Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 15 de 15
Filtrar
1.
Cell Biochem Funct ; 37(8): 572-577, 2019 Dec.
Artigo em Inglês | MEDLINE | ID: mdl-31502267

RESUMO

Among the types of cancers that may occur in the oral cavity, squamous cell carcinomas (SCC) of the mouth have a higher incidence and are associated with increased rates of morbidity and mortality. Among steps from the beginning to the progression of the tumour, DNA Repair System is highlighted. The present study aims to conduct a systematic review of the literature on the expression of the repair genes hMSH2 and hMSH6 in patients with SCC in the mouth and oropharyngeal region. The search was performed in databases such as PubMed, Lilacs, and Scielo and included articles published in English from 1999 until 2015. The search in the above-mentioned databases initially yielded 15 scientific articles related to the proposed objective. After a detailed analysis of each of them, only 8 were included in the present review, precisely because they met the inclusion criteria determined in the method. All the reviewed works were unanimous in recognizing the veracity and complexity of the Genomic Repair System, also called Mismatch Repair System, confirming the participation of repair gene proteins (such as hMSH2 and hMSH6) in patients with oral cancer and even of lesions that are susceptible to malignization. SIGNIFICANCE OF THE STUDY: Worldwide, there are an estimated 300 thousand new cases of oral cancer per year. Studies have shown a greater risk in individuals who are smokers and alcohol consumers in developing mouth cancer. Many steps are observed from the beginning to the progression of the tumour, highlighted among them is the moment in which genetic, and epigenetic alterations will interfere in the functioning of the DNA Repair System. This work presents a survey of current knowledge about the involvement of repair genes, especially those of the MutSα system, in the development and progression of oral cancer.


Assuntos
Carcinoma de Células Escamosas/patologia , Reparo do DNA/genética , Neoplasias Bucais/patologia , Carcinoma de Células Escamosas/genética , Proteínas de Ligação a DNA/genética , Bases de Dados Factuais , Humanos , Neoplasias Bucais/genética , Proteína 2 Homóloga a MutS/genética
2.
Rev. bras. crescimento desenvolv. hum ; 29(2): 161-168, May-Aug. 2019. graf, tab
Artigo em Inglês | LILACS-Express | LILACS | ID: biblio-1057530

RESUMO

INTRODUCTION: One of the main health indicators is infant mortality rate, which is a metric of living conditions and population development. The goal of reducing neonatal mortality requires an adequate knowledge of the real factors at each level of health care so that maternal and human resources are efficiently channeled to the constraint. Countries that have paid special attention to improving health services for the entire pregnancy-puerperal cycle have attained the reduction of infant mortality, especially early neonatal mortality. OBJECTIVE: The present study aims to describe the profile and analyze the risk factors associated with neonatal mortality in the Angolan context at a tertiary level public maternity hospital, located in Luanda. METHODS: This is a retrospective cross-sectional study with a quantitative approach, using secondary data, of provincial base in hospital and ministerial registry instruments from January to December 2012. RESULTS: The results show that the neonatal deaths are not mere occurrences, since they indicate failures of the political powers, professionals of the health system and of the families. CONCLUSIONS: This study suggests that the major risk factor for birth mortality in Luanda is the type of delivery (c-section) and that this data is not related to the age of the mother or to premature birth. We also found that there was higher mortality between May and July, during the period of lower rainfall index in the region. However, further studies are needed that may provide a logical framework and arguments for realistic policies to mitigate neonatal mortality.


INTRODUÇÃO: Um dos principais indicadores de saúde é a taxa de mortalidade infantil, que é uma métrica de condições de vida e desenvolvimento populacional. A redução da mortalidade neonatal requer um conhecimento adequado dos fatores reais em cada nível de atenção à saúde, de modo que os recursos maternos e humanos sejam eficientemente avaliados. Os países que deram atenção especial à melhoria dos serviços de saúde para todo o ciclo gravídico-puerperal atingiram a redução da mortalidade infantil, especialmente a mortalidade neonatal precoce. OBJETIVO: O presente estudo tem como objetivo descrever o perfil e analisar os fatores de risco associados à mortalidade neonatal em uma maternidade pública de nível terciário localizada em Luanda, Angola. MÉTODO: Trata-se de um estudo retrospectivo de corte transversal com abordagem quantitativa, utilizando dados secundários de base provincial em instrumentos de registro hospitalar e ministerial de janeiro a dezembro de 2012. RESULTADOS: Os resultados mostram que os óbitos neonatais não são meras ocorrências, pois indicam falhas dos poderes políticos, de profissionais do sistema de saúde e das famílias. CONSLUSÃO: Este estudo sugere que o maior fator de risco para mortalidade ao nascimento em Luanda é o tipo de parto (c-section) e que este dado não está relacionado com a idade da mãe ou com o nascimento prematuro. Identificamos também que houve maior mortalidade entre os meses de maio a julho, durante o período de menor índice de chuvas na região. No entanto, são necessários mais estudos que possam fornecer um quadro lógico e argumentos para políticas realistas para mitigar a mortalidade neonatal.

3.
J. bras. patol. med. lab ; 49(1): 12-16, Jan.-Feb. 2013. graf, tab
Artigo em Inglês | LILACS | ID: lil-674342

RESUMO

INTRODUCTION: The rheumatoid factor (RF) is the most common antibody found in patients with rheumatoid arthritis. It is an inflammatory chronic disease characterized by articular involvement, inflammation of synovial fluid, tissue infiltration by leucocytes and joint destruction, which ultimately determine articular deformities. The rheumatoid factor is found in 70%-80% of the adult population and in 10% of the young population. OBJECTIVE: The aim of this research was to compare immunoturbidimetric and latex agglutination methods for the detection of RF in serum. RESULTS: The immunoturbidimetric method displayed sensitivity (95.2%), specificity (89.4%) and high positive correlation (R² = 0,8077) with the latex agglutination method in positive serum samples. CONCLUSION: The study allowed to demonstrate that both immunoturbidimetric and latex agglutination methods equally discriminate between negative and positive serum samples for RF.


INTRODUÇÃO: O fator reumatoide (FR) é o autoanticorpo mais comum encontrado em pacientes com artrite reumatoide, uma doença crônica inflamatória caracterizada pelo envolvimento articular com inflamação do líquido sinovial, infiltração de tecido por leucócitos e destruição das articulações, que acaba por determinar deformidades articulares. O FR é encontrado em 70%-80% da população adulta e em 10% da população juvenil. OBJETIVO: Comparar os métodos de imunoturbidimetria e aglutinação (prova do látex) para a determinação de FR em soro. RESULTADO: Foi possível observar que o método imunoturbidimétrico apresenta sensibilidade (95,2%), especificidade (89,4%) e correlação positiva elevada (R² = 0,8077) com o método de aglutinação pelo látex em amostras de soro positivas. CONCLUSÃO: O estudo permitiu demonstrar que o método imunoturbidimétrico e o método de aglutinação pelo látex são igualmente capazes de discriminar amostras negativas e positivas para FR.


Assuntos
Humanos , Fator Reumatoide/análise , Nefelometria e Turbidimetria/métodos , Sensibilidade e Especificidade , Testes de Fixação do Látex/métodos
4.
Arq. bras. ciênc. saúde ; 36(1)maio 2011.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-588535

RESUMO

A febre amarela (FA) é um dos maiores desafios para as autoridades de saúde pública por se tratar de uma zoonose e, portanto, de difícil erradicação. Trata-se de uma doença infecciosa não contagiosa de curta duração causada por um vírus. Existem duas formas da doença: a febre amarela urbana (FAU) e a febre amarela silvestre (FAS), tendo como vetores os gêneros Aedes e Haemagogus, respectivamente. Tanto a FAU como a FAS podem variar de assintomática a grave. A principal medida de controle da infecção, após o controle dos vetores, foi realizada através da vacinação com a cepa 17D. A vacina é constituída por vírus atenuado e é efetiva contra a reinfecção pelos vírus selvagens, confere imunidade por, pelo menos, dez anos, e não é recomendada a imunossuprimidos. O mecanismo protetor desencadeado pela vacina está associado à produção de anticorpos neutralizantes, ativação de TCD4+ e adequada integração entre as imunidades inata e adaptativa. A vacinação tem importância na prevenção e controle da doença, já que interrompe o ciclo de transmissão da forma silvestre para a forma urbana através da geração de uma barreira de imunidade coletiva. Tendo em vista quea vacina da FA, apesar de ser altamente segura, vem apresentando um crescente número de relatos de reações adversas graves pós-vacinais, faz-se necessário o aumento das investigações acerca da segurança do vírus vacinal 17D, particularmente quando se identifica que diferentes mecanismos podem influenciar o potencial protetor da vacina em hospedeiros considerados imunocompetentes e determinar maior ou menor potencial reatogênico.


The yellow fever (YF) is one of the biggest challenges to public health authorities, because it is a zoonosis and, therefore, it is difficult to be eradicated. YF is a non-contagious infectious disease of short duration caused by a virus. There are two forms of the disease: the urban yellow fever (UYF) and wild yellow fever (WYF), with main vectors Aedes genera and Haemagogus genera, respectively. Regarding pathogenesis, both forms of the disease may vary from asymptomatic to severe. The main measure of control of infection, after the vector control, was performed by vaccination with the 17D strain. This vaccine consists in attenuated virus and it is effective against re-infection by wild viruses; it confers immunity for, at least, 10 years, and is not recommended for immunocompromised patients. The main protective mechanism triggered by the vaccine is associated with the production of neutralizing antibodies, potent inducer of TCD4+ activation and proper integration between the innate and adaptive immunity. Vaccination is very important to prevent and control the disease, since it breaks the cycle of transmission from wild forms to the urban forms by generating a barrier of herd immunity. Once the YF vaccine with a high level of security has been showing an increase number of severe adverse reactions, it is necessary toimprove the investigations about the security of the vaccine, particularly when it is indentified that different mechanisms of the immunity can influence the immunogenicity and reactogenicity of the vaccine in hosts considered immunocompetent.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Aedes , Cobertura Vacinal , Controle de Vetores de Doenças , Febre Amarela
5.
Rev. bras. crescimento desenvolv. hum ; 20(2): 208-216, mai.-ago. 2010.
Artigo em Português | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-64063

RESUMO

O número de pessoas com necessidades especiais bem como as questões referentes ao atendimento desses pacientes e a partir da resolução 25/2002, publicada no Diário Oficial da União - D.O.U. - em 28/05/2002 pelo Conselho Federal de Odontologia, regulamenta a especialidade, com intenção de capacitar os cirurgiões-dentistas ao atendimento de pessoas que necessitam de cuidados odontológicos especiais durante toda a sua vida ou por um período. Um dos pontos levantados no atendimento a esses pacientes está a questão da integralidade de modo que essa seria a de compreender o paciente e propor atendê-lo por inteiro em suas necessidades de saúde. Assim, o objetivo é verificar as percepções dos cirurgiões-dentistas sobre o atendimento de crianças com necessidades especiais. Desta maneira, evidenciaram-se dificuldades desses profissionais em descrever as reais necessidades das crianças com necessidades especiais no tocante ao atendimento odontológico, tanto em nível do serviço de saúde público municipal, como nos quesitos de formação específica para o exercício profissional com esta população(AU)


Assuntos
Humanos , Saúde Bucal , Serviços de Saúde Bucal , Promoção da Saúde , Pessoal de Saúde , Pessoas com Deficiência , Assistência Odontológica para Pessoas com Deficiências , Avaliação em Saúde , Crianças com Deficiência
6.
Rev. bras. crescimento desenvolv. hum ; 21(2): 356-361, mai.-ago. 2011. ilus
Artigo em Português | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-64160

RESUMO

O objetivo é verificar os efeitos da Shantala na interação entre mãe e criança com síndrome de Down. Utilizou-se por 60 dias, uma vez por semana, a técnica de massagem Shantala em três crianças com síndrome de Down, da instituição APAE, localizada em Itaquaquecetuba, SP, Brasil. Para a obtenção dos resultados foram aplicados dois questionários, um ao início, para se obter maiores informações sobre as crianças e outro ao final, para se verificar os resultados da técnica utilizada. Foi possível concluir que a Shantala beneficiou as crianças com síndrome de Down, proporcionando uma qualidade de vida melhor. Para as mães, a técnica permitiu uma melhor aceitação da doença e houve melhora no relacionamento entre as mães e as crianças(AU)


Assuntos
Humanos , Relações Mãe-Filho , Desenvolvimento Infantil , Síndrome de Down , Massagem/estatística & dados numéricos , Criança , Pesquisa Qualitativa
7.
Rev. bras. crescimento desenvolv. hum ; 21(2): 356-361, 2011. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-603702

RESUMO

O objetivo é verificar os efeitos da Shantala na interação entre mãe e criança com síndrome de Down. Utilizou-se por 60 dias, uma vez por semana, a técnica de massagem Shantala em três crianças com síndrome de Down, da instituição APAE, localizada em Itaquaquecetuba, SP, Brasil. Para a obtenção dos resultados foram aplicados dois questionários, um ao início, para se obter maiores informações sobre as crianças e outro ao final, para se verificar os resultados da técnica utilizada. Foi possível concluir que a Shantala beneficiou as crianças com síndrome de Down, proporcionando uma qualidade de vida melhor. Para as mães, a técnica permitiu uma melhor aceitação da doença e houve melhora no relacionamento entre as mães e as crianças


Assuntos
Humanos , Criança , Desenvolvimento Infantil , Síndrome de Down , Massagem , Relações Mãe-Filho , Pesquisa Qualitativa
8.
Rev. bras. crescimento desenvolv. hum ; 20(2): 208-216, ago. 2010.
Artigo em Português | Index Psicologia - Periódicos | ID: psi-55253

RESUMO

O número de pessoas com necessidades especiais bem como as questões referentes ao atendimento desses pacientes e a partir da resolução 25/2002, publicada no Diário Oficial da União - D.O.U. - em 28/05/2002 pelo Conselho Federal de Odontologia, regulamenta a especialidade, com intenção de capacitar os cirurgiões-dentistas ao atendimento de pessoas que necessitam de cuidados odontológicos especiais durante toda a sua vida ou por um período. Um dos pontos levantados no atendimento a esses pacientes está a questão da integralidade de modo que essa seria a de compreender o paciente e propor atendê-lo por inteiro em suas necessidades de saúde. Assim, o objetivo é verificar as percepções dos cirurgiões-dentistas sobre o atendimento de crianças com necessidades especiais. Desta maneira, evidenciaram-se dificuldades desses profissionais em descrever as reais necessidades das crianças com necessidades especiais no tocante ao atendimento odontológico, tanto em nível do serviço de saúde público municipal, como nos quesitos de formação específica para o exercício profissional com esta população.(AU)


The large number of people with special needs as well as issues concerning the care of these patientsresulted in the Resolution 25/2002, published in the Official Gazette of the Union - On 28/05/2002 by the Federal Council of Dentistry; it regulates the specialty, with the intent to enable dentists to take care for people in need of special dental care throughout their life or a period. One of the points raised in response to these patients is the issue of totality to understand the patient and propose to serv hin or her in all their health´s needs. This paper aims to draw from a qualitative analysis, the perceptions of dentists responsible for these consultations in five municipalities of greater Sao Paulo. It is evident that the professionals´ difficulties in describing what really is inherent with the patient in special need of dental care which is itself an health municipal public service and also what are their own limits facing the attendants described. It was concluded that recognition of these limits is a key factor that they can be overcome in order to glimpse the care.(AU)

9.
Rev. bras. crescimento desenvolv. hum ; 20(2): 208-216, ago. 2010.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-603638

RESUMO

O número de pessoas com necessidades especiais bem como as questões referentes ao atendimento desses pacientes e a partir da resolução 25/2002, publicada no Diário Oficial da União - D.O.U. - em 28/05/2002 pelo Conselho Federal de Odontologia, regulamenta a especialidade, com intenção de capacitar os cirurgiões-dentistas ao atendimento de pessoas que necessitam de cuidados odontológicos especiais durante toda a sua vida ou por um período. Um dos pontos levantados no atendimento a esses pacientes está a questão da integralidade de modo que essa seria a de compreender o paciente e propor atendê-lo por inteiro em suas necessidades de saúde. Assim, o objetivo é verificar as percepções dos cirurgiões-dentistas sobre o atendimento de crianças com necessidades especiais. Desta maneira, evidenciaram-se dificuldades desses profissionais em descrever as reais necessidades das crianças com necessidades especiais no tocante ao atendimento odontológico, tanto em nível do serviço de saúde público municipal, como nos quesitos de formação específica para o exercício profissional com esta população


Assuntos
Humanos , Assistência Odontológica para Pessoas com Deficiências , Crianças com Deficiência , Pessoas com Deficiência , Avaliação em Saúde , Pessoal de Saúde , Promoção da Saúde , Saúde Bucal , Serviços de Saúde Bucal
10.
Arq. bras. ciênc. saúde ; 35(2)maio-ago. 2010.
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-555481

RESUMO

Um aumento no potencial hemostático endometrial ocorre durante o ciclo menstrual, possibilitando, assim, a implantação embrionária, caso ocorra a fertilização. Defeitos nas proteínas de coagulação podem alterar esse estado de hipercoagulabilidade gestacional e desencadear perdas fetais por falhas na implantação ou na nutrição do embrião. A síndrome do aborto recorrente pode ser ocasionada por inúmeros fatores, entre eles anormalidades cromossômicas, anatômicas ou hormonais, ou ainda por defeitos nas proteínas de coagulação sanguínea ou plaquetária. Uma causa comum de abortos recorrentes é a síndrome antifosfolípide, uma desordem sistêmica, autoimune, caracterizada por trombose arterial e/ou venosa, morte fetal, abortos recorrentes e trombocitopenia, acompanhada de títulos elevados de anticorpos antifosfolípides: anticoagulante lúpico e/ou anticardiolipina. Pela íntima associação dessas síndromes, faz-se necessário investigá-las em pacientes que procuram os tratamentos de fertilização in vitro.


An increase in endometrial hemostatic potential occurs during the menstrual cycle, thus enabling the embryonic implantation in the occurrence of fertilization. Defects in the coagulation proteins may change this state of gestational hypercoagulability and cause fetal losses by failures in the implantation or nutrition of the embryo. The recurrent abortion syndrome can occur by many factors, including chromosomal, anatomical or hormonal abnormalities or defects in proteins of blood or platelet coagulation. A common cause of recurrent miscarriages is antiphospholipid syndrome, a systemic disorder, autoimmune, characterized by arterial and/or venous thrombosis, fetal death, recurrent miscarriages, and thrombocytopenia, accompanied by evidence of elevated antiphospholipid antibodies: lupus anticoagulant and/or anticardiolipin. Due to the intimate association of these syndromes, the investigation of them is necessary in patients seeking for in vitro fertilization treatment.


Assuntos
Humanos , Feminino , Aborto Habitual , Anticorpos Anticardiolipina , Síndrome Antifosfolipídica , Trombofilia
11.
Rev. bras. crescimento desenvolv. hum ; 20(3): 769-777, 2010. graf, tab
Artigo em Português | Index Psicologia - Periódicos | ID: psi-55199

RESUMO

As enteroparasitoses ainda constituem um grande problema de saúde pública, especialmente em países em desenvolvimento como o Brasil, onde são destaque entre as principais endemias. As parasitoses estão entre as doenças mais frequentes na população de baixa renda, afetando principalmente as crianças devido aos hábitos inadequados de higiene. O objetivo é verificar a prevalência de enteroparasitas em usuários de Unidade de Saúde da cidade de Bom Jesus dos Perdões, São Paulo, Brasil. Entre os 2524 resultados analisados 396 (15,69 por cento) foram positivos para um ou mais parasitas entre helmintos e protozoários. O maior índice de infecção foi pelo protozoário Endolimax nana, parasita não patogênico, marcador de contaminação fecal-oral. Os inquéritos coproparasitológicos devem ser estimulados tanto em áreas urbanas como em áreas rurais. As parasitoses intestinais ainda são crescentes entre as pessoas tanto de áreas urbanas como de comunidades ribeirinhas, fato que parece ser causado pelo aumento desordenado da população, principalmente na periferia dessas aglomerações.(AU)


Parasites still constitute a major public health problem, especially in developing countries like Brazil, where appear among the main endemic diseases. The parasitic diseases area mong the most frequent in the low income population, affecting mainly children due to inadequate hygienic habits. The objective is to assess the prevalence of intestinal parasites in patients users of a Joint Health Unit from Bom Jesus dos Perdões, São Paulo, Brazil. Among the 2524 results analyzed 396 (15.69 percent) were positive for one or more of helminth and protozoan parasites. The highest rate of infection by the protozoan was Endolimax nana, non-pathogenic parasite, a marker of fecal-oral contamination. Coproparasitologic inquiries must be encouraged both in the urban and rural areas. Parasitic infections are still increasing among people of both urban and rural communities, and seem to be caused by uncontrolled population increase, mainly in the periphery of urban agglomerations.(AU)

12.
Rev. bras. crescimento desenvolv. hum ; 20(3): 769-777, 2010. graf, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-603664

RESUMO

As enteroparasitoses ainda constituem um grande problema de saúde pública, especialmente em países em desenvolvimento como o Brasil, onde são destaque entre as principais endemias. As parasitoses estão entre as doenças mais frequentes na população de baixa renda, afetando principalmente as crianças devido aos hábitos inadequados de higiene. O objetivo é verificar a prevalência de enteroparasitas em usuários de Unidade de Saúde da cidade de Bom Jesus dos Perdões, São Paulo, Brasil. Entre os 2524 resultados analisados 396 (15,69 por cento) foram positivos para um ou mais parasitas entre helmintos e protozoários. O maior índice de infecção foi pelo protozoário Endolimax nana, parasita não patogênico, marcador de contaminação fecal-oral. Os inquéritos coproparasitológicos devem ser estimulados tanto em áreas urbanas como em áreas rurais. As parasitoses intestinais ainda são crescentes entre as pessoas tanto de áreas urbanas como de comunidades ribeirinhas, fato que parece ser causado pelo aumento desordenado da população, principalmente na periferia dessas aglomerações


Assuntos
Humanos , Saneamento Básico , Doenças Parasitárias/epidemiologia , Enteropatias Parasitárias/epidemiologia , Parasitos , Pobreza , Áreas de Pobreza , Prevalência , Atenção Primária à Saúde
13.
Arq. bras. ciênc. saúde ; 33(3): 185-194, set.-dez. 2008. ilus, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-501345

RESUMO

O linfoma difuso de grandes células B (LDGCB) é um linfoma agressivo, heterogêneo, mas potencialmente curável com quimioterapia multiagente; compreende cerca de 30 a 40


dos linfomas não Hodgkin; ocorre principalmente nos indivíduos com mais de 70 anos e raramente em crianças. O LDGCB pode surgir como um evento de novo ou representar uma progressão ou transformação de um linfoma menos agressivo. O International Prognostica Index (IPI) é utilizado como um fator preditivo das conseqüências clínicas para o paciente, porém, isolado não é capaz de prever com certeza o resultado de um tratamento para pacientes individuais, então se faz necessária a utilização de outros exames laboratoriais, ditos especiais para melhor diagnóstico e prognóstico dessas neoplasias. O objetivo deste trabalho foi verificar os principais exames laboratoriais complementares no apoio ao diagnóstico do LDGCB, bem como os avanços dessas análises, destacando seus princípios, vantagens e desvantagens na rotina laboratorial. O anátomo-patológico, a citogenética clássica, a citogenética molecular, as técnicas de biologia molecular, a imunohistoquímica e a imunofenotipagem são os exames aplicados no diagnóstico desta patologia. O exame de anatomia patológica pode ser utilizado como de referência, pois delineia o diagnóstico do paciente e auxilia na escolha dos exames complementares. A marcação por imunohistoquímica realiza uma avaliação direta das células neoplásicas, pois pode identificar os subtipos centro germinativo (GC) e não GC dos LDGCBs e predizer a sobrevivência com uma expressão similar a de expressão de genes por microarrays, considerada a principal técnica de biologia molecular empregada no estudo dos LDGCB. A citogenética clássica permite observar outros marcadores além dos específicos para o LDGCB, como as translocações t (14;18) e t (11;18). A imunofenotipagem (citometria de fluxo) permite a caracterização do estágio de maturação das células malignas, contribuindo...


Assuntos
Humanos , Técnicas de Laboratório Clínico , Testes Laboratoriais , Linfoma Difuso de Grandes Células B/diagnóstico , Biópsia , Análise Citogenética , Citogenética , Citometria de Fluxo , Biologia Molecular
14.
São Paulo; s.n; 2008. 93 p. map, tab.
Tese em Português | LILACS, Coleciona SUS, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-CTDPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-ACVSES, SESSP-TESESESSP, Sec. Est. Saúde SP | ID: biblio-933311

RESUMO

No Brasil, de acordo com o censo realizado em 2000 pelo IBGE, 14,5% da população brasileira apresentam algum grau de limitação ou deficiência. Mesmo que este censo tenha sido um marco histórico sobre a divulgação desses dados, constatou-se uma sub notificação em relação ao número de pessoas com deficiência em níveis municipais. No que concerne à Odontologia, de certa forma essa reconhece as questões e o grande número de pessoas com necessidades especiais e a partir da Resolução 25/2002, publicada no Diário Oficial da União - D.O.U. - em 28/05/2002 pelo Conselho Federal de Odontologia, regulamenta a especialidade, com intenção de capacitar os cirurgiões-dentistas ao atendimento de pessoas que necessitam de cuidados odontológicos especiais durante toda a sua vida ou por um período. Foi evidenciada a existência de uma série de documentos oficiais que não somente atribuem a necessidade de atendimento odontológico aos pacientes com necessidades especiais em níveis públicos, como também os regulamentam a partir do lançamento do programa Brasil Sorridente pelo governo Lula nos municípios com este histórico de atendimento odontológico. O presente trabalho tem como objetivo descrever cinco serviços públicos municipais de saúde em odontologia e traçar, a partir de uma análise qualitativa, os limites de atuação dos cirurgiões-dentistas responsáveis por estes atendimentos. A dificuldade em conceituar e classificar quem são esses pacientes resulta inclusive na mesma dificuldade em definir qual o escopo de pacientes que deverão ser atendidos por estes serviços descritos. Conclui-se que estes serviços foram se organizando a medida que foram aumentando a demanda e procura dos pacientes, de modo que nos permite dizer, mediante a descrição dos serviços e análise dos entrevistados, que muitas vezes não é o...


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Assistência Odontológica para Pessoas com Deficiências , Serviços de Saúde Bucal , Pessoas com Deficiência , Promoção da Saúde , Acesso aos Serviços de Saúde , Saúde Bucal
15.
São Paulo; s.n; 2008. 93 p. mapas, tab.
Tese em Português | LILACS, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-CTDPROD, Sec. Est. Saúde SP, SESSP-TESESESSP, Sec. Est. Saúde SP | ID: lil-480952

RESUMO

No Brasil, de acordo com o censo realizado em 2000 pelo IBGE, 14,5% da população brasileira apresentam algum grau de limitação ou deficiência. Mesmo que este censo tenha sido um marco histórico sobre a divulgação desses dados, constatou-se uma sub notificação em relação ao número de pessoas com deficiência em níveis municipais. No que concerne à Odontologia, de certa forma essa reconhece as questões e o grande número de pessoas com necessidades especiais e a partir da Resolução 25/2002, publicada no Diário Oficial da União - D.O.U. - em 28/05/2002 pelo Conselho Federal de Odontologia, regulamenta a especialidade, com intenção de capacitar os cirurgiões-dentistas ao atendimento de pessoas que necessitam de cuidados odontológicos especiais durante toda a sua vida ou por um período. Foi evidenciada a existência de uma série de documentos oficiais que não somente atribuem a necessidade de atendimento odontológico aos pacientes com necessidades especiais em níveis públicos, como também os regulamentam a partir do lançamento do programa Brasil Sorridente pelo governo Lula nos municípios com este histórico de atendimento odontológico. O presente trabalho tem como objetivo descrever cinco serviços públicos municipais de saúde em odontologia e traçar, a partir de uma análise qualitativa, os limites de atuação dos cirurgiões-dentistas responsáveis por estes atendimentos. A dificuldade em conceituar e classificar quem são esses pacientes resulta inclusive na mesma dificuldade em definir qual o escopo de pacientes que deverão ser atendidos por estes serviços descritos. Conclui-se que estes serviços foram se organizando a medida que foram aumentando a demanda e procura dos pacientes, de modo que nos permite dizer, mediante a descrição dos serviços e análise dos entrevistados, que muitas vezes não é o serviço que seja referência para o atendimento, mais sim o profissional engajado. Assim, faz-se necessário não somente a definição de atribuições para os serviços em questão...


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Pessoas com Deficiência , Promoção da Saúde , Serviços de Saúde Bucal , Acesso aos Serviços de Saúde , Saúde Bucal
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...