Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 1 de 1
Filtrar
Mais filtros










Base de dados
Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. bras. odontol ; 77(1): 1-5, jan. 2020. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: biblio-1117693

RESUMO

Objetivo: este estudo teve como objetivo comparar a resistência de união à dentina de um material à base de silicato de cálcio fotopolimerizável modificado por resina (TheraCal LC®; Bisco, Schaumburg, IL, EUA) com MTA branco (WMTA®; Angelus, Londrina, PR, Brasil). Materiais e Métodos: dezesseis incisivos superiores e caninos humanos foram selecionados e três discos de 1 mm foram obtidos a partir do terço médio de cada raiz. Na superfície coronal de cada disco, dois furos de 1,2 mm de largura foram perfurados na dentina. Em seguida, os buracos artificiais foram preenchidos com um dos materiais testados: WMTA® e TheraCal LC®. As fatias dentárias preenchidas foram armazenadas em uma solução salina tamponada com fosfato (PBS) (pH 7,2) por 7 dias a 37°C. Depois disso, a avaliação do push-out foi realizada com uma ponta do êmbolo de 1,0 mm. A carga foi aplicada a uma velocidade de 0,5 mm / min até o deslocamento do selador. Os resultados foram expressos em MPa. O teste U de Mann-Whitney foi aplicado para classificar os materiais quanto à resistência adesiva à dentina. O nível de significância foi estabelecido em = 5%. Resultados: todas as amostras apresentaram resultados de resistência de união à dentina mensuráveis e não ocorreram falhas prematuras. O TheraCal LC® demonstrou valores superiores de resistência de união à dentina quando comparado ao WMTA® (P<0,0001). Conclusões: existe uma vantagem do TheraCal LC® sobre o WMTA® no que diz respeito à resistência da união ao empurrar e, portanto, pode ser considerado um material reparador promissor e inovador


Objective: this study aimed to compare the dentin bond strength of a resin-modified light-curable calcium-silicate-based material (TheraCal LC®; Bisco, Schaumburg, IL, USA) with White MTA (WMTA®; Angelus, Londrina, PR, Brazil). Materials and Methods: sixteen human maxillary incisors and canines were selected and three 1-mm-discs were obtained from the middle third of each root. On the coronal surface of each disc, two 1.2-mm-wide-holes were drilled through the dentin. Then, artificial holes were filled with one of the tested materials: WMTA® and TheraCal LC®. The filled dental slices were stored in a phosphate-buffered saline (PBS) solution (pH 7.2) for 7 days at 37°C. After that, push-out assessment was performed with a 1.0-mm-plunger-tip. Load was applied at a crosshead speed of 0.5 mm/min until sealer displacement. The results were expressed in MPa. Mann-Whitney U test was applied to rank materials regarding dentin push-out bond strength. Significance level was set at a = 5%. Results: All specimens showed measurable results and no premature failure occurred. TheraCal LC® demonstrated superior push-out bond strength values to dentin when compared to WMTA® (P<0.0001). Conclusions: there is advantage of TheraCal LC® over WMTA® as regards to the push-out bond strength and, therefore it may be taken as a promising and innovative reparative material


Assuntos
Materiais Restauradores do Canal Radicular , Obturação do Canal Radicular , Tratamento do Canal Radicular , Cimento de Silicato , Materiais Dentários , Endodontia , Cura Luminosa de Adesivos Dentários
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...