Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 2 de 2
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Einstein (Sao Paulo) ; 14(3): 384-390, 2016.
Artigo em Inglês, Português | MEDLINE | ID: mdl-27759828

RESUMO

Objective:: To implement a clinical pharmacy service focused on the comprehensive review of antineoplastic drugs used in therapy of hematological diseases. Methods:: An interventional study was conducted in a Brazilian tertiary teaching hospital in two different periods, with and without a clinical pharmacy service, respectively. This service consisted of an antineoplastic prescription validation (analysis of patients' characteristics, laboratory tests, compliance with the therapeutic protocol and with pharmacotechnical parameters). When problems were detected, the pharmacist intervened with the physician or another health professional responsible for the patient. Inpatients and outpatients with hematological diseases were included. Results:: We found an increased detection of drug-related problem by 106.5% after implementing the service. Comparing the two periods, an increase in patients' age (26.7 years versus 17.6 years), a predominance of outpatients (54% versus 38%), and an increase in multiple myeloma (13% versus 4%) and non-Hodgkin lymphoma (16% versus 3%) was noted. The most commonly found problems were related to dose (33% versus 25%) and cycle day (14% versus 30%). With regard to clinical impact, the majority had a significant impact (71% versus 58%), and in one patient from the second period could have been fatal. The main pharmaceutical interventions were dose adjustment (35% versus 25%) and drug withdrawal (33% versus 40%). Conclusion:: The pharmacy service contributed to increase the detection and resolution of drug-related problems, and it was an effective method to promote the safe and rational use of antineoplastic drugs. Objetivo:: Implementar um serviço farmacêutico clínico centrado na revisão completa dos antineoplásicos utilizados no tratamento de doenças hematológicas. Métodos:: Estudo intervencional conduzido em um hospital universitário terciário brasileiro em dois períodos distintos, com base na ausência e na presença do serviço farmacêutico clínico, respectivamente. O referido serviço consistiu na validação farmacêutica de prescrição de medicamentos antineoplásicos (análise de características do paciente, exames laboratoriais, conformidade com o protocolo terapêutico e parâmetros farmacotécnicos). Após a detecção dos problemas, o farmacêutico interveio junto ao médico ou outro profissional de saúde responsável pelo paciente. Foram incluídos pacientes internados e ambulatoriais com doenças hematológicas. Resultados:: Observou-se um aumento de 106,5% na detecção de problemas relacionados com medicamentos após a implementação do serviço. Comparando-se os dois períodos, verificou-se aumento na idade dos pacientes (26,7 anos versus 17,6 anos), predomínio de pacientes ambulatoriais (54% versus 38%) e aumento de mieloma múltiplo (13% versus 4%) e linfoma não Hodgkin (16% versus 3%). Os problemas mais comumente encontrados foram relacionados à dose (33% versus 25%) e ao dia do ciclo (14% versus 30%). Quanto ao impacto clínico, a maioria apresentou impacto significante (71% versus 58%) e um poderia ter sido fatal no segundo período. As principais intervenções farmacêuticas realizadas foram ajuste de dose (35% versus 25%) e suspensão de medicamento (33% versus 40%). Conclusão:: O serviço farmacêutico contribuiu para o aumento da detecção e resolução de problemas relacionados com medicamentos, tratando-se de um método efetivo para promover o uso seguro e racional de medicamentos antineoplásicos.


Assuntos
Antineoplásicos/administração & dosagem , Prescrições de Medicamentos/normas , Neoplasias Hematológicas/tratamento farmacológico , Serviço de Farmácia Hospitalar/organização & administração , Adolescente , Adulto , Antineoplásicos/normas , Prescrições de Medicamentos/estatística & dados numéricos , Feminino , Humanos , Prescrição Inadequada/prevenção & controle , Masculino , Garantia da Qualidade dos Cuidados de Saúde/organização & administração , Adulto Jovem
2.
Einstein (Säo Paulo) ; 14(3): 384-390, July-Sept. 2016. tab, graf
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-796973

RESUMO

ABSTRACT Objective: To implement a clinical pharmacy service focused on the comprehensive review of antineoplastic drugs used in therapy of hematological diseases. Methods: An interventional study was conducted in a Brazilian tertiary teaching hospital in two different periods, with and without a clinical pharmacy service, respectively. This service consisted of an antineoplastic prescription validation (analysis of patients' characteristics, laboratory tests, compliance with the therapeutic protocol and with pharmacotechnical parameters). When problems were detected, the pharmacist intervened with the physician or another health professional responsible for the patient. Inpatients and outpatients with hematological diseases were included. Results: We found an increased detection of drug-related problem by 106.5% after implementing the service. Comparing the two periods, an increase in patients' age (26.7 years versus 17.6 years), a predominance of outpatients (54% versus 38%), and an increase in multiple myeloma (13% versus 4%) and non-Hodgkin lymphoma (16% versus 3%) was noted. The most commonly found problems were related to dose (33% versus 25%) and cycle day (14% versus 30%). With regard to clinical impact, the majority had a significant impact (71% versus 58%), and in one patient from the second period could have been fatal. The main pharmaceutical interventions were dose adjustment (35% versus 25%) and drug withdrawal (33% versus 40%). Conclusion: The pharmacy service contributed to increase the detection and resolution of drug-related problems, and it was an effective method to promote the safe and rational use of antineoplastic drugs.


RESUMO Objetivo: Implementar um serviço farmacêutico clínico centrado na revisão completa dos antineoplásicos utilizados no tratamento de doenças hematológicas. Métodos: Estudo intervencional conduzido em um hospital universitário terciário brasileiro em dois períodos distintos, com base na ausência e na presença do serviço farmacêutico clínico, respectivamente. O referido serviço consistiu na validação farmacêutica de prescrição de medicamentos antineoplásicos (análise de características do paciente, exames laboratoriais, conformidade com o protocolo terapêutico e parâmetros farmacotécnicos). Após a detecção dos problemas, o farmacêutico interveio junto ao médico ou outro profissional de saúde responsável pelo paciente. Foram incluídos pacientes internados e ambulatoriais com doenças hematológicas. Resultados: Observou-se um aumento de 106,5% na detecção de problemas relacionados com medicamentos após a implementação do serviço. Comparando-se os dois períodos, verificou-se aumento na idade dos pacientes (26,7 anos versus 17,6 anos), predomínio de pacientes ambulatoriais (54% versus 38%) e aumento de mieloma múltiplo (13% versus 4%) e linfoma não Hodgkin (16% versus 3%). Os problemas mais comumente encontrados foram relacionados à dose (33% versus 25%) e ao dia do ciclo (14% versus 30%). Quanto ao impacto clínico, a maioria apresentou impacto significante (71% versus 58%) e um poderia ter sido fatal no segundo período. As principais intervenções farmacêuticas realizadas foram ajuste de dose (35% versus 25%) e suspensão de medicamento (33% versus 40%). Conclusão: O serviço farmacêutico contribuiu para o aumento da detecção e resolução de problemas relacionados com medicamentos, tratando-se de um método efetivo para promover o uso seguro e racional de medicamentos antineoplásicos.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adolescente , Adulto , Adulto Jovem , Serviço de Farmácia Hospitalar/organização & administração , Prescrições de Medicamentos/normas , Neoplasias Hematológicas/tratamento farmacológico , Antineoplásicos/administração & dosagem , Organização e Administração , Prescrições de Medicamentos/estatística & dados numéricos , Garantia da Qualidade dos Cuidados de Saúde/organização & administração , Prescrição Inadequada/prevenção & controle , Antineoplásicos/normas
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA