Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 11 de 11
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Intervalo de ano de publicação
1.
Biosci. j. (Online) ; 34(2): 268-278, mar./apr. 2018.
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-966636

RESUMO

The objective of this study was to characterize the physical parameters of the Cachimbal River Watershed, located in Pinheiral, Rio de Janeiro State, Brazil, and to use the resulting data to identify degradation risks. To achieve this purpose, a Hydrologically Consistent Digital Elevation Model (HCDEM) was generated using contour line, river path, and area boundary data extracted from topographic maps of the cities of Volta Redonda (Page SF-23-ZAV-2) and Piraí (Page SF-23-Z-VI-1). These maps were obtained from the Brazilian Institute of Geography and Statistics, and were rendered at a scale of 1:50,000 ArcGISs version 10.5 software was used to generate the HCDEM, from which the physical parameters were extracted. Results showed that the altitude of the area ranges from 360 m to 740 m, while the slope varies heterogeneously from 6% to 28%. The sub-basin has a total area of 104.15 km², a perimeter of 63.41 km, a main channel length of 21.79 km, and a 5th-order dendritic drainage network. Other parameters include a compactness coefficient of 1.74, a form factor of 0.34, and a circularity ratio of 0.33. These values indicate that the sub-basin is not prone to floods because of its elongated shape. Meanwhile, drainage density was 2.60 km km-2, while river density was 5.5 channels km-2; these parameters indicate excellent performance and high potential to generate new channels. Although the roughness coefficient indicates that the area is suitable for agricultural development, the roughness index demonstrates the need to adopt more nuanced agricultural practices that account for the particular features of the area, such as topographic variation and soil characteristics.


O objetivo deste estudo foi caracterizar os parâmetros físicos da sub-bacia hidrográfica do ribeirão Cachimbal, Pinheiral-RJ, Brasil, a fim de se identificar os riscos à degradação. Para isso foi gerado o Modelo Digital de Elevação Hidrologicamente Consistente (MDEHC) através a partir das cartas topográficas dos municípios de Volta Redonda (Folha SF-23-Z-A-V-2) e Piraí (Folha SF-23-Z-VI-1), obtidas no Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística na escala de 1:50.000, onde foram extraídas as curvas de nível, rios e limite. A confecção foi realizada utilizando o software ArcGIS versão 10.5. A obtenção dos parâmetros físicos foi realizada sob o MDEHC. Verificou-se que a altimetria varia de 360m a 740m e a declividade de 6% a 28%, estando elas apresentando padrão de distribuição heterogêneo. A sub-bacia possui área total de 104.15 km², perímetro de 63.41 km, com comprimento do canal principal de 21.79 km e rede de drenagem de 5ª ordem, com padrão dendrítico; coeficiente de compacidade (Kc) de 1.74; coeficiente de forma (Kf) de 0.34, índice de circularidade (IC) de 0.33; que indicam que a sub bacia não apresenta propensão a enchentes, pois possui formato alongado. Os valores encontrados para densidade de drenagem (Dd) foram de 2.60 km km-2 e a para densidade hidrográfica (Dh) de 5.5 canais km-2, o que classificou a área com Dd muito boa e Dh com elevado potencial para gerar novos canais. Dessa forma o escoamento superficial ocorre de forma lenta, e a formação de processos erosivos ocorre gradualmente. Apesar do coeficiente de rugosidade (Cr) indicar aptidão agrícola para agricultura, o índice de rugosidade (Ir) verificado, demonstra a necessidade da adoção de um conjunto de práticas agrícolas mais conservacionistas, levando em levando em consideração as particularidades da área, com destaque para as variações do relevo e características do solo associadas à paisagem da bacia hidrográfica.


Assuntos
Erosão , Bacias Hidrográficas , Escoamento Superficial
2.
São Paulo; s.n; 2017. 312 p.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-868170

RESUMO

É conveniente que as políticas ambientais municipais contem não apenas com os instrumentos previstos na legislação federal, mas também com instrumentos urbanístico-ambientais a serem inseridos na legislação de parcelamento, uso e ocupação do solo. Assim, objetivou-se neste trabalho desenvolver um tal instrumento. Para tanto, estabeleceu-se: a) requisitos do instrumento: simplicidade, flexibilidade e embasamento teórico; b) objetivos ambientais considerados: promoção da qualidade ecossistêmica, melhoria do microclima e promoção do controle de drenagem na fonte; c) desenvolvimento de métricas: para os dois primeiros objetivos ambientais, demonstrou-se teoricamente ser satisfatório como indicador único uma simplificação do conceito de ecoexergia devido a Jørgensen e, para o último objetivo ambiental, o pico da vazão de saída do lote; d) estabelecimento de padrões: para os dois primeiros objetivos, definição de valores mínimos da ecoexergia simplificada para lotes em diferentes locais e com diferentes usos e taxas de ocupação, enquanto para o último objetivo, impacto zero. Coincidentemente, enquanto esse instrumento era desenvolvido a Prefeitura do Município de São Paulo (Brasil) procedia a uma revisão da lei de parcelamento, uso e ocupação do solo, tendo sido aceito que o instrumento teórico acima servisse como base para o desenvolvimento de um novo instrumento denominado Quota Ambiental (QA). A transformação do instrumento teórico acima na Quota Ambiental, que terminou por ser inserida no projeto de lei encaminhado à Câmara Municipal e depois aprovado por ela, foi objeto de um estudo sui generis, visto que o autor participou ativamente do desenvolvimento da QA como servidor público. Tal demandaria um método a meio caminho entre o estudo de caso e a observação participante, tendo-se optado por um método análogo ao fenomenológico Para o desenvolvimento da QA foi formado um pequeno grupo de trabalho do qual o autor participou. O instrumento teórico recebeu diversas modificações não só para conformação a diretrizes e decisões políticas, como para amadurecimento de conceitos e cálculos, mostrando-se viável como base para o desenvolvimento da QA. Diversos grupos de interesse influenciaram o desenvolvimento da QA em diferentes fases e em diferentes níveis, chegando a ocorrer de eles se manifestarem diretamente junto ao grupo de trabalho. A Superior Administração prestigiou o processo, mas mostrou-se às vezes dividida em relação ao conflito entre aspectos ambientais e sociais. O grupo teve sucesso em potencializar os ganhos decorrentes da complementaridade de expertises decorrentes da heterogeneidade em termos de formação e experiência dos membros do grupo. Ele procurou harmonizar as diferentes pressões, muitas vezes até se antecipando a elas. Para tanto, o grupo de trabalho desenvolveu uma dinâmica para chegar a consensos internos e para prever, internalizar e posicionar-se frente a pressões, frequentemente conflitantes. As pressões mais severas provieram da própria burocracia municipal. Em todos esses processos a simplicidade, como requisito, foi perdendo-se. A Quota Ambiental mostrou-se um instrumento inovador, aparentando dar satisfação aos reclamos de diversos grupos de interesse e, principalmente, representando uma cunha ambiental inserida na legislação de parcelamento, uso e ocupação do solo


It is appropriate that municipal environmental policies incorporate not only the instruments provided for in federal legislation, but also the urban-environmental instruments to be inserted in the urban legislation. Thus, it was aimed in this work to develop such an instrument. To do so, it was established the following: a) requirements of the instrument: simplicity, flexibility and theoretical background; b) environmental objectives considered: promotion of ecosystem quality, improvement of microclimate and promotion of drainage control at source; c) development of metrics: a simplification of the concept of eco-exergy due to Jørgensen has been theoretically proven to be satisfactory as a single indicator of the first two environmental objectives; for the last environmental objective, the lot peak output flow; d) establishment of legal standards: for the first two objectives, definition of minimum values of simplified eco-exergy for lots in different locations and with different uses and occupation rates, whereas for the last objective, zero impact. Coincidentally, while this instrument was being developed, the City of São Paulo (Brazil) proceeded to a review of the zoning law, thus being accepted that the above theoretical instrument should serve as the basis for the development of a new instrument called Environmental Quota (Quota Ambiental, QA, in Portuguese). The transformation of the above theoretical instrument into the QA, which ended up being inserted in the bill forwarded to the City Council and later approved by it, was the subject of a sui generis study, as the author participated actively in the development of QA as a public servant. This would require a method halfway between the case study and the participant observation. A method analogous to the phenomenological one was chosen. A small working group in which the author participated was formed for the development of QA. The theoretical instrument received several modifications not only to conform to political guidelines and decisions, but to maturation of concepts and calculations as well, proving feasible as a basis for the development of QA. Several special interest groups influenced the development of QA in different phases and at different levels; it even occurred to interest groups to directly sue the working group. The High Administration supported the process, but it became sometimes divided in relation to the conflict between environmental and social aspects. The group succeeded in enhancing the gains derived from the complementarity of skills resulting from the heterogeneity in terms of training and experience of the working group members. It sought to harmonize the different pressures, often even foreseeing them. To this end, the working group has developed a dynamic to reach internal consensus and to anticipate, internalize and position itself in the face of frequently conflicting pressures. The most severe pressures came from the municipal bureaucracy itself. In all these processes simplicity, as a requirement, was lost. The Environmental Quota proved to be an innovative instrument, appearing to satisfy the demands of various interest groups and, mainly, representing an environmental wedge inserted in the zoning law


Assuntos
Especificações para Construção , Planejamento de Cidades , Mudança Climática , Entropia , Política Ambiental Municipal , Permeabilidade do Solo , Ecologia , Ecossistema , Meio Ambiente e Saúde Pública , Áreas Verdes , Valas de Infiltração-Percolação , Microclima , Percolação , Reservatórios de Água , Escoamento Superficial , Infiltração , Área Urbana , Ciclo Hidrológico , Zoneamento
3.
Araraquara; s.n; 2014. 45 p. ilus, tab.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: biblio-867871

RESUMO

Avaliar os efeitos da incorporação do iodofórmio ou do hidróxido de cál-cio (HC) respectivamente no cimento Sealer 26 ou MTA Fillapex (MF). Na ava-liação com o Sealer 26, as proporções de 1.1g, 0,55g or 0.275g foram incorpo-radas ao cimento e o de tempo de presa, escoamento, solubilidade, pH e libe-ração de cálcio foram avaliados. Na análise do MF puro, acrescido de 5% (MF5) ou 10%(MF10) em massa de HC, o escoamento, pH e liberação de cál-cio foram comparados com AH Plus. A adição do iodofórmio ao Sealer26 au-mentou o tempo de presa do cimento (p<0,05), mas os demais resultados fo-ram similares (p>0,05). Em 24hs, a mistura com 1.1g: 0.55g de iodofórmio de-monstrou menor pH que o cimento puro (p<0,05). O MF teve maior escoamento que os demais cimentos (p<0,05). O MF10 apresentou menor escoamento que MF (P<0,05). O MF10 apresentou maior pH que o AH Plus (p<0,05).A liberação de cálcio foi similar ao MF e o MF10 (p>0,05). O MF5 demonstrou menor esco-amento que o MF e maior que MF10 (p<0,05), tendo maior valor de pH que o MF (p<0,05) e similar liberação de cácio ao MF10. A adição do iodofórmio inter-fere no tempo de presa e solubilidade do Sealer 26 e a adição de 5%HC no MF apresentou-se como alternativa para reduzir o escoamento, sem interferir no potencial de alcalinização do MF.


Assuntos
Endodontia , Propriedades Físicas , Escoamento Superficial
4.
Rev. flum. odontol ; 17(35): 36-40, jan.-jun. 2011. graf
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-638415

RESUMO

O objetivo deste trabalho foi avaliar o escoamento do cimento fosfato de zinco como agente de fixação. Foram utilizados dois cimentos de fosfato de zinco, o Cimento LS (Vigodent) e o Cimento de Zinco (SS White). Todos os cimentos foram testados de acordo com base na Especificação nº 8 da ADA, para o cimento fosfato de zinco. Após a manipulação, uma seringa BD com a ponta recortada foi utilizada para dispensar um volume de 0,5 ml sobre uma placa de vidro quadrangular de superfície lisa, com as dimensões 10 cm x 10 cm. Decorrido três minutos do início da manipulação, outra placa de vidro com dimensões 5 cm x 5 cm pesando 20 gramas e um peso adicional de 100 gramas foram colocados sobre a mistura de cimento, totalizando uma carga de 120 gramas. O peso foi removido dez minutos após o início da manipulação e o disco formado pelo cimento endurecido foi medido em seus diâmetros maior e menor utilizando um paquímetro eletrônico digital Starrett. Para o teste de consistência ou de escoamento cada cimento foi avaliado cinco vezes e os dados obtidos foram aproximados para o milímetro mais próximo. Os valores obtidos foram anotados e essas medidas foram somadas e divididas por dois para a obtenção de um diâmetro médio. Os valores foram submetidos à análise estatística através do teste “t” de Student e os resultados foram os seguintes: os maiores valores do diâmetro do círculo formado pelo cimento foram obtidos no Cimento LS (Vigodent) (p<0,05). Concluiu-se que o Cimento Fosfato de Zinco LS (Vigodent) apresentou maior escoamento em comparação com o Cimento de Zinco (SS White).


The aim of this study was to evaluate the flow of zinc phosphate cement as a fixing agent. We used two zinc phosphate cement, Cement LS (Vigodent) and Zinc cement (SS White). All cements were tested according to specification based on paragraph 8 of the ADA, for the zinc phosphate cement. After manipulation, a BD syringe with the tip cut was used to dispense a volume of 0.5 ml of a square glass plate with a smooth surface, with the dimensions 10 cm x 10 cm. Three minutes elapsed from the beginning of the manipulation, another glass plate with dimensions 5 cm x 5 cm and weighing 20 grams extra weight to 100 grams were weight placed on the cement mixture, with a total load of 120 grams. The weight was removed ten minutes after the start of the manipulation and the disk formed by the hardened cement was measured in its largest and smallest diameters using a digital caliper Starrett. To test the consistency or flow each cement was assessed five times and the data were approximated to the nearest millimeter. The values were recorded and these measures were summed and divided by two to obtain an average diameter. The values were statistically analyzed by "t" test of Student and the results were as follows: the highest values of the diameter of the circle formed by the cement were obtained in LS Cement (Vigodent) (p <0.05). It was concluded that zinc phosphate cement LS (Vigodent) showed greater flow in comparison with zinc cement (White SS).


Assuntos
Cimentos Dentários , Escoamento Superficial
5.
Rev. odontol. Univ. Cid. São Paulo (Online) ; 23(1)jan.-abr. 2011. ilus, graf
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-592313

RESUMO

Introdução: O objetivo deste estudo é avaliar as propriedades do escoamento e radiopacidade de dois cimentos endodônticos, Endofill e EZ-Fill de acordo com a especificação número 57 da ADA. Método: Para análise do escoamento foram feitas 20 amostras divididas em GRUPO 1 (Endofill) e GRUPO 2 (EZ-Fill). Para tal 0,5 ml do cimento era depositado no centro de uma placa de vidro de 10 X 10 cm. Decorridos 3 minutos, outra placa de vidro e um peso de chumbo, totalizando 120 g, foram colocados sobre o material. Após 10 min o peso foi removido e a média do diâmetro maior e menor dos discos obtidos foi determinada por um paquímetro. Para a análise da radiopacidade 10 anéis metálicos foram utilizados: 5 do Grupo 3 (EZ-Fill) e 5 do Grupo 4 (Endofill) foram preenchidos com os cimentos. Os corpos de prova foram radiografados com uma escala de alumínio com 10 degraus uniformes. Para a obtenção das radiografias foi utilizado um aparelho de raio X Dabi Atlante a uma distância foco objeto de 400 mm e tempo de exposição 0,1 seg. As radiografias foram digitalizadas, armazenadas em um microcomputador e analisadas através de um software específico. Os dados foram submetidos ao teste t de Student a 5% apresentando diferença significante (p<0,0001). Resultados: Os resultados encontrados demonstraram escoamento superior a 25 mm em ambos os cimentos dos grupos 1 e 2 e radiopacidade superior a 3 mm de alumínio dos grupos 3 e 4, cumprindo-se a especificação número 57 da ADA. Conclusão: O cimento Endofill apresentou escoamento superior, enquanto o cimento EZ-Fill apresentou maior radiopacidade


Introduction: The purpose of this study is to evaluate the flow properties and radiopacity of two root canal sealers filling, the Endofill (Grossman of cement) and EZ-Fill according to ADA specification number 57 for filling materials). Methods: 20 samples were divided into two groups: Group 1 (Endofill), Group 2 (EZ-Fill).Each group was composed of 10 samples. For the analysis of flow 0.5 ml of material was loaded into a disposable syringe and deposited in the center of a placar glass 10 cm X 10 cm. 180 seconds after the start of operation, another plate of glass and a weight of lead were placed over the material, totaling 120 g. 10 minutes after the beginning of the mixture the weight was removed and the average diameter of the largest and smallest of the disc obtained was determined by a caliper. For the analysis of radiopacity, 10 metal rings, 5 of Group 3 (EZ-Fill) and 5 of Group 4 (Endofill) containing holes of 2 mm in height and 10 mm in diameter were filled with cement. The samples were radiographed together with a ranger of 99% aluminum (alloy 1100) with 10 uniform steps (1 mm to 10 mm thick). To obtain the radiographs an X-ray apparatus Dabi Atlante (70 kvp, 8 mA) was used to a focus object distance of 400 mm and exposure time 0.1 seconds. The radiographs were digitized using a Kodak scanner ? LS 85 Film Digitizer, USA, stored in a microcomputer and analyzed by a specific software for reading images (Image J). The data were submitted to the Student t test at 5% showing a significant difference (p < 0.0001). Results: The results obtained were: flow higher than 25 mm in both cements of Group 1 (Endofill 54.69 mm) and Group 2 (EZ-Fill 42.41 mm) and radiopacity of Group 3 (EZ-Fill) equivalent to 10 mm of aluminum and Group 4 (Endofill) equivalent to 7 mm aluminum. It was concluded that the cement Endofill showed a higher flow than the cement EZ-Fill and the EZ-Fill cement presented a higher radiopacity of the cement Endofill


Assuntos
Escoamento Superficial , Cimentos Dentários , Digitalis , Raios X , Intensificação de Imagem Radiográfica
6.
Eng. sanit. ambient ; 12(1): 42-51, jan.-mar. 2007. mapas, tab, ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-455459

RESUMO

Este trabalho apresenta os resultados da pesquisa de ovos de helmintos, Salmonella sp, coliformes totais e E. coli no esgoto afluente, efluente e no solo da Estação de Tratamento de Esgotos de Populina (SP), cujo método de tratamento é o escoamento superficial no solo. Os resultados mostraram que o sistema de tratamento foi capaz de reduzir o número de ovos de helmintos presentes no esgoto. O número de organismos encontrados a 50 metros de distância do ponto de aplicação foi menor do que a 20 metros e os mesmos são encontrados em maior número na superfície do solo e a 20 m de distância do ponto de aplicação dos esgotos. O sistema não foi eficiente na remoção de Salmonella sp., coliformes totais e E. coli. Cabe salientar que a Estação de Tratamento está operando acima da capacidade para a qual foi projetada, o que justificaria tais resultados.


This work shows the results of the research of helminthes eggs, Salmonella sp., total coliforms and E. coli in the sewage affluent and effluent and in the soil at the Sewage Treatment Plant in Populina, SP, which treatment method is the overland flow. The results have shown that the system was capable to reduce the number of helminthes eggs in the final effluent and that they are found in a bigger number on the soil surface and in twenty meters from the point of appliance of sewage. It is likely that the humidity has a certain influence on the viability of Ascaris sp. eggs. The system was not efficient on the removal Salmonella sp., total coliform and E. coli. It is worth pointing out that sewage treatment plant is operating over the capacity it was built to operating at, what would justify such results.


Assuntos
Poluição Ambiental , Poluição Ambiental , Escoamento Superficial , Poluição Ambiental , Eliminação de Águas Residuárias
7.
Eng. sanit. ambient ; 12(1): 79-89, jan.-mar. 2007. ilus, tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-455462

RESUMO

O desempenho de unidades de contato que operam em regime de fluxo contínuo depende, entre outros, do padrão de escoamento que se desenvolve no seu interior. Já o levantamento de dados experimentais, como a elevação da superfície d'água e do campo de velocidades, não é uma tarefa fácil. Por tais razões, o uso de modelos numéricos na obtenção de padrões de escoamento em unidades de contato tem se tornado uma boa alternativa. A falta de dados hidrodinâmicos para a calibração e verificação de modelos numéricos tem sido um dos principais fatores que vem limitando o uso mais extensivo dessa ferramenta. O presente trabalho propõe uma nova técnica de calibração de modelo numérico, baseada no ajuste de curvas de passagem obtidas pelo modelo numérico e as obtidas experimentalmente ao longo das unidades de contato. A metodologia proposta é parcialmente avaliada e os resultados indicam ser essa uma técnica bastante promissora.


The performance of continuous flow contact units relies, among other factors, on the flow pattern inside them, and that the measurement of flow patterns in this type of unit is not an easy task. For this reason, the use of numerical models to obtain flow patterns in contact units has become a good alternative. However, the lack of hydrodynamic data to calibrate the models has been one of the main factors limiting a more extensive use of numerical models for this purpose. This work proposes a new calibration technique for numerical models which is based on the best fitting of measured and simulated flow through curves throughout the unit. The proposed methodology is partially evaluated and the results indicate it to be very promising.


Assuntos
Calibragem , Fluxo Contínuo , Modelos Teóricos , Modelos Teóricos , Escoamento Superficial
8.
Ciênc. rural ; 36(2): 664-668, mar.-abr. 2006. tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-423217

RESUMO

A densidade de partículas (Dp) de solos tem sido determinada predominantemente pela medição do volume de sólidos via deslocamento de líquidos e normalmente usa medidas volumétricas para essa quantificação. A etapa de medição do volume apresenta imprecisão, necessita de tempo para total escoamento de líquidos e é a etapa mais demorada. O objetivo deste trabalho foi substituir a etapa de medição de volume de líquido deslocado pela pesagem da massa do líquido deslocado e apresentar um método alternativo de medição da Dp. A Dp foi determinada em 60 amostras de solos de diferentes texturas e teores de matéria orgânica, pelo método do balão volumétrico (MBV) padrão e pelo método modificado (MBVmod), estimando-se a exatidão, precisão e tempo de processamento. As médias de Dp foram similares pelos dois métodos, porém o MBVmod apresenta maior precisão e menor tempo de processamento.


Assuntos
Métodos , Escoamento Superficial , Solo , Estatística/métodos
9.
UFES rev. odontol ; 7(1): 48-54, jan.-abr. 2005. tab, graf
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-466463

RESUMO

O escoamento de cimento obturador é fator importante no desempenho clínico do material, pois interfere em sua capacidade de penetrar nos túbulos dentinários e canais laterais. A proposta deste estudo é avaliar a capacidade de escoamento de dois cimentos endodônticos: Endofill (cimento de Grossman) e AH Plus. Para tal análise, foram realizadas dez amostras de cada material, utilizando-se o método da extensibilidade de acordo com a especificação 57 da ADA para cimentos endodônticos. Esse método refere-se à capacidade de se espalmar a superfície de uma preparação, quando submetida à determinada força. Seguindo a especificação de cada fabricante, foram realizadas pesagem e manipulação dos materiais, sendo 0,5ml do material introduzido em seringa descartável e depositado sobre placa de vidro de 1 OX1 Ocm. Decorridos 180 segundos do início da manipulação, foi colocado no centro da placa o cimento obturador e sobre este um conjunto composto por outra placa de vidro e uma carga adicional, perfazendo o total de 120g. Após dez minutos do início da mistura, o peso adicional foi removido. As superfícies das amostras foram medidas em seus comprimentos horizontal e vertical, com o uso de um paquímetro MITUTOYO (Japão), e por meio do contorno dos perímetros dos halos de escoamento das amostras dos cimentos testados com o auxílio de um programa de computador (Microsoft PowerPoint) a fim de que se obtivesse um parâmetro de comparação. Foi feita a média aritmética dos resultados, que foram também levados à análise estatística, na qual pôde ser observada uma significância no nível de 1 por cento para ambos os métodos de medição. Pôde-se concluir que o AH Plus possui maior capacidade de escoamento que o Endofill


Assuntos
Cimentos Dentários , Cimentos de Resina , Escoamento Superficial
10.
São Paulo; s.n; 2003. 103 p. ilus, graf. (BR).
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-366164

RESUMO

As tensões desenvolvidas durante a polimerização são geralmente responsabilizadas por inúmeros inconvenientes, tais como dor pós operatória,aparecimento de fendas entre o dente e a restauração, deflexão de cúspides, etc. Com a finalidade de contribuir para o entendimento dos mecanismos de desenvolvimento das tensões de polimerização em compósitos, foi medida a tensão desenvolvida durante a polimerização de três marcas de resina composta (Durafill VS, Heliomolar RO e Herculite XRV),variando o fator C (1, 0,5 e 0,25) e usando quatro diferentes intensidades (1.000, 500, 250mW/cm² e variável "ramp") totalizando sempre a mesma densidade de energia (18J/cm²). Os espécimes (n=3) tinham formato cilíndrico (2,1mm de diâmetro e alturas de 1mm, 2mm e 4mm). A luz incidiu perpendicularmente ao eixo dos cilindros. A tensão (Mpa) foi medida numa máquina de ensaios universal Instron com extensômetro, mantendo a s extremidades dos espécimes a distância constante por 30 minutos, incluído o tempo de ativação. Como testes complementares para auxiliar na explicação dos mecanismos, foi medida a porcentagem de contração linear de polimerização (por centoCLP), a micro dureza e o escoamento sob tensão em espécimes iguais aos descritos acima. A por centoCLP na direção do eixo dos espécimes iguais aos descritos acima. A por centoCLP na direção do eixo dos espécimes cilíndricos (n=5) foi medida com extensômetros Instron aos 15 minutos. O escoamento (E'delta'L) (n=3) foi medido em máquina Instron com extensômetro, começando logo após a fotoativação e mantendo durante 30 minutos a carga constante de 40,866N. A micro dureza Knoop foi obtida com microdurômetro Shimadzu HMV em dois espécimes especialmente construídos seguindo os mesmo parâmetros. Os resultados do estudo permitiram concluir que: 1) a resina Herculite desenvolveu maior tensão q ue a Heliomar e a Durafill, que foram semelhantes entre si...


Assuntos
Resinas Compostas , Materiais Dentários , Escoamento Superficial
11.
Piracicaba; s.n; 2002. 166 p. ilus, tab.
Tese em Português | LILACS | ID: lil-432349

RESUMO

Modelos hidrológicos e de qualidade de água vêm sendo desenvolvidos para avaliar a poluição causada por fontes de origem difusa, em bacias hidrográficas agrícolas. Com esse objetivo, o modelo SWAT (Soil and Water Assessment Tool) foi aplicado para simular o escoamento e a produção de sedimentos produzidos pela microbacia hidrográfica do Ribeirão dos Marins, afluente do rio Piracicaba, SP, no biênio 1999/2000. Os resultados obtidos da simulação, médias mensais do escoamento e a produção de sedimentos, foramcomparados aos dados observados em um posto hidrossedimentométrico localizado no terço superior da microbacia, utilizando o Coeficiente de Eficiência de Nash e Sutcliffe (COE) e o desvio dos dados simulados em relação aos observados (Dv). Foi feita uma calibração de alguns parâmetros físico-hídricos do solo e físico das sub-bacias, para as duas variáveis simuladas. Dois cenários alternativos de uso da terra foram simulados. No primeiro, o uso atual foi mantido, mas considerou-se uma faixa de mata ciliar de 30m em toda a extensão dos cursos d’água e de 50m ao redor das nascentes, de acordo com o Código Florestal. No segundo cenário, como as pastagens ocupam as encostas mais íngremes, com alto potencial erosivo, as áreas ocupadas por pastagem foram substituídas por vegetação florestal. As simulações dos dois cenários foram comparadas com as condições do cenário atual em termos de redução da produção de sedimentos. Os resultados obtidos para o escoamento simulado foram de 0,92 e –0,7 por cento para o COE e o Dv, respectivamente, após a calibração. Na simulação da produção de sedimentos pelo modelo, após a calibração, o COE obtido foi de 0,83 e o Dv de –3,2 por cento. Os cenários produziram diferentes padrões espaciais da produção de sedimentos. Uma redução de 84,4 por cento na produção de sedimentos foi obtida com a substituição da pastagem por vegetação nativa (cenário 2). No cenário 1, a redução foi de 10,8 por cento. Esses resultados evidenciam a necessidade de se tratar a paisagem em bacias hidrográficas de uma forma global, identificando as "áreas ambientalmente sensíveis", onde são necessárias práticas de controle dos processos erosivos e não somente com a proteção dispensada aos cursos d’água por meio da mata ciliar.


Assuntos
Erosão , Sistemas de Informação Geográfica , Bacias Hidrográficas , Modelos Hidrológicos , Escoamento Superficial , Sedimentação
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA