Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 7 de 7
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Cien Saude Colet ; 15 Suppl 1: 1653-64, 2010 Jun.
Artigo em Português | MEDLINE | ID: mdl-20640327

RESUMO

Care completeness has been defined as a leading axle of the changing process into the nurse formation. In this context, a descriptive-exploratory study was performed aiming to analyze the conceptions of completeness care present in the professors speech and the used strategies to the apprehension of care completeness by students. The research involved three institutions of higher education (HE). The data were collected through interviews with professors and documental analysis of teaching plans. The material was submitted to content analysis according to Bardin(1). Three conceptions emerged: Care completeness - from singular to global; Care completeness - the ways to SUS; Care completeness - strategies to teaching. The study showed the reasons of taking care of human being in his social reality, with specificities and subjectivities; the idea of care and social net into the care practice; strategies to teaching how to care incorporating the learn how to learn, to do, to be and to live together. We want that the results contribute for the reflection of the professors on the directions of the completeness of the care, as well as to reorient the formation process, giving potency to the human resources and to the strategies that have already been used in the direction of the construction of completeness.


Assuntos
Assistência Integral à Saúde , Educação em Enfermagem , Docentes de Enfermagem , Brasil
2.
Ciênc. saúde coletiva ; 15(supl.1): 1653-1664, jun. 2010. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-555700

RESUMO

A integralidade tem sido defendida como o eixo condutor dos processos de mudanças na formação do enfermeiro. Inserido nesta problemática, realizou-se um estudo descritivo-exploratório, objetivando analisar as concepções de integralidade do cuidado presentes nos discursos dos docentes e as estratégias utilizadas para a apreensão da integralidade pelos discentes. A pesquisa envolveu três instituições de ensino superior (IES). Os dados foram coletados por meio de entrevistas com docentes e análise documental de planos de ensino. O material foi submetido à análise de conteúdo segundo Bardin¹. Emergiram três categorias: Integralidade do cuidado - do singular ao global; Integralidade do cuidado - os caminhos para o SUS e Integralidade do cuidado - estratégias para a ensinagem. Revelam-se sentidos do cuidado ao ser humano na sua realidade social, com as especificidades e subjetividades; idéia de redes de cuidado e sociais nas práticas de cuidado; estratégias para a ensinagem do cuidado incorporando o aprender a aprender, fazer, ser e viver junto. Esperamos que os resultados possam contribuir para a reflexão dos docentes acerca dos sentidos da integralidade do cuidado, assim como reorientar o processo de formação, potencializando os recursos humanos e estratégias já utilizadas, rumo à construção da integralidade.


Care completeness has been defined as a leading axle of the changing process into the nurse formation. In this context, a descriptive-exploratory study was performed aiming to analyze the conceptions of completeness care present in the professors speech and the used strategies to the apprehension of care completeness by students. The research involved three institutions of higher education (HE). The data were collected through interviews with professors and documental analysis of teaching plans. The material was submitted to content analysis according to Bardin¹. Three conceptions emerged: Care completeness - from singular to global; Care completeness - the ways to SUS; Care completeness - strategies to teaching. The study showed the reasons of taking care of human being in his social reality, with specificities and subjectivities; the idea of care and social net into the care practice; strategies to teaching how to care incorporating the learn how to learn, to do, to be and to live together. We want that the results contribute for the reflection of the professors on the directions of the completeness of the care, as well as to reorient the formation process, giving potency to the human resources and to the strategies that have already been used in the direction of the construction of completeness.


Assuntos
Assistência Integral à Saúde , Educação em Enfermagem , Docentes de Enfermagem , Brasil
3.
Marília; s.n; dez. 2002. 251f p.
Tese em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-18297

RESUMO

Neste trabalho, aborda-se a competência e a reflexividade como noções a serem valorizadas na formação inicial em enfermagem, desde que orientadas para a ruptura com a racionalidade instrumental, como modelo biologiscista hospital ocêntrico e com finalidades de formação apenas mercadológicas. A investigação teve com o objetivos principais a apreensão de idéias e práticas dos sujeitos da formação inicial a respeito do campo da enfermagem e das competências requeridas para exercê-la; a compreensão das demandas e desafios presentes na pratic a da enf ermagem; a obtenção de elementos para a produção de aç ões visando a melhoria da formação inicial. A pesquisa consistiu de atividades de observação direta não participante e aplicação de questionários junto a estudantes e egressos do curs o de enfermagem da Universidade Católica do Goiás. O tratamento inicial dos dados possibilitou construir duas categorias principais: "Idéias e pensamentos dos sujeitos: senhas para c ompreender a formação inicial em enfermagem"; "Cenários de uma pratica complexa com pistas para a formação inicial". ...(AU)


Assuntos
Humanos , Bacharelado em Enfermagem , Competência Profissional , Educação em Enfermagem/tendências , Prática Profissional/tendências , Educação Continuada em Enfermagem/tendências
7.
Goiânia; s.n; dez. 1997. 187f p.
Tese em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-17682

RESUMO

Parte-se da compreensão da criança como um ser concreto, construído no devir histórico, demarcado pelas relações sociais e pelo limite de classe. Nesse devir histórico, elaboram-se representações e discursos a seu respeito. Tendo como referencial o conceito de representações situado no materialismo dialético, esta investigação tem como objeto as representações sociais das enfermeiras sobre a criança. Os sujeitos foram enfermeiras que trabalham em hospitais pediátricos e os instrumentos utilizados foram questionários e entrevistas semi-estruturadas. A partir dos recortes percebidos nas falas, buscou-se identificar as representações sociais sobre a criança. A análise revelou representações elaboradas pelas enfermeiras a partir da dialética entre sujeito técnico-científico e sujeito vivencial. Há um distanciamento entre a criança concreta e a criança representada; a historicidade do saber e do processo de trabalho da enfermeira determinam o modo de sua relação com a criança e de seu pensar sobre ela. Faz-se necessário um repensar crítico da graduação em enfermagem, com vistas à superação de pensamentos e conhecimentos cristalizados, possibilitando aos futuros profissionais perceber a criança como um ser concreto, historicamente construído e socialmente demarcado.(AU)


Assuntos
Criança , Humanos , Enfermagem Pediátrica/educação , Filosofia em Enfermagem
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA