Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 2 de 2
Filtrar
Mais filtros










Base de dados
Tipo de estudo
Intervalo de ano de publicação
1.
J. bras. psiquiatr ; 59(3): 182-189, 2010. graf, tab
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: lil-564943

RESUMO

OBJETIVO: Identificar os principais estressores ambientais, conforme a percepção de familiares de pacientes internados em uma UTI-G de adultos de um hospital público universitário. MÉTODO: Estudo transversal descritivo com familiares de pacientes gravemente enfermos internados na UTI de um hospital escola. Para a coleta de dados, utilizou-se uma escala contendo 25 itens relacionados a eventos da referida UTI. Para análise dos resultados, as respostas foram classificadas como estressores ambientais, referentes à equipe, ao paciente e à visita. RESULTADOS: Participaram 53 familiares, 67,9 por cento mulheres, com média de idade de 39,7 anos. Os fatores relacionados ao paciente foram mais estressantes do que aqueles referentes à equipe e ao ambiente (p < 0,005). Os eventos mais estressantes para os familiares estiveram relacionados à insegurança e ao medo quanto ao estado clínico do paciente, dentre esses, o motivo e o tempo de internação e ver o paciente em coma. CONCLUSÃO: A internação de um parente próximo na UTI foi considerada pelos familiares que efetivamente participaram desse processo um evento estressante. Todos os participantes indicaram pelo menos um evento causador de estresse capaz de provocar diferentes reações emocionais. Conhecer tais eventos pode facilitar as estratégias de humanização hospitalar, propiciando alternativas para reduzir os níveis de estresse e alterações psiquiátricas subsequentes.


OBJECTIVE:To identify main environment stressors according to the perception of relatives of patients hospitalized in an adult ICU in a university public hospital. METHOD: It is a transversal descriptive study involving family members of critically ill patients hospitalized in an ICU of a school hospital. To collect data we used a 25-item scale related to the referred ICU. For result analysis, answers were classified as environmental stressors concerning the team, patients, and visits. RESULTS: There were 53 family-member participants where 67.9 percent were women averaging 39.7 years of age. Factors related to patients were more stressing than those concerning the hospital team and the environment (p < 0.005). The most stressed events for the family members were related to uncertainty and fear of the clinical state of the patient, among them reason and length of hospital stay, and witness the patients in a coma. CONCLUSION: Hospital ICU stay of a relative was considered by the close to kin, who actually participated in the process, a stressful event. All participants indicated at least one event that causes stress as capable of provoking diverse emotional reactions. Knowing such events can favor hospital humanization strategies thus providing alternatives to reduce stress levels and subsequent psychiatrical disorder.

2.
Rev. bras. hipertens ; 16(2): 123-129, abr.-jun. 2009. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-555539

RESUMO

A hipertensão arterial sistêmica (HAS) é uma doença que apresenta elevado risco de mortalidade em razão de suas complicações cardiovasculares. Por isso, as medidas preventivas e corretivas são indispensáveis para minimizar esse risco. O objetivo deste estudo foi avaliar o estado nutricional, bem como conhecer os hábitos alimentares e o perfil sociodemográfico dos pacientes hipertensos, afim de propor estratégias que visem ao controle e/ou à prevenção dos fatores de risco e, consequentemente, das complicações cardiovasculares. A amostra foi constituída por 42 indivíduos hipertensos cadastrados no Programa Hiperdia da cidade de Céu Azul, PR, que foram questionados sobre seus dados demográficos e hábitos alimentares. A maior parte dos participantes era do sexo feminino (71%); 70% dos hipertensos possuíam antecedentes familiares de HAS. A maioria dos entrevistados (95%) fazia uso diariamente de medicamentos; 62% realizavam algum cuidado alimentar. A maioria dos indivíduos controlava a ingestão de alimentos ricos em sal, no entanto os alimentos gordurosos apresentaram um consumo moderado (41,8%). O excesso de peso foi um fator de risco significante para a HAS em ambos os grupos – os adultos apresentaram 73% e os idosos 48% de sobrepeso – e a gordura abdominal...


Hypertension (HTN) is a disease that presents a high risk of mortality because their cardiovascular complications, so becomes indispensable corrective and preventive measures, to minimize this risk. The aim of the study was test the nutritional status and the eating habits of the hypertensive people to propose strategies designed to control and/or prevent the cardiovascular complications. The sample consisted by 42 hypertensive individuals registered on Hiperdia program at Céu Azul city. The female (71%), gender has a bigger prevalence of HTN, 70% hipertensive individuals have HTN familiarly antecedents. The most part of the interviewees (95%) made use regularly of the medicaments, 62% performed reasonably careful food, however 41,8% keep a control about consume of the walthy salt foods and that the HTN in both groups, while the adults showed 73% and the elderly 48% of overweight the female intervewees sufeerring abdominal greasy (97%), only 36% practiced some physical exercise. It appears that the food adequate care was not done correctly. It is suggested effective nutritional monitoring by professional nutritionists to ensure control and/or the prevention of the cardiovascular...


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Anti-Hipertensivos , Hipertensão , Comportamento Alimentar , Estado Nutricional , Obesidade
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA