Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 8 de 8
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Nursing (Säo Paulo) ; 22(250): 2740-2743, mar.2019.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-996336

RESUMO

Objetivou-se identificar a percepção dos profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de SobralCE, sobre a atuação de acadêmicos pertencentes a um projeto de extensão universitária atuante no serviço. Trata-se de um estudo descritivo com abordagem qualitativa. Teve como participantes os profissionais de saúde do serviço. A coleta de dados foi por meio de entrevista semiestruturada. Foram respeitados os princípios da Resolução nº 466/12 do CNS. A pesquisa foi aprovada pelo CEP da Universidade Estadual Vale do Acaraú, sob parecer número 1.544.204. CAAE: 55549816.3.000.5053. Os resultados apontaram que há troca de saberes dos acadêmicos para os funcionários e vice-versa, foi ação transformadora no serviço, assim como também a atuação prática do extensionista, fortalecendo a qualidade do serviço prestado à comunidade. Assim, compreende-se a importância da extensão como uma parte integrante da formação dentro da Universidade e a relevância da mesma dentro do serviço de assistência pré-hospitalar.(AU)


The objective of this study was to identify the perception of the professionals of the Mobile Emergency Service (SAMU) of Sobral-CE, about the performance of academics belonging to a university extension project that operates in the service. This is a descriptive study with a qualitative approach. It had as participants the health professionals of the service. The data collection was through a semi-structured interview. The principles of CNS Resolution 466/12 were respected. The survey was approved by the CEP of the Vale do Acaraú State University, under opinion number 1,544,204. CAAE: 55549816.3.000.5053. The results showed that there is a change in the knowledge of the academic staff and vice versa, it was a transformative action in the service, as well as the practical experience of the extension worker, strengthening the quality of the service provided to the community. Thus, it is understood the importance of extension as an integral part of the training within the University and the relevance of it within the prehospital care service.(AU)


Se objetivó identificar la percepción de los profesionales del Servicio de Atención Móvil de Urgencia (SAMU) de SobralCE, sobre la actuación de académicos pertenecientes a un proyecto de extensión universitaria actuante en el servicio. Se trata de un estudio descriptivo con enfoque cualitativo. Tuvo como participantes a los profesionales de salud del servicio. La recolección de datos fue a través de una entrevista semiestructurada. Se respetaron los principios de la Resolución 466/12 del CNS. La investigación fue aprobada por el CEP de la Universidad Estatal Vale do Acaraú, bajo el parecer número 1.544.204. CAAE: 55549816.3.000.5053. Los resultados apuntaron que hay intercambio de saberes de los académicos para los funcionarios y viceversa, fue acción transformadora en el servicio, así como también la actuación práctica del extensionista, fortaleciendo la calidad del servicio prestado a la comunidad. Así, se comprende la importancia de la extensión como una parte integrante de la formación dentro de la Universidad y la relevancia de la misma dentro del servicio de asistencia prehospitalaria.(AU)


Assuntos
Humanos , Universidades , Educação Superior , Serviços Médicos de Emergência , Assistência Pré-Hospitalar
2.
Enferm. foco (Brasília) ; 10(1): 40-45, jan. 2019. tab
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1028052

RESUMO

Objetivo: conhecer a predisposição para a Síndrome de Burnout na equipe de Enfermagem do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Metodologia: pesquisa exploratória, descritiva realizada com 08 enfermeiros e 11 técnicos de enfermagem do SAMU de Sobral-Ceará. Utilizou-se o Questionário para Identificação Preliminar do Burnout de Chafic Jbeli, o Maslach Burnout Inventary (MBI) e um questionário sócio demográfico e profissional. Projeto aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa com Seres Humanos. Resultados: a maioria dos profissionais apresenta nível baixo para exaustão emocional; nível moderado para despersonalização; e nível alto de reduzida realização profissional, evidenciando predisposição à Síndrome de Burnout. Conclusão: a equipe de enfermagem do SAMU tem predisposição a Síndrome de Burnout, sendo primordial o enfrentamento dos fatores estressores da Enfermagem e adoção de medidas preventivas para reduzir o estresse laboral.


Objective: to know the predisposition for Burnout Syndrome in the nursing team of the Mobile Emergency Care Service (SAMU). Methodology: exploratory, descriptive study performed with 08 nurses and 11 nursing technicians from SAMU of Sobral- Ceará. The Chafic Jbeli Burnout Preliminary Identification Questionnaire, the Maslach Burnout Inventary (MBI) and a sociodemographic and professional questionnaire were used. Project approved by the Committee of Ethics in Research with Human Beings. Results: most professionals present low level of emotional exhaustion; moderate level for depersonalization; and high level of reduced professional achievement, evidencing a predisposition to Burnout Syndrome. Conclusion: the SAMU nursing team is predisposed to Burnout Syndrome, and it is essential to address the stressors of Nursing and to adopt preventive measures to reduce work stress.


Objetivo: conocer la predisposición para el Síndrome de Burnout en el equipo de Enfermería del Servicio de Atención Móvil de Urgencia (SAMU). Metodología: investigación exploratoria, descriptiva realizada con 08 enfermeros y 11 técnicos de enfermería del SAMU de Sobral-Ceará. Se utilizó el Cuestionario para Identificación Preliminar del Burnout de Chafic Jbeli, el Maslach Burnout Inventario (MBI) y un cuestionario socio demográfico y profesional. Proyecto aprobado por el Comité de Ética en Investigación con Seres Humanos. Resultados: la mayoría de los profesionales presentan un nivel bajo para el agotamiento emocional; nivel moderado para despersonalización; y nivel alto de reducida realización profesional, evidenciando predisposición al Síndrome de Burnout. Conclusión: el equipo de enfermería del SAMU tiene predisposición al Síndrome de Burnout, siendo primordial el enfrentamiento de los factores estresores de la Enfermería y adopción de medidas preventivas para reducir el estrés laboral.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Assistência Pré-Hospitalar , Enfermagem , Esgotamento Profissional , Profissionais de Enfermagem
3.
Rev. enferm. atenção saúde ; 7(2,supl): 44-53, Ago/Set. 2018. tab
Artigo em Inglês, Português | BDENF - Enfermagem, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-947395

RESUMO

Objetivo: caracterizar as internações de adolescentes em Unidades de Terapia Intensiva. Métodos: pesquisa documental, retrospectiva de abordagem quantitativa. Os dados foram coletados de prontuários de adolescentes entre 10 e 19 anos, internados nas Unidades de Terapia Intensiva, adulto e pediátrica, de dois Hospitais de Referência, no Ceará, entre julho de 2013 e junho de 2014. Os dados foram tabulados e processados no programa Epi Info. Resultados: 62,7% das internações ocorreram no Hospital 1, sendo a maioria do sexo masculino (63,9%) com idades entre 10 e 14 anos (57,8%). As causas externas foram responsáveis por 46,9% do total de internações. Contatou-se, ainda, que 26,5% dos pacientes internados evoluíram para óbito. Conclusão: adolescentes estão ocupando leitos de terapia intensiva em idades cada vez menores, de forma que parte significativa evoluiu com morte. As principais causas de internamento foram acidentes de trânsito, suicídio e agressões, expondo um grave problema de saúde pública (AU).


Objective: to characterize the hospitalizations of adolescents in Intensive Care Units. Methods:Documentary research, quantitative approach retrospective. The data were collected from 83 medicals records of adolescents between 10 and 19 years of age, hospitalized in the Intensive Care Units, adult and pediatric, of two Reference Hospitals in Ceará between July2013 and June 2014. Data were tabulated and processed in the Epi Info programand analyzed in a descriptive way. Results:62.7% of hospitalizations occurred in Hospital 1,compared to 37.3 in Hospital 2,the majority of male patients (63.9%) aged between 10 and 14 years (57.8%). Among the main diagnoses and hospitalization causes, external causes accounted for 46.9% of total admissions. Contacted it is also that 26.5% of hospitalized patients died. Conclusion:Adolescents are occupying intensive care beds at ever smaller ages, so that significant part has evolved with death. The main causes of hospitalization were traffic accidents, suicide and assaults, exposing a serious public health problem (AU).


Objetivo: caracterizar las internaciones de adolescentes en Unidades de Terapia Intensiva. Métodos: investigación documental, retrospectiva de abordaje cuantitativo. Los datos fueron recolectados de 83 prontuarios de adolescentes entre 10 y 19 años, internados en las Unidades de Terapia Intensiva, adulto y pediátrica, de dos Hospitales de Referencia, en Ceará, entre julio de 2013 y junio de 2014. Los datos fueron tabulados y procesados en el. Epi Infoy analizados de forma descriptiva.Resultados:El 62,7% de las internaciones ocurrieron en el Hospital 1, contra 37,3 del Hospital 2,siendo la mayoría del sexo masculino (63,9%) con edades entre 10 y 14 años (57,8%). Las causas externas fueron responsables del 46,9% del total de internaciones. Se contó, además, que el 26,5% de los pacientes internados evolucionaron a muerte. Conclusión: adolescentes están ocupando lechos de terapia intensiva en edades cada vez menores, de forma que una parte importanteevolucionó con muerte. Las principales causas deinternamiento fueron accidentes de tránsito, suicidio y agresiones, exponiendo un grave problema de salud pública (AU).


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adolescente , Adolescente Hospitalizado , Unidades de Terapia Intensiva
4.
Nursing (Säo Paulo) ; 20(234): 1928-1931, nov. 2017.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1029277

RESUMO

Este trabalho tem como objetivo conhecer a vivência de acompanhantes e enfermeiros no processo de cuidar depacientes críticos. Trata-se de um estudo exploratório, descritivo, com abordagem qualitativa, que se desenvolveu em um hospitaldo interior do Ceará, na Unidade de Cuidados Semi-Intensivos, com coleta de dados nos meses de outubro e novembro de 2016,com 25 acompanhantes de pacientes e 4 enfermeiros. Os resultados estão divididos em 3 subtópicos, os quais abordam: aimportância do acompanhante e as atividades desenvolvidas, os desafios e as potencialidades vivenciadas e o olhar mútuo entreacompanhante e enfermeiro. É relevante se estimular e apresentar condições para que um familiar/acompanhante permaneçajunto ao paciente durante sua hospitalização, já que se concluiu a importância da atuação do acompanhante como forma depropiciar ao paciente bem-estar, facilitando sua terapêutica.


This study aims to know the experience of companions and nurses in the process of caring for critical patients.This is an exploratory descriptive study, with a qualitative approach, that was developed in a hospital in the interior of Ceará,in the Unit of Semi-Intensive Care, with data collection in October and November of 2016, with 25 patient followers And 4nurses. The results are divided into 3 subtopics, which address: the importance of the companion and the activities developed,the challenges and potentialities experienced and the mutual gaze between companion and nurse. It is important to stimulateand present conditions sothat a family member / companion remains with the patient during his / her hospitalization, since the importance of thecompanion's performance as a way of providing the patient's well-being was concluded, facilitating his / her therapeutics.


Este trabajo tiene como objetivo conocer la experiencia de los cuidadores e de los enferméros en la atención depacientes en estado crítico. Se trata de un estudio exploratorio descriptivo con un enfoque cualitativo, que fue desarrollado enun hospital en el interior de Ceará, en la unidad de cuidados semi-intensivo, con la recogida de datos en los meses de octubrey noviembre de 2016, con 25 pacientes que acompañan y 4 enfermeras. Los resultados se dividieron en tres sub-temas, queabordan: la importancia de la compañía y las actividades, los desafíos y el potencial y la mirada mutua entre experimentadocompañero y enfermera. Es importante estimular y condiciones actuales para una familia / compañero para permanecer conel paciente durante la hospitalización, ya que se concluyó la importancia de las operaciones de pasajeros como una forma deproporcionar el bienestar del paciente, facilitando la terapia.


Assuntos
Humanos , Atenção Terciária à Saúde , Enfermagem de Cuidados Críticos , Papel do Profissional de Enfermagem , Serviços de Saúde
5.
Tempus (Brasília) ; 11(2): 239-251, abr.-jun. 2017.
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: biblio-881810

RESUMO

O estudo tem como objetivo descrever a percepção dos familiares sobre a situação de ter um familiar hospitalizado em uma Unidade de Terapia Intensiva. Trata-se de um estudo exploratório-descritivo de abordagem qualitativa, desenvolvido na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital referência da zona norte do Ceará. Os sujeitos do estudo foram quatorze familiares de pacientes internados na UTI. Os dados foram coletados durante os meses de novembro e dezembro de 2015. A análise das informações permitiu traçar o perfil dos pacientes internados e seus familiares e revelar os efeitos da internação em UTI no cotidiano das famílias. Os familiares expressaram diversos sentimentos, como, tristeza, angústia, desespero, medo e dor, e os relacionavamàs incertezas do processode hospitalização e a possibilidade de perda do seu entequerido, além de considerarem a situação de ter um membro em desvio de saúde emuma UTI como uma experiência dolorosa e de grande sofrimento. Assim, conhecer a percepção dos familiares que enfrentam situação de hospitalização de um dos seus membros em UTI permitiu a identificação dos efeitos da internação sobre a família, constituindo um importante passo para a reflexão da necessidade de uma elaboração de um plano de assistência à família, considerando as necessidades e expectativas do binômio paciente-família.


The study aims todescribethe perception of familyabout the situation of havinga family memberhospitalizedin an IntensiveCare Unit. This is an exploratory-descriptive study of a qualitative approach, developed in the Intensive Care Unit (ICU) of a reference hospital in the northern area of Ceará. The study subjects were fourteen family members of ICU patients. Data were collected during the months of November and December 2015. The analysis of the information allows us to trace the profile of hospitalized patients and their families and reveal the effects of ICU stay in the family's daily lives. The family members expressed various feelings as sadness, anxiety, despair, fear, pain, and the related uncertainties of the hospitalization process and the possible loss of their loved one. In addition to consideringthe situation of havinga memberinhealth deviationinICUas a painfulexperience and greatsuffering.So, know the perception offamiliesfacing hospitalization ofone of its membersinICUsituationallowed the identificationof the effects ofhospitalizationon the familyas an importantstepto reflectthe need foran elaborationof afamily careplanconsideringthe needs and expectationsof the patient-family binomial.


El estudio tiene como objetivo describir la percepción de las familias acerca de la situación de tener un miembro de la familia hospitalizado en una Unidad de Cuidados Intensivos. Se trata de un estudio exploratorio-descriptivo de abordaje cualitativo, desarrollado en la Unidad de Cuidados Intensivos (UCI) de un hospital referencia de la zona Norte de Ceará. Los sujetos del estudio fueron catorce miembros de la familia de los pacientes de la UCI. Los datos fueron recolectados durante los meses de noviembre y diciembre de 2015. El análisis de la información permite trazar el perfil de los pacientes hospitalizados y sus familias y revelar los efectos de la estancia en la UCI en la vida cotidiana de la familia. Miembros de la familia expresan diversos sentimientos como la tristeza, la ansiedad, la desesperación, el miedo y el dolor, y las incertidumbres relacionadas con el proceso de hospitalización y la posibilidad de la pérdida de su ser querido. Además de considerar que la situación de tener un miembro en la desviación de la salud en la UCI como una experiencia dolorosa y gran sufrimiento. Por lo tanto, conocer la percepción de las familias que enfrentan la hospitalización de uno de sus miembros en situación UCI permitieron la identificación de los efectos de la hospitalización en la familia como un paso importante para reflejar la necesidad de una elaboración de un plan de cuidado de la familia teniendo en cuenta las necesidades y expectativas del binomio paciente-familia.


Assuntos
Humanos , Assistência à Saúde Mental , Família , Políticas, Planejamento e Administração em Saúde , Hospitalização , Unidades de Terapia Intensiva , Acompanhantes Formais em Exames Físicos , Impacto Psicossocial
6.
Rev. enferm. UFPE on line ; 11(5): 1826-1834, mai.2017. ilus, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1032121

RESUMO

Objetivo: conhecer o perfil epidemiológico dos pacientes internados com Traumatismo Cranioencefálico. Método: estudo descritivo, transversal, retrospectivo, com abordagem quantitativa, realizado com os prontuários de pacientes vítimas de Traumatismo Cranioencefálico que estiveram internados na UTI da Santa Casa de Misericórdia. Os dados foram tabulados no Excel e processados no programa Epi Info, versão 3.5.1.;em seguida, discutidos com a literatura. Resultados: mostraram que a maioria são vítimas do sexo masculino(94%), vítimas de acidente de trânsito (74,7%), em que 41,8% evoluíram com óbito, ocasionando, assim, um custo muito elevado ao Estado. O tempo médio de permanência na UTI foi de 4 a 7 dias em (39,3%). Em relação à ocorrência de complicações, 30,1% dos pacientes foram vítimas de complicações, sendo que destas amais frequente foi pneumonia, com 56%. O desfecho dos pacientes foi em 61,4% alta hospitalar. Conclusão: pode-se definir o perfil dos pacientes, vítimas de traumatismo cranioencefálico, e baseado nessa realidade investir em campanhas educativas voltadas para o trânsito.


Assuntos
Humanos , Acidentes de Trânsito , Epidemiologia Descritiva , Traumatismos Craniocerebrais , Unidades de Terapia Intensiva , Custos Hospitalares , Estudos Retrospectivos , Estudos Transversais
7.
Rev. enferm. UFPE on line ; 10(supl.6): 4902-4908, dez.2016. ilus
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1031743

RESUMO

Objetivo: identificar as evidências científicas que abordam as ações de enfermagem para a sensibilização defamílias na doação de órgãos e tecidos para transplante. Método: revisão integrativa, com intuito deresponder à questão norteadora > Foi realizadaa busca das informações de forma atemporal, nas bases LILACS, MEDLINE, BDENF e biblioteca SciELO,utilizando os descritores família, transplante e enfermagem. Para a análise dos artigos foi utilizada acategorização temática das 11 produções científicas. Resultados: emergiram duas categorias: >; >. Conclusão: foi observado que o enfermeiroatua, de maneira efetiva, no processo de doação de órgãos e tecidos, seja na manutenção dos órgãos em boascondições ou na abordagem à família, promovendo um esclarecimento efetivo sobre este processo.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Enfermagem , Equipe de Enfermagem , Família , Obtenção de Tecidos e Órgãos , Transplantes , MEDLINE , Educação em Saúde
8.
Rev. bras. promoç. saúde (Impr.) ; 29(1): 43-50, jan.-mar.2016.
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: biblio-827352

RESUMO

OBJETIVO: Identificar a percepção dos profissionais de saúde de uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) sobre os fatores restritivos do trabalho em equipe multiprofissional. MÉTODOS: Estudo exploratório, descritivo, com abordagem qualitativa, que ocorreu em um hospital terciário de alta complexidade, localizado em Sobral/CE. Participaram nove entrevistados representantes da equipe multiprofissional da UTI. Os dados foram coletados por entrevista semiestruturada e analisados segundo a Análise de Conteúdo. Assim, as interlocuções com os profissionais foram apreendidas em quatro categorias: desrespeito entre os profissionais da equipe, excesso de demanda, falta de comunicação entre seus integrantes e falta de capacitação profissional. RESULTADOS: O fator mais restritivo do trabalho em equipe multiprofissional na UTI foi a falta de respeito entre os integrantes da equipe, resultado das relações de hierarquia de poder, da falta de conhecimento do fazer de cada profissional, bem como da falta de comunicação dentro da equipe, evidenciando a necessidade de estratégias que potencializem a comunicação e o respeito entre os integrantes. Além disso, o excesso de demanda, somando-se a um ambiente estressante como a UTI e à falta de capacitação da equipe foram destacados nas falas como fatores considerados restritivos ao processo. CONCLUSÃO: Foi possível levantar os fatores restritivos do trabalho em equipe multiprofissional no cenário da UTI, o que pode colaborar para a construção e o fortalecimento das ações para superar esses desafios. Ratifica-se a importância da compreensão de que as ações a serem desenvolvidas são da equipe multidisciplinar como um todo, e não de um indivíduo apenas


OBJECTIVE: To identify the perception of health professionals of an Intensive Care Unit (ICU) regarding the restrictive factors of the work in a multiprofessional team. METHODS: Qualitative descriptive exploratory study conducted in a tertiary referral hospital located in Sobral, Ceará. Participants were nine representatives of the ICU multiprofessional team. Data were collected using semi-structured interviews and underwent Content Analysis. Thus, dialogues with professionals were divided into four categories: disrespect between team professionals, excessive demand, lack of communication between members and lack of professional training. RESULTS: The most restrictive factor of the work of the multiprofessional team in the ICU was the lack of respect between team members, which results from the hierarchy of power relationships, the lack of knowledge of each professional's work as well as the lack of communication within the team, highlighting the need for strategies to enhance communication and respect between members. In addition, the excessive demand coupled with a stressful environment such as the ICU and the lack of professional training were highlighted in the speeches as factors considered restrictive to the process. CONCLUSION: It was possible to identify the restrictive factors of the work in a multiprofessional team and strengthening of actions to overcome these challenges. It is important to understand that the actions to be developed are responsibilities of the whole multiprofessional team - not just one's responsibility


OBJETIVO: Identificar la percepción de los profesionales sanitários de una Unidad de Cuidados Intensivos (UCI) sobre los factores restrictivos del trabajo de equipo multiprofesional. MÉTODOS: Estudio exploratorio, descriptivo y de abordaje cualitativo en um hospital terciario de elevada complejidad localizado en Sobral/ CE. Participaron nueve entrevistados representantes del equipo multifprofesional de la UCI. Los datos fueron recogidos a través de entrevista semiestructurada y analizados según el Análisis de Contenido. Así, las interlocuciones entre los profesionales fueron identificadas en cuatro categorías: falta de respeto entre los profesionales del equipo, exceso de demanda, falta de comunicación entre los integrantes y falta de capacitación profesional. RESULTADOS: El factor más restrictivo del trabajo en equipo multiprofesional de la UCI ha sido la falta de respeto entre los integrantes del equipo que resulta de las relaciones de jerarquía de poder, de la falta de conocimiento, del hacer de cada profesional así como de la falta de comunicación dentro del equipo lo que evidencia la necesidad de estrategias que potencialicen la comunicación y el respecto de los integrantes. Además, el exceso de demanda asociado al ambiente de estrés de la UCI y la falta de capacitación del equipo se destacaron en los relatos como factores restrictivos del proceso. CONCLUSIÓN: Fue posible identificar los factores restrictivos del trabajo de equipo multiprofesional en el escenario de la UCI lo que puede colaborar para la construcción y el fortalecimiento de las acciones para la superación de los desafíos. Ratificase la importancia de la comprensión de que las acciones desarrolladas son de todo el equipo multidisciplinario y no solamente de un individuo


Assuntos
Humanos , Equipe de Assistência ao Paciente , Comunicação Interdisciplinar , Unidades de Terapia Intensiva
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...