Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 9 de 9
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Rev Bras Epidemiol ; 14(2): 231-9, 2011 Jun.
Artigo em Inglês, Português | MEDLINE | ID: mdl-21655690

RESUMO

OBJECTIVE: To identify associated causes and the number of causes on death certificates that reported cerebrovascular diseases as the underlying cause among residents of the State of Paraná, in Brazil. METHODS: Mortality data in 2004 were obtained on the Datasus website. The population was selected by the TabWin program and multiple causes were processed by the Multiple Causes of Death Tabulator program. RESULTS: The mean number of causes listed on death certificates was 2.92 for women and 2.97 for men. Most people who died (74.8%) were aged 65 or older. Among the major causes associated with cerebrovascular disease deaths were respiratory diseases (37.9%), hypertensive diseases (37.5%), and symptoms, signs and abnormal clinical and laboratory tests (32.3%). FINAL CONSIDERATIONS: There was a relative improvement in the quality of mortality data regarding the number of causes registered. Hypertension as a major associated cause suggests the need for its control in the fight against mortality caused by cerebrovascular disease. Studies with multiple causes should be encouraged, taking into account all causes listed on death certificates, many of which are overlooked in mortality studies that only use the underlying cause of death.


Assuntos
Transtornos Cerebrovasculares/mortalidade , Idoso , Brasil/epidemiologia , Causas de Morte , Feminino , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade
2.
Rev. bras. epidemiol ; 14(2): 231-239, jun. 2011. tab, graf
Artigo em Português | CidSaúde - Cidades saudáveis | ID: cid-64374

RESUMO

OBJETIVO: Identificar as causas associadas de morte e o número de causas informadas nas declarações de óbito por doenças cerebrovasculares entre residentes no Estado do Paraná. MATERIAL E MÉTODOS: O banco de dados de mortalidade do ano de 2004 foi obtido do Sistema de Informação de Mortalidade disponível no endereço eletrônico do Datasus. A população escolhida foi separada pelo programa TabWin e as causas múltiplas foram processadas pelo programa Tabulador de Causas Múltiplas de Morte. RESULTADOS: O número médio de causas informadas foi de 2,92 para as mulheres e 2,97 para os homens. A maioria dos óbitos (74,8 por cento) foi de pessoas com 65 anos ou mais de idade. Entre as causas associadas aos óbitos por doenças cerebrovasculares se destacaram as doenças do aparelho respiratório (37,9 por cento), as doenças hipertensivas (37,5 por cento) e os sintomas, sinais e achados anormais de exames clínicos e de laboratório (32,3 por cento). CONSIDERAÇÕES FINAIS: Foi observada relativa melhora na qualidade dos dados de mortalidade em relação ao número de causas citadas. A hipertensão arterial como uma das principais causas associadas sugere a necessidade do seu controle no combate à mortalidade por doenças cerebrovasculares. Incentivos devem ser promovidos para estudos com causas múltiplas, para que se utilizem melhor informações tão importantes, que são desprezadas em estudos de mortalidade feitos somente com a causa básica de morte.(AU)


Assuntos
Transtornos Cerebrovasculares/epidemiologia , Estatísticas Vitais , Mortalidade , Doenças Cardiovasculares , 50284 , Atestado de Óbito
3.
Rev. bras. epidemiol ; 14(2): 231-239, jun. 2011. graf, tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-608229

RESUMO

OBJETIVO: Identificar as causas associadas de morte e o número de causas informadas nas declarações de óbito por doenças cerebrovasculares entre residentes no Estado do Paraná. MATERIAL E MÉTODOS: O banco de dados de mortalidade do ano de 2004 foi obtido do Sistema de Informação de Mortalidade disponível no endereço eletrônico do Datasus. A população escolhida foi separada pelo programa TabWin e as causas múltiplas foram processadas pelo programa Tabulador de Causas Múltiplas de Morte. RESULTADOS: O número médio de causas informadas foi de 2,92 para as mulheres e 2,97 para os homens. A maioria dos óbitos (74,8 por cento) foi de pessoas com 65 anos ou mais de idade. Entre as causas associadas aos óbitos por doenças cerebrovasculares se destacaram as doenças do aparelho respiratório (37,9 por cento), as doenças hipertensivas (37,5 por cento) e os sintomas, sinais e achados anormais de exames clínicos e de laboratório (32,3 por cento). CONSIDERAÇÕES FINAIS: Foi observada relativa melhora na qualidade dos dados de mortalidade em relação ao número de causas citadas. A hipertensão arterial como uma das principais causas associadas sugere a necessidade do seu controle no combate à mortalidade por doenças cerebrovasculares. Incentivos devem ser promovidos para estudos com causas múltiplas, para que se utilizem melhor informações tão importantes, que são desprezadas em estudos de mortalidade feitos somente com a causa básica de morte.


OBJECTIVE: To identify associated causes and the number of causes on death certificates that reported cerebrovascular diseases as the underlying cause among residents of the State of Paraná, in Brazil. METHODS: Mortality data in 2004 were obtained on the Datasus website. The population was selected by the TabWin program and multiple causes were processed by the Multiple Causes of Death Tabulator program. RESULTS: The mean number of causes listed on death certificates was 2.92 for women and 2.97 for men. Most people who died (74.8 percent) were aged 65 or older. Among the major causes associated with cerebrovascular disease deaths were respiratory diseases (37.9 percent), hypertensive diseases (37.5 percent), and symptoms, signs and abnormal clinical and laboratory tests (32.3 percent). FINAL CONSIDERATIONS: There was a relative improvement in the quality of mortality data regarding the number of causes registered. Hypertension as a major associated cause suggests the need for its control in the fight against mortality caused by cerebrovascular disease. Studies with multiple causes should be encouraged, taking into account all causes listed on death certificates, many of which are overlooked in mortality studies that only use the underlying cause of death.


Assuntos
Idoso , Feminino , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Transtornos Cerebrovasculares/mortalidade , Brasil/epidemiologia , Causas de Morte
4.
Cad Saude Publica ; 27(2): 327-34, 2011 Feb.
Artigo em Português | MEDLINE | ID: mdl-21359469

RESUMO

This study analyzed stroke mortality in Paraná State, Brazil, in 2007, according to residence and place of death, using the official Mortality Information System. For deaths in individuals 65 years and older and from 45 to 64 years of age, 17.6% and 29.8%, respectively, occurred at home. An association was observed between region of residence and less than three years of schooling (OR = 3.96) four to seven years of schooling (OR = 1.75), and race or skin color (non-white: OR = 1.39). Place of death was associated with age over 65 (OR= 1.69), less than three years of schooling (OR = 1.70), and residence in municipalities other than the respective headquarters of the Regional Health offices (OR = 1.33). The results suggested inequalities in access to hospital care at the time of death from stroke, according to region of residence and socioeconomic variables. The study supports use of the Mortality Information System as a data source to back public health policies and interventions. Further studies are needed to evaluate the factors that influence quality of patient care for stroke and to verify whether the same pattern is repeated in mortality from other causes.


Assuntos
Transtornos Cerebrovasculares/mortalidade , Características de Residência/estatística & dados numéricos , Idoso , Brasil/epidemiologia , Atestado de Óbito , Feminino , Acesso aos Serviços de Saúde , Mortalidade Hospitalar , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Preferência do Paciente , Fatores Socioeconômicos
5.
Cad. saúde pública ; 27(2): 327-334, fev. 2011. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-598418

RESUMO

A mortalidade por doença cerebrovascular foi analisada, no Paraná, Brasil, em 2007, segundo residência e local de ocorrência do óbito, pelo Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM). Dos óbitos de pessoas com 65 anos e mais e de 45 a 64, 17,6 por cento e 29,8 por cento, respectivamente, ocorreram nos domicílios. Houve associação da residência e escolaridade menor que três anos (OR = 3,96), de quatro a sete anos (OR = 1,75) e raça/cor não branca (OR = 1,39). O local do óbito foi associado com idade acima de 65 anos (OR = 1,69); escolaridade menor que três anos (OR = 1,70); e residência em municípios não sede de Regional de Saúde (OR = 1,33). Os resultados indicaram desigualdades no acesso ao hospital no momento do óbito por doença cerebrovascular, segundo residência e variáveis indicativas de situação socioeconômica. Destacou-se o SIM como fonte de dados para subsidiar ações e políticas públicas. Estudos adicionais são necessários para avaliar os fatores que influenciam no atendimento ao paciente com doença cerebrovascular, e para verificar se o mesmo perfil se repete na mortalidade por outras causas.


This study analyzed stroke mortality in Paraná State, Brazil, in 2007, according to residence and place of death, using the official Mortality Information System. For deaths in individuals 65 years and older and from 45 to 64 years of age, 17.6 percent and 29.8 percent, respectively, occurred at home. An association was observed between region of residence and less than three years of schooling (OR = 3.96) four to seven years of schooling (OR = 1.75), and race or skin color (non-white: OR = 1.39). Place of death was associated with age over 65 (OR= 1.69), less than three years of schooling (OR = 1.70), and residence in municipalities other than the respective headquarters of the Regional Health offices (OR = 1.33). The results suggested inequalities in access to hospital care at the time of death from stroke, according to region of residence and socioeconomic variables. The study supports use of the Mortality Information System as a data source to back public health policies and interventions. Further studies are needed to evaluate the factors that influence quality of patient care for stroke and to verify whether the same pattern is repeated in mortality from other causes.


Assuntos
Idoso , Feminino , Humanos , Masculino , Pessoa de Meia-Idade , Transtornos Cerebrovasculares/mortalidade , Características de Residência/estatística & dados numéricos , Brasil , Atestado de Óbito , Acesso aos Serviços de Saúde , Mortalidade Hospitalar , Preferência do Paciente , Fatores Socioeconômicos
6.
Rev Gaucha Enferm ; 29(1): 60-7, 2008 Mar.
Artigo em Português | MEDLINE | ID: mdl-18767362

RESUMO

Oftentimes a life of crime starts during adolescence, which represents a critical stage in a person's life. This exploratory descriptive study was conducted at the State Penitentiary of Maringá, Paraná, Brazil, with the objective of identifying how prison inmates recalled their families. The data was collected through a semi-structured interview of 35 informers selected by convenience. The results revealed that the vast majority of inmates had difficult childhoods and adolescences involving financial difficulties. Nevertheless, there were few the cases in which family lack of structure could be considered as being the cause of the criminal activities that ended up in prison. Therefore, is imperative that different sectors create strategies and mechanisms related to this risk population in order to reduce violence rates in our environment.


Assuntos
Relações Familiares , Acontecimentos que Mudam a Vida , Prisioneiros/psicologia , Adolescente , Adulto , Brasil , Criança , Humanos , Entrevistas como Assunto
7.
Rev Esc Enferm USP ; 42(2): 321-30, 2008 Jun.
Artigo em Português | MEDLINE | ID: mdl-18642745

RESUMO

This is a descriptive study carried out with six mothers of children suffering from leukemia admitted to a specialized hospital. The objective of the study was to find out who the children being treated in this service are and to identify how mothers perceive the experience of caring for their child at home and how they evaluate the orientation they receive for this type of care. The results revealed that, in spite of doubts, difficulties and conflicts within the family, mothers care for their children with selflessness and feel positive about doing so, resorting to religion to get strength to face the situation. It was also observed that mothers feel a need for further interaction with the nursing staff, but do not feel at ease to express their expectations and questions, even at times when they do not understand the orientations. This is an indication of serious gaps regardingthe nursing professional's function of providing assistance and educational support to the mother/caregiver within the family context.


Assuntos
Saúde da Família , Assistência Domiciliar , Leucemia/terapia , Mães , Adolescente , Criança , Pré-Escolar , Feminino , Humanos , Masculino
8.
Rev. Esc. Enferm. USP ; 42(2): 321-330, jun. 2008.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-486531

RESUMO

Estudo descritivo, desenvolvido junto a seis mães de crianças com leucemia, internadas em um hospital especializado, com o objetivo de conhecer quem são as crianças atendidas no serviço e identificar como as mães percebem a experiência de cuidar no domicílio e como elas avaliam as orientações recebidas para este cuidado. Os resultados revelaram que apesar das dúvidas, dificuldades e conflitos no interior da família, as mães cuidam com desvelo e se sentem bem em poder fazer isto, e buscam na religiosidade forças para enfrentar a situação. Observou-se ainda que elas sentem necessidade de maior interação com a equipe de enfermagem e que não se sentem à vontade para expressar expectativas ou questionamentos, mesmo quando não compreendem as orientações, revelando a existência de lacunas no âmbito da função educativa-assistencial dos profissionais enfermeiros, como subsídio para atuação da mãe/cuidadora no contexto domiciliar.


This is a descriptive study carried out with six mothers of children suffering from leukemia admitted to a specialized hospital. The objective of the study was to find out who the children being treated in this service are and to identify how mothers perceive the experience of caring for their child at home and how they evaluate the orientation they receive for this type of care. The results revealed that, in spite of doubts, difficulties and conflicts within the family, mothers care for their children with selflessness and feel positive about doing so, resorting to religion to get strength to face the situation. It was also observed that mothers feel a need for further interaction with the nursing staff, but do not feel at ease to express their expectations and questions, even at times when they do not understand the orientations. This is an indication of serious gaps regarding the nursing professional's function of providing assistance and educational support to the mother/caregiver within the family context.


Se trata de un estudio descriptivo, desarrollado con seis madres de niños con leucemia, internadas en un hospital especializado, con el objetivo de conocer quiénes son los niños atendidos en el servicio e identificar cómo perciben las madres la experiencia de cuidar en el domicilio y cómo evalúan las orientaciones recibidas para este cuidado. Los resultados revelaron que a pesar de las dudas, dificultades y conflictos en el interior de la familia, las madres cuidan con desvelo y se sienten bien de poder hacer esto, y buscan en la religiosidad fuerzas para enfrentar la situación. Además se observó que ellas sienten necesidad de más interacción con el equipo de enfermería y que no se sienten cómodas para expresar expectativas o cuestionamientos, aun cuando no comprenden las orientaciones, revelando la existencia de lagunas en el ámbito de la función educativa-asistencial de los profesionales enfermeros, como subsidio para la actuación de la madre/cuidadora en el contexto domiciliario.


Assuntos
Adolescente , Criança , Pré-Escolar , Feminino , Humanos , Masculino , Saúde da Família , Assistência Domiciliar , Leucemia/terapia , Mães
9.
Rev. gaúch. enferm ; 29(1): 60-67, mar. 2008.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: lil-539170

RESUMO

A adolescência constitui fase crítica para o início da vida criminosa. Este estudo descritivo exploratório foi realizado na Penitenciária Estadual de Maringá (PEM), Paraná, com o objetivo de identificar como a família é rememorada por internos de uma penitenciária. Os dados foram coletados por meio de entrevista semi-estruturada junto a 35 informantes selecionados por conveniência. Os resultados revelam que grande parte dos internos teve uma infância e adolescência difíceis , marcadas pela dificuldade financeira; mas foram poucos os casos em que a desestrutura familiar pode ser considerada como tendo participação efetiva na situação criminosa que veio a cercear a liberdade dos mesmos. Assim, urge a criação de estratégias e mecanismos de atuação por parte de diferentes setores junto a esta população com vistas a diminuir os índices de violência em nosso meio.


Assuntos
Humanos , Características da Família , Prisões , Condições Sociais
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...