Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 1.329
Filtrar
1.
Recurso de Internet en Portugués | LIS - Localizador de Información en Salud | ID: lis-LISBR1.1-46973

RESUMEN

Este guia digital reúne informações detalhadas sobre os serviços prestados pelo conjunto de Unidades da Fiocruz aos seus diversos públicos. Sua proposta é tornar mais simples, rápida e intuitiva a busca por essas atividades fundamentais e oferecer uma visão mais completa de seu conjunto, ampliando sua visibilidade e transparência e contribuindo para o atendimento da população e para a ação dos gestores e profissionais do Sistema Único de Saúde (SUS). Além disso, a iniciativa reforça o alinhamento entre as ações institucionais e as diretrizes governamentais no que diz respeito à prestação de serviços à população e contribui para a otimização de recursos e para a sustentabilidade, pela eliminação da versão impressa. Utilize o campo de busca acima para pesquisar por um serviço específico oferecido pela Fiocruz.


Asunto(s)
Administración Pública , Anuncio de Utilidad Pública , Gestión de la Calidad , Sistema Único de Salud
3.
Lima; Perú. Ministerio de Salud; 1 ed; 20190700. 257 p. ilus.
Monografía en Español | LILACS, LIPECS | ID: biblio-1023696

RESUMEN

El manual contine criterios, métodos e información básica que el personal responsable necesita y debe tener presente en su quehacer cotidiano. Asimismo, para mayor información del personal de salud, se les brindarán los nombres específicos de las normas y los documentos técnicos, las guías de las prácticas clínicas y los planes nacionales de atención.


Asunto(s)
Administración de Personal , Administración Pública , Desarrollo Institucional , Gestión en Salud
4.
J. Health NPEPS ; 4(1): 269-281, jan.-jun. 2019.
Artículo en Portugués | LILACS | ID: biblio-999699

RESUMEN

Objetivo: verificar o nível de maturidade em gerenciamento de projetos da Fiocruz Brasília, e verificar o seu status em relação às demais unidades Fiocruz. Método: tratase de um estudo com abordagem qualitativa do tipo exploratória, com amostragem não probabilística por conveniência e julgamento, realizado no período de setembro a novembro de 2017, com aplicação de questionário eletrônico específico. Os dados foram organizados e tabulados em um banco de dados constante em planilhas do software Excel. Resultados: Os resultados obtidos indicam que na mostra de unidades pesquisadas, o nível de maturidade da Fiocruz Brasília foi de 2,2, valor compatível com a última pesquisa nacional realizada sobre o nível de maturidade em gerenciamento de projetos em organizações públicas e privadas. Conclusão: Entretanto, os dados obtidos indicam uma oportunidade de melhoria contínua das práticas de Gerenciamento de Projetos realizadas na unidade, em busca da disseminação da cultura de projetos na unidade, de forma a contribuir à formulação de um modelo integrado de gestão de projetos de ciência, tecnologia e inovação em Saúde para a Fiocruz.(AU)


Objective: to verify the level of maturity in project management of Fiocruz Brasília and check its status in relation to the other Fiocruz units. Method: This is a qualitative study of the exploratory type, with non-probabilistic sampling by convenience and judgment, carried out in the period from september to november 2017, with application of a specific electronic questionnaire. The data were organized and tabulated in a constant database in Excel spreadsheets. Results: The results show that in the sample of units surveyed, Fiocruz Brasilia's maturity level was 2.2, which is compatible with the last national survey conducted on the level of maturity in project management in public and private organizations. Conclusion: However, the data obtained indicate an opportunity for continuous improvement of the Project Management practices carried out in the unit, in the search of dissemination of the project culture in the unit, in order to contribute to the formulation of an integrated model for the management of science and technology projects and innovation in Health for Fiocruz.(AU)


Objetivo: verificar el nivel de madurez en gestión de proyectos de Fiocruz Brasilia, y verificar su status en relación a las demás unidades Fiocruz. Método: se trata de un estudio cualitativo del tipo exploratorio, con muestreo no probabilístico por conveniencia y juicio, realizado en el período de septiembre a noviembre de 2017, con aplicación de cuestionario electrónico específico. Los datos fueron organizados y tabulados en una base de datos constante en hojas de Excel. Resultados: Los resultados muestran que en la muestra de unidades investigadas, el nivel de madurez de la Fiocruz Brasília fue de 2,2, lo que es compatible con la última encuesta nacional realizada sobre el nivel de madurez en gestión de proyectos en organizaciones públicas y privadas. Conclusión: Sin embargo, los datos obtenidos indican una oportunidad para la mejora continua de las prácticas de gestión de proyectos realizadas en la unidad, en busca de la diseminación de la cultura del proyecto en la unidad, a fin de contribuir a la formulación de un modelo integrado para la gestión de proyectos proyectos de ciencia, tecnología e innovación en Salud para la Fiocruz.(AU)


Asunto(s)
Humanos , Política Pública , Administración Pública , Evaluación de Programas y Proyectos de Salud , Encuestas y Cuestionarios , Investigación Cualitativa
5.
Rev. crim ; 61(1): 51-67, ene.-abr. 2019. tab, graf
Artículo en Español | LILACS | ID: biblio-990994

RESUMEN

Resumen Se analiza la política pública de prevención situacional del delito en México, en particular el programa denominado Rescate de Espacios Públicos, que se ha implementado durante dos periodos del gobierno mexicano y que se define como la intervención de los parques y plazas de convivencia para tornarlos más seguros. El objetivo principal es estudiar los componentes del diseño de la política pública, la estructura organizacional, los recursos invertidos, así como los alcances, para finalmente presentar conclusiones y recomendaciones que permitan fortalecer esta política pública. El análisis desde la óptica mexicana ofrece elementos de comparación y aprendizaje para otros países -principalmente de América Latina-, que también orientan sus esfuerzos en materia de prevención del delito a través de la intervención de los espacios públicos.


Abstract The public policy of situational crime prevention in Mexico is analyzed, in particular, the program Rescate de Espacios Públicos (The Recovery of Public Spaces). This program has been implemented in two periods of the Mexican government. This is defined as the intervention of parks and squares of coexistence to make them safer places. The main objective is to study the components of the public policy design, organizational structure, resources invested, and achievements. Finally, conclusions and suggestions are stated to strengthening the public policy. This analysis from the Mexican perspective offers elements of comparison and learning for other countries -mainly in Latin America-, which lead efforts in the prevention of crime through the intervention of public spaces, too.


Resumo Analisa-se a política pública de prevenção situacional do delito no México, em particular o programa denominado Resgate de Espaços Públicos, que tem sido implementado durante dois períodos do governo mexicano e que se define como a intervenção dos parques e das praças de convivência para tornálos mais seguros. O objetivo principal é estudar os componentes da concepção da política pública, a estrutura organizacional, os recursos investidos, assim como os alcances, para finalmente apresentar conclusões e recomendações que permitam fortalecer essa política pública. A análise na perspectiva mexicana ofrece elementos de comparação e aprendizagem para outros países - principalmente da América Latina -, que também orientam seus esforços no concernente à prevenção do delito


Asunto(s)
Política Pública , Administración Pública , Ciudades , Deber de Advertencia
6.
São Paulo; s.n; 2019. 99 p.
Tesis en Portugués | LILACS | ID: biblio-998589

RESUMEN

Introdução: A gestão público-privada na saúde brasileira, fortalecida após a criação das Organizações Sociais (OSs) no País, em 1998, se intensifica também na rede de atenção primária da cidade de São Paulo. Segundo a Secretaria Municipal da Saúde, das 449 UBSs existentes na capital paulista em 2014, 280 (62,3%) eram administradas via contrato de gestão ou convênios com entidades sem fins lucrativos. Faltam, no entanto, estudos que explorem o impacto da adoção desse modelo nas unidades de atenção primária. Objetivos: Analisar estrutura, processo e resultado das unidades de atenção primária da cidade de São Paulo segundo a modalidade de gestão e a entidade gestora. Métodos: Foi adotado estudo descritivo e exploratório em que foram analisados três bancos de dados do segundo ciclo do Programa Nacional para Melhoria do Acesso e Qualidade da Atenção Básica (PMAQ-AB) referentes às Unidades Básicas de Saúde da cidade de São Paulo, o que significou uma amostra de 264 unidades/911 equipes. Foram escolhidos 28 indicadores para análise (um de estrutura, dez de processo e 17 de resultado). As UBSs e equipes de atenção primária foram classificadas de acordo com sua modalidade de gestão e entidade gestora e os resultados de cada grupo em cada um dos indicadores foram separados. Foram realizados testes estatísticos (quiquadrado e Anova) para verificar a significância das diferenças encontradas. Resultados: Dos 28 indicadores analisados, 10 registraram diferença significativa entre equipes com diferentes modalidades de gestão. Em oito deles, houve melhor desempenho das equipes de unidades com gestão público-privada. Já na análise por entidade gestora, 25 dos 28 indicadores analisados tiveram diferenças significativas, com diferenças importantes entre unidades de administração públicoprivada, mas com entidades gestoras diferentes. Conclusões: Os resultados indicam que a contratualização na atenção básica pode colaborar com o aumento do acesso e produtividade dos serviços. No entanto, as evidências não são fortes o suficiente para concluir que um modelo é superior ao outro. Ficou claro que a entidade gestora parece ter um peso maior no desempenho das unidades e equipes do que simplesmente a modalidade de gestão


Introduction: Public-private management in Brazilian healthcare system, strengthened after the creation of Social Organizations (OSs) in the country in 1998, is also strong in the primary care services of the city of São Paulo. According to the Municipal Health Department, from the 449 primary care services of the state capital in 2014, 280 (62.3%) were administered by non-profit entities through agreements with the government. There are, however, few studies that explore the impact of adopting this model in the primary care services. Objectives: Analyze structure, process and outcomes of primary care services in the city of São Paulo according to the management modality and the management entity. Methods: A descriptive and exploratory study was carried out in which three databases of the second cycle of the National Program for Improving Access and Quality of Primary Care (PMAQ-AB) were analyzed for the Basic Health Units of the city of São Paulo, Brazil. which meant a sample of 264 units / 911 teams. We selected 28 indicators for analysis (one of structure, ten of process and 17 of outcomes). The UBSs and primary care teams were classified according to their management modality and managing entity and the results of each group in each of the indicators were separated. Statistical tests (chisquare and Anova) were performed to verify the significance of the differences found. Results: From the 28 indicators analyzed, ten registered a significant difference between teams with different management modalities. In seven of them, there was better performance of the teams of units with public-private management. In the analysis by management entity, 25 of the 28 indicators analyzed had significant differences, with significant differences among public-private administration services with different management entities. Conclusions: The results indicate that contracting in primary care may contribute to increased access and productivity of services. However, the evidence is not strong enough to conclude that one model is superior to the other. It became clear that the management entity seems to have a greater weight in the performance of the services and teams than simply the management modality


Asunto(s)
Administración Pública , Evaluación en Salud , Privatización , Servicios Externos , Asociación entre el Sector Público-Privado , Política de Salud , Atención Primaria de Salud , Políticas, Planificación y Administración en Salud
7.
Saúde Soc ; 27(4): 1105-1119, Out.-Dez. 2018.
Artículo en Portugués | LILACS | ID: biblio-979238

RESUMEN

Resumo O artigo tem como objetivo analisar a problemática do subfinanciamento da saúde no Brasil e a expansão de mecanismos gerenciais de mercado no interior da política pública de saúde no contexto do capitalismo contemporâneo sob a dominância do capital portador de juros, sua crise e sua forma política específica materializada no Estado. A primeira parte analisa a crise capitalista numa perspectiva teórica marxista, ressaltando a tendência de queda da taxa de lucro e a expansão da dominância do capital portador de juros no centro das relações econômicas e sociais. A segunda parte evidencia a forma política específica do capitalismo, em que o Estado se constitui no elemento essencial das relações capitalistas de produção, contribuindo para a compreensão do perfil de atuação do Estado brasileiro na contemporaneidade. A terceira parte aborda os efeitos da crise capitalista na problemática do subfinanciamento da saúde, enquanto a última discute o fenômeno da apropriação privada das políticas públicas de saúde por meio do gerencialismo, com foco na adoção de instrumentos de gestão no interior da administração pública direta baseados na lógica do desempenho.


Abstract The article aims at analyzing the underfunding of health in Brazil and the expansion of market management mechanisms within the public health policy in the context of contemporary capitalism under the dominance of interest-bearing capital, its crisis and its political form specified in the State. The first part analyzes the capitalism crisis in a theoretical Marxist perspective, emphasizing the tendency of decreasing rate of profit and the expansion of the dominance of interest-bearing capital at the center of economic and social relations. The second part shows the specific political form of capitalism, in which the State constitutes the essential element of the capitalist relations of production, contributing to the understanding of the profile of the Brazilian state in the contemporary world. The third part deals with the effects of the capitalism crisis on the health underfunding matter, while the last part discusses the phenomenon of private appropriation of public health policies through managerialism, focusing on the adoption of management tools within the direct public administration based on the logic of performance.


Asunto(s)
Humanos , Masculino , Femenino , Economía de la Salud , Capitalismo , Financiación de la Atención de la Salud , Administración Pública
8.
Rev. psicol. trab. organ. (1999) ; 34(3): 169-179, dic. 2018. tab, graf
Artículo en Inglés | IBECS | ID: ibc-176736

RESUMEN

While research has traditionally analysed negative aspects of the work and family relationship by embracing a reductionist approach, over the past 20 years a number of studies have also focused on positive aspects. Our studies set out to validate the Italian version of the instrument developed by Kinnunen and cols. with a sample of 707 employees. Psychometric characteristics are presented, confirming the invariance of factorial structure and their validity in the Italian context. Results from different organizations confirm the four-factor model: negative work-to-family interface, negative family-to-work interface, positive work-to-family interface, and positive family-to-work interface. These results support the factorial validity and reliability of the Work-Family Interface Scale (WFIS) and its sustained use in organisational studies


Aunque tradicionalmente la investigación ha analizado los aspectos negativos de la relación entre el trabajo y la familia usando un enfoque reduccionista, en los pasados 20 años un número de estudios se ha centrado en los aspectos positivos. Nuestros estudios tratan de validar la versión italiana del instrumento desarrollado por Kinnunen y cols., con una muestra de 707 empleados. Se presentan las características psicométricas, confirmando la invarianza de la estructura factorial y su validez en el contexto italiano. Los resultados en diferentes organizaciones confirman el modelo de cuatro factores: interacción negativa trabajo-familia, interacción negativa familia-trabajo, interacción positiva trabajo-familia e interacción positiva familia-trabajo. Estos resultados apoyan la validez factorial y la fiabilidad de la escala de interacción trabajo-familia (WFIS) y su uso sostenido en estudios organizacionales


Asunto(s)
Humanos , Masculino , Femenino , Adulto , Persona de Mediana Edad , Equilibrio entre Vida Personal y Laboral , Satisfacción en el Trabajo , Psicometría/instrumentación , Administración Pública , Condiciones de Trabajo , Carga de Trabajo , Relaciones Laborales , Relaciones Familiares/psicología , Reproducibilidad de los Resultados , Italia
9.
Licere (Online) ; 21(4): i:144-f:165, dez2018. tab
Artículo en Portugués | LILACS | ID: biblio-970907

RESUMEN

A Pedagogia do Esporte tem como objeto de estudo e intervenção o processo de ensino, vivência, aprendizagem e treinamento do esporte, permitindo assim, compreender o esporte sob diferentes aspectos e manifestações. No presente artigo buscamos identificar de que forma o Basquetebol é praticado nos espaços de lazer da Região Metropolitana de Campinas, para isso foi realizada pesquisa de campo na qual foram observadas 78 partidas em 5 quadras públicas e/ou de livre acesso. Constatamos que os praticantes não seguem as regras e normas estabelecidas pela Federação Internacional de Basquetebol, os jogos observados possuíam características próprias que variaram de acordo com o número de praticantes, características do local e número de praticantes, logo concluímos que a prática do Basquetebol nesses locais se assemelha a do Streetballpraticado nas quadras dos Estados Unidos da América.


The Pedagogy of Sport has as object of study and intervention the teaching process, experience, learning and training of the sport, thus allowing, to understand the sport under different aspects and manifestations. In this article we try to identify how the Basketball is practiced in leisure facilities in the metropolitan region of Campinas, for it was carried out field research in which were found 78 matches in 5 public courts and / or open access. We found that the practitioners did not follow the rules and regulations established by the International Basketball Federation, the games observed had their own characteristics that varied according to the number of players, characteristics of the place and number of players, so we concluded that the practice of Basketball in these places resembles the Streetball practiced in the courts of the United States of America.


Asunto(s)
Humanos , Educación y Entrenamiento Físico , Deportes , Enseñanza , Administración Pública , Baloncesto , Zonas Metropolitanas , Área Urbana , Aprendizaje , Actividades Recreativas
10.
Rev. psicol. trab. organ. (1999) ; 34(2): 95-101, ago. 2018. graf
Artículo en Inglés | IBECS | ID: ibc-176644

RESUMEN

This manuscript examines whether the effect of anchoring bias is greater when citizens evaluate the quality of a public service after receiving negative initial information about service performance than after receiving positive information. It also tests whether there are differences in this anchoring bias by comparing formal (report) vs. informal (rumor) communication. Two field experiments were conducted with the participation of passengers of a commuter public train transportation organization (Experiment 1, N = 105) and users of a public university administrative service (Experiment 2, N = 172). The first experiment confirmed the bias produced by the negative initial information, whereas this bias does not exist for the positive information. The second experiment showed that the bias produced by the initial information has the same magnitude for both formal and informal communication. This paper concludes with a discussion of theoretical and practical implications for managing reputation in public services


Este manuscrito examina si el efecto del sesgo de anclaje es mayor cuando los ciudadanos evalúan la calidad de un servicio público después de recibir información inicial negativa sobre la calidad del servicio, que después de recibir información positiva. También pone a prueba si hay diferencias en este sesgo de anclaje al comparar la comunicación formal (informe) con la comunicación informal (rumor). Se realizaron dos experimentos de campo con la participación de pasajeros de una compañía pública de trenes de cercanías (experimento 1, N = 105) y usuarios del servicio administrativo de una universidad pública (experimento 2, N = 172). El primer experimento confirmó el sesgo producido por la información inicial negativa, mientras que este sesgo no existe para la información positiva. El segundo experimento mostró que el sesgo producido por la información inicial tiene la misma magnitud tanto para la comunicación formal como para la informal. El trabajo concluye con una discusión de las implicaciones teóricas y prácticas para la gestión de la reputación de los servicios públicos


Asunto(s)
Humanos , Refuerzo (Psicología) , Opinión Pública , Administración Pública/análisis , Comunicación , Denuncia de Irregularidades/psicología , Sesgo , Factores de Riesgo , Factores Protectores
11.
J. bras. econ. saúde (Impr.) ; 10(2): 140-147, Agosto/2018.
Artículo en Portugués | LILACS, ECOS | ID: biblio-915094

RESUMEN

Objetivo: A regulação como uma área da governança, está patente nas diversas dimensões da administração pública atual. A atividade de regulação das tecnologias da saúde em Portugal é executada pelo INFARMED (Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde), enquanto entidade autónoma administrativa sob a tutela do Ministério da Saúde, exercendo um papel fundamental na avaliação do financiamento dos medicamentos inovadores pelo Estado. Foi criada uma figura designada de Autorização de Utilização Especial (AUE) que permite acesso a medicamentos que estão sob processo de avaliação pelo INFARMED, ainda não comparticipados, o que representa um esforço financeiro extra por parte do Estado. Neste trabalho os autores pretendem analisar as AUEs concedidas num determinado período de tempo com o propósito de identificar áreas prioritárias de estratégia administrativa e de regulação. Métodos: Foram utilizados neste trabalho dados do INFARMED referentes às AUE concedidas no período de 1 de janeiro a 31 de agosto de 2016. A análise encontra-se subdividida por categorias de análise: frequência absoluta de cada área terapêutica e frequência absoluta de cada medicamento. Resultados: Da análise dos dados ressaltam duas realidades, 60% das AUE concedidas são referentes à área terapêutica da oncologia, sendo a segunda área terapêutica mais visada a oftalmologia que corresponde a apenas 15%; e dos 10 fármacos mais requisitados por AUE, 7 são utilizados para tratamento de doenças oncológicas. Conclusões: Desta análise se infere que os esforços das entidades administrativas e reguladoras e as reformas políticas no que toca ao medicamento devem incidir sobretudo na área da patologia oncológica, tendo em conta o actual panorama crescente no que toca às tecnologias de inovação na saúde.


Objective: Regulation as an area of governance becomes evident in the different dimensions of contemporary public administration. The regulatory activity concerning health technologies in Portugal is carried out by INFARMED (National Authority of Medication and Health Products), as an autonomous administrative entity under the Ministry of Health's jurisdiction, playing a fundamental role in the evaluation of the innovative drugs' financing terms by the State. A figure called Special Authorization Use (AUE) was created to allow access to drugs that are under evaluation by INFARMED, which are not yet reimbursable, representing a significant financial effort by the State. In this work the authors analyzed AUEs granted during a determined period of time in order to identify critical areas for administrative and regulatory strategies. Methods: The authors used data from the INFARMED for AUEs granted from January 1st to the 31st of August 2016. This analysis is divided according to category: absolute frequency of each therapeutic area and absolute frequency of each drug. Results: Data analysis highlights two realities: 60% of the AUEs granted refer to the oncology therapeutic area, being the second most frequent the ophthalmologic area corresponding to only 15%; and 7 out of the 10 most required drugs through AUEs are used to treat oncological diseases. Conclusions: From this analysis, it can be inferred that the efforts of the administrative and regulatory authorities and the political reforms regarding drug policies should focus mainly on the area of cancer pathology, considering the current growing panorama regarding the technologies of innovation in health.


Asunto(s)
Humanos , Política Pública , Administración Pública , Medicamentos de Referencia
12.
Hipertens. riesgo vasc ; 35(1): 15-23, ene.-mar. 2018. ilus, tab
Artículo en Español | IBECS | ID: ibc-170712

RESUMEN

Introducción: El SAHOS está asociado con un mayor riesgo cardiovascular y cerebrovascular. La hipertensión arterial es un factor de riesgo clave a considerar por sus repercusiones en la salud. Método: Estudio transversal en trabajadores de empresas de la Administración Pública española. Se valora el riesgo de apneas nocturnas mediante los cuestionarios Epworth y STOP-Bang y su influencia en las cifras medias de presión arterial. Resultados: La detección de SAHOS con el test de Epworth y especialmente con el STOP-Bang muestra una relación significativa con las cifras medias de presión arterial con diferencias entre ambos cuestionarios. Conclusión: Tanto el Epworth como el STOP-Bang resultan de utilidad para la detección inicial de SAHOS y su relación con una mayor prevalencia de cifras elevadas de presión arterial. Ambos pueden ser utilizados en procedimientos de cribado en el mundo del trabajo (AU)


Introduction: OSAHS is associated with an increased risk of cardiovascular disease and stroke. Arterial hypertension is a key risk factor to consider due to its impact on health. Method: Cross-sectional study carried out on Spanish public service workers. The nocturnal apnoea risk using the Epworth and STOP-Bang questionnaires and their influence on the mean values of blood pressure are assessed. Results: The detection of OSAHS using the Epworth test and, particularly with the STOP-Bang shows a significant relationship with the mean values of blood pressure, with differences between both questionnaires. Conclusion: The Epworth and STOP-Bang questionnaires are useful for the initial detection of OSAHS and a higher prevalence of high blood pressure. Both can be used in screening procedures in occupational health (AU)


Asunto(s)
Humanos , Masculino , Femenino , Adulto , Persona de Mediana Edad , Presión Arterial , Síndromes de la Apnea del Sueño/epidemiología , Factores de Riesgo , Enfermedades Cardiovasculares/epidemiología , Trabajadores , Trastornos del Sueño-Vigilia/diagnóstico , Trastornos del Sueño-Vigilia/epidemiología , Estudios Transversales/métodos , Encuestas y Cuestionarios , Planes de Asistencia Médica para Empleados/estadística & datos numéricos , Administración Pública/estadística & datos numéricos
13.
REME rev. min. enferm ; 22: e-1126, 2018.
Artículo en Portugués | LILACS, BDENF - Enfermería | ID: biblio-912109

RESUMEN

Objetivo: compreender as condições que levam os enfermeiros docentes de uma universidade pública a assumirem os cargos de gestão universitária. Método: pesquisa qualitativa com aporte teórico-metodológico na teoria fundamentada nos dados. O cenário do estudo foi uma universidade pública federal e a coleta de dados ocorreu entre maio e setembro de 2016, compondo a amostragem teórica 19 participantes distribuídos em dois grupos amostrais. Resultados: os dados evidenciaram que os docentes assumem cargos de gestão universitária por compromisso com o coletivo e por possuírem competências de gestão. Destacou-se a motivação dos docentes para assumirem esses cargos devido a experiências anteriores na gestão de universidades privadas e/ou serviços de saúde. Conclusão: os docentes de uma unidade universitária assumem cargos de gestão pelo compromisso com o coletivo e domínios, por experiências acumuladas.(AU)


Asunto(s)
Humanos , Educación Superior , Docentes de Enfermería , Administración Pública , Universidades
14.
Manaus; s.n; 2018. 296 f p.
Tesis en Portugués | LILACS | ID: biblio-904949

RESUMEN

A garantia do direito à saúde com status constitucional aumentou a demanda à procura de serviços públicos na área da saúde repercutindo na adoção de formas de gestão privada e reforma administrativa do Estado levando à profusão de leis administrativas voltadas à possibilidade de o poder público concretizar parcerias com o setor privado para fins de prestação de serviços públicos de saúde pelo Sistema Único de Saúde. A relação entre as normas de direito público e a inspiração assentada em regras privatísticas deu origem a peculiaridade do mix público-privado presente no sistema de saúde brasileiro, qual seja, parceiras entre poder estatal e setor privado. Com base na noção atual de subsidiariedade constante no artigo 173 da Constituição da República a pesquisa aponta como objetivo questões relacionadas aos entraves enfrentados pelo Estado, sob a ótica da (im)possibilidade fática da Administração Pública realizar "parcerias administrativas" entre o poder público e a sociedade civil a evidenciar o desafio da compatibilização entre a densidade do aparato estatal e a dificuldade de estabelecer formas eficientes e bem planejadas de atuação do Estado na efetivação de direitos. É nessa vertente que este estudo extrai da utilização de análise historiográfica e documental, lei no sentido amplo, livros, artigos científicos, revistas científicas, resenhas, relatórios de gestão e de governança, estudos jurisprudenciais de decisões judiciais, bem como bibliotecas virtuais e bancos de dados, sobre o momento socioeconômico e histórico que influenciou a criação do Sistema Único de Saúde, montando um verdadeiro quebra-cabeça dos pontos positivos e negativos da delegação/terceirização da prestação de serviços públicos de saúde. O resultado do estudo evidencia duas situações incontestes: a terceirização dos serviços de saúde desenvolvido pelo setor privado somente pode ocorrer em atividades complementares, como decidiu o Supremo Tribunal Federal; o ponto de criticidade deste quadro administrativo surge da falha de gestão de governança em traçar metas (eficiência) e resultados (efetividade)


Asunto(s)
Humanos , Brasil , Gestión en Salud , Servicios de Salud , Programas Nacionales de Salud/organización & administración , Servicios Externos/organización & administración , Administración Pública , Derecho a la Salud/legislación & jurisprudencia , Sistema Único de Salud/organización & administración
15.
São Paulo; s.n; 2018. 237 p.
Tesis en Portugués | LILACS | ID: biblio-915574

RESUMEN

As metrópoles superam diariamente grandes desafios e para seu enfrentamento é preciso utilizar estratégias políticas, econômicas, socioambientais e estruturais, bem como contar com instrumentos de participação da sociedade civil e o consequente exercício do controle social sobre as políticas públicas e de governo. Com o agravamento de práticas ambientais predatórias as cidades têm tido suas condições ambientais alteradas por ações ou atividades antrópicas e, também determinadas por comportamentos inadequados por parte de seus governantes e habitantes. A Avaliação de Impacto Ambiental, instrumento de gestão ambiental, de planejamento e uso do solo, contribui como instrumento participativo para a organização do espaço urbano. Essa avaliação se dá por meio de etapas que compõe o procedimento administrativo e culmina com a concessão de licenças ambientais a fim de controlar atividades que utilizem recursos naturais ou que possam causar degradação. Uma de suas mais expressivas características é a participação social na tomada de decisões que se dá por meio de audiências públicas. Esta pesquisa teve por objetivo geral investigar como se deu a participação da sociedade civil e da administração pública no processo de avaliação de impacto ambiental no Conselho Municipal do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável - CADES da Secretaria do Verde e do Meio Ambiente, Município de São Paulo, no período de 2010 a 2016. Para atingir os objetivos propostos neste estudo, optou-se por realizar uma pesquisa qualiquantitativa. Devido às diferentes abordagens metodológicas utilizadas optou-se pela triangulação dos dados que foram obtidos por meio de entrevistas com os Conselheiros e Gestores, análise documental e observação participante. Como resultado, verificou-se que se os instrumentos legais de participação da sociedade civil no processo de Avaliação de Impacto Ambiental fossem utilizados, conjugando os objetivos da administração pública e as necessidades da população em todas as fases, haveria uma atuação mais efetiva e motivada da população, exigindo empreendimentos com menor impacto socioambiental e instrumentos mais inclusivos de consulta a população afetada pelos empreendimentos em análise no órgão ambiental


The metropolises face big challenges on daily basis and their confrontation requires the use of political, economic, socio-environmental and structural strategies, as well as instruments of civil society participation and the consequent exercise of social control over public and government policies. With the worsening of predatory environmental practices, the cities have had their environmental conditions altered by anthropic actions or activities and also determined by inappropriate behaviour from their rulers and inhabitants. The Environmental Impact Assessment, an instrument of environmental management and planning and land use, contributes as a participatory instrument for the organization of urban space. This evaluation is done through steps that compose the administrative procedure and culminates with the granting of environmental licenses in order to control activities that use natural resources or that may cause degradation. One of its most expressive characteristics is the social participation in the decision-making process that takes place through public hearings. This research had as general objective to investigate how the civil society and the public administration participated in the environmental impact assessment process in the Municipal Council of Environment and Sustainable Development - CADES of the Secretariat of Green and Environment, Municipality of São Paulo, in the period from 2010 to 2016. To achieve the objectives proposed in this study, it was decided to carry out a qualitative research. Due to the different methodological approaches used, we opted for the triangulation of the data that were obtained through interviews with the Advisors and Public Administrators, documentary analysis and participant observation. As a result, it was verified that if the legal instruments of civil society participation in the process of Environmental Impact Assessment were used, combining the objectives of the public administration and the needs of the population in all phases, there would be a more effective and motivated action of the population requiring ventures with less socio-environmental impact and more inclusive instruments of consultation to the population affected by the projects under analysis in the environmental agency


Asunto(s)
Derechos Civiles , Ambiente , Concesión de Licencias , Administración Pública , Participación Social , Sociedades , Ambiente , Participación de los Interesados
16.
Brasília; IPEA; 2018. 194 p. ilus, graf, map.
Monografía en Portugués | LILACS, ECOS | ID: biblio-991860

RESUMEN

Oferece uma introdução acessível ao tema da avaliação ex ante de políticas públicas. Apresenta orientações práticas das principais etapas para o desenho, a implementação e a análise de impactos de ações do governo federal. Dois programas são tomados como exemplos, ao longo do texto, para pautar a aderência entre as orientações e os casos reais. Este volume, que se refere a uma etapa prévia de construção da política, será complementado com a publicação de outro guia sobre a avaliação ex post de políticas, relativo à apresentação de metodologias para a análise de impactos na sociedade, posteriores à implantação da ação pública. O conteúdo traz informações sobre os principais estágios da construção de políticas, envolvendo o diagnóstico do problema a ser enfrentado, a caracterização da política ­ objetivos, público-alvo e resultados esperados ­ e o seu próprio desenho. Outras etapas consistem em apresentar estratégias de construção de legitimidade, implementação, monitoramento, avaliação e controle. Finalmente, elementos sobre o impacto orçamentário e financeiro das políticas desenhadas e a análise prévia de seus custos e benefícios são também detalhados.


Asunto(s)
Administración Pública , Evaluación en Salud , Gestión en Salud , Política Pública
17.
Index enferm ; 26(3): 200-204, jul.-sept. 2017. graf, tab
Artículo en Español | IBECS | ID: ibc-168619

RESUMEN

Conscientes de la importancia de la orientación de la gestión sanitaria hacia la satisfacción de sus usuarios, en este artículo pretendemos identificar cuáles son los aspectos que más influyen en la satisfacción de los españoles con la sanidad pública, y de qué manera lo hacen. De este modo, es posible orientar las políticas públicas sanitarias hacia la maximización de los objetivos de eficiencia y eficacia que, entendemos, no residen únicamente en mejorar el estado de salud de los ciudadanos, sino también en generarles confianza en el sistema, contribuyendo a legitimar las instituciones sanitarias, y con ellas el Estado del Bienestar que las sustenta. Para ello, construimos un modelo de explicación de la satisfacción ciudadana con el sistema sanitario público que testamos a través de modelos de ecuaciones estructurales


Aware of the importance of the orientation of health management towards the satisfaction of its users, this article aims to identify what are the aspects that most influence the satisfaction of the Spaniards with the public health system, and how they do so. With the identification of these elements, it is possible to guide the public policies in health towards the maximization of the objectives of efficiency and effectiveness which we understand, lie not only in improving the state of health of the citizens, but also on building confidence in the system, contributing to legitimize public health institutions and the Welfare State that sustains them. To do this, we build a model of explanation of the citizen satisfaction with the public healthcare system that we test through Structural Equation Models


Asunto(s)
Humanos , Administración de los Servicios de Salud/legislación & jurisprudencia , Administración de los Servicios de Salud , Administración Pública/métodos , Sistemas de Salud/organización & administración , Administración de Instituciones de Salud/métodos , Aceptación de la Atención de Salud
18.
Physis (Rio J.) ; 27(3): 541-559, Jul.-Set. 2017.
Artículo en Portugués | LILACS | ID: biblio-895617

RESUMEN

Resumo O objetivo deste estudo foi analisar o sentido da relação trabalho e saúde para os assistentes em administração de uma instituição pública de ensino superior no Estado de Minas Gerais. O trabalhador do setor público é considerado privilegiado por ter emprego estável, como se também não estivesse submetido a condições de trabalho que levam ao sofrimento e adoecimento. Para aproximação desse universo, na presente pesquisa de cunho qualitativo, adotou-se a técnica de grupo focal, e as informações coletadas foram interpretadas à luz da análise de conteúdo. Como resultados, destacamos a importância das relações interpessoais, da transparência e participação na gestão e do reconhecimento através da valorização dos esforços dos trabalhadores para resolver os problemas. O engajamento no trabalho foi outra característica marcante e distancia-se da visão difundida socialmente do servidor público. A limitação do poder de ação no desenvolvimento das atividades e a falta de comunicação entre os setores prejudicam os processos de trabalho, já que não se conclui o serviço da maneira desejada. Tais elementos devem tornar-se foco no processo de vigilância da relação trabalho e saúde, como estratégicos na organização social dos ambientes de trabalho no sentido de ampliação da saúde institucional e da qualidade dos serviços prestados.


Abstract This study aimed to analyze the meaning of the relationship between work and health for administrative assistants in a public institution of higher education in the state of Minas Gerais, Brazil. It is considered a privilege for the worker in the public sector to have steady employment and protection from working conditions that lead to suffering and illness. To study this particular situation, focus groups were adopted for a qualitative exploration, and the information gathered was assessed by content analysis. As outcomes, we highlight the importance of interpersonal relationships, transparency and participation in project management, and the appreciation of workers' efforts to solve problems. A high level of engagement at work was a striking feature that differs markedly from society's widely held view of public servants. Workers felt that their ability to participate in project development was limited and that communication between administrative sectors was lacking to such an extent that they are unable to do their work properly. Such elements should become the focus of oversight in the relationship between work and health, considered strategic in the social organization of work environments in the sense of improving institutional health and the quality of services provided.


Asunto(s)
Humanos , Condiciones de Trabajo , Administración Pública , Brasil , Salud Laboral , Investigación Cualitativa , Estigma Social , Empleados de Gobierno
19.
J. bras. econ. saúde (Impr.) ; 9(2): http://www.jbes.com.br/images/v9n2/185.pdf, ago. 2017.
Artículo en Portugués | LILACS, ECOS | ID: biblio-868026

RESUMEN

Objetivo: O objetivo deste trabalho foi analisar os Registos de Saúde Eletrónicos, pertencente a utentes com internamento, numa unidade de cuidados de um hospital público, em Portugal. Métodos: Foram utilizados dados relativos ao ano de 2014 e 2015, referentes a 668 doentes, com 14.001 dias de internamento, 4.123 diagnósticos e 614.634 intervenções, pelo que podemos considerar a análise empírica robusta. Resultados: Em ambos os anos, é notório que os dados são bem aproximados por funções exponenciais, o que fica espelhado pelos coeficientes de determinação extremamente elevados, obtidos para cada um dos casos. Este facto têm como implicação que a maior parte do trabalho efetivo dos enfermeiros desta unidade de cuidados advém de um pequeno número de tipos de intervenção, sendo possível argumentar, de forma análoga ao verificado para os diagnósticos, o que tem impactos importantes ao nível da gestão. Conclusões: A análise dos dados revelaram potencial para a criação de indicadores e análise da qualidade. Os Registos de Saúde Eletrónicos permitem a medição de resultados e também a identificação de melhores práticas clínicas associadas a esses resultados, devendo ser visto como uma ferramenta de gestão e de investigação, que pode apoiar processos de trabalho e de inovação na prestação de cuidados.


Objective: The objective of this study was to analyze the Electronic Health Registries, belonging to hospitalized patients, in a care unit of a public hospital in Portugal. Methods: Data were used for the year 2014 and 2015, referring to 668 patients, with 14,001 days of hospitalization, 4,123 diagnoses and 614,634 interventions, so we can consider the robust empirical analysis. Results: In both years, it is well known that the data are well approximated by exponential functions, which is mirrored by the extremely high coefficients of determination obtained for each case. This has the implication that most of the effective work of nurses in this care unit comes from a small number of intervention types, and it is possible to argue, in a way analogous to what was verified for the diagnoses, which has important impacts at the management level. Conclusions: Data analysis revealed potential for the creation of indicators and quality analysis. The Electronic Health Registers allow the measurement of results and also the identification of best clinical practices associated with these results, and should be seen as a management and research tool that can support work processes and innovation in the delivery of care.


Asunto(s)
Humanos , Registros Electrónicos de Salud , Hospitales Públicos , Portugal , Administración Pública
20.
Rev. adm. pública (Online) ; 51(4): 633-652, jul.-agosto 2017. tab
Artículo en Español | LILACS | ID: biblio-897225

RESUMEN

Resumen A modo de contribución al debate académico sobre el uso de la externalización como fórmula de provisión de los servicios públicos locales, el artículo plantea focalizar la atención en los factores político-institucionales. A partir de la revisión de los principales argumentos presentes en la literatura se plantea su contraste empírico a través de un estudio transversal que comprende todos los municipios de más de 5 mil habitantes de Catalunya, una Comunidad Autónoma española. Se construye una tipología de municipios mediante un análisis de componentes principales y un análisis clúster y se contrasta la existencia de diferencias en el porcentaje de externalización entre tipos de municipios. Los resultados muestran la relevancia de los factores político-institucionales en la selección de la fórmula de prestación de servicios y permiten identificar tres estrategias que plantean la externalización como mecanismo de flexibilidad en la gestión pública.


Resumo Como contributo para o debate acadêmico sobre o uso da terceirização como um meio de fornecer serviços públicos locais, o artigo se propõe a chamar a atenção para os fatores políticos e institucionais. A partir da revisão dos principais argumentos presentes na literatura, seu contraste empírico surge por meio de um estudo transversal que compreende todos os municípios com mais de 5 mil habitantes da Comunidade Autônoma da Catalunha, na Espanha. Elabora-se uma tipologia de municípios mediante uma análise de componentes principais e uma análise de clusters em que se contrastam as diferenças de percentagens de externalização entre diferentes tipos de municípios. Os resultados mostram a importância dos fatores políticos e institucionais na escolha da fórmula de prestação de serviços e permitem identificar três estratégias que enfocam a externalização como um mecanismo de flexibilidade na gestão pública.


Abstract As a contribution to the academic debate on the use of outsourcing as a formula for the provision of local public services, the article proposes to focus attention on political-institutional factors. The paper departs from the review of the main arguments highlighted by the literature and it contrasts their expected results in cross-sectional study based on data from all the municipalities with over 5,000 inhabitants in Catalonia, a Spanish Autonomous Community. A typology of municipalities is constructed through principal component analysis and a cluster analysis and the existence of differences in the percentage of outsourcing among types of municipalities is tested. The results show the relevance of political-institutional factors in the selection of the service provision formula and allow us to identify three strategies that propose outsourcing as a mechanism of flexibility of public management.


Asunto(s)
Humanos , Masculino , Femenino , Organización y Administración , Administración Pública , Estrategias Locales , Sector Público , Servicios Externos
SELECCIÓN DE REFERENCIAS
DETALLE DE LA BÚSQUEDA