Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 19 de 19
Filtrar
Mais filtros










Base de dados
Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. Pesqui. Fisioter ; 8(4): 528-534, nov., 2018. ilus
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: biblio-968815

RESUMO

INTRODUÇÃO: Tarefas motoras treinadas em ambiente aquático parecem potencializar o sistema proprioceptivo. Porém, é necessário investigar o efeito do meio aquático no desempenho neuromuscular de atletas. OBJETIVO: Avaliar o efeito de uma intervenção por exercícios neuromusculares funcionais aquáticos, com ênfase no sistema sensorial proprioceptivo, nas variáveis altura do salto e potência muscular, tendo a acuidade proprioceptiva como covariável. METODOLOGIA: Amostra composta por 14 homens universitários praticantes de futsal e dividida em grupo controle (GC/n=7) e grupo intervenção (GI/n=7). As variáveis potência mecânica muscular e altura do salto foram avaliadas por meio do teste de salto vertical de 60 segundos. A acuidade proprioceptiva foi avaliada pelo senso de posição articular e pela cinestesia quantificados pelo teste de percepção de movimentos passivos lentos (Tpassivo) e pelo teste de senso de posição articular (Tativo). As variáveis de desfecho foram mensuradas em dois momentos: antes e após a intervenção. A intervenção aquática foi aplicada durante seis semanas com três sessões em cada semana. RESULTADOS: Não houve efeito de grupo e nem do momento da avaliação na altura do salto, sendo que o GC alcançou altura de salto de 19,9±0,8 cm em comparação com o GI chegando a altura de 20,3±1,4 cm. Na potência mecânica muscular não houve efeito do momento, mas houve efeito do grupo, em que o GC apresentou potência de 366,2±17,6 W, enquanto GI apresentou 332,0±21,2 W, sendo menor que o GC. Nem o Tativo e nem o Tpassivo influenciaram a altura de salto e a potência mecânica muscular. CONCLUSÃO: A intervenção de exercícios neuromusculares aquáticos funcionais, com ênfase na propriocepção não afetou nem a potência muscular nem a altura do salto, este resultado não foi influenciado pela acuidade proprioceptiva. [AU]


INTRODUCTION: Motor skills trained in aquatic environment seem to potentiate the proprioceptive system. However, it is necessary to investigate the effect of the aquatic environment on the neuromuscular performance of athletes. AIM: To evaluate the effect of an intervention by functional aquatic neuromuscular exercises, with emphasis on the proprioceptive sensory system, on the variables jump height and muscular power, with proprioceptive acuity as a covariate. METHODOLOGY: Sample composed of 14 college men practicing futsal and divided into control group (CG/n=7) and experimental group (EG/n=7). The variables mechanical muscle power and jump height were evaluated using the 60 seconds vertical jump test. Proprioceptive acuity was assessed by the sense of joint position and kinesthesia quantified by the slow passive sensory perception test (Tpassive) and by the joint position sense test (Tactive). The outcome variables were measured in two moments: before and after the intervention. The aquatic intervention was applied for six weeks with three sessions each week. RESULTS: There was no group effect nor of the moment at the time of the jump. In the muscular mechanical power, there was no effect of the moment, but there was an effect of the group, with the CG presenting higher values than the EG. Neither Tactive nor Tpassive influenced jump height and muscular mechanical power. CONCLUSION: The intervention of functional aquatic neuromuscular exercises with emphasis on proprioception affected neither muscular power nor jump height, this result was not influenced by proprioceptive acuity. [AU]


Assuntos
Força Muscular , Desempenho Atlético , Hidroterapia
2.
Fisioter. Bras ; 18(2): f: 121-I:129, 2017000.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-884296

RESUMO

Introdução: O efeito da criomassagem na recuperação de habilidades motoras de atletas ainda não é consensual. Objetivo: Verificar o efeito agudo da criomassagem na variação do pico de potência muscular mecânica (PPMM) após sessão de treinamento. Métodos: Onze atletas da Seleção Paranaense de Voleibol, categoria infanto-juvenil (16,3 ± 1,7 anos; 69,2 ± 8,0 kg) foram submetidas à avaliação do PPMM em três momentos: pré-treino (MPRE), imediatamente após o treino (MPOSI), e tardiamente após o treino (MPOST). As atletas passaram, de forma cruzada, tanto pela condição controle (CC), quanto pela condição experimental (CE). Determinou-se o PPMM por meio de saltos verticais máximos em tapete de contato que forneceu a potência mecânica. Para criomassagem, entre o MPOSI e o MPOST, utilizaram-se cubos de gelo diretamente sobre a pele na forma de deslizamento superficial em oito grupos musculares dos membros inferiores durante dois minutos para cada grupo. Aplicou-se ANOVA medidas repetidas de dois fatores (condição e momento) com pós-teste de Bonferroni e α = 0,05. Resultados: Não houve efeito principal da condição F(1,21) = 0,148; p = 0,705, porém houve efeito do momento F(2,42) = 9,595; p < 0,001. O PPMM no MPOST foi significativamente menor que os demais momentos em ambas as condições (p < 0,05). Conclusão: A criomassagem não influenciou agudamente o PPMM após sessão de treinamento. (AU)


Introduction: The effect of cryomassage in the recovery of motor skills of athletes it is still not consensual. Objective: To investigate the acute effect of cryomassage in the variation of the peak mechanical muscle power (PMMP) after a session of training. Methods: Eleven athletes of Paranaense Volleyball Team, juvenile category (16.3 ± 1.7 years, 69.2 ± 8.0 kg) underwent assessment of PMMP in three stages: pre workout (MPRE), immediately after training (MPOSI), and later after training (MPOST). Athletes participed in both the control condition (CC) as the experimental condition (EC). PMMP was determined by means of maximum vertical jumps in contact carpet which provided mechanical power. For cryomassage, between MPOSI and MPOST, it was applied ice cubes directly on the skin in the form of superficial sliding in eight muscle groups of the lower limbs for two minutes for each group. We applied repeated measures ANOVA on two factors (condition and time) with Bonferroni post-test and α = 0.05. Results: There was no main effect of condition F(1,21) = 0.148; p = 0.705, but there was effect of time F(2,42) = 9.595; p < 0.001. The PMMP in MPOST was significantly smaller than the other moments in both conditions (p < 0.05). Conclusion: Cryomassage does not influence acutely peak mechanical muscle power after the training session. (AU)


Assuntos
Humanos , Feminino , Adolescente , Desempenho Atlético , Crioterapia , Atletas , Modalidades de Fisioterapia
3.
Saude e pesqui. (Impr.) ; 9(2): 291-297, maio-ago. 2016.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-832025

RESUMO

O objetivo deste trabalho foi comparar a estimulação elétrica nervosa transcutânea (TENS) e a corrente de alta voltagem (AV) em indivíduos saudáveis. Para concretizar tal análise, 20 voluntários realizaram as duas modalidades de eletroestimulação de forma cruzada. A nocicepção foi avaliada por meio de estímulos pressóricos e térmicos no membro superior esquerdo, foi aplicada aeletroanalgesia por 20 minutos, sobre a articulação do cotovelo. Os parâmetros da TENS foram: duração de fase de 200 µs e frequência de 100 Hz. Para AV: 50 µse 100 Hz, polo positivo sobre a região do nervo mediano e negativo sobre o ulnar. Os resultados do estudo não mostraram diferenças significativas para limiar de dor e intensidade da dor ao frio. A AV apresentou-se mais agradável e com maior número de acomodações. Desse modo, é possível constatar que os parâmetros utilizados não foram eficazes para alterar a dor em indivíduos saudáveis e a Alta Voltagem teve maior agradabilidade, porém acomodou mais vezes.


Current analysis compares transcutaneous electrical nerve stimulation and high voltage (HV) on healthy subjects. Twenty volunteers experienced the two electro-stimulating modalities. Nociception was evaluated by pressure and thermal stimuli on the upper left limb and electro-analgesia was applied for 20 minutes on the elbow articulation. TENS parameters comprised: phase of 200 µs and frequency of 100 Hz. In the case of HV: 50 µs and 100 Hz, positive pole on the median nerve region and negative pole on the ulnar region. There were no significant paralimiar differences of pain and pain intensity to the cold. HV was more agreeable and with a great number of adaptations. Parameters employed were not efficacious to change pain in healthy subjects; HV had a greater agreeability albeit accommodated several times.

4.
Conscientiae saúde (Impr.) ; 14(4): 568-576, 30 dez. 2015.
Artigo em Francês | LILACS-Express | ID: biblio-2193

RESUMO

Objetivo: Verificar o efeito da bandagem, por meio de esparadrapo (esparadrapagem), para estabilização da inversão do tornozelo, na economia de corrida, determinada pelo custo de transporte (CT). Métodos: Dez corredores de 10 km com velocidade média de prova entre 13,5 e 15 km.h-1 realizaram os seguintes procedimentos: (1) Mensuração do consumo de oxigênio em repouso ortostático (VO2orto) por seis minutos; (2) três baterias de cinco minutos de corrida a 14 km.h-1 para determinação do VO2teste:sem esparadrapagem (SE); esparadrapagem em um tornozelo (E1T); e esparadrapagem nos dois tornozelos (E2T). O CT foi determinado segundo equação proposta na literatura. Resultados: Não houve diferenças no CT entre as baterias: SE (3,5 ± 0,2), E1T (3,6 ± 0,2) e E2T (3,6 ± 0,2) ANOVA medidas repetidas F(2;18) = 2,866; p=0,083. Conclusão: A esparadrapagem não influenciou a economia de corrida de atletas amadores de provas de longas distâncias.


Objective: To verify the effect of adhesive tape (adhesive taping) for stabilization of ankle reversals on running economy, determined by the cost of transport (CT). Methods: Ten male recreational long distance runners with average race speed between 13.5 and 15.0 km.h-1 performed the following procedures: (1) Measurement of oxygen consumption at rest (VO 2orto) for six minutes; (2) three bouts of five minutes running test at 14.0 km.h-1 to determined the Vo 2test; without taping (SE); taping in one ankle (E1T); and two ankles (E2T). Results: No difference in CT among the groups SE (3.5 ± 0.2), E1T (3.6 ± 0.2) and E2T (3.6 ± 0.2) was found (F(2;18)= 2.866; p=0.083). Conclusion: Adhesive taping does not influence the running economy in recreational long distance runners.

5.
Rev. bras. reumatol ; 55(1): 55-61, Jan-Feb/2015.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-744674

RESUMO

Um dos objetivos da marcha é deslocar o corpo no espaço da forma mais econômica possível. Porém, pouco se sabe como os aspectos mecânicos e energéticos da caminhada são afetados pela dor lombar. Ainda, caso haja prejuízos, é pequeno o conhecimento de como as características mecânicas e energéticas da caminhada se manifestam nas atividades funcionais, principalmente nos mecanismos minimizadores de energia da locomoção. Este estudo teve por objetivos: a) descrever os principais mecanismos minimizadores de energia da locomoção; e b) verificar se há indicativos de prejuízos nas características mecânicas e energéticas da caminhada decorrentes da dor lombar crônica (DLC) que possam comprometer os mecanismos minimizadores. Estudo caracterizado como revisão narrativa de literatura. A principal teoria que explica a minimização do dispêndio energético durante a caminhada é a do pêndulo invertido pelo qual o mecanismo minimizador converte energia cinética em energia potencial do centro de massa e vice-versa durante a passada. Esse mecanismo é fortemente influenciado por parâmetros espaços-temporais da marcha, tais como comprimento de passo e velocidade preferida da caminhada, que, por sua vez, podem estar severamente alterados em pacientes com dor lombar crônica. Contudo ainda há muito que se entender sobre os efeitos da dor lombar crônica sobre a capacidade do indivíduo de praticar uma marcha econômica, pois os prejuízos funcionais podem comprometer características mecânicas e energéticas dessa modalidade de marcha e torná-la mais dispendiosa. Desta forma, há indicativos de que tais mudanças funcionais possam comprometer os mecanismos minimizadores de energia.


One goal of the locomotion is to move the body in the space at the most economical way possible. However, little is known about the mechanical and energetic aspects of locomotion that are affected by low back pain. And in case of occurring some damage, little is known about how the mechanical and energetic characteristics of the locomotion are manifested in functional activities, especially with respect to the energy-minimizer mechanisms during locomotion. This study aimed: a) to describe the main energy-minimizer mechanisms of locomotion; b) to check if there are signs of damage on the mechanical and energetic characteristics of the locomotion due to chronic low back pain (CLBP) which may endanger the energy-minimizer mechanisms. This study is characterized as a narrative literature review. The main theory that explains the minimization of energy expenditure during the locomotion is the inverted pendulum mechanism, by which the energy-minimizer mechanism converts kinetic energy into potential energy of the center of mass and vice-versa during the step. This mechanism is strongly influenced by spatio-temporal gait (locomotion) parameters such as step length and preferred walking speed, which, in turn, may be severely altered in patients with chronic low back pain. However, much remains to be understood about the effects of chronic low back pain on the individual's ability to practice an economic locomotion, because functional impairment may compromise the mechanical and energetic characteristics of this type of gait, making it more costly. Thus, there are indications that such changes may compromise the functional energy-minimizer mechanisms.


Assuntos
Humanos , Metabolismo Energético , Locomoção/fisiologia
7.
Rev. dor ; 14(2): 119-123, abr.-jun. 2013. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-679479

RESUMO

JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A dor lombar é um dos principais problemas do aparelho musculoesquelético e gera alto custo para o sistema de saúde. Independente da etiologia, os portadores de dor lombar crônica tendem a reduzir sua rotina de atividades físicas, o que compromete o condicionamento físico e o estado de humor. Portanto, estabelecer a relação entre as variáveis envolvidas na etiologia da lombalgia prejudiciais ao desempenho entre os seus portadores se faz necessário. O objetivo deste estudo foi comparar a distância percorrida no teste de caminhada de seis minutos (TC6) e as variáveis psicossociais: percepção de humor e nível de incapacidade entre portadores de dor lombar crônica e sujeitos saudáveis. MÉTODO: Estudo observacional transversal cuja amostra foi composta por voluntários de ambos os sexos, sedentários, com idade entre 30 e 58 anos, dividida em grupo controle (GC) e grupo lombar (GL). Os voluntários responderam a uma bateria de questionários: a saber, o Índice de Incapacidade de Oswestry e a Escala de Humor de Brunel para determinação do nível de incapacidade e da percepção de humor, respectivamente. Em seguida, realizaram o TC6. RESULTADOS: O GL (25,44 ± 14,3%) apresentou níveis de incapacidade significativamente maiores que o GC (1,25 ± 2,1%). Também se observou que o GL apresentou níveis de tensão, fadiga e confusão mental significativamente mais alto que o GC. CONCLUSÃO: Portadores de dor lombar crônica não apresentaram diferença, em relação aos seus pares livres de dor, no desempenho do TC6, no estado de humor de depressão, de raiva e de vigor. Contudo, apresentaram maiores níveis de incapacidade e piores índices no estado de humor de fadiga, de tensão e de confusão mental.


BACKGROUND AND OBJECTIVES: Low back pain is a major musculoskeletal system problem and generates high costs for the health system. Regardless of etiology, chronic low back pain patients tend to decrease their physical activities routine, thus impairing fitness and mood. So, it is necessary to establish the relationship among variables involved in the etiology of low back pain, which are noxious for patients' performance. This study aimed at comparing the distance covered during a six-minute walking test (6MWT) and the following psycho-social variables: mood perception and level of disability between chronic low back pain and healthy individuals. METHOD: This was an observational transversal study with volunteers of both genders, sedentary, aged between 30 and 58 years, who were divided in control group (CG) and low back pain group (LG). Volunteers answered a battery of questionnaires, as follows: Oswestry Disability Index and Brunel Mood Scale to determine the level of disability and mood perception, respectively. Then, volunteers made 6MWT. RESULTS: LG (25.44 ± 14.3%) had significantly higher levels of disability as compared to CG (1.25 ± 2.1%). It was also observed that LG had significantly higher levels of stress, fatigue and mental confusion as compared to CG. CONCLUSION: Low back pain patients were no different from their pain-free peers in the 6MWT performance, in depression, anger and vigor mood state. However, they presented higher levels of disability and poorer indices of fatigue, stress and mental confusion mood states.


Assuntos
Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde , Dor Lombar , Transtorno Afetivo Sazonal
8.
Rev. bras. ciênc. esporte ; 35(2): 455-467, abr.-jun. 2013. ilus, graf, tab
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: lil-682460

RESUMO

Objetivou-se verificar o efeito imediato da manipulação osteopática para anterioridade tibiotársica sobre o equilíbrio estático, em mulheres jovens. Metodologia: Vinte mulheres foram divididas igualmente em dois grupos: manipulação do tornozelo (GMT) e controle (GC). Analisou-se o deslocamento ântero-posterior (Y) e médio-lateral (X), de olhos abertos e fechados, em um Baropodômetro. Resultados: Na análise intergrupos, o GMT apresentou maior oscilação (eixos X e Y), em todos os momentos, comparado ao GC (p<0,05). Nas comparações intragrupo, o GMT apresentou aumento significativo da oscilação no eixo Y, pós-intervenção, com olhos abertos (p<0,05). Conclusão: A manipulação para anterioridade tibiotársica diminuiu, imediatamente, o equilíbrio estático ântero-posterior no GMT com os olhos abertos.


Objective: To investigate the immediate effect of osteopathic manipulation of talocrural joint for anterior talocrural, on static balance, in young women. Methods: Twenty women were divided into two groups: manipulation of talocrural (MTG) and control (CG). It was analyzed the anterior-posterior (Y) and mediolateral (X) displacement with open and closed eyes in a baropodometry. Results: In the intergroup analysis, the oscillation showed higher in MTG (X and Y axes), at all times, compared to CG (p<0,05). In intragroup comparisons, the MTG increased significantly in the Y axis of oscillation, after intervention, with open eyes (p<0,05). Conclusion: The manipulation of talocrural joint decreased immediately the static anteroposterior balance in GMT with his eyes open.


Objetivo: Investigar el efecto inmediato de la manipulación osteopática de la articulación talocrural para anterioridad talocrural, en equilibrio estático, en mujeres jóvenes. Métodos: Veinte mujeres fueron divididas en dos grupos: manipulación talocrural (GMT) y control (GC). Se analizó los desplazamientos anterior-posterior (Y) y mediolateral (X) con los ojos abiertos y cerrados en un baropodometro. Resultados: Entre los grupos, la oscilación se mostró superior en GMT (ejes X e Y) (p<0,05). Intragrupo, en el GMT oscilación la aumento significativamente en el eje Y, después de la intervención, con los ojos abiertos (p<0,05). Conclusión: La manipulación de la articulación talocrural disminuyó de inmediato el equilibrio anteroposterior estático en GMT con los ojos abiertos.

9.
Rev. Soc. Bras. Clín. Méd ; 10(5)set-out. 2012.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-652302

RESUMO

JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O equilíbrio é uma das funções do sistema de controle postural, que pode ser avaliado pelo centro de pressão (COP), e as respostas neuromusculares, que garantem o controle postural, são dependentes, das entradas sensoriais. A crioterapia, que é um método muito utilizado para tratar lesões esportivas, pode modificar as entradas sensoriais alterando assim o controle postural. O objetivo deste estudo foi verificar se a modificação nas entradas sensoriais proprioceptivas do tornozelo, pela influência da crioterapia, repercute no comportamentodo COP, em voluntários saudáveis. MÉTODO: Ensaio clínico de caráter quantitativo, cuja amostra foi composta por voluntários saudáveis (n = 9, sendo 3 do gênero masculino e 6 do feminino, com idade média de 21,8 ± 2,6 anos). A aplicação da crioterapia por imersão, no tornozelo dominante (destro ou sinistro), durou 15 minutos. Avaliou-se o controle postural por meio dos valores de COPx e COPy, após testes de manutenção da postura ereta estática por 20 s com os olhos abertos (OA) e fechados (OF), usando plataforma de força, em quatro avaliações: pré-crioterapia (AV1), imediatamente após (AV2), 20 minutos (AV3) e 60 minutos (AV4) após a crioterapia. Utilizou-se Analise de Variância com medidas repetidas e teste t não pareado para as comparações. RESULTADOS: Tanto na condição OA quanto OF, não foram encontradas diferenças significativas (p > 0,05) nas comparações entre os diferentes momentos de avaliação do COPx e do COPy. Também não se encontrou diferenças significativas (p > 0,05) nas comparações do COP, no mesmo momento de avaliação, considerando-se as duas condições de teste, OA e OF. CONCLUSÃO: A crioterapia não influenciou no controle postural, em condição de postura ereta estática, de indivíduos saudáveis, pela avaliação do centro de pressão.


BACKGROUND AND OBJECTIVES: Balance is one of the functions of the postural control system, which can be evaluated by the center of pressure (COP); neuromuscular responses, which ensure postural control, are dependent on the sensory inputs. Cryotherapy, which is a method widely used to treat sports injuries, can modify the sensory inputs thus changing postural control. The aim of this study was to determine whether the change in ankle proprioceptive sensory inputs, through the influence of cryotherapy, affects the behavior of the COP in healthy volunteers. METHOD: Quantitative clinical trial, the sample of which consisted of healthy volunteers (n = 9, 3 male and 6 female, mean age 21.8 ± 2.6 years). The application of cryotherapy, by immersion, on the dominant ankle, lasted 15 minutes. Postural control was evaluated through the values of COPx and COPy, after tests of maintenance of quiet upright position for 20 s with eyes open (EO) and eyes closed (EC), using a force plate in four evaluations: precryotherapy (EV1), immediately after (EV2), 20 minutes (EV3), and 60 minutes (EV4) after cryotherapy. Repeated measures analysis of variance and unpaired t-test were used for comparisons. RESULTS: Both in EO and EC conditions, there were no significant differences (p > 0.05) in comparisons between different times of assessment for COPx and COPy. There were also no significant differences (p > 0.05) in comparisons of COP, at the same time of evaluation, considering the two test conditions, EO and EC. CONCLUSION: Cryotherapy did not influence postural control, in upright quiet stance, in healthy subjects, by the assessment of central pressure.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Crioterapia/métodos , Modalidades de Fisioterapia , Propriocepção
10.
Rev. bras. med. esporte ; 18(4): 242-245, jul.-ago. 2012. ilus
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: lil-653693

RESUMO

INTRODUÇÃO: A mobilização neural é uma técnica que visa a restauração do movimento e da elasticidade do sistema nervoso; contudo, ainda são poucos os estudos que avaliam sua eficácia sobre variáveis clínicas. OBJETIVO: Avaliar a força de preensão palmar em indivíduos submetidos à intervenção com mobilização neural. Metodologia: Estudo cruzado em que compuseram a amostra 20 sujeitos, com média de idade de 19,5 ± 0,92 anos, divididos em dois grupos (G1 e G2) que receberam, a cada semana, uma sessão única de intervenção de forma que o G1 recebeu mobilização neural e o G2 alongamentos convencionais para o supraespinal na primeira semana; o inverso aconteceu na segunda semana, em que o G1 recebeu alongamentos convencionais para o supraespinal e o G2 a mobilização neural. Os alongamentos para o supraespinal serviram apenas como placebo e não impuseram tensão aos nervos em estudo. As mobilizações neurais foram aplicadas nos nervos radial, mediano e ulnar. A força de preensão palmar foi avaliada por meio de um dinamômetro de preensão palmar em vários momentos: antes e imediatamente, 20 minutos e uma hora após cada intervenção. RESULTADOS: Não houve resultados significativos para a mobilização neural, nem para o alongamento. CONCLUSÃO: A mobilização neural não foi eficaz para produzir o aumento da força de preensão palmar em indivíduos saudáveis.


INTRODUCTION: Neural mobilization is a technique that seeks the restoration of motion and elasticity of the nervous system; however, there are few studies evaluating its effectiveness on clinical variables. OBJECTIVE: To assess hand grip strength among individuals undergoing intervention with neural mobilization. Methodology: a crossover study in which 20 subjects were sampled, mean age 19.5 ± 0.92 years, divided in two groups (G1 and G2) that received each week a single intervention session so that G1 received neural mobilization and G2 was submitted to conventional stretching exercises for the supraspinal in the first week. The opposite happened on the second week, in which G1 was submitted to conventional stretching exercises for the supraspinal and G2 received neural mobilization. Stretching for the supraspinal served only as placebo and did not impose tension to the nerves under study. The neural mobilization was applied in the radial, median and ulnar nerves. The hand grip strength was assessed using a grip dynamometer at various times: before and immediately after, 20 minutes and one hour after each intervention. RESULTS: no significant results were found for the neural mobilization or the stretch. CONCLUSION: Neural mobilization was not effective to produce increase in hand grip strength in healthy subjects.

11.
Fisioter. mov ; 25(2): 263-272, abr.-jun. 2012. graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-640238

RESUMO

Introdução: A dor lombar crônica apresenta alta incidência, grandes custos sociais e pessoais e esforços terapêuticos muitas vezes frustrantes. Faz-se necessário, então, avaliar os recursos fisioterapêuticos paraentendê-los melhor e fundamentá-los cientificamente. Objetivos: Comparar os efeitos entre duas intervenções fisioterapêuticas sobre a força muscular respiratória (FMR) e a capacidade funcional (CF) em pacientes com lombalgia crônica. Materiais e métodos: Série de casos cuja amostra (n = 10), composta por portadores de dor lombar crônica, foi dividida aleatoriamente em grupo controle, que recebeu fisioterapia convencional(eletroanalgesia, massoterapia e flexibilização), e grupo experimental, que recebeu a cinesioterapia combinada (composta por técnicas de isostretching + treinamento sensório-motor aquático). A mensuraçãoda CF, realizada pelo teste de caminhada de seis minutos (TC6), e da FMR, pelas pressões máximas inspiratória(Pimáx) e expiratórias (Pemáx) por meio de manuvacuometria, aconteceu antes (ΔINI) e após(ΔFIN) as intervenções, que duraram sete semanas, com três sessões semanais. As comparações foram feitas pelo Mann-Whitney e Wilcoxon (α = 0,05). Resultados: No GE, observou-se melhora, intragrupo, na Pimáx (p = 0,0164), Pemáx (p = 0,0227) e TC6 (p = 0,0092), e, no GC, apenas no TC6 (p = 0,018). Nas comparações intergrupo, obteve-se Pimáx e Pemáx semelhantes na ΔINI, mas diferentes na ΔFIN (p = 0,0166; p = 0,0045);e no TC6, observou-se diferença significativa apenas na ΔINI (p = 0,0484). Conclusão: O isostretching e treinamento sensório-motor aquático foram eficazes na melhora da FMR e da CF, e o tratamento fisioterapêutico convencional foi efetivo apenas na melhora da CF.


INTRODUCTION: Chronic low back pain has a high incidence, large social and personal costs and therapeutic efforts are often frustrating. Is necessary evaluated the physical therapy resources to understand better and substantiating scientifically then.OBJECTIVES: To compare the effects of two physical therapy interventions on respiratory muscle strength (RMS) and functional capacity (FC) in patients with chronic low back pain. MATERIALS AND METHODS: The sample (n = 10) was comprised of patients with chronic low back pain randomly divided into the control group (CG), which received conventional physical therapy (electroanalgesia, massage and stretching), and the experimental group (EG), which received the combined kinesiotherapy (composed of isostretching and aquatic sensoriomotor training). The measurement of the CF test performed by the six minute walk test (6MWT) and the RMS for inspiratory maximal pressure (IMP) and expiratory (MEP) by manovacuometry, which happened before (ΔINI) and after (ΔFIN) interventions, with the duration of seven weeks, three times a week. Comparisons were made by Mann-Whitney and Wilcoxon tests (α = 0.05). RESULTS: The EG showed improvements intra-group in IMP (p = 0.0164), EMP (p = 0.0227) and 6MWT (p = 0.0092), and in the CG, only on the 6MWT (p = 0.018). In inter-group comparisons, it was obtained similar IMP and EMP in ΔINI, but different in ΔFIN (p = 0.0166, p = 0.0045) and in the 6MWT, there was significant difference only in ΔINI (p = 0.0484).CONCLUSION: Isostretching and sensoriomotor aquatic training were effective at improving the FMR and the CF, and conventional physical therapy was effective only in the improvement of CF.


Assuntos
Terapia por Exercício , Capacidade Inspiratória , Dor Lombar , Força Muscular , Modalidades de Fisioterapia , Fisioterapia , Propriocepção , Músculos Respiratórios
12.
Fisioter. Bras ; 13(3): 194-199, Maio-Jun. 2012.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-764350

RESUMO

A manipulação espinal é um tratamento manual utilizado,principalmente, para tratar problemas osteomusculares. Pesquisasrelacionam esta técnica a inúmeros benefícios, incluindo alívio dador. O presente estudo verificou o efeito imediato da manipulaçãoda terceira vértebra cervical e da décima segunda vértebra torácica,aplicadas isoladamente e em conjunto, sobre o limiar de dor àpressão em sujeitos assintomáticos e, ainda, comparou as técnicasempregadas. Sessenta universitários foram divididos nos grupos:simulacro (GS), manipulação cervical (GMC), manipulação torácica(GMT) e manipulação cervical e torácica (GMCT). O limiarde dor foi avaliado nos processos espinhosos de C3 e T12, antes eimediatamente após as intervenções. No grupo GS o limiar de dor àpressão diminuiu significativamente no processo espinhoso de T12;no grupo GMC não houve alteração significativa do limiar em C3,assim como no grupo GMT em relação a T12; no grupo GMCThouve aumento significativo no limiar somente no processo espinhosode C3. As comparações intergrupos não foram significativas.Concluiu-se, portanto, que a manipulação associada de C3 e T12aumentou o limiar de dor à pressão no processo espinhoso de C3,em universitários assintomáticos, porém, não houve superioridadena associação das técnicas em relação a sua aplicação isolada.


Spinal manipulation is a manual treatment used, mainly, totreat musculoskeletal problems. Searches related this technique tonumerous benefits, including pain relief. This study examined theimmediate effect of third cervical vertebra and the twelfth thoracicvertebra manipulation, applied alone and together, on the pressurepain threshold in healthy subjects and, also, compared the employedtechniques. Sixty healthy students were divided into the groups:sham (GS), cervical manipulation (GMC), thoracic manipulation(GMT), cervical and thoracic manipulation (GMCT). The pressurepain threshold was evaluated in spinous processes of C3 and T12vertebrae, before and immediately after the interventions. In theGS group the pain threshold decreased significantly in the spinousprocess of T12; in the GMC group there wasn’t significantly changein C3 threshold, like GMT group in relation to T12 threshold;in the GMCT group the threshold increased significantly only inthe spinous process of C3. Comparisons between groups were notsignificant. It was concluded that the associated manipulation of C3and T12 increased the pressure pain threshold in the spinous processof C3, in asymptomatic subjects, but it wasn’t found superiority inthe association of techniques in relation its stand-alone application.


Assuntos
Humanos , Manipulação da Coluna , Limiar da Dor , Modalidades de Fisioterapia
13.
Rev. bras. med. esporte ; 18(2): 109-111, mar.-abr. 2012. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: lil-638676

RESUMO

INTRODUÇÃO: Crioterapia é qualquer forma de aplicação terapêutica de frio que leva à diminuição da temperatura dos tecidos. OBJETIVO: Comparar as variações na temperatura superficial do músculo quadríceps femoral, em três momentos distintos, quando expostos a duas modalidades de crioterapia: sacos com gelo ou sacos contendo mistura de gelo e água. MATERIAIS E MÉTODOS: Participaram do estudo 18 indivíduos, com idade entre 18 e 25 anos, de ambos os sexos. Em cada voluntário foi realizada, simultaneamente, crioterapia com gelo na coxa esquerda e mistura de gelo e água na coxa direita, durante 15 minutos na região do quadríceps femoral. A temperatura superficial foi mensurada por um termógrafo e foram feitos registros nos seguintes momentos: pré-crioterapia, imediatamente e 15 e 30 minutos após a retirada da modalidade de crioterapia. RESULTADOS: Ambas as modalidades de crioterapia foram eficientes para diminuir a temperatura do quadríceps femoral e a mistura de gelo e água foi capaz de induzir a uma temperatura mais baixa em relação àquela modalidade que usou somente gelo. O resfriamento, para ambas as modalidades, perdurou por, pelo menos, 15 minutos após a retirada do gelo e a temperatura superficial já estava restaurada ao nível pré-aplicação aos 30 minutos após a retirada. CONCLUSÃO: Ambas as modalidades promoveram redução da temperatura que perdurou, pelo menos, durante 15 minutos; e após 30 minutos da retirada das modalidades a temperatura foi restabelecida aos níveis normais. Contudo, a mistura de gelo e água produziu resfriamento maior do que a modalidade de gelo sozinho.


INTRODUCTION: Cryotherapy is any form of therapeutic application of cold which decreases the temperature of tissues. OBJECTIVE: To compare the variations in surface temperature of the quadriceps muscle at three different times when exposed to two forms of cryotherapy: ice bags or bags containing a mixture of ice and water. MATERIAL AND METHODS: The study involved 18 subjects, aged between 18 and 25 years, of both sexes. In each volunteer, ice cryotherapy on the left thigh and a mixture of ice and water on the right thigh was simultaneously applied for 15 minutes to the quadriceps femoris region. The temperature was measured by a thermograph and the following moments were recorded : before cryotherapy, immediately and 5 and 30 minutes after removal of the modality of cryotherapy. RESULTS: Both cryotherapy methods were effective to decrease the temperature of the quadriceps and the mixture of ice and water was able to induce a lower temperature compared to the modality which used ice only. The cooling for both modalities lasted for at least 15 minutes after the removal of ice and surface temperature had been restored at pre application 30 minutes after removal. CONCLUSION: Both methods promoted a reduction in temperature that lasted at least 15 minutes, and 30 minutes after the withdrawal the temperature was reestablished to normal levels. However, the mixture of ice and water produced cooling more remarkable than the ice alone.

14.
Acta ortop. bras ; 20(4): 210-212, 2012. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-644431

RESUMO

OBJETIVO: Comparar o equilíbrio postural estático entre portadoras de lombalgia crônica e indivíduos saudáveis, através do deslocamento do centro de pressão. MÉTODOS: Participaram do estudo 15 mulheres com lombalgia (Grupo lombalgia) e 15 mulheres saudáveis (Grupo saudável). Elas foram orientadas a permanecer em posição ortostática sobre a plataforma de força durante 30 segundos. Foram analisadas a área e a velocidade de deslocamento do centro de pressão de ambos os grupos. A análise dos dados foi realizada através do Teste t de Student, com significância de 5%. RESULTADOS: Os indivíduos com lombalgia crônica apresentaram maior área de deslocamento do centro de pressão em relação aos saudáveis, porém não houve diferença significativa em relação à velocidade de deslocamento do centro de pressão. CONCLUSÃO: Indivíduos com lombalgia crônica apresentam alteração do equilíbrio estático em relação a saudáveis. Nível de evidência III, Estudos Prognósticos.


OBJECTIVE: To compare the static postural balance between women suffering from chronic low back pain and healthy subjects, by moving the center of pressure. METHODS: The study included 15 women with low back pain (LBP group) and 15 healthy women (healthy group). They were instructed to remain in standing on the force platform for 30 seconds. We analyzed the area and the speed of displacement of center of pressure of both groups. Data analysis was performed using the Student t-test, with significance of 5%. RESULTS: Individuals with chronic low back pain showed a larger area of displacement of the center of pressure relative to the healthy ones but there was no significant difference in the speed of displacement of the center of pressure. CONCLUSION: Individuals with chronic low back pain had alterations in static balance with respect to healthy ones. Level of Evidence III, Prognostic Studies.


Assuntos
Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Peso Corporal , Dor Lombar , Região Lombossacral , Equilíbrio Postural
15.
Rev. dor ; 12(3)jul.-set. 2011.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: lil-600118

RESUMO

JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A estimulação elétrica nervosa transcutânea (TENS) é uma correntede baixa frequência, utilizada para tratamento de dor, contudo há lacunas com respeito aos parâmetros de uso, bem como do modo de ação. O objetivo deste estudo foi investigar os efeitos da TENS, na forma burst, sobre ador induzida por pressão.MÉTODO: Estudo duplamente encoberto e cruzado, com 23 indivíduos, de ambos os sexos, alocados em grupo TENS (GT) e grupo placebo (GP). A TENS burst, com duração de fase de 200 µs e com intensidade regulada até o limiar motor foi aplicada em duas regiões dos nervos mediano e ulnar, ambos na região supracondiliana, por 15 minutos. Para avaliação do limiar doloroso foi aplicado um dolorímetro de pressão sobre as regiões tenar e hipotenar nos seguintes períodos:antes e imediatamente após a estimulação, 20 minutos e 1 hora após o término da eletroestimulação.RESULTADOS: Por meio da avaliação do limiar doloroso da região tenar e hipotenar, observou-se que não houve diferença significativa quando comparados intragrupo e entre os grupos, para todos os momentos da avaliação.CONCLUSÃO: O uso de TENS na forma burst não foi eficaz para elevar o limiar na dor induzida por pressão.


BACKGROUND AND OBJECTIVES: Transcutaneous electrical nerve stimulation (TENS) is a low frequency current used to manage pain, however, there are gaps with regard to its usage parameters and way of action. This study aimed at investigating burst TENS effects on pressure-induced pain.METHOD: Double blind crossed study with 23 individuals of both genders, divided into TENS (GT) and placebo (GP) groups. Burst TENS, with 200 µs phaseduration and intensity regulated until motor threshold, was applied in two median and ulnar nerves regions,both in the supracondilar region, for 15 minutes. Pressure dolorimeter was applied to tenar and hypotenar regions to evaluate pain threshold in the following periods: before and immediately after stimulation, 20 minutes and one hour after electrical stimulation.RESULTS: Evaluating the pain threshold of the tenar and hypotenar region, there has been no significant difference when compared intragroup and between groups, for all evaluated moments.CONCLUSION: Burst TENS was not effective to increase pressure-induced pain threshold.

16.
Arq. ciências saúde UNIPAR ; 14(3)set.-dez. 2010.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-621332

RESUMO

As lesões musculoesqueléticas apresentam alta prevalência no meio esportivo e, portanto, são necessárias medidas preventivas e, dentre estas, destacam-se os treinamentos proprioceptivo e neuromuscular. Porém, antes da sua aplicação, faz-se necessário buscar evidências sobre sua eficácia e sobre seus mecanismos de ação. Os objetivos desta revisão foram: a) conceituar termos relacionados ao controle neuromuscular e propriocepção; b) buscar evidências a favor do uso do treinamento neuromuscular e proprioceptivo, direcionados aos membros inferiores, como métodos de prevenção de lesões desportivas; e c) descrever os prováveis mecanismos neurofisiológicos envolvidos na adaptação ao treinamento neuromuscular e proprioceptivo. O controle neuromuscular é mais abrangente do que a propriocepção, já que esta última está mais relacionada com informações aferentes, que serão utilizadas pelo sistema nervoso central para produzir o controle motor adequado. Também se observou que há várias evidências que sustentam a implantação de programas de treinamento neuromuscular e proprioceptivo na rotina dos atletas com finalidade preventiva contra as lesões desportivas. Entretanto, os mecanismos pelos quais essas intervenções protegem os atletas das lesões são menos compreendidos.


The musculoskeletal injuries present high prevalence in sports and, therefore, are necessary preventive measures, and among these, it can stand the training and proprioceptive neuromuscular. However, before implementation, it is necessary to find evidence about its effectiveness and on their mechanisms of action. The objectives of this review were: a) conceptualize terms related to neuromuscular control and proprioception, b) to seek evidence for the use of neuromuscular and proprioceptive training, targeting the lower limbs, as methods of prevention of sports injuries, c) to describe the likely mechanisms neurophysiological involved in adaptation to neuromuscular and proprioceptive training. The neuromuscular control is broader than proprioception, since the latter is more related afferent information to be used by central nervous system to produce the appropriate motor control. It can also observed that there are several evidences that support the implementation of programs and proprioceptive neuromuscular training routine for athletes with preventive purpose against sports injuries. However the mechanisms by which these interventions protect athletes from injury are less understood.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Vias Aferentes , Propriocepção , Esportes , Traumatismos em Atletas/prevenção & controle
17.
Fisioter. pesqui ; 17(1): 7-12, 2010. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-556388

RESUMO

O propósito deste foi determinar o grau de concordância inter-avaliador de dois testes que mensuram a propriocepção do joelho por meio da goniometria, em uma amostra de universitárias (n=13; 23,8±6,4 anos). Mensurou-se a acurácia proprioceptiva pelos testes de percepção do limiar de movimento passivo lento (T1), movendo-se passivamente a perna até o ângulo alvo; e pelo teste de senso de posição articular (T2), solicitando-se movimento ativo até o ângulo alvo, previamente atingido passivamente. Os ângulos alvos foram sorteados e as medições feitas simultaneamente, de forma cega, por dois avaliadores, por meio de dois goniômetros idênticos posicionados nas faces medial e lateral do joelho. As participantes sinalizavam ao atingir o ângulo alvo, registrando-se, por ambos os avaliadores, os valores angulares efetivamente alcançados. A diferença (em números absolutos) entre o ângulo alvo e aquele alcançado foi considerada o “valor de erro”, que reflete a acuidade proprioceptiva. Determinou-se a concordância inter-avaliador pelo teste de concordância de Kappa; os valores encontrados (T1, Kappa=0,55; T2, Kappa=0,58) mostram concordância moderada. Como a concordância inter-avaliador nos dois testes foi moderada, conclui-se que a goniometria é limitada, na avaliação proprioceptiva de movimento do joelho...


Assuntos
Humanos , Feminino , Adolescente , Adulto , Artrometria Articular/métodos , Cinestesia , Articulação do Joelho , Propriocepção
18.
Rev. bras. med. esporte ; 15(6): 424-427, nov.-dez. 2009. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-533661

RESUMO

A ciática possui grande prevalência geral e seu tratamento tende a resolver as causas de compressão nervosa. A fisioterapia objetiva reduzir os sintomas causados pela compressão. O presente estudo teve como objetivo avaliar a eficácia do ultrassom terapêutico sobre a dor, em animais submetidos a modelo experimental de ciatalgia. Foram usados 18 ratos neste estudo, divididos em três grupos: GS (n = 4), submetido a modelo de ciatalgia e tratados com ultrassom desligado; GUP (n = 7), submetido à ciatalgia e tratados com ultrassom pulsado 2W/cm² (SATP; 0,4 - SATA); e grupo GUC (n = 7), submetido à ciática e ultrassom contínuo (0,4W/cm²). O nervo ciático do membro posterior direito foi exposto à compressão com fio categute em quatro pontos. No 3º dia pós-operatório (PO), iniciou-se tratamento indireto por quatro dias. No 9º dia PO, o tratamento direto começou sobre a área do procedimento cirúrgico, por cinco dias consecutivos. O tempo de elevação da pata, durante a marcha, foi avaliado antes e após a ciatalgia, no 3º, 6º, 9º e 13º PO. Os resultados demonstraram que a aplicação do ultrassom reduziu a dor com ambos os tratamentos efetivos e tendeu a ser mais eficaz na forma pulsada.


The sciatica possesses great general population prevalence, and its treatment tends to solve the nervous compression causes. Physiotherapy aims to reduce the symptoms caused by compression. This study aimed to evaluate the effectiveness of therapeutic ultrasound on pain in animals subjected to sciatica experimental model. Eighteen rats were used and they were divided in 3 groups: group SG (n=4) submitted to the sciatica and treated with the ultrasound off, group PUG (n=7) submitted to the sciatica and treated with pulsed ultrasound 2 W/cm² (SATP; 0,4 - SATA) and group CUG (n=7) submitted to the sciatica and treated with continuous ultrasound (0,4 W/cm²). The sciatic nerve of the posterior right limb was exposed to the compression with Catgut wire in 4 points. In the 3rd postoperative day, the indirect treatment was started (right inferior limb) for four days. In the 9th postoperative day, the direct treatment begins on the surgical procedure area for 5 serial days. The paw elevation time, during the march, of the animal was verified before and after the sciatica, at the 3rd, 6th, 9th and 13th postoperative day. The results demonstrated that the application of the therapeutic ultrasound reduced the pain with both treatments in PUG and CUG, and it has tended larger effectiveness in the pulsed form.


Assuntos
Animais , Ratos , Ciática/terapia , Neuralgia/terapia , Medição da Dor , Terapia por Ultrassom , Modelos Animais de Doenças , Ratos Wistar
19.
Fisioter. mov ; 18(4): 11-19, out.-dez. 2005. graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-436009

RESUMO

A dor lombar baixa tem alta prevalência. Apesar de multifatorial, as lombalgias estruturais mecânico degenerativas constituem o grupo etiológico mais comum. Tanto as Correntes Diadinâmicas de Bernard(CDB) quanto à iontoforese têm sido apontadas como recursos terapêuticos apropriados para tratar a dor lombar, apesar da carência de estudos que as sustentem com tal. Este trabalho teve como objetivo principal verificar se a aplicação de CDB + iontoforese apresentam melhortes resultados na promoção de anlgesia na dor lombar em relação à aplicação isolada das CDB. Foram selecionados 18 pacientes com queixa e diagnóstico clínico de lombalgia crônica e divididos aleatoriamente em 2 grupos.Um grupo recebeu aplicação de CDB isoladamente e o outro aplicação de CDB+iontoforese com hidrocortisona 1 por cento. As formas de corrente utilizadas para ambas as técnicas foram DF (por 5 minutos) e LP (por 5 minutos). As intensidades foram estabelecidas de acordo com a sensibilidade do paciente. Pelos resultados, pôde-se observar que as técnicas foram eficazes para reduzir a dor, porém, as CDB isoladas se mostraram superiores para este propósito. Concluiu-se que as CDB+iontoforese não apresentam superioridade na promoção de analgesia comparadas às CDB isoladamente


Assuntos
Analgesia , Dor Lombar/terapia , Iontoforese , Modalidades de Fisioterapia
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA