Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 6 de 6
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Interface (Botucatu, Online) ; 23: e190052, 2019. graf
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1101208

RESUMO

Objetivamos problematizar a implementação do Programa Mais Médicos a partir da experiência de uma cidade brasileira. Tendo o encontro como método, apresentamos afecções/reflexões que emergiram de conversas com médicos e outros atores envolvidos com o programa. Os dispositivos para operação do programa revelaram-se insuficientes, considerando-se essa política polêmica/conflituosa. Cada município implementa e tira proveito do programa à sua maneira, criando ou não conjunturas que lhe dão sustentabilidade e potencializam seus efeitos. Em situações desfavoráveis, evidencia-se a fragilidade dos dispositivos para sua sustentabilidade. Constatamos e problematizamos a invisibilidade da política e as fragilidades dos dispositivos na implementação. O programa é uma importante iniciativa federal para melhorar a atenção à saúde, principalmente para a população mais vulnerável; porém, a política está ameaçada e, com a saída dos médicos cubanos, ainda mais fragilizada. Para tanto, debater as suas potencialidades e fragilidades é fundamental.(AU)


El objetivo es problematizar la implementación del Programa Más Médicos a partir de la experiencia de una ciudad brasileña. Teniendo el encuentro como método, presentamos afecciones/reflexiones que surgieron de conversaciones con médicos y otros actores envueltos en el programa. Los dispositivos de la operación del programa se revelaron insuficientes, considerándose esta política polémica/conflictiva. Cada municipio implementa y aprovecha el programa a su manera, creando o no coyunturas que le dan sostenibilidad y potencian sus efectos. En situaciones desfavorables queda clara la fragilidad de los dispositivos para su sostenibilidad. Constatamos y problematizamos la invisibilidad de la política y las fragilidades de los dispositivos en la implementación. El programa es una importante iniciativa federal para mejorar la atención de la salud, principalmente para la población más vulnerable, pero la política está amenazada y, con la salida de los médicos cubanos, todavía más fragilizada. Por eso, resulta fundamental debatir sus potencialidades y fragilidades.(AU)


We aim to problematize the implementation of the More Doctors Program based on the experience of a Brazilian city. Using encounter as method, we present affections/reflections emerging from conversations with doctors and other actors involved with the program. The devices for the program operation proved insufficient considering this controversial/conflicting policy. Each municipality implements and takes advantage of the program in its own way, creating or not conjunctures, giving sustainability and potentiating its effects. Adverse situations revealed the fragility of the devices regarding sustainability. The invisibility of the policy and the weaknesses of the devices in the implementation is noted and problematized. The program is an important federal initiative to improve healthcare, especially for the most vulnerable, but it is threatened and weakened after the Cuban doctors' departure. For that reason is key to debate its potentialities and weaknesses.(AU)

2.
Interface (Botucatu, Online) ; 23: e170395, 2019.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1002336

RESUMO

Em uma pesquisa sobre a produção do cuidado nas redes de saúde, avaliou-se o papel dos colegiados de gestão em uma experiência de mudança no governo da saúde. Com metodologia qualitativa de abordagem cartográfica, observou-se que a ativação dos colegiados pela gestão visava uma dupla tarefa: por um lado, a democracia institucional, e por outro, a criação de governabilidade para a mudança proposta. No entanto, predominavam nesses colegiados pautas restritas aos agires técnicos ou profissionais, além de uma certa tensão junto com vários atores da rede. Por outro lado, também houve encontros nos quais se vivenciou novos pactos intra e entre-equipes, mediante relações simétricas e de coautoria: um analisador aqui denominado magia a-significante. Conclui-se como possível que os colegiados gestores configurem-se como cenários para uma mudança, e para tanto propõe-se o seu engravidamento com ferramentas de educação permanente em Saúde.


En una investigación sobre la producción del cuidado en las redes de salud se evaluó el papel de los colegiados de gestión en una experiencia de cambio en el gobierno de la salud. Con metodología de abordaje cartográfico, se observó que la activación de los colegiados por la gestión tenía como objetivo una tarea doble: por un lado, la democracia institucional y, por el otro, crear gobernabilidad para el cambio propuesto. Sin embargo, predominaban en ellos las mismas pautas restringidas a las actuaciones técnicas o profesionales, además de una cierta tensión en relación a varios de los actores de la red. Por otro lado, también hubo encuentros en los cuales se experimentaron nuevos pactos intra y entre equipos, mediante relaciones simétricas y de coautor: Un analizador aquí denominado magia a-significante. Se concluye como posible que los colegiados gestores se configuren como escenarios para un cambio y para ello se propone que ellos contengan herramientas de Educación permanente en salud.


In a qualitative research about healthcare production in the health networks, the role of management committees in an experience of change in the government of health was evaluated. Using a cartographic approach, we found that the activation of the committees by the government aimed at a double task: to promote institutional democracy and to create governability for the proposed change. Nevertheless, the committees' agendas were predominantly restricted to technical or professional matters, and there was some tension involving several of the network actors. On the other hand, there were encounters in which intra- and inter-team pacts were experienced, through symmetrical and co-authorial relationships: an analyzer that we called "a-significant enchantment". We conclude that the management committees can configure themselves as scenarios for a change, and to that end, we propose to make them pregnant with Permanent Health Education tools.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Sistema Único de Saúde , Reforma dos Serviços de Saúde/organização & administração , Assistência Integral à Saúde/organização & administração , Gestão em Saúde , Educação Continuada/organização & administração
3.
Saúde debate ; 43(spe6): 70-83, 2019.
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1127388

RESUMO

RESUMO A proposta deste ensaio é discutir a micropolítica da gestão e do cuidado em saúde na Rede Básica (RB). Inicia-se pelo que se entende por RB e depois por micropolítica - da gestão e do cuidado. Analisam-se as forças que estão operando no cotidiano da RB que se instauram nos atos relacionais, nos encontros, entre gestores e trabalhadores, entre trabalhadores, entre todos esses e os usuários, constituindo campos de força, que conformam modos de estar no encontro, agenciando processos de subjetivação. Destacam-se cinco forças-valores centrais para que sejam pensados o dentro e o fora do comum dos acontecimentos que ocorrem no dia a dia das práticas de cuidado em saúde: a força-valor trabalho, a força-valor território, a força-valor governo de si e do outro, força-valor clínica-cuidado e a força-valor trabalho em equipe. A aposta em um modo de cuidar na RB centrado na produção de potências para o enfrentamento dos desafios do viver com sofrimento, com o adoecimento e seus desdobramentos em situações diversas e adversas deve contribuir para produção de existências possíveis e favoráveis aos melhores modos de andar a vida, com todos os seus desafios.


ABSTRACT The purpose of this paper is to discuss the micropolitics of health management and care in the Basic Healthcare Network (RB). It starts by what is understood by RB and then by micropolitics - of management and of care. We analyze the forces that are operating in the daily routine of the RB that are established in the relational acts, in the meetings, between managers and workers, among workers, among all these and the users, constituting fields of force, which shape ways of being in the meeting, managing processes of subjectivation. Five central value forces stand out so that the inside and the outside of everyday events of health care practices can be thought of: labor force-value, territory force-value, government of self and government of the other force-value, clinical-care force-value and teamwork force-value. The bet on a way of caring in RB, centered on the production of potencies to face the challenges of living with suffering, with illness and its unfoldings in diverse and adverse situations should contribute to the production of possible and favorable existences to the best ways of walking life with all its challenges.

5.
Olho mágico ; 10(2): 40-46, 16092010.
Artigo em Português | Coleciona SUS | ID: biblio-945351

RESUMO

Apresenta estudos sobre o desenvolvimento gerencial de serviços de saúde e questiona se o mesmo pode ser uma intervenção estruturante da atenção básica.


Assuntos
Atenção Primária à Saúde , Saúde Pública
6.
In. Brasil. Ministério da Saúde. Observatório de recursos humanos ou saúde no Brasil: estudos e análises. Rio de Janeiro, FIOCRUZ, 2003. p.105-136, tab, graf.
Monografia em Português | LILACS | ID: lil-350340
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...