Your browser doesn't support javascript.
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 20 de 323
Filtrar
1.
Trab. educ. saúde ; 18(1): e0023167, 2020. tab
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1043488

RESUMO

Resumo Trata-se de um estudo qualitativo que analisou práticas de cuidado territoriais em saúde mental realizadas por enfermeiros, agentes comunitários de saúde e usuários dos centros de atenção psicossocial e da atenção básica. Foram realizadas entrevistas, grupos focais e observação livre com 60 participantes de Fortaleza, Ceará, em 2017. A análise das informações fundamentou-se na hermenêutica-dialética ante um exercício interpretativo crítico e reflexivo. Os resultados evidenciaram que o processo de territorialização é realizado pela equipe multidisciplinar da Estratégia Saúde da Família, sem a participação dos profissionais do centro de atenção psicossocial. Embora estes, por vezes, realizem práticas comunitárias, persiste a valorização de ações dentro do próprio serviço e na medicalização do sofrimento psíquico, sem considerar as singularidades dos sujeitos e sem articulação com os serviços da atenção básica. Os agentes comunitários de saúde, se treinados, são atores potencialmente estratégicos para atuar na interface da saúde mental com a atenção básica. Com efeito, o panorama da saúde mental urge pela transformação de um modelo que privilegie a reflexão de novas ações em múltiplas dimensões, com ênfase na articulação dos serviços e na capacitação dos trabalhadores que atuam nesse âmbito.


Abstract This is a qualitative study that analyzed the practices of territorial care in mental health developed by nurses, community health workers and users of the psychosocial care centers and of primary health care. We conducted interviews, focus groups and free observation with 60 participants from the city of Fortaleza, state of Ceará, Brazil, in 2017. The data analysis was based on hermeneutics-dialectics in the face of a critical and reflective interpretive exercise. The results revealed that the territorialization process is developed by the multidisciplinary team from the Health of the Family Strategy, without the participation of the professional of the psychosocial care center. Even though they may sometimes develop community practices, they still privilege actions within the service itself and those focusing on the medicalization of mental suffering, without taking into consideration the singularities of the subjects, and with no interaction with the primary health care services. The community health workers, if trained, are potentially strategic actors to work on the interface between mental health and primary health care. In fact, the mental health outlook urges for the transformation of a model that privileges the reflection of new actions into multiple dimensions, with an emphasis on the connection of the services and the training of the workers that act in this context.


Resumen Se trata de un estudio cualitativo que analizó prácticas de cuidado territoriales en salud mental realizadas por enfermeros, agentes comunitarios de salud y usuarios de los centros de atención psicosocial y de la atención básica. Han sido realizadas entrevistas, grupos focales y observación libre con 60 participantes de la ciudad de Fortaleza, estado de Ceará, Brasil, en 2017. El análisis de las informaciones estuvo basado en la hermenéutica-dialéctica ante un ejercicio interpretativo crítico y reflexivo. Los resultados evidenciaron que el proceso de territorialización es realizado por el equipo multidisciplinario de la Estrategia Salud de la Familia, sin la participación de los profesionales del centro de atención psicosocial. Aunque ellos a veces realicen prácticas comunitarias, persiste la valoración de acciones dentro del propio servicio y en la medicalización del sufrimiento psíquico, sin considerar las singularidades de los sujetos, y sin articulación con los servicios de la atención básica. Los agentes comunitarios de salud, si entrenados, son actores potencialmente estratégicos para actuar en la interconexión de la salud mental con la atención básica. De hecho, el panorama de la salud mental urge por la transformación de un modelo que privilegie la reflexión de nuevas acciones en múltiples dimensiones, con énfasis en la articulación de los servicios y en la capacitación de los trabajadores que actúan en ese ámbito.


Assuntos
Humanos , Atenção Primária à Saúde , Saúde Mental , Agentes Comunitários de Saúde , Assistência Integral à Saúde , Serviços de Saúde Mental
2.
Rev. Pesqui. (Univ. Fed. Estado Rio J., Online) ; 12: 490-496, jan.-dez. 2020. il.
Artigo em Inglês, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1087558

RESUMO

Objetivo: Discutir o cuidado em saúde mental prestado pela equipe do Centro de Atenção Psicossocial geral a partir dos discursos de familiares, descrevendo as transformações vivenciadas com a mudança ocorrida no modelo de atenção em saúde mental. Métodos: Trata-se de uma investigação descritiva com abordagem qualitativa. Para a coleta de dados, foram realizadas entrevistas semiestruturadas com os familiares que desempenham papel de cuidadores de usuários do serviço. Utilizou-se o genograma e o ecomapa para caracterização das família e suas redes de apoio. A análise dos dados deu-se por meio da Análise de Conteúdo Temática. Resultados: Os familiares se sentem apoiados e acolhidos no serviço e o reconhecem como forte recurso terapêutico. No entanto, ainda existem muitos limites nos serviços de atenção psicossocial. Conclusão: Diante desse cenário, apresenta-se, como desafio, desenvolver métodos e técnicas práticas capazes de qualificar a assistência aos familiares


Objective: To discuss the mental health care provided by the Psychosocial Care Center team from family discourses, describing the experienced transformations with the change occurred in the model of mental health care. Methods: It is an exploratory and descriptive research with a qualitative approach. For data collection, semi-structured interviews were conducted with the relatives of the service. Data analysis was done using the Thematic Content Analysis technique. Results: Family members feel supported and welcomed at CAPS and they are recognized by professionals as a strong therapeutic resource. During the study, it was observed that the service in which the research was developed is facing difficulties in carrying out specific activities for caregivers. Conclusion: In view of this scenario, it is presented, as a challenge, to develop practical methods and techniques capable of qualifying assistance to the families


Objetivo: Discutir el cuidado en salud mental prestado por el equipo del Centro de Atención Psiosocial general a partir de los discursos de familiares, describiendo las transformaciones vivenciadas con el cambio ocurrido en el modelo de atención en salud mental. Métodos: Se trata de una investigación descriptiva con abordaje cualitativo. Para la recolección de datos, se realizaron entrevistas semiestructuradas con los familiares que desempeñan papel de cuidadores de usuarios del servicio. Se utilizaron recursos como el genograma y ecomapa para caracterización de la familia y sus redes de apoyo. El análisis de los datos se dio a través del Análisis de Contenido Temático. Resultados: Los familiares se sienten apoyados y acogidos en el servicio y lo reconocen como un fuerte recurso terapéutico. Sin embargo, todavía hay muchos límites servicio de atención psicosocial. Conclusión: Ante este escenario, se presenta, como desafío, desarrollar métodos y técnicas prácticas capaces de calificar la asistencia a los familiares


Assuntos
Humanos , Sistemas de Apoio Psicossocial , Alouatta caraya , Serviços de Saúde Mental , Família/psicologia
3.
Physis (Rio J.) ; 29(3): e290318, 2019.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1056948

RESUMO

Resumo Garantir cuidado integral à saúde de mulheres com câncer cérvico-uterino ainda é um desafio para a Saúde Coletiva, embora se evidencie o enraizamento de políticas, práticas e saberes na conformação de redes oncológicas de cuidado. Este estudo apostou na necessidade de mergulhar nas experimentações da micropolítica do cuidado para conhecer as nuances do fenômeno investigado. Ao fundamentar-se no aporte teórico-metodológico de Deleuze e Guattari, objetivou-se cartografar linhas de composição da produção de cuidado oncológico, na cidade de São Luís-MA, tendo como dispositivo a rede da usuária-guia Luiza. Investigaram-se 28 participantes através de entrevistas em profundidade e rodas de conversas. Como resultado, desenhou-se uma rede vulnerável, fragmentada e centralizada no cuidado biomédico, tendo um hospital que acolhe demandas da doença e uma atenção primária que abandona prevenção e promoção de saúde. Destaca-se a importância de conhecer a mulher com câncer atrelada à comunidade, à religiosidade e aos vínculos familiares. Ter câncer mudou a vida de Luiza e demandou conexões para além do biomédico. Essa cartografia convoca à percepção dos gargalos existentes na produção de redes oncológicas, convidando a quebrar muros tecnoassistenciais e criar enfrentamentos centrados na promoção de saúde e qualidade de vida.


Abstract Ensuring comprehensive health care for women with cervical-uterine cancer remains a challenge for public health, although evidence of the established policies, practices and knowledge in shaping of cancer care networks. This study focused on the need to deepen in the micropolitics of care experiments to know the nuances of the investigated phenomenon. Based on the theoretical and methodological approach of Deleuze and Guattari, it aimed to map the composition lines of cancer care production in the city of São Luis-MA, Brazil, using the network of the guide-user Luiza as a device. Twenty-eight participants were investigated through in-depth interviews and conversation groups. As a result, a vulnerable, fragmented, centralized network of biomedical care was designed, with a hospital that welcomes demands of the disease, and primary care that abandons prevention and health promotion. The importance of knowing women with cancer linked to the community, religiosity and family ties is highlighted. Having cancer changed Luiza's life and required connections beyond the biomedical sphere. This cartography calls for the perception of narrowing in the production of cancer care networks, inviting the breaking of techno-assistance walls and creating confrontations focused on health promotion and quality of life.

4.
Interface (Botucatu, Online) ; 23: e190083, 2019. tab
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-1012477

RESUMO

O estudou pretendeu conhecer os obstáculos existentes no processo de produção científica em saúde, dando ênfase à incorporação desses resultados na prática dos trabalhadores da Atenção Primária à Saúde (APS). trata-se de pesquisa qualitativa realizada em uma coordenadoria da cidade de Fortaleza, Ceará, e em um serviço de atenção primária. Foram realizados levantamento de projetos de pesquisa e entrevistas com profissionais da coordenadoria e do serviço no período de 2015 a 2016. A análise fundamentou-se na Análise de Conteúdo e os resultados revelaram que empecilhos relacionados à academia e aos serviços de saúde como questões burocráticas para entrada em campo, bem como as dificuldades do serviço em acolher o pesquisador, dificultam a utilização dos resultados das pesquisas. Para uma articulação entre saber e fazer, é necessário o empenho de pesquisadores e dos sujeitos envolvidos na prática, sejam profissionais de saúde ou gestores.


This study explored the current obstacles to the health research process, with emphasis on the application of results to the everyday practices of PrimaryHhealthcare workers. A qualitative study was conducted in a coordinating office in and primary care facility in Fortaleza, Ceará. A search of research projects and interviews with health professionals were conducted during the period 2015 to 2016. The results of the content analysis reveal obstacles to the use of research findings related to academia and health services, including bureaucratic problems linked to field work and difficulties experienced by health services in receiving researchers. Ensuring articulation between knowing and doing requires effort and commitment from both researchers and health professionals and administrators.


El objetivo del estudio fue conocer los obstáculos existentes en el proceso de producción científica en salud, enfatizando la incorporación de esos resultados en la práctica de los trabajadores de la Atención Primaria de la Salud (APS). Es una investigación cualitativa realizada en una coordinación de la ciudad de Fortaleza, Ceará, y en un servicio de atención primaria, se realizaron levantamientos de proyectos de investigación y entrevistas con profesionales de la coordinación y del servicio en el periodo de 2015 a 2016. El análisis tuvo como fundamento el Análisis de Contenido, cuyos resultados revelaron que obstáculos relacionados al sector académico y a los servicios de salud tales como cuestiones burocráticas para entrada en el campo, así como las dificultades del servicio para acoger al investigador dificultan la utilización de los resultados de las investigaciones. Para una articulación entre saber y hacer, es necesario el empeño de investigadores y de los sujetos envueltos en la práctica, sean ellos profesionales de salud o gestores.

5.
Physis (Rio J.) ; 29(1): e290114, 2019.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-1012771

RESUMO

Resumo Objetivou-se analisar os desafios enfrentados pela família no cuidado aos adolescentes usuários de crack. Pesquisa qualitativa, que realizou entrevistas em profundidade com onze adolescentes e seis familiares vinculados ao centro de atenção psicossocial. A análise fundamentou-se na Análise de Conteúdo, e os resultados revelaram que os desafios enfrentados estão relacionados aos conflitos familiares, quebra de vínculos, dificuldades de conciliar o acompanhamento do adolescente aos tratamentos de saúde com o trabalho, bem como a dificuldade de monitorar seu comportamento. Para essas famílias, a solução baseia-se na institucionalização do adolescente em ambientes com características asilares.


Abstract This study aimed to analyse the challenges that families face while caring adolescent crack users. Qualitative research, which conducts in-depth interviews with five teenagers and four relatives linked to the Psychosocial Care Centre. The research was based on content analysis, and the results show that the challenges are related to family conflicts, to the breaking of family ties, as well as with the difficulties in reconciling the teenager attendance to the treatment with his work and in the monitoring of his behaviour. For these families, the solution is based on the institutionalization of the adolescents in asylums environments features.


Assuntos
Humanos , Adolescente , Adolescente , Cocaína Crack/efeitos adversos , Transtornos Relacionados ao Uso de Cocaína/complicações , Relações Familiares , Serviços de Saúde Mental , Brasil , Pesquisa Qualitativa
6.
Trab. educ. saúde ; 17(1): e0017201, 2019.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-979425

RESUMO

Resumo Objetivou-se compreender a experiência da convivência entre os serviços substitutivos e o hospital psiquiátrico. Trata-se de um estudo com abordagem qualitativa hermenêutica. A pesquisa foi realizada no Nordeste brasileiro. Contemplou dois cenários: Centro de Atenção Psicossocial e Hospital Psiquiátrico. Contou com 14 participantes, dos quais oito trabalhadores do Centro de Atenção Psicossocial e seis trabalhadores de saúde do Hospital Psiquiátrico. Para alcançar as informações, utilizou-se a entrevista em profundidade e a observação sistemática. A coleta ocorreu no período de agosto a outubro de 2017. A análise das entrevistas ocorreu empregando-se a hermenêutica de Paul Ricoeur, por meio das seguintes etapas: transformação dos discursos em textos, leitura exaustiva, análise estrutural, compreensão do texto de forma abrangente, interpretação e análise. Os resultados denotaram que há uma convivência paradoxal entre os serviços de atenção psicossocial e o hospitalar psiquiátrico, mesmo que o serviço hospitalar não seja reconhecido e legitimado como parte da rede de saúde mental.


Abstract The goal of the present study was to understand the experience of the coexistence between the substitutive services and the psychiatric hospital. This is a study with a qualitative hermeneutic approach. The research was carried out in the Northeast of Brazil. It contemplated two scenarios: Center of Psychosocial Attention, and Psychiatric Hospital. It included 14 participants, 8 of whom were workers of the Center of Psychosocial Attention and 6 who were health workers at the Psychiatric Hospital. To obtain the information, an in-depth interview and a systematic observation were performed. The collection took place from August to October 2017. The analysis of the interviews was performed using the hermeneutics of Paul Ricoeur, through the following steps: speech to text transcription, exhaustive reading, structural analysis, wide-ranging comprehension of the text, interpretation and analysis. The results showed that there is a paradoxical coexistence between the psychosocial care services and the psychiatric hospital, even though the hospital service is not recognized and legitimized as part of the mental health network.


Resumen Se ha intentado comprender la experiencia de la convivencia entre los servicios substitutivos y el hospital psiquiátrico. Se trata de un estudio con abordaje cualitativo hermenéutico. La encuesta fue realizada en el Nordeste brasileño. Contempló dos escenarios: Centro de Atención Psicosocial y Hospital Psiquiátrico. Contó con 14 participantes, de los cuales ocho trabajadores del Centro de Atención Psicosocial y seis trabajadores de la salud del Hospital Psiquiátrico. Para alcanzar las informaciones, se utilizó la entrevista en profundidad y la observación sistemática. La obtención ocurrió en el período de agosto a octubre de 2017. El análisis de las entrevistas se realizo empleándose la hermenéutica de Paul Ricoeur, por medio de las siguientes etapas: transformación de los discursos en textos, lectura exhaustiva, análisis estructural, comprensión del texto de forma total, interpretación y análisis. Los resultados denotaron que hay una convivencia paradoxal entre los servicios de atención psicosocial y el hospitalario psiquiátrico, aunque el servicio hospitalario no sea reconocido y legitimado como parte de la red de salud mental.


Assuntos
Humanos , Saúde Mental , Assistência à Saúde Mental , Hospitais Psiquiátricos , Serviços de Saúde Mental
7.
Sex., salud soc. (Rio J.) ; (30): 242-261, set.-dez. 2018.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-986120

RESUMO

Resumo O artigo apresenta a cartografia de uma jovem mulher vivendo com HIV/aids em suas três gestações. Trata-se de uma pesquisa qualitativa de orientação cartográfica que utilizou a técnica da usuária guia para acompanhar os processos de produção do cuidado no entrelaçamento das redes formais de atenção à saúde e as redes informais. A atualidade da epidemia de HIV/aids se concentra em práticas biomédicas, ilustradas na palavra de ordem "testar e tratar"; em contrapartida, ferramentas inspiradas nos direitos humanos estão perdendo força. O desejo de praticar o cuidado e a observância estrita ao protocolo presente nas redes formais de cuidado não protegem as usuárias do SUS de possíveis investidas de regulação dos corpos (medicalização) e, no limite, da violência. A produção do cuidado das gestantes vivendo com HIV/aids no seio da contemporânea epidemia de HIV/aids está articulada à compreensão do fenômeno do machismo, do estigma, do preconceito, da discriminação e de questões socioeconômicas.


Abstract The article presents the cartography of a young woman living with HIV/AIDS during her three pregnancies. It is a cartographic qualitative research applying the user guide technique to analyze care production processes in the interweaving of formal and informal health care networks. The current HIV/aids epidemic focuses on biomedical practices, illustrated by the slogan "test and treat," while practices based on human rights lose strength. The desire to practice care and the strict adherence to formal care networks protocol do not protect public healthcare users from possible cases of bodily regulation (medicalization) and, in the end, from violence. The production of care for pregnant women living with HIV/aids in the contemporary HIV/AIDS epidemic is articulated with the understanding of the phenomenon of machismo, stigma, prejudice, discrimination and socioeconomic issues.


Resumen Este artículo presenta la cartografía de una joven mujer viviendo con VIH/SIDA en sus tres embarazos. Es una investigación cualitativa de orientación cartográfica que utilizó la técnica de usuaria guía para acompañar los procesos de producción del cuidado en el cruzamiento entre las redes formales de atención en salud y las redes informales. La actualidad de la epidemia de VIH/SIDA concentrase en prácticas biomédicas, ilustradas en la palabra de orden "testar y tratar", en contrapunto, prácticas inspiradas en los derechos humanos están perdiendo fuerzas. El deseo de practicar el cuidado y la observancia estricta al protocolo presente en las redes formales de cuidado no protegen a las usuarias del Sistema Único de Salud (SUS) de posibles acciones de regulación de los cuerpos (medicalización) y, en última instancia, de violencias. La producción del cuidado para embarazadas que viven con VIH/SIDA en el seno de la epidemia contemporánea de VIH/SIDA se articula a la comprensión del fenómeno del machismo, del estigma, del prejuicio, de la discriminación y a cuestiones socioeconómicas.


Assuntos
Humanos , Feminino , Gravidez , Adulto , Atenção Primária à Saúde , Religião , Autocuidado , Mulheres , Sistema Único de Saúde , Brasil , Educação em Saúde , Síndrome de Imunodeficiência Adquirida , HIV , Carta , Agentes Comunitários de Saúde , Pesquisa Qualitativa , Gestantes , Serviços de Saúde , Maternidades
8.
Rev Bras Enferm ; 71(suppl 5): 2101-2108, 2018.
Artigo em Inglês, Português | MEDLINE | ID: mdl-30365771

RESUMO

OBJECTIVE: To analyze the technologies of mental health care used in the practices and processes that constitute Primary Health Care from the discourses of nurses of the Family Health Strategy. METHOD: Qualitative approach based on the dialectical hermeneutic composition which aims to perform a comprehensive and critical analysis of semi-structured interviews, and free field observation. RESULTS: From the empirical material analyzed, two essential analytical categories emerged: "Health technologies used in PHC for the care of users with psychological distress" and "To stop medicating suffering and to Train professionals". FINAL CONSIDERATIONS: The study pointed the reception and matrixing as the main technologies of care exercised in the interface of Primary Health Care with Mental Health. However, there was a need for reinforcing actions for matrixing, for training in order to improve the professionals' autonomy in face of this demand, as well as the importance of stop medicating individuals with psychological distress.


Assuntos
Invenções/tendências , Serviços de Saúde Mental/tendências , Atenção Primária à Saúde/métodos , Humanos , Serviços de Saúde Mental/organização & administração , Atenção Primária à Saúde/tendências , Pesquisa Qualitativa
9.
Saúde Soc ; 27(3): 783-793, jul.-set. 2018.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-979214

RESUMO

Resumo O artigo discorre acerca das implicações da pesquisa em saúde nos cenários da atenção primária à saúde (APS). Analisa o modo como o conhecimento produzido pela investigação científica repercute no cotidiano dos serviços da APS, dando ênfase aos processos de produção, disseminação e utilização dos resultados. Para tanto, realizou-se um estudo avaliativo participativo do tipo estudo de caso, ancorado na teoria construtivista. Participaram da pesquisa profissionais de saúde da APS e gestores e técnicos da Secretaria da Saúde do Estado do Ceará e da Secretaria Municipal de Saúde de Fortaleza. Para a coleta das informações, utilizou-se a técnica do círculo hermenêutico-dialético e a análise do material empírico tomou como base a hermenêutica crítica. Nos resultados, são discutidos aspectos relacionados à escolha dos temas de pesquisa, à relevância das investigações e à utilização dos resultados para a tomada de decisão informada. Para superar os obstáculos encontrados para produção, disseminação e utilização dos resultados das pesquisas, sugere-se a elaboração de uma agenda de prioridades em pesquisa, em âmbito municipal, a partir da qual os problemas da APS seriam elencados, priorizados e investigados a partir de uma metodologia participativa, capaz de envolver todos os implicados.


Abstract The article discusses the implications of health research in Primary Health Care (PHC). It analyses how the knowledge produced by the scientific investigation impacts the PHC services routine, emphasizing results production, dissemination, and use processes. Therefore, a participatory research of case study type, anchored in the constructivist theory, was carried out. PHC health professionals, managers and technicians of the Health Secretariat of the State of Ceará, Brazil, and the Municipal Health Secretariat of Fortaleza participated in the study. The hermeneutic-dialectical circle technique was used to collect information, and the empirical material analysis was based on critical hermeneutics. In the results, aspects related to the choice of research topics, relevance of investigations, and the use of the results for well-informed decision-making are discussed. To overcome the obstacles found in the production, dissemination, and use of the research results, we suggest a research priority agenda be developed at the municipal level, from which the problems of PHC would be listed, prioritized, and investigated based on a participatory methodology, capable of engaging all those involved.


Assuntos
Humanos , Masculino , Feminino , Atenção Primária à Saúde , Política de Pesquisa em Saúde , Gestão do Conhecimento para a Pesquisa em Saúde , Agenda de Pesquisa em Saúde , Avaliação da Pesquisa em Saúde
10.
Interface (Botucatu, Online) ; 22(66): 757-767, jul.-set. 2018.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-954315

RESUMO

O estudo analisou o protagonismo do cuidado nas redes de saúde junto dos trabalhadores em uma capital do nordeste brasileiro, por meio dos entrelaces da Rede Cegonha, da Rede de Atenção Psicossocial e das Redes Vivas. Trata-se de uma pesquisa qualitativa e cartográfica sobre a experiência de uma gestante que utilizava drogas, abrangendo a participação de trabalhadores de saúde do território estudado, envolvidos no processo de cuidado. Os instrumentos e as técnicas de análises utilizados neste trabalho foram: oficinas, entrevista em profundidade, diário de campo, observação e fluxograma analisador. Dos resultados alcançados emergiram a fragilidade das redes formais para o cuidado integral dos seus usuários e a potência das redes vivas como espaços eficientes de cuidado. O estudo apresenta uma nova perspectiva de pensar as redes, os seus acessos e os seus fluxos.(AU)


El estudio analizó el protagonismo del cuidado en las redes de salud con los trabajadores en una capital del nordeste brasileño, por medio de dos entrelazamientos de la Red Cigüeña, de la Red de Atención Psicosocial y de las Redes Vivas. Se trata de una encuesta cualitativa y cartográfica sobre la experiencia de una embarazada que utilizaba drogas, incluyendo la participación de trabajadores de salud del territorio estudiado, envueltos en el proceso de cuidado. Los instrumentos y técnicas de análisis utilizados en este trabajo fueron: talleres, entrevista en profundidad, diario de campo, observación y diagrama de flujo analizados. Entre los resultados alcanzados, surgieron la fragilidad de las redes formales para el cuidado integral de sus usuarios y la potencia de las redes vivas como espacios eficientes de cuidado. El estudio presenta una nueva perspectiva para pensar las redes, sus accesos y sus flujos.(AU)


The present study analyzed the protagonist role of health workers in healthcare systems in a capital city of Northeastern Brazil, through the coordinated work of the Rede Cegonha ("Stork Network"), Psychosocial Care Networks, and Redes Vivas ("Living Networks"). This was a qualitative and cartographic study about the experience of a pregnant woman who used drugs, and the participation of health workers in the studied territory, who were involved in her care process. Data collection and analysis was carried out using workshops, in-depth interviews, field diary, observation, and flow charts. The results showed the frailty of formal networks in providing comprehensive care to its users and the power of living networks as efficient spaces of care. The study presents a new perspective for thinking networks, and their access points and work flow.(AU)


Assuntos
Humanos , Feminino , Gravidez , Adulto , Cocaína Crack , Assistência à Saúde , Serviços de Saúde Materno-Infantil , Usuários de Drogas
11.
Interface (Botucatu, Online) ; 22(64): 29-41, jan.-mar. 2018. ilus
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-893451

RESUMO

A garantia da atenção integral ao usuário masculino tem se mostrado um grande desafio no contexto da Saúde Coletiva. Pretendeu-se cartografar o macho a fim de trazer aportes sobre a produção do cuidado ao usuário masculino e, com isso, pôr em análise o serviço formal de saúde. Fundamentou-se em Deleuze, Guattari, Foucault e Rolnik para se pensar cartografia, discursividade e subjetivação. Utiliza-se o dispositivo do usuário-guia para cartografar as redes percorridas formais e informais e se desvelar os processos relacionados a modos de subjetivação masculina. A partir disso, afirma-se a importância da potência do corpo na produção do cuidado nas redes vivas, a compreensão da multiplicidade (n-1) materializada na individualidade do cuidado na potência do afeto e a necessidade de reinvenção da clínica, bem como a urgência do aprofundamento das discussões sobre gênero e sexualidade em Saúde Coletiva.(AU)


La garantía de la atención integral para el usuario masculino ha demostrado ser un gran desafío en el contexto de la Salud Colectiva. Se pretendió hacer la cartografía del macho para proporcionar contribuciones sobre la producción del cuidado al usuario masculino y, de esa forma, analizar el servicio formal de salud. Se utilizaron como fundamento Deleuze, Guattari, Foucault y Rolnik para pensar la cartografía, la discursividad y la subjetivación. Se utiliza el dispositivo del usuario-guía para cartografiar las redes recorridas formales e informales y para revelar los procesos relacionados a modos de subjetivación masculina. A partir de eso, se afirma la importancia de la potencia del cuerpo en la producción del cuidado en las redes vivas, la comprensión de la multiplicidad (n-1) materializada en la individualidad del cuidado de la potencia del afecto y la necesidad de reinvención de la clínica, así como la urgencia de la profundización de las discusiones sobre género y sexualidad en Salud Colectiva.(AU)


Assuntos
Humanos , Masculino , Gênero e Saúde , Saúde do Homem , Saúde Pública
12.
Rev. bras. enferm ; 71(supl.5): 2101-2108, 2018.
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-977630

RESUMO

ABSTRACT Objective: To analyze the technologies of mental health care used in the practices and processes that constitute Primary Health Care from the discourses of nurses of the Family Health Strategy. Method: Qualitative approach based on the dialectical hermeneutic composition which aims to perform a comprehensive and critical analysis of semi-structured interviews, and free field observation. Results: From the empirical material analyzed, two essential analytical categories emerged: "Health technologies used in PHC for the care of users with psychological distress" and "To stop medicating suffering and to Train professionals". Final considerations: The study pointed the reception and matrixing as the main technologies of care exercised in the interface of Primary Health Care with Mental Health. However, there was a need for reinforcing actions for matrixing, for training in order to improve the professionals' autonomy in face of this demand, as well as the importance of stop medicating individuals with psychological distress.


RESUMEN Objetivo: Análisis de las tecnologías del cuidado en salud mental utilizadas en las prácticas y procesos constituyentes de la Atención Primaria a la Salud a partir de los discursos de enfermeros de la Estrategia Salud de la Familia. Método: Enfoque cualitativo fundamentado en la composición hermenéutica dialéctica la cual busca realizar un análisis comprensivo y crítico de entrevistas semiestructuradas, y observación libre del campo. Resultados: En el material empírico analizado, surgieron dos categorías analíticas esenciales: "Tecnologías en salud utilizadas en la APS para la atención a los usuarios en sufrimiento psíquico" y "Desmedicamentalizar el sufrimiento y Capacitar a los profesionales". Consideraciones finales: El estudio apuntó la acogida y el matriciamiento como las principales tecnologías de cuidado ejercidas en la interfaz de la Atención Primaria a la Salud con la Salud Mental. Sin embargo, se evidenció la necesidad de acciones fortalecedoras para el matriciamiento, para la capacitación en el sentido de mejorar la autonomía de los profesionales frente a esa demanda, además de la importancia de la desmedicamentalización de los sujetos en sufrimiento psíquico.


RESUMO Objetivo: Analisar as tecnologias do cuidado em saúde mental utilizadas nas práticas e processos constituintes da Atenção Primária à Saúde a partir dos discursos de enfermeiros da Estratégia Saúde da Família. Método: Abordagem qualitativa fundamentada na composição hermenêutica dialética a qual visa realizar uma análise compreensiva e crítica de entrevistas semiestruturadas, e observação livre do campo. Resultados: Do material empírico analisado, emergiram duas categorias analíticas essenciais: "Tecnologias em saúde utilizadas na APS para o atendimento aos usuários em sofrimento psíquico" e "Desmedicamentalizar o sofrimento e Capacitar os profissionais". Considerações finais: O estudo apontou o acolhimento e o matriciamento como as principais tecnologias de cuidado exercidas na interface da Atenção Primária à Saúde com a Saúde Mental. Entretanto, evidenciou-se a necessidade de ações fortalecedoras para o matriciamento, para a capacitação no sentido de melhorar a autonomia dos profissionais diante dessa demanda, além da importância da desmedicamentalização dos sujeitos em sofrimento psíquico.

13.
Rev. enferm. UERJ ; 25: [e7101], jan.-dez. 2017.
Artigo em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-915732

RESUMO

Objetivo: analisar o cuidado em saúde mental promovido pela equipe de saúde da família na atenção básica e a prática do apoio matricial. Método: pesquisa de natureza crítico analítica com abordagem qualitativa. Na coleta de dados foi utilizada entrevista semiestruturada. Participaram 14 profissionais e sete familiares de usuários de unidades de saúde da família, no período de junho a agosto de 2011. A análise de conteúdo foi a técnica empregada na análise e interpretação dos dados. Resultados: o acesso ao cuidado em saúde mental na Estratégia Saúde da Família (ESF) foi um aspecto observado nesta discussão, com destaque para o diálogo entre a ESF e o Centro de Atenção Psicossocial. Enfatizou-se ainda a potência do apoio matricial na produção do cuidado em saúde mental. Conclusão: conclui-se que o apoio matricial é uma importante estratégia de capacitação das equipes, fortalecendo os pressupostos da reforma psiquiátrica e proporcionando aos usuários maior acessibilidade aos serviços de saúde.


Objective: to examine the mental health care provided by family health teams in primary health care and the practice of matrix support. Method: in this qualitative, critical analytical study, data were collected from June to August 2011 by semi-structured interviews of 14 health personnel and seven relatives of family health clinic users. The data were analyzed and interpreted using the content analysis technique. Results: access to mental health care in the Family Health Strategy was one aspect observed in this discussion, particularly the dialogue between the strategy and the psychosocial care center. Also stressed was the power of matrix support in producing mental health care. Conclusion: it was concluded that matrix support is an important team capacity building strategy, which reinforces the premises of the psychiatric reform and provides users with more accessible health services.


Objetivo: analizar el cuidado en salud mental promovido por el equipo de salud de la familia en la atención básica y la práctica del apoyo matricial. Método: investigación de naturaleza crítico-analítica con enfoque cualitativo. En la recolección de datos se utilizó una entrevista semiestructurada. Participaron 14 profesionales y siete familiares de usuarios de unidades de salud de la familia, en el período de junio a agosto de 2011. El análisis de contenido fue la técnica utilizada para el análisis y la interpretación de los datos. Resultados: un aspecto observado en esta discusión fue el acceso al cuidado en salud mental en la Estrategia Salud de la Familia (ESF), poniendo en relieve el diálogo entre la ESF y el Centro de Atención Psicosocial. Se enfatizó también la potencia del apoyo matricial en la producción del cuidado en salud mental. Conclusión: se concluye que el apoyo matricial es una importante estrategia de capacitación de los equipos, fortaleciendo los supuestos de la reforma psiquiátrica y proporcionando a los usuarios mayor accesibilidad a los servicios de salud.


Assuntos
Humanos , Atenção Primária à Saúde , Enfermagem Psiquiátrica , Saúde Mental , Assistência Integral à Saúde , Estratégia Saúde da Família , Pesquisa Metodológica em Enfermagem
14.
Trab. educ. saúde ; 15(3): 789-802, set.-dez. 2017.
Artigo em Português | LILACS | ID: biblio-904466

RESUMO

Resumo Este estudo propõe apresentar as experiências no trabalho do agente comunitário de saúde integralizando as relações intersubjetivas no território. A vinculação com a comunidade advém da sua implicação com as mesmas dificuldades da população que acompanha. Objetiva-se analisar as práticas cotidianas vivenciadas pelo agente comunitário de saúde no território da Estratégia Saúde da Família com ênfase nas relações comunitárias e os vínculos mantidos. Pesquisa com abordagem qualitativa em uma perspectiva crítico-reflexiva realizada no município de Fortaleza, estado do Ceará, de 2011 a 2013. Os participantes foram 11 agentes comunitários de saúde e 22 usuários de duas equipes da Estratégia Saúde da Família. Foram utilizadas como técnicas de coleta de dados a entrevista semiestruturada, a observação sistemática e o grupo focal. Os dados foram analisados sob os pressupostos da hermenêutica crítica. Os resultados evidenciam que, no cotidiano de trabalho do agente comunitário de saúde, as relações para o cuidado e promoção da saúde mantêm vínculos e afetos nos enfrentamentos comunitários, demandas e necessidades comunitárias. A informação e comunicação pelo diálogo dão sentido e significado às práticas de saúde e melhoria da qualidade de vida. Considera-se que os vínculos entre os usuários e agentes comunitários de saúde são potentes e resolutivos.


Abstract This study proposes to present the experiences in the work of the community health agent that integrate the intersubjective relations in the territory. Their bonds with the community come from their involvement with the same difficulties the population they attend faces. The goal was to analyze the daily practices the community health agent experiences in the Family Health Strategy territory, with emphasis on community relations and on the bonds that are maintained. This study's approach involved a qualitative critical-reflective perspective carried out in the city of Fortaleza, state of Ceará, Brazil, from 2011 to 2013. Eleven community health agents and 22 users of two Family Health Strategy teams participated. Semi-structured interviews, systematic observation, and focus groups were used as data collection techniques. The data were analyzed under the assumptions of critical hermeneutics. The results show that, in the community health agent's daily work, the relationships for health care and promotion have ties and affection in community struggles, demands, and in community needs. Information and communication through dialogue give sense and meaning to health practices and improve quality of life. The bonds between users and community health agents are considered powerful and resolutive.


Resumen Este estudio propone presentar las experiencias en el trabajo del agente comunitario de salud integrando las relaciones intersubjetivas en el territorio. La vinculación con la comunidad surge de su implicación con las mismas dificultades de la población que acompaña. El objetivo es estudiar las prácticas cotidianas vivenciadas por el agente comunitario de salud en el territorio de la Estrategia Salud de la Familia, haciendo énfasis en las relaciones comunitarias y los vínculos mantenidos. Investigación realizada con un enfoque cualitativo y desde una perspectiva crítica y reflexiva, en el municipio de Fortaleza, estado de Ceará, Brasil, durante el período de 2011 a 2013. Los participantes fueron 11 agentes comunitarios de salud y 22 usuarios de dos equipos de la Estrategia Salud de la Familia. Se utilizaron como técnicas de recolección de datos la entrevista semiestructurada, la observación sistemática y el grupo focal. Los datos se analizaron con las premisas de la hermenéutica crítica. Los resultados ponen de manifiesto que, en el trabajo cotidiano del agente comunitario de salud, las relaciones para el cuidado y promoción de la salud mantienen vínculos y afectos en los enfrentamientos comunitarios, demandas y necesidades comunitarias. La información y comunicación por medio del diálogo dan sentido y significado a las prácticas de salud y mejora de la calidad de vida. Se considera que los vínculos entre los usuarios y agentes comunitarios de salud son potentes y resolutivos.


Assuntos
Humanos , Atenção Primária à Saúde , Relações Profissional-Paciente , Saúde da Família , Agentes Comunitários de Saúde
15.
Rev Bras Enferm ; 70(5): 920-927, 2017.
Artigo em Inglês, Português | MEDLINE | ID: mdl-28977216

RESUMO

Objective:: To understand the daily demands of Family Health Strategy in clinical practice of the team and social vulnerabilities of community territory. Method:: Research with qualitative approach, in a critical-reflexive perspective, held with two teams of the Family Health Strategy, in the city of Fortaleza, State of Ceará, Brazil. The participants were 22 users and 19 health professionals from the basic health network. Data from the interviews and observation were analyzed under the assumptions of critical hermeneutics. Results:: We highlight the unveiling of sufferings and daily clashes, the influence of social determinants on health and psychosocial demands, limits and possibilities of everyday clinical practice. Conclusion:: The clinic attention must recognize the perceptions and living conditions by listening and promoting health in the community. Objetivo:: Compreender as demandas cotidianas da Estratégia Saúde da Família na prática clínica da equipe e as vulnerabilidades sociais do território comunitário. Método:: Pesquisa com abordagem qualitativa, numa perspectiva crítico-reflexiva, realizada com duas equipes da Estratégia Saúde da Família, no município de Fortaleza, Estado do Ceará, Brasil. Os participantes foram 22 usuários e 19 profissionais de saúde da rede básica de saúde. Os dados das entrevistas e observação foram analisados sob os pressupostos da hermenêutica crítica. Resultados:: Evidenciam-se o desvelamento de sofrimentos e enfrentamentos cotidianos, a influência dos determinantes sociais na saúde e as demandas psicossociais, limites e possibilidades da prática clínica cotidiana. Conclusão:: Considera-se que a atenção clínica deve reconhecer as percepções e condições de vida pela escuta e ações de promoção de saúde na comunidade.


Assuntos
Programas Governamentais , Acesso aos Serviços de Saúde/normas , Programas Nacionais de Saúde/tendências , Atenção Primária à Saúde/normas , Brasil , Pessoal de Saúde/psicologia , Acesso aos Serviços de Saúde/tendências , Humanos , Programas Nacionais de Saúde/normas , Pacientes/psicologia , Pesquisa Qualitativa , Populações Vulneráveis/classificação , Populações Vulneráveis/estatística & dados numéricos
16.
Rev. bras. enferm ; 70(5): 920-927, Sep.-Oct. 2017.
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-898226

RESUMO

ABSTRACT Objective: To understand the daily demands of Family Health Strategy in clinical practice of the team and social vulnerabilities of community territory. Method: Research with qualitative approach, in a critical-reflexive perspective, held with two teams of the Family Health Strategy, in the city of Fortaleza, State of Ceará, Brazil. The participants were 22 users and 19 health professionals from the basic health network. Data from the interviews and observation were analyzed under the assumptions of critical hermeneutics. Results: We highlight the unveiling of sufferings and daily clashes, the influence of social determinants on health and psychosocial demands, limits and possibilities of everyday clinical practice. Conclusion: The clinic attention must recognize the perceptions and living conditions by listening and promoting health in the community.


RESUMEN Objetivo: Conocer las demandas diarias de la Estrategia de Salud Familiar en la práctica clínica del personal y las vulnerabilidades sociales en la comunidad. Método: Estudio cualitativo, bajo la perspectiva crítica y reflexiva, realizado con dos personales de la Estrategia de Salud Familiar en la municipalidad de Fortaleza, Brasil. Los participantes fueron 22 usuarios y 19 profesionales de salud en la red básica de salud. Tanto los datos de las entrevistas como los de la observación se los evaluaron bajo la hermenéutica crítica. Resultados: Fueron manifestados sufrimientos y enfrentamientos diarios, así como la influencia de los determinantes sociales en la salud y las demandas psicosociales, los límites y las posibilidades en la práctica clínica diaria. Conclusión: El cuidado clínico debe reconocer las percepciones y las condiciones de vida a través de la escucha y de acciones que promocionen la salud en la comunidad.


RESUMO Objetivo: Compreender as demandas cotidianas da Estratégia Saúde da Família na prática clínica da equipe e as vulnerabilidades sociais do território comunitário. Método: Pesquisa com abordagem qualitativa, numa perspectiva crítico-reflexiva, realizada com duas equipes da Estratégia Saúde da Família, no município de Fortaleza, Estado do Ceará, Brasil. Os participantes foram 22 usuários e 19 profissionais de saúde da rede básica de saúde. Os dados das entrevistas e observação foram analisados sob os pressupostos da hermenêutica crítica. Resultados: Evidenciam-se o desvelamento de sofrimentos e enfrentamentos cotidianos, a influência dos determinantes sociais na saúde e as demandas psicossociais, limites e possibilidades da prática clínica cotidiana. Conclusão: Considera-se que a atenção clínica deve reconhecer as percepções e condições de vida pela escuta e ações de promoção de saúde na comunidade.

17.
Rev. bras. enferm ; 70(5): 920-927, Sep.-Oct. 2017.
Artigo em Inglês | LILACS-Express | ID: biblio-898257

RESUMO

ABSTRACT Objective: To understand the daily demands of Family Health Strategy in clinical practice of the team and social vulnerabilities of community territory. Method: Research with qualitative approach, in a critical-reflexive perspective, held with two teams of the Family Health Strategy, in the city of Fortaleza, State of Ceará, Brazil. The participants were 22 users and 19 health professionals from the basic health network. Data from the interviews and observation were analyzed under the assumptions of critical hermeneutics. Results: We highlight the unveiling of sufferings and daily clashes, the influence of social determinants on health and psychosocial demands, limits and possibilities of everyday clinical practice. Conclusion: The clinic attention must recognize the perceptions and living conditions by listening and promoting health in the community.


RESUMEN Objetivo: Conocer las demandas diarias de la Estrategia de Salud Familiar en la práctica clínica del personal y las vulnerabilidades sociales en la comunidad. Método: Estudio cualitativo, bajo la perspectiva crítica y reflexiva, realizado con dos personales de la Estrategia de Salud Familiar en la municipalidad de Fortaleza, Brasil. Los participantes fueron 22 usuarios y 19 profesionales de salud en la red básica de salud. Tanto los datos de las entrevistas como los de la observación se los evaluaron bajo la hermenéutica crítica. Resultados: Fueron manifestados sufrimientos y enfrentamientos diarios, así como la influencia de los determinantes sociales en la salud y las demandas psicosociales, los límites y las posibilidades en la práctica clínica diaria. Conclusión: El cuidado clínico debe reconocer las percepciones y las condiciones de vida a través de la escucha y de acciones que promocionen la salud en la comunidad.


RESUMO Objetivo: Compreender as demandas cotidianas da Estratégia Saúde da Família na prática clínica da equipe e as vulnerabilidades sociais do território comunitário. Método: Pesquisa com abordagem qualitativa, numa perspectiva crítico-reflexiva, realizada com duas equipes da Estratégia Saúde da Família, no município de Fortaleza, Estado do Ceará, Brasil. Os participantes foram 22 usuários e 19 profissionais de saúde da rede básica de saúde. Os dados das entrevistas e observação foram analisados sob os pressupostos da hermenêutica crítica. Resultados: Evidenciam-se o desvelamento de sofrimentos e enfrentamentos cotidianos, a influência dos determinantes sociais na saúde e as demandas psicossociais, limites e possibilidades da prática clínica cotidiana. Conclusão: Considera-se que a atenção clínica deve reconhecer as percepções e condições de vida pela escuta e ações de promoção de saúde na comunidade.

18.
Cien Saude Colet ; 22(8): 2735-2744, 2017 Aug.
Artigo em Português, Inglês | MEDLINE | ID: mdl-28793087

RESUMO

The Drug User Comprehensive Care Policy establishes that care practices should cover biopsychosocial realms. However, evidence reveals an institutionalized practice, in which families prioritize the subject's seclusion from its context of use. This study aimed to understand the implications of psychosocial care and institutionalization in meeting the needs of adolescent crack users and their families. Eleven teenagers and six relatives narrated their experiences through in-depth interviews, which were analyzed in the light of Paul Ricoeur's Phenomenological Hermeneutics. A flow was observed in which teenagers seeking care are initially institutionalized and then referred to replacement services. Thus, there is an urgent need to strengthen the psychosocial care network so that adolescent crack users' care is offered comprehensively, ensuring respect for their fundamental rights, such as the right to freedom and to experience family or community life.


Assuntos
Transtornos Relacionados ao Uso de Cocaína/reabilitação , Cocaína Crack , Usuários de Drogas/psicologia , Adolescente , Criança , Transtornos Relacionados ao Uso de Cocaína/psicologia , Humanos , Institucionalização , Entrevistas como Assunto , Masculino , Serviços de Saúde Mental/organização & administração , Aceitação pelo Paciente de Cuidados de Saúde , Direitos do Paciente , Adulto Jovem
19.
Ciênc. Saúde Colet ; 22(8): 2735-2744, Ago. 2017.
Artigo em Português | LILACS-Express | ID: biblio-890426

RESUMO

Resumo A Política de Atenção Integral ao Usuário de Drogas determina que as práticas de cuidado abranjam as dimensões biopsicossociais. Evidências, entretanto, revelam uma prática institucionalizante, na qual as famílias priorizam o afastamento do sujeito de seu contexto de uso. Este estudo objetivou compreender as implicações da atenção psicossocial e da institucionalização no atendimento às necessidades de adolescentes em situação de uso de crack e de seus familiares. Onze adolescentes e seis familiares narraram suas experiências, por meio de entrevistas em profundidade, as quais foram analisadas à luz da Hermenêutica Fenomenológica, de Paul Ricoeur. Observou-se um fluxo, no qual os adolescentes, na busca pelo cuidado, inicialmente, são institucionalizados para, em seguida, serem encaminhados aos serviços substitutivos. Urge, portanto, a necessidade do fortalecimento da rede de atenção psicossocial para que o cuidado ao adolescente usuário de crack seja ofertado de forma integral, garantindo o respeito aos direitos fundamentais dos adolescentes, como o direito à liberdade e à convivência familiar e comunitária.


Abstract The Drug User Comprehensive Care Policy establishes that care practices should cover biopsychosocial realms. However, evidence reveals an institutionalized practice, in which families prioritize the subject's seclusion from its context of use. This study aimed to understand the implications of psychosocial care and institutionalization in meeting the needs of adolescent crack users and their families. Eleven teenagers and six relatives narrated their experiences through in-depth interviews, which were analyzed in the light of Paul Ricoeur's Phenomenological Hermeneutics. A flow was observed in which teenagers seeking care are initially institutionalized and then referred to replacement services. Thus, there is an urgent need to strengthen the psychosocial care network so that adolescent crack users' care is offered comprehensively, ensuring respect for their fundamental rights, such as the right to freedom and to experience family or community life.

20.
J. nurs. health ; 6(3): 366-378, Dez.2016.
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: bde-31740

RESUMO

Objetivo: analisar a operacionalização da Atenção Primária à Saúde pelas equipes da Estratégia Saúde da Família, com foco nos grupos prioritários. Métodos: pesquisa qualitativa realizada em Fortaleza-CE de 2011 a 2012. Os participantes foram 31 trabalhadores de saúde da Estratégia Saúde da Família e 42 usuários. Utilizou-se entrevista semiestruturada, grupo focal e observação sistemática com análise temática dos discursos. Aprovado em comitê de ética em pesquisa com nº 10724452-7. Resultados: a realização de ações estratégicas focadas em grupos prioritários visa organizar a demanda e solucionar os principais problemas de saúde da comunidade, porém, implica generalização do padrão de vida/saúde. Observou-se que as atividades assistenciais/curativas são mais valorizadas pelos usuários do que aquelas preventivas/educativas. Considerações Finais: os profissionais de saúde e usuários devem conscientizar-se da importância da promoção da saúde; a gestão deve promover a desburocratização do serviço, proporcionando um acompanhamento efetivo das famílias.(AU)


Objective: to analyze the operationalization of the Primary Health Care by Family Health Strategy teams, focusing on priority groups. Methods: qualitative research held in Fortaleza-CE 2011-2012. It has involved the participation of 31 health workers of the Family Health Strategy and 42 users. Semi-structured interviews, focus groups and systematic observation themed discourse analysis were used. The ethics committee in research under the number 10724452-7 approved the study. Results: the prioritization of strategic actions taken in priority groups organizes the demand and solves the major health problems of the community, yet there is a generalization of the living standards and health. It was observed that the care/healing activities tend to be more valued than those preventive/educational are by users. Final Considerations: health professionals and users should be aware of the importance of health promotion; health managements should reduce the service bureaucracy, providing an effective support for families.(AU)


Objetivo: analizar el funcionamiento de Atención Primaria de Salud de equipos de la Estrategia de Salud de la Familia, centrándose en los grupos prioritarios. Métodos: investigación cualitativa en Fortaleza 2011-2012. Participaron 31 trabajadores de salud de la Estrategia de Salud de la Familia y 42 usuarios. Se utilizó entrevistas semiestructuradas, grupos focales y observación sistemática, y hecho análisis temático. Aprobado por el comité de ética en investigación baja número 10724452-7. Resultados: la priorización de acciones estratégicas adoptadas en grupos de prioridad es organizar la demanda y resolver los principales problemas de salud de la comunidad, pero se produce una generalización de los niveles de vida y la salud. Consideraciones Finales: los profesionales de la salud y los usuarios deben ser conscientes de la importancia de la promoción de la salud; la gestión de la salud debe reducir la burocracia del servicio, proporcionando un apoyo efectivo para las familias.(AU)


Assuntos
Humanos , Estratégia Saúde da Família , Atenção Primária à Saúde , Promoção da Saúde , Prioridades em Saúde
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA