Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Filtros adicionais











País/Região como assunto
Intervalo de ano
1.
Arq. bras. med. vet. zootec. (Online) ; 71(1): 167-176, jan.-fev. 2019. tab
Artigo em Português | LILACS, VETINDEX | ID: biblio-989362

RESUMO

Com o objetivo de avaliar a situação epidemiológica da cisticercose suína e bovina na zona rural de cinco municípios, distribuídos em três distintas regiões do estado de Minas Gerais, foi determinada a prevalência das cisticercoses bovina e suína nas propriedades rurais e os principais fatores de risco que poderiam favorecer a transmissão e manutenção da doença nas referidas propriedades. A pesquisa abrangeu 388 propriedades, localizadas em 91 diferentes comunidades rurais, sendo coletadas 1.792 amostras de sangue bovino e 554 de suíno. Além da avaliação das referidas amostras laboratoriais (ELISA indireto e imunoblot), também foram analisados os dados obtidos da aplicação de um questionário para cada propriedade, no qual constava as informações sobre as condições socioeconômicas, higiênico-sanitárias e as relacionadas ao sistema de criação animal. A prevalência da cisticercose variou de 0,3 a 5,9% nos bovinos e de 0 a 2,8% nos suínos criados artesanalmente nesses municípios pesquisados. Os principais fatores de risco de transmissão identificados foram a fonte de água consumida, a origem da carne, a natureza do município e da região, para a cisticercose bovina, e o destino do esgoto e o sistema de criação, para a cisticercose suína.(AU)


In order to evaluate the epidemiological situation of porcine and bovine cysticercosis in the rural area of five municipalities, distributed in three different regions of the state of Minas Gerais, Brazil, the prevalence of bovine and porcine cysticercosis was determined in the rural properties as well as the main risk factors that may favor the transmission and maintenance of the disease in these properties. The research covered 388 farms, located in 91 different rural communities, with 1,792 samples of bovine blood and 554 of swine collected. In addition to the evaluation of these laboratory samples (indirect ELISA and Imunoblot), the data obtained from the application of a questionnaire for each property were also analyzed, with information on socioeconomic, hygienic-sanitary and animal-related conditions. The prevalence of cysticercosis ranged from 0.3 to 5.9% in cattle and from 0 to 2.8% in the pigs raised in these municipalities. Among the main risk factors for transmission of bovine cysticercosis were the source of water consumed, the origin of the meat, the nature of the municipality and the region. Regarding the pigs, risk factors were the sewage disposal and animal management system.(AU)


Assuntos
Animais , Suínos/anormalidades , Bovinos/anormalidades , Cisticercose/epidemiologia
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA