de acordo com os estabelecidos na legislação brasileira, específica para cada produto. Foram analisadas 63 amostras de leite de vaca, uma de leite de cabra, 19 de queijos, duas de bebida láctea fermentada e três de composto lácteo de 36 marcas diferentes. Do total analisado, nove apresentaram inconformidades na rotulagem, como a falta de indicação do lote, a sobreposição de etiquetas sobre os rótulos, a indução ao erro e o tamanho da letra. Apenas o queijo Prato apresentou média de conteúdo lipídico inferior ao limite mínimo estabelecido pela legislação específica. O teor de gordura dos queijos Minas Frescal apresentou grande variação, mas apenas uma amostra ultrapassou o limite de teor de gordura determinado na legislação. Os resultados desta pesquisa reforçam a necessidade de maior controle pelos órgãos competentes, pois o marketing das indústrias alimentares é excessivamente persuasivo e agressivo,que justifica a necessidade de constante reformulação das leis e de regulamentação de muitos itens ainda não existentes na atual legislação brasileira...


Assuntos
Inspeção de Alimentos , Laticínios , Leite , Rotulagem de Alimentos , Serviços de Vigilância Sanitária , Lipídeos
9.
Rev. Inst. Adolfo Lutz ; 73(1): 87-95, jan.-mar. 2014. tab
Artigo em Português | LILACS, SESSP-CTDPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ACVSES, SESSP-IALPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-IALACERVO | ID: lil-764795

RESUMO

Neste estudo, foi avaliada a rotulagem de amostras de leite de diversas espécies de animais e dos produtos lácteos inspecionados no Distrito Federal no ano de 2011 e investigada se os teores de gordura dosados estavam de acordo com os estabelecidos na legislação brasileira, específica para cada produto. Foram analisadas 63 amostras de leite de vaca, uma de leite de cabra, 19 de queijos, duas de bebida láctea fermentada e três de composto lácteo de 36 marcas diferentes. Do total analisado, nove apresentaram inconformidades na rotulagem, como a falta de indicação do lote, a sobreposição de etiquetas sobre os rótulos, a indução ao erro e o tamanho da letra. Apenas o queijo Prato apresentou média de conteúdo lipídico inferior ao limite mínimo estabelecido pela legislação específica. O teor de gordura dos queijos Minas Frescal apresentou grande variação, mas apenas uma amostra ultrapassou o limite de teor de gordura determinado na legislação. Os resultados desta pesquisa reforçam a necessidade de maior controle pelos órgãos competentes, pois o marketing das indústrias alimentares é excessivamente persuasivo e agressivo,que justifica a necessidade de constante reformulação das leis e de regulamentação de muitos itens ainda não existentes na atual legislação brasileira.


This study evaluated the labeling of milk samples from diverse animals species and of milk productsinspected at the Federal District in 2011. Also, it was investigated whether the found fat contents in thesesamples were in compliance with those established by the specific Brazilian legislations for each product.Sixty-three samples of cow milk, one powdered goat milk, 19 cheeses, two fermented dairy drink and threedairy compound of 36 different brands were analyzed. Of 36 brands, nine showed non-complying labeling,and the most common irregularities were lack of lot identification, overlapping labels, induction to error,and printed letter font size. Of the analyzed products, only the Prato cheese showed lower mean of lipidcontents than those recommended by the specific legislation. The fat contents of the Frescal Minas cheeseshowed large variations, but only one sample exceeded the limit recommended by the specific legislation.These results reinforce the need for greater control by the competent government bodies, because theadvertisements strategies from the food industries are exceedingly persuasive and aggressive, which justifythe need for constant reformulation of the laws and regulations of many items not yet available in thecurrent Brazilian legislation.


Assuntos
Laticínios , Inspeção de Alimentos , Rotulagem de Alimentos , Serviços de Vigilância Sanitária , Leite , Lipídeos
10.
Vigía (Santiago) ; 13(27): 12-18, 2012.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-620946

RESUMO

El siguiente documento da cuenta del grado de avance en la implementación del RSI (2005) en Chile, de acuerdo a las áreas de trabajo sugeridas por la Organización Mundial de la Salud (OMS), las que por facilidad del informe se han organizado en las siguientes: 1) Impulso de las alianzas con otros sectores, 2) Fortalecimiento de los sistemas nacionales de vigilancia, prevención, control y respuesta a las enfermedades, que incluye el fortalecimiento de los sistemas de alerta y respuesta, 3) Fortalecimiento de la Seguridad Sanitaria en los Viajes y el Transporte, 4) Fortalecimiento de la gestión de riesgos específicos, 5) Respaldo de los derechos, obligaciones y procedimientos, 6) Realización de estudios y vigilancia de los progresos. En cada una de las secciones se señalan el objetivo y los avances, considerando para su descripción los resultados previstos para cada una de las áreas de trabajo.


The following document realizes the degree of progress of the IHR (2005) in Chile, according to the work areas suggested by WHO, which for ease of report has been organized into: 1) promotion of partnerships with other sectors, 2) Strengthening ofthe surveillance, prevention, control and disease response national systems, including strengthening of alert and response systems, 3) Strengthening of health safety in travels and transportation, 4) Strengthening of specific risk management, 5) Support of rights, obligations and procedures, 6) Research and progress monitoring. En each section it is noted the objective and advances, considering for description the expected results for each work areas.


Assuntos
Serviços de Vigilância Sanitária , Sistema Nacional de Vigilância Sanitária , Chile , Organização Mundial da Saúde
12.
Rev. salud pública (Córdoba) ; 15(2): 56-69, 2011.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-667706

RESUMO

La aplicación de las tecnologías de información ycomunicación para los sistemas de vigilancia especializadosen enfermedades prioritarias en América Latina como laenfermedad de Chagas, constituye un nuevo y valiosoaporte para el control de la enfermedad que representa ungrave problema de salud pública. El objetivo del presentetrabajo fue evaluar un sistema de vigilancia epidemiológica yatención médica con el apoyo de tecnologías de informacióny comunicación (TICs), con la finalidad de detectar eintroducir precozmente al sistema de salud a los individuosseropositivos para Chagas en un área endémica del interiorde Argentina.


Assuntos
Masculino , Feminino , Doença de Chagas , Doença de Chagas/epidemiologia , Serviços de Vigilância Sanitária
14.
São Paulo; São Paulo (Cidade). Secretaria da Saúde. Coordenação de Vigilância em Saúde; 2010. 1 p. ilus.
Monografia em Português | LILACS, COVISA-Producao, Sec. Munic. Saúde SP, Sec. Munic. Saúde SP | ID: lil-607122
15.
São Paulo; São Paulo (Cidade). Secretaria da Saúde. Coordenação de Vigilância em Saúde; 2010. 1 p. ilus.
Monografia em Português | LILACS, COVISA-Producao, Sec. Munic. Saúde SP, Sec. Munic. Saúde SP | ID: lil-607130
16.
São Paulo; São Paulo (Cidade). Secretaria da Saúde; set. 2009. 82 p.
Monografia em Português | LILACS, Coleciona SUS, COVISA-Acervo, Sec. Munic. Saúde SP | ID: biblio-937007
17.
São Paulo; São Paulo (Cidade). Secretaria da Saúde; set. 2009. 82 p.
Monografia em Português | LILACS, COVISA-Producao, Sec. Munic. Saúde SP, Sec. Munic. Saúde SP | ID: lil-607117
18.
In. Citarella, luca; Alessia, Zangari. Yachay tinkuy: salud e interculturalidad en Bolivia y América Latina. s.l, PROHISABA;CI, 2009. p.442-450.
Monografia em Espanhol | LILACS | ID: lil-651407

RESUMO

La visión de quienes formularon el programa de cooperacion entre Italia y Bolivia denominado Ayuda al desarrollo del sistema socio sanitario dle departamento de Potosí, pretendía la realización de una experiencia a nivel local que sentara las bases para un cambio en las políticas nacionales.


Assuntos
Cultura , Saúde Pública , Bolívia , Serviços de Vigilância Sanitária , Itália
19.
Rev. cuba. med. mil ; 37(1)ene.-mar. 2008.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-499358

RESUMO

Por las experiencias bélicas del siglo XX en lo que concierne a las bajas sanitarias, resulta oportuno amplificar un poco más su espectro de aparición. La visión anterior de estratificarlas en bajas pertenecientes a un solo perfil hegemónico (cirugía y no cirugía) no constituye en estos momentos un mecanismo lo suficientemente abarcador como para englobar a todas las víctimas de la guerra. En el presente trabajo se comenta una clasificación más amplia y que representa los contingentes de militares que de una forma más o menos prolongada, pierden su disposición combativa para cumplir con los deberes funcionales de sus puestos de combate. Los grupos objeto de reporte son: las producidas por armamento convencional de alto poder destructivo y de precisión; las condicionadas por el empleo de variantes operacionales de armamento productor de bajas múltiples; las condicionadas por inestabilidad higiénico-epidemiológica del Teatro de Operaciones Militares no producto de acciones del enemigo; las vistas por exacerbación de condiciones clínico-quirúrgicas previamente existentes y por último, las producidas por disfunciones psicomotoras inducidas por situaciones críticas de la guerra.


Taking into account the war experiences of the XX century as to the sanitary casualties, it is convenient to widen a little more their spectrum of appearance. The previous vision of stratify them in casualties belonging to a unique hegemonic profile (surgery and non-surgery) is not at this moment a mechanism sufficiently embracer to include all the war victims. In this paper, comments are made on a wider classification that represents the military contingents that in a more or less prolonged way lose their combative disposition to fulfil the functional duties of their action stations. The groups object of report are: the produced by weapons of highly destructive power and precision, those conditioned by the use of operational variants of weapons producing multiple casualties, those conditioned by hygienic and epidemiological instability of the Military Operation Theater that are not the result of the enemy's actions, those seen due to the exacerbation of previously existing clinical and surgical conditions and, finally, those caused by psychomotor dysfunctions induced by critical war situations.


Assuntos
Humanos , Serviços de Vigilância Sanitária , Medicina Militar
20.
São Paulo; São Paulo (Cidade). Secretaria da Saúde; 2008. 109 p. map, tab, graf.
Monografia em Português | LILACS, Coleciona SUS, COVISA-Producao, Sec. Munic. Saúde SP, Sec. Munic. Saúde SP | ID: biblio-937023
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA