Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 5 de 5
Filtrar
Mais filtros










Filtros aplicados

Base de dados
Intervalo de ano de publicação
1.
São Paulo; s.n; 2019. 133 p.
Tese em Português | LILACS | ID: biblio-1045898

RESUMO

Os métodos de produção que privilegiam a acumulação do capital acarretam crescente degradação ambiental e impactos na saúde humana. Em busca de inserção em novos mercados e aumento da competitividade, as organizações empresariais incorporam o discurso da sustentabilidade, adotam sistemas de gestão voluntários, como certificações ambientais, de saúde do trabalho e de responsabilidade social. Esta tese tem por objetivo verificar se processos de certificação internacional em empresas podem contribuir para a governança global em saúde e para a sustentabilidade universal. A metodologia adotada foi estudo de caso e baseou-se na atuação do autor. Envolveu a análise de relatórios de auditoria e consultoria em sistemas de gestão de meio ambiente, saúde e segurança do trabalho e responsabilidade social. Descrevem-se experiências em organizações empresariais do setor de mineração, nos países: Colômbia, Moçambique, Guiné, Chile, Peru e Argentina. Apresentam-se os resultados das análises realizadas e sugestões para novos estudos sobre os inter-relacionamentos da Saúde Global, com as questões de meio ambiente e de saúde do trabalhador.


Production methods that favor capital accumulation increase environmental degradation and affect human health. In search of insertion in new markets and increase of supply, as incorporated actions or in sustainability speeches, adopted voluntary management systems, such as environmental certifications, occupational health and social responsibility. This aims to verify whether international certification processes in companies can contribute to global health governance and universal sustainability. The methodology adopted was the case study and was based on the author's performance. Involve an analysis of audit reports and advice on environmental, occupational health and safety and social responsibility management systems. Experiences in mining sector organizations in Colombia, Mozambique, Guinea, Chile, Peru and Argentina are described. We present the results of the recorded analyzes and suggestions for further studies on the interests of Global Health, with environmental and occupational health issues.


Assuntos
Responsabilidade Social , Saúde Global , Saúde do Trabalhador , Auditorias Ambientais , ISO 14000
3.
J. bras. patol. med. lab ; 47(3): 233-239, jun. 2011.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-600863

RESUMO

O artigo apresenta os princípios conceituais sobre desenvolvimento sustentável, sustentabilidade e avalia a evolução e os impactos na economia, no meio ambiente e na sociedade. Discutem-se a aplicabilidade dos conceitos de sustentabilidade empresarial na medicina laboratorial e os desafios inerentes à implantação no laboratório clínico. O impacto dos indicadores de sustentabilidade e seu papel no processo de gestão também são analisados criticamente sob a ótica do balanço socioambiental. O texto apresenta ainda algumas ferramentas para avaliação e interpretação dos indicadores e sua aplicação no processo de análise crítica. Finalmente, o artigo descreve a importância dos indicadores de sustentabilidade na prática do benchmarking e sua aplicabilidade no laboratório clínico.


The article presents the conceptual principles on sustainable development and sustainability. Furthermore, it evaluates the progress and impacts on the economy, environment and society. It discusses the applicability of the concepts of corporate sustainability in laboratory medicine and the challenges of deployment in the clinical laboratory. The impact of sustainability indicators and their role in management are also critically reviewed from the perspective of social and environmental balance. Additionally, the text provides some tools for evaluation and interpretation of indicators and their corresponding application in the critical analysis process. Lastly, the article describes the importance of sustainability indicators in the practice of benchmarking and its applicability in the clinical laboratory.


Assuntos
ISO 14000 , Laboratórios , Indicadores de Desenvolvimento Sustentável
4.
Aletheia ; (29): 103-116, jun. 2009.
Artigo em Espanhol | LILACS | ID: lil-542080

RESUMO

El presente trabajo discute teóricamente las alternativas para la investigación de los efectos de la implantación de Sistemas de Gestión Ambiental (SGA) en los comportamientos ecológicos de trabajadores fuera del ambiente de trabajo. Además de recapitular la literatura pertinente al tema, sobre todo desde la óptica de la psicología ambiental, adoptamos esta revisión como el pilar teórico del trabajo empírico de la investigación que se ha llevado a cabo el primer semestre de 2008. Esta tiene como objetivo central verificar las relaciones entre los valores personales, creencias ambientales y el comportamiento ecológico en tres muestras de trabajadores brasileños provenientes de empresas certificadas por el SGA, no certificadas pero con política ambiental y no certificadas.


The present work develops a theoretical discussion about the alternatives to research the effects of the implantation of environmental management systems in the ecological behaviour of Brazilian workers outside their companies. Besides that, it will be developed a literature review that it is the theoretical framework of the empirical phase of the PHD thesis that it is taking place in January, February and March 2008. The aim of this research is to analyse the relationship between personal values, environmental beliefs and environmental behaviour in Brazilian workers.


O presente trabalho discute teoricamente as alternativas para a pesquisa dos efeitos da implantação de Sistemas de Gestão Ambiental (SGA) nos comportamentos ecológicos de trabalhadores fora do ambiente de trabalho. Além de recapitular a literatura relacionada ao tema, principalmente partindo da Psicologia Ambiental, adotamos esta revisão como apoio teórico ao trabalho empírico que se realizou no primeiro semestre de 2008. Esta, por sua vez, tem como objetivo central verificar as relações entre os valores pessoais, crenças ambientais e comportamento ecológico de trabalhadores brasileiros advindos de empresas certificadas pelo SGA, não certificadas com e sem política ambiental.


Assuntos
Humanos , Adulto , Comportamento , Desenvolvimento Ecológico , Ecossistema , Gestão Ambiental , Categorias de Trabalhadores , Meio Ambiente , Saúde Ambiental , Política Ambiental , ISO 14000
5.
Ciênc. saúde coletiva ; 12(1): 165-170, jan.-mar. 2007.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-440822

RESUMO

Este texto apresenta uma discussão a respeito da necessidade de implantar um sistema de gestão ambiental nos órgãos da administração pública. Efetua-se breve descrição de práticas gerenciais de empresas de setores variados que assumem o compromisso de estabelecer a melhor relação possível entre atividade empresarial, meio ambiente e necessidades humanas presentes e futuras. Expõem-se alguns argumentos de caráter econômico, referentes aos benefícios obtidos por iniciativas privadas que adotaram critérios de ecoeficiência que, em si, seriam suficientes para justificar a implantação de uma política efetiva de gestão ambiental nas instituições públicas. Destaca-se a relevância da criação da Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P), que pretende instaurar uma nova cultura institucional, visando à mobilização dos servidores para a otimização dos recursos, para o combate ao desperdício e para a busca de uma melhor qualidade do ambiente de trabalho. Evidencia-se que para o êxito e efetivação da agenda será decisivo o grau de engajamento do próprio servidor e de seus dirigentes.


Discussing the need to implement an environmental management system in civil service entities, this paper offers a brief description of some management practices used by companies in various sectors that are endeavoring to establish the best possible relationships between business activities, environmental issues and human needs, today and in the future. Some economic arguments are presented, including the benefits obtained by private sector companies adopting eco-efficiency criteria that are in themselves sufficient to justify the implementation of an effective environmental management policy in government institutions. The relevance is also stressed of drawing up the Civil Service Environment Agenda (A3P), striving to introduce a new cultural approach that will mobilize civil servants in order to optimize resources, combating waste and encouraging better work environments. For this Agenda to be effective, civil servants and managers must obviously be fully engaged.


Assuntos
Gestão Ambiental , ISO 14000 , Setor Público
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA