Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 11 de 11
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Genet Mol Biol ; 35(4 (suppl)): 960-5, 2012 Dec.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-23412828

RESUMO

Prenatal alcohol exposure can have serious and permanent adverse effects. The developing brain is the most vulnerable organ to the insults of prenatal alcohol exposure. A behavioral phenotype of prenatal alcohol exposure including conduct disorders is also described. This study on a sample of Brazilian adolescents convicted for criminal behavior aimed to evaluate possible clinical features of Fetal Alcohol Syndrome (FAS). These were compared to a control group of school adolescents, as well as tested for other environmental risk factors for antisocial behavior. A sample of 262 institutionalized male adolescents due to criminal behavior and 154 male students aged between 13 and 21 years comprised the study population. Maternal use of alcohol was admitted by 48.8% of the mothers of institutionalized adolescents and by 39.9% of the school students. In this sample of adolescents we could not identify individual cases with a clear diagnosis of FAS, but signs suggestive of FASD were more common in the institutionalized adolescents. Social factors like domestic and family violence were frequent in the risk group, this also being associated to maternal drinking during pregnancy. The inference is that in our sample, criminal behavior is more related to complex interactions between environmental and social issues including prenatal alcohol exposure.

2.
Saúde Soc ; 17(3): 33-41, jul.-set. 2008.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-493325

RESUMO

Este é um trabalho de natureza ensaística, resultado de reflexões sobre o desenvolvimento sustentável e a sua conexão com as ações de extensão universitárias e a violência. Discute as quatro dimensões básicas do desenvolvimento sustentável - a ética, a temporal, a social e a prática - e os princípios éticos da sustentabilidade, necessários para uma cultura de paz. Propõe uma nova práxis universitária, em que a departamentalização da instituição seja repensada a fim de abrir espaço para a construção de um ambiente de atuação transdisciplinar, formador de profissionais preparados para um futuro sustentável. Apresenta um serviço da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), que, por meio da ação de extensão Projeto Proteger, estuda o comportamento violento e age para diminuir efetivamente a violência. Conclui que é papel da universidade formar profissionais em compasso com os valores do desenvolvimento sustentável, preparados para agir de forma ética e responsável com os recursos naturais e humanos, capazes de entender e interagir com a complexidade de problemas como a pobreza, as desigualdades sociais e a violência, que ameaçam os direitos humanos e as futuras gerações.


Assuntos
Saúde Pública , Desenvolvimento Sustentável , Universidades , Violência , Brasil
3.
Saúde Soc ; 17(3): 33-41, jul.-set. 2008.
Artigo em Português | LILACS-Express | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-58945

RESUMO

Este é um trabalho de natureza ensaística, resultado de reflexões sobre o desenvolvimento sustentável e a sua conexão com as ações de extensão universitárias e a violência. Discute as quatro dimensões básicas do desenvolvimento sustentável - a ética, a temporal, a social e a prática - e os princípios éticos da sustentabilidade, necessários para uma cultura de paz. Propõe uma nova práxis universitária, em que a departamentalização da instituição seja repensada a fim de abrir espaço para a construção de um ambiente de atuação transdisciplinar, formador de profissionais preparados para um futuro sustentável. Apresenta um serviço da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), que, por meio da ação de extensão Projeto Proteger, estuda o comportamento violento e age para diminuir efetivamente a violência. Conclui que é papel da universidade formar profissionais em compasso com os valores do desenvolvimento sustentável, preparados para agir de forma ética e responsável com os recursos naturais e humanos, capazes de entender e interagir com a complexidade de problemas como a pobreza, as desigualdades sociais e a violência, que ameaçam os direitos humanos e as futuras gerações.(AU)


Assuntos
Violência , Desenvolvimento Sustentável , Universidades , Saúde Pública , Brasil
4.
Estud. psicol. (Natal) ; 8(1): 175-184, jan.-abr. 2003. tab
Artigo em Português | Index Psicologia - Periódicos | ID: psi-19949

RESUMO

Considerando o fenômeno do comportamento agressivo, inicialmente são apresentadas quatro abordagens teóricas abrangentes: etologia, psicanálise, behaviorismo e teoria da aprendizagem social. Após uma análise crítica destas abordagens, modelos teóricos recentes são apresentados: cognitivismo neo-associacionista, processamento de informação social, interacionismo social e modelo geral de agressão baseado em estruturas de conhecimento. Finalmente, argumenta-se que o emprego de uma abordagem biológica pode enriquecer os modelos atuais do comportamento agressivo, oferecendo explicações tanto sobre as pressões ambientais ao longo do processo evolutivo quanto sobre a influência das interações sociais na organização e funcionamento do sistema nervoso central (AU)


Assuntos
Agressão , Etologia , Behaviorismo , Psicanálise , Aprendizagem
5.
Estud. psicol. (Natal) ; 8(1): 175-184, jan.-abr. 2003. tab
Artigo em Português | LILACS, Index Psicologia - Periódicos | ID: lil-348310

RESUMO

Considerando o fenômeno do comportamento agressivo, inicialmente säo apresentadas quatro abordagens teóricas abrangentes: etologia, psicanálise, behaviorismo e teoria da aprendizagem social. Após uma análise crítica destas abordagens, modelos teóricos recentes säo apresentados: cognitivismo neo-associacionista, processamento de informaçäo social, interacionismo social e modelo geral de agressäo baseado em estruturas de conhecimento. Finalmente, argumenta-se que o emprego de uma abordagem biológica pode enriquecer os modelos atuais do comportamento agressivo, oferecendo explicaçöes tanto sobre as pressöes ambientais ao longo do processo evolutivo quanto sobre a influência das interaçöes sociais na organizaçäo e funcionamento do sistema nervoso central.


Assuntos
Comportamento Social , Biologia , Agressão/psicologia , Modelos Teóricos , Brasil
6.
Hum Biol ; 74(6): 861-70, 2002 Dec.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-12617494

RESUMO

Hall and Kimura (1994) studied the relation between dermatoglyphic asymmetry and male sexual orientation in a sample of 66 homosexual and 182 heterosexual men. They found that more homosexual men possessed a leftward dermatoglyphic asymmetry than did heterosexual men. In this paper, we report a comparative study about the relationship between sexual orientation and dermatoglyphic characteristics, including 60 homosexual men, 76 heterosexual men, and 60 heterosexual women, recruited from the general population, and also from a gay-rights nongovernmental organization, in Salvador, Brazil. Ulnar loops were the most frequent dermatoglyphic pattern in all groups, followed by whorls, arches, and radial loops. A chi-square analysis comparing the frequencies of the patterns in the three groups only showed an excess of ulnar loops in women (p < 0.05) and arches in men (p < 0.01), but did not reveal significant differences between homosexuals and the other groups studied. There was no significant difference between gay and straight men on total ridge count. We found a preponderance of rightward asymmetry in homosexual and heterosexual men, as well as in heterosexual women. Our results do not agree with Hall and Kimura's data indicating that more gay men possessed the minority leftward asymmetry than did straight men. There was no significant difference in leftward asymmetry in the sample studied. The results reported in this paper do not support any relation between dermatoglyphic asymmetry and male sexual orientation, and, thus, any hypothesis concerning a biological intrauterine contribution to adult sexual orientation somehow associated with dermatoglyphic development.


Assuntos
Dermatoglifia , Heterossexualidade , Homossexualidade Masculina , Adulto , Feminino , Humanos , Masculino
7.
Ciênc. Saúde Colet. (Impr.) ; 7(1): 197-202, 2002.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-332470

RESUMO

As contribuições da biologia, em especial da genética do comportamento e da psicologia evolucionista, para o entendimento da violência nas sociedades contemporâneas não têm sido bem entendidas por outras áreas do conhecimento que estudam o mesmo fenômeno em níveis de maior complexidade, como as ciências sociais. Estudos recentes mostram que, no nível teórico, o descaso em relação à importância de abordagens genéticas e darwinianas da violência deixam lacunas nos modelos causais utilizados. No exercício prático da resolução de problemas sociais, a exclusão dos aspectos biológicos, como a relevância de certos estados mentais nas condutas violentas, leva à ausência de recursos de saúde e assistência social, na sociedade, para auxiliar indivíduos predispostos a comportamentos violentos a lidarem com suas circunstâncias.


Assuntos
Violência , Biologia , Comportamento
8.
Rev. bras. educ. méd ; 21(1): 25-33, jan.-abr. 1997.
Artigo em Português | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1137421

RESUMO

Resumo: O presente artigo traça um perfil da importância do ensino de métodos que permitam aos médicos lidarem com a crescente violência à sua volta e a desenvolverem modelos teóricos que permitam ações sociais efetivas.


Summary: This article outline the importance of teaching methods that allow physicians to struggle with the crescent violence and develop theoretical models to permit effective social actions.

9.
Rev. psiquiatr. Rio Gd. Sul ; 16(2): 158-67, maio-ago. 1994.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-173725

RESUMO

O presente artigo apresenta orientacoes para identificacao de casos suspeitos de abusos sexuais. Sugere conceitos, modos de abordagem e tecnicas para reduzir o risco de diagnosticos incorretos


Assuntos
Humanos , Criança , Adolescente , Abuso Sexual na Infância/diagnóstico , Transtornos de Estresse Pós-Traumáticos/diagnóstico , Transtornos de Estresse Pós-Traumáticos/fisiopatologia
11.
Rev. bras. genét ; 9(3): 515-20, sept. 1986. ilus, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-37524

RESUMO

A doença de Menkes, ou tricopoliodistrofia, é uma doença de herança recessiva ligada ao sexo, sendo caracterizada por convulsöes, retardo severo do desenvolvimento neuropsicomotor e pôndero-estatural, além de anormalidades ósseas, vasculares e de cabelo. Esta patologia decorre de um erro inato do metabolismo do cobre, ainda näo bem esclarecido. A partir dele, diversas alteraçöes secundárias na síntese de algumas enzimas cobre-dependentes ocorrem, levando às anomalias características da doença. Apesar de ser uma situaçäo muito rara, os autores enfatizam que o diagnóstico pode ser confirmado através de técnicas laboratoriais disponíveis, sendo o estudo microscópico do cabelo, um procedimento simples, rápido e extremamente informativo. Apesar de näo haver tratamento eficaz, o diagnóstico permite a prevençäo de novos casos através do aconselhamento genético


Assuntos
Lactente , Humanos , Masculino , Síndrome dos Cabelos Torcidos/genética , Cabelo/patologia , Síndrome dos Cabelos Torcidos/diagnóstico
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...