Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 6 de 6
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. Fac. Odontol. Lins (Impr.) ; 21(1): 25-38, jan.-jun. 2009. graf, tab
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-856496

RESUMO

O objetivo desta pesquisa foi verificar o grau de infiltração marginal em cavidades classe V, vestibular e lingual, em 40 dentes pré-molares humanos extraídos e divididos em quatro grupos, os quais, após ciclagem térmica a 5°C/55°C e corados como azul de metileno a 2 por cento, foram avaliados sob dois aspectos: 1 - tipos de resina composta: micropartícula (Silus Plus - 3M), microhíbrida (Z 250 - 3M) e nanohíbrida (Grandio - VOCO); e 2 - localização da parede cavitária (parede oclusal em esmalte e parede gengival em cemento). Os dados foram mensurados por meio de escores de o a 4 e processados estatisticamente pelo teste não paramétrico de Kruskal-Wallis, a fim de demonstrar a resina composta e a parede cavitária que menos permitiu a infiltração do corante. Os três tipos de resina composta - micropartícula, microhíbrida e nanohíbrida - não mostraram diferença estatística significante entre si; a resina nanohíbrida foi a que apresentou os menores escores de infiltração do corante. Também não houve diferença estatística significante entre a parede oclusal em esmalte e gengival em cemento; todavia, a parede oclusal em esmalte foi a que apresentou os menores escores de infiltração do corante


Assuntos
Resinas Compostas , Infiltração Dentária , Restauração Dentária Permanente , Nanopartículas
2.
Rev. Fac. Odontol. Lins (Impr.) ; 21(1): 49-59, jan.-jun. 2009. graf, tab
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-856498

RESUMO

O objetivo desta pesquisa foi verificar o grau de infiltração marginal em cavidades classe V, vestibular e lingual, em 30 dentes pré-molares humanos recém extraídos e divididos em três grupos,, os quais, após ciclagem térmica a 5°C/55°C e corados com o azul de metileno a 2 por cento, foram avaliados sob dois aspectos: 1) tipos de adesivos dentinários: adesivo autocondicionante (sem carga) e restaurados com resina composta micro-híbrida; adesivo de frasco único (com carga), no qual foi feito ataque ácido e restaurados com resina composta micro-híbrida; e 2) localização da parede cavitária (parede oclusal em esmalte e parede gengival em cemento). Os dados foram mensurados por meio de escores de 0 a 4 e processados estatisticamente pelo teste não paramétrico de Kruskal-Wallis, a fim de demonstrar o mais eficiente adesivo dentinário e a parede cavitária que menos permitiu a infiltração do corante


Assuntos
Resinas Compostas , Infiltração Dentária , Adesivos Dentinários
3.
Rev. Fac. Odontol. Lins (Impr.) ; 18(1): 7-18, jan.-dez. 2006.
Artigo em Português | BBO - Odontologia | ID: biblio-856456

RESUMO

O propósito desta pesquisa foi verificar o grau de infiltração marginal em cavidades classe V, vestibular e lingual, em 40 dentes pré-molares humanos recém-extraídos,divididos em quatro grupos, e que, após ciclagem térmica a 5ºC/55ºC, foram imersos no corante azul de metileno a 2 por cento por 24 horas, lavados e seccionados ao meio, no sentido vestíbulo-lingual, longitudinalmente, com um disco diamantado. A avaliação deles contemplou dois aspectos: 1. tipos de adesivos dentinários: adesivo autocondicionante (Clearfil SE Bond); adesivo de frasco único com ácido (Single Bond) e adesivo convencional (Scotchbond Multi-Purpose), sendo todas as cavidades restauradas posteriormente com resina micro-híbrida(Z 250); e 2. localização da parede cavitária (parede gengival em cemento e parede oclusal em esmalte). Os dados foram mensurados por meio de escores de 0 a 4 e processados estatísticamente pelo teste não paramétrico de Kruskal-Wallis. Os três tipos de sistemas adesivos-convencional, simplificado e autocondicionante - não mostraram diferença estatística significante entre si. Também não houve diferença estatística significante entre parede oclusal e cervical


Assuntos
Humanos , Dente Pré-Molar , Resinas Compostas , Infiltração Dentária , Adesivos Dentinários
4.
Bauru; s.n; 2002. 103 p. ilus, tab.
Tese em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-557729

RESUMO

Avaliou-se a resistência à corrosão pelos testes de perda em imersão alternada (solução-ar) e as consequentes alterações produzidas nas superficies dos três materiais restauradores (os amálgamas Dispersalloy e Tytin Plus, ambos de alto conteúdo de cobre, respectivamente do tipo fase dispersa e do tipo partícula única, assim como liga á base de gálio Galloy), não ou associados a dois sistemas adesivos (All-Bond 2 e PAAMA-2), observadas através da medição da rugosidade de superficie. Confeccionou-se dez corpos-de-prova, para cada condição específica, a partir de uma matriz metálica de aço inoxidável contendo cinco cavidades cilíndricas, com 10,7 mm de diâmetro por 3,0 mm de altura cada uma. Após o polimento, como é feito no caso de análises metalográficas, os espécimes foram pesados e levados ao rugosímetro para realizar as medições imediatamente. Estes foram submetidos à imersão alternada, na solução de sulfeto de sódio a 5%, por um período de 24 horas e novamente foi realizada a pesagem e obtidos os valores de perda de peso. Depois da pesagem, os corpos- de prova foram levados novamente ao rugosímetro para obtenção dos valores médios de rugosidade de superficie. Os resultados foram rgistrados e submetidos à análise de variânvcia, a dois criterios, e ao teste de contrastes de Tukey-Kramer. Dos resultados obtidos, concluiu-se que todos os espécimes perderam peso e tiveram sua rugosidade de superfície aumentada após a imersão em solução corrosiva, a liga Galloy mostrou valores maiores, tanto no método de perda como no de rugosidade de superfície, quando comparada aos dois amálgamas; a liga Tytin Plus alcançou os melhores resultados, houve diferença estatisticamente significante entre os materiais restauradores, mas não houve entre os sistemas adesivos utilizados, mostrando comportamentos diferentes dependendo da combinação desses fatores.


The resistance to the corrosion was evaluated through weight loss to an alternated immersion ( solution-air) and its consequent changes on the surface of three restoring materials (them amalgams Dispersalloy and Tytin Plus, both with high copper content, respectively dispersion phase and unique particle, as well as the alloy gallium base Galloy), associated or not to two adhesive systems (All-bond 2 and PAAMA-20, observed by measuring the surface roughness. Ten bodies-of-test were made, for each specific condition, in a metallic matrix of stainless steel with five cylindrical cavitie, measuring 10,7 mm in diameter and 3,0 mm thickness each one. After polishing, as in the metalographic analysis, the specimens were weighed and submitted to the rugosimeter to measuring initial. These were submitted to an alternated immersion in 5% sodium sulfide solution, for 24 hours and then the second weighting was performed and obtained the average values of weight loss. A second measure of the surface roughness was then peformed. The results were registered and submitted to the variance analysis, to two approaches, and to the test of contrasts of Tukey-Kramer. From the obtained results, it was concluded that all specimens lost weight and there was an increasing roughness surface after immersion in corrosive solution; Galloy showed higher values, both weight loss test and the roughness surface, compared to two amalgams; the alloy Tytin Plus obtained better resukts; there was significant statistical difference among the restoring materials, but not among adhesive systems, showing different behaviors according to arrangement of these factors.


Assuntos
Amálgama Dentário/química , Gálio/química , Restauração Dentária Permanente/métodos , Análise de Variância , Corrosão , Ligas Dentárias/química , Teste de Materiais , Oxidação , Sulfetos , Propriedades de Superfície , Sódio/química
5.
Rev. Fac. Odontol. Bauru ; 7(3/4): 7-13, jul.-dez. 1999. ilus, graf
Artigo em Português | LILACS, BBO - Odontologia | ID: lil-298400

RESUMO

Avaliou-se a resistência à compressäo e à traçäo diametral de três materiais restauradores (DFL Alloy, liga de gálio Galloy e Velvalloy), associados ou näo a três sistemas adesivos (All-Bond 2, Paama-2 e Resinomer), nas idades de 1 e 48 horas, através de corpos-de-prova (cinco para cada condiçäo específica). Todas as fases deste trabalho foram executadas seguindo-se a Especificaçäo no. 1 da A.D.A. e pôde-se concluir que: 1) o aumento da idade fez elevar os níveis de resistência; 2) houve diferença estatisticamente significante entre os materiais, assim como para as condiçöes sem e com adesivo, quanto à resistência à compressäo e quanto à traçäo diametral; 3) nas duas situaçöes de ensaios realizadas, a liga Galloy comportou-se melhor, comparavelmente à liga Velvalloy, enquanto que a DFL Alloy apresentou os piores resultados


Assuntos
Força Compressiva , Materiais Dentários/classificação , Materiais Dentários/química , Resistência à Tração , Adesivos Dentinários/classificação , Adesivos Dentinários/química , Amálgama Dentário/química , Gálio/química , Ligas Dentárias/classificação , Ligas Dentárias/química
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA