Your browser doesn't support javascript.
loading
Mostrar: 20 | 50 | 100
Resultados 1 - 5 de 5
Filtrar
Mais filtros










Intervalo de ano de publicação
1.
Rev. eletrônica enferm ; 22: 1-8, 2020.
Artigo em Inglês, Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1119159

RESUMO

Analisar a utilização dos cateteres centrais de inserção periférica em recém-nascidos internados na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal. Pesquisa retrospectiva, descritiva e quantitativa, realizada em 80 prontuários de uma maternidade escola federal do Rio de Janeiro, no período de abril a julho de 2018. A utilização do dispositivo foi maior em recém-nascidos pré-termo (83%), o peso predominante foi abaixo de 1.500 gramas (60,9%), a indicação mais frequente para a inserção do cateter foi o baixo peso, associado ou não a terapia intravenosa prolongada (35,2%) e o tempo de permanência foi superior a cinco dias (81,8%). A ocorrência de eventos adversos estava presente em 31,8% dos casos. Ressalta-se a importância da correta indicação, manuseio, cuidado no uso do dispositivo, além de identificação dos eventos adversos, para que se estabeleçam medidas de prevenção e treinamento da equipe, a fim de diminuir os riscos e promover a segurança dos recém-nascidos.


To analyze the use of peripherally inserted central venous catheter in newborns hospitalized in the Neonatal Intensive Care Unit. Retrospective, descriptive and quantitative research, carried out in 80 medical records of a federal maternity school in Rio de Janeiro, in the period April to July 2018. The use of the device was higher in preterm newborns (83%), the predominant weight was below 1,500 grams (60.9%), the most frequent indication for catheter insertion was low weight, associated or not with prolonged intravenous therapy (35.2%) and the length of stay was over five days (81.8%). The occurrence of adverse events was present in 31.8% of cases. It should be emphasized the importance of correct indication, handling, care in the use of the device, beyond identification of adverse events to establish prevention measures and training of the team in order to reduce risks and promote the safety of newborns.


Assuntos
Humanos , Recém-Nascido , Infusões Intravenosas , Unidades de Terapia Intensiva Neonatal , Terapia Intensiva Neonatal , Cateteres Venosos Centrais , Enfermagem Neonatal , Segurança do Paciente
2.
Rev. enferm. UFPE on line ; 12(11): 2944-2951, nov. 2018. ilus, tab
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-997523

RESUMO

Objetivo: averiguar a percepção das mães usuárias do Método Canguru sobre a sua aplicabilidade em uma Unidade Neonatal. Método: trata-se de um estudo qualitativo, descritivo. Realizou-se a coleta de dados por meio de entrevista semiestruturada com 11 mães, realizada 24 horas antes da alta hospitalar. Optou-se na análise e no tratamento das informações, pela técnica da Análise de Conteúdo na modalidade Análise Temática. Resultados: mostrou-se que as mães compreendem o valor do método para a recuperação de seus filhos e que os dilemas e as dificuldades particulares podem comprometer e até impedir a sua participação no programa. Considera-se assim, o apoio da equipe de saúde é fundamental para que a mãe consiga atuar no Método Canguru. Conclusão: concluiu-se que, para a compreensão das mães acerca do seu papel no cuidado e na recuperação do seu filho, são imprescindíveis mudanças no olhar e na postura da equipe multiprofissional de saúde, pois essas mães devem ser orientadas com vistas a atuar como coparticipantes no cuidado ao recém-nascido.(AU)


Assuntos
Humanos , Feminino , Gravidez , Recém-Nascido , Adolescente , Percepção , Recém-Nascido Prematuro , Unidades de Terapia Intensiva Neonatal , Saúde Materno-Infantil , Enfermagem Neonatal , Humanização da Assistência , Método Canguru , Mães , Epidemiologia Descritiva , Pesquisa Qualitativa
3.
Rev. enferm. UFPE on line ; 10(12): 4547-4553, dez. 2016. ilus
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1031495

RESUMO

Objetivos: capacitar enfermeiros para a coleta de sangue de cordão umbilical e placentário (SCUP); avaliar oconhecimento dos enfermeiros sobre o processo de coleta antes e após a capacitação e o desempenho durantea capacitação; e avaliar a capacitação segundo os enfermeiros. Método: estudo descritivo-exploratório, tipopesquisa-ação, desenvolvido numa maternidade pública do Rio de Janeiro (RJ), Brasil com 23 enfermeiros. Aprodução de dados foi realizada por entrevistas e observação participante das oficinas de capacitação.Resultados: após a capacitação, o grau de conhecimento dos enfermeiros sobre o processo de coleta SCUP semostrou superior. A avaliação das oficinas de capacitação mostrou a satisfação dos enfermeiros com relaçãoao conteúdo, instrutores e recursos auxiliares. Conclusão: a capacitação propiciou o confronto da teoria e daprática de forma a expor os acertos e dificuldades encontradas pelos enfermeiros durante o processo.


Assuntos
Masculino , Feminino , Humanos , Adulto , Avaliação em Enfermagem , Capacitação de Recursos Humanos em Saúde , Coleta de Amostras Sanguíneas , Células-Tronco , Enfermeiras e Enfermeiros , Sangue Fetal , Epidemiologia Descritiva , Maternidades
4.
Rev. enferm. UFPE on line ; 10(10): 3883-3889, Out. 2016. ilus
Artigo em Português | BDENF - Enfermagem | ID: biblio-1031430

RESUMO

Objetivo: identificar aptidão de parturientes para doar sangue de cordão umbilical e placentário para aobtenção de células-tronco. Método: estudo transversal, com análise de 550 prontuários de mulheres quepariram em uma maternidade pública em 2014. Os dados obstétricos e neonatais foram coletados em janeiroe março de 2015, a partir de um formulário e analisados pela estatística descritiva. Resultados: a idadematerna superior aos 18 anos foi o critério de qualificação mais recorrente, seguido da idade gestacionalmaior que 35 semanas. A presença de processo infeccioso ou doença durante o trabalho de parto que possaminterferir na vitalidade placentária foi o critério que mais determinou a desqualificação de mulheres paradoação. Conclusão: de acordo com o estabelecido na Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) nº 56, de 16 dedezembro de 2010, da ANVISA, parte das pacientes da maternidade escola estaria apta para a doação dosangue do cordão umbilical e placentário.


Assuntos
Feminino , Humanos , Gravidez , Adolescente , Adulto , Pessoa de Meia-Idade , Células-Tronco , Doadores de Sangue , Gestantes , Sangue Fetal , Transplante de Células-Tronco de Sangue do Cordão Umbilical , Estudos Transversais , Maternidades
5.
Niterói; s.n; 2015. 144 p.
Tese em Português | LILACS, BDENF - Enfermagem | ID: biblio-859928

RESUMO

Introdução: O sangue de cordão umbilical age como ligação entre a placenta e o feto durante a gestação e contém células-tronco que podem ser utilizadas como fonte de células-tronco hematopoéticas em transplantes. Objetivo geral: Analisar a capacitação dos enfermeiros para o processo da coleta SCUP, considerando os aspectos relevantes para a caracterização da Maternidade Escola/UFRJ como posto de coleta. Objetivos específicos: 1- Traçar a caracterização das potenciais doadoras de sangue de cordão e placentário na Maternidade Escola da UFRJ. 2- Descrever a capacitação dos enfermeiros no processo da coleta do sangue de cordão umbilical e placentário na Maternidade Escola da UFRJ. 3 - Avaliar a capacitação dos enfermeiros para o processo da coleta do sangue do cordão umbilical e placentário. 4 Elaborar um programa de educação e capacitação dos enfermeiros para o processo da coleta do sangue do cordão umbilical e placentário para a Maternidade Escola da UFRJ. Método: A primeira fase da pesquisa para atender o objetivo de traçar a caracterização das potenciais doadoras de sangue de cordão e placentário na Maternidade Escola da UFRJ utilizou a metodologia do estudo de caso, as fases seguintes se caracterizaram pela abordagem da pesquisa-ação, com dados descritivos realizada com 20 enfermeiros em uma Maternidade Escola pública do Rio de Janeiro. Para a coleta de dados utilizamos várias fontes de informações (pesquisa documental, entrevistas, observação participativa) para assegurar as diferentes perspectivas dos participantes e por outro, obter várias medidas do mesmo fenômeno. Os dados foram coletadas no período de janeiro de 2014 a novembro de 2015. Para atender a análise e tratamento quantitativos os dados foram tabulados em uma planilha do programa MS Excel® e analisados por meio de estatística descritiva. Para os objetivos qualitativos foram realizados uma análise descritiva de frequência e porcentagem para cada um dos itens dos instrumentos de coleta de dados aplicados, como também através da descrição da percepção subjetiva contidas nos questionários. A pesquisa observou os preceitos éticos contidos na resolução na resolução 466/2012. Aprovado com o número do parecer: 722.172 em 18/07/2014. Resultados: Considerando os critérios de qualificação 73,8% (n=404) aptas para a doação do SCUP, enquanto que nos critérios de desqualificação 89% (n=490) aptas. Apontaram que 62,5% (n=345) das pacientes da maternidade-escola estariam aptas para a doação do sangue do cordão umbilical e placentário, dependendo do seu consentimento. A oficina teórica teve um efeito positivo e significativo no aprendizado para os participantes da pesquisa. As oficinas práticas da CSCUP aconteceram no período de setembro a novembro de 2015, foram realizadas no centro obstétrico da ME/UFRJ, totalizando 18 oficinas e houve a participação de 20 enfermeiros participantes da pesquisa, nesse período foram coletadas 87 bolsas do SCUP. Após o término das oficinas práticas os enfermeiros participantes se sentiram aptos para realizarem a coleta SCUP. Conclusão: A Maternidade-Escola da UFRJ tem aptidão para ser posto de CSCUP com um grande diferencial: que os enfermeiros devidamente capacitados da instituição poderão realizar as coletas SCUP. Houve aprimoramento dos conhecimentos para enfermeiros em relação ao processo da coleta do sangue do cordão umbilical e placentário. A pesquisa possibilitou elaborar um programa de educação de capacitação para a coleta SCUP contribuindo para que as outras maternidades públicas com perfil de posto de coleta também possam usar este programa como modelo para capacitar os enfermeiros no processo de CSCUP. Assim as instituições poderão ser mais um posto de coleta SCUP


Introduction: The umbilical cord blood acts as a connection between the placenta and the fetus during pregnancy. It contains stem cells and can be used as a source for hematopoietic stem cell transplantation. General objective: To analyze the training of nurses for the process of UCB collection, considering specific aspects of the hospital Maternidade Escola/UFRJ as a collection station. Specific objectives: 1 - To outline the profile of potential placenta and cord blood donors at UFRJ´s Maternidade Escola hospital. 2 ­ To define nurses' training in the placental and umbilical cord blood collection process at UFRJ´s Maternidade Escola hospital. 3 ­ To assess nurses' training in the placental and umbilical cord blood collection process at UFRJ´s Maternidade Escola hospital. 4 ­ To elaborate a training program for nurses in the placental and umbilical cord blood collection process at UFRJ´s Maternidade Escola hospital. Method: The objective of the first phase of the research is to outline the profile of potential placenta and cord blood donors at UFRJ´s Maternidade Escola hospital using the case study methodology. The following stages resorted to the action research methodology, with descriptive data conducted with 20 nurses at the public Hospital Maternidade Escola in Rio de Janeiro. Several sources of information were used to collect data (documentary research, interviews, participant observation) in order to establish the participants' different perspectives, and also get multiple measures of the same phenomenon Data were collected in the period from January 2014 to November 2015. To present the quantitative analysis and treatment data were tabulated in a MS Excel® spreadsheet and analyzed using descriptive statistics. For qualitative objectives it was developed a descriptive analysis of frequency and percentage for each of the items of data collection instruments used. The description of the subjective perception in the questionnaires was also used. The research followed the ethical principles of the Resolution 466/2012. Accredited with the opinion number: 722.172 in 07/18/2014. Results: Considering the qualification criteria 73.8% (n = 404) were suitable for donation of UCB, while as per the disqualification criteria it was 89% (n = 490). It was indicated that 62.5% (n = 345) of the maternity hospital patients would be able to donate placenta and umbilical cord blood, depending on their consent. The theoretical workshop had a positive and significant effect on the survey participants' learning curve. UCB practical workshops took place from September to November 2015 at the ME/ UFRJ's obstetric center. 20 nurses participating in the research attended 18 workshops, collecting a total 87 UCB bags. Nurses that attended the practical workshops felt able to perform the UCB collection. Conclusion: UFRJ's Maternidade Escola hopsital is suited to be a UCB collection point with a significant advantage: the institution's properly trained nurses can conduct the UCB collections. Nurses' knowledge in the placenta and umbilical cord collection process improved. The research made it possible to draw up a training education program for UCB collection contributing to other public hospitals with a collection point profile, which can also use this program as a model to train nurses in UCB collection process. Thus these institutions may become another UCB collection point


Introducción: La sangre del cordón umbilical actúa como conexión entre la placenta y el feto durante el embarazo. Ésta contiene células madre y se puede utilizar como fuente de células madre en trasplantes hematopoyéticos. Objetivos generales: Analizar la capacitación de enfermeros en el proceso extracción de SCUP, teniendo en cuenta las características particulares del hospital Maternidade Escola/UFRJ como puesto de extracción. Objetivos específicos: 1. Determinar el perfil de los potenciales donantes de sangre de cordón umbilical y placenta en el hospital Maternidade Escola de la UFRJ.; 2 ­ describir el tipo de entrenamiento de enfermeros en el proceso de extracción de sangre de cordón umbilical y placenta; 3 ­ evaluar la formación de enfermeros en el proceso de extracción de sangre de cordón umbilical y placenta; 4 ­ elaborar un programa de entrenamiento de enfermeros en el proceso de extracción de sangre de cordón umbilical y placenta en el hospital Maternidade Escola de la UFRJ. Método: La primera fase de la investigación tiene el objetivo de determinar el perfil de los potenciales donantes de sangre de cordón umbilical y placenta en el hospital Maternidade Escola de la UFRJ mediante la metodología de estudio de caso. Las fases siguientes utilizan el proceso de investigación-acción, con datos descriptivos sobre 20 enfermeros en el Hospital Maternidade Escola de Río de Janeiro. Para recoger datos se utilizaron diversas fuentes de información (investigación documental, entrevistas, observación participante) para asegurar la representación de las diferentes perspectivas de los participantes y, asimismo, obtener múltiples medidas de un mismo fenómeno. Los datos fueron recolectados en el período comprendido entre enero de 2014 y noviembre de 2015. Los datos de análisis y tratamiento cuantitativos fueron tabulados una planilla de MS Excel® y analizados mediante estadística descriptiva. Para los objetivos cualitativos se llevo a cabo un análisis descriptivo de la frecuencia y porcentaje para cada uno de los instrumentos de recolección de datos usados, incluyendo también la descripción de percepción subjetiva en los cuestionarios. La investigación siguió los principios éticos de la Resolución 466/2012. Aprobado con el número de opinión: 722.172 del 18/07/2014. Resultados: Teniendo en cuenta los criterios de calificación un 73,8% (n = 404) son aptas para donación de SCUP, mientras que según los criterios de descalificación un 89% (n = 490) son aptas. Se indicó que el 62,5% (n = 345) de los pacientes del Maternidade Escola sería capaz de donar sangre de cordón umbilical y placenta, dando su consentimiento. El taller teórico tuvo un efecto positivo y significativo en el aprendizaje de los participantes en la investigación. Los talleres prácticos de colección SCUP se llevaron a cabo desde septiembre hasta noviembre de 2015 en el centro obstétrico del ME/UFRJ. Se realizaron un total de 18 talleres con la asistencia de 20 enfermeros que participaron en la investigación. Durante este período se recolectaron 87 bolsas de SCUP. Al finalizar los talleres prácticos los enfermeros que participaron se sentían capaces de realizar la extracción de SCUP. Conclusión: El hospital Maternidade Escola de la UFRJ tiene la capacidad de ser un puesto de extracción de SCUP con un gran diferencial: que los enfermeros de la institución debidamente capacitados podrán realizar las extracciones de SCUP. El conocimiento de los enfermeros sobre el proceso de extracción de sangre de cordón umbilical y placenta mejoró. La investigación ha permitido elaborar un programa de formación para la extracción de SCUP pudiendo contribuir con otros hospitales públicos que tengan el perfil de punto de extracción y que también puedan utilizar este programa como modelo para capacitar a sus enfermeros en el proceso de extracción de SCUP. De esta manera las instituciones pueden tornarse otro puesto de extracción de de SCUP


Assuntos
Células-Tronco , Capacitação de Recursos Humanos em Saúde , Sangue Fetal , Enfermeiros
SELEÇÃO DE REFERÊNCIAS
DETALHE DA PESQUISA
...